SlideShare uma empresa Scribd logo
PMO ENCONTROS ÁGEIS
7-JUN-17
Rodrigo R Garcia
rodrigorgarcia
@rodrigorgarcia
rodrigo@rrgarcia.com.br
Gestão de projetos PMO
PMP, PSM, ITIL, COBIT, OCEB-F, MCP Project, DevOps-F
Nota
Dado que a literatura de referência utilizada não possui tradução oficial para o português,
alguns termos foram mantidos na língua original
6 dias depois de uma
implantação bem sucedida, o
servidor começou a apresentar
alto consumo de processadores
Dev ou Ops?
Sábado, 3h da madrugada.
A aplicação foi finalmente
instalada em produção.
Login não funciona
Dev ou Ops?
Apenas 8 dias antes do ‘go live’, a
equipe de auditoria decidiu realizar
uma inspeção detalhada.
Descobriram que existe uma maneira
de realizar acessos irregulares
Dev ou Ops?
Apenas 8 dias antes do ‘go live’, a
equipe de auditoria decidiu realizar
uma inspeção detalhada.
Descobriram que existe uma maneira
de realizar acessos irregulares
Dev ou Ops?
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
Débito
técnico
http://www.fs.com/blog/wp-content/uploads/2015/05/5-mess-cabling.jpg
http://royal.pingdom.com/2008/01/09/the-worst-cable-mess-ever/http://geek-and-poke.com/geekandpoke/2013/11/20/technical-debts
Deploy
Timeline
Dias
Semanas
Meses
Semestres
Ops: Você teve 6 meses pra pedir
essa liberação de firewall
Ops: É o seu código!!!
Dev: É o seu servidor!!!
Tester: O bug da semana
passa voltou!!
CIO: As lojas abrem
em 3 horas!!
Dev: É a sua configuraçãor!!!
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
The chronich deadlock
https://www.theguardian.com/world/2017/may/27/british-airways-system-problem-delays-heathrow
“The computer crash affected BA’s booking system,
baggage handling, mobile phone apps and check-in desks,
leaving passengers facing long queues and confusion in
airports or delays while planes were held on runways”
“More than 1,000 flights were affected”
“Experts believe passengers will be affected for
several more days”
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
The chronich deadlock
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
The chronich deadlock
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
Trust culture
Responder rapidamente
às mudanças de negócio
Prover serviços estáveis,
seguros e previsíveis
Dev ou Ops?
Trust culture
DevOps
2009
O’Reilly Velocity
Conference
John Allspaw / Paul Hammond
“10+ Deploys per Day: Dev and
Ops Cooperation at Flickr.”
Devopsdays
(Ghent, Belgium)
Patrick Debois
Termo DevOps
Aparece pela 1ª vez
2010
1º US
Devopsdays
2011
DevOps
no Gartner
2012
Eventos
Devopsdays
se espalham
pelo mundo
2013
Gene Kim
Kevin Behr
George Spafford
2014
Target, Nordstrom
e LEGO adotam
práticas DevOps
“DevOps Enterprise: The
Agile, Continuous Delivery
and DevOps
Transformation Summit”
Primeiro evento corporativo
State of DevOps Report 2016
https://puppet.com/resources/whitepaper/2016-state-of-devops-report
State of DevOps Report 2016
https://puppet.com/resources/whitepaper/2016-state-of-devops-report
The three ways
Os princípios que sustentam DevOps
Fist Way: The principle of flow
Second Way: Amplify Feedback Loop
Third Way: Culture of Continual Experimentation
and Learning
Valores DevOps
CALMS
Culture (people and process)
Automation
Lean
Mesurement
Sharing
Princípios
• Torne o trabalho visível
• Limite o trabalho em progresso (WIP)
• Reduza o tamanho dos pacotes de trabalho
• Reduza a quantidade de ‘handoffs’
• Identifique e declare as restrições:
Elimine deserdícios
Trabalho parcialmente pronto
Processos extras
Recursos que trocam de atividades
Defeitos
Atos heircos
etc
Fist Way: The principle of flow
Idéia
Negócio
Cliente
Projetos de negócio Projetos de TI (internos)
ChangesTrabalho não planejado
Princípios
• Torne o tralho visível
• Limite o trablalho em progresso (WIP)
• Reduza o tamanho dos pacotes de trabalho
• Reduza a quantidade de ‘handoffs’
• Identifique e declare as restrições
• Elimine deserdícios:
Trabalho parcialmente pronto
Processos extras
Recursos que trocam de atividades
Defeitos
Atos heircos
etc
Práticas
• Continuous integration
• Continuous delivery
• Continuous deployment
• Mapa de fluxo de valor (Value stream mapping)
• Kanban
• Teoria das restrições (Theory of constraints)
Fist Way: The principle of flow
Idéia
Negócio
Cliente
https://xebia.github.io/cd-with-docker/#/2
