2º médio segundo reinado aulas 14 e 15

2.173 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.173
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2º médio segundo reinado aulas 14 e 15

  1. 1. Colégio PólisSistema Anglo Aula 14: O Segundo Reinado (1840 – 1889) política interna
  2. 2. Período Regencial (1831 – 1840)Brasil foi governado por regentesA política brasileira estava uma bagunça(choques entre moderados e extremados) Cada um queria uma coisa: desde a cabeça de D. Pedro (extremistas) à volta do Imperador (restauradores).
  3. 3. Durante a Regência, liberais econservadores revezaram-se no poder,gerando as bases sociais e políticas do 2ºReinado. 3 fatos importantes:1º - Avanço Liberal2º - Regresso conservador3º - Regência Una
  4. 4. Criação das Assembléias Legislativas dasProvíncias; que podem legislar sobre criaçãode impostos, despesas municipais eprovinciais, empregos, obras públicas DESCENTRALIZAÇÃO POLÍTICA E ADMINISTRATIVA
  5. 5. Conservadores voltam ao poder e começam aanular as medidas liberais.Nem a regência una do liberal moderadoPadre Feijó (1835 a 1837), nem a doconservador Araújo Lima (1837 a 1840)conseguiram apaziguar a crise...
  6. 6. Articulado pelos liberais
  7. 7. 2º Reinado (1840 – 1889)
  8. 8. Movimento de caráter liberal e separatista queeclodiu na província de Pernambuco, entre1848 e 1850.Influenciada pelas ideias liberais dos que se queixavamda falta de autonomia provincial, sendo marcada pelorepúdio à monarquia, com manifestações a favor daindependência política, da república e por umreformismo radical.
  9. 9. Teve forte apoio popular, de uma grandemassa de oprimidos pela concentração deterras nas mãos de uns poucos proprietários ."Quem viver em Pernambuconão há de estar enganado:Que, ou há de ser Cavalcanti,ou há de ser cavalgado."(Quadra popular)
  10. 10. Café ajuda a superar a crise econômica, que searrastava desde a Independência.
  11. 11. Dom Pedro II sufoca os últimos focos de revoltasprovinciais.Entre 1840 e 1855 – criação dos mecanismospolítico-administrativos da monarquia brasileira:
  12. 12. Num primeiro momento, D. Pedro cerca-se dosliberais (que apoiaram o golpe) , mas em 1841,demite o ministério liberal e monta outro comConservadores.Os liberais que haviam ganhado as “Eleições doCacete” foram acusados de fraude e a pedido dosconservadores, D. Pedro II dissolveu a Câmarados Deputados e convocou novas eleições.
  13. 13. Os liberais paulistas e mineirosprejudicados em seus interessesrevoltaram-se contra o governo...
  14. 14. Parlamentarismo no Brasil
  15. 15. é maior do que o Executivo mas e no Brasil??
  16. 16. * Poder moderador continuavavalendo... Dom Pedro era quemmandava!!* Evitava o desgaste da imagem deD. Pedro.
  17. 17. * Afastava totalmente o povo do jogopolítico... Tudo se resolve no gabinete, ondesó rico entra.* Assim o Imperador evitava revoltasarmadas.* Agradava a gregos e troianos, ou melhor, aluzias e saquaremas e dava uma falsaimpressão de democracia.
  18. 18. A comédia eleitoral p.88
  19. 19. Colégio PólisSistema Anglo Aula 15: O Segundo Reinado (1840 – 1889) política externa
  20. 20. * Alinhamento com a Inglaterra
  21. 21. • abalou asrelações entreBrasil eInglaterra até1865.
  22. 22. * Outras fronteiras eram desabitadas,separadas por florestas.* Disputa territorial entre Espanha ePortugal (rusgas das independências)* Brasil (herdou interesses de Portugal) XArgentina (interesses da Espanha)
  23. 23. * Bacia Platina escoava quase toda aprodução da Argentina, Paraguai, Uruguai,Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Sul eSanta Catarina.
  24. 24. *Também cobiçavam a região: Total liberdade comercial de navegação na Bacia do Prata Impedir que Brasil ou Argentina controlassem a região
  25. 25. Independência recém-conquistada deviaser fortalecida destruindo os vizinhos!! Qualquer um que esteja sefortalecendo no momento!!
  26. 26. Qualquer um que esteja sefortalecendo no momento!!Então vale tudo: aliar-se com oParaguai contra a Argentina paradestruí-lo depois com a ajuda daArgentina!!
  27. 27. E nesse processo de intervencionismo nosproblemas dos vizinhos...Brasil vai se envolver no pior confronto desua história!!!
  28. 28. Guerra contra Oribe (1851) URUGUAIBrasil apoia colorados de Rivera e Argentinablancos de Manuel Oribe. Duque de Caxias invadeo Uruguai. Guerra contra Rosas (1851-1852) ARGENTNA Argentina passa a ser governada pelo general UrquizaGuerra contra Aguirre (1864-1865) URUGUAIArgentina e Brasil (oficialmente neutros)Paraguai (só entraria na guerra se BRA ou ARGtentassem incorporar o URU)
  29. 29. Brasil entra na guerra contra Aguirre. Vence... edesencadeia a Guerra do Paraguai...
  30. 30. Bóris Fausto – Brasil Impérioparte 3 ( 3:55’ até 6:08’ )
  31. 31. Depois de Francia, Carlos López e seu filho Solano López revolucionaram oParaguai: desenvolvimento do comércio externo, organização do serviçomilitar obrigatório, instalação de fábricas, criação de uma flotilha –processo de modernização Abolição, expropriação dos latifúndios, reforma agrária, criação de um excelente sistema educacional, desenvolvimento de transportes e comunicações.
  32. 32. Mesmo pobre, o PARAGUAI assegurava distribuição deriquezas, moradia, saúde, alimentação e habitação a todos osseus habitantes.Não tinha dívida externa.
  33. 33. Temia que BRASIL e ARGENTINA seguissem o exemplo...Queria dominar a economiaparaguaia e “abocanhar” umaparte de seu território... Tinha pretensões territoriais e invejava o desenvolvimento do Paraguai...
  34. 34. Os paraguaios chamam-na de “AGrande Guerra”Morreram nela mais de 300 milparaguaios entre civis e militares...Com o apoio da Inglaterra, a Tríplice Aliança(Brasil, Argentina e Uruguai) venceu a guerra eimpôs ao Paraguai a destruição de uma bonitanação em construção por Solano López...
  35. 35. Paraguai foi destruído tornando-se um dos países mais pobres eatrasados da América do Sul, devido ao decréscimopopulacional, ocupação militar, pagamento de altíssimaindenização de guerra (paga até a 2ª Guerra Mundial para oBrasil)...

×