SlideShare uma empresa Scribd logo
Agrupamento de Escolas de Trancoso
          Escola Básica 2/3 de Vila Franca das Naves




Trabalho realizado por :
Artur Santos Rodrigues nº1
9ºB

                             Disciplina: TIC
Neste trabalho vou falar sobre algumas das mais importantes lendas
e figuras mitológicas por tudo o mundo.
Vou poder mostrar algumas das histórias mais fantásticas que ao
longo dos tempos chegaram até nós.
No fundo quero que ao ler este trabalho se apercebam da riqueza do
mundo a nível cultural e histórico.
Espero satisfazer as expectativas dos leitores e tentar esclarecer
qualquer dúvida existente!
Tecnologia
Minotauro




Sereia   Grécia      Medusa




          Quimera
Dragões




China


 Erlang
  Shen
Monstro
do lago
 Ness




Reino
Unido


Banshee
Fada




            Mais
          Famosas

Vampiro             Bruxa
Hórus




Egipto


AMON-
 RÁ
Os gregos criaram vários mitos para poder passar mensagens para as
pessoas e também com o objetivo de preservar a memória histórica de seu
povo Grande parte destas lendas e mitos chegou até os dias de hoje e são
importantes fontes de informações para entendermos a história da
civilização da Grécia Antiga. São histórias riquíssimas em dados psicológicos,
económicos, materiais, artísticos, políticos e culturais.
Esse monstro tinha corpo de homem e cabeça
de touro. Forte e feroz, habitava um labirinto
na ilha de Creta. Alimentava-se de sete rapazes
e sete moças gregas, que deveriam ser
enviadas pelo rei Egeu ao Rei Minos, que os
enviavam ao labirinto. Muitos gregos tentaram
matar o minotauro, porém acabavam perdidos
no labirinto ou mortos pelo monstro.



Certo dia, o rei Egeu resolveu enviar para a ilha de Creta seu filho,
Teseu, que deveria matar o Minotauro. Teseu recebeu da filha do rei
de Creta, Ariadne, um novelo de lã e uma espada. O herói entrou no
labirinto, matou o Minotauro com um golpe de espada e saiu usando
o fio de lã que havia marcado todo o caminho percorrido.
A Medusa, na mitologia grega, do sexo feminino, uma das três
Górgonas. Filha de Fórcis e quem quer que olhasse
diretamente para ela era transformado em pedra.


Ao contrário de suas irmãs Górgonas, Esteno e Euríale,
Medusa era mortal; foi decapitada pelo heroi Perseu, que
utilizou posteriormente sua cabeça como arma, até dá-la para
a deusa Atena, que a colocou em seu escudo.



Na Antiguidade Clássica a imagem da cabeça da Medusa
aparecia no objeto utilizado para afugentar o mal conhecido
como Gorgoneion. Diz se que os corais do mar vermelho e as
viboras venenosas do Saara nasceram a partir do sangue de
Medusa derramado no Oceano.
A figura mítica da quimera, oriunda da Anatólia e cujo
tipo surgiu na Grécia durante o século VII a.C., sempre
exerceu atração sobre a imaginação popular.

Habitualmente era descrita com cabeça de leão, torso
de cabra e parte posterior de dragão ou serpente.
Criada pelo rei de Cária, mais tarde assolaria este reino
e o de Lícia com o fogo que vomitava incessantemente,
até que o herói Belerofonte, montado no cavalo alado
Pégaso, conseguiu matá-la

 A representação plástica mais frequente da quimera
era a de um leão com uma cabeça de cabra. Essa foi
também a mais comum na arte cristã medieval, que fez
dela um símbolo do mal.
As sereias representam na
                                                                  cultura contemporânea o sexo e
                                                                  a sensualidade.

                                                                  Segundo a lenda, o único jeito de
                                                                  derrotar uma sereia ao cantar
                                                                  seria cantar melhor do que ela.




Sereia (do grego antigo: Σειρῆνας) é um ser mitológico, parte
mulher e parte É provável que o mito tenha tido origem em
relatos da existência de animais com características próximas
daquela que, mais tarde foram classificados como sirénios.


