SlideShare uma empresa Scribd logo
A Tecnologia e a Educação Ou: Como a tecnologia afeta  o  contexto  em que educamos  os  ambientes  em que aprendemos os  recursos  que nos ajudam a aprender as  gerações  que devemos ajudar a aprender a  educação  que devemos proporcionar Eduardo Chaves SME-SP, Microsoft, Fundação Bradesco, UNISAL, UNICAMP
1. Introdução: A Tecnologia
Tecnologia Tecnologia  Tecnologia de Informação e Comunicação – TIC  Tecnologia Digital de Informação e Comunicação – TDIC
Tecnologia: Conceito – 1  A tecnologia é parte da cultura, não da natureza A tecnologia é uma criação humana destinada a expandir nossos poderes físicos ou mentais, ou ainda nossa capacidade de fruir a vida
Tecnologia: Conceito – 2  Aquilo que o ser humano inventa para fazer sua mais fácil é uma  ferramenta  (“tool”) Aquilo que o ser humano inventa para fazer sua mais agradável é um  brinquedo  (“toy”)
Tecnologia: Conceito – 3  Há tecnologia tangível (“hard”)  Há tecnologia intangível (“soft”)
Tecnologia: Conceito – 4  Tecnologia “hard” Equipamentos, instrumentos, ferramentas físicas que expandem nossa força física, nosso poder de locomoção, nossa capacidade sensorial, nossa capacidade de comunicação, nossos poderes mentais, nossa capacidade de sentir...
Tecnologia: Conceito – 5  Tecnologia “soft”  Procedimentos, métodos, técnicas, algoritmos e notações, como, por exemplo, a escrita, a lógica, a matemática Formas de fazer um sem número de coisas:  arar a terra, represar a água, construir edifícios, navegar pelos mares e pelos ares, etc. Metodologias para as mais diversas coisas: solução de problemas, resposta para perguntas, tomada de decisão, aprendizagem, etc.
TIC – 1  As Tecnologias de Informação e Comunicação nos ajudam a:  Buscar a informação Gerenciar a informação Tratar a informação Permutar informações interpessoalmente  Disseminar informações publicamente Discutir e debater informações  Esses Processos de Informação e Comunicação – PIC são mais importantes do que as TIC
TIC – 2  Exemplos de TIC pré-digitais  Linguagem falada, linguagem escrita, sistemas numéricos, notação musical, etc. Livro, imprensa, telégrafo, telefone, cinema, rádio, televisão, disco, fita, etc.  Papiro, pergaminho, papel, tintas, pincéis, lápis, canetas, máquina de escrever, etc.
TDIC  As novas Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação nos ajudam a fazer as mesmas coisas que as tecnologias pré-digitais ajudavam Elas surgiram a partir do computador digital.  Exemplos de TDIC:  Os vários tipos de computadores (desktop, laptop, notebook, netbook, palmtop, etc.), a Internet, os vários tipos de telefones celulares,  os telefones fixos digitais, as câmeras digitais,  o rádio digital, a TV digital, os diversos tipos de impressoras, os leitores de CD, DVD e MP3, etc.
As TDIC e a Educação As TDIC afetam a educação transformando:  O  contexto  (histórico, social, cultural, econômico) em que a educação acontece  Os  ambientes  em que aprendemos Os  recursos  com os quais aprendemos As  gerações  que precisamos ajudar a aprender A  educação  que devemos proporcionar para as novas gerações
2. A Mudança do Contexto
A Mudança do Contexto A educação não acontece num vácuo: seu objetivo é preparar as pessoas para viver numa determinada época, em um determinada sociedade, com uma cultura específica e uma economia característica...  Se esse contexto se altera, a educação também vai mudar – ou deve, pois doutra forma se tornará anacrônica, desajustada com o seu tempo e lugar Nunca houve tanta mudança no mundo como nos 65 anos desde a Segunda Guerra
Exemplo de Mudança de Contexto Sessenta anos atrás, a informação era escassa e o acesso a ela difícil  (1960: Soror Mariana Alcoforado...) Hoje, há sobrecarga de informação e o acesso a ela é extremamente fácil
Como essa Mudança Afeta a Educação Sessenta anos atrás, fazia sentido que a escola predominantemente transmitisse informações a seus alunos Livros, revistas e jornais eram escassos, o rádio tinha pequeno alcance, a televisão não existia, viagens eram raras, CDs, CD-ROMs e DVDs também não existiam, nem a Internet... Assim, ou a escola transmitia informações, ou  as crianças e os jovens não as teriam  Mas hoje...
Outra Mudança no Contexto Sessenta anos atrás, o conhecimento era visto como um tipo especial de informação (confiável, fundamentada, evidenciada, quiçá verdadeira)  Hoje o conhecimento é visto como um tipo de competência: a capacidade de fazer sentido das informações que recebemos, de enquadrá-la em categorias adequadas, de formular esquemas e modelos com elas que nos permitem entender e compreender o mundo e as pessoas  (Piaget, Construtivismo, etc.)
