SlideShare uma empresa Scribd logo
Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Psicologia da Aprendizagem Aplicada à Área Escolar
Profa. Ângela Dantas
Alunas: Ana Mara Oliveira de Souza
Ane Mariel de Oliveira e Silva
Bianca Monteiro Medeiros
Jennifer Lorena Riveros Lima Mascarenhas
Luisa Di Campos
Tendência Liberal
Renovada Progressivista
Escola nova
Tendência Liberal Renovada Progressivista
 A Tendência Liberal Renovada Progressivista é para as escolas
que pretendem dar voz ao aluno, que querem se tornar um
verdadeiro laboratório de ensino e, consequentemente, de
aprendizagem.
 A Escola Progressivista dá espaço ao fazer, ao experimentar.
 O Professor Progressivista é aquele que visa à facilitação da
aprendizagem do aluno, tornando-o autônomo e livre para
aprender e alimentar a sua estrutura cognitiva.
 O Aluno Progressivista é aquele que se sente livre para falar, agir
e transformar.
Tendência Liberal Renovada Progressivista
 A TLRP surgiu no Brasil por volta da década de 1930 mas, até hoje ela se
encontra em diversas escolas que trabalham nessa linha de pensamento.
 Os princípios apresentados pela pedagogia progressivista confrontam
diretamente com a pedagogia liberal tradicional.
 Se antes o professor era o núcleo do processo de ensino-aprendizagem, a
peça mais importante de todo esse processo, na TLRP esses papéis foram
ofertados ao aluno.
 Objetivo principal: preparar os
alunos para exercerem o seu devido
papel na sociedade, ou seja, a
educação facilita o entendimento do
que é a convivência social e as regras
necessárias para essa convivência.
Formatos da educação
Tendência Tradicional
Tendência Renovada
Progressivista
Papel da escola
 Adequar as necessidades
individuais ao meio social,
retratando o máximo
possível a vida.
 Integrar experiências
sociais e interesses do
aluno
 Promover integração entre
experiências que permitam
o aluno educar-se, suas
estruturas cognitivas e
ambientais.
Conteúdos de Ensino
 São aqueles gerados a partir de experiências do sujeito, da
vivência e convivência social, das pesquisas.
 Valorização dos processos mentais e habilidades cognitivas
 Os progressivistas defendem a ideia principal: “aprender a
aprender”. O mais importante é aquisição do saber, do que o
saber propriamente dito.
“Aprender a aprender”.
Método de Ensino
 Baseado no aprender fazendo -
“Mão na massa”.
 Metodologia ativa:
Experimentação, pesquisa, estudo
do meio natural e social,
trabalhos em grupos.
 As atividades são adequadas a
natureza do aluno e a etapa de
seu desenvolvimento.
 Estimular o interesse, o desafio e
a reflexão.
Método de Ensino
Passos básicos
1) Situação de experiência –
interesse;
2) Problema desafiante – reflexão;
3) Dispor de informações e
instruções para pesquisar
soluções;
4) Soluções provisórias – ajuda do
professor;
5) Soluções à prova – utilidade para
a vida.
Relacionamento Professor-aluno
 É marcada pela horizontalidade;
 O aluno é protagonista, tem
autonomia no seu processo de
ensino aprendizagem:
 Professor apenas como
auxiliar/facilitador;
 A disciplina nasce da tomada de
consciência dos limites da vida
grupal, respeito ao espaço e o
direito do outro.
Pressupostos da Aprendizagem
 A motivação depende da estimulação, disposições internas e interesses
do aluno.
 A aprendizagem é vista como uma atividade de descoberta –
autoaprendizagem.
 O ambiente age apenas como estímulo.
 O aluno internaliza o aprendizado pela descoberta pessoal,
incorporando-o as novas estruturas cognitivas para serem empregados
em situações futuras.
 A avaliação é fluida – os esforços e os êxitos são reconhecidos pelo
professor.
Manifestações na prática escolar
 Os princípios da pedagogia progressivista vêm sendo difundidos em
larga escala nos cursos de licenciatura.
 Porém, na pratica sua aplicação é reduzidíssima por condições objetivas
e por seu choque com a prática tradicional.
 Alguns métodos são adotados em escolas particulares – Método
Monterossi, métodos dos centros de interesse de Decloly, o método de
