SlideShare uma empresa Scribd logo
ResiliênciaResiliência
Conceito PsicológicoConceito Psicológico
A resiliência é um aspectoA resiliência é um aspecto
psicológico, definido como apsicológico, definido como a
capacidade de o indivíduo lidar comcapacidade de o indivíduo lidar com
problemas, superar obstáculos ouproblemas, superar obstáculos ou
resistir à pressão de situaçõesresistir à pressão de situações
adversas - choque, estresse etc. - semadversas - choque, estresse etc. - sem
entrar em surto psicológico.entrar em surto psicológico.
WikipédiaWikipédia
Propriedade do material dePropriedade do material de
retornar à formaretornar à forma ou posiçãoou posição
originaloriginal uma vez cessada auma vez cessada a
tensão sobre o mesmo.tensão sobre o mesmo.
Wikipédia.Wikipédia.
Conceito da físicaConceito da física
Por isso vistam toda a,Por isso vistam toda a,
armadura de Deus para,armadura de Deus para,
que possam resistir no diaque possam resistir no dia
mau e permanecermau e permanecer
inabalaveis depois de,inabalaveis depois de,
terem feito tudo Ef 6 13. : .terem feito tudo Ef 6 13. : .
Conceito do Ap.Conceito do Ap.
PauloPaulo
“resistir no dia mau eresistir no dia mau e
permanecer inabalaveis”permanecer inabalaveis”
Conceito do Ap.Conceito do Ap.
PauloPaulo
Assim, mantenham-se firmes, cingindo-seAssim, mantenham-se firmes, cingindo-se
com ocom o cinto da verdadecinto da verdade, vestindo a, vestindo a
couraça da justiçacouraça da justiça e tendo os pés calçadose tendo os pés calçados
com a prontidão docom a prontidão do evangelhoevangelho da paz. Alémda paz. Além
disso, usem odisso, usem o escudo da féescudo da fé, com o qual, com o qual
vocês poderão apagar todas as setasvocês poderão apagar todas as setas
inflamadas do Maligno. Usem oinflamadas do Maligno. Usem o capacetecapacete
da salvaçãoda salvação e ae a espada do Espírito,espada do Espírito, queque
é a palavra de Deus. Efésios 6:14-17é a palavra de Deus. Efésios 6:14-17
Sem essa armadura, oSem essa armadura, o
que sobra?que sobra?
Feliz é o homem queFeliz é o homem que
persevera na provação,persevera na provação,
porque depois de aprovadoporque depois de aprovado
receberá a coroa da vida quereceberá a coroa da vida que
Deus prometeu aos que oDeus prometeu aos que o
amam. Tiago 1:12amam. Tiago 1:12
Conceito do Ap. TiagoConceito do Ap. Tiago
Persevera naPersevera na
provaçãoprovação
Conceito do Ap. TiagoConceito do Ap. Tiago
Habilidade que uma pessoaHabilidade que uma pessoa
desenvolve para resistir,desenvolve para resistir,
lidar elidar e reagir de modoreagir de modo
positivopositivo em situaçõesem situações
adversas. Wikipédia.adversas. Wikipédia.
Conceito figuradoConceito figurado
Neste mundo vocês
terão aflições;
contudo, tenham
ânimo! Eu venci o
mundo". Jo 16:33.
Resiliência
Resiliência
Financeira
Financeira
"Juro pelo nome do Senhor, o teu Deus", ela"Juro pelo nome do Senhor, o teu Deus", ela
respondeu, "não tenho nenhum pedaço de pão; só umrespondeu, "não tenho nenhum pedaço de pão; só um
punhado de farinha num jarro e um pouco de azeitepunhado de farinha num jarro e um pouco de azeite
numa botija. Estou colhendo uns dois gravetos paranuma botija. Estou colhendo uns dois gravetos para
levar para casa e preparar uma refeição para mim elevar para casa e preparar uma refeição para mim e
para o meu filho, para que a comamos e depoispara o meu filho, para que a comamos e depois
morramos. " Elias, porém, lhe disse: "Não tenha medo.morramos. " Elias, porém, lhe disse: "Não tenha medo.
Vá para casa e faça o que disse. MasVá para casa e faça o que disse. Mas primeiro faça umprimeiro faça um
pequeno bolo com o que você tem e traga para mimpequeno bolo com o que você tem e traga para mim, e, e
depois faça algo para você e para o seu filho. Poisdepois faça algo para você e para o seu filho. Pois
assim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘A farinha naassim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘A farinha na
vasilha não se acabará e o azeite na botija não sevasilha não se acabará e o azeite na botija não se
secará até o dia em que o Senhor fizer chover sobre asecará até o dia em que o Senhor fizer chover sobre a
terra’ ". 1 Reis 17:12-14terra’ ". 1 Reis 17:12-14
Fórmula de EliasFórmula de Elias
Honre a Deus em 1º Lugar!Honre a Deus em 1º Lugar!
Não coma as sementes.Não coma as sementes.
Fórmula de EliasFórmula de Elias
Certo dia, a mulher de um dos discípulos dos profetas foi falarCerto dia, a mulher de um dos discípulos dos profetas foi falar
a Eliseu: "Teu servo, meu marido, morreu, e tu sabes que elea Eliseu: "Teu servo, meu marido, morreu, e tu sabes que ele
temia o Senhor. Mas agora veio um credor que está querendotemia o Senhor. Mas agora veio um credor que está querendo
levar meus dois filhos como escravos". Eliseu perguntou-lhe:levar meus dois filhos como escravos". Eliseu perguntou-lhe:
"Como posso ajudá-la? Diga-me,"Como posso ajudá-la? Diga-me, o que você tem em casa?o que você tem em casa? " E" E
ela respondeu: "Tua serva não temela respondeu: "Tua serva não tem nada além de uma vasilhanada além de uma vasilha
