SlideShare uma empresa Scribd logo
TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
na Floresta
Agenda
• CURRICULUM
• QUEM SOMOS
• TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
• CASES NA FLORESTAL
• PERGUNTAS?
RESUMO ACADÊMICO
• Graduação em Engenharia Florestal - 1998
• Mestrado em Manejo Florestal – Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto - 2001
• MBA Gestão Florestal - 2011
• MBA em Data Science e Analytics - 2022
RESUMO PROFISSIONAL
• Consultor projetos desenvolvimento agrário – AGRARIA/Minist. da Agricultura – 1999  2001
• Gerente de Projetos de Geotecnologias – Silviconsult/Poyri – 2001  2003
• Consultor em Desenvolvimento Tecnológicos – PMColombo – 2003  2004
• Especialista em Geotecnologias – CENIBRA – 2004  2010
• Coordenador de Geotecnologias e Cadastro Florestal – FIBRIA – 2010  2018
• Consultor em Geotecnologias e Analytics – SUZANO – 2018  atual
linkedin.com/in/dennis-bernardi
Quem
e nós
queremos
mil
colaboradore
s
+15.000 diretos
+20.000 indiretos
melhorar
abrir
o dia a dia das pessoas
novos
caminhos
países
Nossos produtos
abastecem
bilhões
de pessoas são impactadas com
nossas transformações
Onde
milhão
de hectares de
áreas plantadas
Fábricas
Suzano, Limeira, Rio Verde,
Jacareí, Aracruz, Mucuri, Três
Lagoas, Imperatriz, Belém,
Fortaleza e a joint operation
Veracel
centros de
distribuição no
Brasil
centros de
tecnologia
China, Áustria, Suíça, Estados
Unidos e Argentina
Escritórios
internacionais
portos
O que
Celulose Papel
Cultivo de eucalipto
Base renovável
1 0 , 9 M I L H Õ E S
T O N / A N O
1 , 4 M I L H Ã O
T O N / A N O
Nós produzimos
Bens de consumo
1 7 0 M I L
T O N / A N O
novas aplicações
E buscamos
Bioestratégia
Bio-óleo
Lignina
Celulose
microfibrilada
Celulose solúvel e
açúcares derivados
Celulose
nanocristalina
Como
é central para nossa
estratégia
sustentabilidade
mil
hectares de áreas destinadas à
conservação, incluindo o
Parque das Neblinas
900 +400
presentes em
municípios no Brasil, beneficiando
+8 mil
famílias
em
recuperação
+330
no projeto Nascentes do Mucuri
nascentes
bibliotecas
comunitárias
do Instituto Ecofuturo
+110
Transformação
Transformação Digital na Floresta
Pilares e Curva da Mudança
FLORESTA 4.0
Conceitos – Transformação Digital na Suzano
Migração de processos, mesmo que com
coletas manuais, para o formato digital
Exemplos: Formulários digitais ao invés de
impressos. Otimizando assim apontamentos e
coletas de informações, porém com
apontamentos manuais ainda
Utilização de dados provenientes de Computadores
de Bordo e Formulário Digitais para substituir
processos, eliminar intervenção humana e obter
Insights operacionais
Exemplos: controles de qualidade, apontamentos de
produção, tempos de parada, produtividade de
operadores
DIGITALIZAÇÃO
MECANIZAÇÃO
Migração de processos manuais para
processos mecanizados ou semi
mecanizados
Exemplos: Alinhamento sem e com piloto
automático, Preparo de solo, Combate a
Formiga Mecanizado, Plantio Mecanizado
TRABALHOS MANUAIS
Atividades executadas manualmente,
sem apoio de processos digitais
Exemplos: plantio manual
Case
Origem dos Dados
SAP Old Fíbria
ZVPMM1129_037
Base Unificada Insigths
Base Eixos Estradas
Suzano MS
Separação das Rotas do
