SlideShare uma empresa Scribd logo
Seja a diferença - texto para reuniões
pedagógicas.
Paulo trabalhava em uma empresa há dois anos. Sempre foi um funcionário sério,
dedicado e cumpridor de suas obrigações. Nunca chegava atrasado. Por isso mesmo
já estava há dois anos na empresa, sem ter recebido uma única reclamação. Certo
dia, ele foi até o diretor para fazer uma reclamação:
- Sr. Gustavo, tenho trabalhado durante estes dois anos em sua empresa com toda a
dedicação, só que me sinto um tanto injustiçado. Fiquei sabendo que o Fernando,
que tem o mesmo cargo que eu e está na empresa há somente seis meses já será
promovido?!?...
Gustavo, fingindo não ouvi-lo disse:
- Foi bom você vir aqui. Tenho um problema para resolver e você poderá me ajudar.
Estou querendo oferecer frutas como sobremesa ao nosso pessoal após o almoço de
hoje. Aqui na esquina tem uma barraca de frutas. Por favor, vá até lá e verifique se
eles têm abacaxi.
Paulo, sem entender direito, saiu da sala e foi cumprir a missão. Em cinco minutos
estava de volta.
E aí Paulo? - Perguntou Gustavo.
- Verifiquei como o senhor pediu e eles tem abacaxi sim...
- Quanto custa?
- Ah, Isso eu não perguntei...
- Eles têm abacaxi suficiente para atender a todo nosso pessoal?
- Quis saber Gustavo.
- Também não perguntei isso...
- Há alguma fruta que possa substituir o abacaxi?
-Não sei...
- Muito bem Paulo. Sente-se ali naquela cadeira e aguarde um pouco.
O diretor pegou o telefone e mandou chamar o novato Fernando. Deu a ele a
mesma orientação que dera ao Paulo.
Em dez minutos, Fernando voltou.
- E então???
- Indagou Gustavo.
- Eles têm abacaxi sim, seu Gustavo. E é o suficiente para todo nosso pessoal e, se o
senhor preferir, têm também laranja, banana, melão e mamão. O abacaxi custa R$
1,50 cada; a banana e o mamão custam R$ 1,00 o quilo; o melão custa R$ 1,20 cada
e a laranja custa R$ 20,00 o cento, já descascada. Mas como eu disse que a compra
seria em grande quantidade, eles nos concederão um desconto de 15%. Deixei
reservado. Conforme o senhor decidir,volto lá e confirmo o pedido.
- Explicou Fernando.
Agradecendo pelas informações, o patrão dispensou-o. Voltou-se para Paulo, que
permanecia sentado e perguntou-lhe:
- Paulo, o que foi que você estava me dizendo?
- Nada, patrão. Esqueça. Com licença...
E Paulo deixou a sala...
"Se não nos esforçarmos em fazer o melhor, mesmo em tarefas que possam parecer
simples, jamais nos serão confiadas tarefas de maior importância."
"Todas as vezes que fazemos o uso correto e amplo da informação, críamos a
oportunidade de imprimir a nossa marca pessoal."
"Você pode e deve se destacar, até nas coisas mais simples, como Fernando".
VIVA A DIFERENÇA!!! SEJA A DIFERENÇA!!!
(Autor Desconhecido)
Mensagem para Reunião
A dificuldade de agradar a todos
....................................................
Muitas pessoas se comportam da forma que imaginam que agradará a todos.
Esta metáfora nos fala da impossibilidade de realizar este objetivo e sobre a
necessidade de confiarmos em nosso julgamento interno.
♥♥♥
Em pleno calor do dia um pai andava pelas poeirentas ruas de Keshan junto com seu
filho e um jumento. O pai estava sentado no animal, enquanto o filho o conduzia,
puxando a montaria com uma corda.
- "Pobre criança!", exclamou um passante, "suas perninhas curtas precisam esforçar-se
para não ficar para trás do jumento. Como pode aquele homem ficar ali sentado tão
calmamente sobre a montaria, ao ver que o menino está virando um farrapo de tanto
correr?
O pai tomou a sério esta observação, desmontou do jumento na esquina seguinte e
colocou o rapaz sobre a sela. Porém não passou muito tempo até que outro passante
erguesse a voz para dizer:
- Que desgraça! O pequeno fedelho lá vai sentado como um sultão, enquanto seu velho
pai corre ao lado.
Esse comentário muito magoou o rapaz, e ele pediu ao pai que montasse também no
burro, às suas costas.
- Já se viu coisa como essa?, resmungou uma mulher usando véu. Tamanha crueldade
para com os animais! O lombo do pobre jumento está vergado, e aquele velho que para
nada serve e seu filho abancaram-se como seu o animal fosse um divã. Pobre criatura!
Os dois alvos dessa amarga crítica entreolharam-se e, sem dizer palavra,
