SlideShare uma empresa Scribd logo
YESHUA-M6A37-Somos-todos-discipulos.pdf
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Módulo e plano de aulas
Metafísica da vida | Módulo 6
Aula 38
Próxima quarta-feira!
· 14 / 12 / 2022 · às 20h ·
Ao vivo pelo Zoom: roda de partilhas e aprendizado
ao vivo na plataforma do Círculo Escola.
É muito importante que você
se organize para participar!
Não será gravado!
Lucas 14:1-15:32
Aconteceu num sábado que, entrando ele em casa de um dos
principais dos fariseus para comer pão, eles o estavam
observando. E eis que estava ali diante dele um certo homem
hidrópico.
E Jesus, tomando a palavra, falou aos doutores da lei, e aos
fariseus, dizendo: "É lícito curar no sábado?" Eles, porém,
calaram-se. E, tomando-o, curou-o e despediu. E disse-lhes:
"Qual será de vós o que, caindo-lhe num poço, em dia de
sábado, o jumento ou o boi, o não tire logo?" E nada lhe
podiam replicar sobre isto.
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
E disse aos convidados uma parábola, reparando como escolhiam
os primeiros assentos, dizendo-lhes: "Quando por alguém fores
convidado às bodas, não te assentes no primeiro lugar; para que não
aconteça que esteja convidado outro mais digno do que tu, e, vindo
o que te convidou a ti e a ele, te diga: Dá o lugar a este; e então, com
vergonha, tenhas de tomar o derradeiro lugar. Mas, quando fores
convidado, vai, e assenta-te no derradeiro lugar, para que, quando
vier o que te convidou, te diga: 'Amigo, sobe mais para cima. Então
terás honra diante dos que estiverem contigo à mesa. Porquanto
qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele
que a si mesmo se humilhar será exaltado."
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
E dizia também ao que o tinha convidado: "Quando deres um jantar, ou
uma ceia, não chames os teus amigos, nem os teus irmãos, nem os teus
parentes nem vizinhos ricos, para que não suceda que também eles te
tornem a convidar, e te seja isso recompensado. Mas, quando fizeres
convite, chama os pobres, aleijados, mancos e cegos, e serás
bem-aventurado; porque eles não têm com que te recompensar; mas
recompensado te será na ressurreição dos justos."
E, ouvindo isto um dos que estavam com ele à mesa, disse-lhe:
"Bem-aventurado o que comer pão no reino de Deus". Porém ele lhe
disse: "Um certo homem fez uma grande ceia, e convidou a muitos. E à
hora da ceia mandou o seu servo dizer aos convidados: Vinde, que já
tudo está preparado', E todos, um a um, começaram a escusar-se.
Disse-lhe o primeiro: 'Comprei um campo, e importa ir vê-lo; rogo-te que
me hajas por escusado.'
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
"E outro disse: 'Comprei cinco juntas de bois, e vou experimentá-los;
rogo-te que me hajas por escusado.' E outro disse: 'Casei, e portanto
não posso ir'. E, voltando aquele servo, anunciou estas coisas ao seu
senhor.
Então o pai de família, indignado, disse ao seu servo: 'Sai depressa
pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e
mancos e cegos. E disse o servo: 'Senhor, feito está como mandaste; e
ainda há lugar.'
"E disse o senhor ao servo: 'Sai pelos caminhos e valados, e força-os a
entrar, para que a minha casa se encha. Porque eu vos digo que
nenhum daqueles varões que foram convidados provará a minha ceia."'
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
Ora ia com ele uma grande multidão; e, voltando-se, disse-lhe: "Se alguém
vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e
irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo. E
qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser
meu discípulo. Pois qual de vós, querendo edificar uma torre, não se
assenta primeiro a fazer as contas dos gastos, para ver se tem com que a
acabar? Para que não aconteça que, depois de haver posto os alicerces, e
não a podendo acabar, todos os que a virem comecem a escarnecer dele,
dizendo: Este homem começou a edificar e não pôde acabar'.
"Ou qual é o rei que, indo à guerra a pelejar contra outro rei, não se assenta
primeiro a tomar conselho sobre se com dez mil pode sair ao encontro do
que vem contra ele com vinte mil? De outra maneira, estando o outro ainda
