SlideShare uma empresa Scribd logo
24.4,5: 4  E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane; 5  Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.
Vejamos um exemplo desses falsos cristos, como é o caso de José Luis de Jesus Miranda.
Mt. 24.6,7 GUERRAS E RUMORES DE GUERRAS NAÇÃO CONTRA NAÇÃO,E REINO CONTRA REINO.
                              LIBIA
       COMPLEXO DO ALEMÃO-RJ
                     SAD 24 /01/2011
       FOME
NÚMEROS DA MISÉRIA E DA FOME Hoje, voltam ainda as previsões da redução pela metade do número de famintos até 2020. Prevê-se que uma massa de 1 bilhão e 300 milhões ainda passará fome naquele ano, sendo que as crianças subnutridas somarão 132 milhões. Um pouco abaixo dos 166 milhões de 1997, mas ainda muitas: uma a cada quatro crianças passará fome. Os números nada animadores estão no relatório “Previsões para o ano 2020 sobre a alimentação mundial: tendência alternativas e escolhas” apresentado em Bohn, Alemanha, no mês de setembro.Cada dia, morrem por causa da fome,24 mil pessoas.10% das crianças,em países em desenvolvimento,morrem antes de completar cinco anos de idade
    pestes
Peste negra 50 milhões de mortos (Europa e Ásia) - 1333 a 1351 Cólera Centenas de milhares de mortos - 1817 a 1824 Tuberculose 1 bilhão de mortos - 1850 a 1950 Varíola 300 milhões de mortos - 1896 a 1980
Gripe espanhola 20 milhões de mortos - 1918 a 1919 Tifo 3 milhões de mortos (Europa Oriental e Rússia) - 1918 a 1922 Febre amarela 30 000 mortos (Etiópia) - 1960 a 1962 Sarampo 6 milhões de mortos por ano - Até 1963 Malária 3 milhões de mortos por ano - Desde 1980
AIDS 22 milhões de mortos – Desde 1981 H1N1 O Ministério da Saúde informou nesta quarta-feira (2) que desde 25 de abril até 29 de agosto houve no Brasil 7.569 casos graves de qualquer tipo de gripe, sendo 6.592 (87,1%) de gripe suína. Com 657 mortes, o Brasil continua campeão mundial em número absoluto de óbitos causados pelo vírus H1N1, à frente de EUA (556), Argentina (465), México (193) e Austrália (155). 03/09/09
                   TERREMOTOS Balanço devastador Os 10 tremores mais letais da humanidade mataram mais de 2 milhões 1. Shensi, China, 1556 - 830 mil mortos Na região central da China, a terra tremeu em 23 de janeiro de 1556 para produzir o pior desastre natural de que se tem notícia. O terremoto atingiu oito províncias e arrebentou 98 cidades - algumas delas perderam 60% da população. A maior parte das pessoas morreu soterrada na queda de casas mal construídas 2. Calcutá, Índia, 1737 - 300 mil mortos Relatos de época indicam que essa catástrofe de 11 de outubro de 1737 tenha sido um terremoto. Mas, como na época não existiam registros 100% confiáveis, alguns especialistas levantam a hipótese de que o estrago foi causado por um ciclone. Além dos mortos, o cataclismo deixou 20 mil barcos à deriva na costa
3. Tangshan, China, 1976 - 250 mil mortos O tremor de 27 de julho de 1976 sacudiu o nordeste da China. A cidade toda dormia quando o chão mexeu, fazendo cerca de 800 mil feridos. Até hoje, especialistas suspeitam que o número de mortos possa ser muito maior que o divulgado pelo governo. Estima-se que o total de vítimas possa ter chegado a 650 mil 4. Kansu, China, 1920 - 200 mil mortos Essa região situada no centro-norte do país não sentia um tremor havia 280 anos, mas esse de 16 de dezembro de 1920 botou para quebrar: atingiu uma área de 67 mil km2, arrasando dez cidades. A série de ondulações deformou a área rural e prejudicou uma das principais atividades econômicas da região, a agricultura 5. Kwanto, Japão, 1923 - 143 mil mortos