desmontaram. Entretanto mal tinham andado alguns passos quando outro estranho
fez troça deles ao dizer:
- Graças a Deus que eu não sou tão bobo assim! Por que vocês dois conduzem esse
jumento se ele não lhes presta serviço algum, se ele nem mesmo serve de montaria
para um de vocês?
O pai colocou um punhado de palha na boca do jumento e pôs a mão sobre o ombro do
filho.
- "Independente do que fazemos, disse, sempre há alguém que discorda de nossa ação.
Acho que nós mesmos precisamos determinar o que é correto".
O CEGO E A PAREDE- texto para reuniões
Dois homens, ambos gravemente doentes, estavam no mesmo quarto de
hospital. Um deles podia sentar-se na sua cama durante uma hora, todas as
tardes, para que os fluidos circulassem nos pulmões. Sua cama estava junto
da única janela do quarto. O outro homem tinha de ficar sempre deitado de
costas.
Os homens conversavam horas a fio. Falavam das suas mulheres e famílias,
das suas casas, dos seus empregos, onde tinham passado as férias... E todas
as tardes, quando o homem da cama perto da janela se sentava, passava a
descrever ao seu companheiro todas as coisas que conseguia ver do lado de
fora.
O homem da cama do lado vivia à espera desses períodos de uma hora, pois o
seu mundo era alargado e animado por toda a atividade e cores do mundo de
fora da janela, a qual dava para um parque com um lindo lago. Patos e cisnes
chapinhavam na água enquanto as crianças brincavam com os seus
barquinhos. Jovens namorados caminhavam de braços dados por entre as
flores de todas as cores do arco-íris. Árvores velhas e enormes acariciavam a
paisagem e uma tênue vista da silhueta da cidade podia ser vista no
horizonte. Enquanto o homem da cama perto da janela descrevia isto tudo
com extraordinários pormenores, o homem no outro lado do quarto fechava
os olhos e imaginava a pitoresca cena.
Um dia, o homem perto da janela descreveu um desfile que por ali passava.
Embora o outro homem não conseguisse ouvir a banda, conseguia vê-la e
ouvi-la na sua mente, enquanto o outro a retratava através de palavras
bastante descritivas.
Dias e semanas se passaram. Uma manhã, a enfermeira chegou ao quarto
trazendo água para o banho dos dois e encontrou sem vida o corpo do homem
perto da janela, que falecera calmamente enquanto dormia. Ela ficou muito
triste e chamou os funcionários do hospital para levarem o corpo.
Logo que lhe pareceu apropriado, o outro homem perguntou se podia ser
colocado na cama perto da janela. A enfermeira disse que sim, e fez a troca.
Depois de se certificar de que o homem estava bem instalado, a enfermeira
deixou o quarto. Lentamente, e cheio de dores, o pobre homem então ergueu-
se, apoiado nos cotovelos, e olhou para o lado de fora da janela... que dava,
afinal, para uma enorme parede de tijolo!
Então o homem perguntou à enfermeira:
- O que teria levado o meu falecido companheiro a descrever-me coisas tão
maravilhosas do lado de fora, se tudo o que ele via eram tijolos?
A enfermeira respondeu:
- Meu bom homem, nem sequer tijolos ele via. Ele era cego. Talvez estivesse
apenas querendo infundir-lhe coragem...
Primeira Lição:
Em tempos bem antigos, um rei colocou uma pedra enorme no meio de uma
estrada. Então, ele se escondeu e ficou observando para ver se alguém tiraria a
imensa rocha do caminho.
Alguns mercadores e homens muito ricos do reino passaram por ali e simplesmente
deram a volta pela pedra.Alguns até esbravejaram contra o rei dizendo que ele não
mantinha as estradas limpas, mas, nenhum deles tentou sequer mover a pedra dali.
De repente, passa um camponês com uma boa carga de vegetais. Ao se aproximar
da imensa rocha, ele pôs de lado a sua carga e tentou remover a rocha dali.
Após muita força e suor, ele finalmente conseguiu mover a pedra para o lado da
estrada. Ele, então, voltou a pegar a sua carga de vegetais mas notou que havia uma
bolsa no local onde estava a pedra.
A bolsa continha muitas moedas de ouro e uma nota escrita pelo rei que dizia que o
ouro era para a pessoa que tivesse removido a pedra do caminho.
O camponês aprendeu o que muitos de nós nunca entendeu:
"Todo obstáculo contém uma oportunidade para melhorarmos nossa condição".

