SlideShare uma empresa Scribd logo
Conhecendo o Modelo Pedagógico do Senac - 04/11/2014
Contextualização
O objetivo do Modelo Pedagógico Nacional é expandir e qualificar a oferta educacional
da Instituição em todos os segmentos e modalidades da educação profissional, a partir
de programas nacionais que garantam o posicionamento e fortaleçam a unidade
institucional nos cenários nacional e internacional.
O Modelo propõe diretrizes que definem:
 os princípios educacionais do Senac;
 as marcas formativas que deverão estar presentes nos alunos egressos da Instituição;
 os referenciais para a organização curricular dos cursos das diferentes modalidades;
 os referenciais para a avaliação da aprendizagem;
 os parâmetros para o design educacional dos cursos a distância.
Ensaio Geral
Sendo símbolo, os significados são inúmeros e, mesmo que contraditórios, não são
excludentes. Esta é a vantagem do símbolo. Ele permite uma conversa em que os
significados percebidos se complementam, se enriquecem e despertam novas
possibilidades de interpretação.
Considerando que as duas cenas ou o filme como um todo são simbólicos, que relações você
faz entre o filme e o atual momento do Senac, especialmente com a decisão de criar e
implantar um Modelo Pedagógico Nacional?
Fórum
Pense sobre os questionamentos feitos e siga adiante para participar do Fórum 1 – “Uma
Sinfonia de Significados”.
Fatores Externos
 Políticas governamentais de incentivo à educação profissional técnica de nível
médio;
 O Sistema de Avaliação da Educação Profissional, em desenvolvimento no
MEC;
 A criação dos Catálogos Nacionais de Cursos Técnicos e de Formação Inicial e
Continuada.
Fatores Internos
 O fator determinante da busca por um Modelo Pedagógico do Senac foi o
lançamento da Rede Nacional de Educação a Distância.
Apresenta eterno dilema e confronto entre o Novato e o Conservador, entre
autoestima (e a falta de...) e o desconhecimento de mundo. Assistindo as primeiras
cenas, não há como não pensa na metáfora do pescar, que é um exercício de
paciência, com o ato de educar, invertendo a posição do anzol por um ponto de
interrogação.
O verdadeiro pescador, ou melhor, professor, é aquele que mais coloca dúvidas
do que certezas em seu aluno, que estimula a pensar e pescar ideias... A Sra. Scott,
diretora disciplinadora exige respeito, por que escola não é parque diversões.
Entretanto, o ato de educar pode ser um diálogo divertido, sim, entre professor e
aluno, desde que se saiba conduzir brincadeiras que tenham sentido ao fazer
pedagógico, como Conrack fazia.
Há que sempre se incentivar o debate, dando vez e voz ao aluno, e os
resultados serão sempre surpreendentes, se tentados, desde que o professor saiba ter
domínio de classe a partir de sólido domínio de conteúdo.
Marcas Formativas
Conteúdo
Página 10 de 16
Marcas formativas são aquelas que identificam e diferenciam, na sociedade e no mundo do trabalho, os
cidadãos e profissionais formados por uma determinada instituição educativa.
As marcas formativas derivam dos princípios filosóficos e pedagógicos que citamos anteriormente.
O quadro a seguir relaciona quais são as marcas formativas do profissional formado pelo Senac depois da
implantação do Modelo Pedagógico Nacional.
Junto à marca formativa, observe sua breve descrição e as palavras-chave que ressaltam características e
qualidades associadas a estes profissionais.
MARCA DESCRIÇÃO
PALAVRAS-
CHAVE
Dominío técnico-
cientifico
Demonstra domínio técnico-científico, apresentando visão
sistêmica e adotando comportamento investigativo no
exercício profissional
 Visão sistêmica
 Comportamento
investigativo
 Foco em resultado
Atitude
empreendedora
Desenvolve ações, novas propostas,soluções e
empreendimentos, de forma autônoma, dinâmica, criativa
e com iniciativa.
 Criatividade
 Inovação
 Autonomia
 Dinamismo
 Iniciativa
 Foco em resultado
Visão crítica
Compreende o contexto em que está inserido e demonstra
capacidade propositiva,com foco em soluções.
 Crítica
 Reflexivo
 Foco em resultado
Atitude sustentável
Age de acordo com os princípios da sustentabilidade,
considerando a ética, exercendo a cidadania.
 Sustentabilidade
 Responsabilidade
social
 Ética e cidadania
 Diversidade
 Foco em resultado
Atitude colaborativa
Trabalha em equipe, estabelece relações interpessoais
construtivas e comunica com assertividade.
 Trabalho em equipe
 Relação interpessoal
 Comunicação
 Foco em resultado
Em síntese, o profissional formado pelo Senac tem, como marca formativa, o domínio técnico-
científico, a visão crítica, atitude empreendedora, sustentável e colaborativa, atuando com foco em
resultados.
Em síntese, o profissional formado pelo Senac tem, como marca formativa, o domínio
técnico-científico, a visão crítica, atitude empreendedora, sustentável e colaborativa,
atuando com foco em resultados.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação1 (1).pptx
Apresentação1 (1).pptxApresentação1 (1).pptx
Apresentação1 (1).pptx
micsquize
 