Como essa Mudança Afeta a Educação Essa competência ou capacidade não pode ser transmitida de uma pessoa para outra: precisa ser construída por cada um
Conclusão da Parte 2  A informação  não precisa  ser transmitida, porque existe em grande quantidade e o acesso a ela é extremamente fácil  O conhecimento  não pode  ser transmitido, pois precisa ser construído por cada um  Assim, o objetivo da escola deve ser colocado em algum outro processo O  desenvolvimento de competências  tem sido mais e mais sugerido como o foco da escola
3. A Mudança do Ambiente (o tempo, o lugar, e as formas de aprender)
O Tempo de Aprender Sessenta anos atrás, a gente acreditava que aprendia Dos sete aos dez anos...  Ou dos sete aos quatorze anos... Ou dos sete aos dezessete anos... Ou dos sete aos vinte e um anos... Antes a gente brincava, depois trabalhava!  Hoje A gente aprende em qualquer tempo, o tempo todo (“Anytime”)
O Lugar de Aprender Sessenta anos atrás, a gente aprendia  Na escola  Hoje, Em qualquer lugar (“Anywhere”)
As Formas de Aprender Sessenta anos atrás a gente aprendia Ouvindo o que professor falava  Tomando notas  Lendo o que a gente encontrava em livros Hoje Fazendo coisas de interesse Colaborando e discutindo com colegas Buscando a ajuda de “experts” Divulgando (publicando) os resultados  Recebendo críticas e, se preciso, reformulando
Conclusão da Parte 3 A aprendizagem hoje é  Ativa Interativa Colaborativa  Ela se dá “anytime”, “anywhere”, “all the time”, “just in time”, “just enough”, “all life long” Seu foco é o desenvolvimento de competências Ela tem lugar em projetos de aprendizagem de escolha dos alunos  O “lugar” preferencial são comunidades virtuais
4. A Mudança dos Recursos  (ferramentas, brinquedos...)
Os Recursos Sessenta anos atrás, os recursos com os quais  aprendíamos eram Quadro negro, gis, cadernos, lápis, livros  Hoje Todas as TDIC listadas  Mídias Sociais (Facebook, por exemplo) Jogos (em especial de simulação, como, por exemplo, Farmville, Zoo Tycoon, etc.)
Conclusão da Parte 4 As TDIC não são para ser usadas pelo professor no ensino – mas pelos alunos na aprendizagem
5. Os Aprendentes
No Passado Aprendiam através dos ouvidos (ouvindo o que o professor ensinava)  Tomavam notas a mão em cadernos  Aprendiam através dos olhos (lendo os livros que o professor indicava) Não usavam nenhuma outra tecnologia  Aprendizam sozinhos  Aprendiam uma coisa de cada vez  Eram mais platéia do que protagonistas na educação (e na vida)
Os Nativos Digitais São ativos, protagonistas, na vida e na educação Aprendem fazendo Aprendem (e trabalham) em grupo Aprendem (e fazem) várias coisas ao mesmo tempo (“multitarefas”) Fazem uso intensivo de várias tecnologias Têm muito mais facilidade no trato da tecnologia do que os mais velhos  Usam a tecnologia mais como brinquedo do que como ferramenta
Conclusão da Parte 5 O professor, em regra, e a maior parte do tempo, não precisa ensinar tecnologia para os alunos Ele precisa ajudar os alunos a dominar as competências básicas que os alunos precisam dominar para viver, trabalhar, exercer a cidadania, e aprender no Século XXI Na área de PIC, essas competências básicas  são as que foram descritas atrás
Competências Básicas de IC  Buscar a informação Gerenciar a informação Tratar a informação Permutar informações interpessoalmente  Disseminar informações publicamente Discutir e debater informações Mais: Dominar as  tecnologias  que apoiam o domínio  e o exercício dessas competências
6. A Educação Escolar
Perspectiva Visão : o que é educar, o que é aprender, por que precisamos nos educar e aprender  Currículo : expectativas de aprendizagem, na forma de competências a serem desenvolvidas Metodologia : arte de aprender (matética), focada em problemas e baseada em projetos  Avaliação : verificação da aprendizagem, em  cima de informações baseadas em interações observações devidamente registradas em portfólios de aprendizagem
No Presente No presente, a educação, em especial a escolar, está com um pé no passado e outro tentando se colocar no futuro (Miguel Arroyo) O resultado é um processo frankensteiniano de mistura de objetivos, concepções curriculares, metodologias, e formas de avaliação
O Desafio  “ Trocar o pneu com o carro andando” Os professores responsáveis por tecnologia  nas escolas têm um papel imprescindível na introdução das mudanças necessárias na  prática pedagógica da escola
Obrigado! [email_address]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Power point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educaçãoPower point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educação
karlaluiza
 