Continous
Integration
Continous
Deployment
Continous
Delivery
IaC – Infrastructure as code – Possbilita que todas as estruturas (servidores,
configurações, etc) sejam reconstruídas com nada além de um repositório de
códigos, um backup da aplicação e alguns poucos recursos
Ambientes sob demanda – todos os ambientes, icluindo a produção,
desenvolvimento e testes precisam estar sincronizados
Testes em geral – QA, performance, regressivos, etc
Monitoramento preventivo dos componentes de infraestrutura, ambientes,
sistemas e serviços
Outras oportunidades de automação
Princípios
• Torne o tralho visível
• Limite o trablalho em progresso (WIP)
• Reduza o tamanho dos pacotes de trabalho
• Reduza a quantidade de ‘handoffs’
• Identifique e declare as restrições
• Elimine deserdícios:
Trabalho parcialmente pronto
Processos extras
Recursos que trocam de atividades
Defeitos
Atos heircos
etc
Práticas
• Continuous integration
• Continuous delivery
• Continuous deployment
• Mapa de fluxo de valor (Value stream mapping)
• Kanban
• Teoria das restrições (Theory of constraints)
Fist Way: The principle of flow
Idéia
Negócio
Cliente
Courtney Kissler - DevOps Cafe Episode 71
http://devopscafe.org/show/2017/5/25/devops-cafe-episode-71-courtney-kissler.html
00'13'00
document reality
00'14'06
(...) asking my team who all contributes to delivering that functionality into our store and let´s all get together and really document what
it takes, and not what we wanted to be, what the current state of reality is so we can problem solve against it, then you catch the
true baseline
So for me it is literally the steps along the way, the time of those steps, so capturing like the wait time, the process time, and really
coming up with what we consider to be our cycle time, like we know what it is and that enable us to say where are the biggest bottlenecks
in the system in a very fact based way (…)
Princípios:
• Considerar o problema quando ele ocorre
• Resolver o problema gerando novos conhecimentos
• Trazer questão de qualidade e segurança o mais
próximo da origem
• Otimizar continuamente os núcleos de trabalho
Benefícios:
• Defeitos e questões de segurança corrigidos mais
rápido do que nunca
• ‘User stories’ originadas na operação e segurança
como parte do backlog
• Comunicação e coordenação dos grupos
aprimorada
Second Way: Amplify Feedback Loop
• Altos níveis de confiança e diminuição das fronteiras entre as funções
• Adimitir que falhas irão ocorrer em ambientes complexos
• Tornar natural falar sobre problemas (safe system of work)
• Converter aprendizado local em global
• Institucionalizar o melhoria diária
Third Way: Culture of Continual Experimentation and Learning
https://medium.com/netflix-techblog/the-netflix-simian-army-16e57fbab116
Chaos Monkey
Uma ferramenta que aletatoriamente desabilita
instâncias de produção, certificando que
podemos sobreviver a este tipo de falha sem
nenhum impacto aos clientes
Simian Army
Chaos Monkey
Latency Monkey
Conformity Monkey
Doctor Monkey
Janitor Monkey
10-18 Monkey
Chaos Gorilla
Ferramentas
https://xebialabs.com/periodic-table-of-devops-tools/
State of DevOps 2017
https://puppet.com/resources/whitepaper/state-of-devops-report
Tradicionalmente, era esperado que líderes
fossem responsáveis por determinar os objetivos,
or recursos necessários e a combinação correta de
incentivos. Também deveriam determinar a
atmosfera emocinal. Em outras palavras, liderar
era “tomar todas as decisões corretas”
No entanto, evidências mostram que a grandeza
não é obtida desta forma. Na verdade o
papel do líder é criar o ambiente
para que o time descubra a
grandeza no trabalho diário. Em
outras palavras, criar grandeza
requer unicidade entre líderes e
liderados, onde um é mutualmente
dependente do outro.
DevOps Handbook, pag 44
State of DevOps 2017
https://puppet.com/resources/whitepaper/state-of-devops-report
Diminuição do gap entre as equipes de
maior e menor performance demonstra
aumento geral da velocidade de deploy.
Porém a qualidade ainda não está
acompanhado essa velocidade.
Nicole Forsgren
@nicolefv
Bridget Kromhout
@bridgetkromhout
Patrick Debois
@patrickdebois
Jez Humble
@jezhumble
Kelsey Hightower
@kelseyhigtower
GeneKim
@RealGeneKim
Indicações
PERGUNTAS
OBRIGADO!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

DevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia II
DevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia IIDevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia II
DevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia II
Alefe Variani
 
DevOps: princípios e práticas para a Entrega Contínua
DevOps: princípios e práticas para a Entrega ContínuaDevOps: princípios e práticas para a Entrega Contínua
DevOps: princípios e práticas para a Entrega Contínua
Otávio Calaça Xavier
 
DevOps no mundo real - QCON 2014
DevOps no mundo real - QCON 2014DevOps no mundo real - QCON 2014
DevOps no mundo real - QCON 2014
Rodrigo Campos
 
O que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBM
O que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBMO que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBM
O que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBM
Felipe Freire
 
DevOps é cultura, processo ou cargo ?
DevOps é cultura, processo ou cargo ?DevOps é cultura, processo ou cargo ?
DevOps é cultura, processo ou cargo ?
Carlos Felippe Cardoso
 
DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?
DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?
DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?
Thiago Ganzarolli
 
Implantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principiosImplantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principios
Carlos Felippe Cardoso
 
Quem e dev ops
Quem e dev opsQuem e dev ops
Quem e dev ops
Andre "Ramoni" Guimaraes
 
DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014
DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014
DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014
Leo Lorieri
 
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
Carlos Felippe Cardoso
 
DevOps - Estado da Arte
DevOps - Estado da ArteDevOps - Estado da Arte
DevOps - Estado da Arte
ilegra
 
Desenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvida
Desenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvidaDesenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvida
Desenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvida
Carlos Felippe Cardoso
 
Cultura DevOps
Cultura DevOpsCultura DevOps
Cultura DevOps
Carlos Felippe Cardoso
 
Infraestrutura como Código
Infraestrutura como CódigoInfraestrutura como Código
Infraestrutura como Código
instructbr
 
Um novo modelo de implantação do SEI no governo
Um novo modelo de implantação do SEI no governoUm novo modelo de implantação do SEI no governo
Um novo modelo de implantação do SEI no governo
instructbr
 
DevOps Apresentação Encontro Rational 2013
DevOps Apresentação Encontro Rational 2013DevOps Apresentação Encontro Rational 2013
DevOps Apresentação Encontro Rational 2013
Felipe Freire
 
Testes automatizados - Agile Day
Testes automatizados -  Agile DayTestes automatizados -  Agile Day
Testes automatizados - Agile Day
Carlos Felippe Cardoso
 