       Filhas do rio Achelous e da musa Terpsícore, tal como as
       harpias, habitavam os rochedos entre a ilha de Capri e a
         costa da Itália. Eram tão lindas e cantavam com tanta
      doçura que atraíam os tripulantes dos navios que passavam
          por ali para os navios colidirem com os rochedos e
                               afundarem
A mitologia chinesa é o conjunto de histórias, lendas e ritos
passados de geração para geração de forma oral ou escrita. Há
diversos temas na mitologia chinesa, incluindo mitos envolvendo
a fundação da cultura chinesa e do Estado chinês. Como em
muitas mitologias, acredita-se que ela seja uma forma de
rememoração de fatos passados.
Os historiadores supõem que a mitologia chinesa tem início por
volta de 1100 a.C.
Erlang Shen é um deus chinês com um terceiro olho na testa
que vê a verdade. É uma divindade beligerante e sempre
empunha uma espada de três pontas e mantém seu fiel "Cão
Celestial Sagrado" (啸天犬) ao seu lado, o qual ajuda-o a
subjugar espíritos malignos. Sua origem varia, sendo por
vezes tido como segundo filho do Rei Celestial do Norte,
Vaishravana. E por vezes como sobrinho do Imperador de
Jade (no conto A Jornada para o Oeste).
O dragão chinês é uma criatura mitológica chinesa que aparece também
em outras culturas orientais, e também conhecidos às vezes de dragão
oriental. Descrito como longo, uma criatura semelhante a uma serpente
de quatro garras, ao contrário do dragão ocidental que é quadrúpede e
representado geralmente como mau, o dragão chinês tem sido por muito
tempo um símbolo poderoso do poder auspicioso no folclore e na arte
chineses. Os dragões chineses controlam a água nas nações de
agricultura irrigada. Este é o contraste com o dragão ocidental, que
podem cuspir fogo para mostrar o seu poder mítico.
Não são muitas as lendas e mitos existentes no Reino Unido,
mas as que existem são surpreendentes e mostram que a sua
cultura rica perdura por muito tempo.
O monstro do lago Ness, monstro de Loch Ness, ou também conhecido
simplesmente por Nessie, é uma suposta criatura aquática que
alegadamente foi vista no Loch Ness (Lago Ness), nas Terras Altas da
Escócia. A sua existência, ou não, continua a suscitar debate entre os
cépticos e os crente, e é um dos mistérios da criptozoologias

O monstro de Loch Ness é descrito como uma espécie de serpente ou
réptil marinho, semelhante ao plesiossauro, um sauropterígeo pré-
histórico. Mas no dia 29 de Maio de 2003, o governo da Escócia
declarou que o monstro não existe e as ideias de que ele existe não
passam de fruto da imaginação.
Banshee ou bean sídhe, significa simplesmente "mulher
dos Sídhe". Todavia, a expressão passou a indicar
especificamente as mulheres sobrenaturais da Irlanda
que anunciam uma morte iminente com seus gritos e
lamentos. Sua contraparte na mitologia escocesa é a
Bean Nighe – a lavadeira que é vista lavando as vestes ou
a armadura ensanguentada da pessoa fadada a morrer.
A fada é um ser mitológico, característico dos mitos célticos,
anglo-saxões, germânicos e nórdicos.
O primeiro autor que mencionou as fadas foi Pompônio Mela, um
geógrafo que viveu durante o século I d.c. As fadas também são
conhecidas como sendo as fêmeas dos elfos.

