SlideShare uma empresa Scribd logo
APRESENTAÇÕES *  E.S.L.F.B. Maio de 2010 *  Fábrica da Pólvora, de 21 de Maio  a 11 de Junho de 2010
 
Um novo decreto de um Governo Progressista  restaurou o concelho de Oeiras.  Norte : Loures e Sintra Sul : Foz do Tejo Ocidente : Cascais Oriente : Lisboa Perde a Amadora  (novo município)  O concelho de Oeiras  foi suprimido por decreto de  João Franco  (Governo Regenerador) e a s suas freguesias ficaram distribuídas pelos concelhos de Cascais e de Sintra .   1898 1979 1895
 
Fonte Reuniões da Câmara Municipal de Oeiras, Livro de Actas,  Nº28, ff.2, 8 e 9 Citado  por Eleições, Eleitores e Elites Políticas de Oeiras  (1908 – 1926) Um contributo para o seu estudo , Tese de mestrado, Ana Paula Teixeira Torres   A 1ª Câmara Executiva da C.M.O. muda o nome das ruas Freguesias Monarquia República   Barcarena Largo  de  S. Pedro  Rua  de  S. Sebastião  Travessa  de  S. António Travessa  de  S. Sebastião Rua  do  Cemitério Travessa  do  Rio Largo  5  de  Outubro Rua  Heliodoro  Salgado  Travessa  do  1º  de  Maio  Travessa  31  de  Janeiro  Rua  Elias  Garcia Rua  dos  Revoltosos Oeiras Parque  D. Manuel Avenida  D. Carlos Rua  D. Amélia  Parque da República Avenida  Miguel Bombarda Rua Cândido dos Reis
Rua  dos  Revoltosos Travessa  31  de  Janeiro  Parque da República Largo  5  de  Outubro
Algés Barcarena Carnaxide Rua Dr. António Granjo Rua  Guerra Junqueiro Rua Aquilino Ribeiro Rua Teófilo Braga Rua Manuel Teixeira Gomes Rua Nuno Simões
Cruz Quebrada-Dafundo Linda-a-Velha Oeiras e S. Julião da Barra Rua Henrique  Lopes de Mendonça Rua Alfredo Keil Avenida da República Rua João Chagas Rua  General  Norton  de Matos Rua António José de  Almeida Rua António Passaporte Rua António Sérgio Rua Azeredo Perdigão Rua Brito Camacho Rua Cândido dos Reis Rua Sidónio Pais Rua Tomé de B. Queirós
Paço de Arcos Porto Salvo Queijas Avenida Voluntários da República Rua Afonso Costa Rua Fialho de Almeida Praça da República Rua António Sardinha Rua Júlio Dantas Rua Veiga Beirão Rua Bernardino Machado Rua José Relvas
 
[object Object]
 
[object Object]
 
[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object]
 
José de Mascarenhas Relvas  nasceu a 5 de Março de 1858, na Golegã, e morreu a 31 de Outubro de 1929, em Alpiarça. Foi um politico bastante importante na época da Primeira República Portuguesa. Desempenhou elevados cargos, entre eles, deputado constituinte e senador, ministro, embaixador em Madrid e  chefe de Governo. José  Relvas  proclamou a República  na varanda da Câmara de Lisboa 11h  5 Outubro de 1910
 
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
[object Object]
 
Manuel de Brito Camacho nasceu a 12 de Fevereiro de 1862, em Aljustrel, e faleceu a  19 de Setembro de 1934, em Lisboa. Foi um médico militar, escritor, publicista e político. Exerceu as funções de Ministro do Fomento (1910-1911) e de Alto-comissário da República em Moçambique (1921 a 1923). Fundou e liderou o  Partido Unionista . Em consequência da Revolução de 28 de Maio de 1926, foi obrigado a abandonar a actividade política, retirando-se para a vida privada.
 
António José de Almeida nasceu, em Vale da Vinha, Penacova, a 27 de Julho de 1866 e faleceu, em Lisboa, a 31 de Outubro de 1929.  Foi um político republicano português. Foi um republicano histórico do P.R.P.. Em 1912, fundou e liderou o  Partido Evolucionista . Ocupou o cargo de Presidente da República Portuguesa (sexto), de 1919 a 1923.
 