longe, manda embaixadores, e pede condições de paz.
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
"Assim, pois, qualquer de vós, que não renuncia a tudo quanto tem,
não pode ser meu discípulo. Bom é o sal; mas, se o sal degenerar, com
que se há de salgar? Nem presta para a terra, nem para o monturo;
lançam-no fora. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça."
E chegavam-se a ele todos os publicanos e pecadores para o ouvir. E
os fariseus e os escribas murmuravam, dizendo: "Este recebe
pecadores, e come com eles". E ele lhes propôs esta parábola, dizendo:
"Que homem dentre vós, tendo cem ovelhas, e perdendo uma delas,
não deixa no deserto as noventa e nove, e não vai após a perdida até
que venha a achá-la?
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
E, achando-a, a põe sobre seus ombros, jubiloso; e, chegando à casa,
convoca os amigos e vizinhos, dizendo-lhes: 'Alegrai-vos comigo,
porque já achei a minha ovelha perdida'. "Digo-vos que assim
haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do
que por noventa e nove justos que não necessitam de
arrependimento.
"Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma,
não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a
achar? E, achando-a, convoca as amigas e vizinhas, dizendo:
'Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida'. Assim vos
digo que há alegria diante dos anjos de Deus por um pecador que
se arrepende.
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
E disse: "Um certo homem tinha dois filhos; e o mais moço deles
disse ao pai: Pai, dá-me a parte da fazenda que me pertence. E ele
repartiu por eles a fazenda. E, poucos dias depois, o filho mais novo,
ajuntando tudo, partiu para uma terra longínqua, e ali desperdiçou a
sua fazenda, vivendo dissolutamente.
"E, havendo ele gastado tudo, houve naquela terra uma grande
fome, e começou a padecer necessidades. E foi, e chegou-se a um
dos cidadãos daquela terra, o qual o mandou para os seus campos a
apascentar porcos. E desejava encher o seu estômago com as
bolotas que os porcos comiam, e ninguém lhe dava nada.
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
"E, tornando em si, disse: 'Quantos jornaleiros de meu pai têm
abundância de pão, e eu aqui pereço de fome! Levantar-me-ei, e irei ter
com meu pai, e dir-lhe-ei: "Pai, pequei contra o céu e perante ti; já não
sou digno de ser chamado teu filho; faze-me como um dos teus
jornaleiros",' E, levantando-se, foi para seu pai; e, quando ainda estava
longe, viu-o seu pai, e se moveu de íntima compaixão, e, correndo,
lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou.
"E o filho lhe disse: 'Pai, pequei contra o céu e perante ti, e já não sou
digno de ser chamado teu filho'. Mas o pai disse aos seus servos: 'Trazei
depressa o melhor vestido, e vesti-lho, e ponde-lhe um anel na mão, e
alparcas nos pés; e trazei o bezerro cevado, e matai-o; e comamos, e
alegremo-nos; porque este meu filho estava morto, e reviveu, tinha-se
perdido, e foi achado.' E começaram a alegrar-se.
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Lucas 14:1-15:32
"E o seu filho mais velho estava no campo; e quando veio, e chegou perto
de casa, ouviu a música e as danças. E, chamando um dos servos,
perguntou-lhe que era aquilo. E ele lhe disse: Veio teu irmão; e teu pai
matou o bezerro cevado, porque o recebeu são e salvo.'
"Mas ele se indignou, e não queria entrar. E, saindo o pai, instava com ele.
Mas, respondendo ele, disse ao pai: 'Eis que te sirvo há tantos anos, sem
nunca transgredir o teu mandamento, e nunca me deste um cabrito para
alegrar-me com os meus amigos; vindo, porém, este teu filho, que
desperdiçou a tua fazenda com as meretrizes, mataste-lhe o bezerro
cevado.' E ele lhe disse: 'Filho, tu sempre estás comigo, e todas as minhas
coisas são tuas; mas era justo alegrarmo-nos e folgarmos, porque este
teu irmão estava morto, e reviveu; e tinha-se perdido, e achou-se'."
Bíblia King James. 9º Edição.
Imprensa Bíblica Brasileira.
Rio de Janeiro, 1955.
Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
Chave 1
A verdade não cabe no
interior de quem está
cheio de si mesmo. A
busca é um constante
esvaziar-se.