de azeitede azeite". Então disse Eliseu: "Vá pedir emprestadas". Então disse Eliseu: "Vá pedir emprestadas vasilhasvasilhas
a todos os vizinhosa todos os vizinhos. Mas,. Mas, peça muitaspeça muitas. Depois entre em casa. Depois entre em casa
com seus filhos e feche a porta. Derrame daquele azeite emcom seus filhos e feche a porta. Derrame daquele azeite em
cada vasilha e vá separando as que você for enchendo". Depoiscada vasilha e vá separando as que você for enchendo". Depois
disso, ela foi embora, fechou-se em casa com seus filhos edisso, ela foi embora, fechou-se em casa com seus filhos e
começou a encher as vasilhas que eles lhe traziam. Quandocomeçou a encher as vasilhas que eles lhe traziam. Quando
todas as vasilhas estavam cheias, ela disse a um dos filhos:todas as vasilhas estavam cheias, ela disse a um dos filhos:
"Traga-me mais uma". Mas ele respondeu:"Traga-me mais uma". Mas ele respondeu: "Já acabaram"."Já acabaram".
Então o azeite parou de correrEntão o azeite parou de correr. 2 Reis 4:1-6.. 2 Reis 4:1-6.
Fórmula de EliseuFórmula de Eliseu
Você sempre teráVocê sempre terá
algo para repartir.algo para repartir.
Abençoe quem estáAbençoe quem está
ao seu redor.ao seu redor.
Fórmula de EliseuFórmula de Eliseu
Armas para vencer
Pensamentos
●
Assim como a água reflete o rosto, o coração reflete
quem somos nós. Provérbios 27:19.
●
Também vimos ali gigantes, os descendentes de
Anaque. Perto deles nós nos sentíamos tão pequenos
como gafanhotos; e, para eles, também parecíamos
gafanhotos. Nm 13:33 NTLH.
●
Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não
nas coisas terrenas. Colossenses 3:2.
●
A mentalidade da carne é morte, mas a mentalidade
do Espírito é vida e paz. Rm 8:6.
●
Otimistas tem 24% menos de chance de morrer de
problemas no coração segundo pesquisa da
Universidade de Duke, EUA.
Fé
●
Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a
prova das coisas que não vemos. Hb 11:1.
●
Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele
se aproxima precisa crer que ele existe e que
recompensa aqueles que o buscam. Hb 11:6.
●
Que lhes seja feito segundo a fé que vocês têm!
Mateus 9:29.
●
Vá! Como você creu, assim lhe acontecerá Mt 8:13.
●
Portanto, eu lhes digo: tudo o que vocês pedirem
em oração, creiam que já o receberam, e assim lhes
sucederá. Mc 11:24.
Palavras
●
Pela fé entendemos que o universo foi formado
pela palavra de Deus, de modo que o que se
vê não foi feito do que é visível. Hb 11:3.
●
Eu lhes asseguro que se alguém disser a este
monte: ‘Levante-se e atire-se no mar’, e não
duvidar em seu coração, mas crer que
acontecerá o que diz, assim lhe será feito. Mc
11:23.
●
Consequentemente, a fé vem por ouvir a
mensagem, e a mensagem é ouvida mediante
a palavra de Cristo. Rm 10:17.
Palavras
●
A língua tem poder sobre a vida e sobre a
morte; os que gostam de usá-la comerão do
seu fruto. Pv 18:21.
●
Dize-lhes: Por minha vida, diz o SENHOR, que,
como falastes aos meus ouvidos, assim farei a
vós outros. Nm 14:28 ARA.
●
Esses homens responsáveis por espalhar o
relatório negativo sobre a terra morreram
subitamente de praga perante o Senhor.
Números 14:37.
Postura
●
Mas, em todas estas coisas somos mais que
vencedores, por meio daquele que nos amou.
Romanos 8:37.
●
Mas graças a Deus, que sempre nos conduz
vitoriosamente em Cristo e por nosso intermédio
exala em todo lugar a fragrância do seu
conhecimento; 2 Coríntios 2:14.
● Façam tudo sem queixas nem discussões, para
que venham a tornar-se puros e irrepreensíveis,
filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração
corrompida e depravada, na qual vocês brilham
como estrelas no universo, Filipenses 2:14-15.
Coragem
●
Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso!
Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor,
o seu Deus, estará com você por onde você
andar". Js 1:9.
● Reveste-se de força e dignidade; sorri diante do
futuro. Pv 31:25.
● Estes sinais acompanharão os que crerem: em meu
nome expulsarão demônios; falarão novas línguas;
Pegarão em serpentes; e, se beberem algum
veneno mortal, não lhes fará mal nenhum; imporão
as mãos sobre os doentes, e estes ficarão
curados". Mc 16:17,18
Atitudes
●
Agora vá e abandone sua vida de pecado". João 8:11.
●
Vão e façam discípulos. Mateus 28:19a.
●
Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer
sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém,
em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra".
At 1:8.
●
Não importa o que aconteça, exerçam a sua cidadania
de maneira digna do evangelho de Cristo. Fp 1:27.
●
Mas o homem que observa atentamente a lei perfeita
que traz a liberdade, e persevera na prática dessa lei,
não esquecendo o que ouviu mas praticando-o, será
feliz naquilo que fizer. Tiago 1:25
Neste mundo vocês
terão aflições;
contudo, tenham
ânimo! Eu venci o
mundo". Jo 16:33.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Técnicas de oratótia - como ser um bom palestrante
Técnicas de oratótia - como ser um bom palestranteTécnicas de oratótia - como ser um bom palestrante
Técnicas de oratótia - como ser um bom palestrante
Cursos Profissionalizantes
 