Boas práticas para deploy contínuo com drupal
Boas práticas para deploy contínuo com drupalBoas práticas para deploy contínuo com drupal
Boas práticas para deploy contínuo com drupal
Renato Vasconcellos Gomes
 
E se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOps
E se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOpsE se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOps
E se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOps
Edson Celio
 
Introdução a DevOps e Continuous delivery agileday
Introdução a DevOps e Continuous delivery   agiledayIntrodução a DevOps e Continuous delivery   agileday
Introdução a DevOps e Continuous delivery agileday
Carlos Felippe Cardoso
 

Mais procurados (20)

DevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia II
DevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia IIDevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia II
DevOps II - Ambientes padronizados e Monitoramento da Aplicação | Monografia II
 
DevOps: princípios e práticas para a Entrega Contínua
DevOps: princípios e práticas para a Entrega ContínuaDevOps: princípios e práticas para a Entrega Contínua
DevOps: princípios e práticas para a Entrega Contínua
 
DevOps no mundo real - QCON 2014
DevOps no mundo real - QCON 2014DevOps no mundo real - QCON 2014
DevOps no mundo real - QCON 2014
 
O que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBM
O que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBMO que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBM
O que é DevOps? Introdução à abordagem pela IBM
 
DevOps é cultura, processo ou cargo ?
DevOps é cultura, processo ou cargo ?DevOps é cultura, processo ou cargo ?
DevOps é cultura, processo ou cargo ?
 
DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?
DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?
DevOps, NoOps...afinal que raios é isso?
 
Implantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principiosImplantando continuous delivery e seus oito principios
Implantando continuous delivery e seus oito principios
 
Quem e dev ops
Quem e dev opsQuem e dev ops
Quem e dev ops
 
DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014
DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014
DevOps com Exemplos Práticos - QConRio 2014
 
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21Continuous delivery   principios e praticas - Knowledge21
Continuous delivery principios e praticas - Knowledge21
 
DevOps - Estado da Arte
DevOps - Estado da ArteDevOps - Estado da Arte
DevOps - Estado da Arte
 
Desenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvida
Desenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvidaDesenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvida
Desenvolvimento Ágil e a mudança de mindset envolvida
 
Cultura DevOps
Cultura DevOpsCultura DevOps
Cultura DevOps
 
Infraestrutura como Código
Infraestrutura como CódigoInfraestrutura como Código
Infraestrutura como Código
 
Um novo modelo de implantação do SEI no governo
Um novo modelo de implantação do SEI no governoUm novo modelo de implantação do SEI no governo
Um novo modelo de implantação do SEI no governo
 
DevOps Apresentação Encontro Rational 2013
DevOps Apresentação Encontro Rational 2013DevOps Apresentação Encontro Rational 2013
DevOps Apresentação Encontro Rational 2013
 
Testes automatizados - Agile Day
Testes automatizados -  Agile DayTestes automatizados -  Agile Day
Testes automatizados - Agile Day
 
Boas práticas para deploy contínuo com drupal
Boas práticas para deploy contínuo com drupalBoas práticas para deploy contínuo com drupal
Boas práticas para deploy contínuo com drupal
 
E se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOps
E se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOpsE se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOps
E se ao invés de Dev e Ops for DevOps? Uma introdução a cultura DevOps
 
Introdução a DevOps e Continuous delivery agileday
Introdução a DevOps e Continuous delivery   agiledayIntrodução a DevOps e Continuous delivery   agileday
Introdução a DevOps e Continuous delivery agileday
 

Semelhante a Webinar DevOps - Encontros Ágeis

Apresentacao dev ops
Apresentacao dev opsApresentacao dev ops
Apresentacao dev ops
Carlos Wagner Costa
 
