SlideShare uma empresa Scribd logo
Atmosfera como Fonte de Vida


80 a 550 Km




    50 a 80 Km




        10 a 50 Km




              0 a 10 Km
Poluentes Atmosféricos

  Representa toda substância nociva presente
   no ar, introduzida pelas mãos do homem.


Compostos do Enxofre           SO2, SO3 e H2S
Compostos do Nitrogênio   NO, NO2, N2O, NH3 e HNO3
Óxidos de Carbono                 CO e CO2
Compostos Orgânicos       HC, Álcool, Aldeído e etc
Material Particulado      C (fuligem) e SiO2 (Sílica)
Ozônio Troposférico                   O3
Chuva Ácida

                   Potencial Hidrogeniônico (pH)

               Ácido                         Básico
0                                7                            14



    pH = 2,7    A Ácido                pH = 12     B Básico

          pH = 7,4                           pH = 6,8

               C                                   D
    Levemente Básico                   Levemente Ácido

                        pH = 7   E Neutro
Chuva Ácida




Para que uma chuva seja ácida, basta apenas
           apresentar um pH < 7.


Para que uma chuva seja potencialmente ácida,
       precisa apresentar um pH < 5,6.
Chuva Ácida



    Poluídos                   Não Poluídos
(Óxidos do Enxofre)
  [SO2 e SO3]
                  Ausência de          Presença de
                    Raios e              Raios e
                  Relâmpagos           Relâmpagos
                (Óxidos do Carbono) (Óxidos do Nitrogênio)
                       [CO2]                [NO2]
Chuva Ácida


   Os principais responsáveis pela chuva ácida
            são: SO2, SO3, CO2 e NO2.

  A chuva ácida atua de forma mais intensa nos
           grandes centros urbanos.

Onde existem indústrias Metalúrgicas, de petróleo e
     centros de extração da carvão mineral.
Chuva Ácida

Os ácidos são formados da seguinte forma:
       Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos
              AO

        Ametal
        Nox≥ +4

         +4   -2                 +6   -2
   :      S O2         x         S O3
         +4   -4 =0              +6   -6 =0
Chuva Ácida

Os ácidos são formados da seguinte forma:
     Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos
             AO

       Ametal
       Nox≥ +4

        +4   -2                 +4   -2
         C O2                   N O2
        +4   -4 =0              +4   -4 =0
Chuva Ácida

Os ácidos são formados da seguinte forma:
     Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos


      C1O2 + H 2 O1
         2                 H 2 C1 O 3

         CO2 + H2O  H2CO3

      S1O2 + H 2 O1
         2     2           H 2 S1 O 3

         SO2 + H2O  H2SO3
Chuva Ácida

Os ácidos são formados da seguinte forma:
     Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos



       SO3 + H2O          H2SO4


  2 NO2 + H2O          HNO2 + HNO3
Chuva Ácida
Os óxidos são formados da seguinte forma:
 Toda combustão orgânica pode gerar:
    Combustão do etanol (C2H6O)


   1 C2H6O + 3 O2  2 CO2 + 3 H2O

    1 C2H6O + 2 O2  2 CO + 3 H2O

    1 C2H6O + 1 O2  2 C + 3 H2O
Chuva Ácida
  Os óxidos são formados da seguinte forma:

   A queima de combustíveis fósseis também
   acaba provocando a combustão do enxofre.

              S + O2  SO2

O dióxido de enxofre lançado na atmosfera acaba
           sendo oxidado novamente.

            2 SO2 + O2  SO3
Chuva Ácida
Os óxidos são formados da seguinte forma:

      Nos motores de combustão interna,
     o ar utilizado apresenta os gases N2 e
    O2 que não se combinam nas condições
                     ambiente.

           N2 + O2  2 NO

           2 NO + O2  2 NO2
Chuva Ácida
        Consequencias da Chuva Ácida
  Qualquer substância que apresente afinidade
química com substâncias ácidas sofrerá corrosão.
          Acidifica o solo
          Destrói florestas
          Acidifica rios e lagos
         Causa danos materiais
         Causa problemas respiratórios
  Alc.,Alc.Terr., Al, Mn, Zn, Cr, Fe, Cd, Co, Ni, Sn e Pb
          Carbonatos (pedra sabão e mármore)
Chuva Ácida
Consequencias da Chuva Ácida
Chuva Ácida
Consequencias da Chuva Ácida
Chuva Ácida
Consequencias da Chuva Ácida
Chuva Ácida
Consequencias da Chuva Ácida
Chuva Ácida
Consequencias da Chuva Ácida
Chuva Ácida


   Medidas para combater a Chuva Ácida

Eliminar o enxofre dos derivados do petróleo.
Restrição de combustíveis fósseis.