projetos de Dewey, ensino baseado na psicologia genética de Piaget
 Outras escolas que pertencem à tendência progressivista: Escolas
denominadas “experimentais”, “escolas comunitárias”, “escola
secundária moderna”(década de 60) Lauro de Oliveira.
Principais Autores/Pensadores
John Dewey
O pensador que pôs a prática em foco
John Dewey
 Um de seus principais objetivos é educar a criança como um todo. O que
importa é o crescimento físico, emocional e intelectual.
 O princípio é que os alunos aprendem melhor realizando tarefas
associadas aos conteúdos ensinados. Atividades manuais e criativas
ganharam destaque no currículo e as crianças passaram a ser estimuladas
a experimentar e pensar por si mesmas.
 "O aprendizado se dá quando compartilhamos experiências, e isso só é
possível num ambiente democrático, onde não haja barreiras ao
intercâmbio de pensamento".
Ovide Decroly
O primeiro a tratar o saber de forma única
 Decroly foi um dos precursores dos métodos ativos, fundamentados na
possibilidade de o aluno conduzir o próprio aprendizado e, assim,
aprender a aprender.
 Método global de alfabetização e dos centros de interesse.
 O princípio de globalização de Decroly se baseia na ideia de que as
crianças apreendem o mundo com base em uma visão do todo, que
posteriormente pode se organizar em partes, ou seja, que vai do caos à
ordem. O modo mais adequado de aprender a ler, portanto, teria seu
início nas atividades de associação de significados, de discursos
completos, e não do conhecimento isolado de sílabas e letras.
Anísio Teixeira
O inventor da escola pública no Brasil
Anísio Teixeira
 Foi pioneiro na implantação de escolas públicas de todos os níveis,
que refletiam seu objetivo de oferecer educação gratuita para todos.
 A responsabilidades da escola: educar em vez de instruir; formar
homens livres em vez de homens dóceis; preparar para um futuro
incerto em vez de transmitir um passado claro; e ensinar a viver
com mais inteligência, mais tolerância e mais felicidade.
 Só aprendemos quando assimilamos uma coisa de tal jeito que,
chegado o momento oportuno, sabemos agir de acordo com o
aprendido.
Maria Montessori
O potencial de aprender está em cada um de nós
Maria Montessori
 Foi pioneira no campo pedagógico ao dar mais ênfase à
autoeducação do aluno, do que ao papel do professor como fonte de
conhecimento.“ Ela acreditava que a educação é uma conquista da
criança, pois percebeu que já nascemos com a capacidade de ensinar
a nós mesmos, se nos forem dadas as condições“
 Defendia uma concepção de educação que se estende além dos
limites do acúmulo de informações. O objetivo da escola é a
formação integral do jovem, uma "educação para a vida".
Jean Piaget
O biólogo que pôs a aprendizagem no microscópio
Jean Piaget
 "A grande contribuição de Piaget foi estudar o raciocínio lógico-
matemático, que é fundamental na escola mas não pode ser ensinado,
dependendo de uma estrutura de conhecimento da criança",
 As descobertas de Piaget tiveram grande impacto na pedagogia, mas,
de certa forma, demonstraram que a transmissão de conhecimentos é
uma possibilidade limitada. Por um lado, não se pode fazer uma
criança aprender o que ela ainda não tem condições de absorver. Por
outro, mesmo tendo essas condições, não vai se interessar a não ser por
conteúdos que lhe façam falta em termos cognitivos.
 Educar, para Piaget, é "provocar a atividade“, isto é, estimular a
procura do conhecimento. "O professor não deve pensar no que a
criança é, mas no que ela pode se tornar“.
“Anne with an E”
A professora é rejeitada pelos pais por sua metodologia
Os alunos defendem a nova metodologia
Obrigada!!!
Fontes
 https://www.infoescola.com/pedagogia/tendencia-liberal-renovada-
progressivista.
 https://andragogiabrasil.com.br
 https://novaescola.org.br/conteudo/7227/ovide-decroly
 https://www.pensador.com/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Formação de professor
Formação de professorFormação de professor
Formação de professor
carmemlima
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
Marcelo Assis
 
Tipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoTipos de avaliacao
Tipos de avaliacao
Kajdy Ejdy
 
Slide tendências pedagógicas
Slide   tendências pedagógicasSlide   tendências pedagógicas
Slide tendências pedagógicas
Prof. Antônio Martins de Almeida Filho
 
Pedagogia progressista libertadora
Pedagogia progressista libertadoraPedagogia progressista libertadora
Pedagogia progressista libertadora
Thales Rocha
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
Magda Marques
 
Construtivismo
ConstrutivismoConstrutivismo
Construtivismo
Greicy Kely
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
Gerdian Teixeira
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
mtolentino1507
 
Pedagogia da autonomia
Pedagogia da autonomiaPedagogia da autonomia
Pedagogia da autonomia
Soares Junior
 
Processo de Aprendizagem
Processo de AprendizagemProcesso de Aprendizagem
Processo de Aprendizagem
Kelly Vanderlei
 
Quadro síntese tendências pedagógicas
Quadro síntese tendências pedagógicasQuadro síntese tendências pedagógicas
Quadro síntese tendências pedagógicas
LEONARDO RODRIGUES DA SILVA
 
Quadro sinopse das Tendências Pedagógicas
Quadro sinopse das Tendências PedagógicasQuadro sinopse das Tendências Pedagógicas
Quadro sinopse das Tendências Pedagógicas
Cristiano Pereira
 
"Tendências pedagógicas"
"Tendências pedagógicas""Tendências pedagógicas"
"Tendências pedagógicas"
Cléo Lima
 
EJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexões
EJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexõesEJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexões
EJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexões
profamiriamnavarro
 
Conhecendo a didática
Conhecendo a didáticaConhecendo a didática
Metodologias ativas
Metodologias ativas Metodologias ativas
Relatório estágio
Relatório  estágioRelatório  estágio
Relatório estágio
Maria da C.A.Versiani
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
Magda Marques
 
A escola
A escolaA escola
A escola
Cassia Dias
 

Mais procurados (20)

Formação de professor
Formação de professorFormação de professor
Formação de professor
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
 
Tipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoTipos de avaliacao
Tipos de avaliacao
 
Slide tendências pedagógicas
Slide   tendências pedagógicasSlide   tendências pedagógicas
Slide tendências pedagógicas
 
Pedagogia progressista libertadora
Pedagogia progressista libertadoraPedagogia progressista libertadora
Pedagogia progressista libertadora
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
 
Construtivismo
ConstrutivismoConstrutivismo
Construtivismo
 
Interdisciplinaridade
InterdisciplinaridadeInterdisciplinaridade
Interdisciplinaridade
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
 
Pedagogia da autonomia
Pedagogia da autonomiaPedagogia da autonomia
Pedagogia da autonomia
 
Processo de Aprendizagem
Processo de AprendizagemProcesso de Aprendizagem
Processo de Aprendizagem
 
Quadro síntese tendências pedagógicas
Quadro síntese tendências pedagógicasQuadro síntese tendências pedagógicas
Quadro síntese tendências pedagógicas
 
Quadro sinopse das Tendências Pedagógicas
Quadro sinopse das Tendências PedagógicasQuadro sinopse das Tendências Pedagógicas
Quadro sinopse das Tendências Pedagógicas
 
"Tendências pedagógicas"
"Tendências pedagógicas""Tendências pedagógicas"
"Tendências pedagógicas"
 
EJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexões
EJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexõesEJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexões
EJA AULA 1: Educação de Adultos: algumas reflexões
 
Conhecendo a didática
Conhecendo a didáticaConhecendo a didática
Conhecendo a didática
 
Metodologias ativas
Metodologias ativas Metodologias ativas
Metodologias ativas
 
Relatório estágio
Relatório  estágioRelatório  estágio
Relatório estágio
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
 
A escola
A escolaA escola
A escola
 

Semelhante a Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista

Teorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagemTeorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagem
Vânia Oliveira
 
Resumo da aula do dia 23 de abril
Resumo da aula do dia 23 de abrilResumo da aula do dia 23 de abril
Resumo da aula do dia 23 de abril
Cleocimara Fortes de Jesus
 
resumo da aula do dia 23 de abril
resumo da aula do dia 23 de abrilresumo da aula do dia 23 de abril
resumo da aula do dia 23 de abril
Cleocimara Fortes de Jesus
 