Equipes de Alta Performance
Equipes de Alta PerformanceEquipes de Alta Performance
Equipes de Alta Performance
Grupo E. Fabris
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
Fernando Lima
 
Liderança e Motivação
Liderança e  MotivaçãoLiderança e  Motivação
Liderança e Motivação
Vania Cardoso
 
Autoconhecimento
AutoconhecimentoAutoconhecimento
Autoconhecimento
Fernanda Zechinatto
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
João Carlos Butske da Silva
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Alessandra Gonzaga
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
Mary Kay do Brasil
 
Palestra motivação para mulheres
Palestra motivação para mulheresPalestra motivação para mulheres
Palestra motivação para mulheres
Marcos Luthero
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Palestra sobre Gestão da Mudança
Palestra sobre Gestão da MudançaPalestra sobre Gestão da Mudança
Palestra sobre Gestão da Mudança
Robes Baima, PMI-PMP, PMI-RMP
 
Resiliencia (erica)
Resiliencia (erica)Resiliencia (erica)
Resiliencia (erica)
Jrh Recursos Humanos Ltda
 
Falar em Público: Oratória sem Segredos
Falar em Público: Oratória sem SegredosFalar em Público: Oratória sem Segredos
Falar em Público: Oratória sem Segredos
Carlos Cunha
 
Confiança
ConfiançaConfiança
Confiança
Almy Alves
 
Palestra: ATITUDE é o que precisamos!
Palestra: ATITUDE é o que precisamos!Palestra: ATITUDE é o que precisamos!
Palestra: ATITUDE é o que precisamos!
Fabrício Ottoni
 
A fé religiosa
A fé religiosaA fé religiosa
A fé religiosa
Dalila Melo
 
O Poder Magnético das Palavras
O Poder Magnético das PalavrasO Poder Magnético das Palavras
O Poder Magnético das Palavras
igmateus
 
Auto Estima
Auto EstimaAuto Estima
Auto Estima
Dora Guiseline
 
Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas
Next Educação
 
Saindo da Zona de Conforto
Saindo da Zona de ConfortoSaindo da Zona de Conforto
Saindo da Zona de Conforto
Mario Emilio do Amaral Coelho
 

Mais procurados (20)

Técnicas de oratótia - como ser um bom palestrante
Técnicas de oratótia - como ser um bom palestranteTécnicas de oratótia - como ser um bom palestrante
Técnicas de oratótia - como ser um bom palestrante
 
Equipes de Alta Performance
Equipes de Alta PerformanceEquipes de Alta Performance
Equipes de Alta Performance
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
 
Liderança e Motivação
Liderança e  MotivaçãoLiderança e  Motivação
Liderança e Motivação
 
Autoconhecimento
AutoconhecimentoAutoconhecimento
Autoconhecimento
 
Palestra motivacional
Palestra motivacionalPalestra motivacional
Palestra motivacional
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
 
Palestra motivação para mulheres
Palestra motivação para mulheresPalestra motivação para mulheres
Palestra motivação para mulheres
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
 
Palestra sobre Gestão da Mudança
Palestra sobre Gestão da MudançaPalestra sobre Gestão da Mudança
Palestra sobre Gestão da Mudança
 
Resiliencia (erica)
Resiliencia (erica)Resiliencia (erica)
Resiliencia (erica)
 
Falar em Público: Oratória sem Segredos
Falar em Público: Oratória sem SegredosFalar em Público: Oratória sem Segredos
Falar em Público: Oratória sem Segredos
 
Confiança
ConfiançaConfiança
Confiança
 
Palestra: ATITUDE é o que precisamos!
Palestra: ATITUDE é o que precisamos!Palestra: ATITUDE é o que precisamos!
Palestra: ATITUDE é o que precisamos!
 