Tratamento dos resíduos de SO2.

Produção de catalisadores mais efetivos
Efeito Estufa

Estufa é um recinto fechado em que se eleva a
         temperatura do ar ambiente.
Efeito Estufa
É o acúmulo de gases estufa na atmosfera da terra.
Efeito Estufa
Os principais responsáveis pelo efeito estufa, são:
   CO2; CH4; CFC; N2O, NO e NO2; O3 e H2O
   (50%) (16%) (10%)      (6%)      (10%)   (8%)


O Efeito Estufa é um mal necessário, pois sem ele,
  a superfície de nosso planeta seria muito fria.

Quanto maior a concentração de CO2 na atmosfera
   de um planeta, maior será o efeito estufa e
 consequentemente maior será a temperatura da
              superfície do mesmo.
Efeito Estufa

           95% da Atmosfera de Vênus é
                composta de CO2
Vênus   A temperatura média da superfície de
                 Vênus é de 450°C.



           0,03% da Atmosfera da Terra é
                 composta de CO2
Terra   A temperatura média da superfície da
                 Terra é de 14,5°C.
Efeito Estufa
    As principais consequências previstas para a
          intensificação do efeito estufa são:
Aumento da temperatura média da superfície da terra.
Degelo das calotas polares.
Elevação do nível das águas.
Tempestades
Aquecimento de águas profundas.
Secas
Alterações completas nos fenômenos climáticos.
Efeito Estufa


As medidas necessárias para combater os avanços
    nas concentrações de CO2 no mundo são:

   Restrição a combustíveis fósseis.

   Estimulação a combustíveis alternativos limpos.

   Fazer o controle das queimadas.
Camada de Ozônio
Camada de Ozônio


A camada de ozônio tem como finalidade filtrar e
absorver os raios UV-B que podem vir a provocar
      o melanoma que é o câncer de pele.

  A camada de ozônio encontra-se no limite
              da estratosfera.

    O seu grande problema é a destruição,
  causada basicamente pelos CFC’s e óxidos
                de nitrogênio.
Camada de Ozônio


Antigamente os CFC’s eram utilizados como gases
propelentes, gases refrigerantes e expansores da
               indústria de isopor.
Camada de Ozônio

      Mecanismo da Destruição

 CF2Cl2               CF2Cl     + Cl
                UV




 Cl    + O3            ClO + O2

ClO + O3               Cl     + 2 O2

      2 O3               3 O2
Camada de Ozônio

   Mecanismo da Destruição



NO   + O3          NO2 + O2

NO2 + O3           NO       + 2 O2

  2 O3              3 O2
Camada de Ozônio


    A destruição da camada de ozônio pode ser
             evitada da seguinte forma:
   Restringindo o uso de CFC’s

   A produção de carros com filtros catalíticos.


Atualmente os CFC’s foram substituídos pelos CFH’s.
Camada de Ozônio

O Monitoramento
Química Ambiental

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Acidez e basicidade na química orgânica
Acidez e basicidade na química orgânicaAcidez e basicidade na química orgânica
Acidez e basicidade na química orgânica
Profª Alda Ernestina
 
Termometria
TermometriaTermometria
Termometria
Rildo Borges
 
Cinetica quimica
Cinetica quimicaCinetica quimica
Cinetica quimica
Liana Maia
 
Aula eletrolise
Aula  eletroliseAula  eletrolise
Aula eletrolise
Adrianne Mendonça
 
Forca e Nomenclatura dos Ácidos
Forca e Nomenclatura dos ÁcidosForca e Nomenclatura dos Ácidos
Forca e Nomenclatura dos Ácidos
Hebertty Dantas
 
Aula sobre matéria
Aula sobre matériaAula sobre matéria
Aula sobre matéria
Rodrigo Rocha de Lima
 
Número de oxidação (Nox)
Número de oxidação (Nox)Número de oxidação (Nox)
Número de oxidação (Nox)
Fábio Garcia Ferreira
 
Aula 1 Elementos SubstâNcias E Misturas2
Aula 1   Elementos SubstâNcias E Misturas2Aula 1   Elementos SubstâNcias E Misturas2
Aula 1 Elementos SubstâNcias E Misturas2
Nelson Virgilio Carvalho Filho
 
Tabela periódica
Tabela periódicaTabela periódica
Tabela periódica
Thiago Benevides
 
Leis ponderais
Leis ponderaisLeis ponderais
Equilíbrio Iônico
Equilíbrio IônicoEquilíbrio Iônico
Equilíbrio Iônico
Paulo Filho
 