H013 Brasileira
Rastreamento de
Caminhos Creare
Tratamento dos dados e
segregação H013
Brasileira
Nome da
Transportadora
• Case H013 – Brasileira
• Transporte por TriTrem e PentaTrem
Etapas do Processo
Etapas do Processo
Limpeza de Outliers
• Base Inicial  693.247 ptos
• Pré Filtro  retirados 158.515 ptos  534.733 ptos
• Placa/Dia – No mesmo dia o veículo fez viagem mistas para dif.
projetos
• Podendo ser rastreio de outros veículos
• Filtro Final  retirados 126.765 ptos  407.967 ptos
• Ciclos completos
VazioCarregandoCarregadoDescarregando
Etapas do Processo
Conexão com base SAP/RCM
1.992 Viagens rastreadas POC
1.987 Viagens conectadas RCM – 99,75%
POC rastreamos 141.698 m³ de 307.124 m³
transportados – 46,1%
Status Carga e Ciclo
Fazenda
Carregando
Fábrica
Descarregand
o
Trecho de Asfalto Trecho de Terra
Vazio
Carregado
Inicio Ciclo
Fim Ciclo
Gestão Consolidada,
via SAP, tempo de
fila é indicador nas
unidades
Tempo Ciclo Médio
Tempo Médio Parado
Tempo Total x Tempo Parado
Tempo Total 26.324 horas
Ligado  18.467 horas – 70,2%
Desligado  7.857 horas – 29,2%
Rodando 8.768 horas  33,3%
Parado 17.556 horas  66,7%
Ligado  9.699horas  36,8%
Desligado  7.857 horas – 29,8%
Principais Pontos de Parada
Validação de Campo – Pontos de Parada
Pto Parada em Rodovia – Entrega Faz. São João Batista
Ex. Sem Motivo
Ptos parada em Rodovia e Estradão
Ex. Sem Motivo
Pto Pontes e Barramentos
Ex. Estreitamento Pista
Tempo Parado x Redução Tempo de Ciclo
Tempo Parado POC
Estreitamentos  109h (Vazio) + 262h (Carregado) = 371h
 9 min / caminhão / viagem
Sem Motivo  620h (Vazio) + 169 (Carregadoo) = 255h
 6 min / caminhão / viagem
Reaperto  959h (Carregado) = 959h
 26 min / caminhão / viagem
Oportunidade para Catracas Automáticas
Variação da Velocidade Média
Carregado
Vazio
Uso dados HPR
Comprimento de Toras
Case
O que São Dados HPR
HPR – Harvester PRodution
Dados referentes a produção do Harvester
• Data/Hora/Coordenadas
• Fuste/Toras/Comprimento/Diâmetro
StanForD
2006 – Pré estudo
1ª Versão 2011
https://www.skogforsk.se/english/projects/stanf
ord/
Fluxo do Processo
Harvester gravando
dados HPR e
Transmitindo via
BobAgro
Atualização 1x
ao dia do
PowerBI
Publicado com
dados do dia
anterior
Automatização
via Python, baixa
e padroniza os
dados, 1x ao dia
Banco de dados
espacial com 100%
das toras
processadas.
Geração de resumo
para consumo no
PowerBI
HPR até Power BI dashboard!
Portal BobAgro
entrega dados em
formato JSON para
Suzano
Classificação Toras
COMPRIMENTOS ESPERADOS POR
UNIDADE
• SP
• 3,60m - 6,30m - 6,80m
• MA
• 7,00m
• BA/ES
• 6,50m - 6,80m - 7,00m e 3,5m (fomento)
• MS
• 6,50m - 6,80m
Elaborado modelo sistêmico para identificar o comprimento definido para
cada UP, sem necessidade de cadastro, por UP, do mesmo em alguma tabela
de apoio!
Resultados Power BI – Visão Gerencial
Resultados Power BI – Visão Gerencial
Resultados Power BI – Visão Gerencial
Resultados Power BI – Visão Operacional
Resultados Power BI – Visão Operacional
Resultados Power BI – Visão Operacional
Resultados Power BI – Visão Operacional
Resultados Power BI – Visão Operacional
OBRIGADO
Dennis Bernardi
dennis.bernardi@suzano.com.br
linkedin.com/in/dennis-bernardi
Perguntas?