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Contos - 7G - Uma Aventura na Ilha
Contos - 7G - Uma Aventura na IlhaContos - 7G - Uma Aventura na Ilha
Contos - 7G - Uma Aventura na Ilha
bedjoaoii
 
Vestido Azul
Vestido AzulVestido Azul
Vestido Azul
Marcelo Eduardo
 
O dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escolaO dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escola
Mafalda Souto
 
Oficina de leitura atividades
Oficina de leitura   atividadesOficina de leitura   atividades
Oficina de leitura atividades
Junior Pereira
 
Mensagem aos pais
Mensagem aos paisMensagem aos pais
Mensagem aos pais
Stella Santana
 
Gênero textual: Fabulas e contos
Gênero textual: Fabulas e contos Gênero textual: Fabulas e contos
Gênero textual: Fabulas e contos
Mary Alvarenga
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
jose ebner
 
Sequência didática piada
Sequência didática piadaSequência didática piada
Sequência didática piada
Professora Cida
 
Modelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especialModelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especial
straraposa
 
O papagaio especial
O papagaio especialO papagaio especial
O papagaio especial
Maria Angelica Campos Furtado
 
O projeto “As maravilhas do Poema de Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.
O projeto “As maravilhas do Poema de  Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.O projeto “As maravilhas do Poema de  Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.
O projeto “As maravilhas do Poema de Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.
Necy
 
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
Seduc MT
 
Projeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a LeituraProjeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a Leitura
Cirlei Santos
 
Projeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia Pessoa
Projeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia PessoaProjeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia Pessoa
Projeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia Pessoa
Andreia Pessôa de Oliveira
 
Coletânea de Poemas
Coletânea de PoemasColetânea de Poemas
Coletânea de Poemas
MariGiopato
 
Projeto índios
Projeto índiosProjeto índios
Projeto índios
Maria Bárbara Floriano
 
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Cirlei Santos
 
Projeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro LobatoProjeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro Lobato
Cirlei Santos
 
Avaliação inicial na educação infantil
Avaliação inicial na educação infantilAvaliação inicial na educação infantil
Avaliação inicial na educação infantil
Meire Moura
 
O Caderno de Toquinho - Análise e entendimento da música
O Caderno  de Toquinho - Análise e entendimento da músicaO Caderno  de Toquinho - Análise e entendimento da música
O Caderno de Toquinho - Análise e entendimento da música
Mary Alvarenga
 

Mais procurados (20)

Contos - 7G - Uma Aventura na Ilha
Contos - 7G - Uma Aventura na IlhaContos - 7G - Uma Aventura na Ilha
Contos - 7G - Uma Aventura na Ilha
 
Vestido Azul
Vestido AzulVestido Azul
Vestido Azul
 
O dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escolaO dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escola
 