O megatremor de 1º de setembro de 1923 atingiu as principais cidades do Japão. Só em Tóquio e Yokohama, mais de 60 mil pessoas morreram nos incêndios causados pelo abalo. Logo depois desse terremoto, a profundidade da baía de Sagami, no sul de Tóquio, aumentou mais de 250 metros em alguns pontos 6. Messina, Itália, 1908 - 120 mil mortos Em 28 de dezembro de 1908, o sul da Itália sofreu com um grande terremoto que devastou as regiões da Sicília e da Calábria. Para complicar ainda mais as coisas, o tremor foi seguido por tsunamis de até 12 metros de altura. A seqüência de enormes paredes de água quebrou na costa do país e amplificou os estragos 7. Chihli, China, 1290 - 100 mil mortos Quase não há registros sobre esse chacoalhão de 27 de setembro de 1290 - apenas a certeza de que ele foi um dos mais mortais da história. A província de Chihli, que teve seu nome mudado para Hopei em 1928, inclui a cidade de Tangshan e é famosa pelos terremotos, que já teriam vitimado mais de 1 milhão de pessoas
8. Shemakha, Azerbaijão, 1667 - 80 mil mortos Por estar situada em cima de uma zona sujeita a abalos, essa cidade foi destruída por vários terremotos. O primeiro - e mais mortal - foi esse de novembro de 1667. Depois do susto, a tranqüilidade não durou muito: registros da época indicam que a terra voltou a tremer por lá dois anos depois 9. Lisboa, Portugal, 1755 - 70 mil mortos Em apenas 3 horas, a capital portuguesa foi atingida por três tremores distintos, que destruíram 85% da cidade. Gigantescas ondas atingiram a região, a água subiu 5 metros acima do nível normal e um incêndio consumiu casas, igrejas, palácios e bibliotecas. A tragédia aconteceu em 1º de novembro de 1755 10. Yungay, Peru, 1970 - 66 mil mortos Esse terremoto de 31 de maio de 1970 fez desabar um enorme pico de gelo na cordilheira dos Andes. Em poucos minutos, a cidade de Yungay estava debaixo de uma massa de neve e detritos que desceram a encosta a mais de 300 km/h. Para piorar a situação, as inundações subiram o prejuízo para 530 milhões de dólares
                  Indonésia-2004
haiti-2010
O terremoto de 8,8 graus de magnitude que atingiu a região central do Chile na madrugada deste sábado (27) deixou ao menos 78 mortos no país, segundo informações oficiais do governo chileno. O tremor foi sentido nos países vizinhos, inclusive no Brasil. O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil de São Paulo informaram que receberam chamados para verificar pequenos tremores em vários bairros da capital paulista.
Ódio, traição e morte Mt 24.9,10  Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome.   Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão.
Multiplicação da iniqüidade Mt 24.12  E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará
A religião social:
Culto ao corpo
Culto ao sexo
Propinas, entre outros...
aborto
pedofilia
Legalização das drogas
O amor de muitos se esfriará Mt 24.12 Marcas do esfriamento: 1-abandono da Palavra 2-falta de temor a Deus 3-falta de misericórdia com o próximo 4-falta de comunhão Etc.
Mateus 24.14 E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.
Sinais do Arrebatamento