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Transformação Digital na Floresta

PLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW Brasil
PLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW BrasilPLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW Brasil
PLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW Brasil
CADWARE-TECHNOLOGY
 
Umbirussu Simulacao CCT
Umbirussu   Simulacao CCTUmbirussu   Simulacao CCT
Umbirussu Simulacao CCT
João Umbiruçu Campos Mundim
 
Próxima - Soluções em Agronegócio
Próxima - Soluções em AgronegócioPróxima - Soluções em Agronegócio
Próxima - Soluções em Agronegócio
datasul20
 
Análise de sensibilidade cct cana crua
Análise de sensibilidade cct cana cruaAnálise de sensibilidade cct cana crua
Análise de sensibilidade cct cana crua
Rafael José Rorato
 
Soft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo Maint
Soft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo MaintSoft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo Maint
Soft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo Maint
Soft Institute - Informática e Serviços, Lda
 
Soft Institute | Dimo Maint | Gestão da Manutenção
Soft Institute | Dimo Maint | Gestão da ManutençãoSoft Institute | Dimo Maint | Gestão da Manutenção
Soft Institute | Dimo Maint | Gestão da Manutenção
MARGARIDA SANTOALHA
 
Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...
Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...
Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...
Wellington Lopes
 
2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental
2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental
2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental
George Porto Ferreira
 
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa NacionalRio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info
 
IHM ENGENHARIA
IHM ENGENHARIAIHM ENGENHARIA
IHM ENGENHARIA
IHM Engenharia
 
AutomationEdge Brasil Quality S.A.
AutomationEdge Brasil Quality S.A. AutomationEdge Brasil Quality S.A.
AutomationEdge Brasil Quality S.A.
Jorge Biesczad Jr.
 
Software DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção | Apresentação
Software DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção  | ApresentaçãoSoftware DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção  | Apresentação
Software DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção | Apresentação
Soft Institute - Informática e Serviços, Lda
 
COMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICO
COMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICOCOMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICO
COMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICO
Marcio Venturelli
 
Distância de Baldeio
Distância de BaldeioDistância de Baldeio
Distância de Baldeio
Dennis Bernardi
 
CNC - Comandos Numéricos Computadorizados
CNC - Comandos Numéricos ComputadorizadosCNC - Comandos Numéricos Computadorizados
CNC - Comandos Numéricos Computadorizados
geninhomarrafao
 
BPM Day Paraíba 2018 - Maurício Bitencourt
BPM Day Paraíba 2018 - Maurício BitencourtBPM Day Paraíba 2018 - Maurício Bitencourt
BPM Day Paraíba 2018 - Maurício Bitencourt
Mauricio Bitencourt, CBPP
 
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy ModelBig Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Carlos Barbieri
 
Niver PG 2017
Niver PG 2017Niver PG 2017
Niver PG 2017
Franciel Oliveira
 
PRC+QY 2015-Super Liga de Aço
PRC+QY 2015-Super Liga de AçoPRC+QY 2015-Super Liga de Aço
PRC+QY 2015-Super Liga de Aço
Ana Marotti
 
Manufatura Digital
Manufatura Digital Manufatura Digital
Manufatura Digital
Raihsa
 

Semelhante a Transformação Digital na Floresta (20)

PLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW Brasil
PLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW BrasilPLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW Brasil
PLM-Summit 2014 | 8-9 abril | Apresentação 02/14 | Sandra Zimmermann | VW Brasil
 
Umbirussu Simulacao CCT
Umbirussu   Simulacao CCTUmbirussu   Simulacao CCT
Umbirussu Simulacao CCT
 
Próxima - Soluções em Agronegócio
Próxima - Soluções em AgronegócioPróxima - Soluções em Agronegócio
Próxima - Soluções em Agronegócio
 
Análise de sensibilidade cct cana crua
Análise de sensibilidade cct cana cruaAnálise de sensibilidade cct cana crua
Análise de sensibilidade cct cana crua
 
Soft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo Maint
Soft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo MaintSoft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo Maint
Soft Institute | Gestão da Manutenção - Software Dimo Maint
 
Soft Institute | Dimo Maint | Gestão da Manutenção
Soft Institute | Dimo Maint | Gestão da ManutençãoSoft Institute | Dimo Maint | Gestão da Manutenção
Soft Institute | Dimo Maint | Gestão da Manutenção
 
Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...
Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...
Arquitetura de integração entre máquinas, implementos e sistemas de gestão ag...
 
2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental
2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental
2016 - WebGis para apoio ao licenciamento e regularização ambiental
 
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa NacionalRio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
Rio Info 2010 - Fórum de Negócios - Mercado de Petróleo - Mesa Nacional
 
IHM ENGENHARIA
IHM ENGENHARIAIHM ENGENHARIA
IHM ENGENHARIA
 
AutomationEdge Brasil Quality S.A.
AutomationEdge Brasil Quality S.A. AutomationEdge Brasil Quality S.A.
AutomationEdge Brasil Quality S.A.
 