● Pessoas são mais importantes do que coisas
● Humildade(lugar) / desinteresse(intenção) / desapego
(escolha)
● Os Fariseus e o Filho que ficou têm em comum a
lealdade à religião das aparências, que preenche a vida
social/pública mas mantém o mundo interno
petrificado.
● Quando eu me apego ao protocolo/dogma/rito eu me
protejo da exposição genuína. Vivo uma vida insossa de
significados
● O sal dá sabor, o conhecimento da verdade é o saber.
● Os relacionamentos de Jesus incomodam as castas e
classes sociais do seu tempo porque sendo quem era,
sua identidade ultrapassa os protocolos religiosos.
"É lícito curar no sábado?" Eles, porém, calaram-se.
Chave 2
"Muitos são os chamados, mas
poucos são os escolhidos. Mas
é também importante que os
escolhidos escolham
a causa que os escolheu."
General Uchôa
● Somos constantemente convidados a
viver uma vida de sentido e significado
existencial (bodas)
● Mas nos distraímos das verdadeiras
"urgências da vida" com o "espetáculo" da
ilusão. (Guy Debord)
● O que realmente importa?
● As bodas, a ovelha perdida e a dracma:
○ Grandes avatares vem para os que
estão perdidos e não "achados".
Médicos são para enfermos.
○ Também representam o que há de
mais valioso da existência humana:
a comunhão multidimensional.
Bodas Frustradas
Chave 3
Senso de unidade comum
a todos aqueles que se
sentem pertencer juntos.
Ubuntu: Eu sou o que sou,
por causa daquilo que nós
somos!
● A comunhão não é a dissolução da minha
identidade ou a superação das diferenças.
Comunhão é um estado de emergência da
minha identidade num contexto onde todas
as diferenças podem ser integradas de forma
harmônica em prol da evolução do meio.
● Em comunhão com o Reino eu sou inteiro.
Quando sou inteiro eu posso me doar. Eu só
posso me doar para outro se eu antes me
possuir. Eu só posso me possuir se eu me
conhecer.
● É a realidade de nossa Dimensão Espiritual
que irradia comunhão para todas as
dimensões da vida.
Comunhão: Comum União
A autêntica comunhão com o TODO, em TODOS e em TUDO
ESPIRITUAL
FUNCIONAL
BIOLÓGICO
PSICOLÓGICO
SOCIAL
AMBIENTAL
Chave 4
Na ausência da autêntica
comunhão com o TODO
em TODOS e em TUDO,
fazemos merda na vida.
● Nós queremos buscar, mas não nos
esvaziamos de nós mesmos.
● A vida vem e nos chacoalha.
● E no vazio, nos lembramos da única coisa
que realmente importa.
● A figura do Deus que nos espera despertar
da própria arrogância/ignorância
● (Reflexão) Quais as rebeliões da sua mente?
Quando foi que você quis declarar a sua
"independência" e acabou ferido e
desgraçado? Por onde vagou a sua
consciência? Quando seus recursos mentais
foram desperdiçados ou esbanjados?
Quanto o seu eu interior tem ansiado voltar
para o meio do TODO?
Porque este meu lho estava morto, e reviveu.
"E, levantando-se, foi para seu pai; e, quando ainda estava longe, viu-o seu pai, e se
moveu de íntima compaixão, e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou."
Chave 5
O discipulado é coisa
pra gente grande.
Viver o Reino como um
estado de consciência
exige escolha e
determinação. Estamos
prontos para isso, de
verdade? Ou ficaremos só
no "like" por enquanto?
Será que a gente dá conta?
Fé
Uma atitude mental positiva e pró-ativa com consequências
empreendedoras. É uma expressão da vontade livre, um ato cívico
do espírito materado, segundo sua cidadania espiritual.
↓
↓
Cocriação
CONSCIÊNCIA CONSISTÊNCIA COERÊNCIA
CONHECIMENTO MOVIMENTO TRANSFORMAÇÃO
PENSAR SENTIR AGIR
Passo a passo da aula 38:
● Entra no site do
CIRCULOESCOLA.COM
● Faça seu login
Passo a passo da aula 38:
No menu lateral na esquerda,
clique em CURSOS DO CÍRCULO
Clique no curso Yeshua
Passo a passo da aula 38:
Na guia de aulas na lateral, clique
na aula 38 do módulo 6.
Passo a passo da aula 38:
Entre no link da sala de zoom.
Passo a passo da aula 38:
Passo a passo da aula 38:
● Entra no site do
CIRCULOESCOLA.COM
● Faça seu login
No menu lateral na
esquerda, clique em
CURSOS DO CÍRCULO
Passo a passo da aula 38:
Clique no curso Yeshua
Passo a passo da aula 38:
Na guia de aulas
na lateral, clique na
aula 38 do módulo 6.
Passo a passo da aula 38:
Entre no link da sala de zoom.
Passo a passo da aula 38:
YESHUA-M6A37-Somos-todos-discipulos.pdf