Organizar e dirigir situações de aprendizagem
Organizar e dirigir  situações de aprendizagemOrganizar e dirigir  situações de aprendizagem
Organizar e dirigir situações de aprendizagem
Alexandre Lopes
 
Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)
Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)
Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)
Giba Canto
 
Docencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavallet
Docencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavalletDocencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavallet
Docencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavallet
PROIDDBahiana
 
Sequência didática
Sequência didáticaSequência didática
Sequência didática
Roséli Safons do Couto
 
Perrenoud, phillipie dez competencias para ensinar
Perrenoud, phillipie   dez competencias para ensinarPerrenoud, phillipie   dez competencias para ensinar
Perrenoud, phillipie dez competencias para ensinar
marcaocampos
 
Dez novas competências para ensinar
Dez novas competências para ensinarDez novas competências para ensinar
Dez novas competências para ensinar
elianinha
 
Competências e habilidades
Competências e habilidadesCompetências e habilidades
Competências e habilidades
Mari_Saracchini
 
Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula
Grasiela Dourado
 
OT Habilidades na Aula de História - Ensino Médio
OT Habilidades na Aula de História - Ensino MédioOT Habilidades na Aula de História - Ensino Médio
OT Habilidades na Aula de História - Ensino Médio
Claudia Elisabete Silva
 
Competencias do Professor
Competencias do ProfessorCompetencias do Professor
Competencias do Professor
Renata Aquino
 
Planejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticasPlanejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticas
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Orientações para o projeto de intervenção
Orientações para o projeto de intervençãoOrientações para o projeto de intervenção
Orientações para o projeto de intervenção
Lidiane Lima
 
Projeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdfProjeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdf
eminovacao
 
Capacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºanoCapacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºano
assessoriapedagogica
 
Arte apostila nova
Arte apostila novaArte apostila nova
Arte apostila nova
Daniel Comparini
 
5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades
5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades
5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades
Adriana Negris
 
Projeto pedagogico
Projeto pedagogicoProjeto pedagogico
Projeto pedagogico
progestaoanguera
 
Perrenoud
PerrenoudPerrenoud
Perrenoud
Lígia Azevedo
 
Supervisor Escolar
Supervisor EscolarSupervisor Escolar
Supervisor Escolar
Graciane Volotao
 

Mais procurados (20)

Apresentação1 (1).pptx
Apresentação1 (1).pptxApresentação1 (1).pptx
Apresentação1 (1).pptx
 
Organizar e dirigir situações de aprendizagem
Organizar e dirigir  situações de aprendizagemOrganizar e dirigir  situações de aprendizagem
Organizar e dirigir situações de aprendizagem
 
Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)
Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)
Docencia Universitaria (Dr. Marcos Masetto)
 
Docencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavallet
Docencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavalletDocencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavallet
Docencia no-ensino-superior-pimenta-anastasiou-cavallet
 
Sequência didática
Sequência didáticaSequência didática
Sequência didática
 
Perrenoud, phillipie dez competencias para ensinar
Perrenoud, phillipie   dez competencias para ensinarPerrenoud, phillipie   dez competencias para ensinar
Perrenoud, phillipie dez competencias para ensinar
 
Dez novas competências para ensinar
Dez novas competências para ensinarDez novas competências para ensinar
Dez novas competências para ensinar
 
Competências e habilidades
Competências e habilidadesCompetências e habilidades
Competências e habilidades
 
Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula Gestão da Sala de Aula
Gestão da Sala de Aula
 
OT Habilidades na Aula de História - Ensino Médio
OT Habilidades na Aula de História - Ensino MédioOT Habilidades na Aula de História - Ensino Médio
OT Habilidades na Aula de História - Ensino Médio
 