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 6 eclesiologia
Aula 6   eclesiologiaAula 6   eclesiologia
Aula 6 eclesiologia
magnao2
 
Dons espirituais
Dons espirituaisDons espirituais
Dons espirituais
Dagmar Wendt
 
(1) A personalidade do Espírito Santo
(1) A personalidade do Espírito Santo(1) A personalidade do Espírito Santo
(1) A personalidade do Espírito Santo
Celso do Rozário Brasil Gonçalves
 
Santa Ceia do Senhor
Santa Ceia do SenhorSanta Ceia do Senhor
Santa Ceia do Senhor
Almy Alves
 
7. arrebatamento
7. arrebatamento7. arrebatamento
7. arrebatamento
Moisés Sampaio
 
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipuladoLição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
Éder Tomé
 
Seitas e heresias identificando e refutando
Seitas e heresias  identificando e refutandoSeitas e heresias  identificando e refutando
Seitas e heresias identificando e refutando
Edmilson Fernandes
 
Razões porque ser cheio do Espírito Santo
Razões porque ser cheio do Espírito SantoRazões porque ser cheio do Espírito Santo
Razões porque ser cheio do Espírito Santo
Sidinei Kauer
 
3)Escatologia principio do fim - principio das dores
3)Escatologia principio do fim - principio das dores3)Escatologia principio do fim - principio das dores
3)Escatologia principio do fim - principio das dores
Jean Jorge Silva
 
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutíferoLição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Éder Tomé
 
A verdadeira pascoa
A verdadeira pascoaA verdadeira pascoa
A verdadeira pascoa
Adriano Pascoa
 
O trigo e o joio 08/08/2017
O trigo e o joio 08/08/2017O trigo e o joio 08/08/2017
O trigo e o joio 08/08/2017
netirfreitas
 
Deus, nós e a nossa família
Deus, nós  e  a  nossa  famíliaDeus, nós  e  a  nossa  família
Deus, nós e a nossa família
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Obediência
ObediênciaObediência
Obediência
Nério Júnior
 
Mapa mental livro de gênesis
Mapa mental livro de gênesisMapa mental livro de gênesis
Mapa mental livro de gênesis
Carlos Allvarenga
 
O Tabernáculo
O TabernáculoO Tabernáculo
O Tabernáculo
Alberto Simonton
 
Carta à Igreja de Pérgamo no Apocalipse
Carta à Igreja de Pérgamo no ApocalipseCarta à Igreja de Pérgamo no Apocalipse
Carta à Igreja de Pérgamo no Apocalipse
Pr. Welfany Nolasco Rodrigues
 
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de CristoLição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Erberson Pinheiro
 
Sinais que antecedem a vinda de cristo ilustrado
Sinais que antecedem a vinda de cristo   ilustradoSinais que antecedem a vinda de cristo   ilustrado
Sinais que antecedem a vinda de cristo ilustrado
ANTONIO CORDEIRO DA SILVA - ADORADOR
 
O TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADO
O TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADOO TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADO
O TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADO
Hamilton Souza
 

Mais procurados (20)

Aula 6 eclesiologia
Aula 6   eclesiologiaAula 6   eclesiologia
Aula 6 eclesiologia
 
Dons espirituais
Dons espirituaisDons espirituais
Dons espirituais
 
(1) A personalidade do Espírito Santo
(1) A personalidade do Espírito Santo(1) A personalidade do Espírito Santo
(1) A personalidade do Espírito Santo
 
Santa Ceia do Senhor
Santa Ceia do SenhorSanta Ceia do Senhor
Santa Ceia do Senhor
 
7. arrebatamento
7. arrebatamento7. arrebatamento
7. arrebatamento
 
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipuladoLição 10 - O discípulo e o discipulado
Lição 10 - O discípulo e o discipulado
 
Seitas e heresias identificando e refutando
Seitas e heresias  identificando e refutandoSeitas e heresias  identificando e refutando
Seitas e heresias identificando e refutando
 
Razões porque ser cheio do Espírito Santo
Razões porque ser cheio do Espírito SantoRazões porque ser cheio do Espírito Santo
Razões porque ser cheio do Espírito Santo
 
3)Escatologia principio do fim - principio das dores
3)Escatologia principio do fim - principio das dores3)Escatologia principio do fim - principio das dores
3)Escatologia principio do fim - principio das dores
 
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutíferoLição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
 
A verdadeira pascoa
A verdadeira pascoaA verdadeira pascoa
A verdadeira pascoa
 
O trigo e o joio 08/08/2017
O trigo e o joio 08/08/2017O trigo e o joio 08/08/2017
O trigo e o joio 08/08/2017
 
Deus, nós e a nossa família
Deus, nós  e  a  nossa  famíliaDeus, nós  e  a  nossa  família
Deus, nós e a nossa família
 
Obediência
ObediênciaObediência
Obediência
 
Mapa mental livro de gênesis
Mapa mental livro de gênesisMapa mental livro de gênesis
Mapa mental livro de gênesis
 
O Tabernáculo
O TabernáculoO Tabernáculo
O Tabernáculo
 
Carta à Igreja de Pérgamo no Apocalipse
Carta à Igreja de Pérgamo no ApocalipseCarta à Igreja de Pérgamo no Apocalipse
Carta à Igreja de Pérgamo no Apocalipse
 
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de CristoLição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de Cristo
 
