SlideShare uma empresa Scribd logo
Tendências e correntes na
educação brasileira
Prof. Dr. Richard Romancini
Comentários prévios - 1
Data
02/out.
09/out.
16/out.
23/out.
30/out.
06/nov.
13/nov.

20/nov.

27/nov.
04/dez.
13/dez.

Aulas
Tendências e correntes na educação brasileira (Saviani)
Tradições constituição do campo comunicação/educação (Huergo)
A crítica da corrente tecnicista nas perspectivas “crítico-reprodutivista” e
humanista/libertadoras
Perspectivas recentes: cultura da mídia e educação - I (Kellner)
Perspectivas recentes: comunicação, redes, convergência e cultura – II (Jenkins, Ilich, Sibilia)
A construção de uma perspectiva “educomunicativa” (Kaplun, Soares)
Seminários:
Escola Nova e a Comunicação/Educação – Freinet
•
Escola Nova e a Comunicação, desdobramentos no Brasil – Anísio Teixeira / Roquete
•
Pinto
Seminários:
•Corrente tecnicista e a Comunicação/Educação – Skinner
•Crítica da técnica e da educação no pensamento frankfurtiano - Adorno
Seminários:
•A comunicação nas propostas libertadoras: Freire
Entrega de trabalho final
Entrega da Avaliação na Secretaria

Material de apoio: Coleção Educadores - http://www.dominiopublico.gov.br
Comentários prévios - 2
Há um texto mais recente de Savini sobre o mesmo
tema, de 2005:
• As Concepções Pedagógicas na História da
Educação Brasileira
Disponível na internet:
http://www.histedbr.fae.unicamp.br/navegando/artigos_frames/artigo_036.html
Teorias das Educação e concepções
pedagógicas
• Nem toda teoria da educação é teoria pedagógica,
isto é, nem toda teoria educacional volta-se, de
modo estrito, à prática educativa – por exemplo, as
“teorias reprodutivistas” são teorias da relação
entre a sociedade e a educação.
• Por outro lado, as teorias claramente pedagógicas
da educação podem se distinguir quanto ao
enfoque maior na teoria ou na prática, um polo
subordinando mais o outro.
Teorias das Educação e concepções
pedagógicas

• Observações importantes:

• Olhar historicizante não deve fazer crer que há rupturas
totais, quer dizer, há convivência entre as teorias da
educação/concepções pedagógicas e cruzamentos entre
elas (traços residuais que persistem, influências, etc.).
• “As novas descobertas das ciências vão tornando as
antigas obsoletas. Isso não acontece com a filosofia e a
teoria educacional. [...] O pensamento pedagógico não é
linear, nem circular ou pendular. Ele se processo com as
ideias e os fenômenos, de forma dialética [....]” (Gadotti)
• Classificação e sistematização produz “tipos ideais” que
são atualizados e desenvolvidos em diferentes
tempos/espaços.
Teorias das Educação e concepções
pedagógicas
• As teorias pedagógicas que enfatizam aspectos
teóricos tendem a desenvolver “teorias do
ensino” (como ensinar), e as que salientam a
prática preocupam-se mais com o “como
aprender”, desenvolvendo “teorias da
aprendizagem”.
• Para Saviani (2005), as primeiras teorias (Platão,
teoria cristã, Comênio, Kant, Herbat, “lições de
coisas”, etc.) foram dominantes até o século XIX,
enquanto as segundas adquiriram hegemonia no
século XX (tendo Rousseau como percursor e
continuadores em Pestalozzi, Kierkegaard,
Bergson, escola novistas, construtivistas, etc.).
Teorias das Educação e concepções
pedagógicas
• Em resumo, quanto às teorias pedagógicas:
•
•

Teorias de ensino (séc. XIX): métodos de ensino alicerçados em
pressupostos filosóficos e educativos (centro no professor)
Teorias da aprendizagem (séc. XX): métodos de aprendizagem, com
primado nos fundamentos psicológicos da educação (centro no aluno )

• “O professor é um aluno e o aluno é,
sem saber, um professor - e, tudo bem
considerado, melhor será que, tanto o
que dá como o que recebe a instrução,
tenham o menos consciência possível
de seu papel” (Dewey – sociedade /
indivíduo)
Tendências e correntes da educação
• Filosofia da educação
• Processo – reflexão radical e rigorosa
• Produto – “ideologia” (orientação para assim)
• Ambas as dimensões são intimamente relacionadas

• Tendências (pressupostos teórico-filosóficos
gerais) do qual decorrem correntes,
eventualmente diversas.
• As concepções de Filosofia da Educação inspiram
as ideias que podem ser classificadas
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação
1.Concepção “humanista”
tradicional;
2.Concepção “humanista” moderna;
3.Concepção analítica;
4.Concepção dialética.
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: “Humanista” tradicional
•

Visão essencialista do homem

•

Essencial humana é imutável e cabe à
educação conformar-se a ela

•

Vertentes:
•

•

Religiosa - tomismo e neotomismo: S.
Tomas de Aquino (1225-1274) –
racionalismo aristotélico
Leiga - centrada na ideia de “natureza
humana”: inspira movimentos da escola
para todos e métodos didáticos
formalizados – Herbart (1776-1841)
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: “Humanista” tradicional
•

Perspectiva Religiosa
•

•

Tem suas raízes no pensamento da Idade Média,
com influência direta na “pedagogia brasílica”,
sistema de educação/doutrinação religiosa
adotado na Colônia;
Embora relacionada à Contra-Reforma, tem
relação com a educação protestante também;

•

O papel da educação é moldar a existência
particular e real de cada educando à essência universal e ideal que o
define enquanto humano. Educação serve para atingir perfeição
humana que faz o homem merecer a dádiva da vida sobrenatural;

•

Na modernidade, torna-se conhecida como “Pedagogia Tradicional”,
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: “Humanista” tradicional
Perspectiva Leiga – 5 passos (Herbart)

1- Preparação: o mestre recorda o que a criança já sabe;
2- Apresentação: o conhecimento novo é apresentado;
3- Assimilação: o aluno é capaz de comparar o novo com o
velho;
4- Generalização: além das experiências concretas, o aluno
é capaz de abstrair, chegando a conceitos gerais;
5- Aplicação: através de exercícios, aluno evidencia que
sabe usar e aplicar aquilo que aprendeu.