DevOps - Operação contínua
DevOps - Operação contínuaDevOps - Operação contínua
DevOps - Operação contínua
Luís Cesar Teodoro
 
DevOps
DevOpsDevOps
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Anderson Silveira
 
DevOps, por onde começar
DevOps, por onde começarDevOps, por onde começar
DevOps, por onde começar
Adriano Tavares
 
Iac & DevOps no Azure: Automatizando deployments
Iac & DevOps no Azure: Automatizando deploymentsIac & DevOps no Azure: Automatizando deployments
Iac & DevOps no Azure: Automatizando deployments
Ricardo Martins ☁
 
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégiasAutomação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
Kleitor Franklint Correa Araujo
 
QConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous Delivery
QConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous DeliveryQConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous Delivery
QConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous Delivery
Rodrigo Russo
 
ERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a Qualidade
ERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a QualidadeERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a Qualidade
ERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a Qualidade
André Abe Vicente
 
Tendências e Dicas para o Desenvolvimento de Software
Tendências e Dicas para o Desenvolvimento de SoftwareTendências e Dicas para o Desenvolvimento de Software
Tendências e Dicas para o Desenvolvimento de Software
Norberto Santos
 
ASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis Paulino
ASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis PaulinoASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis Paulino
ASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis Paulino
Comunidade NetPonto
 
O Impacto da adoção de DevOps na qualidade
O Impacto da adoção de DevOps na qualidadeO Impacto da adoção de DevOps na qualidade
O Impacto da adoção de DevOps na qualidade
Antônio Carlos
 
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App InsightsDevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
Adriano Bertucci
 
DevOps e App Insights
DevOps e App InsightsDevOps e App Insights
DevOps e App Insights
Guilherme Cardoso
 
Gestão da Qualidade - Metodologia ágil
Gestão da Qualidade - Metodologia ágilGestão da Qualidade - Metodologia ágil
Gestão da Qualidade - Metodologia ágil
Sabrina Mariana
 
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
Sabrina Mariana
 
Aula 3 - Engenharia de Software
Aula 3 - Engenharia de SoftwareAula 3 - Engenharia de Software
Aula 3 - Engenharia de Software
Rudson Kiyoshi Souza Carvalho
 
E so mais um campinho na tela
E so mais um campinho na telaE so mais um campinho na tela
E so mais um campinho na tela
Vandre Ramos, MSc, MBA, CSM
 
DevOps é SIM uma questão de QA
DevOps é SIM uma questão de QADevOps é SIM uma questão de QA
DevOps é SIM uma questão de QA
Kamilla Queiroz Xavier
 
Tdc continuous testing
Tdc   continuous testing Tdc   continuous testing
Tdc continuous testing
Walter Farias
 

Semelhante a Webinar DevOps - Encontros Ágeis (20)

Apresentacao dev ops
Apresentacao dev opsApresentacao dev ops
Apresentacao dev ops
 
DevOps - Operação contínua
DevOps - Operação contínuaDevOps - Operação contínua
DevOps - Operação contínua
 
DevOps
DevOpsDevOps
DevOps
 
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
Como aplicar práticas DevOps em um sistema monólito
 
DevOps, por onde começar
DevOps, por onde começarDevOps, por onde começar
DevOps, por onde começar
 
Iac & DevOps no Azure: Automatizando deployments
Iac & DevOps no Azure: Automatizando deploymentsIac & DevOps no Azure: Automatizando deployments
Iac & DevOps no Azure: Automatizando deployments
 
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégiasAutomação de testes - uma introdução sobre estratégias
Automação de testes - uma introdução sobre estratégias
 
QConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous Delivery
QConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous DeliveryQConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous Delivery
QConRio 2014 - Tutorial Iniciando Com Continuous Delivery
 
ERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a Qualidade
ERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a QualidadeERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a Qualidade
ERES 2018 - Microserviços: Desafios para Lidar com a Qualidade
 