O termo incorporou-se a cultura ocidental a partir dos assim
chamados "contos de fadas". Nesse tipo de história, a fada é
representada de forma semelhante a versão clássica dos elfos de
J.R.R. Tolkien, porém apresentando "asas de libélula" as costas e
utilizando-se de uma "varinha de condão" para realizar
encantamentos.
Uma bruxa é geralmente retratada no imaginário popular
como uma mulher velha, nariguda e encarquilhada, exímia e
contumaz manipuladora de Magia Negra e dotada de uma
gargalhada terrível. É inegável a conexão entre esta visão e a
visão da Hag ou Crone dos anglófonos. É também muito
popularizada a imagem da bruxa como a de uma mulher
sentada sobre uma vassoura voadora, ou com a mesma
passada por entre as pernas, andando aos saltitos.
O vampiro é um personagem muito comum na literatura de horror e
mitologia, existindo tantas versões do seu mito quanto existem usos
desse conceito. Segundo a lenda, vampiro é um ente mitológico que
se alimenta de sangue humano. Podemos identificar alguns pontos
na mitologia moderna em comum e são eles, o facto de ele precisar
de sangue (preferencialmente humano) para sobreviver, podendo se
transformar em morcego e de poder ser morto por uma estaca no
coração preferencialmente de carvalho.


        Segundo a lenda, os vampiros podem controlar animais
        daninhos e noturnos, podem desaparecer numa névoa e
              possuem um poder de sedução muito forte.
Antiga religião egípcia (ou mitologia egípcia) é o nome dado a religião praticada no
antigo Egipto desde o período pré-dinástico, a cerca de 3.000 anos a.C. até o
surgimento do cristianismo. Inicialmente era uma religião politeísta por crer em várias
divindades, como forças da natureza. Ao passar de séculos, a crença passou a ser mais
diversificada, sendo considerada henoteísta, porque acreditava em uma divindade
criadora do universo, tendo outras forças independentes, mas não iguais a este.
Existem muitas lendas á volta de toda esta religião, muitos são considerados mitos ou
forças aterradores.
Na mitologia egípcia, Hórus é o deus dos céus
muito embora sua concepção tenha ocorrido após a
morte de Osíris Hórus era filho de Osíris.



De acordo com uma lenda difundida no Antigo
Egipto, Hórus foi concebido por Isis, quando Osíris,
que era seu pai, já estava morto. A lenda sugere que
a fecundação ocorreu quando Isis, na forma de um
pássaro, pousou sobre a múmia do esposo, que
estava deitado em um sofá.
Amon, Ámon ou Amun foi um deus da
mitologia egípcia, visto como rei dos deuses e
como força criadora de vida. Deus local de
Karnak, constitui uma família divina com sua
esposa Mut e seu filho Khonsu.
Ao realizar este trabalho aprendi mesmo muito sobre este tema e descobri
coisas que nunca pensei que existissem.
Talvez este tipo de cultura mundial ainda seja pouco divulgada mas espero
que com este trabalho possa mudar um pouco isso.
È mesmo impressionante tudo o que se pode descobrir ao fazer um
trabalho.
Ao faze-lo também melhorei as minhas técnicas na utilização do Power poit.
Espero que tenham gostado ,pois para mim foi mesmo uma grande
experiencia cultural! Abaixo estão dois vídeos para organizar os
conhecimentos adquiridos:

  http://www.youtube.com/watch?v=Y_Y1nnGsk
  PU

  http://www.youtube.com/watch?v=JYAZ2t9M1
  OA&feature=related
http://3.bp.blogspot.com/-
oAuhjyKwVUs/TcnNHek5NDI/AAAAAAAAALs/9pAQeDNmyJM/s1600/Fada_108797
5411_111_fada.jpg -Maio 2011

http://pt.wikipedia.org/wiki/Fada -Maio 2011

http://pt.wikipedia.org/wiki/Vampiro -Maio 2011


http://pt.wikipedia.org/wiki/Bruxa -Maio 2011

http://pt.wikipedia.org/wiki/Drag%C3%A3o_chin%C3%AAs -Maio 2011

http://pt.wikipedia.org/wiki/Mitologia_grega-junho -Junho 2011

http://pt.wikipedia.org/wiki/Monstro_do_lago_Ness -Junho 2011

http://pt.wikipedia.org/wiki/Antiga_religi%C3%A3o_eg%C3%ADpcia -Junho 2011
Tecnologia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Comparacao mitologia africana e grega
Comparacao mitologia africana e gregaComparacao mitologia africana e grega
Comparacao mitologia africana e grega
Marcia Dias da Silva
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
Gleicy Haner
 