A fé religiosa
A fé religiosaA fé religiosa
A fé religiosa
 
O Poder Magnético das Palavras
O Poder Magnético das PalavrasO Poder Magnético das Palavras
O Poder Magnético das Palavras
 
Auto Estima
Auto EstimaAuto Estima
Auto Estima
 
Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas Comunicação Eficaz em Vendas
Comunicação Eficaz em Vendas
 
Saindo da Zona de Conforto
Saindo da Zona de ConfortoSaindo da Zona de Conforto
Saindo da Zona de Conforto
 

Destaque

21 dicas resiliência
21 dicas resiliência21 dicas resiliência
21 dicas resiliência
Oficina Psicologia
 
Resiliencia
ResilienciaResiliencia
Resiliencia
marte03
 
Apresentaçao resiliencia e liderança.
Apresentaçao resiliencia e liderança.Apresentaçao resiliencia e liderança.
Apresentaçao resiliencia e liderança.
Lúcia Indra Aragão
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
adilsonmatheus
 
O que é resiliência
O que é resiliênciaO que é resiliência
O que é resiliência
Reginaldo Branco
 
Presentación resiliencia
Presentación resilienciaPresentación resiliencia
Presentación resiliencia
Estelitamp
 
Resiliência - No Indivíduo e na Família
Resiliência - No Indivíduo e na FamíliaResiliência - No Indivíduo e na Família
Resiliência - No Indivíduo e na Família
João Carlos
 
Risco aviario
Risco aviarioRisco aviario
Risco aviario
Carlos Carvalho
 
Resiliencia como competencia fundamental para o século xxi
Resiliencia como competencia fundamental para o século xxiResiliencia como competencia fundamental para o século xxi
Resiliencia como competencia fundamental para o século xxi
Juliana Pinheiro
 
Resiliência e Agilidade - SGRio2014
Resiliência e Agilidade -  SGRio2014Resiliência e Agilidade -  SGRio2014
Resiliência e Agilidade - SGRio2014
Ester de Campos
 
Resiliencia
ResilienciaResiliencia
Resiliencia
josselyna
 
Risco Aviário - Bird Strike
Risco Aviário - Bird StrikeRisco Aviário - Bird Strike
Risco Aviário - Bird Strike
Lucas Carramenha
 
Resiliência organizacional
Resiliência organizacionalResiliência organizacional
Resiliência organizacional
Andre Dantas
 
A Arte da Resiliência
A Arte da ResiliênciaA Arte da Resiliência
A Arte da Resiliência
Guilherme Witte Cruz Machado
 
Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...
Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...
Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...
José A. Rodrigues Nt.
 
O desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igrejaO desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igreja
Ivanei Silveira
 
Eclesiologia - Desenvolvimento Natural Da Igreja - Blog do Prof. Eduardo Sales
Eclesiologia - Desenvolvimento  Natural Da  Igreja - Blog do Prof. Eduardo SalesEclesiologia - Desenvolvimento  Natural Da  Igreja - Blog do Prof. Eduardo Sales
Eclesiologia - Desenvolvimento Natural Da Igreja - Blog do Prof. Eduardo Sales
Eduardo Sales de lima
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
Tatiana Garcia Loth
 
Resiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida Profissional
Resiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida ProfissionalResiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida Profissional
Resiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida Profissional
Maria Angelica Castellani
 
Powerpoint assertividade
Powerpoint assertividade  Powerpoint assertividade
Powerpoint assertividade
juliaoliveira1965
 

Destaque (20)

21 dicas resiliência
21 dicas resiliência21 dicas resiliência
21 dicas resiliência
 
Resiliencia
ResilienciaResiliencia
Resiliencia
 
Apresentaçao resiliencia e liderança.
Apresentaçao resiliencia e liderança.Apresentaçao resiliencia e liderança.
Apresentaçao resiliencia e liderança.
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
 
O que é resiliência
O que é resiliênciaO que é resiliência
O que é resiliência
 
Presentación resiliencia
Presentación resilienciaPresentación resiliencia
Presentación resiliencia
 
Resiliência - No Indivíduo e na Família
Resiliência - No Indivíduo e na FamíliaResiliência - No Indivíduo e na Família
Resiliência - No Indivíduo e na Família
 
Risco aviario
Risco aviarioRisco aviario
Risco aviario
 
Resiliencia como competencia fundamental para o século xxi
Resiliencia como competencia fundamental para o século xxiResiliencia como competencia fundamental para o século xxi
Resiliencia como competencia fundamental para o século xxi
 
Resiliência e Agilidade - SGRio2014
Resiliência e Agilidade -  SGRio2014Resiliência e Agilidade -  SGRio2014
Resiliência e Agilidade - SGRio2014
 
Resiliencia
ResilienciaResiliencia
Resiliencia
 
Risco Aviário - Bird Strike
Risco Aviário - Bird StrikeRisco Aviário - Bird Strike
Risco Aviário - Bird Strike
 
Resiliência organizacional
Resiliência organizacionalResiliência organizacional
Resiliência organizacional
 
A Arte da Resiliência
A Arte da ResiliênciaA Arte da Resiliência
A Arte da Resiliência
 
Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...
Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...
Apresentacao no Scrum Gathering Rio - Inovação Contínua: Design Thinking e Sc...
 
O desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igrejaO desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igreja
 
Eclesiologia - Desenvolvimento Natural Da Igreja - Blog do Prof. Eduardo Sales
Eclesiologia - Desenvolvimento  Natural Da  Igreja - Blog do Prof. Eduardo SalesEclesiologia - Desenvolvimento  Natural Da  Igreja - Blog do Prof. Eduardo Sales
Eclesiologia - Desenvolvimento Natural Da Igreja - Blog do Prof. Eduardo Sales
 
Resiliência
ResiliênciaResiliência
Resiliência
 
Resiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida Profissional
Resiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida ProfissionalResiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida Profissional
Resiliência e Assertividade como Fatores de Sucesso na sua Vida Profissional
 
Powerpoint assertividade
Powerpoint assertividade  Powerpoint assertividade
Powerpoint assertividade
 

Semelhante a Resiliência

Crescer, Multiplicar, até Transbordar!
Crescer, Multiplicar, até Transbordar!Crescer, Multiplicar, até Transbordar!
Crescer, Multiplicar, até Transbordar!
Adriano Gonçalves Martins
 
Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3
fogotv
 
7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf
7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf
7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf
ssuser42c235
 
11 vencendo os inimigos da restituição
11 vencendo os inimigos da restituição11 vencendo os inimigos da restituição
11 vencendo os inimigos da restituição
Josenilton Pinheiro Pinheiro
 
10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.
10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.
10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.
Instituto Teológico Gamaliel
 
Maná
ManáManá
43 na mensagem apoc 21 1-8
43 na mensagem apoc 21 1-843 na mensagem apoc 21 1-8
43 na mensagem apoc 21 1-8
IGREJA ADCP CAMPOS ELÍSEOS
 
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
Enchimento do espírito santo   emanuel rev01Enchimento do espírito santo   emanuel rev01
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
Luiza Dayana
 
Eu e minha boca grande o poder das palavras
Eu e minha boca grande   o poder das palavrasEu e minha boca grande   o poder das palavras
Eu e minha boca grande o poder das palavras
Daniel de Carvalho Luz
 
JORMI - Jornal Missionário nº 85
JORMI -   Jornal Missionário nº 85JORMI -   Jornal Missionário nº 85
JORMI - Jornal Missionário nº 85
Almir Rodrigues
 
3vivendo humildemente
3vivendo humildemente3vivendo humildemente
3vivendo humildemente
marcosleal2011
 
Sindrome de Burnout - Aula Escola Biblica
Sindrome de Burnout - Aula Escola BiblicaSindrome de Burnout - Aula Escola Biblica
Sindrome de Burnout - Aula Escola Biblica
Daniel de Carvalho Luz
 
Atitudes. sugestões para uma vida feliz
Atitudes. sugestões para uma vida felizAtitudes. sugestões para uma vida feliz
Atitudes. sugestões para uma vida feliz
Paulo Bachur
 
Atitudes Benditas
 				Atitudes Benditas 				Atitudes Benditas
Atitudes Benditas
Georgellis Martins
 
Atitudes
AtitudesAtitudes
Atitudes benditas
Atitudes benditasAtitudes benditas
Atitudes benditas
jundbrasil
 
Atitudes benditas
Atitudes benditasAtitudes benditas
Atitudes benditas
Ana Raquel Dutra Castro
 
Atitudes Benditas
Atitudes BenditasAtitudes Benditas
Atitudes Benditas
thiago
 
Atitudes Benditas
Atitudes BenditasAtitudes Benditas
Atitudes Benditas
sidera sidera
 
2009-07-30 Atitudes Benditas
2009-07-30 Atitudes Benditas2009-07-30 Atitudes Benditas
2009-07-30 Atitudes Benditas
Pablo Morais
 

Semelhante a Resiliência (20)

Crescer, Multiplicar, até Transbordar!
Crescer, Multiplicar, até Transbordar!Crescer, Multiplicar, até Transbordar!
Crescer, Multiplicar, até Transbordar!
 
Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3
 
7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf
7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf
7. Aula 7 de 9 - DOUTRINA DA PREDESTINAÇÃO E ELEIÇÃO.pdf
 
11 vencendo os inimigos da restituição
11 vencendo os inimigos da restituição11 vencendo os inimigos da restituição
11 vencendo os inimigos da restituição
 
10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.
10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.
10 segredos para poder todas as coisas naquele que nos fortalece.
 
Maná
ManáManá
Maná
 
43 na mensagem apoc 21 1-8
43 na mensagem apoc 21 1-843 na mensagem apoc 21 1-8
43 na mensagem apoc 21 1-8
 
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
Enchimento do espírito santo   emanuel rev01Enchimento do espírito santo   emanuel rev01
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
 
Eu e minha boca grande o poder das palavras
Eu e minha boca grande   o poder das palavrasEu e minha boca grande   o poder das palavras
Eu e minha boca grande o poder das palavras
 
JORMI - Jornal Missionário nº 85
JORMI -   Jornal Missionário nº 85JORMI -   Jornal Missionário nº 85
JORMI - Jornal Missionário nº 85
 
3vivendo humildemente
3vivendo humildemente3vivendo humildemente
3vivendo humildemente
 
