Seminário pesquisa ii

1.089 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.089
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seminário pesquisa ii

  1. 1. OLHE O QUE ELES ESTÃO FAZENDO!OS BEBÊS POR TODOS OS ESPAÇOS DA CRECHE SONIA REGINA PAULA SANTOS
  2. 2. INTRODUÇÃO E JUSTIFICATIVA A escolha do tema pedagogia da infância partiu da experiência profissional enquanto monitora em uma creche do município de Campinas. A especificidade da educação infantil como um espaço educacional de educação e cuidado das crianças pequenas no qual a intencionalidade do trabalho pedagógico deve estar voltada para a garantia dos direitos da criança.
  3. 3. PROBLEMA O que determina a pedagogia com os bebês na creche?.
  4. 4. Objetivo Geral: -Compreender a pedagogia com os bebês através da rotina e da organização dos espaços e tempos educativos propostos pelos profissionais. Objetivos Específicos: -Identificar as relações entre os adultos e os bebês, dos bebês entre si e de adulto-adulto; -Compreender como se estabelece a rotina no cotidiano percebendo as relações entre o binômio cuidar-educar; -Identificar a organização dos tempos e espaços pedagógicos.
  5. 5. PRINCIPAIS REFERENCIAIS TEÓRICOS o o o o o o Barbosa (2010) ação pedagógica; Forneiro (1998) e Faria (2003) espaço físico; Guimarães (2009) organização dos espaços; Kramer (2003) binômio cuidar e educar; Kuhlmann, (2000) a origem das creches e préescolas; Tristão (2004) prática docente.
  6. 6. METODOLOGIA Pesquisa Qualitativa: exploratória e descritiva (com coleta e levantamento de dados e entrevistas com pessoas que tiveram experiências práticas com o problema pesquisado).  Pesquisa participante com a interação entre a pesquisadora e os membros da situação investigada;  A pesquisa se desenvolverá numa creche municipal de Campinas na sala de agrupamento I com as respectivas profissionais, através de entrevista, observação direta e levantamento à partir de bibliografia sobre o assunto.  A coleta de dados será realizada à partir de entrevistas com as profissionais sendo duas monitoras e a professora que trabalharam no agrupamento I nos anos de 2007, 2008, 2011, 2012 e no ano em que será realizada a pesquisa. 
  7. 7. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  AZEVEDO, Heloisa Helena Oliveira de. Implicações teórico-práticas do binômio cuidareducar na formação de professores de educação infantil, 2007.  BONDIOLI, Ana; GARIBOLDI, Antonio. A vida cotidiana na creche. In: BECCHI, Egle... [et al.]; Ideias orientadoras para a creche: a qualidade negociada. Campinas, SP: Autores Associados, 2012.  BARBOSA, Maria Carmem S.. As especificidades da ação pedagógica com bebês. 2010  BRASIL. Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Brasília, MEC, SEF, 1998.  _______. Parâmetros Básicos de Infra-estrutura para Instituições de Educação Infantil. Brasília, MEC, SEB, 2006.  _______. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Brasília, MEC, 2009.  BUFALO, J. M. P. Creche: Lugar de criança, lugar de infância. Um estudo sobre as práticas educativas em um CEMEI de Campinas/SP. Dissertação de Mestrado. Universidade Estadual de Campinas, Campinas,1997.  BUJES, Maria Isabel E. ; HOFFMAN, Jussara M. L. O Pedagógico na Pré-escola das intenções à realidade. Porto Alegre, FACED/UFRGS, 1989 (relatório de pesquisa).  FARIA, Ana Lúcia G. O espaço físico como um dos elementos fundamentais para uma pedagogia da educação infantil. In: FARIA, Ana Lúcia G; PALHARES, Marina. Educação Infantil pós-LDB: rumos e desafios. Campinas: Autores Associados FE-Unicamp; São Carlos: Editora da UFSCAR; Florianópolis. Editora da UFSC; 2003.  FORNEIRO, Lina Iglesias. A organização dos espaços na educação infantil. In ZABALZA, Miguel A.- qualidade em educação infantil porto alegre. Artmed 1998.
  8. 8.  FOUCAULT, Michel. Vigiar e Punir. História da violência nas prisões. Petrópolis: Vozes, 1987.  GOBBATO, Carolina. Os bebês estão por todos os espaços - um estudo sobre a educação de bebês nos diferentes contextos de vida coletiva da educação infantil. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.  GUIMARÃES, Daniela; KRAMER, Sonia. Nos espaços e objetos das creches, concepções de educação e práticas com crianças de 0 a 3 anos. In: KRAMER, Sonia. Retratos de um Desafio - Crianças e Adultos na Educação Infantil. São Paulo: Ed. Ática, 2009.  KRAMMER. Sonia. Direitos da Criança e Projeto Político Pedagógico de Educação Infantil. In: BAZÍLIO, Luiz Cavalieri & KRAMER, Sonia. Infância, Educação e Direitos Humanos. São Paulo: Cortez, 2003 p. 51-81.  KUHLMANN JR, Moysés. Histórias da Educação Infantil Brasileira. Revista Brasileira de Educação, nº 14, 2000, p.5-18.  OLIVEIRA, Zilma de Moraes Ramos de. A creche no Brasil: mapeamento de uma trajetória.  TRISTÃO, Fernanda C. Dias. Ser professora de bebês: um estudo de caso em uma creche conveniada. Dissertação de mestrado em Educação da UFSC. Florianópolis. 2004.

×