Oficina de leitura atividades
Oficina de leitura   atividadesOficina de leitura   atividades
Oficina de leitura atividades
 
Mensagem aos pais
Mensagem aos paisMensagem aos pais
Mensagem aos pais
 
Gênero textual: Fabulas e contos
Gênero textual: Fabulas e contos Gênero textual: Fabulas e contos
Gênero textual: Fabulas e contos
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
 
Sequência didática piada
Sequência didática piadaSequência didática piada
Sequência didática piada
 
Modelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especialModelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especial
 
O papagaio especial
O papagaio especialO papagaio especial
O papagaio especial
 
O projeto “As maravilhas do Poema de Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.
O projeto “As maravilhas do Poema de  Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.O projeto “As maravilhas do Poema de  Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.
O projeto “As maravilhas do Poema de Literatura de Cordel”, 2º EJA, Ens. Médio.
 
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...PROJETO:  “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
PROJETO: “Escola educada, escola bem cuidada. Conscientização e conservação ...
 
Projeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a LeituraProjeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a Leitura
 
Projeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia Pessoa
Projeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia PessoaProjeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia Pessoa
Projeto generosidade em sala de aula 2014_Autora: Andreia Pessoa
 
Coletânea de Poemas
Coletânea de PoemasColetânea de Poemas
Coletânea de Poemas
 
Projeto índios
Projeto índiosProjeto índios
Projeto índios
 
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
 
Projeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro LobatoProjeto Monteiro Lobato
Projeto Monteiro Lobato
 
Avaliação inicial na educação infantil
Avaliação inicial na educação infantilAvaliação inicial na educação infantil
Avaliação inicial na educação infantil
 
O Caderno de Toquinho - Análise e entendimento da música
O Caderno  de Toquinho - Análise e entendimento da músicaO Caderno  de Toquinho - Análise e entendimento da música
O Caderno de Toquinho - Análise e entendimento da música
 

Semelhante a Seja a diferença mensagem

Moral da historia
Moral da historiaMoral da historia
Moral da historia
Mensagens Virtuais
 
Moral da história
Moral da históriaMoral da história
Moral da história
guest816f68
 
Moraldahistoria
MoraldahistoriaMoraldahistoria
Moraldahistoria
Cris Araújo
 
Moral Da .
Moral Da .Moral Da .
Moral Da .
Marilia Brasil
 
Moral Da HistóRia1
Moral Da HistóRia1Moral Da HistóRia1
Moral Da HistóRia1
JNR
 
Moral Da HistÓRia
Moral Da HistÓRiaMoral Da HistÓRia
Moral Da HistÓRia
cab3032
 
Moral Da HistóRia
Moral Da HistóRiaMoral Da HistóRia
O homem da nuvem escura
O homem da nuvem escuraO homem da nuvem escura
O homem da nuvem escura
AELPB
 
Pedro das Malasartes - EB1 de Arnelas
Pedro das Malasartes - EB1 de ArnelasPedro das Malasartes - EB1 de Arnelas
Pedro das Malasartes - EB1 de Arnelas
Virgínia Ferreira
 
Boa sorte
Boa sorteBoa sorte
Boa Sorte
Boa SorteBoa Sorte
Pedro das malasartes picoto ppt
Pedro das malasartes   picoto pptPedro das malasartes   picoto ppt
Pedro das malasartes picoto ppt
Virgínia Ferreira
 
Cinco Coisas
Cinco CoisasCinco Coisas
Cinco Coisas
Armin Caldas
 
Cinco coisas
Cinco coisasCinco coisas
Cinco coisas
jmpcard
 
Cinco coisas
Cinco coisasCinco coisas
Moraldahi[1]
Moraldahi[1]Moraldahi[1]
Moraldahi[1]
cstzny2
 
Pedro das Malasartes - EB1 de Seixo Alvo
Pedro das Malasartes - EB1 de Seixo AlvoPedro das Malasartes - EB1 de Seixo Alvo
Pedro das Malasartes - EB1 de Seixo Alvo
Virgínia Ferreira
 