Sindrome de Burnout - Aula Escola Biblica
Sindrome de Burnout - Aula Escola BiblicaSindrome de Burnout - Aula Escola Biblica
Sindrome de Burnout - Aula Escola Biblica
 
Atitudes. sugestões para uma vida feliz
Atitudes. sugestões para uma vida felizAtitudes. sugestões para uma vida feliz
Atitudes. sugestões para uma vida feliz
 
Atitudes Benditas
 				Atitudes Benditas 				Atitudes Benditas
Atitudes Benditas
 
Atitudes
AtitudesAtitudes
Atitudes
 
Atitudes benditas
Atitudes benditasAtitudes benditas
Atitudes benditas
 
Atitudes benditas
Atitudes benditasAtitudes benditas
Atitudes benditas
 
Atitudes Benditas
Atitudes BenditasAtitudes Benditas
Atitudes Benditas
 
Atitudes Benditas
Atitudes BenditasAtitudes Benditas
Atitudes Benditas
 
2009-07-30 Atitudes Benditas
2009-07-30 Atitudes Benditas2009-07-30 Atitudes Benditas
2009-07-30 Atitudes Benditas
 

Mais de Sidinei Kauer

Identidade discípulo
Identidade discípuloIdentidade discípulo
Identidade discípulo
Sidinei Kauer
 
Prepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicarPrepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicar
Sidinei Kauer
 
Escada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDAEscada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDA
Sidinei Kauer
 
Poder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverançaPoder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverança
Sidinei Kauer
 
Extremo
ExtremoExtremo
Extremo
Sidinei Kauer
 
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
Sidinei Kauer
 
Restaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiarRestaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiar
Sidinei Kauer
 
Discipulado na prática da célula para líderes
Discipulado na prática da célula   para líderes Discipulado na prática da célula   para líderes
Discipulado na prática da célula para líderes
Sidinei Kauer
 
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de DeusDiscipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Sidinei Kauer
 
Crescimento fundamentado
Crescimento fundamentadoCrescimento fundamentado
Crescimento fundamentado
Sidinei Kauer
 
As células e a história da igreja
As células e a história da igrejaAs células e a história da igreja
As células e a história da igreja
Sidinei Kauer
 
Inimigos da Aalma
Inimigos da AalmaInimigos da Aalma
Inimigos da Aalma
Sidinei Kauer
 
Fé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amorFé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amor
Sidinei Kauer
 
Esperança
EsperançaEsperança
Esperança
Sidinei Kauer
 
Filhas de sara
Filhas de saraFilhas de sara
Filhas de sara
Sidinei Kauer
 
Discipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristoDiscipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristo
Sidinei Kauer
 
Discipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introduçãoDiscipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introdução
Sidinei Kauer
 
O primeiro mandamento
O primeiro mandamentoO primeiro mandamento
O primeiro mandamento
Sidinei Kauer
 
Resumão
ResumãoResumão
Resumão
Sidinei Kauer
 
Por que discipulado?
Por que discipulado?Por que discipulado?
Por que discipulado?
Sidinei Kauer
 

Mais de Sidinei Kauer (20)

Identidade discípulo
Identidade discípuloIdentidade discípulo
Identidade discípulo
 
Prepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicarPrepare se é hora de multiplicar
Prepare se é hora de multiplicar
 
Escada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDAEscada do sucesso na Visão do MDA
Escada do sucesso na Visão do MDA
 
Poder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverançaPoder, perseguição e perseverança
Poder, perseguição e perseverança
 
Extremo
ExtremoExtremo
Extremo
 
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
O melhor é para Deus! - Por que precisamos de um avivamento?
 
Restaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiarRestaurando a visão familiar
Restaurando a visão familiar
 
Discipulado na prática da célula para líderes
Discipulado na prática da célula   para líderes Discipulado na prática da célula   para líderes
Discipulado na prática da célula para líderes
 
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de DeusDiscipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
Discipulador: Uma Ferramenta nas mãos de Deus
 
Crescimento fundamentado
Crescimento fundamentadoCrescimento fundamentado
Crescimento fundamentado
 
As células e a história da igreja
As células e a história da igrejaAs células e a história da igreja
As células e a história da igreja
 
Inimigos da Aalma
Inimigos da AalmaInimigos da Aalma
Inimigos da Aalma
 
Fé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amorFé que atua pelo amor
Fé que atua pelo amor
 
Esperança
EsperançaEsperança
Esperança
 
Filhas de sara
Filhas de saraFilhas de sara
Filhas de sara
 
Discipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristoDiscipulado e a unidade do corpo de cristo
Discipulado e a unidade do corpo de cristo
 
Discipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introduçãoDiscipulado profundo, uma introdução
Discipulado profundo, uma introdução
 
O primeiro mandamento
O primeiro mandamentoO primeiro mandamento
O primeiro mandamento
 
Resumão
ResumãoResumão
Resumão
 
Por que discipulado?
Por que discipulado?Por que discipulado?
Por que discipulado?
 