Influência no pensamento pedagógico
•Caráter de objetividade de análise,
•Tentativa de psicometria,
•Rigor dos passos a serem seguidos para a instrução,
•Sistematização do método de ensino,
•Destaque ao mestre e à educação pela instrução.
Herbart e Bacon: a matriz
racionalizante

Fonte: Leão (1999)
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: “Humanista” moderna
• Marcada por diversas correntes de pensamento:
Pragmatismo, Historicismo, Existencialismo,
Fenomenologia.
• Visão de homem centrada na existência, na vida.
• Admitindo a incompletude humana, não vê mais o
adulto como modelo da criança. Daí, centra-se no
aprendiz, considerando as diferenças entre os
indivíduos.
• Preponderância do psicológico sobre o lógico.
Pedagogias da essência e existência
Essência

Existência

Platão

Rousseau

Cristianismo

Darwin

Tomismo

Spencer

Escola Tradicional

Escola Nova

Não há síntese (para o autor inalcançável no estado
atual da sociedade, mas alguns, como Durkheim,
tentarem estabelecer mediações entre essas pedagogias.
A concepção positivista de educação de Durkheim
buscou existencializar a pedagogia da essência.
SUCHODOLSKI, B. A pedagogia e as grandes correntes filosóficas. Lisboa,
Horizonte, 1984.
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: concepção Analítica
• Tarefa da Filosofia da Educação é
efetuar a análise lógica da
linguagem educacional
• Tem preocupação com contexto e
fins da educação, do qual deriva
tendência eficientista/produtivista
sobre a educação e a escola
• Pedagogias tecnicistas situam-se
nesse marco filosófico
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: concepção Analítica
• No Brasil, passa a ter forte influência a partir do
regime militar (1964)
• Movimentos de aproximação da tecnologia na
educação: reflexão sobre “tecnologia
educacional”
• Desenvolvimento: teoria do capital humano
(“valor econômico da educação”)
• Para Saviani (2005), é a concepção dominante no
Brasil
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: concepção Dialética
• Interesse pelo homem concreto, síntese
de múltiplas determinações; homem
como conjunto de relações sociais
• Formações sociais, a partir de suas
contradições, engendram suas negações
e superações, desenvolvendo outras
formas sociais
• Nesse sentido, a educação deve colocarse em prol da nova formação social, que
se forma no seio da antiga
Concepções fundamentais em Filosofia
da Educação: concepção Dialética
• Crítica à Escola Nova (embora tenha mais
relação com esta do que com Pedagogia
Tradicional) e formulação de projetos de
pedagogia popular
• Politização da prática educativa e denúncia
das ilusões da escolarização na sociedade
de classes (reprodutivistas)
Comparação Saviani e Gadotti
Comparação Saviani e Gadotti
Tendências e correntes na Educação
Brasileira
Periodização do modo que se manifestam as
tendências na educação brasileira
Até 1930

1930-1945

1945-1960

1960-1968

1968 em
diante

Predomínio
da tendência
“humanista”
tradicional

Equilíbrio
entre
tendências
“humanista”
tradicional e
“humanista”
moderna

Predomínio
da tendência
“humanista”
moderna

Crise da
tendência
“humanista”
moderna e
articulação
tendência
tecnicista

Predomínio
da tendência
tecnicista
e emergência
das críticas à
pedagogia
oficial e
políticas
educacionais
Marcos sociais de embates ou
predomínio de tendências
• Início do século XX: “entusiasmo pela educação” - discussão
sobre escolarização obrigatória – transformar povo em
cidadão (inspiração tendência tradicional)
• No fim, em países como o Brasil, os meios de comunicação
foram mais eficientes na transformação da “massa” em
“povo/nação” – Martín-Barbero, J.
• Criação ABE (Associação Brasileira de Educação) – 1924
(fortalecimento da tendência moderna)
• Tratamento que as constituições dão ao tema da educação
(1930 – equilíbrio de forças e, pós-redemocratização,
evidenciando a hegemonia da tendência “humanista”
moderna)
• Criação INEP (1937), CAPES (1951)
Marcos sociais de embates ou
predomínio de tendências
• Criação sistema e Pós-Graduação e reorganização do ensino de 1º
e 2º graus (1968 em diante)
• Forte ênfase no “enfoque sistêmico”, e em temas como a
“operacionalização de objetivos”, “tecnologias de ensino”,
“instrução programada” (paródia crítica: Jesus professor http://mais.uol.com.br/view/e8h4xmy8lnu8/5935594?types=A&)
• Na pesquisa educacional, isso correspondeu a uma forte
dimensão empírica funcionalista (em comunicação e educação)
• Resposta: teóricas críticas da educação (importação) e
desenvolvimento de tendências contra-hegemônicas, bem
como abordagens pós-modernas – de todas as matizes
Teorias crítico-reprodutivistas
• A escola funciona como um “Aparelho
Ideológico do Estado” (AIE), ao lado de
outros do mesmo tipo (meios de
comunicação, família, etc.)
• Sua função social é a reprodução social e não
transformações
• Escola mantêm, assegura e legitima
desigualdades sociais
• Cultura legitimada pela escola é a cultura
da classe dominante
• Síntese: sobre o conceito de “capital cultural”
(http://www.youtube.com/watch?v=Qlc6GBeCO50)
Teorias crítico-reprodutivistas
• Teoria da dupla escola (Baudelot e Establet):
existência de um sistema “primário profissional” (PP)
e uma escola “secundária superior”
• Influência em certas vertentes críticas da reflexão dos
autores da escola de Frankfurt (Henry Giroux, Peter
McLaren e outros)
• Currículo oculto
• Teoria da “semicultura” (Adorno)
• Autores são criticados por pessimismo e imobilismo,
o que abre caminhos para tendências dialéticas de
renovação da crítica escolar e social (educação como
instrumento de luta)
Exemplo de discussão pós-moderna