A janela do hospital
A janela do hospital A janela do hospital
A janela do hospital
Irene Aguiar
 
Contos pechosos
Contos pechososContos pechosos
Contos pechosos
CondadoLiterata
 
Mensagens para Refletir
Mensagens para RefletirMensagens para Refletir
Mensagens para Refletir
veronikdigital
 

Semelhante a Seja a diferença mensagem (20)

Moral da historia
Moral da historiaMoral da historia
Moral da historia
 
Moral da história
Moral da históriaMoral da história
Moral da história
 
Moraldahistoria
MoraldahistoriaMoraldahistoria
Moraldahistoria
 
Moral Da .
Moral Da .Moral Da .
Moral Da .
 
Moral Da HistóRia1
Moral Da HistóRia1Moral Da HistóRia1
Moral Da HistóRia1
 
Moral Da HistÓRia
Moral Da HistÓRiaMoral Da HistÓRia
Moral Da HistÓRia
 
Moral Da HistóRia
Moral Da HistóRiaMoral Da HistóRia
Moral Da HistóRia
 
O homem da nuvem escura
O homem da nuvem escuraO homem da nuvem escura
O homem da nuvem escura
 
Pedro das Malasartes - EB1 de Arnelas
Pedro das Malasartes - EB1 de ArnelasPedro das Malasartes - EB1 de Arnelas
Pedro das Malasartes - EB1 de Arnelas
 
Boa sorte
Boa sorteBoa sorte
Boa sorte
 
Boa Sorte
Boa SorteBoa Sorte
Boa Sorte
 
Pedro das malasartes picoto ppt
Pedro das malasartes   picoto pptPedro das malasartes   picoto ppt
Pedro das malasartes picoto ppt
 
Cinco Coisas
Cinco CoisasCinco Coisas
Cinco Coisas
 
Cinco coisas
Cinco coisasCinco coisas
Cinco coisas
 
Cinco coisas
Cinco coisasCinco coisas
Cinco coisas
 
Moraldahi[1]
Moraldahi[1]Moraldahi[1]
Moraldahi[1]
 
Pedro das Malasartes - EB1 de Seixo Alvo
Pedro das Malasartes - EB1 de Seixo AlvoPedro das Malasartes - EB1 de Seixo Alvo
Pedro das Malasartes - EB1 de Seixo Alvo
 
A janela do hospital
A janela do hospital A janela do hospital
A janela do hospital
 
Contos pechosos
Contos pechososContos pechosos
Contos pechosos
 
Mensagens para Refletir
Mensagens para RefletirMensagens para Refletir
Mensagens para Refletir
 

Mais de josihy

BOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIAL
BOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIALBOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIAL
BOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIAL
josihy
 
Slides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONAL
Slides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONALSlides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONAL
Slides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONAL
josihy
 
APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas Diretores Escolares...
APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas  Diretores Escolares...APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas  Diretores Escolares...
APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas Diretores Escolares...
josihy
 
Encontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptx
Encontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptxEncontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptx
Encontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptx
josihy
 
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERESEncontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
josihy
 
Mensagem equipe
Mensagem equipeMensagem equipe
Mensagem equipe
josihy
 
Evidências ppp
Evidências    pppEvidências    ppp
Evidências ppp
josihy
 
Contrato pedagógico
Contrato pedagógicoContrato pedagógico
Contrato pedagógico
josihy
 
Ata livro
Ata livroAta livro
Ata livro
josihy
 
Projeto enp. eescj
Projeto enp. eescjProjeto enp. eescj
Projeto enp. eescj
josihy
 
Cronogrma peenz
Cronogrma peenzCronogrma peenz
Cronogrma peenz
josihy
 
Informativo aulas
Informativo aulasInformativo aulas
Informativo aulas
josihy
 
Reunião de pais 21 09-21
Reunião de pais 21 09-21Reunião de pais 21 09-21
Reunião de pais 21 09-21
josihy
 
