SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




                 SÃO TÓMÉ E PRÍNCIPE está
                 estrategicamente localizado no
                 Golfo da Guiné, no centro
                 geográfico dos grandes mercados
                 da África Ocidental e Central, São
                 Tomé e Príncipe tem-se mostrado
                 disponível para ajudar potenciais
                 investidores     a      encontrar
                 oportunidades que proporcionem
                 benefícios mútuos.



                                                FERNANDO TONIM – Presidente da STUDIUM
                         Associação Santomense Promotora de Investimento e Desenvolvimento
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO


                SÃO TÓMÉ E PRÍNCIPE oferece
                excelentes oportunidades para o
                turismo, agricultura, pesca, serviços
                regionais, apoio à exploração
                petrolífera e produção de
                eletricidade e vê no investimento
                direto estrangeiro um contributo
                fundamental para o
                desenvolvimento e crescimento do
                país.
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
                      PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO


A STUDIUM - Associação Santomense Promotora de Investimento e
Desenvolvimento, procura oferecer o seu apoio, dinamização,
acompanhamento e serviços de consultadoria jurídica, económica e
financeira relativamente a iniciativas e projetos empresarias a implementar
no país, particularmente no que se reporta àqueles que se desenvolvem
sob a égide de empresas provenientes dos restantes Países de Língua
Portuguesa.

Interessada em contribuir para a criação das condições necessárias para a
afirmação de um clima de negócios que proporcione a implementação de
projetos de investimento,
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
                PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




Para a STUDIUM, a Política de Recursos Humanos deve ser
baseada nos seguintes vetores:

   • Modernização da base organizacional do sistema de recursos
     humanos;

   • Adoção de princípios fundamentais em relação aos
     parâmetros de educação continuada nos programas de
     capacitação e qualificação dos funcionários das várias
     empresas;

   • Manutenção do quadro de pessoal em adequadas condições
     de formação e constante atualização profissional, como
     suporte essencial aos objetivos de melhoria contínua dos
     procedimentos produtivos e gerenciais, de forma a melhorar e
     modernizar as condições de trabalho.
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
              PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




A STUDIUM, reconhece, igualmente, que a introdução
das novas tecnologias e a formação online
desempenham um papel de assumida relevância no
quadro de um estado insular como São Tomé e
Príncipe, procurando assim desenvolver esforços no
sentido de reforçar as competências e capacidades
dos recursos humanos através da valorização dos
benefícios provenientes da utilização de um sistema
e-learning como método de aprendizagem flexível,
eficaz e de manifesta importância no contexto de um
mundo cada vez mais globalizado.
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
                  PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




No atual panorama de uma sociedade global, há que
apostar em políticas de formação dos recursos humanos
nos modelos de organização do trabalho com vista a
optimizar o capital humano, contributo essencial para uma
estratégia de internacionalização empresarial mais sólida e
eficaz.

A integração nos mercados externos, pese embora a crise
económica e financeira mundial, é um pilar do incremento e
melhoria da competitividade das empresas.
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
              PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




Em Junho de 2005, a STUDIUM, firmou um
protocolo com a Fundação Joaquim Chissano, que
visa a cooperação nos domínios do estudo e
conhecimento dos conflitos, da busca de soluções
para a sua prevenção, gestão e resolução pacífica,
na promoção, divulgação e adopção dessas
soluções para além da formação de pessoas
capazes de as protagonizar no Espaço de Língua
Portuguesa.
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
               PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




A STUDIUM, através das suas políticas de gestão
e formação de recursos humanos, tem vindo a
apoiar     as    empresas    na   estratégia   de
internacionalização, promovendo e criando
mecanismos        de   cooperação    internacional
institucionais que sustentem uma consolidação da
presença nos vários mercados que vão sendo
abordados, com especial destaque para aqueles
que se situam no contexto da Comunidade de
Países de Língua Portuguesa.
A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA
PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO




                                     FERNANDO TONIM
                                     Presidente da STUDIUM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal
Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal
Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal
GovDigitalMoz
 
A estratégia para um novo ciclo
A estratégia para um novo cicloA estratégia para um novo ciclo
A estratégia para um novo ciclo
Cláudio Carneiro
 
Alianca pro minas e rede para a inovacao
Alianca pro minas e rede para a inovacaoAlianca pro minas e rede para a inovacao
Alianca pro minas e rede para a inovacao
minasinvest
 
Pc adm form. empreendedores 2013
Pc adm form. empreendedores  2013Pc adm form. empreendedores  2013
Pc adm form. empreendedores 2013
cleiciacepp
 
apresentação Contas ConsoLIDaDas 2011
apresentação  Contas ConsoLIDaDas  2011apresentação  Contas ConsoLIDaDas  2011
apresentação Contas ConsoLIDaDas 2011
Cláudio Carneiro
 
Mercosul
MercosulMercosul
Mercosul
kyzinha
 

Mais procurados (15)

Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal
Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal
Discurso do PR Guebuza a empresários de Portugal
 
Desafio Profissional Retaurante Smak
Desafio Profissional Retaurante SmakDesafio Profissional Retaurante Smak
Desafio Profissional Retaurante Smak
 
Gestão Empresarial
Gestão EmpresarialGestão Empresarial
Gestão Empresarial
 
025186000101011
025186000101011025186000101011
025186000101011
 
Revista Pontos de Vista (87) Novembro de 2019
Revista Pontos de Vista (87)  Novembro de 2019Revista Pontos de Vista (87)  Novembro de 2019
Revista Pontos de Vista (87) Novembro de 2019
 
20190607 DW Debate :Plano de Acção para Promoção da Empregabilidade (PAPE)
20190607 DW Debate :Plano de Acção para Promoção da Empregabilidade (PAPE)20190607 DW Debate :Plano de Acção para Promoção da Empregabilidade (PAPE)
20190607 DW Debate :Plano de Acção para Promoção da Empregabilidade (PAPE)
 
A estratégia para um novo ciclo
A estratégia para um novo cicloA estratégia para um novo ciclo
A estratégia para um novo ciclo
 
Alianca pro minas e rede para a inovacao
Alianca pro minas e rede para a inovacaoAlianca pro minas e rede para a inovacao
Alianca pro minas e rede para a inovacao
 
Pc adm form. empreendedores 2013
Pc adm form. empreendedores  2013Pc adm form. empreendedores  2013
Pc adm form. empreendedores 2013
 
Carlos Azevedo - Partilha de Valor
Carlos Azevedo - Partilha de Valor Carlos Azevedo - Partilha de Valor
Carlos Azevedo - Partilha de Valor
 
Discurso Armando Monteiro no Ministério do Desenvolvimento
Discurso Armando Monteiro no Ministério do DesenvolvimentoDiscurso Armando Monteiro no Ministério do Desenvolvimento
Discurso Armando Monteiro no Ministério do Desenvolvimento
 
Proposta - proc adbs 4 2014 prest de serv criação incubadora negócios vf
Proposta - proc adbs 4 2014 prest de serv criação incubadora negócios vfProposta - proc adbs 4 2014 prest de serv criação incubadora negócios vf
Proposta - proc adbs 4 2014 prest de serv criação incubadora negócios vf
 
Firjan internacional
Firjan internacionalFirjan internacional
Firjan internacional
 
apresentação Contas ConsoLIDaDas 2011
apresentação  Contas ConsoLIDaDas  2011apresentação  Contas ConsoLIDaDas  2011
apresentação Contas ConsoLIDaDas 2011
 
