SlideShare uma empresa Scribd logo
Tecnologias Socioambientais Formação III Ciclo – 30/06/2011 EMEF Vila Monte Cristo
Alguns exemplos: Aquecedor de água com garrafas PET Sanitário compostável Abiosorvente Permacultura & Bioconstrução Purificador de água
 
 

Recomendado para você

Por um consumo responsável da água: não despedice!
Por um consumo responsável da água: não despedice!Por um consumo responsável da água: não despedice!
Por um consumo responsável da água: não despedice!

O texto descreve a importância da água para a vida no planeta, como apenas 2,5% da água é doce e disponível para consumo humano, e formas como podemos ter um consumo consciente de água evitando desperdícios em nossas atividades diárias.

Cartilha Manejo Apropriado de Água
Cartilha Manejo Apropriado de ÁguaCartilha Manejo Apropriado de Água
Cartilha Manejo Apropriado de Água

Cartilha produzida pela ONG IPESA no projeto "Manejo da Água: Rio Limpo, Comunidade Integrada", realizado durante os anos de 2011 e 2012, no Núcleo Comunitário da Associação dos Moradores do Bairro Verava, em Ibiúna/SP

agua de chuvabiossistema integradoaproveitamento agua chuva
Permacultura Cartilha faca você mesmo
Permacultura Cartilha faca você mesmoPermacultura Cartilha faca você mesmo
Permacultura Cartilha faca você mesmo

O documento fornece dicas práticas de sustentabilidade como compostagem, reutilização de lixo e fabricação caseira de produtos de limpeza. Apresenta alternativas para reduzir o lixo, poluir menos a água e cuidar da saúde de forma natural.

permacultura
 
 
 
Sanitário biocompostável Xixi e cocô  não são dejetos, mas importantes recursos. A tecnologia de sanitário compostável – higiênico e sem cheiro - com separação de urina transforma o cocô em adubo e o xixi diluído em fertilizante.

Recomendado para você

2ª parada literária 1º bimestre
2ª parada literária   1º bimestre2ª parada literária   1º bimestre
2ª parada literária 1º bimestre

O documento discute a importância da coleta seletiva e da reciclagem para o meio ambiente, explicando que eles permitem recuperar matérias-primas que de outra forma seriam tiradas da natureza. Também lista os principais materiais recicláveis e seus respectivos tempos de decomposição na natureza.

Reuso da agua
Reuso da aguaReuso da agua
Reuso da agua

O documento discute o reuso da água como uma medida econômica e de respeito ao meio ambiente. Ele define o reuso da água como um processo pelo qual a água passa para ser utilizada novamente e explica exemplos de reuso residencial e industrial. Além disso, destaca a importância do reuso da água devido à escassez do recurso e os benefícios econômicos e ambientais da prática.

Cartilha fossas septicas biodigestoras
Cartilha fossas septicas biodigestorasCartilha fossas septicas biodigestoras
Cartilha fossas septicas biodigestoras

Este documento fornece instruções passo a passo para instalar um sistema inovador de fossas sépticas biodigestoras. O sistema trata esgoto sanitário de forma sustentável por meio da biodigestão, produzindo adubo orgânico. As fossas sépticas biodigestoras melhoram a saúde e geração de renda no meio rural ao tratar esgoto e fertilizar o solo de forma segura.

saneamento rural
 
 
 
Abiosorvente 100% algodão, lavável e reutilizável

Recomendado para você

Aproveitando a água da chuva
Aproveitando a água da chuvaAproveitando a água da chuva
Aproveitando a água da chuva

Este documento discute a captação e utilização da água da chuva, com os objetivos de reaproveitar este recurso e economizar água potável. Ele explica como direcionar a água da chuva que cai no telhado para reservatórios, e como essa água pode ser usada para lavagem, rega de jardins e hortas, e vasos sanitários. Ao fazer isso, há benefícios como economia na conta de água e redução de enchentes e esgoto.

Desperdício de água na escola
Desperdício de água na escolaDesperdício de água na escola
Desperdício de água na escola

O documento discute a importância da conservação e reutilização da água. Ele mostra como a água é desperdiçada em grandes quantidades na escola e na indústria e argumenta que cada pessoa deve fazer sua parte para economizar e reutilizar a água. A natureza agradece quando conservamos nossos recursos hídricos.

gua
The Super Cans
The Super CansThe Super Cans
The Super Cans

O Projeto Consciência tem como objetivo promover a conscientização ambiental e o desenvolvimento sustentável através dos 4Rs: Redução, Reaproveitamento, Reciclagem e Responsabilidade. A equipe The Super Cans busca aplicar esses princípios ao destino correto do lixo, à preservação das matas e ao uso racional da água.