Balanceamento de equações químicas
Balanceamento de equações químicasBalanceamento de equações químicas
Balanceamento de equações químicas
Rafael Nishikawa
 
Aula sobre ligações químicas
Aula sobre ligações químicasAula sobre ligações químicas
Aula sobre ligações químicas
Profª Alda Ernestina
 
P h
P hP h
Aula radioatividade
Aula radioatividadeAula radioatividade
Aula radioatividade
Nai Mariano
 
Fisico quimica
Fisico quimicaFisico quimica
Fisico quimica
Marconi Borba Mondo
 
Reações de Substituição Nucleofílica e de Eliminação
Reações de Substituição Nucleofílica e de EliminaçãoReações de Substituição Nucleofílica e de Eliminação
Reações de Substituição Nucleofílica e de Eliminação
José Nunes da Silva Jr.
 
Aula sobre tabela periódica
Aula sobre tabela periódicaAula sobre tabela periódica
Aula sobre tabela periódica
Augusto Sérgio Costa Souza
 
PLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docx
PLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docxPLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docx
PLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docx
ArieneMouraDias1
 
Reações químicas
Reações químicasReações químicas
Reações químicas
Larissa Cadorin
 

Mais procurados (20)

Acidez e basicidade na química orgânica
Acidez e basicidade na química orgânicaAcidez e basicidade na química orgânica
Acidez e basicidade na química orgânica
 
Termometria
TermometriaTermometria
Termometria
 
Cinetica quimica
Cinetica quimicaCinetica quimica
Cinetica quimica
 
Aula eletrolise
Aula  eletroliseAula  eletrolise
Aula eletrolise
 
Forca e Nomenclatura dos Ácidos
Forca e Nomenclatura dos ÁcidosForca e Nomenclatura dos Ácidos
Forca e Nomenclatura dos Ácidos
 
Aula sobre matéria
Aula sobre matériaAula sobre matéria
Aula sobre matéria
 
Número de oxidação (Nox)
Número de oxidação (Nox)Número de oxidação (Nox)
Número de oxidação (Nox)
 
Aula 1 Elementos SubstâNcias E Misturas2
Aula 1   Elementos SubstâNcias E Misturas2Aula 1   Elementos SubstâNcias E Misturas2
Aula 1 Elementos SubstâNcias E Misturas2
 
Tabela periódica
Tabela periódicaTabela periódica
Tabela periódica
 
Leis ponderais
Leis ponderaisLeis ponderais
Leis ponderais
 
Equilíbrio Iônico
Equilíbrio IônicoEquilíbrio Iônico
Equilíbrio Iônico
 
Balanceamento de equações químicas
Balanceamento de equações químicasBalanceamento de equações químicas
Balanceamento de equações químicas
 
Aula sobre ligações químicas
Aula sobre ligações químicasAula sobre ligações químicas
Aula sobre ligações químicas
 
P h
P hP h
P h
 
Aula radioatividade
Aula radioatividadeAula radioatividade
Aula radioatividade
 
Fisico quimica
Fisico quimicaFisico quimica
Fisico quimica
 
Reações de Substituição Nucleofílica e de Eliminação
Reações de Substituição Nucleofílica e de EliminaçãoReações de Substituição Nucleofílica e de Eliminação
Reações de Substituição Nucleofílica e de Eliminação
 
Aula sobre tabela periódica
Aula sobre tabela periódicaAula sobre tabela periódica
Aula sobre tabela periódica
 
PLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docx
PLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docxPLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docx
PLANO DE CURSO 3º ano - quimica - 2022.docx
 
Reações químicas
Reações químicasReações químicas
Reações químicas
 

Destaque

Água, O Combustível da Vida
Água, O Combustível da VidaÁgua, O Combustível da Vida
Água, O Combustível da Vida
Cláudio Santos
 
Descarte do Lixo
Descarte do LixoDescarte do Lixo
Descarte do Lixo
Cláudio Santos
 
Quimica Ambiental I
Quimica Ambiental IQuimica Ambiental I
Quimica Ambiental I
Dan Dan Barraza
 
Quimica ambiental
Quimica ambientalQuimica ambiental
Quimica ambiental
Romulo Viana
 
Mercúrio na Garimpagem
Mercúrio na GarimpagemMercúrio na Garimpagem
Mercúrio na Garimpagem
Cláudio Santos
 
Revisão LV 2017
Revisão LV 2017Revisão LV 2017
Revisão LV 2017
Cláudio Santos
 

Destaque (6)

Água, O Combustível da Vida
Água, O Combustível da VidaÁgua, O Combustível da Vida
Água, O Combustível da Vida
 