Tecnologia e Educação - como?
Tecnologia e Educação - como?Tecnologia e Educação - como?
Tecnologia e Educação - como?
Luis Borges Gouveia
 
Evolução da tecnologia educacional aula 09.08
Evolução da tecnologia educacional   aula 09.08Evolução da tecnologia educacional   aula 09.08
Evolução da tecnologia educacional aula 09.08
IFMS - Instituto Federal de Mato Grosso do Sul
 
[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC
[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC
[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC
tecnodocencia_ufc
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
Vanessa Nogueira
 
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Universidade Federal de Pernambuco
 
Slide tecnologias e midias educativas
Slide tecnologias e  midias educativas  Slide tecnologias e  midias educativas
Slide tecnologias e midias educativas
osmaream
 
REDHIS Tecnologias na educação - Aula 1
REDHIS  Tecnologias na educação - Aula 1REDHIS  Tecnologias na educação - Aula 1
REDHIS Tecnologias na educação - Aula 1
Paulo Alexandre
 
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
rosemaralopes
 
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
Wilker Bueno de Freitas Rosa
 
Tecnologia na Educação e Novas Tendência
Tecnologia na Educação e Novas TendênciaTecnologia na Educação e Novas Tendência
Tecnologia na Educação e Novas Tendência
Daniel Caixeta
 
Tecnologia e Conhecimento - Slides
Tecnologia e Conhecimento - SlidesTecnologia e Conhecimento - Slides
Tecnologia e Conhecimento - Slides
Miguel Damasco
 
Introdução a Informatica na educação
Introdução a Informatica na educaçãoIntrodução a Informatica na educação
Introdução a Informatica na educação
Lisiane Oliveira
 
TECNOLOGIA EDUCACIONAL
TECNOLOGIA EDUCACIONALTECNOLOGIA EDUCACIONAL
TECNOLOGIA EDUCACIONAL
liarosamoura
 
TDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBCTDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBC
alinefaris
 
Tecnologia
TecnologiaTecnologia
Tecnologia
juulianamoreno
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
Joemille Leal
 
Tecnologia na Educação
Tecnologia na EducaçãoTecnologia na Educação
Tecnologia na Educação
Inova7
 
Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...
Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...
Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...
guest0161e9
 
Diretrizes e orientações sobre tdic na rede
Diretrizes e orientações sobre tdic na redeDiretrizes e orientações sobre tdic na rede
Diretrizes e orientações sobre tdic na rede
dalvanice
 

Mais procurados (20)

Power point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educaçãoPower point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educação
 
Tecnologia e Educação - como?
Tecnologia e Educação - como?Tecnologia e Educação - como?
Tecnologia e Educação - como?
 