Tendências e Dicas para o Desenvolvimento de Software
Tendências e Dicas para o Desenvolvimento de SoftwareTendências e Dicas para o Desenvolvimento de Software
Tendências e Dicas para o Desenvolvimento de Software
 
ASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis Paulino
ASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis PaulinoASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis Paulino
ASP.Net Performance – A pragmatic approach - Luis Paulino
 
O Impacto da adoção de DevOps na qualidade
O Impacto da adoção de DevOps na qualidadeO Impacto da adoção de DevOps na qualidade
O Impacto da adoção de DevOps na qualidade
 
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App InsightsDevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
DevOps... O caminho! - Monitoramento de aplicações com App Insights
 
DevOps e App Insights
DevOps e App InsightsDevOps e App Insights
DevOps e App Insights
 
Gestão da Qualidade - Metodologia ágil
Gestão da Qualidade - Metodologia ágilGestão da Qualidade - Metodologia ágil
Gestão da Qualidade - Metodologia ágil
 
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
 
Aula 3 - Engenharia de Software
Aula 3 - Engenharia de SoftwareAula 3 - Engenharia de Software
Aula 3 - Engenharia de Software
 
E so mais um campinho na tela
E so mais um campinho na telaE so mais um campinho na tela
E so mais um campinho na tela
 
DevOps é SIM uma questão de QA
DevOps é SIM uma questão de QADevOps é SIM uma questão de QA
DevOps é SIM uma questão de QA
 
Tdc continuous testing
Tdc   continuous testing Tdc   continuous testing
Tdc continuous testing
 

Último

PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
Faga1939
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
Momento da Informática
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
2m Assessoria
 
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Danilo Pinotti
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Momento da Informática
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
Momento da Informática
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
TomasSousa7
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
joaovmp3
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Gabriel de Mattos Faustino
 

Último (10)

PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
 
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - ADSIS - ESTRUTURA DE DADOS II - 52_2024.docx
 