[object Object]
 
[object Object],[object Object]
 
[object Object],[object Object]
[object Object],No enterro de António Granjo, Cunha Leal proclamou essa verdade:  «O sangue correu pela inconsciência da turba - a fera que todos nós, e eu, açulámos, que anda solta, matando porque é preciso matar. Todos nós temos a culpa! É esta maldita política que nos envergonha e me salpica de lama».
 
[object Object]
 
[object Object]
 
[object Object]
 
Abílio Manuel Guerra Junqueiro nasceu a 17 de Setembro de 1850, em Lisboa, e faleceu a 7 de Julho de 1923. Foi o poeta mais popular da sua época e o mais típico representante da chamada "Escola Nova". A sua poesia ajudou a criar o ambiente revolucionário que conduziu à implantação da República.
 
José Valentim Fialho de Almeida nasceu, em Vila de Frades, a  7 de Maio de 1857  e faleceu, em Cuba,  a 4 de Março de 1911. Foi  médico e escritor. Dedicou-se, sobretudo, à literatura e jornalismo chegando a escrever inúmeros artigos importantes relacionados com a I República.
 
Aquilino Gomes Ribeiro nasceu a 13 de Setembro de 1885, em Tabosa do Carregal,  e faleceu a  27 de Maio de 1963, em Lisboa. Foi um escritor português da I República Portuguesa. A sua obra teve grande êxito junto do público e da crítica.
 
Júlio Dantas nasceu, em Lagos, a 19 de Maio de 1876 e faleceu, em Lisboa, a 25 de Maio de 1962. Foi deputado, Ministro da Instrução Pública e Ministro dos Negócios Estrangeiros durante a I República. Terminou a sua carreira pública como embaixador de Portugal no Brasil (1941- 1949).
 
[object Object]
 
Sidónio Pais nasceu, em Caminha, a 1 de Maio de 1872 e morreu assassinado em Lisboa, no Rossio, a 14 de Dezembro de 1918. Foi militar e político e, entre outras funções, exerceu os cargos de deputado, de Ministro do Fomento, de Ministro das Finanças, de embaixador de Portugal em Berlim e de Presidente da República Portuguesa.
 
José Maria Mendes Ribeiro Norton de Matos  nasceu em Ponte de Lima, a 23 de Março de 1867 e faleceu a 3 de Janeiro de 1955. Norton de Matos foi um general e político português. Durante a I República,  foi Governador-Geral de Angola e ocupou o cargo de Ministro das Colónias. Foi eleito Grão-Mestre da Maçonaria em 1929.
 
[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Torres, Ana Paula Teixeira  Eleições, Eleitores e Elites Políticas de Oeiras  (1908 – 1926). Um contributo para o seu  estudo , Tese de mestrado
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Iconografia Da RepúBlica Catarina Freire
Iconografia Da RepúBlica   Catarina FreireIconografia Da RepúBlica   Catarina Freire
Iconografia Da RepúBlica Catarina Freire
Escola Luis de Freitas Branco
 
Roteiros republicanos do concelho de oeiras ii
Roteiros republicanos do concelho de oeiras iiRoteiros republicanos do concelho de oeiras ii
Roteiros republicanos do concelho de oeiras ii
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Membros da Revolução do 5 de Outubro
Membros da Revolução do 5 de OutubroMembros da Revolução do 5 de Outubro
Membros da Revolução do 5 de Outubro
anapaulaoliveira
 
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Iconografia Da RepúBlica   HugoIconografia Da RepúBlica   Hugo
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Escola Luis Freitas Branco
 
Iconografia Da RepúBlica Beatriz
Iconografia Da RepúBlica   BeatrizIconografia Da RepúBlica   Beatriz
Iconografia Da RepúBlica Beatriz
Escola Luis de Freitas Branco
 
Biografia Personalidades RepúBlica
Biografia Personalidades RepúBlicaBiografia Personalidades RepúBlica
Biografia Personalidades RepúBlica
ricardocostacruz
 
Poetas e Escritores Republicanos
Poetas e Escritores RepublicanosPoetas e Escritores Republicanos
Poetas e Escritores Republicanos
Michele Pó
 