Competencias do Professor
Competencias do ProfessorCompetencias do Professor
Competencias do Professor
 
Planejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticasPlanejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticas
 
Orientações para o projeto de intervenção
Orientações para o projeto de intervençãoOrientações para o projeto de intervenção
Orientações para o projeto de intervenção
 
Projeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdfProjeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdf
 
Capacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºanoCapacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºano
 
Arte apostila nova
Arte apostila novaArte apostila nova
Arte apostila nova
 
5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades
5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades
5 Docencia Compe Te Ncias E Habilidades
 
Projeto pedagogico
Projeto pedagogicoProjeto pedagogico
Projeto pedagogico
 
Perrenoud
PerrenoudPerrenoud
Perrenoud
 
Supervisor Escolar
Supervisor EscolarSupervisor Escolar
Supervisor Escolar
 

Semelhante a Sintese das aulas 1

Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
SimoneHelenDrumond
 
Aula questões dissertativas
Aula   questões dissertativasAula   questões dissertativas
Aula questões dissertativas
Eduardo Lopes
 
Oficina de Questões Padrão ENADE
Oficina de Questões Padrão ENADEOficina de Questões Padrão ENADE
Oficina de Questões Padrão ENADE
Renata Homem de Mello
 
Trabalho e desenvolvimento profissional docente
Trabalho e desenvolvimento profissional  docenteTrabalho e desenvolvimento profissional  docente
Trabalho e desenvolvimento profissional docente
Carlos Marcelo
 
Dra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NS
Dra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NSDra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NS
Dra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NS
nuno.jose.duarte
 
I uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciências
I uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciênciasI uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciências
I uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciências
Gilvandenys Leite Sales
 
1598295600 ed pratica
1598295600 ed pratica1598295600 ed pratica
1598295600 ed pratica
SandraGoncalves24
 
Encontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptx
Encontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptxEncontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptx
Encontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptx
Daniela Chucre
 
PROJECTO EFA
PROJECTO EFAPROJECTO EFA
PROJECTO EFA
innog
 
PI Depilador do instituto de qqr coisa.pdf
PI Depilador do instituto de qqr coisa.pdfPI Depilador do instituto de qqr coisa.pdf
PI Depilador do instituto de qqr coisa.pdf
Daniela Chucre
 
Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...
Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...
Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...
Universidade Federal de Pernambuco
 
Metodologias Ativas, Imersivas e Inovadoras
Metodologias Ativas, Imersivas e InovadorasMetodologias Ativas, Imersivas e Inovadoras
Metodologias Ativas, Imersivas e Inovadoras
Universidade Federal de Pernambuco
 
AvaliaçãO Formativa Alternativa
AvaliaçãO Formativa AlternativaAvaliaçãO Formativa Alternativa
AvaliaçãO Formativa Alternativa
sofiamalheiro
 
Modelo PPt 2022 PERAÊ.pptx
Modelo PPt 2022 PERAÊ.pptxModelo PPt 2022 PERAÊ.pptx
Modelo PPt 2022 PERAÊ.pptx
MariaJose293956
 
ATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultos
ATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultosATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultos
ATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultos
femartin2010
 
83343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy77
83343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy7783343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy77
83343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy77
Superclaudinei
 
Coordenador Pedagógico e sua Identidade Profissional
Coordenador Pedagógico e sua Identidade ProfissionalCoordenador Pedagógico e sua Identidade Profissional
Coordenador Pedagógico e sua Identidade Profissional
DANIELLE BUNA
 
PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti PradoPITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
Fabiano Sulligo
 
Slide do pitec
Slide do pitecSlide do pitec
Slide do pitec
SEDUC - MT
 
Formação 2013 ppp - 1 - definição da missão
Formação 2013   ppp - 1 - definição da missãoFormação 2013   ppp - 1 - definição da missão
Formação 2013 ppp - 1 - definição da missão
WALTER ALENCAR DE SOUSA
 

Semelhante a Sintese das aulas 1 (20)

Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
Semieduc - PORTFÓLIOS DE IDÉIAS INSPIRADORAS PARA INOVAR AS AULAS DO AMBIENTE...
 