Software DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção | Apresentação
Software DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção  | ApresentaçãoSoftware DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção  | Apresentação
Software DimoMaint | Aplicado à Gestão da Manutenção | Apresentação
 
COMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICO
COMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICOCOMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICO
COMO FAZER A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NO SETOR SUCROENERGÉTICO
 
Distância de Baldeio
Distância de BaldeioDistância de Baldeio
Distância de Baldeio
 
CNC - Comandos Numéricos Computadorizados
CNC - Comandos Numéricos ComputadorizadosCNC - Comandos Numéricos Computadorizados
CNC - Comandos Numéricos Computadorizados
 
BPM Day Paraíba 2018 - Maurício Bitencourt
BPM Day Paraíba 2018 - Maurício BitencourtBPM Day Paraíba 2018 - Maurício Bitencourt
BPM Day Paraíba 2018 - Maurício Bitencourt
 
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy ModelBig Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
Big Data e Governança de Dados, via DMM-Data Management Maturiy Model
 
Niver PG 2017
Niver PG 2017Niver PG 2017
Niver PG 2017
 
PRC+QY 2015-Super Liga de Aço
PRC+QY 2015-Super Liga de AçoPRC+QY 2015-Super Liga de Aço
PRC+QY 2015-Super Liga de Aço
 