Mercosul
MercosulMercosul
Mercosul
 

Semelhante a STUDIUM no I Fórum da CRHLP

GUIA PRÁTICO SECTORIAL DE EMPREENDEDORISMO E DA PROMOÇÃO DA COMPETITIVIDADE
GUIA PRÁTICO SECTORIAL  DE EMPREENDEDORISMO  E DA PROMOÇÃO DA  COMPETITIVIDADEGUIA PRÁTICO SECTORIAL  DE EMPREENDEDORISMO  E DA PROMOÇÃO DA  COMPETITIVIDADE
GUIA PRÁTICO SECTORIAL DE EMPREENDEDORISMO E DA PROMOÇÃO DA COMPETITIVIDADE
Cláudio Carneiro
 
ÁFRICA DO SUL programa
ÁFRICA DO SUL programaÁFRICA DO SUL programa
ÁFRICA DO SUL programa
Rui Fragoso
 
Documento Final - Dissertação
Documento Final - DissertaçãoDocumento Final - Dissertação
Documento Final - Dissertação
paulogenes
 
Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012
pedroribeiro1973
 
Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012
pedroribeiro1973
 
OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016
OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016
OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016
José Paulo Oliveira
 
A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...
A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...
A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...
Cláudio Carneiro
 
Documento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_s
Documento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_sDocumento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_s
Documento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_s
Gon Henriques
 
AIESEC IN NOVA Booklet
AIESEC IN NOVA BookletAIESEC IN NOVA Booklet
AIESEC IN NOVA Booklet
Mariana Silva
 
Economia Portuguesa Competitividade e Crescimento
Economia Portuguesa  Competitividade e CrescimentoEconomia Portuguesa  Competitividade e Crescimento
Economia Portuguesa Competitividade e Crescimento
Cláudio Carneiro
 

Semelhante a STUDIUM no I Fórum da CRHLP (20)

GUIA PRÁTICO SECTORIAL DE EMPREENDEDORISMO E DA PROMOÇÃO DA COMPETITIVIDADE
GUIA PRÁTICO SECTORIAL  DE EMPREENDEDORISMO  E DA PROMOÇÃO DA  COMPETITIVIDADEGUIA PRÁTICO SECTORIAL  DE EMPREENDEDORISMO  E DA PROMOÇÃO DA  COMPETITIVIDADE
GUIA PRÁTICO SECTORIAL DE EMPREENDEDORISMO E DA PROMOÇÃO DA COMPETITIVIDADE
 
ÁFRICA DO SUL programa
ÁFRICA DO SUL programaÁFRICA DO SUL programa
ÁFRICA DO SUL programa
 
Documento Final - Dissertação
Documento Final - DissertaçãoDocumento Final - Dissertação
Documento Final - Dissertação
 
21º Aniversário da ESTG
21º Aniversário da ESTG 21º Aniversário da ESTG
21º Aniversário da ESTG
 
Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012
 
Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012Acordo concertação social_2012
Acordo concertação social_2012
 
GESTAO_DO_CONHECIMENTO_Uma_experiencia_p (1).pdf
GESTAO_DO_CONHECIMENTO_Uma_experiencia_p (1).pdfGESTAO_DO_CONHECIMENTO_Uma_experiencia_p (1).pdf
GESTAO_DO_CONHECIMENTO_Uma_experiencia_p (1).pdf
 
Cv resumido de Paulo Machado Fernandes ed 04-2013
Cv resumido de Paulo Machado Fernandes ed 04-2013Cv resumido de Paulo Machado Fernandes ed 04-2013
Cv resumido de Paulo Machado Fernandes ed 04-2013
 
A aposta estratégica numa Europa do conhecimento e inovação: os desafios no n...
A aposta estratégica numa Europa do conhecimento e inovação: os desafios no n...A aposta estratégica numa Europa do conhecimento e inovação: os desafios no n...
A aposta estratégica numa Europa do conhecimento e inovação: os desafios no n...
 