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
 

Webinar DevOps - Encontros Ágeis

  • 2. Rodrigo R Garcia rodrigorgarcia @rodrigorgarcia rodrigo@rrgarcia.com.br Gestão de projetos PMO PMP, PSM, ITIL, COBIT, OCEB-F, MCP Project, DevOps-F
  • 3. Nota Dado que a literatura de referência utilizada não possui tradução oficial para o português, alguns termos foram mantidos na língua original
  • 4. 6 dias depois de uma implantação bem sucedida, o servidor começou a apresentar alto consumo de processadores Dev ou Ops?
  • 5. Sábado, 3h da madrugada. A aplicação foi finalmente instalada em produção. Login não funciona Dev ou Ops?
  • 6. Apenas 8 dias antes do ‘go live’, a equipe de auditoria decidiu realizar uma inspeção detalhada. Descobriram que existe uma maneira de realizar acessos irregulares Dev ou Ops?
  • 7. Apenas 8 dias antes do ‘go live’, a equipe de auditoria decidiu realizar uma inspeção detalhada. Descobriram que existe uma maneira de realizar acessos irregulares Dev ou Ops?
  • 8. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops?
  • 9. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops? Débito técnico
  • 12. Ops: Você teve 6 meses pra pedir essa liberação de firewall Ops: É o seu código!!! Dev: É o seu servidor!!! Tester: O bug da semana passa voltou!! CIO: As lojas abrem em 3 horas!! Dev: É a sua configuraçãor!!!
  • 13. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops? The chronich deadlock
  • 14. https://www.theguardian.com/world/2017/may/27/british-airways-system-problem-delays-heathrow “The computer crash affected BA’s booking system, baggage handling, mobile phone apps and check-in desks, leaving passengers facing long queues and confusion in airports or delays while planes were held on runways” “More than 1,000 flights were affected” “Experts believe passengers will be affected for several more days”
  • 15. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops? The chronich deadlock
  • 16. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops? The chronich deadlock
  • 17. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops? Trust culture
  • 18. Responder rapidamente às mudanças de negócio Prover serviços estáveis, seguros e previsíveis Dev ou Ops? Trust culture DevOps
  • 19. 2009 O’Reilly Velocity Conference John Allspaw / Paul Hammond “10+ Deploys per Day: Dev and Ops Cooperation at Flickr.” Devopsdays (Ghent, Belgium) Patrick Debois Termo DevOps Aparece pela 1ª vez 2010 1º US Devopsdays 2011 DevOps no Gartner 2012 Eventos Devopsdays se espalham pelo mundo 2013 Gene Kim Kevin Behr George Spafford 2014 Target, Nordstrom e LEGO adotam práticas DevOps “DevOps Enterprise: The Agile, Continuous Delivery and DevOps Transformation Summit” Primeiro evento corporativo
  • 20. State of DevOps Report 2016 https://puppet.com/resources/whitepaper/2016-state-of-devops-report
  • 21. State of DevOps Report 2016 https://puppet.com/resources/whitepaper/2016-state-of-devops-report
  • 22. The three ways Os princípios que sustentam DevOps Fist Way: The principle of flow Second Way: Amplify Feedback Loop Third Way: Culture of Continual Experimentation and Learning Valores DevOps CALMS Culture (people and process) Automation Lean Mesurement Sharing
  • 23. Princípios • Torne o trabalho visível • Limite o trabalho em progresso (WIP) • Reduza o tamanho dos pacotes de trabalho • Reduza a quantidade de ‘handoffs’ • Identifique e declare as restrições: Elimine deserdícios Trabalho parcialmente pronto Processos extras Recursos que trocam de atividades Defeitos Atos heircos etc Fist Way: The principle of flow Idéia Negócio Cliente
  • 24. Projetos de negócio Projetos de TI (internos) ChangesTrabalho não planejado
  • 25. Princípios • Torne o tralho visível • Limite o trablalho em progresso (WIP) • Reduza o tamanho dos pacotes de trabalho • Reduza a quantidade de ‘handoffs’ • Identifique e declare as restrições • Elimine deserdícios: Trabalho parcialmente pronto Processos extras Recursos que trocam de atividades Defeitos Atos heircos etc Práticas • Continuous integration • Continuous delivery • Continuous deployment • Mapa de fluxo de valor (Value stream mapping) • Kanban • Teoria das restrições (Theory of constraints) Fist Way: The principle of flow Idéia Negócio Cliente
  • 26. https://xebia.github.io/cd-with-docker/#/2 Continous Integration Continous Deployment Continous Delivery IaC – Infrastructure as code – Possbilita que todas as estruturas (servidores, configurações, etc) sejam reconstruídas com nada além de um repositório de códigos, um backup da aplicação e alguns poucos recursos Ambientes sob demanda – todos os ambientes, icluindo a produção, desenvolvimento e testes precisam estar sincronizados Testes em geral – QA, performance, regressivos, etc Monitoramento preventivo dos componentes de infraestrutura, ambientes, sistemas e serviços Outras oportunidades de automação