Sinais que antecedem a vinda de cristo ilustrado
Sinais que antecedem a vinda de cristo   ilustradoSinais que antecedem a vinda de cristo   ilustrado
Sinais que antecedem a vinda de cristo ilustrado
 
O TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADO
O TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADOO TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADO
O TABERNÁCULO DE MOISÉS E SEU SIGNIFICADO
 

Semelhante a Sinais do Arrebatamento

Apresentação Ciclos Astrológicos
Apresentação Ciclos AstrológicosApresentação Ciclos Astrológicos
Apresentação Ciclos Astrológicos
Paulo Viana
 
População Mundial 2008
População Mundial 2008População Mundial 2008
População Mundial 2008
Rogerio Silveira
 
Terremotos 100302075305-phpapp02
Terremotos 100302075305-phpapp02Terremotos 100302075305-phpapp02
Terremotos 100302075305-phpapp02
maayarasousa
 
Terremotos
TerremotosTerremotos
Trabalho mediação
Trabalho mediaçãoTrabalho mediação
Trabalho mediação
Bruno Ponces
 
Trabalho de geo
Trabalho de geoTrabalho de geo
Trabalho de geo
guest1010b8
 
China
ChinaChina
China
ediqueli
 
Imagens do terremoto no Chile
Imagens do terremoto no ChileImagens do terremoto no Chile
Imagens do terremoto no Chile
Elô Steffens
 
Os sinais que antecedem a volta de jesus
Os sinais que antecedem a volta de jesusOs sinais que antecedem a volta de jesus
Os sinais que antecedem a volta de jesus
dimas campos
 
Fim dos tempos
Fim dos temposFim dos tempos
Fim dos tempos
Pastor Robson Colaço
 
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Ideraldo Catini
 
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Ideraldo Catini
 
Retrospectiva
RetrospectivaRetrospectiva
Retrospectiva
Ensino Médio
 
Tsunamis
TsunamisTsunamis
Tsunamis
Ângela Rocha
 
Indícios do Fim dos Tempos
Indícios do Fim dos TemposIndícios do Fim dos Tempos
Indícios do Fim dos Tempos
lucena
 
Problemas sociais na república velha
Problemas sociais na república velhaProblemas sociais na república velha
Problemas sociais na república velha
Prof.Marcio LHP
 
ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM
ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM
ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM
Leonam dos Santos
 
Terremotos curso mineração materia geologia
Terremotos curso mineração materia geologiaTerremotos curso mineração materia geologia
Terremotos curso mineração materia geologia
Lucas Jordann Alvarenga Drumond
 
Matemática: terremoto no Japão
Matemática: terremoto no JapãoMatemática: terremoto no Japão
Matemática: terremoto no Japão
Casa-prof.:Odilthom Arrebola
 
Revolta da vacinaj
Revolta da vacinajRevolta da vacinaj
Revolta da vacinaj
Eduardo Carneiro
 

Semelhante a Sinais do Arrebatamento (20)

Apresentação Ciclos Astrológicos
Apresentação Ciclos AstrológicosApresentação Ciclos Astrológicos
Apresentação Ciclos Astrológicos
 
População Mundial 2008
População Mundial 2008População Mundial 2008
População Mundial 2008
 
Terremotos 100302075305-phpapp02
Terremotos 100302075305-phpapp02Terremotos 100302075305-phpapp02
Terremotos 100302075305-phpapp02
 
Terremotos
TerremotosTerremotos
Terremotos
 
Trabalho mediação
Trabalho mediaçãoTrabalho mediação
Trabalho mediação
 
Trabalho de geo
Trabalho de geoTrabalho de geo
Trabalho de geo
 
China
ChinaChina
China
 
Imagens do terremoto no Chile
Imagens do terremoto no ChileImagens do terremoto no Chile
Imagens do terremoto no Chile
 
Os sinais que antecedem a volta de jesus
Os sinais que antecedem a volta de jesusOs sinais que antecedem a volta de jesus
Os sinais que antecedem a volta de jesus
 
Fim dos tempos
Fim dos temposFim dos tempos
Fim dos tempos
 
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
 
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
Estamos vivendo nos ultimos dias ,,,
 