Mitologia greco-romana
Mitologia greco-romanaMitologia greco-romana
Mitologia greco-romana
Sônia Marques
 
Ulisses
UlissesUlisses
12 deuses do olimpo na mitologia grega
12 deuses do olimpo na mitologia grega12 deuses do olimpo na mitologia grega
12 deuses do olimpo na mitologia grega
João Medeiros
 
Mitologia grega
Mitologia grega Mitologia grega
Mitologia grega
Poly Silva
 
Império romano
Império romanoImpério romano
Império romano
Adriana Guimarães
 
Deuses e heróis gregos
Deuses e heróis gregosDeuses e heróis gregos
Deuses e heróis gregos
Rita Silva
 
Literatura antiga II
Literatura antiga IILiteratura antiga II
Literatura antiga II
Mário Júnior Silva
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
Fabiana Tonsis
 
Mitologia greco romana
Mitologia greco   romanaMitologia greco   romana
Mitologia greco romana
Vanessa Anzolin
 
Mitologia Grega
Mitologia GregaMitologia Grega
Mitologia Grega
Weslley Aquino Ferreira
 
Teogonia - Orígem dos deuses
Teogonia - Orígem dos deusesTeogonia - Orígem dos deuses
Teogonia - Orígem dos deuses
Mário Júnior Silva
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
Isabel Cabral
 
Eder mitologia grega
Eder mitologia gregaEder mitologia grega
Eder mitologia grega
Éder Oliveira
 
Mitologia grega 1ª série
Mitologia grega   1ª sérieMitologia grega   1ª série
Mitologia grega 1ª série
Elainyy23
 
Heróis greco-romanos
Heróis greco-romanosHeróis greco-romanos
Heróis greco-romanos
Dg Guimarães
 
Mitologia grega pronto
Mitologia grega prontoMitologia grega pronto
Mitologia grega pronto
Filipe Matos
 
Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.
Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.
Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.
Nívia
 
Deuses gregos
Deuses gregosDeuses gregos
Deuses gregos
Raffa Adassa
 

Mais procurados (20)

Comparacao mitologia africana e grega
Comparacao mitologia africana e gregaComparacao mitologia africana e grega
Comparacao mitologia africana e grega
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
 
Mitologia greco-romana
Mitologia greco-romanaMitologia greco-romana
Mitologia greco-romana
 
Ulisses
UlissesUlisses
Ulisses
 
12 deuses do olimpo na mitologia grega
12 deuses do olimpo na mitologia grega12 deuses do olimpo na mitologia grega
12 deuses do olimpo na mitologia grega
 
Mitologia grega
Mitologia grega Mitologia grega
Mitologia grega
 
Império romano
Império romanoImpério romano
Império romano
 
Deuses e heróis gregos
Deuses e heróis gregosDeuses e heróis gregos
Deuses e heróis gregos
 
Literatura antiga II
Literatura antiga IILiteratura antiga II
Literatura antiga II
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
 
Mitologia greco romana
Mitologia greco   romanaMitologia greco   romana
Mitologia greco romana
 
Mitologia Grega
Mitologia GregaMitologia Grega
Mitologia Grega
 
Teogonia - Orígem dos deuses
Teogonia - Orígem dos deusesTeogonia - Orígem dos deuses
Teogonia - Orígem dos deuses
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
 
Eder mitologia grega
Eder mitologia gregaEder mitologia grega
Eder mitologia grega
 
Mitologia grega 1ª série
Mitologia grega   1ª sérieMitologia grega   1ª série
Mitologia grega 1ª série
 
Heróis greco-romanos
Heróis greco-romanosHeróis greco-romanos
Heróis greco-romanos
 
Mitologia grega pronto
Mitologia grega prontoMitologia grega pronto
Mitologia grega pronto
 
Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.
Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.
Os deuses iorubás e a mitologia greco romana.
 