Regimento escolar 2017.
Regimento escolar 2017.Regimento escolar 2017.
Regimento escolar 2017.
josihy
 
Texto base
Texto baseTexto base
Texto base
josihy
 
Comunicado 02 19-02-18
Comunicado  02   19-02-18Comunicado  02   19-02-18
Comunicado 02 19-02-18
josihy
 
Plano intervenção
Plano intervençãoPlano intervenção
Plano intervenção
josihy
 
Comunicado mais educação
Comunicado mais educaçãoComunicado mais educação
Comunicado mais educação
josihy
 
Obfep2010 nivel a
Obfep2010 nivel aObfep2010 nivel a
Obfep2010 nivel a
josihy
 

Mais de josihy (19)

BOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIAL
BOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIALBOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIAL
BOAS VINDAS.ppt - FORMAÇÃO PAUTA PRESENCIAL
 
Slides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONAL
Slides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONALSlides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONAL
Slides.ppt FORMAÇÃO TÉCNICA PROFISSIONAL
 
APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas Diretores Escolares...
APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas  Diretores Escolares...APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas  Diretores Escolares...
APRESENTAÇÃO Implementação da Proposta Pedagógica Palmas Diretores Escolares...
 
Encontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptx
Encontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptxEncontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptx
Encontro de Lideres - IDEB MAIS - 28_07_2023.pptx
 
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERESEncontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
 
Mensagem equipe
Mensagem equipeMensagem equipe
Mensagem equipe
 
Evidências ppp
Evidências    pppEvidências    ppp
Evidências ppp
 
Contrato pedagógico
Contrato pedagógicoContrato pedagógico
Contrato pedagógico
 
Ata livro
Ata livroAta livro
Ata livro
 
Projeto enp. eescj
Projeto enp. eescjProjeto enp. eescj
Projeto enp. eescj
 
Cronogrma peenz
Cronogrma peenzCronogrma peenz
Cronogrma peenz
 
Informativo aulas
Informativo aulasInformativo aulas
Informativo aulas
 
Reunião de pais 21 09-21
Reunião de pais 21 09-21Reunião de pais 21 09-21
Reunião de pais 21 09-21
 
Regimento escolar 2017.
Regimento escolar 2017.Regimento escolar 2017.
Regimento escolar 2017.
 
Texto base
Texto baseTexto base
Texto base
 
Comunicado 02 19-02-18
Comunicado  02   19-02-18Comunicado  02   19-02-18
Comunicado 02 19-02-18
 
Plano intervenção
Plano intervençãoPlano intervenção
Plano intervenção
 
Comunicado mais educação
Comunicado mais educaçãoComunicado mais educação
Comunicado mais educação
 
Obfep2010 nivel a
Obfep2010 nivel aObfep2010 nivel a
Obfep2010 nivel a
 

Último

Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptxA Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
tamirissousa11
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
mailabueno45
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptxA Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
A Priula sobre a primeira Guerra Mundial.pptx
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 