Descarte do Lixo
Descarte do LixoDescarte do Lixo
Descarte do Lixo
 
Quimica Ambiental I
Quimica Ambiental IQuimica Ambiental I
Quimica Ambiental I
 
Quimica ambiental
Quimica ambientalQuimica ambiental
Quimica ambiental
 
Mercúrio na Garimpagem
Mercúrio na GarimpagemMercúrio na Garimpagem
Mercúrio na Garimpagem
 
Revisão LV 2017
Revisão LV 2017Revisão LV 2017
Revisão LV 2017
 

Semelhante a Química Ambiental

Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
Adrianne Mendonça
 
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Hamilton Hermes de Oliveira
 
Chuva acida
Chuva acidaChuva acida
Chuva acida
wddan
 
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptxFunções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
DanielleReisLucas
 
Apresentação óxidos 2012
Apresentação óxidos 2012Apresentação óxidos 2012
Apresentação óxidos 2012
José Marcelo Cangemi
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
Claysson Xavier
 
senai chuva acida
senai chuva acidasenai chuva acida
senai chuva acida
Leandro Guss
 
óXidos
óXidosóXidos
óXidos
Nathan Lopes
 
Química ambiental problemas ambientais
Química ambiental   problemas ambientaisQuímica ambiental   problemas ambientais
Química ambiental problemas ambientais
Elio Rocha
 
5a Serie PoluiçãO Ar
5a Serie   PoluiçãO Ar5a Serie   PoluiçãO Ar
5a Serie PoluiçãO Ar
SESI 422 - Americana
 
Design 1
Design 1Design 1
aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...
aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...
aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...
Vem cá Prô Claudia Marques
 
Lista 12 2016
Lista 12   2016Lista 12   2016
Lista 12 2016
profNICODEMOS
 
Acida
AcidaAcida
Óxidos
ÓxidosÓxidos
Quimica Atmosfera
Quimica AtmosferaQuimica Atmosfera
Quimica Atmosfera
Raquel Gastao Daniel
 
Relatorio Óxidos
Relatorio ÓxidosRelatorio Óxidos
Relatorio Óxidos
MarianaMartinsR
 
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7   grupo 5 a eng. ambientalAula 7   grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
Yuri José
 
Química ambiental - poluição ambiental
 Química ambiental - poluição ambiental Química ambiental - poluição ambiental
Química ambiental - poluição ambiental
Hamilton Hermes de Oliveira
 
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERAProf(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
CarlaRosario
 

Semelhante a Química Ambiental (20)

Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
 
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
 
Chuva acida
Chuva acidaChuva acida
Chuva acida
 
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptxFunções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
 
Apresentação óxidos 2012
Apresentação óxidos 2012Apresentação óxidos 2012
Apresentação óxidos 2012
 
Chuva Ácida
Chuva ÁcidaChuva Ácida
Chuva Ácida
 
senai chuva acida
senai chuva acidasenai chuva acida
senai chuva acida
 
óXidos
óXidosóXidos
óXidos
 
Química ambiental problemas ambientais
Química ambiental   problemas ambientaisQuímica ambiental   problemas ambientais
Química ambiental problemas ambientais
 
5a Serie PoluiçãO Ar
5a Serie   PoluiçãO Ar5a Serie   PoluiçãO Ar
5a Serie PoluiçãO Ar
 
Design 1
Design 1Design 1
Design 1
 
aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...
aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...
aula 15.08.2020 Apresentacao aula 4_-_ciencias_da_natureza_-_cotidiano_e_polu...
 
Lista 12 2016
Lista 12   2016Lista 12   2016
Lista 12 2016
 
Acida
AcidaAcida
Acida
 
Óxidos
ÓxidosÓxidos
Óxidos
 
Quimica Atmosfera
Quimica AtmosferaQuimica Atmosfera
Quimica Atmosfera
 
Relatorio Óxidos
Relatorio ÓxidosRelatorio Óxidos
Relatorio Óxidos
 
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7   grupo 5 a eng. ambientalAula 7   grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
 
Química ambiental - poluição ambiental
 Química ambiental - poluição ambiental Química ambiental - poluição ambiental
Química ambiental - poluição ambiental
 
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERAProf(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
Prof(a) Luis Carlos / ATMOSFERA
 

Mais de Cláudio Santos

Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro
Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro
Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro
Cláudio Santos
 
Revisão ENEM 2017 Ideal Batista Campos
Revisão ENEM 2017 Ideal Batista CamposRevisão ENEM 2017 Ideal Batista Campos
Revisão ENEM 2017 Ideal Batista Campos
Cláudio Santos
 