  • 27. Princípios • Torne o tralho visível • Limite o trablalho em progresso (WIP) • Reduza o tamanho dos pacotes de trabalho • Reduza a quantidade de ‘handoffs’ • Identifique e declare as restrições • Elimine deserdícios: Trabalho parcialmente pronto Processos extras Recursos que trocam de atividades Defeitos Atos heircos etc Práticas • Continuous integration • Continuous delivery • Continuous deployment • Mapa de fluxo de valor (Value stream mapping) • Kanban • Teoria das restrições (Theory of constraints) Fist Way: The principle of flow Idéia Negócio Cliente Courtney Kissler - DevOps Cafe Episode 71 http://devopscafe.org/show/2017/5/25/devops-cafe-episode-71-courtney-kissler.html 00'13'00 document reality 00'14'06 (...) asking my team who all contributes to delivering that functionality into our store and let´s all get together and really document what it takes, and not what we wanted to be, what the current state of reality is so we can problem solve against it, then you catch the true baseline So for me it is literally the steps along the way, the time of those steps, so capturing like the wait time, the process time, and really coming up with what we consider to be our cycle time, like we know what it is and that enable us to say where are the biggest bottlenecks in the system in a very fact based way (…)
  • 28. Princípios: • Considerar o problema quando ele ocorre • Resolver o problema gerando novos conhecimentos • Trazer questão de qualidade e segurança o mais próximo da origem • Otimizar continuamente os núcleos de trabalho Benefícios: • Defeitos e questões de segurança corrigidos mais rápido do que nunca • ‘User stories’ originadas na operação e segurança como parte do backlog • Comunicação e coordenação dos grupos aprimorada Second Way: Amplify Feedback Loop
  • 29. • Altos níveis de confiança e diminuição das fronteiras entre as funções • Adimitir que falhas irão ocorrer em ambientes complexos • Tornar natural falar sobre problemas (safe system of work) • Converter aprendizado local em global • Institucionalizar o melhoria diária Third Way: Culture of Continual Experimentation and Learning
  • 30. https://medium.com/netflix-techblog/the-netflix-simian-army-16e57fbab116 Chaos Monkey Uma ferramenta que aletatoriamente desabilita instâncias de produção, certificando que podemos sobreviver a este tipo de falha sem nenhum impacto aos clientes Simian Army Chaos Monkey Latency Monkey Conformity Monkey Doctor Monkey Janitor Monkey 10-18 Monkey Chaos Gorilla
  • 33. State of DevOps 2017 https://puppet.com/resources/whitepaper/state-of-devops-report Tradicionalmente, era esperado que líderes fossem responsáveis por determinar os objetivos, or recursos necessários e a combinação correta de incentivos. Também deveriam determinar a atmosfera emocinal. Em outras palavras, liderar era “tomar todas as decisões corretas” No entanto, evidências mostram que a grandeza não é obtida desta forma. Na verdade o papel do líder é criar o ambiente para que o time descubra a grandeza no trabalho diário. Em outras palavras, criar grandeza requer unicidade entre líderes e liderados, onde um é mutualmente dependente do outro. DevOps Handbook, pag 44
  • 34. State of DevOps 2017 https://puppet.com/resources/whitepaper/state-of-devops-report Diminuição do gap entre as equipes de maior e menor performance demonstra aumento geral da velocidade de deploy. Porém a qualidade ainda não está acompanhado essa velocidade.
  • 35. Nicole Forsgren @nicolefv Bridget Kromhout @bridgetkromhout Patrick Debois @patrickdebois Jez Humble @jezhumble Kelsey Hightower @kelseyhigtower GeneKim @RealGeneKim Indicações

Notas do Editor

  1. Responsabilidades Dev e Ops
  2. Quando a pressão aumenta do lado do Dev, mais e mais códigos vão sendo colocados em produção tornando cada vez mais difícil encontrar erros e criando débito técnico
  3. Debito tecnico começa assim
  4. e se torna isso Deploy começa a ficar cada vez mais complicado O que demorava uma ou duas horas, começa demorar 5, depois 10, depois todo o sábado Funcionalidades que estavam funcionando param de funcionar
  5. A distância entre deploys começa a aumentar na tentativa de minimizar o risco. Porém quanto maior a distancia mais ‘moving parts’
  6. Até que realizar um deploy se torna uma jornada épica
  7. Responsabilidades Dev e Ops
  8. Até que a frustração toma conta e parece que não há mais saída. E não importa mais se é Dev ou Ops, o negócio passa a sofrer as consequencias
  9. Responsabilidades Dev e Ops
  10. Responsabilidades Dev e Ops
  11. Responsabilidades Dev e Ops
  12. Responsabilidades Dev e Ops