http://www.youtube.com/watch?v=n9KeDTMEYSE
Modelos de Educación y Comunicación

KAPLUN. O comunicador popular, cap. 1.

http://estrategiadidactica.files.wordpress.com/2012/09/kaplun-mario_el-comunicador-popular-cap1.pdf
Modelos de Educación y Comunicación

KAPLUN. O comunicador popular, cap. 1.

http://estrategiadidactica.files.wordpress.com/2012/09/kaplun-mario_el-comunicador-popular-cap1.pdf
Educomunicación: Modelos de
Educación y Comunicación

http://vimeo.com/66792680
Referências
GADOTTI, Moacir. História das ideias pedagógicas. São Paulo:
Ática, 8ª ed., 1999.
SAVIANI, Demerval. Tendências e correntes da educação
brasileira. In: MENDES, Durmeval Trigueiro (Coord.). Filosofia
da educação no Brasil. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira,
1983.
SAVIANI, Demerval. As concepções pedagógicas na história da
educação brasileira. Campinas, agosto 2005.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tendência progressista libertária
Tendência progressista libertáriaTendência progressista libertária
Tendência progressista libertária
GoretteFonseca2
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
Marcelo Assis
 
Slaids fundamentos filosoficos da educação
Slaids fundamentos filosoficos da educaçãoSlaids fundamentos filosoficos da educação
Slaids fundamentos filosoficos da educação
Fátima Rodrigues
 
Quadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicasQuadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicas
Liliane Barros
 
CONCEPÇÕES DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLAR
CONCEPÇÕES  DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLARCONCEPÇÕES  DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLAR
CONCEPÇÕES DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLAR
Valéria Barreto
 
Teorias do Currículo
Teorias do CurrículoTeorias do Currículo
Teorias do Currículo
Maria Do Carmo Polimeno
 
Planejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículoPlanejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículo
Thiago Cellin Duarte
 
A Escola Nova
A Escola Nova A Escola Nova
A Escola Nova
Hudson Frota
 
Concepções Pedagógicas resumo
Concepções Pedagógicas resumoConcepções Pedagógicas resumo
Concepções Pedagógicas resumo
Débora Silveira
 
Teorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLARTeorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLAR
Andrea Lima
 
Documentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículoDocumentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículo
Ulisses Vakirtzis
 
Didática
DidáticaDidática
Didática
gadea
 
As Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes PedagógicasAs Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes Pedagógicas
Jessica Nuvens
 
A escola
A escolaA escola
A escola
Cassia Dias
 
Aula didática, tendências pedagógicas e a práxis docente
Aula didática, tendências pedagógicas e a práxis docenteAula didática, tendências pedagógicas e a práxis docente
Aula didática, tendências pedagógicas e a práxis docente
Kelly da Silva
 
Teorias do curriculo
Teorias do curriculoTeorias do curriculo
Teorias do curriculo
Natália Luz
 
Apresentacao sobre curriculo
Apresentacao sobre curriculoApresentacao sobre curriculo
Apresentacao sobre curriculo
Tatá Oliveira
 
Planejamento e política educacional
Planejamento e política educacionalPlanejamento e política educacional
Planejamento e política educacional
Jose Arnaldo Silva
 
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e InovadorasEducação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Universidade Federal de Pernambuco
 
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICADESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
carolnacari
 

Mais procurados (20)

Tendência progressista libertária
Tendência progressista libertáriaTendência progressista libertária
Tendência progressista libertária
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
 
Slaids fundamentos filosoficos da educação
Slaids fundamentos filosoficos da educaçãoSlaids fundamentos filosoficos da educação
Slaids fundamentos filosoficos da educação
 
Quadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicasQuadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicas
 
CONCEPÇÕES DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLAR
CONCEPÇÕES  DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLARCONCEPÇÕES  DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLAR
CONCEPÇÕES DE ORGANIZAÇÃO E DE GESTÃO ESCOLAR
 
Teorias do Currículo
Teorias do CurrículoTeorias do Currículo
Teorias do Currículo
 
Planejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículoPlanejamento e execução do currículo
Planejamento e execução do currículo
 
A Escola Nova
A Escola Nova A Escola Nova
A Escola Nova
 
Concepções Pedagógicas resumo
Concepções Pedagógicas resumoConcepções Pedagógicas resumo
Concepções Pedagógicas resumo
 
Teorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLARTeorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLAR
 
Documentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículoDocumentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículo
 
Didática
DidáticaDidática
Didática
 
As Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes PedagógicasAs Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes Pedagógicas
 
A escola
A escolaA escola
A escola
 
Aula didática, tendências pedagógicas e a práxis docente
Aula didática, tendências pedagógicas e a práxis docenteAula didática, tendências pedagógicas e a práxis docente
Aula didática, tendências pedagógicas e a práxis docente
 
Teorias do curriculo
Teorias do curriculoTeorias do curriculo
Teorias do curriculo
 