Pedagogia atv 03
Pedagogia atv 03Pedagogia atv 03
Pedagogia atv 03
aline totti
 
John dewey
John deweyJohn dewey
Socialização do fórum dialogo teórico
Socialização do fórum  dialogo teóricoSocialização do fórum  dialogo teórico
Socialização do fórum dialogo teórico
Andréia Medeiros
 
Contexto educativo
Contexto educativoContexto educativo
Contexto educativo
Xana Santos
 
Teorias de aprendizagem.sintese
Teorias de aprendizagem.sinteseTeorias de aprendizagem.sintese
Teorias de aprendizagem.sintese
Eduardo Lopes
 
Resumo da aula tecnologia digital e educação
Resumo da aula tecnologia digital e educaçãoResumo da aula tecnologia digital e educação
Resumo da aula tecnologia digital e educação
Prefeitura Municipal de Chapecó
 
TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptx
TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptxTEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptx
TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptx
claydemar20
 
Aula 01 - Métodos pedagógicos.pptx
Aula 01 - Métodos pedagógicos.pptxAula 01 - Métodos pedagógicos.pptx
Aula 01 - Métodos pedagógicos.pptx
RafaelaPavanelliChav
 
Abordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na EducaçãoAbordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na Educação
Carol Messias
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
pedagogia para licenciados
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
pedagogia para licenciados
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
pedagogia para licenciados
 
Cinema nas escolas filosofia
Cinema nas escolas   filosofiaCinema nas escolas   filosofia
Cinema nas escolas filosofia
Andréa Kochhann
 
Sistemas de ensino Montessori
Sistemas de ensino MontessoriSistemas de ensino Montessori
Sistemas de ensino Montessori
João Valerio Scremin
 
Pressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADO
Pressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADOPressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADO
Pressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADO
Magno Oliveira
 
Vida e obra de johnn dewey
Vida e obra de johnn deweyVida e obra de johnn dewey
Vida e obra de johnn dewey
Sonia Ricardo
 
TCC - Estilos de Aprendizagem
TCC - Estilos de AprendizagemTCC - Estilos de Aprendizagem
TCC - Estilos de Aprendizagem
Leonardo Florêncio
 

Semelhante a Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista (20)

Teorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagemTeorias da aprendizagem
Teorias da aprendizagem
 
Resumo da aula do dia 23 de abril
Resumo da aula do dia 23 de abrilResumo da aula do dia 23 de abril
Resumo da aula do dia 23 de abril
 
resumo da aula do dia 23 de abril
resumo da aula do dia 23 de abrilresumo da aula do dia 23 de abril
resumo da aula do dia 23 de abril
 
Pedagogia atv 03
Pedagogia atv 03Pedagogia atv 03
Pedagogia atv 03
 
John dewey
John deweyJohn dewey
John dewey
 
Socialização do fórum dialogo teórico
Socialização do fórum  dialogo teóricoSocialização do fórum  dialogo teórico
Socialização do fórum dialogo teórico
 
Contexto educativo
Contexto educativoContexto educativo
Contexto educativo
 
Teorias de aprendizagem.sintese
Teorias de aprendizagem.sinteseTeorias de aprendizagem.sintese
Teorias de aprendizagem.sintese
 
Resumo da aula tecnologia digital e educação
Resumo da aula tecnologia digital e educaçãoResumo da aula tecnologia digital e educação
Resumo da aula tecnologia digital e educação
 
TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptx
TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptxTEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptx
TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO000000000002024.pptx
 
Aula 01 - Métodos pedagógicos.pptx
Aula 01 - Métodos pedagógicos.pptxAula 01 - Métodos pedagógicos.pptx
Aula 01 - Métodos pedagógicos.pptx
 
Abordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na EducaçãoAbordagem Humanista na Educação
Abordagem Humanista na Educação
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
 
Cinema nas escolas filosofia
Cinema nas escolas   filosofiaCinema nas escolas   filosofia
Cinema nas escolas filosofia
 
Sistemas de ensino Montessori
Sistemas de ensino MontessoriSistemas de ensino Montessori
Sistemas de ensino Montessori
 
Pressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADO
Pressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADOPressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADO
Pressupostos teoricos para o ensino da didatica REMODELADO
 