Retrospectiva
RetrospectivaRetrospectiva
Retrospectiva
 
Tsunamis
TsunamisTsunamis
Tsunamis
 
Indícios do Fim dos Tempos
Indícios do Fim dos TemposIndícios do Fim dos Tempos
Indícios do Fim dos Tempos
 
Problemas sociais na república velha
Problemas sociais na república velhaProblemas sociais na república velha
Problemas sociais na república velha
 
ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM
ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM
ESCATOLOGIA - SINAIS DO FIM
 
Terremotos curso mineração materia geologia
Terremotos curso mineração materia geologiaTerremotos curso mineração materia geologia
Terremotos curso mineração materia geologia
 
Matemática: terremoto no Japão
Matemática: terremoto no JapãoMatemática: terremoto no Japão
Matemática: terremoto no Japão
 
Revolta da vacinaj
Revolta da vacinajRevolta da vacinaj
Revolta da vacinaj
 

Mais de ESTUDANTETEOLOGIA

Historia da igreja
Historia da igrejaHistoria da igreja
Historia da igreja
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Santificação
SantificaçãoSantificação
Santificação
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Transforma me senhor
Transforma me senhorTransforma me senhor
Transforma me senhor
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Transforma me senhor
Transforma me senhorTransforma me senhor
Transforma me senhor
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Mudanças
MudançasMudanças
a perspectiva bíblica sobre a auto-estima
a perspectiva bíblica sobre a auto-estimaa perspectiva bíblica sobre a auto-estima
a perspectiva bíblica sobre a auto-estima
ESTUDANTETEOLOGIA
 
A doutrina do espírito santo.ppt 2
A doutrina do espírito santo.ppt 2A doutrina do espírito santo.ppt 2
A doutrina do espírito santo.ppt 2
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Santificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viverSantificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viver
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)
Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)
Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Efesios introdução
Efesios introduçãoEfesios introdução
Efesios introdução
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Não desista
Não desistaNão desista
Não desista
ESTUDANTETEOLOGIA
 
A FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃO
A FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃOA FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃO
A FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃO
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoro Papo sobre namoro
Papo sobre namoro
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
ESTUDANTETEOLOGIA
 
A IRA DE DEUS
A IRA DE DEUSA IRA DE DEUS
A IRA DE DEUS
ESTUDANTETEOLOGIA
 
os 3 julgamentos de Deus
os 3 julgamentos de Deusos 3 julgamentos de Deus
os 3 julgamentos de Deus
ESTUDANTETEOLOGIA
 
Páscoa
PáscoaPáscoa
Páscoa
PáscoaPáscoa

Mais de ESTUDANTETEOLOGIA (20)

Historia da igreja
Historia da igrejaHistoria da igreja
Historia da igreja
 
Santificação
SantificaçãoSantificação
Santificação
 
Transforma me senhor
Transforma me senhorTransforma me senhor
Transforma me senhor
 
Transforma me senhor
Transforma me senhorTransforma me senhor
Transforma me senhor
 
Mudanças
MudançasMudanças
Mudanças
 
a perspectiva bíblica sobre a auto-estima
a perspectiva bíblica sobre a auto-estimaa perspectiva bíblica sobre a auto-estima
a perspectiva bíblica sobre a auto-estima
 
A doutrina do espírito santo.ppt 2
A doutrina do espírito santo.ppt 2A doutrina do espírito santo.ppt 2
A doutrina do espírito santo.ppt 2
 
Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)Espírito santo (parte 1)
Espírito santo (parte 1)
 
Santificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viverSantificação : Uma nova maneira de viver
Santificação : Uma nova maneira de viver
 
Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)
Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)
Missões ( o plano de Deus no Antigo Testamento)
 
Efesios introdução
Efesios introduçãoEfesios introdução
Efesios introdução
 
Não desista
Não desistaNão desista
Não desista
 
A FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃO
A FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃOA FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃO
A FORÇA DE UMA NOVA GERAÇÃO
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoro Papo sobre namoro
Papo sobre namoro
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
 
Papo sobre namoro
Papo sobre namoroPapo sobre namoro
Papo sobre namoro
 
A IRA DE DEUS
A IRA DE DEUSA IRA DE DEUS
A IRA DE DEUS
 
os 3 julgamentos de Deus
os 3 julgamentos de Deusos 3 julgamentos de Deus
os 3 julgamentos de Deus
 