Distrito de Coimbra deve investir na economia do conhecimento
Distrito de Coimbra deve investir na economia do conhecimentoDistrito de Coimbra deve investir na economia do conhecimento
Distrito de Coimbra deve investir na economia do conhecimento
 
Guia de investimento_em_mocambique
Guia de investimento_em_mocambiqueGuia de investimento_em_mocambique
Guia de investimento_em_mocambique
 
OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016
OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016
OLAE_JPO_Entrevista a Revista Pontos de Vista_12 Novembro 2016
 
A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...
A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...
A importância dos fundos estruturais no desenvolvimento empresarial português...
 
SEHLIPA Guarujá 2012
SEHLIPA Guarujá 2012SEHLIPA Guarujá 2012
SEHLIPA Guarujá 2012
 
A multicuturalidade
A multicuturalidadeA multicuturalidade
A multicuturalidade
 
Documento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_s
Documento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_sDocumento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_s
Documento_de_Apresenta__o_-_600_Anos_de_Empreendedorismo_Portugu_s
 
Boletim de notícias RIET Nº 13 – novembro de 2016
Boletim de notícias RIET Nº 13 – novembro de 2016Boletim de notícias RIET Nº 13 – novembro de 2016
Boletim de notícias RIET Nº 13 – novembro de 2016
 
AIESEC IN NOVA Booklet
AIESEC IN NOVA BookletAIESEC IN NOVA Booklet
AIESEC IN NOVA Booklet
 
Economia Portuguesa Competitividade e Crescimento
Economia Portuguesa  Competitividade e CrescimentoEconomia Portuguesa  Competitividade e Crescimento
Economia Portuguesa Competitividade e Crescimento
 
Apresentação curso Empreendedorismo
Apresentação curso EmpreendedorismoApresentação curso Empreendedorismo
Apresentação curso Empreendedorismo
 

Mais de CRHLP (6)

Cimpor no I Fórum da CRHLP
Cimpor no I Fórum da CRHLPCimpor no I Fórum da CRHLP
Cimpor no I Fórum da CRHLP
 
CPRHM no I Fórum da CRHLP
CPRHM no I Fórum da CRHLPCPRHM no I Fórum da CRHLP
CPRHM no I Fórum da CRHLP
 
ABRH no I Fórum da CRHLP
ABRH no I Fórum da CRHLPABRH no I Fórum da CRHLP
ABRH no I Fórum da CRHLP
 
Grupo CH no I Fórum da CRHLP
Grupo CH no I Fórum da CRHLPGrupo CH no I Fórum da CRHLP
Grupo CH no I Fórum da CRHLP
 
Talent City no I Fórum da CRHLP
Talent City no I Fórum da CRHLPTalent City no I Fórum da CRHLP
Talent City no I Fórum da CRHLP
 
AAGP no I forum crhlp lisboa
AAGP no I forum crhlp lisboaAAGP no I forum crhlp lisboa
AAGP no I forum crhlp lisboa
 

Último

Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdfAula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
lucianatorresdemelo
 
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptxsistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
CarladeOliveira25
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
Renandantas16
 

Último (12)

Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
Digitalização do varejo | A importância do engajamento e fidelização de clien...
 
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
Digitalização do varejo| Clienting no varejo: dados e tendências sobre relaci...
 
Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...
Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...
Digitalização do varejo | Como a logística pode ajudar na melhor experiência ...
 
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdfAula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
Aula teórica 2 - Gametogênese feminina.pdf
 
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
Digitalização do varejo | Tecnologia na gestão do negócio: como alavancar a e...
 
MERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIA
MERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIAMERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIA
MERCADO LIVRE DE ENERGIA - QUALIDADE NO USO DA ENERGIA
 
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptxCavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
Cavaleiros do Futebol: Equipamentos e Moda para Campeões.pptx
 
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptxsistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
sistema de transporte brasil - 7 ano.pptx
 
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
018627000101011 (13).pdfdddddddddddddddddddddddddddddd
 
Opções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdfOpções estratégicas de competitividade.pdf
Opções estratégicas de competitividade.pdf
 
Digitalização de varejo | Importe ou morra.
Digitalização de varejo | Importe ou morra.Digitalização de varejo | Importe ou morra.
Digitalização de varejo | Importe ou morra.
 