Vida e obra de johnn dewey
Vida e obra de johnn deweyVida e obra de johnn dewey
Vida e obra de johnn dewey
 
TCC - Estilos de Aprendizagem
TCC - Estilos de AprendizagemTCC - Estilos de Aprendizagem
TCC - Estilos de Aprendizagem
 

Último

Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 

Último (20)

Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 

Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista

  • 1. Pontifícia Universidade Católica de Goiás Psicologia da Aprendizagem Aplicada à Área Escolar Profa. Ângela Dantas Alunas: Ana Mara Oliveira de Souza Ane Mariel de Oliveira e Silva Bianca Monteiro Medeiros Jennifer Lorena Riveros Lima Mascarenhas Luisa Di Campos
  • 3. Tendência Liberal Renovada Progressivista  A Tendência Liberal Renovada Progressivista é para as escolas que pretendem dar voz ao aluno, que querem se tornar um verdadeiro laboratório de ensino e, consequentemente, de aprendizagem.  A Escola Progressivista dá espaço ao fazer, ao experimentar.  O Professor Progressivista é aquele que visa à facilitação da aprendizagem do aluno, tornando-o autônomo e livre para aprender e alimentar a sua estrutura cognitiva.  O Aluno Progressivista é aquele que se sente livre para falar, agir e transformar.
  • 4. Tendência Liberal Renovada Progressivista  A TLRP surgiu no Brasil por volta da década de 1930 mas, até hoje ela se encontra em diversas escolas que trabalham nessa linha de pensamento.  Os princípios apresentados pela pedagogia progressivista confrontam diretamente com a pedagogia liberal tradicional.  Se antes o professor era o núcleo do processo de ensino-aprendizagem, a peça mais importante de todo esse processo, na TLRP esses papéis foram ofertados ao aluno.  Objetivo principal: preparar os alunos para exercerem o seu devido papel na sociedade, ou seja, a educação facilita o entendimento do que é a convivência social e as regras necessárias para essa convivência.
  • 5. Formatos da educação Tendência Tradicional Tendência Renovada Progressivista
  • 6. Papel da escola  Adequar as necessidades individuais ao meio social, retratando o máximo possível a vida.  Integrar experiências sociais e interesses do aluno  Promover integração entre experiências que permitam o aluno educar-se, suas estruturas cognitivas e ambientais.
  • 7. Conteúdos de Ensino  São aqueles gerados a partir de experiências do sujeito, da vivência e convivência social, das pesquisas.  Valorização dos processos mentais e habilidades cognitivas  Os progressivistas defendem a ideia principal: “aprender a aprender”. O mais importante é aquisição do saber, do que o saber propriamente dito. “Aprender a aprender”.
  • 8. Método de Ensino  Baseado no aprender fazendo - “Mão na massa”.  Metodologia ativa: Experimentação, pesquisa, estudo do meio natural e social, trabalhos em grupos.  As atividades são adequadas a natureza do aluno e a etapa de seu desenvolvimento.  Estimular o interesse, o desafio e a reflexão.
  • 9. Método de Ensino Passos básicos 1) Situação de experiência – interesse; 2) Problema desafiante – reflexão; 3) Dispor de informações e instruções para pesquisar soluções; 4) Soluções provisórias – ajuda do professor; 5) Soluções à prova – utilidade para a vida.
  • 10. Relacionamento Professor-aluno  É marcada pela horizontalidade;  O aluno é protagonista, tem autonomia no seu processo de ensino aprendizagem:  Professor apenas como auxiliar/facilitador;  A disciplina nasce da tomada de consciência dos limites da vida grupal, respeito ao espaço e o direito do outro.
  • 11. Pressupostos da Aprendizagem  A motivação depende da estimulação, disposições internas e interesses do aluno.  A aprendizagem é vista como uma atividade de descoberta – autoaprendizagem.  O ambiente age apenas como estímulo.  O aluno internaliza o aprendizado pela descoberta pessoal, incorporando-o as novas estruturas cognitivas para serem empregados em situações futuras.  A avaliação é fluida – os esforços e os êxitos são reconhecidos pelo professor.
