Os 3 D's

4.840 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.840
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
55
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
80
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os 3 D's

  1. 1. Portugal Democrático OS 3 D’s
  2. 2. <ul><li>Passados os momentos de euforia do 25 de Abril e do 1.º de Maio era necessário tomar medidas com vista ao cumprimento do programa do MFA: </li></ul><ul><ul><li>Democratizar, </li></ul></ul><ul><ul><li>Descolonizar e </li></ul></ul><ul><ul><li>Desenvolver. </li></ul></ul>
  3. 3. Democratizar <ul><li>Américo Tomás, Marcelo Caetano e outros ministros foram presos e exilados; </li></ul><ul><li>O MFA nomeia a Junta de Salvação Nacional (JSN ) com os generais Spínola e Costa Gomes a encabeçar. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>MFA toma medidas imediatas: </li></ul><ul><ul><li>Extinção da polícia política </li></ul></ul><ul><ul><li>Abolição da censura </li></ul></ul><ul><ul><li>Libertação de todos os presos políticos, </li></ul></ul><ul><ul><li>Regresso dos exilados, </li></ul></ul><ul><ul><li>Autorização de novos partidos políticos e sindicatos livres, </li></ul></ul>
  5. 5. <ul><li>Nomeação de um Governo Provisório (Mário Soares, Álvaro Cunhal e Francisco Sá-Carneiro…) que exige de imediato uma solução para o problema colonial. </li></ul>
  6. 6. Descolonizar <ul><li>A descolonização foi preparada através de negociações com vista à autodeterminação e independência das colónias portugueses; </li></ul><ul><li>Todas as colónias (à excepção de Macau e Timor) tornaram-se independentes nos anos a seguir à Revolução de Abril. </li></ul><ul><li>Regressam a Portugal milhares de portugueses que viviam nas colónias e receavam as consequências da independência – os retornados (gerou um aumento do desemprego). </li></ul>
  7. 7. Desenvolver <ul><li>O desenvolvimento económico foi o problema maior que os governos posteriores ao 25 de Abril tiveram de enfrentar. </li></ul><ul><li>A crise económica mundial dos anos 70 e as perturbações revolucionárias conduziram Portugal a uma situação de dependência externa – desequilíbrio das contas com o exterior, aumento das importações, empréstimos ao exterior… que só severas restrições aos salários e consumo conseguiu evitar a ruptura das finanças portuguesas. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Em 1986 Portugal aderiu à CEE beneficiando de fundos comunitários para a modernização da economia, melhoria das infra-estruturas, formação profissional, etc…sendo uma economia aberta, mas inevitavelmente dependente do exterior. </li></ul>
  9. 9. Sónia Cruz

×