 
Permacultura Princípios éticos: Cuidado com a terra Cuidado com as pessoas Partilha justa
 
Permacultura, significa "cultura permanente", isto é, são técnicas e conceitos usados em comunidades humanas, de forma a permitir a existência dela de forma sustentável, utilizando os recursos naturais mais harmonicamente, sem degradar o meio, e muitas vezes até recuperando áreas em que antes não haviam tantos recursos, regenerando terras, florestas, águas, fauna, e como consequência natural, a saúde das pessoas, possibilitando as futuras gerações uma vida com tanta ou mais qualidade do que as atuais.

Recomendado para você

Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)

O documento discute o aproveitamento da água da chuva para fins não potáveis como forma de economizar água potável. Ele explica que a água da chuva não é potável, mas pode ser usada para irrigação, limpeza e outros usos não diretos. O documento também descreve o processo de captação da água da chuva e seus benefícios para reduzir custos e pressão sobre os mananciais de água.

chuva; aproveitamento de água da chuva; pet
Trabalho De Biologia água
Trabalho De Biologia águaTrabalho De Biologia água
Trabalho De Biologia água

A água é essencial para a vida e está presente na Terra em três estados: líquido, sólido e gasoso. No entanto, a falta de acesso à água potável é um problema crescente que afeta mais de 45% da população mundial até 2050. Além disso, o desperdício de água tem consequências e é necessário adotar soluções como reduzir o tempo no banho, fechar as torneiras e usar eletrodomésticos de forma consciente.

IrrigaçãO Localizada 3º A
IrrigaçãO Localizada 3º AIrrigaçãO Localizada 3º A
IrrigaçãO Localizada 3º A

O documento discute o sistema de irrigação localizada, que usa gotejamento para direcionar a água diretamente para o sistema radicular das plantas de forma mais eficiente, usando menos água. A irrigação localizada requer menos mão-de-obra e é economicamente viável para produtores, além de garantir uniformidade e qualidade na produção. No Brasil, os sistemas de gotejamento e microaspersão têm sido usados desde 1972 e 1982, respectivamente, principalmente em frutíferas, cafeicultura e hortaliças de alto valor com

Horta mandala No centro da atividade do permacultor está o design, tomado como planejamento consciente para tornar possível, entre outras coisas, a utilização da terra sem desperdício ou poluição, a restauração de paisagens degradadas e o consumo mínimo de energia.
superadobe
 
 

Recomendado para você

Projeto Igarapé Do Urumari
Projeto Igarapé Do UrumariProjeto Igarapé Do Urumari
Projeto Igarapé Do Urumari

Projeto desenvolvido no Laboratório de Informatica da Escola São José Operário em 2008 pela profª Neci Tapajós

Reciclagem das pilhas
Reciclagem das pilhasReciclagem das pilhas
Reciclagem das pilhas

[1] O projeto "Pilhão vai à Escola" é dinamizado pela empresa Ecopilhas e visa sensibilizar estudantes e a comunidade escolar sobre a importância da reciclagem de pilhas e baterias usadas. [2] As escolas que participarem receberão pontos e prêmios em função da quantidade de itens coletados. [3] O projeto será implementado na escola pelo grupo de Ciências da Natureza com a colocação de pilhões para a coleta seletiva desses resíduos.

Apresentacao escola sustentavel
Apresentacao escola sustentavelApresentacao escola sustentavel
Apresentacao escola sustentavel

Este documento discute escolas sustentáveis, definindo-as como espaços com intencionalidade pedagógica de promover a sustentabilidade socioambiental por meio do currículo, gestão e espaço físico. Ele aborda como essas três dimensões podem ser desenvolvidas para tornar a escola um exemplo de sustentabilidade e influenciar a comunidade.