  • 12. Manifestações na prática escolar  Os princípios da pedagogia progressivista vêm sendo difundidos em larga escala nos cursos de licenciatura.  Porém, na pratica sua aplicação é reduzidíssima por condições objetivas e por seu choque com a prática tradicional.  Alguns métodos são adotados em escolas particulares – Método Monterossi, métodos dos centros de interesse de Decloly, o método de projetos de Dewey, ensino baseado na psicologia genética de Piaget  Outras escolas que pertencem à tendência progressivista: Escolas denominadas “experimentais”, “escolas comunitárias”, “escola secundária moderna”(década de 60) Lauro de Oliveira.
  • 14. John Dewey O pensador que pôs a prática em foco
  • 15. John Dewey  Um de seus principais objetivos é educar a criança como um todo. O que importa é o crescimento físico, emocional e intelectual.  O princípio é que os alunos aprendem melhor realizando tarefas associadas aos conteúdos ensinados. Atividades manuais e criativas ganharam destaque no currículo e as crianças passaram a ser estimuladas a experimentar e pensar por si mesmas.  "O aprendizado se dá quando compartilhamos experiências, e isso só é possível num ambiente democrático, onde não haja barreiras ao intercâmbio de pensamento".
  • 16. Ovide Decroly O primeiro a tratar o saber de forma única  Decroly foi um dos precursores dos métodos ativos, fundamentados na possibilidade de o aluno conduzir o próprio aprendizado e, assim, aprender a aprender.  Método global de alfabetização e dos centros de interesse.  O princípio de globalização de Decroly se baseia na ideia de que as crianças apreendem o mundo com base em uma visão do todo, que posteriormente pode se organizar em partes, ou seja, que vai do caos à ordem. O modo mais adequado de aprender a ler, portanto, teria seu início nas atividades de associação de significados, de discursos completos, e não do conhecimento isolado de sílabas e letras.
  • 17. Anísio Teixeira O inventor da escola pública no Brasil
  • 18. Anísio Teixeira  Foi pioneiro na implantação de escolas públicas de todos os níveis, que refletiam seu objetivo de oferecer educação gratuita para todos.  A responsabilidades da escola: educar em vez de instruir; formar homens livres em vez de homens dóceis; preparar para um futuro incerto em vez de transmitir um passado claro; e ensinar a viver com mais inteligência, mais tolerância e mais felicidade.  Só aprendemos quando assimilamos uma coisa de tal jeito que, chegado o momento oportuno, sabemos agir de acordo com o aprendido.
  • 19. Maria Montessori O potencial de aprender está em cada um de nós
  • 20. Maria Montessori  Foi pioneira no campo pedagógico ao dar mais ênfase à autoeducação do aluno, do que ao papel do professor como fonte de conhecimento.“ Ela acreditava que a educação é uma conquista da criança, pois percebeu que já nascemos com a capacidade de ensinar a nós mesmos, se nos forem dadas as condições“  Defendia uma concepção de educação que se estende além dos limites do acúmulo de informações. O objetivo da escola é a formação integral do jovem, uma "educação para a vida".
  • 21. Jean Piaget O biólogo que pôs a aprendizagem no microscópio
  • 22. Jean Piaget  "A grande contribuição de Piaget foi estudar o raciocínio lógico- matemático, que é fundamental na escola mas não pode ser ensinado, dependendo de uma estrutura de conhecimento da criança",  As descobertas de Piaget tiveram grande impacto na pedagogia, mas, de certa forma, demonstraram que a transmissão de conhecimentos é uma possibilidade limitada. Por um lado, não se pode fazer uma criança aprender o que ela ainda não tem condições de absorver. Por outro, mesmo tendo essas condições, não vai se interessar a não ser por conteúdos que lhe façam falta em termos cognitivos.  Educar, para Piaget, é "provocar a atividade“, isto é, estimular a procura do conhecimento. "O professor não deve pensar no que a criança é, mas no que ela pode se tornar“.
  • 23. “Anne with an E” A professora é rejeitada pelos pais por sua metodologia
  • 24. Os alunos defendem a nova metodologia
  • 26. Fontes  https://www.infoescola.com/pedagogia/tendencia-liberal-renovada- progressivista.  https://andragogiabrasil.com.br  https://novaescola.org.br/conteudo/7227/ovide-decroly  https://www.pensador.com/