Último

A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 

Último (14)

A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 

Resiliência

  • 2. Conceito PsicológicoConceito Psicológico A resiliência é um aspectoA resiliência é um aspecto psicológico, definido como apsicológico, definido como a capacidade de o indivíduo lidar comcapacidade de o indivíduo lidar com problemas, superar obstáculos ouproblemas, superar obstáculos ou resistir à pressão de situaçõesresistir à pressão de situações adversas - choque, estresse etc. - semadversas - choque, estresse etc. - sem entrar em surto psicológico.entrar em surto psicológico. WikipédiaWikipédia
  • 3. Propriedade do material dePropriedade do material de retornar à formaretornar à forma ou posiçãoou posição originaloriginal uma vez cessada auma vez cessada a tensão sobre o mesmo.tensão sobre o mesmo. Wikipédia.Wikipédia. Conceito da físicaConceito da física
  • 4. Por isso vistam toda a,Por isso vistam toda a, armadura de Deus para,armadura de Deus para, que possam resistir no diaque possam resistir no dia mau e permanecermau e permanecer inabalaveis depois de,inabalaveis depois de, terem feito tudo Ef 6 13. : .terem feito tudo Ef 6 13. : . Conceito do Ap.Conceito do Ap. PauloPaulo
  • 5. “resistir no dia mau eresistir no dia mau e permanecer inabalaveis”permanecer inabalaveis” Conceito do Ap.Conceito do Ap. PauloPaulo
  • 6. Assim, mantenham-se firmes, cingindo-seAssim, mantenham-se firmes, cingindo-se com ocom o cinto da verdadecinto da verdade, vestindo a, vestindo a couraça da justiçacouraça da justiça e tendo os pés calçadose tendo os pés calçados com a prontidão docom a prontidão do evangelhoevangelho da paz. Alémda paz. Além disso, usem odisso, usem o escudo da féescudo da fé, com o qual, com o qual vocês poderão apagar todas as setasvocês poderão apagar todas as setas inflamadas do Maligno. Usem oinflamadas do Maligno. Usem o capacetecapacete da salvaçãoda salvação e ae a espada do Espírito,espada do Espírito, queque é a palavra de Deus. Efésios 6:14-17é a palavra de Deus. Efésios 6:14-17 Sem essa armadura, oSem essa armadura, o que sobra?que sobra?
  • 7. Feliz é o homem queFeliz é o homem que persevera na provação,persevera na provação, porque depois de aprovadoporque depois de aprovado receberá a coroa da vida quereceberá a coroa da vida que Deus prometeu aos que oDeus prometeu aos que o amam. Tiago 1:12amam. Tiago 1:12 Conceito do Ap. TiagoConceito do Ap. Tiago
  • 8. Persevera naPersevera na provaçãoprovação Conceito do Ap. TiagoConceito do Ap. Tiago
  • 9. Habilidade que uma pessoaHabilidade que uma pessoa desenvolve para resistir,desenvolve para resistir, lidar elidar e reagir de modoreagir de modo positivopositivo em situaçõesem situações adversas. Wikipédia.adversas. Wikipédia. Conceito figuradoConceito figurado
  • 10. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". Jo 16:33.
  • 12. "Juro pelo nome do Senhor, o teu Deus", ela"Juro pelo nome do Senhor, o teu Deus", ela respondeu, "não tenho nenhum pedaço de pão; só umrespondeu, "não tenho nenhum pedaço de pão; só um punhado de farinha num jarro e um pouco de azeitepunhado de farinha num jarro e um pouco de azeite numa botija. Estou colhendo uns dois gravetos paranuma botija. Estou colhendo uns dois gravetos para levar para casa e preparar uma refeição para mim elevar para casa e preparar uma refeição para mim e para o meu filho, para que a comamos e depoispara o meu filho, para que a comamos e depois morramos. " Elias, porém, lhe disse: "Não tenha medo.morramos. " Elias, porém, lhe disse: "Não tenha medo. Vá para casa e faça o que disse. MasVá para casa e faça o que disse. Mas primeiro faça umprimeiro faça um pequeno bolo com o que você tem e traga para mimpequeno bolo com o que você tem e traga para mim, e, e depois faça algo para você e para o seu filho. Poisdepois faça algo para você e para o seu filho. Pois assim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘A farinha naassim diz o Senhor, o Deus de Israel: ‘A farinha na vasilha não se acabará e o azeite na botija não sevasilha não se acabará e o azeite na botija não se secará até o dia em que o Senhor fizer chover sobre asecará até o dia em que o Senhor fizer chover sobre a terra’ ". 1 Reis 17:12-14terra’ ". 1 Reis 17:12-14 Fórmula de EliasFórmula de Elias
  • 13. Honre a Deus em 1º Lugar!Honre a Deus em 1º Lugar! Não coma as sementes.Não coma as sementes. Fórmula de EliasFórmula de Elias