infantoconferencianacional
 
Luz solar purifica água Solar ball
Swiss waterkiosk, Moçambique, Bangladesh e Tanzânia
Um produto concebido pelos coreanos Jung Uk Park, Myeong Hoon Lee e Dae Youl Lee permite purificar fontes de água impróprias para consumo, tornando-as potáveis. Trata-se de um saco que transporta alimentos e que, depois de vazio, utiliza uma tecnologia diferenciada para o tratamento da água a partir da luz solar. O Life Sack, como foi designado, usa o Processo de Desinfeção Solar de Água, que mata os organismos no líquido contaminado a partir da radiação UV-A, que penetra com facilidade o PVC de que o saco é feito. O saco possui ainda um filtro interno capaz de remover todos os microrganismos que tenham, pelo menos, cinco nanómetros (um nanómetro é igual a um milímetro dividido por um milhão); por exemplo, o tamanho da bactéria que está na origem da tuberculose corresponde a 200 nanómetros. Esta é uma inovação desenvolvida a pensar nas populações mais carenciadas do planeta, que não raramente vivem em zonas remotas, onde é difícil ter acesso a fontes de água limpa.  Por isso mesmo, os designers dotaram o Life Sack com alças de mochila, a pensar nas pessoas que têm de percorrer vários quilómetros em busca de água e alimento. Deste modo, basta expor a água ao sol e deixar o Life Sack agir purificando a água.

Recomendado para você

A diversidade da fauna em Porto Alegre
A diversidade da fauna em Porto AlegreA diversidade da fauna em Porto Alegre
A diversidade da fauna em Porto Alegre

Este documento lista as diversas espécies de fauna encontradas em diferentes habitats na cidade de Porto Alegre, Brasil. Ele descreve as espécies típicas do campo seco, da floresta, do banhado, da restinga e da área úmida do Delta do rio Jacuí, incluindo aves, répteis, mamíferos e invertebrados.

monte cristoeducação ambiental
As três ecologias
As três ecologiasAs três ecologias
As três ecologias

A escola Vila Monte Cristo vem construindo ações individuais e coletivas em relação ao trabalho com o ambiente. Meta para 2013: intensificar as ações pedagógicas que tenham por referência as três ecologias:pessoal,social e ambiental

meta da escola 2013três ecologiasescola monte cristo
A Arte De Viver Em Paz.Ppt I
A Arte De Viver Em Paz.Ppt IA Arte De Viver Em Paz.Ppt I
A Arte De Viver Em Paz.Ppt I

O documento discute a importância de valores humanos universais como amor, verdade, ação correta, paz e não-violência para a construção de uma cultura de paz. Defende que a educação para a paz é essencial para superar a violência no mundo e que deve abranger não apenas crianças e jovens, mas também adultos, promovendo a conscientização sobre as três ecologias: pessoal, social e planetária.

 
REFERÊNCIAS www.arcaverde.org www.agriculturaterra.com.br www.permaculturabrasil.blogspot.com www.ipoema.org.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Guia de Compostagem Caseira
Guia de Compostagem CaseiraGuia de Compostagem Caseira
Guia de Compostagem Caseira
Míriam Morata Novaes
 
Grupo Agua
Grupo AguaGrupo Agua
Captação de água de chuva
Captação de água de chuvaCaptação de água de chuva
Captação de água de chuva
Tiago Malta
 
Por um consumo responsável da água: não despedice!
Por um consumo responsável da água: não despedice!Por um consumo responsável da água: não despedice!
Por um consumo responsável da água: não despedice!
EglePinho
 
Cartilha Manejo Apropriado de Água
Cartilha Manejo Apropriado de ÁguaCartilha Manejo Apropriado de Água
Cartilha Manejo Apropriado de Água
Fluxus Design Ecológico
 
Permacultura Cartilha faca você mesmo
Permacultura Cartilha faca você mesmoPermacultura Cartilha faca você mesmo
Permacultura Cartilha faca você mesmo
Míriam Morata Novaes
 
2ª parada literária 1º bimestre
2ª parada literária   1º bimestre2ª parada literária   1º bimestre
2ª parada literária 1º bimestre
rafaelescola412
 
Reuso da agua
Reuso da aguaReuso da agua
Reuso da agua
Luana Barros
 
Cartilha fossas septicas biodigestoras
Cartilha fossas septicas biodigestorasCartilha fossas septicas biodigestoras
Cartilha fossas septicas biodigestoras
João Siqueira da Mata
 
Aproveitando a água da chuva
Aproveitando a água da chuvaAproveitando a água da chuva
Aproveitando a água da chuva
vilmaacd
 
Desperdício de água na escola
Desperdício de água na escolaDesperdício de água na escola
Desperdício de água na escola
Glauco Duarte
 