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a YESHUA-M6A37-Somos-todos-discipulos.pdf

Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014
Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014
Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014
Gerson G. Ramos
 
047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015
047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015
047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015
Rachel V.
 
Evangelho segundo Joao 1
Evangelho segundo Joao 1Evangelho segundo Joao 1
Evangelho segundo Joao 1
Mensagens Virtuais
 
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho PródigoHistória sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
Ana Cristina Freitas
 
Parábola do filho pródigo
Parábola do filho pródigoParábola do filho pródigo
Parábola do filho pródigo
Diogo Maia
 
7 grande banquete
7   grande banquete7   grande banquete
7 grande banquete
Tiago de Souza
 
Portuguese - The Protevangelion.pdf
Portuguese - The Protevangelion.pdfPortuguese - The Protevangelion.pdf
Portuguese - The Protevangelion.pdf
Filipino Tracts and Literature Society Inc.
 
048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015
048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015
048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015
Rachel V.
 
Êxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e Cristo
Êxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e CristoÊxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e Cristo
Êxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e Cristo
Rogério de Sousa
 
Deserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovados
Deserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovadosDeserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovados
Deserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovados
Marcos De Oliveira Leite
 
O_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdf
O_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdfO_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdf
O_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdf
Pris Silva
 
As parábolas de Jesus para crianças
As parábolas de Jesus para criançasAs parábolas de Jesus para crianças
As parábolas de Jesus para crianças
Freekidstories
 
Duvida by pedro siena (2 de 4)
Duvida by pedro siena (2 de 4)Duvida by pedro siena (2 de 4)
Duvida by pedro siena (2 de 4)
Pedro Siena
 
16827866 Espiritismo Infantil Historia 25
16827866 Espiritismo Infantil Historia 2516827866 Espiritismo Infantil Historia 25
16827866 Espiritismo Infantil Historia 25
Ana Cristina Freitas
 
Oferta do perdão
Oferta do perdãoOferta do perdão
Oferta do perdão
Jezer Ferris
 
Evangelho1
Evangelho1Evangelho1
Evangelho1
Comunidadesantista
 
Base solida
Base solidaBase solida
Base solida
Carlos Tadeu
 
Marcos 006
Marcos   006Marcos   006
Marcos 006
Marcos Nori
 
057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015
057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015
057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015
Rachel V.
 
O inferno existe_-_provas_e_ex
O inferno existe_-_provas_e_exO inferno existe_-_provas_e_ex
O inferno existe_-_provas_e_ex
Luiz Sá
 

Semelhante a YESHUA-M6A37-Somos-todos-discipulos.pdf (20)

Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014
Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014
Os discípulos e as Escrituras_Lição_original com textos_112014
 
047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015
047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015
047 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 16-02-2015
 
Evangelho segundo Joao 1
Evangelho segundo Joao 1Evangelho segundo Joao 1
Evangelho segundo Joao 1
 
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho PródigoHistória sobre a Parábola do Filho Pródigo
História sobre a Parábola do Filho Pródigo
 
Parábola do filho pródigo
Parábola do filho pródigoParábola do filho pródigo
Parábola do filho pródigo
 
7 grande banquete
7   grande banquete7   grande banquete
7 grande banquete
 
Portuguese - The Protevangelion.pdf
Portuguese - The Protevangelion.pdfPortuguese - The Protevangelion.pdf
Portuguese - The Protevangelion.pdf
 
048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015
048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015
048 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 17-02-2015
 
Êxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e Cristo
Êxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e CristoÊxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e Cristo
Êxodo 1-12 - Paralelos entre Moisés, Páscoa e Cristo
 
Deserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovados
Deserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovadosDeserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovados
Deserto uma escola para muitos,onde poucos são aprovados
 
O_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdf
O_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdfO_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdf
O_duque_e_eu_(Os_Bridgertons_–_Livro_1)_pdf.pdf
 
As parábolas de Jesus para crianças
As parábolas de Jesus para criançasAs parábolas de Jesus para crianças
As parábolas de Jesus para crianças
 
Duvida by pedro siena (2 de 4)
Duvida by pedro siena (2 de 4)Duvida by pedro siena (2 de 4)
Duvida by pedro siena (2 de 4)
 
16827866 Espiritismo Infantil Historia 25
16827866 Espiritismo Infantil Historia 2516827866 Espiritismo Infantil Historia 25
16827866 Espiritismo Infantil Historia 25
 