Aula questões dissertativas
Aula   questões dissertativasAula   questões dissertativas
Aula questões dissertativas
 
Oficina de Questões Padrão ENADE
Oficina de Questões Padrão ENADEOficina de Questões Padrão ENADE
Oficina de Questões Padrão ENADE
 
Trabalho e desenvolvimento profissional docente
Trabalho e desenvolvimento profissional  docenteTrabalho e desenvolvimento profissional  docente
Trabalho e desenvolvimento profissional docente
 
Dra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NS
Dra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NSDra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NS
Dra Luísa Pinhal Portefólio um espelho de competências NS
 
I uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciências
I uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciênciasI uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciências
I uabce abordagen didático pedagógica para o ensino de ciências
 
1598295600 ed pratica
1598295600 ed pratica1598295600 ed pratica
1598295600 ed pratica
 
Encontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptx
Encontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptxEncontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptx
Encontro de Alinhamento Pedagógico 2022.pptx
 
PROJECTO EFA
PROJECTO EFAPROJECTO EFA
PROJECTO EFA
 
PI Depilador do instituto de qqr coisa.pdf
PI Depilador do instituto de qqr coisa.pdfPI Depilador do instituto de qqr coisa.pdf
PI Depilador do instituto de qqr coisa.pdf
 
Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...
Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...
Educação 5.0 e as Metodologias Ativas e Inovadoras: encantando e engajando o ...
 
Metodologias Ativas, Imersivas e Inovadoras
Metodologias Ativas, Imersivas e InovadorasMetodologias Ativas, Imersivas e Inovadoras
Metodologias Ativas, Imersivas e Inovadoras
 
AvaliaçãO Formativa Alternativa
AvaliaçãO Formativa AlternativaAvaliaçãO Formativa Alternativa
AvaliaçãO Formativa Alternativa
 
Modelo PPt 2022 PERAÊ.pptx
Modelo PPt 2022 PERAÊ.pptxModelo PPt 2022 PERAÊ.pptx
Modelo PPt 2022 PERAÊ.pptx
 
ATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultos
ATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultosATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultos
ATPC formativa: Ensino contextualizado na EJA -educacao de jovens e adultos
 
83343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy77
83343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy7783343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy77
83343.pptxgggggggggtxfffffffffffggggggggy77
 
Coordenador Pedagógico e sua Identidade Profissional
Coordenador Pedagógico e sua Identidade ProfissionalCoordenador Pedagógico e sua Identidade Profissional
Coordenador Pedagógico e sua Identidade Profissional
 
PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti PradoPITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
 
Slide do pitec
Slide do pitecSlide do pitec
Slide do pitec
 
Formação 2013 ppp - 1 - definição da missão
Formação 2013   ppp - 1 - definição da missãoFormação 2013   ppp - 1 - definição da missão
Formação 2013 ppp - 1 - definição da missão
 

Mais de Daebul University

Tq ferramentas da_qualidade_semana2
Tq ferramentas da_qualidade_semana2Tq ferramentas da_qualidade_semana2
Tq ferramentas da_qualidade_semana2
Daebul University
 
Tq ferramentas da_qualidade_semana1
Tq ferramentas da_qualidade_semana1Tq ferramentas da_qualidade_semana1
Tq ferramentas da_qualidade_semana1
Daebul University
 
Ferramentas da qualidade_semana10_revisado
Ferramentas da qualidade_semana10_revisadoFerramentas da qualidade_semana10_revisado
Ferramentas da qualidade_semana10_revisado
Daebul University
 
Apostila brigada incendio
Apostila brigada incendioApostila brigada incendio
Apostila brigada incendio
Daebul University
 
Rt cbmrs nr_14_1.extintores_ incendio
Rt cbmrs  nr_14_1.extintores_ incendioRt cbmrs  nr_14_1.extintores_ incendio
Rt cbmrs nr_14_1.extintores_ incendio
Daebul University
 
14.555parte vetada mantida
14.555parte vetada mantida14.555parte vetada mantida
14.555parte vetada mantida
Daebul University
 
La 016
La 016La 016
Termo de interdio_mte_silva
Termo de interdio_mte_silvaTermo de interdio_mte_silva
Termo de interdio_mte_silva
Daebul University
 
Mte
MteMte
Planta baixa sue
Planta baixa suePlanta baixa sue
Planta baixa sue
Daebul University
 
Exercicio freq e_grav1
Exercicio freq e_grav1Exercicio freq e_grav1
Exercicio freq e_grav1
Daebul University
 
Auditor fiscal prova_2
Auditor fiscal prova_2Auditor fiscal prova_2
Auditor fiscal prova_2
Daebul University
 
Auditor fiscal prova_1
Auditor fiscal prova_1Auditor fiscal prova_1
Auditor fiscal prova_1
Daebul University
 