The Super Cans
The Super CansThe Super Cans
The Super Cans
prissabino
 
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
petambiental
 
Trabalho De Biologia água
Trabalho De Biologia águaTrabalho De Biologia água
Trabalho De Biologia água
ressurreicaorecreio
 
IrrigaçãO Localizada 3º A
IrrigaçãO Localizada 3º AIrrigaçãO Localizada 3º A
IrrigaçãO Localizada 3º A
IF Baiano - Campus Catu
 
Projeto Igarapé Do Urumari
Projeto Igarapé Do UrumariProjeto Igarapé Do Urumari
Projeto Igarapé Do Urumari
Necy
 
Reciclagem das pilhas
Reciclagem das pilhasReciclagem das pilhas
Reciclagem das pilhas
111110
 

Mais procurados (17)

Guia de Compostagem Caseira
Guia de Compostagem CaseiraGuia de Compostagem Caseira
Guia de Compostagem Caseira
 
Grupo Agua
Grupo AguaGrupo Agua
Grupo Agua
 
Captação de água de chuva
Captação de água de chuvaCaptação de água de chuva
Captação de água de chuva
 
Por um consumo responsável da água: não despedice!
Por um consumo responsável da água: não despedice!Por um consumo responsável da água: não despedice!
Por um consumo responsável da água: não despedice!
 
Cartilha Manejo Apropriado de Água
Cartilha Manejo Apropriado de ÁguaCartilha Manejo Apropriado de Água
Cartilha Manejo Apropriado de Água
 
Permacultura Cartilha faca você mesmo
Permacultura Cartilha faca você mesmoPermacultura Cartilha faca você mesmo
Permacultura Cartilha faca você mesmo
 
2ª parada literária 1º bimestre
2ª parada literária   1º bimestre2ª parada literária   1º bimestre
2ª parada literária 1º bimestre
 
Reuso da agua
Reuso da aguaReuso da agua
Reuso da agua
 
Cartilha fossas septicas biodigestoras
Cartilha fossas septicas biodigestorasCartilha fossas septicas biodigestoras
Cartilha fossas septicas biodigestoras
 
Aproveitando a água da chuva
Aproveitando a água da chuvaAproveitando a água da chuva
Aproveitando a água da chuva
 
Desperdício de água na escola
Desperdício de água na escolaDesperdício de água na escola
Desperdício de água na escola
 
The Super Cans
The Super CansThe Super Cans
The Super Cans
 
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
Aproveitamento de água da chuva - PET Ambiental (Apresentação)
 
Trabalho De Biologia água
Trabalho De Biologia águaTrabalho De Biologia água
Trabalho De Biologia água
 
IrrigaçãO Localizada 3º A
IrrigaçãO Localizada 3º AIrrigaçãO Localizada 3º A
IrrigaçãO Localizada 3º A
 
Projeto Igarapé Do Urumari
Projeto Igarapé Do UrumariProjeto Igarapé Do Urumari
Projeto Igarapé Do Urumari
 
Reciclagem das pilhas
Reciclagem das pilhasReciclagem das pilhas
Reciclagem das pilhas
 

Destaque

Apresentacao escola sustentavel
Apresentacao escola sustentavelApresentacao escola sustentavel
Apresentacao escola sustentavel
Ricardo Ferrao
 
A diversidade da fauna em Porto Alegre
A diversidade da fauna em Porto AlegreA diversidade da fauna em Porto Alegre
A diversidade da fauna em Porto Alegre
Aline da Rosa
 
As três ecologias
As três ecologiasAs três ecologias
A Arte De Viver Em Paz.Ppt I
A Arte De Viver Em Paz.Ppt IA Arte De Viver Em Paz.Ppt I
Laboratório de aprendizagem de português 2017
Laboratório de aprendizagem de português 2017Laboratório de aprendizagem de português 2017
Laboratório de aprendizagem de português 2017
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Menegat lugar da_cognição_montecristo
Menegat lugar da_cognição_montecristoMenegat lugar da_cognição_montecristo
Menegat lugar da_cognição_montecristo
Aline da Rosa
 

Destaque (6)

Apresentacao escola sustentavel
Apresentacao escola sustentavelApresentacao escola sustentavel
Apresentacao escola sustentavel
 
A diversidade da fauna em Porto Alegre
A diversidade da fauna em Porto AlegreA diversidade da fauna em Porto Alegre
A diversidade da fauna em Porto Alegre
 