  • 14. Certo dia, a mulher de um dos discípulos dos profetas foi falarCerto dia, a mulher de um dos discípulos dos profetas foi falar a Eliseu: "Teu servo, meu marido, morreu, e tu sabes que elea Eliseu: "Teu servo, meu marido, morreu, e tu sabes que ele temia o Senhor. Mas agora veio um credor que está querendotemia o Senhor. Mas agora veio um credor que está querendo levar meus dois filhos como escravos". Eliseu perguntou-lhe:levar meus dois filhos como escravos". Eliseu perguntou-lhe: "Como posso ajudá-la? Diga-me,"Como posso ajudá-la? Diga-me, o que você tem em casa?o que você tem em casa? " E" E ela respondeu: "Tua serva não temela respondeu: "Tua serva não tem nada além de uma vasilhanada além de uma vasilha de azeitede azeite". Então disse Eliseu: "Vá pedir emprestadas". Então disse Eliseu: "Vá pedir emprestadas vasilhasvasilhas a todos os vizinhosa todos os vizinhos. Mas,. Mas, peça muitaspeça muitas. Depois entre em casa. Depois entre em casa com seus filhos e feche a porta. Derrame daquele azeite emcom seus filhos e feche a porta. Derrame daquele azeite em cada vasilha e vá separando as que você for enchendo". Depoiscada vasilha e vá separando as que você for enchendo". Depois disso, ela foi embora, fechou-se em casa com seus filhos edisso, ela foi embora, fechou-se em casa com seus filhos e começou a encher as vasilhas que eles lhe traziam. Quandocomeçou a encher as vasilhas que eles lhe traziam. Quando todas as vasilhas estavam cheias, ela disse a um dos filhos:todas as vasilhas estavam cheias, ela disse a um dos filhos: "Traga-me mais uma". Mas ele respondeu:"Traga-me mais uma". Mas ele respondeu: "Já acabaram"."Já acabaram". Então o azeite parou de correrEntão o azeite parou de correr. 2 Reis 4:1-6.. 2 Reis 4:1-6. Fórmula de EliseuFórmula de Eliseu
  • 15. Você sempre teráVocê sempre terá algo para repartir.algo para repartir. Abençoe quem estáAbençoe quem está ao seu redor.ao seu redor. Fórmula de EliseuFórmula de Eliseu
  • 17. Pensamentos ● Assim como a água reflete o rosto, o coração reflete quem somos nós. Provérbios 27:19. ● Também vimos ali gigantes, os descendentes de Anaque. Perto deles nós nos sentíamos tão pequenos como gafanhotos; e, para eles, também parecíamos gafanhotos. Nm 13:33 NTLH. ● Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas. Colossenses 3:2. ● A mentalidade da carne é morte, mas a mentalidade do Espírito é vida e paz. Rm 8:6. ● Otimistas tem 24% menos de chance de morrer de problemas no coração segundo pesquisa da Universidade de Duke, EUA.
  • 18. Fé ● Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos. Hb 11:1. ● Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam. Hb 11:6. ● Que lhes seja feito segundo a fé que vocês têm! Mateus 9:29. ● Vá! Como você creu, assim lhe acontecerá Mt 8:13. ● Portanto, eu lhes digo: tudo o que vocês pedirem em oração, creiam que já o receberam, e assim lhes sucederá. Mc 11:24.
  • 19. Palavras ● Pela fé entendemos que o universo foi formado pela palavra de Deus, de modo que o que se vê não foi feito do que é visível. Hb 11:3. ● Eu lhes asseguro que se alguém disser a este monte: ‘Levante-se e atire-se no mar’, e não duvidar em seu coração, mas crer que acontecerá o que diz, assim lhe será feito. Mc 11:23. ● Consequentemente, a fé vem por ouvir a mensagem, e a mensagem é ouvida mediante a palavra de Cristo. Rm 10:17.
  • 20. Palavras ● A língua tem poder sobre a vida e sobre a morte; os que gostam de usá-la comerão do seu fruto. Pv 18:21. ● Dize-lhes: Por minha vida, diz o SENHOR, que, como falastes aos meus ouvidos, assim farei a vós outros. Nm 14:28 ARA. ● Esses homens responsáveis por espalhar o relatório negativo sobre a terra morreram subitamente de praga perante o Senhor. Números 14:37.
  • 21. Postura ● Mas, em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Romanos 8:37. ● Mas graças a Deus, que sempre nos conduz vitoriosamente em Cristo e por nosso intermédio exala em todo lugar a fragrância do seu conhecimento; 2 Coríntios 2:14. ● Façam tudo sem queixas nem discussões, para que venham a tornar-se puros e irrepreensíveis, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração corrompida e depravada, na qual vocês brilham como estrelas no universo, Filipenses 2:14-15.
  • 22. Coragem ● Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar". Js 1:9. ● Reveste-se de força e dignidade; sorri diante do futuro. Pv 31:25. ● Estes sinais acompanharão os que crerem: em meu nome expulsarão demônios; falarão novas línguas; Pegarão em serpentes; e, se beberem algum veneno mortal, não lhes fará mal nenhum; imporão as mãos sobre os doentes, e estes ficarão curados". Mc 16:17,18
  • 23. Atitudes ● Agora vá e abandone sua vida de pecado". João 8:11. ● Vão e façam discípulos. Mateus 28:19a. ● Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra". At 1:8. ● Não importa o que aconteça, exerçam a sua cidadania de maneira digna do evangelho de Cristo. Fp 1:27. ● Mas o homem que observa atentamente a lei perfeita que traz a liberdade, e persevera na prática dessa lei, não esquecendo o que ouviu mas praticando-o, será feliz naquilo que fizer. Tiago 1:25
  • 24. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". Jo 16:33.