Apresentacao sobre curriculo
Apresentacao sobre curriculoApresentacao sobre curriculo
Apresentacao sobre curriculo
 
Planejamento e política educacional
Planejamento e política educacionalPlanejamento e política educacional
Planejamento e política educacional
 
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e InovadorasEducação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
 
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICADESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
 

Destaque

Provão 9 ano geografia gabarito
Provão 9 ano geografia gabaritoProvão 9 ano geografia gabarito
Provão 9 ano geografia gabarito
LEONARDO RODRIGUES DA SILVA
 
Concepções filosóficas i
Concepções filosóficas iConcepções filosóficas i
Concepções filosóficas i
LEONARDO RODRIGUES DA SILVA
 
História da educação
História da educaçãoHistória da educação
História da educação
Joemio Freire
 
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação infantil
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação infantilFundamentos teóricos e metodológicos da educação infantil
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação infantil
Leonarda Macedo
 
Abordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na EducaçãoAbordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na Educação
Carol Messias
 
Abordagem Humanista
Abordagem HumanistaAbordagem Humanista
Abordagem Humanista
Ines Santos
 
Texto SAVIANI Concepções Pedagógicas
Texto SAVIANI Concepções PedagógicasTexto SAVIANI Concepções Pedagógicas
Texto SAVIANI Concepções Pedagógicas
Débora Silveira
 
Fundamentos e metodologia da educação infantil
Fundamentos e metodologia da educação infantilFundamentos e metodologia da educação infantil
Fundamentos e metodologia da educação infantil
mirafontela
 
Aula 01 fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)
Aula 01   fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)Aula 01   fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)
Aula 01 fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)
eadseedpr
 
Teorias do curriculo
Teorias do curriculoTeorias do curriculo
Teorias do curriculo
joao jose saraiva da fonseca
 
Althusser, Gramsci e Bourdieu
Althusser, Gramsci e BourdieuAlthusser, Gramsci e Bourdieu
Aula Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De Direito
Aula   Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De DireitoAula   Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De Direito
Aula Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De Direito
Grupo VAHALI
 
Unidade iii slide
Unidade iii   slideUnidade iii   slide
Orientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EM
Orientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EMOrientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EM
Orientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EM
betenitz
 
Pedagogia Progressista
Pedagogia ProgressistaPedagogia Progressista
Pedagogia Progressista
Fabio Lemes
 
Teoria critica do currículo educacional
Teoria critica do currículo educacionalTeoria critica do currículo educacional
Teoria critica do currículo educacional
Jackson Silveira
 
INTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO
INTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃOINTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO
INTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO
unieubra
 
Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)
Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)
Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)
Thiago Manfredi
 
Pedagogia crítico social dos conteúdos
Pedagogia crítico social dos conteúdosPedagogia crítico social dos conteúdos
Pedagogia crítico social dos conteúdos
Delziene Jesus
 
O papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolar
O papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolarO papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolar
O papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolar
INSTITUTO GENS
 

Destaque (20)

Provão 9 ano geografia gabarito
Provão 9 ano geografia gabaritoProvão 9 ano geografia gabarito
Provão 9 ano geografia gabarito
 
Concepções filosóficas i
Concepções filosóficas iConcepções filosóficas i
Concepções filosóficas i
 
História da educação
História da educaçãoHistória da educação
História da educação
 
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação infantil
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação infantilFundamentos teóricos e metodológicos da educação infantil
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação infantil
 
Abordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na EducaçãoAbordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na Educação
 
Abordagem Humanista
Abordagem HumanistaAbordagem Humanista
Abordagem Humanista
 
Texto SAVIANI Concepções Pedagógicas
Texto SAVIANI Concepções PedagógicasTexto SAVIANI Concepções Pedagógicas
Texto SAVIANI Concepções Pedagógicas
 
Fundamentos e metodologia da educação infantil
Fundamentos e metodologia da educação infantilFundamentos e metodologia da educação infantil
Fundamentos e metodologia da educação infantil
 
Aula 01 fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)
Aula 01   fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)Aula 01   fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)
Aula 01 fundamentos históricos da educação - marcos zanon(1)
 
Teorias do curriculo
Teorias do curriculoTeorias do curriculo
Teorias do curriculo
 
Althusser, Gramsci e Bourdieu
Althusser, Gramsci e BourdieuAlthusser, Gramsci e Bourdieu
Althusser, Gramsci e Bourdieu
 
Aula Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De Direito
Aula   Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De DireitoAula   Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De Direito
Aula Apres. Do Curso E Conceito E Fontes De Direito
 
Unidade iii slide
Unidade iii   slideUnidade iii   slide
Unidade iii slide
 
Orientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EM
Orientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EMOrientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EM
Orientação Técnica - Formação Pedagógica para PC do EFe EM
 
Pedagogia Progressista
Pedagogia ProgressistaPedagogia Progressista
Pedagogia Progressista
 
Teoria critica do currículo educacional
Teoria critica do currículo educacionalTeoria critica do currículo educacional
Teoria critica do currículo educacional
 
INTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO
INTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃOINTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO
INTRODUÇÃO, HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO
 
Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)
Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)
Pedagogia crítico social dos conteúdos (final)
 
Pedagogia crítico social dos conteúdos
Pedagogia crítico social dos conteúdosPedagogia crítico social dos conteúdos
Pedagogia crítico social dos conteúdos
 
O papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolar
O papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolarO papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolar
O papel do professor nas diferentes concepções de escola e educação escolar
 

Semelhante a Tendências e correntes na educação brasileira

As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneoAs teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
Sheila V. mussi
 