As três ecologias
As três ecologiasAs três ecologias
As três ecologias
 
A Arte De Viver Em Paz.Ppt I
A Arte De Viver Em Paz.Ppt IA Arte De Viver Em Paz.Ppt I
A Arte De Viver Em Paz.Ppt I
 
Laboratório de aprendizagem de português 2017
Laboratório de aprendizagem de português 2017Laboratório de aprendizagem de português 2017
Laboratório de aprendizagem de português 2017
 
Menegat lugar da_cognição_montecristo
Menegat lugar da_cognição_montecristoMenegat lugar da_cognição_montecristo
Menegat lugar da_cognição_montecristo
 

Semelhante a Tecnologias socioambientais

CaptaçãO De áGua De Chuva
CaptaçãO De áGua De ChuvaCaptaçãO De áGua De Chuva
CaptaçãO De áGua De Chuva
Ionara Urrutia Moura
 
BSI - Biossistemas Integrados
BSI - Biossistemas IntegradosBSI - Biossistemas Integrados
BSI - Biossistemas Integrados
Fluxus Design Ecológico
 
Introdução à Permacultura
Introdução à PermaculturaIntrodução à Permacultura
Introdução à Permacultura
Flávia Cremonesi
 
Bio-Urbanismo _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...
Bio-Urbanismo  _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...Bio-Urbanismo  _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...
Bio-Urbanismo _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...
Marcelo Vassalo
 
Ecopedagogia
EcopedagogiaEcopedagogia
Ecopedagogia
shirley cantinho
 
Slides do livro Eletrônico
Slides do livro EletrônicoSlides do livro Eletrônico
Slides do livro Eletrônico
Flavia Carvalho
 
Saneamento básico
Saneamento básicoSaneamento básico
Saneamento básico
PhoenixSportFitness
 
Cartilha manejo bx
Cartilha manejo bxCartilha manejo bx
Cartilha manejo bx
Míriam Morata Novaes
 
Cartilha de saneamento ecologico
Cartilha de saneamento ecologicoCartilha de saneamento ecologico
Cartilha de saneamento ecologico
andregrs
 
Agua
AguaAgua
Agua
liliana11
 
Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018
Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018
Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018
MarceloGuido7
 
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAISPERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
Sagui Lab
 
POAMS (Apresentação)
POAMS (Apresentação)POAMS (Apresentação)
POAMS (Apresentação)
Luiz Guilherme Leite Artuzi
 
Ciencias tratamento de esgoto
Ciencias   tratamento de esgotoCiencias   tratamento de esgoto
Ciencias tratamento de esgoto
Gustavo Soares
 
Lixo Seletivo
Lixo SeletivoLixo Seletivo
Lixo Seletivo
cleuzaamaral
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
cleuzaoliveira
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
cleuzaluiza
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
cleuzaamaral
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
cleuzaoliveira
 
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAISPERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
Sagui Lab
 

Semelhante a Tecnologias socioambientais (20)

CaptaçãO De áGua De Chuva
CaptaçãO De áGua De ChuvaCaptaçãO De áGua De Chuva
CaptaçãO De áGua De Chuva
 
BSI - Biossistemas Integrados
BSI - Biossistemas IntegradosBSI - Biossistemas Integrados
BSI - Biossistemas Integrados
 
Introdução à Permacultura
Introdução à PermaculturaIntrodução à Permacultura
Introdução à Permacultura
 
Bio-Urbanismo _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...
Bio-Urbanismo  _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...Bio-Urbanismo  _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...
Bio-Urbanismo _ Paisagem Urbana de “Alta Performance”- Uma nova visão para a...
 
Ecopedagogia
EcopedagogiaEcopedagogia
Ecopedagogia
 
Slides do livro Eletrônico
Slides do livro EletrônicoSlides do livro Eletrônico
Slides do livro Eletrônico
 
Saneamento básico
Saneamento básicoSaneamento básico
Saneamento básico
 
Cartilha manejo bx
Cartilha manejo bxCartilha manejo bx
Cartilha manejo bx
 
Cartilha de saneamento ecologico
Cartilha de saneamento ecologicoCartilha de saneamento ecologico
Cartilha de saneamento ecologico
 
Agua
AguaAgua
Agua
 
Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018
Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018
Tecnologias Sociais - Primeiro Módulo - 2018
 
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAISPERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
 