Deuses gregos
Deuses gregosDeuses gregos
Deuses gregos
 

Semelhante a Tecnologia

Game Design Document Jokem Pdj
Game Design Document   Jokem PdjGame Design Document   Jokem Pdj
Game Design Document Jokem Pdj
maikonsm
 
Elementais da natureza
Elementais da naturezaElementais da natureza
Elementais da natureza
Yaoloorisa Osunseyi Lili
 
Apostila de filosofia
Apostila de filosofiaApostila de filosofia
Apostila de filosofia
Sandra Covre
 
Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4
Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4
Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4
Professor Gilson Nunes
 
A consciência mítica (aula 1ano)
A consciência mítica (aula 1ano)A consciência mítica (aula 1ano)
A consciência mítica (aula 1ano)
Ricardo Franco
 
DicionáRio De Seres FantáSticos E Da Mitologia
DicionáRio De Seres FantáSticos E Da MitologiaDicionáRio De Seres FantáSticos E Da Mitologia
DicionáRio De Seres FantáSticos E Da Mitologia
JNR
 
Trabalho André E Vinicius 16 09 2009
Trabalho André E Vinicius 16 09 2009Trabalho André E Vinicius 16 09 2009
Trabalho André E Vinicius 16 09 2009
Ricardo
 
DEUSES GREGOS.pptx
DEUSES GREGOS.pptxDEUSES GREGOS.pptx
DEUSES GREGOS.pptx
LILIAMOTAPEREIRADASI
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Epitetos de hecate1
Epitetos de hecate1Epitetos de hecate1
Epitetos de hecate1
Adila Trubat
 
Os Deuses Olímpicos
Os Deuses OlímpicosOs Deuses Olímpicos
Os Deuses Olímpicos
Nicolas Pelicioni
 
A mitologia e a filosofia grega
A mitologia e a filosofia gregaA mitologia e a filosofia grega
A mitologia e a filosofia grega
Bruno Machado
 
Mitos
Mitos   Mitos
Cultura grega
Cultura gregaCultura grega
Cultura grega
Fatima Freitas
 
Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"
pauloprofport
 
Folclore Brasileiro.pptx
Folclore Brasileiro.pptxFolclore Brasileiro.pptx
Folclore Brasileiro.pptx
ANDRÉA FERREIRA
 
Hércules
HérculesHércules
Hércules
soradinda_59
 
MESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDO
MESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDOMESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDO
MESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDO
Claudio José Ayrosa Rosière
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
LucianaSilva494
 
Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções. parte 2
Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções.   parte 2Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções.   parte 2
Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções. parte 2
Professor Gilson Nunes
 

Semelhante a Tecnologia (20)

Game Design Document Jokem Pdj
Game Design Document   Jokem PdjGame Design Document   Jokem Pdj
Game Design Document Jokem Pdj
 
Elementais da natureza
Elementais da naturezaElementais da natureza
Elementais da natureza
 
Apostila de filosofia
Apostila de filosofiaApostila de filosofia
Apostila de filosofia
 
Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4
Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4
Arte Arte egípcia: não conhecia o preconceito. Parte 4
 
A consciência mítica (aula 1ano)
A consciência mítica (aula 1ano)A consciência mítica (aula 1ano)
A consciência mítica (aula 1ano)
 
DicionáRio De Seres FantáSticos E Da Mitologia
DicionáRio De Seres FantáSticos E Da MitologiaDicionáRio De Seres FantáSticos E Da Mitologia
DicionáRio De Seres FantáSticos E Da Mitologia
 
Trabalho André E Vinicius 16 09 2009
Trabalho André E Vinicius 16 09 2009Trabalho André E Vinicius 16 09 2009
Trabalho André E Vinicius 16 09 2009
 
DEUSES GREGOS.pptx
DEUSES GREGOS.pptxDEUSES GREGOS.pptx
DEUSES GREGOS.pptx
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
 
Epitetos de hecate1
Epitetos de hecate1Epitetos de hecate1
Epitetos de hecate1
 
Os Deuses Olímpicos
Os Deuses OlímpicosOs Deuses Olímpicos
Os Deuses Olímpicos
 
A mitologia e a filosofia grega
A mitologia e a filosofia gregaA mitologia e a filosofia grega
A mitologia e a filosofia grega
 