Aula dia 03 08-16
Aula dia 03 08-16Aula dia 03 08-16
Aula dia 03 08-16
Colégio Tiradentes III
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
1 artigo simone helen drumond fund. sócio, político e filosófico da educação
1 artigo simone helen drumond  fund. sócio, político e filosófico da educação1 artigo simone helen drumond  fund. sócio, político e filosófico da educação
1 artigo simone helen drumond fund. sócio, político e filosófico da educação
SimoneHelenDrumond
 
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneoAs teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
Drika Moraes
 
Tendencias pedagógicas 2013
Tendencias pedagógicas 2013Tendencias pedagógicas 2013
Tendencias pedagógicas 2013
Sa'ndro Soares
 
Teorias Pedagógicas Modernas
Teorias Pedagógicas ModernasTeorias Pedagógicas Modernas
Teorias Pedagógicas Modernas
Rodrigo Gabriel da Silva
 
Pedagogia e educação
Pedagogia e educaçãoPedagogia e educação
Pedagogia e educação
José Barros
 
Currículo - Pedagogia para Concursos
Currículo - Pedagogia para ConcursosCurrículo - Pedagogia para Concursos
Currículo - Pedagogia para Concursos
Adriano Martins
 
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura Libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  LibâneoA corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  Libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura Libâneo
Haroldo Nunes
 
A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura
A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura  A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura
A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura
Haroldo Nunes
 
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  libâneoA corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura libâneo
Haroldo Nunes
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
Sebbajr Junior
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
Sebbajr Junior
 
Aula 1 perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)
Aula 1   perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)Aula 1   perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)
Aula 1 perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)
Rosangela Gusmao-Pereira
 
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticasTeorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
Lucila Pesce
 
INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...
INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...
INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...
Julhinha Camara
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
Marcos Pessoa Pinto Pessoa
 
Reflexões interdisciplinares sobre a educação
Reflexões interdisciplinares sobre a educaçãoReflexões interdisciplinares sobre a educação
Reflexões interdisciplinares sobre a educação
richard_romancini
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
Marcos Pessoa Pinto Pessoa
 

Semelhante a Tendências e correntes na educação brasileira (20)

As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneoAs teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
 
Aula dia 03 08-16
Aula dia 03 08-16Aula dia 03 08-16
Aula dia 03 08-16
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
 
1 artigo simone helen drumond fund. sócio, político e filosófico da educação
1 artigo simone helen drumond  fund. sócio, político e filosófico da educação1 artigo simone helen drumond  fund. sócio, político e filosófico da educação
1 artigo simone helen drumond fund. sócio, político e filosófico da educação
 
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneoAs teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
As teorias pedagógicas modernas resiginificadas pelo debate contemporâneo
 
Tendencias pedagógicas 2013
Tendencias pedagógicas 2013Tendencias pedagógicas 2013
Tendencias pedagógicas 2013
 
Teorias Pedagógicas Modernas
Teorias Pedagógicas ModernasTeorias Pedagógicas Modernas
Teorias Pedagógicas Modernas
 
Pedagogia e educação
Pedagogia e educaçãoPedagogia e educação
Pedagogia e educação
 
Currículo - Pedagogia para Concursos
Currículo - Pedagogia para ConcursosCurrículo - Pedagogia para Concursos
Currículo - Pedagogia para Concursos
 
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura Libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  LibâneoA corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  Libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura Libâneo
 
A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura
A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura  A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura
A corrente pedagógica racional tecnológica Libâneo e cibercultura
 
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  libâneoA corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura  libâneo
A corrente pedagógica racional tecnológica e cibercultura libâneo
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
 
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdffilosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
filosofia-da-educação-ISBN-ED-CAMPO.pdf
 
Aula 1 perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)
Aula 1   perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)Aula 1   perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)
Aula 1 perspectivas curriculares contemporâneas profa marília mira (1)
 
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticasTeorias de currículo: das tradicionais às críticas
Teorias de currículo: das tradicionais às críticas
 
INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...
INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...
INTRODUZINDO A QUESTÃO DO PLANEJAMENTO: GLOBALIZAÇÃO, INTERDISCIPLINARIDADE E...
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
 
Reflexões interdisciplinares sobre a educação
Reflexões interdisciplinares sobre a educaçãoReflexões interdisciplinares sobre a educação
Reflexões interdisciplinares sobre a educação
 
Apresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoaApresentação slide marcos pessoa
Apresentação slide marcos pessoa
 

Mais de richard_romancini

Selecting a dissertation topic: range and scope
Selecting a dissertation topic: range and scopeSelecting a dissertation topic: range and scope
Selecting a dissertation topic: range and scope
richard_romancini
 
TIPOLOGIAS DE JOGOS
TIPOLOGIAS DE JOGOSTIPOLOGIAS DE JOGOS
TIPOLOGIAS DE JOGOS
richard_romancini
 
A EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do Norte
A EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do NorteA EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do Norte
A EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do Norte
richard_romancini
 
JOGOS DE CARTAS: evolução e tipos
JOGOS DE CARTAS: evolução e tiposJOGOS DE CARTAS: evolução e tipos
JOGOS DE CARTAS: evolução e tipos
richard_romancini
 
Recursos para pesquisa na internet e revisão de literatura
Recursos para pesquisa na internet e revisão de literaturaRecursos para pesquisa na internet e revisão de literatura
Recursos para pesquisa na internet e revisão de literatura
richard_romancini
 
A pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicas
A pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicasA pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicas
A pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicas
richard_romancini
 
Comunicação Organizacional e Relações Públicas
Comunicação Organizacional e Relações PúblicasComunicação Organizacional e Relações Públicas
Comunicação Organizacional e Relações Públicas
richard_romancini
 
Perspectivas teóricas em RP
Perspectivas teóricas em RPPerspectivas teóricas em RP
Perspectivas teóricas em RP
richard_romancini
 