Evolução da tecnologia educacional aula 09.08
Evolução da tecnologia educacional   aula 09.08Evolução da tecnologia educacional   aula 09.08
Evolução da tecnologia educacional aula 09.08
 
[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC
[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC
[Módulo 3] Tema: Tecnologias e TDIC
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
 
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação na Formação de Professores d...
 
Slide tecnologias e midias educativas
Slide tecnologias e  midias educativas  Slide tecnologias e  midias educativas
Slide tecnologias e midias educativas
 
REDHIS Tecnologias na educação - Aula 1
REDHIS  Tecnologias na educação - Aula 1REDHIS  Tecnologias na educação - Aula 1
REDHIS Tecnologias na educação - Aula 1
 
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
 
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
 
Tecnologia na Educação e Novas Tendência
Tecnologia na Educação e Novas TendênciaTecnologia na Educação e Novas Tendência
Tecnologia na Educação e Novas Tendência
 
Tecnologia e Conhecimento - Slides
Tecnologia e Conhecimento - SlidesTecnologia e Conhecimento - Slides
Tecnologia e Conhecimento - Slides
 
Introdução a Informatica na educação
Introdução a Informatica na educaçãoIntrodução a Informatica na educação
Introdução a Informatica na educação
 
TECNOLOGIA EDUCACIONAL
TECNOLOGIA EDUCACIONALTECNOLOGIA EDUCACIONAL
TECNOLOGIA EDUCACIONAL
 
TDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBCTDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBC
 
Tecnologia
TecnologiaTecnologia
Tecnologia
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
 
Tecnologia na Educação
Tecnologia na EducaçãoTecnologia na Educação
Tecnologia na Educação
 
Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...
Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...
Dos audiovisuais à multimídia: análise história das diferentes dimensões de u...
 
Diretrizes e orientações sobre tdic na rede
Diretrizes e orientações sobre tdic na redeDiretrizes e orientações sobre tdic na rede
Diretrizes e orientações sobre tdic na rede
 

Destaque

Uso de software nas escolas
Uso de software nas escolasUso de software nas escolas
Uso de software nas escolas
Leonardo Soares
 
Apresentação Wifighter
Apresentação WifighterApresentação Wifighter
Apresentação Wifighter
Hilario Neto
 
Softwares Educacionais
Softwares EducacionaisSoftwares Educacionais
Softwares Educacionais
Andreia Marques
 
Atividade 1.8
Atividade 1.8Atividade 1.8
Atividade 1.8
valeriaviana2
 
Engenharia de Software Educacional
Engenharia de Software EducacionalEngenharia de Software Educacional
Engenharia de Software Educacional
Lanylldo Araujo
 
Universidade federal de alagoas ufal
Universidade federal de alagoas ufalUniversidade federal de alagoas ufal
Universidade federal de alagoas ufal
Samária Maria
 
Softwares educacionais
Softwares educacionaisSoftwares educacionais
Softwares educacionais
Naysa Taboada
 
Internet na área educacional
Internet na área educacionalInternet na área educacional
Internet na área educacional
helemhd
 
Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...
Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...
Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...
sergiocrespo
 
Informática na Educação
Informática na EducaçãoInformática na Educação
Informática na Educação
Tajra Assessoria Educacional Ltda
 
EducaçãO E Tecnologia
EducaçãO E TecnologiaEducaçãO E Tecnologia
EducaçãO E Tecnologia
guest42aa48
 
Prototipação
PrototipaçãoPrototipação
Prototipação
Daniel Fernandes
 

Destaque (12)

Uso de software nas escolas
Uso de software nas escolasUso de software nas escolas
Uso de software nas escolas
 
Apresentação Wifighter
Apresentação WifighterApresentação Wifighter
Apresentação Wifighter
 
Softwares Educacionais
Softwares EducacionaisSoftwares Educacionais
Softwares Educacionais
 