Mitos
Mitos   Mitos
Mitos
 
Cultura grega
Cultura gregaCultura grega
Cultura grega
 
Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"Mitologia n' "Os Lusíadas"
Mitologia n' "Os Lusíadas"
 
Folclore Brasileiro.pptx
Folclore Brasileiro.pptxFolclore Brasileiro.pptx
Folclore Brasileiro.pptx
 
Hércules
HérculesHércules
Hércules
 
MESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDO
MESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDOMESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDO
MESSIAS, O MAIOR MISTÉRIO DO MUNDO
 
Mitologia grega
Mitologia gregaMitologia grega
Mitologia grega
 
Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções. parte 2
Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções.   parte 2Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções.   parte 2
Arte egípcia: o sonho pela eternidade, deuses e funções. parte 2
 

Tecnologia

  • 1. Agrupamento de Escolas de Trancoso Escola Básica 2/3 de Vila Franca das Naves Trabalho realizado por : Artur Santos Rodrigues nº1 9ºB Disciplina: TIC
  • 2. Neste trabalho vou falar sobre algumas das mais importantes lendas e figuras mitológicas por tudo o mundo. Vou poder mostrar algumas das histórias mais fantásticas que ao longo dos tempos chegaram até nós. No fundo quero que ao ler este trabalho se apercebam da riqueza do mundo a nível cultural e histórico. Espero satisfazer as expectativas dos leitores e tentar esclarecer qualquer dúvida existente!
  • 4. Minotauro Sereia Grécia Medusa Quimera
  • 7. Fada Mais Famosas Vampiro Bruxa
  • 9. Os gregos criaram vários mitos para poder passar mensagens para as pessoas e também com o objetivo de preservar a memória histórica de seu povo Grande parte destas lendas e mitos chegou até os dias de hoje e são importantes fontes de informações para entendermos a história da civilização da Grécia Antiga. São histórias riquíssimas em dados psicológicos, económicos, materiais, artísticos, políticos e culturais.
  • 10. Esse monstro tinha corpo de homem e cabeça de touro. Forte e feroz, habitava um labirinto na ilha de Creta. Alimentava-se de sete rapazes e sete moças gregas, que deveriam ser enviadas pelo rei Egeu ao Rei Minos, que os enviavam ao labirinto. Muitos gregos tentaram matar o minotauro, porém acabavam perdidos no labirinto ou mortos pelo monstro. Certo dia, o rei Egeu resolveu enviar para a ilha de Creta seu filho, Teseu, que deveria matar o Minotauro. Teseu recebeu da filha do rei de Creta, Ariadne, um novelo de lã e uma espada. O herói entrou no labirinto, matou o Minotauro com um golpe de espada e saiu usando o fio de lã que havia marcado todo o caminho percorrido.
  • 11. A Medusa, na mitologia grega, do sexo feminino, uma das três Górgonas. Filha de Fórcis e quem quer que olhasse diretamente para ela era transformado em pedra. Ao contrário de suas irmãs Górgonas, Esteno e Euríale, Medusa era mortal; foi decapitada pelo heroi Perseu, que utilizou posteriormente sua cabeça como arma, até dá-la para a deusa Atena, que a colocou em seu escudo. Na Antiguidade Clássica a imagem da cabeça da Medusa aparecia no objeto utilizado para afugentar o mal conhecido como Gorgoneion. Diz se que os corais do mar vermelho e as viboras venenosas do Saara nasceram a partir do sangue de Medusa derramado no Oceano.
  • 12. A figura mítica da quimera, oriunda da Anatólia e cujo tipo surgiu na Grécia durante o século VII a.C., sempre exerceu atração sobre a imaginação popular. Habitualmente era descrita com cabeça de leão, torso de cabra e parte posterior de dragão ou serpente. Criada pelo rei de Cária, mais tarde assolaria este reino e o de Lícia com o fogo que vomitava incessantemente, até que o herói Belerofonte, montado no cavalo alado Pégaso, conseguiu matá-la A representação plástica mais frequente da quimera era a de um leão com uma cabeça de cabra. Essa foi também a mais comum na arte cristã medieval, que fez dela um símbolo do mal.