Cd onlinetrabalhovisualizarresumo
Cd onlinetrabalhovisualizarresumoCd onlinetrabalhovisualizarresumo
Cd onlinetrabalhovisualizarresumo
Daebul University
 
Diretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadas
Diretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadasDiretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadas
Diretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadas
Daebul University
 
Avaliação os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...
Avaliação   os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...Avaliação   os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...
Avaliação os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...
Daebul University
 
Apt apresentacao-01
Apt apresentacao-01Apt apresentacao-01
Apt apresentacao-01
Daebul University
 
Ohsas18001 mod2
Ohsas18001 mod2Ohsas18001 mod2
Ohsas18001 mod2
Daebul University
 
Ohsas18001 mod1
Ohsas18001 mod1Ohsas18001 mod1
Ohsas18001 mod1
Daebul University
 
Basico sobre sst_para_me_e_epp_serralheria
Basico sobre sst_para_me_e_epp_serralheriaBasico sobre sst_para_me_e_epp_serralheria
Basico sobre sst_para_me_e_epp_serralheria
Daebul University
 

Mais de Daebul University (20)

Tq ferramentas da_qualidade_semana2
Tq ferramentas da_qualidade_semana2Tq ferramentas da_qualidade_semana2
Tq ferramentas da_qualidade_semana2
 
Tq ferramentas da_qualidade_semana1
Tq ferramentas da_qualidade_semana1Tq ferramentas da_qualidade_semana1
Tq ferramentas da_qualidade_semana1
 
Ferramentas da qualidade_semana10_revisado
Ferramentas da qualidade_semana10_revisadoFerramentas da qualidade_semana10_revisado
Ferramentas da qualidade_semana10_revisado
 
Apostila brigada incendio
Apostila brigada incendioApostila brigada incendio
Apostila brigada incendio
 
Rt cbmrs nr_14_1.extintores_ incendio
Rt cbmrs  nr_14_1.extintores_ incendioRt cbmrs  nr_14_1.extintores_ incendio
Rt cbmrs nr_14_1.extintores_ incendio
 
14.555parte vetada mantida
14.555parte vetada mantida14.555parte vetada mantida
14.555parte vetada mantida
 
La 016
La 016La 016
La 016
 
Termo de interdio_mte_silva
Termo de interdio_mte_silvaTermo de interdio_mte_silva
Termo de interdio_mte_silva
 
Mte
MteMte
Mte
 
Planta baixa sue
Planta baixa suePlanta baixa sue
Planta baixa sue
 
Exercicio freq e_grav1
Exercicio freq e_grav1Exercicio freq e_grav1
Exercicio freq e_grav1
 
Auditor fiscal prova_2
Auditor fiscal prova_2Auditor fiscal prova_2
Auditor fiscal prova_2
 
Auditor fiscal prova_1
Auditor fiscal prova_1Auditor fiscal prova_1
Auditor fiscal prova_1
 
Cd onlinetrabalhovisualizarresumo
Cd onlinetrabalhovisualizarresumoCd onlinetrabalhovisualizarresumo
Cd onlinetrabalhovisualizarresumo
 
Diretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadas
Diretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadasDiretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadas
Diretrizes seguranca saude_do_trabalho_para_empresas_contratadas
 
Avaliação os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...
Avaliação   os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...Avaliação   os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...
Avaliação os nove jeitos mais comuns de avaliar os estudantes e os benefíci...
 
Apt apresentacao-01
Apt apresentacao-01Apt apresentacao-01
Apt apresentacao-01
 
Ohsas18001 mod2
Ohsas18001 mod2Ohsas18001 mod2
Ohsas18001 mod2
 
Ohsas18001 mod1
Ohsas18001 mod1Ohsas18001 mod1
Ohsas18001 mod1
 
Basico sobre sst_para_me_e_epp_serralheria
Basico sobre sst_para_me_e_epp_serralheriaBasico sobre sst_para_me_e_epp_serralheria
Basico sobre sst_para_me_e_epp_serralheria
 

Último

Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
Suzy De Abreu Santana
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 

Último (20)

Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinhaatividade 8º ano entrevista - com tirinha
atividade 8º ano entrevista - com tirinha
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 