Páscoa
PáscoaPáscoa
Páscoa
 
Páscoa
PáscoaPáscoa
Páscoa
 

Último

ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
Oziete SS
 
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicosSEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdfA Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdfA Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
claudiovieira83
 
a futura religião da nova ordem mundial.
a  futura religião da nova ordem mundial.a  futura religião da nova ordem mundial.
a futura religião da nova ordem mundial.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdfJesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
REFORMADOR PROTESTANTE
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
GABRIELADIASDUTRA1
 
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo DiaFesta das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
André Luiz Marques
 
Salmo 91
Salmo 91Salmo 91
Salmo 91
Nilson Almeida
 
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdfEstudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
JaquelineSantosBasto
 

Último (14)

ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
 
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicosSEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdfA Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdfA Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
 
a futura religião da nova ordem mundial.
a  futura religião da nova ordem mundial.a  futura religião da nova ordem mundial.
a futura religião da nova ordem mundial.
 
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdfJesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
 
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo DiaFesta das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
Salmo 91
Salmo 91Salmo 91
Salmo 91
 
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdfEstudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
 

Sinais do Arrebatamento

  • 1.
  • 2. 24.4,5: 4 E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane; 5 Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.
  • 3. Vejamos um exemplo desses falsos cristos, como é o caso de José Luis de Jesus Miranda.
  • 4. Mt. 24.6,7 GUERRAS E RUMORES DE GUERRAS NAÇÃO CONTRA NAÇÃO,E REINO CONTRA REINO.
  • 5.
  • 6.
  • 7. LIBIA
  • 8. COMPLEXO DO ALEMÃO-RJ
  • 9. SAD 24 /01/2011
  • 10. FOME
  • 11. NÚMEROS DA MISÉRIA E DA FOME Hoje, voltam ainda as previsões da redução pela metade do número de famintos até 2020. Prevê-se que uma massa de 1 bilhão e 300 milhões ainda passará fome naquele ano, sendo que as crianças subnutridas somarão 132 milhões. Um pouco abaixo dos 166 milhões de 1997, mas ainda muitas: uma a cada quatro crianças passará fome. Os números nada animadores estão no relatório “Previsões para o ano 2020 sobre a alimentação mundial: tendência alternativas e escolhas” apresentado em Bohn, Alemanha, no mês de setembro.Cada dia, morrem por causa da fome,24 mil pessoas.10% das crianças,em países em desenvolvimento,morrem antes de completar cinco anos de idade
  • 12. pestes
  • 13. Peste negra 50 milhões de mortos (Europa e Ásia) - 1333 a 1351 Cólera Centenas de milhares de mortos - 1817 a 1824 Tuberculose 1 bilhão de mortos - 1850 a 1950 Varíola 300 milhões de mortos - 1896 a 1980
  • 14. Gripe espanhola 20 milhões de mortos - 1918 a 1919 Tifo 3 milhões de mortos (Europa Oriental e Rússia) - 1918 a 1922 Febre amarela 30 000 mortos (Etiópia) - 1960 a 1962 Sarampo 6 milhões de mortos por ano - Até 1963 Malária 3 milhões de mortos por ano - Desde 1980
  • 15. AIDS 22 milhões de mortos – Desde 1981 H1N1 O Ministério da Saúde informou nesta quarta-feira (2) que desde 25 de abril até 29 de agosto houve no Brasil 7.569 casos graves de qualquer tipo de gripe, sendo 6.592 (87,1%) de gripe suína. Com 657 mortes, o Brasil continua campeão mundial em número absoluto de óbitos causados pelo vírus H1N1, à frente de EUA (556), Argentina (465), México (193) e Austrália (155). 03/09/09
  • 16. TERREMOTOS Balanço devastador Os 10 tremores mais letais da humanidade mataram mais de 2 milhões 1. Shensi, China, 1556 - 830 mil mortos Na região central da China, a terra tremeu em 23 de janeiro de 1556 para produzir o pior desastre natural de que se tem notícia. O terremoto atingiu oito províncias e arrebentou 98 cidades - algumas delas perderam 60% da população. A maior parte das pessoas morreu soterrada na queda de casas mal construídas 2. Calcutá, Índia, 1737 - 300 mil mortos Relatos de época indicam que essa catástrofe de 11 de outubro de 1737 tenha sido um terremoto. Mas, como na época não existiam registros 100% confiáveis, alguns especialistas levantam a hipótese de que o estrago foi causado por um ciclone. Além dos mortos, o cataclismo deixou 20 mil barcos à deriva na costa
  • 17. 3. Tangshan, China, 1976 - 250 mil mortos O tremor de 27 de julho de 1976 sacudiu o nordeste da China. A cidade toda dormia quando o chão mexeu, fazendo cerca de 800 mil feridos. Até hoje, especialistas suspeitam que o número de mortos possa ser muito maior que o divulgado pelo governo. Estima-se que o total de vítimas possa ter chegado a 650 mil 4. Kansu, China, 1920 - 200 mil mortos Essa região situada no centro-norte do país não sentia um tremor havia 280 anos, mas esse de 16 de dezembro de 1920 botou para quebrar: atingiu uma área de 67 mil km2, arrasando dez cidades. A série de ondulações deformou a área rural e prejudicou uma das principais atividades econômicas da região, a agricultura 5. Kwanto, Japão, 1923 - 143 mil mortos
  • 18. O megatremor de 1º de setembro de 1923 atingiu as principais cidades do Japão. Só em Tóquio e Yokohama, mais de 60 mil pessoas morreram nos incêndios causados pelo abalo. Logo depois desse terremoto, a profundidade da baía de Sagami, no sul de Tóquio, aumentou mais de 250 metros em alguns pontos 6. Messina, Itália, 1908 - 120 mil mortos Em 28 de dezembro de 1908, o sul da Itália sofreu com um grande terremoto que devastou as regiões da Sicília e da Calábria. Para complicar ainda mais as coisas, o tremor foi seguido por tsunamis de até 12 metros de altura. A seqüência de enormes paredes de água quebrou na costa do país e amplificou os estragos 7. Chihli, China, 1290 - 100 mil mortos Quase não há registros sobre esse chacoalhão de 27 de setembro de 1290 - apenas a certeza de que ele foi um dos mais mortais da história. A província de Chihli, que teve seu nome mudado para Hopei em 1928, inclui a cidade de Tangshan e é famosa pelos terremotos, que já teriam vitimado mais de 1 milhão de pessoas
  • 19. 8. Shemakha, Azerbaijão, 1667 - 80 mil mortos Por estar situada em cima de uma zona sujeita a abalos, essa cidade foi destruída por vários terremotos. O primeiro - e mais mortal - foi esse de novembro de 1667. Depois do susto, a tranqüilidade não durou muito: registros da época indicam que a terra voltou a tremer por lá dois anos depois 9. Lisboa, Portugal, 1755 - 70 mil mortos Em apenas 3 horas, a capital portuguesa foi atingida por três tremores distintos, que destruíram 85% da cidade. Gigantescas ondas atingiram a região, a água subiu 5 metros acima do nível normal e um incêndio consumiu casas, igrejas, palácios e bibliotecas. A tragédia aconteceu em 1º de novembro de 1755 10. Yungay, Peru, 1970 - 66 mil mortos Esse terremoto de 31 de maio de 1970 fez desabar um enorme pico de gelo na cordilheira dos Andes. Em poucos minutos, a cidade de Yungay estava debaixo de uma massa de neve e detritos que desceram a encosta a mais de 300 km/h. Para piorar a situação, as inundações subiram o prejuízo para 530 milhões de dólares
  • 20. Indonésia-2004
  • 22. O terremoto de 8,8 graus de magnitude que atingiu a região central do Chile na madrugada deste sábado (27) deixou ao menos 78 mortos no país, segundo informações oficiais do governo chileno. O tremor foi sentido nos países vizinhos, inclusive no Brasil. O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil de São Paulo informaram que receberam chamados para verificar pequenos tremores em vários bairros da capital paulista.
  • 23. Ódio, traição e morte Mt 24.9,10 Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27. Multiplicação da iniqüidade Mt 24.12 E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará
  • 35.
  • 36. O amor de muitos se esfriará Mt 24.12 Marcas do esfriamento: 1-abandono da Palavra 2-falta de temor a Deus 3-falta de misericórdia com o próximo 4-falta de comunhão Etc.
  • 37. Mateus 24.14 E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.