  • 13. As sereias representam na cultura contemporânea o sexo e a sensualidade. Segundo a lenda, o único jeito de derrotar uma sereia ao cantar seria cantar melhor do que ela. Sereia (do grego antigo: Σειρῆνας) é um ser mitológico, parte mulher e parte É provável que o mito tenha tido origem em relatos da existência de animais com características próximas daquela que, mais tarde foram classificados como sirénios. Filhas do rio Achelous e da musa Terpsícore, tal como as harpias, habitavam os rochedos entre a ilha de Capri e a costa da Itália. Eram tão lindas e cantavam com tanta doçura que atraíam os tripulantes dos navios que passavam por ali para os navios colidirem com os rochedos e afundarem
  • 14. A mitologia chinesa é o conjunto de histórias, lendas e ritos passados de geração para geração de forma oral ou escrita. Há diversos temas na mitologia chinesa, incluindo mitos envolvendo a fundação da cultura chinesa e do Estado chinês. Como em muitas mitologias, acredita-se que ela seja uma forma de rememoração de fatos passados. Os historiadores supõem que a mitologia chinesa tem início por volta de 1100 a.C.
  • 15. Erlang Shen é um deus chinês com um terceiro olho na testa que vê a verdade. É uma divindade beligerante e sempre empunha uma espada de três pontas e mantém seu fiel "Cão Celestial Sagrado" (啸天犬) ao seu lado, o qual ajuda-o a subjugar espíritos malignos. Sua origem varia, sendo por vezes tido como segundo filho do Rei Celestial do Norte, Vaishravana. E por vezes como sobrinho do Imperador de Jade (no conto A Jornada para o Oeste).
  • 16. O dragão chinês é uma criatura mitológica chinesa que aparece também em outras culturas orientais, e também conhecidos às vezes de dragão oriental. Descrito como longo, uma criatura semelhante a uma serpente de quatro garras, ao contrário do dragão ocidental que é quadrúpede e representado geralmente como mau, o dragão chinês tem sido por muito tempo um símbolo poderoso do poder auspicioso no folclore e na arte chineses. Os dragões chineses controlam a água nas nações de agricultura irrigada. Este é o contraste com o dragão ocidental, que podem cuspir fogo para mostrar o seu poder mítico.
  • 17. Não são muitas as lendas e mitos existentes no Reino Unido, mas as que existem são surpreendentes e mostram que a sua cultura rica perdura por muito tempo.
  • 18. O monstro do lago Ness, monstro de Loch Ness, ou também conhecido simplesmente por Nessie, é uma suposta criatura aquática que alegadamente foi vista no Loch Ness (Lago Ness), nas Terras Altas da Escócia. A sua existência, ou não, continua a suscitar debate entre os cépticos e os crente, e é um dos mistérios da criptozoologias O monstro de Loch Ness é descrito como uma espécie de serpente ou réptil marinho, semelhante ao plesiossauro, um sauropterígeo pré- histórico. Mas no dia 29 de Maio de 2003, o governo da Escócia declarou que o monstro não existe e as ideias de que ele existe não passam de fruto da imaginação.
  • 19. Banshee ou bean sídhe, significa simplesmente "mulher dos Sídhe". Todavia, a expressão passou a indicar especificamente as mulheres sobrenaturais da Irlanda que anunciam uma morte iminente com seus gritos e lamentos. Sua contraparte na mitologia escocesa é a Bean Nighe – a lavadeira que é vista lavando as vestes ou a armadura ensanguentada da pessoa fadada a morrer.
  • 20. A fada é um ser mitológico, característico dos mitos célticos, anglo-saxões, germânicos e nórdicos. O primeiro autor que mencionou as fadas foi Pompônio Mela, um geógrafo que viveu durante o século I d.c. As fadas também são conhecidas como sendo as fêmeas dos elfos. O termo incorporou-se a cultura ocidental a partir dos assim chamados "contos de fadas". Nesse tipo de história, a fada é representada de forma semelhante a versão clássica dos elfos de J.R.R. Tolkien, porém apresentando "asas de libélula" as costas e utilizando-se de uma "varinha de condão" para realizar encantamentos.