O campo da comunicação no Brasil
O campo da comunicação no BrasilO campo da comunicação no Brasil
O campo da comunicação no Brasil
richard_romancini
 
Mass communication research e funcionalismo
Mass communication research e funcionalismoMass communication research e funcionalismo
Mass communication research e funcionalismo
richard_romancini
 
Marxismo e comunicação
Marxismo e comunicaçãoMarxismo e comunicação
Marxismo e comunicação
richard_romancini
 
A sociologia no brasil
A sociologia no brasilA sociologia no brasil
A sociologia no brasil
richard_romancini
 
A sociologia marxista
A sociologia marxistaA sociologia marxista
A sociologia marxista
richard_romancini
 
Sociologia: antecedentes e positivismo
Sociologia: antecedentes e positivismoSociologia: antecedentes e positivismo
Sociologia: antecedentes e positivismo
richard_romancini
 
A sociologia weberiana
A sociologia weberianaA sociologia weberiana
A sociologia weberiana
richard_romancini
 
Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959)
Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959) Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959)
Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959)
richard_romancini
 
Transformações no vídeo popular
Transformações no vídeo popularTransformações no vídeo popular
Transformações no vídeo popular
richard_romancini
 
Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...
Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...
Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...
richard_romancini
 
As primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERN
As primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERNAs primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERN
As primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERN
richard_romancini
 
Humberto Mauro
Humberto MauroHumberto Mauro
Humberto Mauro
richard_romancini
 

Mais de richard_romancini (20)

Selecting a dissertation topic: range and scope
Selecting a dissertation topic: range and scopeSelecting a dissertation topic: range and scope
Selecting a dissertation topic: range and scope
 
TIPOLOGIAS DE JOGOS
TIPOLOGIAS DE JOGOSTIPOLOGIAS DE JOGOS
TIPOLOGIAS DE JOGOS
 
A EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do Norte
A EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do NorteA EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do Norte
A EVOLUÇÃO DOS JOGOS DE TABULEIRO na América do Norte
 
JOGOS DE CARTAS: evolução e tipos
JOGOS DE CARTAS: evolução e tiposJOGOS DE CARTAS: evolução e tipos
JOGOS DE CARTAS: evolução e tipos
 
Recursos para pesquisa na internet e revisão de literatura
Recursos para pesquisa na internet e revisão de literaturaRecursos para pesquisa na internet e revisão de literatura
Recursos para pesquisa na internet e revisão de literatura
 
A pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicas
A pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicasA pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicas
A pesquisa em Relações Públicas e Boas práticas acadêmicas
 
Comunicação Organizacional e Relações Públicas
Comunicação Organizacional e Relações PúblicasComunicação Organizacional e Relações Públicas
Comunicação Organizacional e Relações Públicas
 
Perspectivas teóricas em RP
Perspectivas teóricas em RPPerspectivas teóricas em RP
Perspectivas teóricas em RP
 
O campo da comunicação no Brasil
O campo da comunicação no BrasilO campo da comunicação no Brasil
O campo da comunicação no Brasil
 
Mass communication research e funcionalismo
Mass communication research e funcionalismoMass communication research e funcionalismo
Mass communication research e funcionalismo
 
Marxismo e comunicação
Marxismo e comunicaçãoMarxismo e comunicação
Marxismo e comunicação
 
A sociologia no brasil
A sociologia no brasilA sociologia no brasil
A sociologia no brasil
 
A sociologia marxista
A sociologia marxistaA sociologia marxista
A sociologia marxista
 
Sociologia: antecedentes e positivismo
Sociologia: antecedentes e positivismoSociologia: antecedentes e positivismo
Sociologia: antecedentes e positivismo
 
A sociologia weberiana
A sociologia weberianaA sociologia weberiana
A sociologia weberiana
 
Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959)
Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959) Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959)
Manifestos dos pioneiros da Educação Nova (1932) e dos educadores (1959)
 
Transformações no vídeo popular
Transformações no vídeo popularTransformações no vídeo popular
Transformações no vídeo popular
 
Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...
Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...
Televisão comunitária: mobilização social para democratizar a comunicação no ...
 
As primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERN
As primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERNAs primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERN
As primeiras iniciativas da Teleducação no Brasil: os Projetos SACI e EXERN
 