Seja a diferença mensagem

  • 1. Seja a diferença - texto para reuniões pedagógicas. Paulo trabalhava em uma empresa há dois anos. Sempre foi um funcionário sério, dedicado e cumpridor de suas obrigações. Nunca chegava atrasado. Por isso mesmo já estava há dois anos na empresa, sem ter recebido uma única reclamação. Certo dia, ele foi até o diretor para fazer uma reclamação: - Sr. Gustavo, tenho trabalhado durante estes dois anos em sua empresa com toda a dedicação, só que me sinto um tanto injustiçado. Fiquei sabendo que o Fernando, que tem o mesmo cargo que eu e está na empresa há somente seis meses já será promovido?!?... Gustavo, fingindo não ouvi-lo disse: - Foi bom você vir aqui. Tenho um problema para resolver e você poderá me ajudar. Estou querendo oferecer frutas como sobremesa ao nosso pessoal após o almoço de hoje. Aqui na esquina tem uma barraca de frutas. Por favor, vá até lá e verifique se eles têm abacaxi. Paulo, sem entender direito, saiu da sala e foi cumprir a missão. Em cinco minutos estava de volta. E aí Paulo? - Perguntou Gustavo. - Verifiquei como o senhor pediu e eles tem abacaxi sim... - Quanto custa? - Ah, Isso eu não perguntei... - Eles têm abacaxi suficiente para atender a todo nosso pessoal? - Quis saber Gustavo. - Também não perguntei isso... - Há alguma fruta que possa substituir o abacaxi? -Não sei... - Muito bem Paulo. Sente-se ali naquela cadeira e aguarde um pouco. O diretor pegou o telefone e mandou chamar o novato Fernando. Deu a ele a mesma orientação que dera ao Paulo. Em dez minutos, Fernando voltou. - E então??? - Indagou Gustavo. - Eles têm abacaxi sim, seu Gustavo. E é o suficiente para todo nosso pessoal e, se o senhor preferir, têm também laranja, banana, melão e mamão. O abacaxi custa R$ 1,50 cada; a banana e o mamão custam R$ 1,00 o quilo; o melão custa R$ 1,20 cada e a laranja custa R$ 20,00 o cento, já descascada. Mas como eu disse que a compra seria em grande quantidade, eles nos concederão um desconto de 15%. Deixei reservado. Conforme o senhor decidir,volto lá e confirmo o pedido. - Explicou Fernando. Agradecendo pelas informações, o patrão dispensou-o. Voltou-se para Paulo, que permanecia sentado e perguntou-lhe: - Paulo, o que foi que você estava me dizendo? - Nada, patrão. Esqueça. Com licença... E Paulo deixou a sala... "Se não nos esforçarmos em fazer o melhor, mesmo em tarefas que possam parecer simples, jamais nos serão confiadas tarefas de maior importância." "Todas as vezes que fazemos o uso correto e amplo da informação, críamos a oportunidade de imprimir a nossa marca pessoal."
  • 2. "Você pode e deve se destacar, até nas coisas mais simples, como Fernando". VIVA A DIFERENÇA!!! SEJA A DIFERENÇA!!! (Autor Desconhecido) Mensagem para Reunião A dificuldade de agradar a todos .................................................... Muitas pessoas se comportam da forma que imaginam que agradará a todos. Esta metáfora nos fala da impossibilidade de realizar este objetivo e sobre a necessidade de confiarmos em nosso julgamento interno. ♥♥♥ Em pleno calor do dia um pai andava pelas poeirentas ruas de Keshan junto com seu filho e um jumento. O pai estava sentado no animal, enquanto o filho o conduzia, puxando a montaria com uma corda. - "Pobre criança!", exclamou um passante, "suas perninhas curtas precisam esforçar-se para não ficar para trás do jumento. Como pode aquele homem ficar ali sentado tão calmamente sobre a montaria, ao ver que o menino está virando um farrapo de tanto correr? O pai tomou a sério esta observação, desmontou do jumento na esquina seguinte e colocou o rapaz sobre a sela. Porém não passou muito tempo até que outro passante erguesse a voz para dizer: - Que desgraça! O pequeno fedelho lá vai sentado como um sultão, enquanto seu velho pai corre ao lado. Esse comentário muito magoou o rapaz, e ele pediu ao pai que montasse também no burro, às suas costas. - Já se viu coisa como essa?, resmungou uma mulher usando véu. Tamanha crueldade para com os animais! O lombo do pobre jumento está vergado, e aquele velho que para nada serve e seu filho abancaram-se como seu o animal fosse um divã. Pobre criatura! Os dois alvos dessa amarga crítica entreolharam-se e, sem dizer palavra, desmontaram. Entretanto mal tinham andado alguns passos quando outro estranho fez troça deles ao dizer: - Graças a Deus que eu não sou tão bobo assim! Por que vocês dois conduzem esse jumento se ele não lhes presta serviço algum, se ele nem mesmo serve de montaria para um de vocês? O pai colocou um punhado de palha na boca do jumento e pôs a mão sobre o ombro do filho. - "Independente do que fazemos, disse, sempre há alguém que discorda de nossa ação. Acho que nós mesmos precisamos determinar o que é correto".