  • 21. Uma bruxa é geralmente retratada no imaginário popular como uma mulher velha, nariguda e encarquilhada, exímia e contumaz manipuladora de Magia Negra e dotada de uma gargalhada terrível. É inegável a conexão entre esta visão e a visão da Hag ou Crone dos anglófonos. É também muito popularizada a imagem da bruxa como a de uma mulher sentada sobre uma vassoura voadora, ou com a mesma passada por entre as pernas, andando aos saltitos.
  • 22. O vampiro é um personagem muito comum na literatura de horror e mitologia, existindo tantas versões do seu mito quanto existem usos desse conceito. Segundo a lenda, vampiro é um ente mitológico que se alimenta de sangue humano. Podemos identificar alguns pontos na mitologia moderna em comum e são eles, o facto de ele precisar de sangue (preferencialmente humano) para sobreviver, podendo se transformar em morcego e de poder ser morto por uma estaca no coração preferencialmente de carvalho. Segundo a lenda, os vampiros podem controlar animais daninhos e noturnos, podem desaparecer numa névoa e possuem um poder de sedução muito forte.
  • 23. Antiga religião egípcia (ou mitologia egípcia) é o nome dado a religião praticada no antigo Egipto desde o período pré-dinástico, a cerca de 3.000 anos a.C. até o surgimento do cristianismo. Inicialmente era uma religião politeísta por crer em várias divindades, como forças da natureza. Ao passar de séculos, a crença passou a ser mais diversificada, sendo considerada henoteísta, porque acreditava em uma divindade criadora do universo, tendo outras forças independentes, mas não iguais a este. Existem muitas lendas á volta de toda esta religião, muitos são considerados mitos ou forças aterradores.
  • 24. Na mitologia egípcia, Hórus é o deus dos céus muito embora sua concepção tenha ocorrido após a morte de Osíris Hórus era filho de Osíris. De acordo com uma lenda difundida no Antigo Egipto, Hórus foi concebido por Isis, quando Osíris, que era seu pai, já estava morto. A lenda sugere que a fecundação ocorreu quando Isis, na forma de um pássaro, pousou sobre a múmia do esposo, que estava deitado em um sofá.
  • 25. Amon, Ámon ou Amun foi um deus da mitologia egípcia, visto como rei dos deuses e como força criadora de vida. Deus local de Karnak, constitui uma família divina com sua esposa Mut e seu filho Khonsu.
  • 26. Ao realizar este trabalho aprendi mesmo muito sobre este tema e descobri coisas que nunca pensei que existissem. Talvez este tipo de cultura mundial ainda seja pouco divulgada mas espero que com este trabalho possa mudar um pouco isso. È mesmo impressionante tudo o que se pode descobrir ao fazer um trabalho. Ao faze-lo também melhorei as minhas técnicas na utilização do Power poit. Espero que tenham gostado ,pois para mim foi mesmo uma grande experiencia cultural! Abaixo estão dois vídeos para organizar os conhecimentos adquiridos: http://www.youtube.com/watch?v=Y_Y1nnGsk PU http://www.youtube.com/watch?v=JYAZ2t9M1 OA&feature=related
  • 27. http://3.bp.blogspot.com/- oAuhjyKwVUs/TcnNHek5NDI/AAAAAAAAALs/9pAQeDNmyJM/s1600/Fada_108797 5411_111_fada.jpg -Maio 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Fada -Maio 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Vampiro -Maio 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Bruxa -Maio 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Drag%C3%A3o_chin%C3%AAs -Maio 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Mitologia_grega-junho -Junho 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Monstro_do_lago_Ness -Junho 2011 http://pt.wikipedia.org/wiki/Antiga_religi%C3%A3o_eg%C3%ADpcia -Junho 2011