A implantação da república- 5 de Outubro
A implantação da república- 5 de OutubroA implantação da república- 5 de Outubro
A implantação da república- 5 de Outubro
André Santos
 
Biografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 A
Biografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 ABiografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 A
Biografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 A
ricardocostacruz
 
teste de avaliação 6º ano a matriz
teste de avaliação 6º ano a matrizteste de avaliação 6º ano a matriz
teste de avaliação 6º ano a matriz
Ana Sêco
 
Biografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 B
Biografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 BBiografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 B
Biografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 B
ricardocostacruz
 
Tiago - Bernadino Machado
Tiago - Bernadino MachadoTiago - Bernadino Machado
Tiago - Bernadino Machado
Diabinho Mata
 
Pesquisa profª débora c. páises imigrantes
Pesquisa profª débora c. páises imigrantesPesquisa profª débora c. páises imigrantes
Pesquisa profª débora c. páises imigrantes
Solange Ferreira
 
Teste hgp 4 república
Teste hgp 4 repúblicaTeste hgp 4 república
Teste hgp 4 república
Ana Pereira
 
A revolução repúblicana
A revolução repúblicanaA revolução repúblicana
A revolução repúblicana
Joao Soares
 
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
Vítor Santos
 
Manuel da silva passos comemorações 2013
Manuel da silva passos   comemorações 2013Manuel da silva passos   comemorações 2013
Manuel da silva passos comemorações 2013
CREM
 
HistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª RepublicaHistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª Republica
crie_historia9
 
Poetas E Escritores Republicanos (2)
Poetas E Escritores Republicanos (2)Poetas E Escritores Republicanos (2)
Poetas E Escritores Republicanos (2)
Michele Pó
 

Mais procurados (19)

Iconografia Da RepúBlica Catarina Freire
Iconografia Da RepúBlica   Catarina FreireIconografia Da RepúBlica   Catarina Freire
Iconografia Da RepúBlica Catarina Freire
 
Roteiros republicanos do concelho de oeiras ii
Roteiros republicanos do concelho de oeiras iiRoteiros republicanos do concelho de oeiras ii
Roteiros republicanos do concelho de oeiras ii
 
Membros da Revolução do 5 de Outubro
Membros da Revolução do 5 de OutubroMembros da Revolução do 5 de Outubro
Membros da Revolução do 5 de Outubro
 
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Iconografia Da RepúBlica   HugoIconografia Da RepúBlica   Hugo
Iconografia Da RepúBlica Hugo
 
Iconografia Da RepúBlica Beatriz
Iconografia Da RepúBlica   BeatrizIconografia Da RepúBlica   Beatriz
Iconografia Da RepúBlica Beatriz
 
Biografia Personalidades RepúBlica
Biografia Personalidades RepúBlicaBiografia Personalidades RepúBlica
Biografia Personalidades RepúBlica
 
Poetas e Escritores Republicanos
Poetas e Escritores RepublicanosPoetas e Escritores Republicanos
Poetas e Escritores Republicanos
 
A implantação da república- 5 de Outubro
A implantação da república- 5 de OutubroA implantação da república- 5 de Outubro
A implantação da república- 5 de Outubro
 
Biografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 A
Biografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 ABiografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 A
Biografia Personalidades RepúBlica NéLia Machado 6 A
 
teste de avaliação 6º ano a matriz
teste de avaliação 6º ano a matrizteste de avaliação 6º ano a matriz
teste de avaliação 6º ano a matriz
 
Biografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 B
Biografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 BBiografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 B
Biografia Manuel T Gomes Ana Rita Pedro 6 B
 
Tiago - Bernadino Machado
Tiago - Bernadino MachadoTiago - Bernadino Machado
Tiago - Bernadino Machado
 
Pesquisa profª débora c. páises imigrantes
Pesquisa profª débora c. páises imigrantesPesquisa profª débora c. páises imigrantes
Pesquisa profª débora c. páises imigrantes
 
Teste hgp 4 república
Teste hgp 4 repúblicaTeste hgp 4 república
Teste hgp 4 república
 
A revolução repúblicana
A revolução repúblicanaA revolução repúblicana
A revolução repúblicana
 