Atividade 1.8
Atividade 1.8Atividade 1.8
Atividade 1.8
 
Engenharia de Software Educacional
Engenharia de Software EducacionalEngenharia de Software Educacional
Engenharia de Software Educacional
 
Universidade federal de alagoas ufal
Universidade federal de alagoas ufalUniversidade federal de alagoas ufal
Universidade federal de alagoas ufal
 
Softwares educacionais
Softwares educacionaisSoftwares educacionais
Softwares educacionais
 
Internet na área educacional
Internet na área educacionalInternet na área educacional
Internet na área educacional
 
Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...
Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...
Engenharia de software aplicada ao software educacional: desafios, problemas ...
 
Informática na Educação
Informática na EducaçãoInformática na Educação
Informática na Educação
 
EducaçãO E Tecnologia
EducaçãO E TecnologiaEducaçãO E Tecnologia
EducaçãO E Tecnologia
 
Prototipação
PrototipaçãoPrototipação
Prototipação
 

Semelhante a Tecnologia e educacao

Tecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins Confusos
Tecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins ConfusosTecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins Confusos
Tecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins Confusos
Eduardo Chaves
 
Unisal piracicaba - 20070523
Unisal   piracicaba - 20070523Unisal   piracicaba - 20070523
Unisal piracicaba - 20070523
Eduardo Chaves
 
Unisal piracicaba - 20070523
Unisal   piracicaba - 20070523Unisal   piracicaba - 20070523
Unisal piracicaba - 20070523
Eduardo Chaves
 
Uso de recursos tecnológicos na educação
Uso de recursos tecnológicos na educaçãoUso de recursos tecnológicos na educação
Uso de recursos tecnológicos na educação
Patty Santana
 
Disciplina Tecnologias curso de Serviço Social
Disciplina Tecnologias curso de Serviço SocialDisciplina Tecnologias curso de Serviço Social
Disciplina Tecnologias curso de Serviço Social
Secretaria de Educação e Cultura - SEMEC aAcari
 
Tic e Educação Claudinéia da Silva Barbosa
Tic e Educação   Claudinéia da Silva BarbosaTic e Educação   Claudinéia da Silva Barbosa
Tic e Educação Claudinéia da Silva Barbosa
Claudinéia Barbosa
 
Tecnologia Educacional
Tecnologia EducacionalTecnologia Educacional
Tecnologia Educacional
eveelang
 
Aula pos edu_1_meios
Aula pos edu_1_meiosAula pos edu_1_meios
Aula pos edu_1_meios
rauzis
 
TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?
TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?
TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?
Cristiane Mendes
 
Lions Clube Armando Fajardo
Lions Clube Armando FajardoLions Clube Armando Fajardo
Lions Clube Armando Fajardo
lcarmandofajardo
 
Atv ead 220510-2
Atv ead 220510-2Atv ead 220510-2
As Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto Educacional
As Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto EducacionalAs Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto Educacional
As Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto Educacional
PROFIGESTÃO - Profissionais em Gestão de Empresas e Pessoas
 
Reimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era DigitalReimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era Digital
Ruy De Queiroz
 
Tecnologias e Educação
Tecnologias e EducaçãoTecnologias e Educação
Tecnologias e Educação
Ivanize Honorato
 
As tic em teip
As tic em teip As tic em teip
As tic teip alter
As tic teip alterAs tic teip alter
As tic teip alter
luiscontente
 
Superando a Pedagogia da Transmissão
Superando a Pedagogia da TransmissãoSuperando a Pedagogia da Transmissão
Superando a Pedagogia da Transmissão
Paulo Henrique Baptista da Silva
 
Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]
AVM
 
Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]
AVM
 
Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015
Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015
Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015
Universidade de Lisboa
 

Semelhante a Tecnologia e educacao (20)

Tecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins Confusos
Tecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins ConfusosTecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins Confusos
Tecnologia e Educação: Meios Poderosos e Fins Confusos
 
Unisal piracicaba - 20070523
Unisal   piracicaba - 20070523Unisal   piracicaba - 20070523
Unisal piracicaba - 20070523
 