Oferta do perdão
Oferta do perdãoOferta do perdão
Oferta do perdão
 
Evangelho1
Evangelho1Evangelho1
Evangelho1
 
Base solida
Base solidaBase solida
Base solida
 
Marcos 006
Marcos   006Marcos   006
Marcos 006
 
057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015
057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015
057 2015 - lendo biblia sagrada em 1 ano - 26-02-2015
 
O inferno existe_-_provas_e_ex
O inferno existe_-_provas_e_exO inferno existe_-_provas_e_ex
O inferno existe_-_provas_e_ex
 

Mais de GarantiaCorujonda

AULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdfAULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
GarantiaCorujonda
 
AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...
AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...
AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...
GarantiaCorujonda
 
AULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
GarantiaCorujonda
 
AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...
AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...
AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...
GarantiaCorujonda
 
AULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
GarantiaCorujonda
 
AULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
GarantiaCorujonda
 
AULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdfAULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
GarantiaCorujonda
 
AULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdf
YESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdfYESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdf
YESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdf
YESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdfYESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdf
YESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdf
YESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdfYESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdf
YESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdf
YESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdfYESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdf
YESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdf
YESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdfYESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdf
YESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdf
YESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdfYESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdf
YESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdf
YESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdfYESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdf
YESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdf
YESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdfYESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdf
YESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdf
YESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdfYESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdf
YESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA - M5A26 - A última ceia.pdf
YESHUA - M5A26 - A última ceia.pdfYESHUA - M5A26 - A última ceia.pdf
YESHUA - M5A26 - A última ceia.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdf
YESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdfYESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdf
YESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdf
GarantiaCorujonda
 
YESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdf
YESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdfYESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdf
YESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdf
GarantiaCorujonda
 

Mais de GarantiaCorujonda (20)

AULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdfAULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 8_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
 
AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...
AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...
AULA 7_ Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_diagramad...
 
AULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 6_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
 
AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...
AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...
AULA 5_Cópia de Material complementar_ Escola de Mistérios _ Plano de Aulas_d...
 
AULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 4_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
 
AULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 3_ Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
 
AULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdfAULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
AULA 2_ Material complementar_ Escola de Mistérios .pdf
 
AULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdfAULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
AULA 1_Material complementar_ Escola de Mistérios.pdf
 
YESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdf
YESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdfYESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdf
YESHUA-M7A40-Aula-Final_-Onde-dois-ou-mais....pdf
 
YESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdf
YESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdfYESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdf
YESHUA-M7A39-A-Encarnacao-de-Jesus-seus-simbolos-e-mitos.pdf
 
YESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdf
YESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdfYESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdf
YESHUA - M6A38 - AULA AO VIVO.pdf
 
YESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdf
YESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdfYESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdf
YESHUA-M6A36-A-luz-do-mundo.pdf
 
YESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdf
YESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdfYESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdf
YESHUA-M6A35-Fe-e-o-verdadeiro-poder-mental.pdf
 
YESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdf
YESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdfYESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdf
YESHUA-M6A34-A-ressurreicao-e-a-Vida.pdf
 
YESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdf
YESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdfYESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdf
YESHUA - M5A29 - As tretas de Jesus e a Religião.pdf
 
YESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdf
YESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdfYESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdf
YESHUA - M5A28 - A transfiguração.pdf
 
YESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdf
YESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdfYESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdf
YESHUA - M5A27 - Os dois maiores mandamentos.pdf
 
YESHUA - M5A26 - A última ceia.pdf
YESHUA - M5A26 - A última ceia.pdfYESHUA - M5A26 - A última ceia.pdf
YESHUA - M5A26 - A última ceia.pdf
 
YESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdf
YESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdfYESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdf
YESHUA-M5A25-A-segunda-vinda-de-Jesus-e-o-fim-dos-tempos.pdf
 
YESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdf
YESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdfYESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdf
YESHUA - M5A24 - Vamos falar de dinheiro.pdf
 

Último

GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concursoGEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
IagoSoares13
 
Divulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídiaDivulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídia
N G
 
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Alexandre Isaac Bueno
 
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
supremusmaster1
 
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídiaDivulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
N G
 
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptxFRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
consultarapidakmorai
 

Último (6)

GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concursoGEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
GEOGRAFIA DO BRASIL para estudo de concurso
 
Divulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídiaDivulgação científica: o cientista e a mídia
Divulgação científica: o cientista e a mídia
 
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
Cromatografia Gasosa - 1.ppt_Histórico e aplicabilidade.
 