POAMS (Apresentação)
POAMS (Apresentação)POAMS (Apresentação)
POAMS (Apresentação)
 
Ciencias tratamento de esgoto
Ciencias   tratamento de esgotoCiencias   tratamento de esgoto
Ciencias tratamento de esgoto
 
Lixo Seletivo
Lixo SeletivoLixo Seletivo
Lixo Seletivo
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
 
Lixo seletivo
Lixo seletivoLixo seletivo
Lixo seletivo
 
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAISPERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
PERCEPÇÃO SOBRE SISTEMAS DE SANEAMENTO E PREFERÊNCIA DE MATERIAIS
 

Mais de Escola Municipal Vila Monte Cristo

Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática 2017
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática  2017Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática  2017
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática 2017
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Boas vindas ao ano letivo de 2016
Boas vindas ao ano letivo de 2016Boas vindas ao ano letivo de 2016
Boas vindas ao ano letivo de 2016
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015 Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Apresentaçao janete machado
Apresentaçao janete machadoApresentaçao janete machado
Apresentaçao janete machado
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGOPROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTOSARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃOPRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa históriaDom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Revista Turma da Monica cuidando do mundo
Revista Turma da Monica cuidando do mundoRevista Turma da Monica cuidando do mundo
Revista Turma da Monica cuidando do mundo
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturasPré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Relatório do 2º trimestre 2012 na Turma A34
Relatório do  2º  trimestre 2012  na Turma A34 Relatório do  2º  trimestre 2012  na Turma A34
Relatório do 2º trimestre 2012 na Turma A34
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Canoagem
CanoagemCanoagem
Trabalho sobre o boxe
Trabalho sobre o boxeTrabalho sobre o boxe
Trabalho sobre o boxe
Escola Municipal Vila Monte Cristo
 
Hóquei na grama
Hóquei na gramaHóquei na grama

Mais de Escola Municipal Vila Monte Cristo (20)

Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
Memória fotográfica:LA matemática 2015/2016
 
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática 2017
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática  2017Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática  2017
Projeto para o Laboratório aprendizagem matemática 2017
 
Boas vindas ao ano letivo de 2016
Boas vindas ao ano letivo de 2016Boas vindas ao ano letivo de 2016
Boas vindas ao ano letivo de 2016
 
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015 Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
Homenagem à Monte Cristo em seus 20 anos: 1995 a 2015
 
Apresentaçao janete machado
Apresentaçao janete machadoApresentaçao janete machado
Apresentaçao janete machado
 
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGOPROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
PROJETO CAPOEIRA EM DIÁLOGO
 
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTOSARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
SARAUS MUSICAIS NA EMEF VILA MONTE CRISTO
 
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
COMPLEMENTO DE GRAFITAGEM 2014
 
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
Programas e projetos do Cidade Escola na EMEF Vila Monte Cristo em 2014
 
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃOPRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
PRINCÍPIOS E BREVE HISTÓRICO DO PROGRAMA CIDADE ESCOLA E MAISEDUCAÇÃO
 
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
GUAÍBA: UM FALSO RIO CONTA A HISTÓRIA DA CIDADE
 
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa históriaDom Quixote: várias formas de contar essa história
Dom Quixote: várias formas de contar essa história
 
Revista Turma da Monica cuidando do mundo
Revista Turma da Monica cuidando do mundoRevista Turma da Monica cuidando do mundo
Revista Turma da Monica cuidando do mundo
 
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturasPré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
Pré-leitura: formando um contexto para ler outras culturas
 
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
FORMAÇÃO DE EDUCADORES AMBIENTAIS
 
Relatório do 2º trimestre 2012 na Turma A34
Relatório do  2º  trimestre 2012  na Turma A34 Relatório do  2º  trimestre 2012  na Turma A34
Relatório do 2º trimestre 2012 na Turma A34
 
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
Canoagem nas olimpíadas de londres 2012
 
Canoagem
CanoagemCanoagem
Canoagem
 
Trabalho sobre o boxe
Trabalho sobre o boxeTrabalho sobre o boxe
Trabalho sobre o boxe
 
Hóquei na grama
Hóquei na gramaHóquei na grama
Hóquei na grama
 

Último

Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redaçãoRedação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
GrazielaTorrezan
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
Faga1939
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Manejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhasManejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhas
Geagra UFG
 
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docxPlano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
IsaiasJohaneSimango
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
Texto e atividade -  Fontes alternativas de energiaTexto e atividade -  Fontes alternativas de energia
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
Mary Alvarenga
 