Unisal piracicaba - 20070523
Unisal   piracicaba - 20070523Unisal   piracicaba - 20070523
Unisal piracicaba - 20070523
 
Uso de recursos tecnológicos na educação
Uso de recursos tecnológicos na educaçãoUso de recursos tecnológicos na educação
Uso de recursos tecnológicos na educação
 
Disciplina Tecnologias curso de Serviço Social
Disciplina Tecnologias curso de Serviço SocialDisciplina Tecnologias curso de Serviço Social
Disciplina Tecnologias curso de Serviço Social
 
Tic e Educação Claudinéia da Silva Barbosa
Tic e Educação   Claudinéia da Silva BarbosaTic e Educação   Claudinéia da Silva Barbosa
Tic e Educação Claudinéia da Silva Barbosa
 
Tecnologia Educacional
Tecnologia EducacionalTecnologia Educacional
Tecnologia Educacional
 
Aula pos edu_1_meios
Aula pos edu_1_meiosAula pos edu_1_meios
Aula pos edu_1_meios
 
TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?
TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?
TECNOLOGIA EDUCACIONAL - NOVOS DESAFIOS. COMO CHEGAR LÁ?
 
Lions Clube Armando Fajardo
Lions Clube Armando FajardoLions Clube Armando Fajardo
Lions Clube Armando Fajardo
 
Atv ead 220510-2
Atv ead 220510-2Atv ead 220510-2
Atv ead 220510-2
 
As Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto Educacional
As Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto EducacionalAs Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto Educacional
As Tecnologias de Informação e Comunicação no Contexto Educacional
 
Reimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era DigitalReimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era Digital
 
Tecnologias e Educação
Tecnologias e EducaçãoTecnologias e Educação
Tecnologias e Educação
 
As tic em teip
As tic em teip As tic em teip
As tic em teip
 
As tic teip alter
As tic teip alterAs tic teip alter
As tic teip alter
 
Superando a Pedagogia da Transmissão
Superando a Pedagogia da TransmissãoSuperando a Pedagogia da Transmissão
Superando a Pedagogia da Transmissão
 
Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]
 
Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]Slide de ciencias sociais[1]
Slide de ciencias sociais[1]
 
Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015
Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015
Towards the Future Education with Digital Technologies - Conferência SEMIME 2015
 