Humberto Mauro
Humberto MauroHumberto Mauro
Humberto Mauro
 

Tendências e correntes na educação brasileira

  • 1. Tendências e correntes na educação brasileira Prof. Dr. Richard Romancini
  • 2. Comentários prévios - 1 Data 02/out. 09/out. 16/out. 23/out. 30/out. 06/nov. 13/nov. 20/nov. 27/nov. 04/dez. 13/dez. Aulas Tendências e correntes na educação brasileira (Saviani) Tradições constituição do campo comunicação/educação (Huergo) A crítica da corrente tecnicista nas perspectivas “crítico-reprodutivista” e humanista/libertadoras Perspectivas recentes: cultura da mídia e educação - I (Kellner) Perspectivas recentes: comunicação, redes, convergência e cultura – II (Jenkins, Ilich, Sibilia) A construção de uma perspectiva “educomunicativa” (Kaplun, Soares) Seminários: Escola Nova e a Comunicação/Educação – Freinet • Escola Nova e a Comunicação, desdobramentos no Brasil – Anísio Teixeira / Roquete • Pinto Seminários: •Corrente tecnicista e a Comunicação/Educação – Skinner •Crítica da técnica e da educação no pensamento frankfurtiano - Adorno Seminários: •A comunicação nas propostas libertadoras: Freire Entrega de trabalho final Entrega da Avaliação na Secretaria Material de apoio: Coleção Educadores - http://www.dominiopublico.gov.br
  • 3. Comentários prévios - 2 Há um texto mais recente de Savini sobre o mesmo tema, de 2005: • As Concepções Pedagógicas na História da Educação Brasileira Disponível na internet: http://www.histedbr.fae.unicamp.br/navegando/artigos_frames/artigo_036.html
  • 4. Teorias das Educação e concepções pedagógicas • Nem toda teoria da educação é teoria pedagógica, isto é, nem toda teoria educacional volta-se, de modo estrito, à prática educativa – por exemplo, as “teorias reprodutivistas” são teorias da relação entre a sociedade e a educação. • Por outro lado, as teorias claramente pedagógicas da educação podem se distinguir quanto ao enfoque maior na teoria ou na prática, um polo subordinando mais o outro.
  • 5. Teorias das Educação e concepções pedagógicas • Observações importantes: • Olhar historicizante não deve fazer crer que há rupturas totais, quer dizer, há convivência entre as teorias da educação/concepções pedagógicas e cruzamentos entre elas (traços residuais que persistem, influências, etc.). • “As novas descobertas das ciências vão tornando as antigas obsoletas. Isso não acontece com a filosofia e a teoria educacional. [...] O pensamento pedagógico não é linear, nem circular ou pendular. Ele se processo com as ideias e os fenômenos, de forma dialética [....]” (Gadotti) • Classificação e sistematização produz “tipos ideais” que são atualizados e desenvolvidos em diferentes tempos/espaços.
  • 6. Teorias das Educação e concepções pedagógicas • As teorias pedagógicas que enfatizam aspectos teóricos tendem a desenvolver “teorias do ensino” (como ensinar), e as que salientam a prática preocupam-se mais com o “como aprender”, desenvolvendo “teorias da aprendizagem”. • Para Saviani (2005), as primeiras teorias (Platão, teoria cristã, Comênio, Kant, Herbat, “lições de coisas”, etc.) foram dominantes até o século XIX, enquanto as segundas adquiriram hegemonia no século XX (tendo Rousseau como percursor e continuadores em Pestalozzi, Kierkegaard, Bergson, escola novistas, construtivistas, etc.).
  • 7. Teorias das Educação e concepções pedagógicas • Em resumo, quanto às teorias pedagógicas: • • Teorias de ensino (séc. XIX): métodos de ensino alicerçados em pressupostos filosóficos e educativos (centro no professor) Teorias da aprendizagem (séc. XX): métodos de aprendizagem, com primado nos fundamentos psicológicos da educação (centro no aluno ) • “O professor é um aluno e o aluno é, sem saber, um professor - e, tudo bem considerado, melhor será que, tanto o que dá como o que recebe a instrução, tenham o menos consciência possível de seu papel” (Dewey – sociedade / indivíduo)
  • 8. Tendências e correntes da educação • Filosofia da educação • Processo – reflexão radical e rigorosa • Produto – “ideologia” (orientação para assim) • Ambas as dimensões são intimamente relacionadas • Tendências (pressupostos teórico-filosóficos gerais) do qual decorrem correntes, eventualmente diversas. • As concepções de Filosofia da Educação inspiram as ideias que podem ser classificadas
  • 9. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação 1.Concepção “humanista” tradicional; 2.Concepção “humanista” moderna; 3.Concepção analítica; 4.Concepção dialética.
  • 10. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: “Humanista” tradicional • Visão essencialista do homem • Essencial humana é imutável e cabe à educação conformar-se a ela • Vertentes: • • Religiosa - tomismo e neotomismo: S. Tomas de Aquino (1225-1274) – racionalismo aristotélico Leiga - centrada na ideia de “natureza humana”: inspira movimentos da escola para todos e métodos didáticos formalizados – Herbart (1776-1841)
  • 11. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: “Humanista” tradicional • Perspectiva Religiosa • • Tem suas raízes no pensamento da Idade Média, com influência direta na “pedagogia brasílica”, sistema de educação/doutrinação religiosa adotado na Colônia; Embora relacionada à Contra-Reforma, tem relação com a educação protestante também; • O papel da educação é moldar a existência particular e real de cada educando à essência universal e ideal que o define enquanto humano. Educação serve para atingir perfeição humana que faz o homem merecer a dádiva da vida sobrenatural; • Na modernidade, torna-se conhecida como “Pedagogia Tradicional”,
  • 12. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: “Humanista” tradicional Perspectiva Leiga – 5 passos (Herbart) 1- Preparação: o mestre recorda o que a criança já sabe; 2- Apresentação: o conhecimento novo é apresentado; 3- Assimilação: o aluno é capaz de comparar o novo com o velho; 4- Generalização: além das experiências concretas, o aluno é capaz de abstrair, chegando a conceitos gerais; 5- Aplicação: através de exercícios, aluno evidencia que sabe usar e aplicar aquilo que aprendeu. Influência no pensamento pedagógico •Caráter de objetividade de análise, •Tentativa de psicometria, •Rigor dos passos a serem seguidos para a instrução, •Sistematização do método de ensino, •Destaque ao mestre e à educação pela instrução.