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
9 ano 9_3_portugal da primeira república à ditadura militar
 
Manuel da silva passos comemorações 2013
Manuel da silva passos   comemorações 2013Manuel da silva passos   comemorações 2013
Manuel da silva passos comemorações 2013
 
HistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª RepublicaHistóRia 1ª Republica
HistóRia 1ª Republica
 
Poetas E Escritores Republicanos (2)
Poetas E Escritores Republicanos (2)Poetas E Escritores Republicanos (2)
Poetas E Escritores Republicanos (2)
 

Semelhante a Roteiros republicanos do concelho de oeiras i

Iconografia Da RepúBlica Hugo
Iconografia Da RepúBlica   HugoIconografia Da RepúBlica   Hugo
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Iconografia Da RepúBlica   HugoIconografia Da RepúBlica   Hugo
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Roteiros Alexandre
Roteiros   AlexandreRoteiros   Alexandre
Roteiros TâNia
Roteiros   TâNiaRoteiros   TâNia
A Primeira República
A Primeira República   A Primeira República
A Primeira República
anapaulaoliveira
 
Presidentes da república
Presidentes da repúblicaPresidentes da república
Presidentes da república
eb23ja
 
Presidentes da república
Presidentes da repúblicaPresidentes da república
Presidentes da república
eb23ja
 
A República está na rua
A República está na ruaA República está na rua
A República está na rua
bibliomag
 
Cópia (2) de centenario da republicao versao para dvd imp
Cópia (2) de centenario da republicao versao para dvd impCópia (2) de centenario da republicao versao para dvd imp
Cópia (2) de centenario da republicao versao para dvd imp
bibliomag
 
Trabalhos Alunos Grupo A
Trabalhos Alunos Grupo ATrabalhos Alunos Grupo A
Trabalhos Alunos Grupo A
mariasrt4
 
Biografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De AlmeidaBiografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De Almeida
ricardocostacruz
 
Biografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De AlmeidaBiografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De Almeida
ricardocostacruz
 
João e marina
João e marinaJoão e marina
João e marina
P0D
 
Trabalho antónio josé de alme
Trabalho antónio josé de almeTrabalho antónio josé de alme
Trabalho antónio josé de alme
20014
 
Os cem anos da república
Os cem anos da repúblicaOs cem anos da república
Os cem anos da república
caltzeitao
 
5 de Outubro de 1910
5 de Outubro de 19105 de Outubro de 1910
5 de Outubro de 1910
Jorge Almeida
 
Amarante e a república
Amarante e a repúblicaAmarante e a república
C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]
C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]
C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]
António Luís Catarino
 
António de oliveira salazar
António de oliveira salazarAntónio de oliveira salazar
António de oliveira salazar
andreaires
 
Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar
Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar
Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar
Beatriz Alexandra
 

Semelhante a Roteiros republicanos do concelho de oeiras i (20)

Iconografia Da RepúBlica Hugo
Iconografia Da RepúBlica   HugoIconografia Da RepúBlica   Hugo
Iconografia Da RepúBlica Hugo
 
Iconografia Da RepúBlica Hugo
Iconografia Da RepúBlica   HugoIconografia Da RepúBlica   Hugo
Iconografia Da RepúBlica Hugo
 
Roteiros Alexandre
Roteiros   AlexandreRoteiros   Alexandre
Roteiros Alexandre
 
Roteiros TâNia
Roteiros   TâNiaRoteiros   TâNia
Roteiros TâNia
 
A Primeira República
A Primeira República   A Primeira República
A Primeira República
 
Presidentes da república
Presidentes da repúblicaPresidentes da república
Presidentes da república
 
Presidentes da república
Presidentes da repúblicaPresidentes da república
Presidentes da república
 
A República está na rua
A República está na ruaA República está na rua
A República está na rua
 
Cópia (2) de centenario da republicao versao para dvd imp
Cópia (2) de centenario da republicao versao para dvd impCópia (2) de centenario da republicao versao para dvd imp
Cópia (2) de centenario da republicao versao para dvd imp
 
Trabalhos Alunos Grupo A
Trabalhos Alunos Grupo ATrabalhos Alunos Grupo A
Trabalhos Alunos Grupo A
 
Biografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De AlmeidaBiografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De Almeida
 
Biografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De AlmeidaBiografia AntóNio José De Almeida
Biografia AntóNio José De Almeida
 
João e marina
João e marinaJoão e marina
João e marina
 
Trabalho antónio josé de alme
Trabalho antónio josé de almeTrabalho antónio josé de alme
Trabalho antónio josé de alme
 
Os cem anos da república
Os cem anos da repúblicaOs cem anos da república
Os cem anos da república
 
5 de Outubro de 1910
5 de Outubro de 19105 de Outubro de 1910
5 de Outubro de 1910
 
Amarante e a república
Amarante e a repúblicaAmarante e a república
Amarante e a república
 
C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]
C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]
C:\Users\Convidado\Documents\31 De Janeiro De 1891[1]
 
António de oliveira salazar
António de oliveira salazarAntónio de oliveira salazar
António de oliveira salazar
 
Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar
Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar
Portugal da 1º Republica á Ditadura Militar
 

Mais de Escola Secundaria luis de freitas Branco

A imprensa do concelho de oeiras
A imprensa do concelho de oeirasA imprensa do concelho de oeiras
A imprensa do concelho de oeiras
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Roteiros republicanos do concelho de oeiras i
Roteiros republicanos do concelho de oeiras iRoteiros republicanos do concelho de oeiras i
Roteiros republicanos do concelho de oeiras i
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Iconografia da i república
Iconografia da i repúblicaIconografia da i república
Iconografia da i república
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Implantação da república um olhar 100 anos depois
Implantação da república   um olhar 100 anos depoisImplantação da república   um olhar 100 anos depois
Implantação da república um olhar 100 anos depois
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
O fim da monarquia em portugal
O fim da monarquia em portugalO fim da monarquia em portugal
O fim da monarquia em portugal
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maioVenha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maioVenha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Venha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De Maio
Venha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De MaioVenha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De Maio
Venha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De Maio
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maioVenha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Venha à Fábrica da Pólvora dia 21 de Maio
Venha à Fábrica da Pólvora dia 21 de MaioVenha à Fábrica da Pólvora dia 21 de Maio
Venha à Fábrica da Pólvora dia 21 de Maio
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
12º revolução do 25 de abril
12º   revolução do 25 de abril12º   revolução do 25 de abril
12º revolução do 25 de abril
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974
Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974
Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
O 25 de abril relato dos acontecimentos
O 25 de abril   relato dos acontecimentosO 25 de abril   relato dos acontecimentos
O 25 de abril relato dos acontecimentos
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
O 25 de abril relato dos acontecimentos
O 25 de abril   relato dos acontecimentosO 25 de abril   relato dos acontecimentos
O 25 de abril relato dos acontecimentos
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlvesConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlvesConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Roteiros Nuno
Roteiros   NunoRoteiros   Nuno
Roteiros Nuno
Roteiros   NunoRoteiros   Nuno
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica   JoãO MansoIconografia Da RepúBlica   JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica   JoãO MansoIconografia Da RepúBlica   JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
Escola Secundaria luis de freitas Branco
 

Mais de Escola Secundaria luis de freitas Branco (20)

A imprensa do concelho de oeiras
A imprensa do concelho de oeirasA imprensa do concelho de oeiras
A imprensa do concelho de oeiras
 
Roteiros republicanos do concelho de oeiras i
Roteiros republicanos do concelho de oeiras iRoteiros republicanos do concelho de oeiras i
Roteiros republicanos do concelho de oeiras i
 
Iconografia da i república
Iconografia da i repúblicaIconografia da i república
Iconografia da i república
 
Implantação da república um olhar 100 anos depois
Implantação da república   um olhar 100 anos depoisImplantação da república   um olhar 100 anos depois
Implantação da república um olhar 100 anos depois
 
O fim da monarquia em portugal
O fim da monarquia em portugalO fim da monarquia em portugal
O fim da monarquia em portugal
 
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maioVenha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
 
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maioVenha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
 
Venha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De Maio
Venha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De MaioVenha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De Maio
Venha à FáBrica Da PóLvora Dia 21 De Maio
 
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maioVenha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
Venha à fábrica da pólvora dia 21 de maio
 