Tecnologia e educacao

  • 1. A Tecnologia e a Educação Ou: Como a tecnologia afeta o contexto em que educamos os ambientes em que aprendemos os recursos que nos ajudam a aprender as gerações que devemos ajudar a aprender a educação que devemos proporcionar Eduardo Chaves SME-SP, Microsoft, Fundação Bradesco, UNISAL, UNICAMP
  • 2. 1. Introdução: A Tecnologia
  • 3. Tecnologia Tecnologia Tecnologia de Informação e Comunicação – TIC Tecnologia Digital de Informação e Comunicação – TDIC
  • 4. Tecnologia: Conceito – 1 A tecnologia é parte da cultura, não da natureza A tecnologia é uma criação humana destinada a expandir nossos poderes físicos ou mentais, ou ainda nossa capacidade de fruir a vida
  • 5. Tecnologia: Conceito – 2 Aquilo que o ser humano inventa para fazer sua mais fácil é uma ferramenta (“tool”) Aquilo que o ser humano inventa para fazer sua mais agradável é um brinquedo (“toy”)
  • 6. Tecnologia: Conceito – 3 Há tecnologia tangível (“hard”) Há tecnologia intangível (“soft”)
  • 7. Tecnologia: Conceito – 4 Tecnologia “hard” Equipamentos, instrumentos, ferramentas físicas que expandem nossa força física, nosso poder de locomoção, nossa capacidade sensorial, nossa capacidade de comunicação, nossos poderes mentais, nossa capacidade de sentir...
  • 8. Tecnologia: Conceito – 5 Tecnologia “soft” Procedimentos, métodos, técnicas, algoritmos e notações, como, por exemplo, a escrita, a lógica, a matemática Formas de fazer um sem número de coisas: arar a terra, represar a água, construir edifícios, navegar pelos mares e pelos ares, etc. Metodologias para as mais diversas coisas: solução de problemas, resposta para perguntas, tomada de decisão, aprendizagem, etc.
  • 9. TIC – 1 As Tecnologias de Informação e Comunicação nos ajudam a: Buscar a informação Gerenciar a informação Tratar a informação Permutar informações interpessoalmente Disseminar informações publicamente Discutir e debater informações Esses Processos de Informação e Comunicação – PIC são mais importantes do que as TIC
  • 10. TIC – 2 Exemplos de TIC pré-digitais Linguagem falada, linguagem escrita, sistemas numéricos, notação musical, etc. Livro, imprensa, telégrafo, telefone, cinema, rádio, televisão, disco, fita, etc. Papiro, pergaminho, papel, tintas, pincéis, lápis, canetas, máquina de escrever, etc.
  • 11. TDIC As novas Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação nos ajudam a fazer as mesmas coisas que as tecnologias pré-digitais ajudavam Elas surgiram a partir do computador digital. Exemplos de TDIC: Os vários tipos de computadores (desktop, laptop, notebook, netbook, palmtop, etc.), a Internet, os vários tipos de telefones celulares, os telefones fixos digitais, as câmeras digitais, o rádio digital, a TV digital, os diversos tipos de impressoras, os leitores de CD, DVD e MP3, etc.
  • 12. As TDIC e a Educação As TDIC afetam a educação transformando: O contexto (histórico, social, cultural, econômico) em que a educação acontece Os ambientes em que aprendemos Os recursos com os quais aprendemos As gerações que precisamos ajudar a aprender A educação que devemos proporcionar para as novas gerações
  • 13. 2. A Mudança do Contexto
  • 14. A Mudança do Contexto A educação não acontece num vácuo: seu objetivo é preparar as pessoas para viver numa determinada época, em um determinada sociedade, com uma cultura específica e uma economia característica... Se esse contexto se altera, a educação também vai mudar – ou deve, pois doutra forma se tornará anacrônica, desajustada com o seu tempo e lugar Nunca houve tanta mudança no mundo como nos 65 anos desde a Segunda Guerra
  • 15. Exemplo de Mudança de Contexto Sessenta anos atrás, a informação era escassa e o acesso a ela difícil (1960: Soror Mariana Alcoforado...) Hoje, há sobrecarga de informação e o acesso a ela é extremamente fácil
  • 16. Como essa Mudança Afeta a Educação Sessenta anos atrás, fazia sentido que a escola predominantemente transmitisse informações a seus alunos Livros, revistas e jornais eram escassos, o rádio tinha pequeno alcance, a televisão não existia, viagens eram raras, CDs, CD-ROMs e DVDs também não existiam, nem a Internet... Assim, ou a escola transmitia informações, ou as crianças e os jovens não as teriam Mas hoje...
  • 17. Outra Mudança no Contexto Sessenta anos atrás, o conhecimento era visto como um tipo especial de informação (confiável, fundamentada, evidenciada, quiçá verdadeira) Hoje o conhecimento é visto como um tipo de competência: a capacidade de fazer sentido das informações que recebemos, de enquadrá-la em categorias adequadas, de formular esquemas e modelos com elas que nos permitem entender e compreender o mundo e as pessoas (Piaget, Construtivismo, etc.)