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
MANUAL DE TAROT 2 manual de tarot 2 manual de tarot 2
 
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídiaDivulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
Divulgação científica: o jornalista, o cientista e a mídia
 
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptxFRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
FRATURAS DE PUNHO E ANTEBRAÇO NA CRIANÇA E EPIFISIÓLISE.pptx
 

YESHUA-M6A37-Somos-todos-discipulos.pdf

  • 2. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com Módulo e plano de aulas Metafísica da vida | Módulo 6
  • 3. Aula 38 Próxima quarta-feira! · 14 / 12 / 2022 · às 20h · Ao vivo pelo Zoom: roda de partilhas e aprendizado ao vivo na plataforma do Círculo Escola. É muito importante que você se organize para participar! Não será gravado!
  • 4. Lucas 14:1-15:32 Aconteceu num sábado que, entrando ele em casa de um dos principais dos fariseus para comer pão, eles o estavam observando. E eis que estava ali diante dele um certo homem hidrópico. E Jesus, tomando a palavra, falou aos doutores da lei, e aos fariseus, dizendo: "É lícito curar no sábado?" Eles, porém, calaram-se. E, tomando-o, curou-o e despediu. E disse-lhes: "Qual será de vós o que, caindo-lhe num poço, em dia de sábado, o jumento ou o boi, o não tire logo?" E nada lhe podiam replicar sobre isto. Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 5. Lucas 14:1-15:32 E disse aos convidados uma parábola, reparando como escolhiam os primeiros assentos, dizendo-lhes: "Quando por alguém fores convidado às bodas, não te assentes no primeiro lugar; para que não aconteça que esteja convidado outro mais digno do que tu, e, vindo o que te convidou a ti e a ele, te diga: Dá o lugar a este; e então, com vergonha, tenhas de tomar o derradeiro lugar. Mas, quando fores convidado, vai, e assenta-te no derradeiro lugar, para que, quando vier o que te convidou, te diga: 'Amigo, sobe mais para cima. Então terás honra diante dos que estiverem contigo à mesa. Porquanto qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado." Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 6. Lucas 14:1-15:32 E dizia também ao que o tinha convidado: "Quando deres um jantar, ou uma ceia, não chames os teus amigos, nem os teus irmãos, nem os teus parentes nem vizinhos ricos, para que não suceda que também eles te tornem a convidar, e te seja isso recompensado. Mas, quando fizeres convite, chama os pobres, aleijados, mancos e cegos, e serás bem-aventurado; porque eles não têm com que te recompensar; mas recompensado te será na ressurreição dos justos." E, ouvindo isto um dos que estavam com ele à mesa, disse-lhe: "Bem-aventurado o que comer pão no reino de Deus". Porém ele lhe disse: "Um certo homem fez uma grande ceia, e convidou a muitos. E à hora da ceia mandou o seu servo dizer aos convidados: Vinde, que já tudo está preparado', E todos, um a um, começaram a escusar-se. Disse-lhe o primeiro: 'Comprei um campo, e importa ir vê-lo; rogo-te que me hajas por escusado.' Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 7. Lucas 14:1-15:32 "E outro disse: 'Comprei cinco juntas de bois, e vou experimentá-los; rogo-te que me hajas por escusado.' E outro disse: 'Casei, e portanto não posso ir'. E, voltando aquele servo, anunciou estas coisas ao seu senhor. Então o pai de família, indignado, disse ao seu servo: 'Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e mancos e cegos. E disse o servo: 'Senhor, feito está como mandaste; e ainda há lugar.' "E disse o senhor ao servo: 'Sai pelos caminhos e valados, e força-os a entrar, para que a minha casa se encha. Porque eu vos digo que nenhum daqueles varões que foram convidados provará a minha ceia."' Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 8. Lucas 14:1-15:32 Ora ia com ele uma grande multidão; e, voltando-se, disse-lhe: "Se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo. E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo. Pois qual de vós, querendo edificar uma torre, não se assenta primeiro a fazer as contas dos gastos, para ver se tem com que a acabar? Para que não aconteça que, depois de haver posto os alicerces, e não a podendo acabar, todos os que a virem comecem a escarnecer dele, dizendo: Este homem começou a edificar e não pôde acabar'. "Ou qual é o rei que, indo à guerra a pelejar contra outro rei, não se assenta primeiro a tomar conselho sobre se com dez mil pode sair ao encontro do que vem contra ele com vinte mil? De outra maneira, estando o outro ainda longe, manda embaixadores, e pede condições de paz. Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 9. Lucas 14:1-15:32 "Assim, pois, qualquer de vós, que não renuncia a tudo quanto tem, não pode ser meu discípulo. Bom é o sal; mas, se o sal degenerar, com que se há de salgar? Nem presta para a terra, nem para o monturo; lançam-no fora. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça." E chegavam-se a ele todos os publicanos e pecadores para o ouvir. E os fariseus e os escribas murmuravam, dizendo: "Este recebe pecadores, e come com eles". E ele lhes propôs esta parábola, dizendo: "Que homem dentre vós, tendo cem ovelhas, e perdendo uma delas, não deixa no deserto as noventa e nove, e não vai após a perdida até que venha a achá-la? Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 10. Lucas 14:1-15:32 E, achando-a, a põe sobre seus ombros, jubiloso; e, chegando à casa, convoca os amigos e vizinhos, dizendo-lhes: 'Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida'. "Digo-vos que assim haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento. "Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma, não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a achar? E, achando-a, convoca as amigas e vizinhas, dizendo: 'Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida'. Assim vos digo que há alegria diante dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende. Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 11. Lucas 14:1-15:32 E disse: "Um certo homem tinha dois filhos; e o mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte da fazenda que me pertence. E ele repartiu por eles a fazenda. E, poucos dias depois, o filho mais novo, ajuntando tudo, partiu para uma terra longínqua, e ali desperdiçou a sua fazenda, vivendo dissolutamente. "E, havendo ele gastado tudo, houve naquela terra uma grande fome, e começou a padecer necessidades. E foi, e chegou-se a um dos cidadãos daquela terra, o qual o mandou para os seus campos a apascentar porcos. E desejava encher o seu estômago com as bolotas que os porcos comiam, e ninguém lhe dava nada. Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 12. Lucas 14:1-15:32 "E, tornando em si, disse: 'Quantos jornaleiros de meu pai têm abundância de pão, e eu aqui pereço de fome! Levantar-me-ei, e irei ter com meu pai, e dir-lhe-ei: "Pai, pequei contra o céu e perante ti; já não sou digno de ser chamado teu filho; faze-me como um dos teus jornaleiros",' E, levantando-se, foi para seu pai; e, quando ainda estava longe, viu-o seu pai, e se moveu de íntima compaixão, e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou. "E o filho lhe disse: 'Pai, pequei contra o céu e perante ti, e já não sou digno de ser chamado teu filho'. Mas o pai disse aos seus servos: 'Trazei depressa o melhor vestido, e vesti-lho, e ponde-lhe um anel na mão, e alparcas nos pés; e trazei o bezerro cevado, e matai-o; e comamos, e alegremo-nos; porque este meu filho estava morto, e reviveu, tinha-se perdido, e foi achado.' E começaram a alegrar-se. Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 13. Lucas 14:1-15:32 "E o seu filho mais velho estava no campo; e quando veio, e chegou perto de casa, ouviu a música e as danças. E, chamando um dos servos, perguntou-lhe que era aquilo. E ele lhe disse: Veio teu irmão; e teu pai matou o bezerro cevado, porque o recebeu são e salvo.' "Mas ele se indignou, e não queria entrar. E, saindo o pai, instava com ele. Mas, respondendo ele, disse ao pai: 'Eis que te sirvo há tantos anos, sem nunca transgredir o teu mandamento, e nunca me deste um cabrito para alegrar-me com os meus amigos; vindo, porém, este teu filho, que desperdiçou a tua fazenda com as meretrizes, mataste-lhe o bezerro cevado.' E ele lhe disse: 'Filho, tu sempre estás comigo, e todas as minhas coisas são tuas; mas era justo alegrarmo-nos e folgarmos, porque este teu irmão estava morto, e reviveu; e tinha-se perdido, e achou-se'." Bíblia King James. 9º Edição. Imprensa Bíblica Brasileira. Rio de Janeiro, 1955. Módulo 6: Metafísica da vida | Materiais complementares disponíveis em https://circuloescola.com