  • 13. Herbart e Bacon: a matriz racionalizante Fonte: Leão (1999)
  • 14. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: “Humanista” moderna • Marcada por diversas correntes de pensamento: Pragmatismo, Historicismo, Existencialismo, Fenomenologia. • Visão de homem centrada na existência, na vida. • Admitindo a incompletude humana, não vê mais o adulto como modelo da criança. Daí, centra-se no aprendiz, considerando as diferenças entre os indivíduos. • Preponderância do psicológico sobre o lógico.
  • 15. Pedagogias da essência e existência Essência Existência Platão Rousseau Cristianismo Darwin Tomismo Spencer Escola Tradicional Escola Nova Não há síntese (para o autor inalcançável no estado atual da sociedade, mas alguns, como Durkheim, tentarem estabelecer mediações entre essas pedagogias. A concepção positivista de educação de Durkheim buscou existencializar a pedagogia da essência. SUCHODOLSKI, B. A pedagogia e as grandes correntes filosóficas. Lisboa, Horizonte, 1984.
  • 16. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: concepção Analítica • Tarefa da Filosofia da Educação é efetuar a análise lógica da linguagem educacional • Tem preocupação com contexto e fins da educação, do qual deriva tendência eficientista/produtivista sobre a educação e a escola • Pedagogias tecnicistas situam-se nesse marco filosófico
  • 17. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: concepção Analítica • No Brasil, passa a ter forte influência a partir do regime militar (1964) • Movimentos de aproximação da tecnologia na educação: reflexão sobre “tecnologia educacional” • Desenvolvimento: teoria do capital humano (“valor econômico da educação”) • Para Saviani (2005), é a concepção dominante no Brasil
  • 18. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: concepção Dialética • Interesse pelo homem concreto, síntese de múltiplas determinações; homem como conjunto de relações sociais • Formações sociais, a partir de suas contradições, engendram suas negações e superações, desenvolvendo outras formas sociais • Nesse sentido, a educação deve colocarse em prol da nova formação social, que se forma no seio da antiga
  • 19. Concepções fundamentais em Filosofia da Educação: concepção Dialética • Crítica à Escola Nova (embora tenha mais relação com esta do que com Pedagogia Tradicional) e formulação de projetos de pedagogia popular • Politização da prática educativa e denúncia das ilusões da escolarização na sociedade de classes (reprodutivistas)
  • 22. Tendências e correntes na Educação Brasileira Periodização do modo que se manifestam as tendências na educação brasileira Até 1930 1930-1945 1945-1960 1960-1968 1968 em diante Predomínio da tendência “humanista” tradicional Equilíbrio entre tendências “humanista” tradicional e “humanista” moderna Predomínio da tendência “humanista” moderna Crise da tendência “humanista” moderna e articulação tendência tecnicista Predomínio da tendência tecnicista e emergência das críticas à pedagogia oficial e políticas educacionais
  • 23. Marcos sociais de embates ou predomínio de tendências • Início do século XX: “entusiasmo pela educação” - discussão sobre escolarização obrigatória – transformar povo em cidadão (inspiração tendência tradicional) • No fim, em países como o Brasil, os meios de comunicação foram mais eficientes na transformação da “massa” em “povo/nação” – Martín-Barbero, J. • Criação ABE (Associação Brasileira de Educação) – 1924 (fortalecimento da tendência moderna) • Tratamento que as constituições dão ao tema da educação (1930 – equilíbrio de forças e, pós-redemocratização, evidenciando a hegemonia da tendência “humanista” moderna) • Criação INEP (1937), CAPES (1951)
  • 24. Marcos sociais de embates ou predomínio de tendências • Criação sistema e Pós-Graduação e reorganização do ensino de 1º e 2º graus (1968 em diante) • Forte ênfase no “enfoque sistêmico”, e em temas como a “operacionalização de objetivos”, “tecnologias de ensino”, “instrução programada” (paródia crítica: Jesus professor http://mais.uol.com.br/view/e8h4xmy8lnu8/5935594?types=A&) • Na pesquisa educacional, isso correspondeu a uma forte dimensão empírica funcionalista (em comunicação e educação) • Resposta: teóricas críticas da educação (importação) e desenvolvimento de tendências contra-hegemônicas, bem como abordagens pós-modernas – de todas as matizes
  • 25. Teorias crítico-reprodutivistas • A escola funciona como um “Aparelho Ideológico do Estado” (AIE), ao lado de outros do mesmo tipo (meios de comunicação, família, etc.) • Sua função social é a reprodução social e não transformações • Escola mantêm, assegura e legitima desigualdades sociais • Cultura legitimada pela escola é a cultura da classe dominante • Síntese: sobre o conceito de “capital cultural” (http://www.youtube.com/watch?v=Qlc6GBeCO50)
  • 26. Teorias crítico-reprodutivistas • Teoria da dupla escola (Baudelot e Establet): existência de um sistema “primário profissional” (PP) e uma escola “secundária superior” • Influência em certas vertentes críticas da reflexão dos autores da escola de Frankfurt (Henry Giroux, Peter McLaren e outros) • Currículo oculto • Teoria da “semicultura” (Adorno) • Autores são criticados por pessimismo e imobilismo, o que abre caminhos para tendências dialéticas de renovação da crítica escolar e social (educação como instrumento de luta)
  • 27. Exemplo de discussão pós-moderna http://www.youtube.com/watch?v=n9KeDTMEYSE
  • 28. Modelos de Educación y Comunicación KAPLUN. O comunicador popular, cap. 1. http://estrategiadidactica.files.wordpress.com/2012/09/kaplun-mario_el-comunicador-popular-cap1.pdf
  • 29. Modelos de Educación y Comunicación KAPLUN. O comunicador popular, cap. 1. http://estrategiadidactica.files.wordpress.com/2012/09/kaplun-mario_el-comunicador-popular-cap1.pdf
  • 30. Educomunicación: Modelos de Educación y Comunicación http://vimeo.com/66792680
  • 31. Referências GADOTTI, Moacir. História das ideias pedagógicas. São Paulo: Ática, 8ª ed., 1999. SAVIANI, Demerval. Tendências e correntes da educação brasileira. In: MENDES, Durmeval Trigueiro (Coord.). Filosofia da educação no Brasil. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira, 1983. SAVIANI, Demerval. As concepções pedagógicas na história da educação brasileira. Campinas, agosto 2005.