  • 18. Como essa Mudança Afeta a Educação Essa competência ou capacidade não pode ser transmitida de uma pessoa para outra: precisa ser construída por cada um
  • 19. Conclusão da Parte 2 A informação não precisa ser transmitida, porque existe em grande quantidade e o acesso a ela é extremamente fácil O conhecimento não pode ser transmitido, pois precisa ser construído por cada um Assim, o objetivo da escola deve ser colocado em algum outro processo O desenvolvimento de competências tem sido mais e mais sugerido como o foco da escola
  • 20. 3. A Mudança do Ambiente (o tempo, o lugar, e as formas de aprender)
  • 21. O Tempo de Aprender Sessenta anos atrás, a gente acreditava que aprendia Dos sete aos dez anos... Ou dos sete aos quatorze anos... Ou dos sete aos dezessete anos... Ou dos sete aos vinte e um anos... Antes a gente brincava, depois trabalhava! Hoje A gente aprende em qualquer tempo, o tempo todo (“Anytime”)
  • 22. O Lugar de Aprender Sessenta anos atrás, a gente aprendia Na escola Hoje, Em qualquer lugar (“Anywhere”)
  • 23. As Formas de Aprender Sessenta anos atrás a gente aprendia Ouvindo o que professor falava Tomando notas Lendo o que a gente encontrava em livros Hoje Fazendo coisas de interesse Colaborando e discutindo com colegas Buscando a ajuda de “experts” Divulgando (publicando) os resultados Recebendo críticas e, se preciso, reformulando
  • 24. Conclusão da Parte 3 A aprendizagem hoje é Ativa Interativa Colaborativa Ela se dá “anytime”, “anywhere”, “all the time”, “just in time”, “just enough”, “all life long” Seu foco é o desenvolvimento de competências Ela tem lugar em projetos de aprendizagem de escolha dos alunos O “lugar” preferencial são comunidades virtuais
  • 25. 4. A Mudança dos Recursos (ferramentas, brinquedos...)
  • 26. Os Recursos Sessenta anos atrás, os recursos com os quais aprendíamos eram Quadro negro, gis, cadernos, lápis, livros Hoje Todas as TDIC listadas Mídias Sociais (Facebook, por exemplo) Jogos (em especial de simulação, como, por exemplo, Farmville, Zoo Tycoon, etc.)
  • 27. Conclusão da Parte 4 As TDIC não são para ser usadas pelo professor no ensino – mas pelos alunos na aprendizagem
  • 29. No Passado Aprendiam através dos ouvidos (ouvindo o que o professor ensinava) Tomavam notas a mão em cadernos Aprendiam através dos olhos (lendo os livros que o professor indicava) Não usavam nenhuma outra tecnologia Aprendizam sozinhos Aprendiam uma coisa de cada vez Eram mais platéia do que protagonistas na educação (e na vida)
  • 30. Os Nativos Digitais São ativos, protagonistas, na vida e na educação Aprendem fazendo Aprendem (e trabalham) em grupo Aprendem (e fazem) várias coisas ao mesmo tempo (“multitarefas”) Fazem uso intensivo de várias tecnologias Têm muito mais facilidade no trato da tecnologia do que os mais velhos Usam a tecnologia mais como brinquedo do que como ferramenta
  • 31. Conclusão da Parte 5 O professor, em regra, e a maior parte do tempo, não precisa ensinar tecnologia para os alunos Ele precisa ajudar os alunos a dominar as competências básicas que os alunos precisam dominar para viver, trabalhar, exercer a cidadania, e aprender no Século XXI Na área de PIC, essas competências básicas são as que foram descritas atrás
  • 32. Competências Básicas de IC Buscar a informação Gerenciar a informação Tratar a informação Permutar informações interpessoalmente Disseminar informações publicamente Discutir e debater informações Mais: Dominar as tecnologias que apoiam o domínio e o exercício dessas competências
  • 33. 6. A Educação Escolar
  • 34. Perspectiva Visão : o que é educar, o que é aprender, por que precisamos nos educar e aprender Currículo : expectativas de aprendizagem, na forma de competências a serem desenvolvidas Metodologia : arte de aprender (matética), focada em problemas e baseada em projetos Avaliação : verificação da aprendizagem, em cima de informações baseadas em interações observações devidamente registradas em portfólios de aprendizagem
  • 35. No Presente No presente, a educação, em especial a escolar, está com um pé no passado e outro tentando se colocar no futuro (Miguel Arroyo) O resultado é um processo frankensteiniano de mistura de objetivos, concepções curriculares, metodologias, e formas de avaliação
  • 36. O Desafio “ Trocar o pneu com o carro andando” Os professores responsáveis por tecnologia nas escolas têm um papel imprescindível na introdução das mudanças necessárias na prática pedagógica da escola