Manufatura Digital
Manufatura Digital Manufatura Digital
Manufatura Digital
 

Transformação Digital na Floresta

  • 2. Agenda • CURRICULUM • QUEM SOMOS • TRANSFORMAÇÃO DIGITAL • CASES NA FLORESTAL • PERGUNTAS?
  • 3. RESUMO ACADÊMICO • Graduação em Engenharia Florestal - 1998 • Mestrado em Manejo Florestal – Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto - 2001 • MBA Gestão Florestal - 2011 • MBA em Data Science e Analytics - 2022 RESUMO PROFISSIONAL • Consultor projetos desenvolvimento agrário – AGRARIA/Minist. da Agricultura – 1999  2001 • Gerente de Projetos de Geotecnologias – Silviconsult/Poyri – 2001  2003 • Consultor em Desenvolvimento Tecnológicos – PMColombo – 2003  2004 • Especialista em Geotecnologias – CENIBRA – 2004  2010 • Coordenador de Geotecnologias e Cadastro Florestal – FIBRIA – 2010  2018 • Consultor em Geotecnologias e Analytics – SUZANO – 2018  atual linkedin.com/in/dennis-bernardi
  • 5. e nós queremos mil colaboradore s +15.000 diretos +20.000 indiretos melhorar abrir o dia a dia das pessoas novos caminhos
  • 6. países Nossos produtos abastecem bilhões de pessoas são impactadas com nossas transformações
  • 8. milhão de hectares de áreas plantadas Fábricas Suzano, Limeira, Rio Verde, Jacareí, Aracruz, Mucuri, Três Lagoas, Imperatriz, Belém, Fortaleza e a joint operation Veracel centros de distribuição no Brasil centros de tecnologia China, Áustria, Suíça, Estados Unidos e Argentina Escritórios internacionais portos
  • 10. Celulose Papel Cultivo de eucalipto Base renovável 1 0 , 9 M I L H Õ E S T O N / A N O 1 , 4 M I L H Ã O T O N / A N O Nós produzimos Bens de consumo 1 7 0 M I L T O N / A N O
  • 12. Como
  • 13. é central para nossa estratégia sustentabilidade mil hectares de áreas destinadas à conservação, incluindo o Parque das Neblinas 900 +400 presentes em municípios no Brasil, beneficiando +8 mil famílias em recuperação +330 no projeto Nascentes do Mucuri nascentes bibliotecas comunitárias do Instituto Ecofuturo +110
  • 16. Pilares e Curva da Mudança
  • 17. FLORESTA 4.0 Conceitos – Transformação Digital na Suzano Migração de processos, mesmo que com coletas manuais, para o formato digital Exemplos: Formulários digitais ao invés de impressos. Otimizando assim apontamentos e coletas de informações, porém com apontamentos manuais ainda Utilização de dados provenientes de Computadores de Bordo e Formulário Digitais para substituir processos, eliminar intervenção humana e obter Insights operacionais Exemplos: controles de qualidade, apontamentos de produção, tempos de parada, produtividade de operadores DIGITALIZAÇÃO MECANIZAÇÃO Migração de processos manuais para processos mecanizados ou semi mecanizados Exemplos: Alinhamento sem e com piloto automático, Preparo de solo, Combate a Formiga Mecanizado, Plantio Mecanizado TRABALHOS MANUAIS Atividades executadas manualmente, sem apoio de processos digitais Exemplos: plantio manual
  • 18. Case
  • 19. Origem dos Dados SAP Old Fíbria ZVPMM1129_037 Base Unificada Insigths Base Eixos Estradas Suzano MS Separação das Rotas do H013 Brasileira Rastreamento de Caminhos Creare Tratamento dos dados e segregação H013 Brasileira Nome da Transportadora • Case H013 – Brasileira • Transporte por TriTrem e PentaTrem Etapas do Processo
  • 20. Etapas do Processo Limpeza de Outliers • Base Inicial  693.247 ptos • Pré Filtro  retirados 158.515 ptos  534.733 ptos • Placa/Dia – No mesmo dia o veículo fez viagem mistas para dif. projetos • Podendo ser rastreio de outros veículos • Filtro Final  retirados 126.765 ptos  407.967 ptos • Ciclos completos VazioCarregandoCarregadoDescarregando
  • 21. Etapas do Processo Conexão com base SAP/RCM 1.992 Viagens rastreadas POC 1.987 Viagens conectadas RCM – 99,75% POC rastreamos 141.698 m³ de 307.124 m³ transportados – 46,1%
  • 22. Status Carga e Ciclo Fazenda Carregando Fábrica Descarregand o Trecho de Asfalto Trecho de Terra Vazio Carregado Inicio Ciclo Fim Ciclo Gestão Consolidada, via SAP, tempo de fila é indicador nas unidades
  • 25. Tempo Total x Tempo Parado Tempo Total 26.324 horas Ligado  18.467 horas – 70,2% Desligado  7.857 horas – 29,2% Rodando 8.768 horas  33,3% Parado 17.556 horas  66,7% Ligado  9.699horas  36,8% Desligado  7.857 horas – 29,8%
  • 27. Validação de Campo – Pontos de Parada Pto Parada em Rodovia – Entrega Faz. São João Batista Ex. Sem Motivo Ptos parada em Rodovia e Estradão Ex. Sem Motivo Pto Pontes e Barramentos Ex. Estreitamento Pista
  • 28. Tempo Parado x Redução Tempo de Ciclo Tempo Parado POC Estreitamentos  109h (Vazio) + 262h (Carregado) = 371h  9 min / caminhão / viagem Sem Motivo  620h (Vazio) + 169 (Carregadoo) = 255h  6 min / caminhão / viagem Reaperto  959h (Carregado) = 959h  26 min / caminhão / viagem Oportunidade para Catracas Automáticas
  • 29. Variação da Velocidade Média Carregado Vazio
  • 30. Uso dados HPR Comprimento de Toras Case
  • 31. O que São Dados HPR HPR – Harvester PRodution Dados referentes a produção do Harvester • Data/Hora/Coordenadas • Fuste/Toras/Comprimento/Diâmetro StanForD 2006 – Pré estudo 1ª Versão 2011 https://www.skogforsk.se/english/projects/stanf ord/
  • 32. Fluxo do Processo Harvester gravando dados HPR e Transmitindo via BobAgro Atualização 1x ao dia do PowerBI Publicado com dados do dia anterior Automatização via Python, baixa e padroniza os dados, 1x ao dia Banco de dados espacial com 100% das toras processadas. Geração de resumo para consumo no PowerBI HPR até Power BI dashboard! Portal BobAgro entrega dados em formato JSON para Suzano
  • 33. Classificação Toras COMPRIMENTOS ESPERADOS POR UNIDADE • SP • 3,60m - 6,30m - 6,80m • MA • 7,00m • BA/ES • 6,50m - 6,80m - 7,00m e 3,5m (fomento) • MS • 6,50m - 6,80m Elaborado modelo sistêmico para identificar o comprimento definido para cada UP, sem necessidade de cadastro, por UP, do mesmo em alguma tabela de apoio!
  • 34. Resultados Power BI – Visão Gerencial
  • 35. Resultados Power BI – Visão Gerencial
  • 36. Resultados Power BI – Visão Gerencial
  • 37. Resultados Power BI – Visão Operacional
  • 38. Resultados Power BI – Visão Operacional
  • 39. Resultados Power BI – Visão Operacional
  • 40. Resultados Power BI – Visão Operacional
  • 41. Resultados Power BI – Visão Operacional