  • 14. Chave 1 A verdade não cabe no interior de quem está cheio de si mesmo. A busca é um constante esvaziar-se. ● Pessoas são mais importantes do que coisas ● Humildade(lugar) / desinteresse(intenção) / desapego (escolha) ● Os Fariseus e o Filho que ficou têm em comum a lealdade à religião das aparências, que preenche a vida social/pública mas mantém o mundo interno petrificado. ● Quando eu me apego ao protocolo/dogma/rito eu me protejo da exposição genuína. Vivo uma vida insossa de significados ● O sal dá sabor, o conhecimento da verdade é o saber. ● Os relacionamentos de Jesus incomodam as castas e classes sociais do seu tempo porque sendo quem era, sua identidade ultrapassa os protocolos religiosos. "É lícito curar no sábado?" Eles, porém, calaram-se.
  • 15. Chave 2 "Muitos são os chamados, mas poucos são os escolhidos. Mas é também importante que os escolhidos escolham a causa que os escolheu." General Uchôa ● Somos constantemente convidados a viver uma vida de sentido e significado existencial (bodas) ● Mas nos distraímos das verdadeiras "urgências da vida" com o "espetáculo" da ilusão. (Guy Debord) ● O que realmente importa? ● As bodas, a ovelha perdida e a dracma: ○ Grandes avatares vem para os que estão perdidos e não "achados". Médicos são para enfermos. ○ Também representam o que há de mais valioso da existência humana: a comunhão multidimensional. Bodas Frustradas
  • 16. Chave 3 Senso de unidade comum a todos aqueles que se sentem pertencer juntos. Ubuntu: Eu sou o que sou, por causa daquilo que nós somos! ● A comunhão não é a dissolução da minha identidade ou a superação das diferenças. Comunhão é um estado de emergência da minha identidade num contexto onde todas as diferenças podem ser integradas de forma harmônica em prol da evolução do meio. ● Em comunhão com o Reino eu sou inteiro. Quando sou inteiro eu posso me doar. Eu só posso me doar para outro se eu antes me possuir. Eu só posso me possuir se eu me conhecer. ● É a realidade de nossa Dimensão Espiritual que irradia comunhão para todas as dimensões da vida. Comunhão: Comum União
  • 17. A autêntica comunhão com o TODO, em TODOS e em TUDO ESPIRITUAL FUNCIONAL BIOLÓGICO PSICOLÓGICO SOCIAL AMBIENTAL
  • 18. Chave 4 Na ausência da autêntica comunhão com o TODO em TODOS e em TUDO, fazemos merda na vida. ● Nós queremos buscar, mas não nos esvaziamos de nós mesmos. ● A vida vem e nos chacoalha. ● E no vazio, nos lembramos da única coisa que realmente importa. ● A figura do Deus que nos espera despertar da própria arrogância/ignorância ● (Reflexão) Quais as rebeliões da sua mente? Quando foi que você quis declarar a sua "independência" e acabou ferido e desgraçado? Por onde vagou a sua consciência? Quando seus recursos mentais foram desperdiçados ou esbanjados? Quanto o seu eu interior tem ansiado voltar para o meio do TODO? Porque este meu lho estava morto, e reviveu. "E, levantando-se, foi para seu pai; e, quando ainda estava longe, viu-o seu pai, e se moveu de íntima compaixão, e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou."
  • 19. Chave 5 O discipulado é coisa pra gente grande. Viver o Reino como um estado de consciência exige escolha e determinação. Estamos prontos para isso, de verdade? Ou ficaremos só no "like" por enquanto? Será que a gente dá conta?
  • 20. Fé Uma atitude mental positiva e pró-ativa com consequências empreendedoras. É uma expressão da vontade livre, um ato cívico do espírito materado, segundo sua cidadania espiritual. ↓ ↓ Cocriação CONSCIÊNCIA CONSISTÊNCIA COERÊNCIA CONHECIMENTO MOVIMENTO TRANSFORMAÇÃO PENSAR SENTIR AGIR
  • 21. Passo a passo da aula 38: ● Entra no site do CIRCULOESCOLA.COM ● Faça seu login
  • 22. Passo a passo da aula 38: No menu lateral na esquerda, clique em CURSOS DO CÍRCULO
  • 23. Clique no curso Yeshua Passo a passo da aula 38:
  • 24. Na guia de aulas na lateral, clique na aula 38 do módulo 6. Passo a passo da aula 38:
  • 25. Entre no link da sala de zoom. Passo a passo da aula 38:
  • 26. Passo a passo da aula 38: ● Entra no site do CIRCULOESCOLA.COM ● Faça seu login
  • 27. No menu lateral na esquerda, clique em CURSOS DO CÍRCULO Passo a passo da aula 38:
  • 28. Clique no curso Yeshua Passo a passo da aula 38:
  • 29. Na guia de aulas na lateral, clique na aula 38 do módulo 6. Passo a passo da aula 38:
  • 30. Entre no link da sala de zoom. Passo a passo da aula 38: