SlideShare uma empresa Scribd logo
R3 Pietro B. de Azevedo
Semiologia do
Glaucoma
Semiologia do
Glaucoma
Introdução
• Glaucoma
–Neuropatia óptica
• Lentamente progressiva
– Perda de campo visual centrípeta
• Irreversível
• Maioria assintomática
Necessário diagnóstico
precoce e controle adequado
Anatomia & Fisiologia
Classificação e FR
• GPAA
– Raça negra
• GPFA
– Asiáticos, sexo feminino, hipermetropia axial
• Glaucomas secundários
– Neovascular
– Pseudoexfoliativo
– Pigmentário
– Outros...
PIO elevada, HF e idade
Suspeita
PIO CV
Escavação
Pressão IntraOcular
• Aferição
– Tipos
• Não-contato
• Indentação
• Aplanação
– Goldmann / Perkins (~520µm)
– Paquimetria
PIO
• Fator de risco mais importante
• Único modificável
• Normal
• Pressão que NÃO leva a dano glaucomatoso
Pressão Intra-Ocular
Afetam a PIO
Aumentam
• Idade
• Drogas
Corticoide, anti-colinérgicos
(atropina, tropicamida, AD
tricíclicos), LSD, quetamina
• Obesidade
• Valsalva
• Tabaco (temporário)
• Negros / HF +
Reduzem
• Anestesia geral
• Heroína / Maconha
• Álcool (temporário)
• Exercício físico prolongado
• Gravidez
*flutuação diurna: 5mmHg
Fontes de Erro
Fonte de erro Miras Estimação da PIO
Fluoresceína/lágrima
Excesso
Pouca
Anéis largos
Anéis finos
↑
↓
Astigmatismo corneano (>3D) Elipse ↓ (com a regra)
↑ (contra a regra)
Grande curvatura corneana ↓
Espessura corneana
Fisiológico
Edema (epitelial/estromal)
↑
↓
Desvio do olhar ↑
Paquimetria
• 3mm centrais
• Óptico vs. Ultrassônico
• ECC maior
• Negros
• HO
Espessura Corneana Central
Paquimetria
• ECC <555µm
• FR GPAA em pctes com pio elevada (OHTS)
• Goldmann
• 520-530µm
• Não há fórmula universal
• 2,5-3,5mmHg / 50µm
Relevância Clínica
Qual tem maior pressão?
Avaliação do Ângulo
• Biomicroscopia
– Van Herick
• Gonioscopia
Profundidade da CA Grau do ângulo
≥ Córnea 4
¼ a ½ 3
¼ 2
<¼ 1
Fenda
Perigosamente
estreito
Gonioscopia
• Avaliação do ângulo camerular
– 2 tipos de lentes
• Identação (Susmann/Posner)  4 espelhos
• Não-identação (Goldmann)  3 espelhos
– 4 perguntas
• Existe contato entre íris e trabeculado filtrante
(pigmentar)?
– Se não, há evidência de contato prévio?
– Se sim, contato reversível ou permanente?
» Se permanente, qual extensão?
Gonioscopia
LS
TP
EE
CC
Fundoscopia
• Realizada em biomicroscópio
– Lentes de 78D ou 90D
• Papilografia
– Ver anexo...
Campo Visual
• Estão cansados? Muita coisa?
– ou a sede de conhecimento é inesgotável?
Obrigado

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Degeneração Macular Relacionada à Idade
Degeneração Macular Relacionada à IdadeDegeneração Macular Relacionada à Idade
Degeneração Macular Relacionada à Idade
hihdidushd
 
Retina e Retinose Pigmentar
Retina e Retinose PigmentarRetina e Retinose Pigmentar
Retina e Retinose Pigmentar
Bruno Catão
 
Glaucoma
GlaucomaGlaucoma
Semiologia 10 dermatologia - semiologia dermatológica pdf
Semiologia 10   dermatologia - semiologia dermatológica pdfSemiologia 10   dermatologia - semiologia dermatológica pdf
Semiologia 10 dermatologia - semiologia dermatológica pdf
Jucie Vasconcelos
 
Humor aquoso e Corpo Ciliar
Humor aquoso e Corpo CiliarHumor aquoso e Corpo Ciliar
Humor aquoso e Corpo Ciliar
Pietro de Azevedo
 
SíNdrome De Vogt Koyanagi Harada
SíNdrome De Vogt Koyanagi HaradaSíNdrome De Vogt Koyanagi Harada
SíNdrome De Vogt Koyanagi Harada
omarcobarros
 
Distrofias Corneanas
Distrofias Corneanas  Distrofias Corneanas
Distrofias Corneanas
LuanaBraga39
 
Glaucoma facogênico
Glaucoma facogênicoGlaucoma facogênico
Glaucoma facogênico
Pietro de Azevedo
 
Cristalino Úvea - Catarata e Uveíte
Cristalino  Úvea  - Catarata e UveíteCristalino  Úvea  - Catarata e Uveíte
Cristalino Úvea - Catarata e Uveíte
Michel Bittencourt
 
Emergências oculares.pdf
Emergências oculares.pdfEmergências oculares.pdf
Emergências oculares.pdf
tuttitutti1
 
RM CRÂNIO
RM CRÂNIORM CRÂNIO
Slides sobre Catarata Ocular
Slides sobre Catarata OcularSlides sobre Catarata Ocular
Slides sobre Catarata Ocular
Banco_de_Saude
 
Facies & Marcha
Facies & MarchaFacies & Marcha
Facies & Marcha
pauloalambert
 
Glaucoma - MS
Glaucoma - MSGlaucoma - MS
Glaucoma - MS
Arquivo-FClinico
 
Introdução à dermatologia
Introdução à dermatologiaIntrodução à dermatologia
Introdução à dermatologia
Karen Von Kossel
 
Aula 8 edema
Aula 8   edemaAula 8   edema
Aula 8 edema
Juliana Braga
 
Trabalho sobre a Hipermetropia
Trabalho sobre a HipermetropiaTrabalho sobre a Hipermetropia
Trabalho sobre a Hipermetropia
Mariya Shevchuk
 
Urgencias Oftalmologicas em Pronto-Socorro
Urgencias Oftalmologicas em Pronto-SocorroUrgencias Oftalmologicas em Pronto-Socorro
Urgencias Oftalmologicas em Pronto-Socorro
Fernando Morandini Pradella
 
TCE
TCETCE
Epilepsia e crise convulsiva
Epilepsia e crise convulsivaEpilepsia e crise convulsiva
Epilepsia e crise convulsiva
Lucy França
 

Mais procurados (20)

Degeneração Macular Relacionada à Idade
Degeneração Macular Relacionada à IdadeDegeneração Macular Relacionada à Idade
Degeneração Macular Relacionada à Idade
 
Retina e Retinose Pigmentar
Retina e Retinose PigmentarRetina e Retinose Pigmentar
Retina e Retinose Pigmentar
 
Glaucoma
GlaucomaGlaucoma
Glaucoma
 
Semiologia 10 dermatologia - semiologia dermatológica pdf
Semiologia 10   dermatologia - semiologia dermatológica pdfSemiologia 10   dermatologia - semiologia dermatológica pdf
Semiologia 10 dermatologia - semiologia dermatológica pdf
 
Humor aquoso e Corpo Ciliar
Humor aquoso e Corpo CiliarHumor aquoso e Corpo Ciliar
Humor aquoso e Corpo Ciliar
 
SíNdrome De Vogt Koyanagi Harada
SíNdrome De Vogt Koyanagi HaradaSíNdrome De Vogt Koyanagi Harada
SíNdrome De Vogt Koyanagi Harada
 
Distrofias Corneanas
Distrofias Corneanas  Distrofias Corneanas
Distrofias Corneanas
 
Glaucoma facogênico
Glaucoma facogênicoGlaucoma facogênico
Glaucoma facogênico
 
Cristalino Úvea - Catarata e Uveíte
Cristalino  Úvea  - Catarata e UveíteCristalino  Úvea  - Catarata e Uveíte
Cristalino Úvea - Catarata e Uveíte
 
Emergências oculares.pdf
Emergências oculares.pdfEmergências oculares.pdf
Emergências oculares.pdf
 
RM CRÂNIO
RM CRÂNIORM CRÂNIO
RM CRÂNIO
 
Slides sobre Catarata Ocular
Slides sobre Catarata OcularSlides sobre Catarata Ocular
Slides sobre Catarata Ocular
 
Facies & Marcha
Facies & MarchaFacies & Marcha
Facies & Marcha
 
Glaucoma - MS
Glaucoma - MSGlaucoma - MS
Glaucoma - MS
 
Introdução à dermatologia
Introdução à dermatologiaIntrodução à dermatologia
Introdução à dermatologia
 
Aula 8 edema
Aula 8   edemaAula 8   edema
Aula 8 edema
 
Trabalho sobre a Hipermetropia
Trabalho sobre a HipermetropiaTrabalho sobre a Hipermetropia
Trabalho sobre a Hipermetropia
 
Urgencias Oftalmologicas em Pronto-Socorro
Urgencias Oftalmologicas em Pronto-SocorroUrgencias Oftalmologicas em Pronto-Socorro
Urgencias Oftalmologicas em Pronto-Socorro
 
TCE
TCETCE
TCE
 
Epilepsia e crise convulsiva
Epilepsia e crise convulsivaEpilepsia e crise convulsiva
Epilepsia e crise convulsiva
 

Destaque

Anatomia da íris
Anatomia da íris  Anatomia da íris
Anatomia da íris
Pietro de Azevedo
 
Papilografia - avaliação do nervo óptico
Papilografia - avaliação do nervo ópticoPapilografia - avaliação do nervo óptico
Papilografia - avaliação do nervo óptico
Pietro de Azevedo
 
Glaucoma
GlaucomaGlaucoma
3. gonioscopia
3. gonioscopia3. gonioscopia
3. gonioscopia
Marvin Barahona
 
Tonometria e paquimetria
Tonometria e paquimetriaTonometria e paquimetria
Tonometria e paquimetria
Pietro de Azevedo
 
Uveitis Facogenica
Uveitis FacogenicaUveitis Facogenica
Uveitis Facogenica
oftalmoservicio
 
Ceratite bacteriana
Ceratite bacterianaCeratite bacteriana
Ceratite bacteriana
Pietro de Azevedo
 
Urgencia em lentes de contato
Urgencia em lentes de contatoUrgencia em lentes de contato
Urgencia em lentes de contato
Alexis Galeno Matos
 
Hipertireoidismo e Dobras de Coroide
Hipertireoidismo e Dobras de CoroideHipertireoidismo e Dobras de Coroide
Hipertireoidismo e Dobras de Coroide
Pietro de Azevedo
 
Ulcera da córnea.
Ulcera da córnea.Ulcera da córnea.
Ulcera da córnea.
ISCTEM
 
Curso Contactología Práctica 2011
Curso Contactología Práctica 2011Curso Contactología Práctica 2011
Curso Contactología Práctica 2011
IPEC CURSOS
 
Gonioscopia
GonioscopiaGonioscopia
Gonioscopia
Aldo Iván DarkStar
 
Curso de Oftalmologia Pediátrica
Curso de Oftalmologia PediátricaCurso de Oftalmologia Pediátrica
Curso de Oftalmologia Pediátrica
lcmolinari
 
glaucoma y ángulo camerular
  glaucoma y ángulo camerular  glaucoma y ángulo camerular
glaucoma y ángulo camerular
pricosta
 
Nervos motores oculares
Nervos motores ocularesNervos motores oculares
Nervos motores oculares
neuroligaunivasf
 
Semiologia ojo
Semiologia ojoSemiologia ojo
Semiologia ojo
maicol davalos
 
Alteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatosAlteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatos
Marcus César Petindá Fonseca
 
Campimetria
CampimetriaCampimetria
Campimetria
Pietro de Azevedo
 
Anatomia do bulbo ocular
Anatomia do bulbo ocularAnatomia do bulbo ocular
Anatomia do bulbo ocular
Davyson Sampaio
 
Contactologia - Lentes de Contacto
Contactologia - Lentes de ContactoContactologia - Lentes de Contacto
Contactologia - Lentes de Contacto
Bruno Pinto
 

Destaque (20)

Anatomia da íris
Anatomia da íris  Anatomia da íris
Anatomia da íris
 
Papilografia - avaliação do nervo óptico
Papilografia - avaliação do nervo ópticoPapilografia - avaliação do nervo óptico
Papilografia - avaliação do nervo óptico
 
Glaucoma
GlaucomaGlaucoma
Glaucoma
 
3. gonioscopia
3. gonioscopia3. gonioscopia
3. gonioscopia
 
Tonometria e paquimetria
Tonometria e paquimetriaTonometria e paquimetria
Tonometria e paquimetria
 
Uveitis Facogenica
Uveitis FacogenicaUveitis Facogenica
Uveitis Facogenica
 
Ceratite bacteriana
Ceratite bacterianaCeratite bacteriana
Ceratite bacteriana
 
Urgencia em lentes de contato
Urgencia em lentes de contatoUrgencia em lentes de contato
Urgencia em lentes de contato
 
Hipertireoidismo e Dobras de Coroide
Hipertireoidismo e Dobras de CoroideHipertireoidismo e Dobras de Coroide
Hipertireoidismo e Dobras de Coroide
 
Ulcera da córnea.
Ulcera da córnea.Ulcera da córnea.
Ulcera da córnea.
 
Curso Contactología Práctica 2011
Curso Contactología Práctica 2011Curso Contactología Práctica 2011
Curso Contactología Práctica 2011
 
Gonioscopia
GonioscopiaGonioscopia
Gonioscopia
 
Curso de Oftalmologia Pediátrica
Curso de Oftalmologia PediátricaCurso de Oftalmologia Pediátrica
Curso de Oftalmologia Pediátrica
 
glaucoma y ángulo camerular
  glaucoma y ángulo camerular  glaucoma y ángulo camerular
glaucoma y ángulo camerular
 
Nervos motores oculares
Nervos motores ocularesNervos motores oculares
Nervos motores oculares
 
Semiologia ojo
Semiologia ojoSemiologia ojo
Semiologia ojo
 
Alteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatosAlteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatos
 
Campimetria
CampimetriaCampimetria
Campimetria
 
Anatomia do bulbo ocular
Anatomia do bulbo ocularAnatomia do bulbo ocular
Anatomia do bulbo ocular
 
Contactologia - Lentes de Contacto
Contactologia - Lentes de ContactoContactologia - Lentes de Contacto
Contactologia - Lentes de Contacto
 

Mais de Pietro de Azevedo

Laser em glaucoma
Laser em glaucoma Laser em glaucoma
Laser em glaucoma
Pietro de Azevedo
 
Síndrome ICE (irido corneo escleral)
Síndrome ICE (irido corneo escleral)Síndrome ICE (irido corneo escleral)
Síndrome ICE (irido corneo escleral)
Pietro de Azevedo
 
Fármacos antiglaucomatosos
Fármacos antiglaucomatosos Fármacos antiglaucomatosos
Fármacos antiglaucomatosos
Pietro de Azevedo
 
Estrabismo nas miopatias e Doença de graves
Estrabismo nas miopatias e Doença de gravesEstrabismo nas miopatias e Doença de graves
Estrabismo nas miopatias e Doença de graves
Pietro de Azevedo
 
Óptica
ÓpticaÓptica
Óptica clínica
Óptica clínicaÓptica clínica
Óptica clínica
Pietro de Azevedo
 
Presbiopia
PresbiopiaPresbiopia
Presbiopia
Pietro de Azevedo
 
Astigmatismo
AstigmatismoAstigmatismo
Astigmatismo
Pietro de Azevedo
 
Alergias oculares
Alergias ocularesAlergias oculares
Alergias oculares
Pietro de Azevedo
 
Esotropias
EsotropiasEsotropias
Esotropias
Pietro de Azevedo
 
Síndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literatura
Síndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literaturaSíndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literatura
Síndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literatura
Pietro de Azevedo
 
Hanseníase - acometimento ocular
Hanseníase - acometimento ocularHanseníase - acometimento ocular
Hanseníase - acometimento ocular
Pietro de Azevedo
 
Noções gerais av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncs
Noções gerais   av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncsNoções gerais   av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncs
Noções gerais av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncs
Pietro de Azevedo
 
Tonometria
TonometriaTonometria
Tonometria
Pietro de Azevedo
 
Revisão OFTALMO
Revisão OFTALMORevisão OFTALMO
Revisão OFTALMO
Pietro de Azevedo
 
Síndrome da rubéola congênita
Síndrome da rubéola congênitaSíndrome da rubéola congênita
Síndrome da rubéola congênita
Pietro de Azevedo
 
Gestação múltipla
Gestação múltiplaGestação múltipla
Gestação múltipla
Pietro de Azevedo
 

Mais de Pietro de Azevedo (17)

Laser em glaucoma
Laser em glaucoma Laser em glaucoma
Laser em glaucoma
 
Síndrome ICE (irido corneo escleral)
Síndrome ICE (irido corneo escleral)Síndrome ICE (irido corneo escleral)
Síndrome ICE (irido corneo escleral)
 
Fármacos antiglaucomatosos
Fármacos antiglaucomatosos Fármacos antiglaucomatosos
Fármacos antiglaucomatosos
 
Estrabismo nas miopatias e Doença de graves
Estrabismo nas miopatias e Doença de gravesEstrabismo nas miopatias e Doença de graves
Estrabismo nas miopatias e Doença de graves
 
Óptica
ÓpticaÓptica
Óptica
 
Óptica clínica
Óptica clínicaÓptica clínica
Óptica clínica
 
Presbiopia
PresbiopiaPresbiopia
Presbiopia
 
Astigmatismo
AstigmatismoAstigmatismo
Astigmatismo
 
Alergias oculares
Alergias ocularesAlergias oculares
Alergias oculares
 
Esotropias
EsotropiasEsotropias
Esotropias
 
Síndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literatura
Síndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literaturaSíndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literatura
Síndrome Sturge-Weber - caso e revisão da literatura
 
Hanseníase - acometimento ocular
Hanseníase - acometimento ocularHanseníase - acometimento ocular
Hanseníase - acometimento ocular
 
Noções gerais av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncs
Noções gerais   av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncsNoções gerais   av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncs
Noções gerais av, refração, ambliopia, estrabismo e lesão ncs
 
Tonometria
TonometriaTonometria
Tonometria
 
Revisão OFTALMO
Revisão OFTALMORevisão OFTALMO
Revisão OFTALMO
 
Síndrome da rubéola congênita
Síndrome da rubéola congênitaSíndrome da rubéola congênita
Síndrome da rubéola congênita
 
Gestação múltipla
Gestação múltiplaGestação múltipla
Gestação múltipla
 

Último

A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
Luiz Henrique Pimentel Novais Silva
 
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
AmaroAlmeidaChimbala
 
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptxSíndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
marjoguedes1
 
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de suturaTipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
DelcioVumbuca
 
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdfVacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
rickriordan
 
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do TrabalhoApostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
CatieleAlmeida1
 
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
sula31
 
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 

Último (8)

A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
 
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
 
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptxSíndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
 
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de suturaTipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
 
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdfVacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
 
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do TrabalhoApostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
 
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
 
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
 

Semiologia do glaucoma

  • 1. R3 Pietro B. de Azevedo Semiologia do Glaucoma
  • 3. Introdução • Glaucoma –Neuropatia óptica • Lentamente progressiva – Perda de campo visual centrípeta • Irreversível • Maioria assintomática Necessário diagnóstico precoce e controle adequado
  • 5. Classificação e FR • GPAA – Raça negra • GPFA – Asiáticos, sexo feminino, hipermetropia axial • Glaucomas secundários – Neovascular – Pseudoexfoliativo – Pigmentário – Outros... PIO elevada, HF e idade
  • 7. Pressão IntraOcular • Aferição – Tipos • Não-contato • Indentação • Aplanação – Goldmann / Perkins (~520µm) – Paquimetria
  • 8. PIO • Fator de risco mais importante • Único modificável • Normal • Pressão que NÃO leva a dano glaucomatoso Pressão Intra-Ocular
  • 9. Afetam a PIO Aumentam • Idade • Drogas Corticoide, anti-colinérgicos (atropina, tropicamida, AD tricíclicos), LSD, quetamina • Obesidade • Valsalva • Tabaco (temporário) • Negros / HF + Reduzem • Anestesia geral • Heroína / Maconha • Álcool (temporário) • Exercício físico prolongado • Gravidez *flutuação diurna: 5mmHg
  • 10. Fontes de Erro Fonte de erro Miras Estimação da PIO Fluoresceína/lágrima Excesso Pouca Anéis largos Anéis finos ↑ ↓ Astigmatismo corneano (>3D) Elipse ↓ (com a regra) ↑ (contra a regra) Grande curvatura corneana ↓ Espessura corneana Fisiológico Edema (epitelial/estromal) ↑ ↓ Desvio do olhar ↑
  • 11. Paquimetria • 3mm centrais • Óptico vs. Ultrassônico • ECC maior • Negros • HO Espessura Corneana Central
  • 12. Paquimetria • ECC <555µm • FR GPAA em pctes com pio elevada (OHTS) • Goldmann • 520-530µm • Não há fórmula universal • 2,5-3,5mmHg / 50µm Relevância Clínica
  • 13. Qual tem maior pressão?
  • 14. Avaliação do Ângulo • Biomicroscopia – Van Herick • Gonioscopia Profundidade da CA Grau do ângulo ≥ Córnea 4 ¼ a ½ 3 ¼ 2 <¼ 1 Fenda Perigosamente estreito
  • 15. Gonioscopia • Avaliação do ângulo camerular – 2 tipos de lentes • Identação (Susmann/Posner)  4 espelhos • Não-identação (Goldmann)  3 espelhos – 4 perguntas • Existe contato entre íris e trabeculado filtrante (pigmentar)? – Se não, há evidência de contato prévio? – Se sim, contato reversível ou permanente? » Se permanente, qual extensão?
  • 17. Fundoscopia • Realizada em biomicroscópio – Lentes de 78D ou 90D • Papilografia – Ver anexo...
  • 18. Campo Visual • Estão cansados? Muita coisa? – ou a sede de conhecimento é inesgotável?