Venha à Fábrica da Pólvora dia 21 de Maio
Venha à Fábrica da Pólvora dia 21 de MaioVenha à Fábrica da Pólvora dia 21 de Maio
Venha à Fábrica da Pólvora dia 21 de Maio
 
12º revolução do 25 de abril
12º   revolução do 25 de abril12º   revolução do 25 de abril
12º revolução do 25 de abril
 
Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974
Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974
Foi há 36 anos: a revolução do 25 de Abril de 1974
 
O 25 de abril relato dos acontecimentos
O 25 de abril   relato dos acontecimentosO 25 de abril   relato dos acontecimentos
O 25 de abril relato dos acontecimentos
 
O 25 de abril relato dos acontecimentos
O 25 de abril   relato dos acontecimentosO 25 de abril   relato dos acontecimentos
O 25 de abril relato dos acontecimentos
 
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlvesConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
 
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlvesConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica   Nuno GonçAlves
ConheçA Ilda Pulga, A Fonte Inspiradora Do Busto Da RepúBlica Nuno GonçAlves
 
Roteiros Nuno
Roteiros   NunoRoteiros   Nuno
Roteiros Nuno
 
Roteiros Nuno
Roteiros   NunoRoteiros   Nuno
Roteiros Nuno
 
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica   JoãO MansoIconografia Da RepúBlica   JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
 
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica   JoãO MansoIconografia Da RepúBlica   JoãO Manso
Iconografia Da RepúBlica JoãO Manso
 