Sintese das aulas 1

  • 1. Conhecendo o Modelo Pedagógico do Senac - 04/11/2014 Contextualização O objetivo do Modelo Pedagógico Nacional é expandir e qualificar a oferta educacional da Instituição em todos os segmentos e modalidades da educação profissional, a partir de programas nacionais que garantam o posicionamento e fortaleçam a unidade institucional nos cenários nacional e internacional. O Modelo propõe diretrizes que definem:  os princípios educacionais do Senac;  as marcas formativas que deverão estar presentes nos alunos egressos da Instituição;  os referenciais para a organização curricular dos cursos das diferentes modalidades;  os referenciais para a avaliação da aprendizagem;  os parâmetros para o design educacional dos cursos a distância. Ensaio Geral Sendo símbolo, os significados são inúmeros e, mesmo que contraditórios, não são excludentes. Esta é a vantagem do símbolo. Ele permite uma conversa em que os significados percebidos se complementam, se enriquecem e despertam novas possibilidades de interpretação. Considerando que as duas cenas ou o filme como um todo são simbólicos, que relações você faz entre o filme e o atual momento do Senac, especialmente com a decisão de criar e implantar um Modelo Pedagógico Nacional? Fórum Pense sobre os questionamentos feitos e siga adiante para participar do Fórum 1 – “Uma Sinfonia de Significados”. Fatores Externos  Políticas governamentais de incentivo à educação profissional técnica de nível médio;  O Sistema de Avaliação da Educação Profissional, em desenvolvimento no MEC;  A criação dos Catálogos Nacionais de Cursos Técnicos e de Formação Inicial e Continuada. Fatores Internos  O fator determinante da busca por um Modelo Pedagógico do Senac foi o lançamento da Rede Nacional de Educação a Distância.
  • 2. Apresenta eterno dilema e confronto entre o Novato e o Conservador, entre autoestima (e a falta de...) e o desconhecimento de mundo. Assistindo as primeiras cenas, não há como não pensa na metáfora do pescar, que é um exercício de paciência, com o ato de educar, invertendo a posição do anzol por um ponto de interrogação. O verdadeiro pescador, ou melhor, professor, é aquele que mais coloca dúvidas do que certezas em seu aluno, que estimula a pensar e pescar ideias... A Sra. Scott, diretora disciplinadora exige respeito, por que escola não é parque diversões. Entretanto, o ato de educar pode ser um diálogo divertido, sim, entre professor e aluno, desde que se saiba conduzir brincadeiras que tenham sentido ao fazer pedagógico, como Conrack fazia. Há que sempre se incentivar o debate, dando vez e voz ao aluno, e os resultados serão sempre surpreendentes, se tentados, desde que o professor saiba ter domínio de classe a partir de sólido domínio de conteúdo. Marcas Formativas Conteúdo Página 10 de 16 Marcas formativas são aquelas que identificam e diferenciam, na sociedade e no mundo do trabalho, os cidadãos e profissionais formados por uma determinada instituição educativa. As marcas formativas derivam dos princípios filosóficos e pedagógicos que citamos anteriormente. O quadro a seguir relaciona quais são as marcas formativas do profissional formado pelo Senac depois da implantação do Modelo Pedagógico Nacional. Junto à marca formativa, observe sua breve descrição e as palavras-chave que ressaltam características e qualidades associadas a estes profissionais.
  • 3. MARCA DESCRIÇÃO PALAVRAS- CHAVE Dominío técnico- cientifico Demonstra domínio técnico-científico, apresentando visão sistêmica e adotando comportamento investigativo no exercício profissional  Visão sistêmica  Comportamento investigativo  Foco em resultado Atitude empreendedora Desenvolve ações, novas propostas,soluções e empreendimentos, de forma autônoma, dinâmica, criativa e com iniciativa.  Criatividade  Inovação  Autonomia  Dinamismo  Iniciativa  Foco em resultado Visão crítica Compreende o contexto em que está inserido e demonstra capacidade propositiva,com foco em soluções.  Crítica  Reflexivo  Foco em resultado Atitude sustentável Age de acordo com os princípios da sustentabilidade, considerando a ética, exercendo a cidadania.  Sustentabilidade  Responsabilidade social  Ética e cidadania  Diversidade  Foco em resultado Atitude colaborativa Trabalha em equipe, estabelece relações interpessoais construtivas e comunica com assertividade.  Trabalho em equipe  Relação interpessoal  Comunicação  Foco em resultado Em síntese, o profissional formado pelo Senac tem, como marca formativa, o domínio técnico- científico, a visão crítica, atitude empreendedora, sustentável e colaborativa, atuando com foco em resultados. Em síntese, o profissional formado pelo Senac tem, como marca formativa, o domínio técnico-científico, a visão crítica, atitude empreendedora, sustentável e colaborativa, atuando com foco em resultados.