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptxProfissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
Profissional de Vendas - Funcao e Competencias.pptx
 

STUDIUM no I Fórum da CRHLP

  • 1. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO SÃO TÓMÉ E PRÍNCIPE está estrategicamente localizado no Golfo da Guiné, no centro geográfico dos grandes mercados da África Ocidental e Central, São Tomé e Príncipe tem-se mostrado disponível para ajudar potenciais investidores a encontrar oportunidades que proporcionem benefícios mútuos. FERNANDO TONIM – Presidente da STUDIUM Associação Santomense Promotora de Investimento e Desenvolvimento
  • 2. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO SÃO TÓMÉ E PRÍNCIPE oferece excelentes oportunidades para o turismo, agricultura, pesca, serviços regionais, apoio à exploração petrolífera e produção de eletricidade e vê no investimento direto estrangeiro um contributo fundamental para o desenvolvimento e crescimento do país.
  • 3. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO A STUDIUM - Associação Santomense Promotora de Investimento e Desenvolvimento, procura oferecer o seu apoio, dinamização, acompanhamento e serviços de consultadoria jurídica, económica e financeira relativamente a iniciativas e projetos empresarias a implementar no país, particularmente no que se reporta àqueles que se desenvolvem sob a égide de empresas provenientes dos restantes Países de Língua Portuguesa. Interessada em contribuir para a criação das condições necessárias para a afirmação de um clima de negócios que proporcione a implementação de projetos de investimento,
  • 4. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO Para a STUDIUM, a Política de Recursos Humanos deve ser baseada nos seguintes vetores: • Modernização da base organizacional do sistema de recursos humanos; • Adoção de princípios fundamentais em relação aos parâmetros de educação continuada nos programas de capacitação e qualificação dos funcionários das várias empresas; • Manutenção do quadro de pessoal em adequadas condições de formação e constante atualização profissional, como suporte essencial aos objetivos de melhoria contínua dos procedimentos produtivos e gerenciais, de forma a melhorar e modernizar as condições de trabalho.
  • 5. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO A STUDIUM, reconhece, igualmente, que a introdução das novas tecnologias e a formação online desempenham um papel de assumida relevância no quadro de um estado insular como São Tomé e Príncipe, procurando assim desenvolver esforços no sentido de reforçar as competências e capacidades dos recursos humanos através da valorização dos benefícios provenientes da utilização de um sistema e-learning como método de aprendizagem flexível, eficaz e de manifesta importância no contexto de um mundo cada vez mais globalizado.
  • 6. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO No atual panorama de uma sociedade global, há que apostar em políticas de formação dos recursos humanos nos modelos de organização do trabalho com vista a optimizar o capital humano, contributo essencial para uma estratégia de internacionalização empresarial mais sólida e eficaz. A integração nos mercados externos, pese embora a crise económica e financeira mundial, é um pilar do incremento e melhoria da competitividade das empresas.
  • 7. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO Em Junho de 2005, a STUDIUM, firmou um protocolo com a Fundação Joaquim Chissano, que visa a cooperação nos domínios do estudo e conhecimento dos conflitos, da busca de soluções para a sua prevenção, gestão e resolução pacífica, na promoção, divulgação e adopção dessas soluções para além da formação de pessoas capazes de as protagonizar no Espaço de Língua Portuguesa.
  • 8. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO A STUDIUM, através das suas políticas de gestão e formação de recursos humanos, tem vindo a apoiar as empresas na estratégia de internacionalização, promovendo e criando mecanismos de cooperação internacional institucionais que sustentem uma consolidação da presença nos vários mercados que vão sendo abordados, com especial destaque para aqueles que se situam no contexto da Comunidade de Países de Língua Portuguesa.
  • 9. A INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E AS RELAÇÕES LABORAIS NO QUADRO DA GLOBALIZAÇÃO FERNANDO TONIM Presidente da STUDIUM