Roteiros republicanos do concelho de oeiras i

  • 1. APRESENTAÇÕES * E.S.L.F.B. Maio de 2010 * Fábrica da Pólvora, de 21 de Maio a 11 de Junho de 2010
  • 2.  
  • 3. Um novo decreto de um Governo Progressista restaurou o concelho de Oeiras. Norte : Loures e Sintra Sul : Foz do Tejo Ocidente : Cascais Oriente : Lisboa Perde a Amadora (novo município) O concelho de Oeiras foi suprimido por decreto de João Franco (Governo Regenerador) e a s suas freguesias ficaram distribuídas pelos concelhos de Cascais e de Sintra . 1898 1979 1895
  • 4.  
  • 5. Fonte Reuniões da Câmara Municipal de Oeiras, Livro de Actas, Nº28, ff.2, 8 e 9 Citado por Eleições, Eleitores e Elites Políticas de Oeiras (1908 – 1926) Um contributo para o seu estudo , Tese de mestrado, Ana Paula Teixeira Torres   A 1ª Câmara Executiva da C.M.O. muda o nome das ruas Freguesias Monarquia República   Barcarena Largo de S. Pedro Rua de S. Sebastião Travessa de S. António Travessa de S. Sebastião Rua do Cemitério Travessa do Rio Largo 5 de Outubro Rua Heliodoro Salgado Travessa do 1º de Maio Travessa 31 de Janeiro Rua Elias Garcia Rua dos Revoltosos Oeiras Parque D. Manuel Avenida D. Carlos Rua D. Amélia Parque da República Avenida Miguel Bombarda Rua Cândido dos Reis
  • 6. Rua dos Revoltosos Travessa 31 de Janeiro Parque da República Largo 5 de Outubro
  • 7. Algés Barcarena Carnaxide Rua Dr. António Granjo Rua Guerra Junqueiro Rua Aquilino Ribeiro Rua Teófilo Braga Rua Manuel Teixeira Gomes Rua Nuno Simões
  • 8. Cruz Quebrada-Dafundo Linda-a-Velha Oeiras e S. Julião da Barra Rua Henrique Lopes de Mendonça Rua Alfredo Keil Avenida da República Rua João Chagas Rua General Norton de Matos Rua António José de Almeida Rua António Passaporte Rua António Sérgio Rua Azeredo Perdigão Rua Brito Camacho Rua Cândido dos Reis Rua Sidónio Pais Rua Tomé de B. Queirós
  • 9. Paço de Arcos Porto Salvo Queijas Avenida Voluntários da República Rua Afonso Costa Rua Fialho de Almeida Praça da República Rua António Sardinha Rua Júlio Dantas Rua Veiga Beirão Rua Bernardino Machado Rua José Relvas
  • 10.  
  • 11.
  • 12.  
  • 13.
  • 14.  
  • 15.
  • 16.
  • 17.  
  • 18. José de Mascarenhas Relvas nasceu a 5 de Março de 1858, na Golegã, e morreu a 31 de Outubro de 1929, em Alpiarça. Foi um politico bastante importante na época da Primeira República Portuguesa. Desempenhou elevados cargos, entre eles, deputado constituinte e senador, ministro, embaixador em Madrid e chefe de Governo. José Relvas proclamou a República na varanda da Câmara de Lisboa 11h 5 Outubro de 1910
  • 19.  
  • 20.
  • 21.  
  • 22.
  • 23.  
  • 24. Manuel de Brito Camacho nasceu a 12 de Fevereiro de 1862, em Aljustrel, e faleceu a 19 de Setembro de 1934, em Lisboa. Foi um médico militar, escritor, publicista e político. Exerceu as funções de Ministro do Fomento (1910-1911) e de Alto-comissário da República em Moçambique (1921 a 1923). Fundou e liderou o Partido Unionista . Em consequência da Revolução de 28 de Maio de 1926, foi obrigado a abandonar a actividade política, retirando-se para a vida privada.
  • 25.  
  • 26. António José de Almeida nasceu, em Vale da Vinha, Penacova, a 27 de Julho de 1866 e faleceu, em Lisboa, a 31 de Outubro de 1929. Foi um político republicano português. Foi um republicano histórico do P.R.P.. Em 1912, fundou e liderou o Partido Evolucionista . Ocupou o cargo de Presidente da República Portuguesa (sexto), de 1919 a 1923.
  • 27.  
  • 28.
  • 29.  
  • 30.
  • 31.  
  • 32.
  • 33.
  • 34.  
  • 35.
  • 36.  
  • 37.
  • 38.  
  • 39.
  • 40.  
  • 41. Abílio Manuel Guerra Junqueiro nasceu a 17 de Setembro de 1850, em Lisboa, e faleceu a 7 de Julho de 1923. Foi o poeta mais popular da sua época e o mais típico representante da chamada "Escola Nova". A sua poesia ajudou a criar o ambiente revolucionário que conduziu à implantação da República.
  • 42.  
  • 43. José Valentim Fialho de Almeida nasceu, em Vila de Frades, a 7 de Maio de 1857 e faleceu, em Cuba, a 4 de Março de 1911. Foi médico e escritor. Dedicou-se, sobretudo, à literatura e jornalismo chegando a escrever inúmeros artigos importantes relacionados com a I República.
  • 44.  
  • 45. Aquilino Gomes Ribeiro nasceu a 13 de Setembro de 1885, em Tabosa do Carregal, e faleceu a 27 de Maio de 1963, em Lisboa. Foi um escritor português da I República Portuguesa. A sua obra teve grande êxito junto do público e da crítica.
  • 46.  
  • 47. Júlio Dantas nasceu, em Lagos, a 19 de Maio de 1876 e faleceu, em Lisboa, a 25 de Maio de 1962. Foi deputado, Ministro da Instrução Pública e Ministro dos Negócios Estrangeiros durante a I República. Terminou a sua carreira pública como embaixador de Portugal no Brasil (1941- 1949).
  • 48.  
  • 49.
  • 50.  
  • 51. Sidónio Pais nasceu, em Caminha, a 1 de Maio de 1872 e morreu assassinado em Lisboa, no Rossio, a 14 de Dezembro de 1918. Foi militar e político e, entre outras funções, exerceu os cargos de deputado, de Ministro do Fomento, de Ministro das Finanças, de embaixador de Portugal em Berlim e de Presidente da República Portuguesa.
  • 52.  
  • 53. José Maria Mendes Ribeiro Norton de Matos nasceu em Ponte de Lima, a 23 de Março de 1867 e faleceu a 3 de Janeiro de 1955. Norton de Matos foi um general e político português. Durante a I República, foi Governador-Geral de Angola e ocupou o cargo de Ministro das Colónias. Foi eleito Grão-Mestre da Maçonaria em 1929.
  • 54.  
  • 55.
  • 56.
  • 57.
  • 58.