STALINISMO apresentação slides para escolares
STALINISMO apresentação slides para escolaresSTALINISMO apresentação slides para escolares
STALINISMO apresentação slides para escolares
Daniel273024
 
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantililSEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
menesabi
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redaçãoRedação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
A EDUCAÇÃO COM A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL E AS DEFICIÊNCIAS DE SUA APLICAÇÃO N...
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Manejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhasManejo de plantas daninhas
Manejo de plantas daninhas
 
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docxPlano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
Plano Analitico de Psicopedagogia -11 Classe- II Trimestre - 2024_014203.docx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
Texto e atividade -  Fontes alternativas de energiaTexto e atividade -  Fontes alternativas de energia
Texto e atividade - Fontes alternativas de energia
 
STALINISMO apresentação slides para escolares
STALINISMO apresentação slides para escolaresSTALINISMO apresentação slides para escolares
STALINISMO apresentação slides para escolares
 
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantililSEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
SEQUÊNCIA NÃO ME TOCA, SEU BOBOCA, Violência sexual infantilil
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 

Tecnologias socioambientais

  • 1. Tecnologias Socioambientais Formação III Ciclo – 30/06/2011 EMEF Vila Monte Cristo
  • 2. Alguns exemplos: Aquecedor de água com garrafas PET Sanitário compostável Abiosorvente Permacultura & Bioconstrução Purificador de água
  • 3.  
  • 4.  
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 8. Sanitário biocompostável Xixi e cocô não são dejetos, mas importantes recursos. A tecnologia de sanitário compostável – higiênico e sem cheiro - com separação de urina transforma o cocô em adubo e o xixi diluído em fertilizante.
  • 9.  
  • 10.  
  • 11.  
  • 12. Abiosorvente 100% algodão, lavável e reutilizável
  • 13.  
  • 14. Permacultura Princípios éticos: Cuidado com a terra Cuidado com as pessoas Partilha justa
  • 15.  
  • 16. Permacultura, significa "cultura permanente", isto é, são técnicas e conceitos usados em comunidades humanas, de forma a permitir a existência dela de forma sustentável, utilizando os recursos naturais mais harmonicamente, sem degradar o meio, e muitas vezes até recuperando áreas em que antes não haviam tantos recursos, regenerando terras, florestas, águas, fauna, e como consequência natural, a saúde das pessoas, possibilitando as futuras gerações uma vida com tanta ou mais qualidade do que as atuais.
  • 17. Horta mandala No centro da atividade do permacultor está o design, tomado como planejamento consciente para tornar possível, entre outras coisas, a utilização da terra sem desperdício ou poluição, a restauração de paisagens degradadas e o consumo mínimo de energia.
  • 19.  
  • 20.  
  • 21.  
  • 22. Luz solar purifica água Solar ball
  • 23. Swiss waterkiosk, Moçambique, Bangladesh e Tanzânia
  • 24. Um produto concebido pelos coreanos Jung Uk Park, Myeong Hoon Lee e Dae Youl Lee permite purificar fontes de água impróprias para consumo, tornando-as potáveis. Trata-se de um saco que transporta alimentos e que, depois de vazio, utiliza uma tecnologia diferenciada para o tratamento da água a partir da luz solar. O Life Sack, como foi designado, usa o Processo de Desinfeção Solar de Água, que mata os organismos no líquido contaminado a partir da radiação UV-A, que penetra com facilidade o PVC de que o saco é feito. O saco possui ainda um filtro interno capaz de remover todos os microrganismos que tenham, pelo menos, cinco nanómetros (um nanómetro é igual a um milímetro dividido por um milhão); por exemplo, o tamanho da bactéria que está na origem da tuberculose corresponde a 200 nanómetros. Esta é uma inovação desenvolvida a pensar nas populações mais carenciadas do planeta, que não raramente vivem em zonas remotas, onde é difícil ter acesso a fontes de água limpa. Por isso mesmo, os designers dotaram o Life Sack com alças de mochila, a pensar nas pessoas que têm de percorrer vários quilómetros em busca de água e alimento. Deste modo, basta expor a água ao sol e deixar o Life Sack agir purificando a água.
  • 25.  
  • 26. REFERÊNCIAS www.arcaverde.org www.agriculturaterra.com.br www.permaculturabrasil.blogspot.com www.ipoema.org.br