  • 3. O CEGO E A PAREDE- texto para reuniões Dois homens, ambos gravemente doentes, estavam no mesmo quarto de hospital. Um deles podia sentar-se na sua cama durante uma hora, todas as tardes, para que os fluidos circulassem nos pulmões. Sua cama estava junto da única janela do quarto. O outro homem tinha de ficar sempre deitado de costas. Os homens conversavam horas a fio. Falavam das suas mulheres e famílias, das suas casas, dos seus empregos, onde tinham passado as férias... E todas as tardes, quando o homem da cama perto da janela se sentava, passava a descrever ao seu companheiro todas as coisas que conseguia ver do lado de fora. O homem da cama do lado vivia à espera desses períodos de uma hora, pois o seu mundo era alargado e animado por toda a atividade e cores do mundo de fora da janela, a qual dava para um parque com um lindo lago. Patos e cisnes chapinhavam na água enquanto as crianças brincavam com os seus barquinhos. Jovens namorados caminhavam de braços dados por entre as flores de todas as cores do arco-íris. Árvores velhas e enormes acariciavam a paisagem e uma tênue vista da silhueta da cidade podia ser vista no horizonte. Enquanto o homem da cama perto da janela descrevia isto tudo com extraordinários pormenores, o homem no outro lado do quarto fechava os olhos e imaginava a pitoresca cena. Um dia, o homem perto da janela descreveu um desfile que por ali passava. Embora o outro homem não conseguisse ouvir a banda, conseguia vê-la e ouvi-la na sua mente, enquanto o outro a retratava através de palavras bastante descritivas. Dias e semanas se passaram. Uma manhã, a enfermeira chegou ao quarto trazendo água para o banho dos dois e encontrou sem vida o corpo do homem perto da janela, que falecera calmamente enquanto dormia. Ela ficou muito triste e chamou os funcionários do hospital para levarem o corpo. Logo que lhe pareceu apropriado, o outro homem perguntou se podia ser colocado na cama perto da janela. A enfermeira disse que sim, e fez a troca. Depois de se certificar de que o homem estava bem instalado, a enfermeira deixou o quarto. Lentamente, e cheio de dores, o pobre homem então ergueu- se, apoiado nos cotovelos, e olhou para o lado de fora da janela... que dava, afinal, para uma enorme parede de tijolo! Então o homem perguntou à enfermeira: - O que teria levado o meu falecido companheiro a descrever-me coisas tão maravilhosas do lado de fora, se tudo o que ele via eram tijolos? A enfermeira respondeu: - Meu bom homem, nem sequer tijolos ele via. Ele era cego. Talvez estivesse apenas querendo infundir-lhe coragem... Primeira Lição: Em tempos bem antigos, um rei colocou uma pedra enorme no meio de uma estrada. Então, ele se escondeu e ficou observando para ver se alguém tiraria a imensa rocha do caminho. Alguns mercadores e homens muito ricos do reino passaram por ali e simplesmente deram a volta pela pedra.Alguns até esbravejaram contra o rei dizendo que ele não
  • 4. mantinha as estradas limpas, mas, nenhum deles tentou sequer mover a pedra dali. De repente, passa um camponês com uma boa carga de vegetais. Ao se aproximar da imensa rocha, ele pôs de lado a sua carga e tentou remover a rocha dali. Após muita força e suor, ele finalmente conseguiu mover a pedra para o lado da estrada. Ele, então, voltou a pegar a sua carga de vegetais mas notou que havia uma bolsa no local onde estava a pedra. A bolsa continha muitas moedas de ouro e uma nota escrita pelo rei que dizia que o ouro era para a pessoa que tivesse removido a pedra do caminho. O camponês aprendeu o que muitos de nós nunca entendeu: "Todo obstáculo contém uma oportunidade para melhorarmos nossa condição".