Energia Renovável
Energia RenovávelEnergia Renovável
Energia Renovável
Cláudio Santos
 
Aulão solidário 2015
Aulão solidário 2015Aulão solidário 2015
Aulão solidário 2015
Cláudio Santos
 
Orgânica
OrgânicaOrgânica
Orgânica
Cláudio Santos
 
Separação de Misturas
Separação de MisturasSeparação de Misturas
Separação de Misturas
Cláudio Santos
 
Energia Fóssil
Energia FóssilEnergia Fóssil
Energia Fóssil
Cláudio Santos
 
Radioatividade
RadioatividadeRadioatividade
Radioatividade
Cláudio Santos
 
Introdução à Reações Orgânicas
Introdução à Reações OrgânicasIntrodução à Reações Orgânicas
Introdução à Reações Orgânicas
Cláudio Santos
 
Soluções
SoluçõesSoluções
Soluções
Cláudio Santos
 
Funções Minerais
Funções MineraisFunções Minerais
Funções Minerais
Cláudio Santos
 
Tabela periódica
Tabela periódicaTabela periódica
Tabela periódica
Cláudio Santos
 
Introdução á química
Introdução á químicaIntrodução á química
Introdução á química
Cláudio Santos
 
Ligações químicas
Ligações químicasLigações químicas
Ligações químicas
Cláudio Santos
 
Geometria molecular
Geometria molecularGeometria molecular
Geometria molecular
Cláudio Santos
 
Fórmulas
FórmulasFórmulas
Fórmulas
Cláudio Santos
 
Complementos
ComplementosComplementos
Complementos
Cláudio Santos
 
Polaridade
PolaridadePolaridade
Polaridade
Cláudio Santos
 
Eletrosfera
EletrosferaEletrosfera
Eletrosfera
Cláudio Santos
 
Diagrama
DiagramaDiagrama
Diagrama
Cláudio Santos
 

Mais de Cláudio Santos (20)

Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro
Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro
Lixo: O Aproveitamento Como Economia Para o Futuro
 
Revisão ENEM 2017 Ideal Batista Campos
Revisão ENEM 2017 Ideal Batista CamposRevisão ENEM 2017 Ideal Batista Campos
Revisão ENEM 2017 Ideal Batista Campos
 
Energia Renovável
Energia RenovávelEnergia Renovável
Energia Renovável
 
Aulão solidário 2015
Aulão solidário 2015Aulão solidário 2015
Aulão solidário 2015
 
Orgânica
OrgânicaOrgânica
Orgânica
 
Separação de Misturas
Separação de MisturasSeparação de Misturas
Separação de Misturas
 
Energia Fóssil
Energia FóssilEnergia Fóssil
Energia Fóssil
 
Radioatividade
RadioatividadeRadioatividade
Radioatividade
 
Introdução à Reações Orgânicas
Introdução à Reações OrgânicasIntrodução à Reações Orgânicas
Introdução à Reações Orgânicas
 
Soluções
SoluçõesSoluções
Soluções
 
Funções Minerais
Funções MineraisFunções Minerais
Funções Minerais
 
Tabela periódica
Tabela periódicaTabela periódica
Tabela periódica
 
Introdução á química
Introdução á químicaIntrodução á química
Introdução á química
 
Ligações químicas
Ligações químicasLigações químicas
Ligações químicas
 
Geometria molecular
Geometria molecularGeometria molecular
Geometria molecular
 
Fórmulas
FórmulasFórmulas
Fórmulas
 
Complementos
ComplementosComplementos
Complementos
 
Polaridade
PolaridadePolaridade
Polaridade
 
Eletrosfera
EletrosferaEletrosfera
Eletrosfera
 
Diagrama
DiagramaDiagrama
Diagrama
 

Último

Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 

Química Ambiental

  • 1. Atmosfera como Fonte de Vida 80 a 550 Km 50 a 80 Km 10 a 50 Km 0 a 10 Km
  • 2. Poluentes Atmosféricos Representa toda substância nociva presente no ar, introduzida pelas mãos do homem. Compostos do Enxofre SO2, SO3 e H2S Compostos do Nitrogênio NO, NO2, N2O, NH3 e HNO3 Óxidos de Carbono CO e CO2 Compostos Orgânicos HC, Álcool, Aldeído e etc Material Particulado C (fuligem) e SiO2 (Sílica) Ozônio Troposférico O3
  • 3. Chuva Ácida Potencial Hidrogeniônico (pH) Ácido Básico 0 7 14 pH = 2,7 A Ácido pH = 12 B Básico pH = 7,4 pH = 6,8 C D Levemente Básico Levemente Ácido pH = 7 E Neutro
  • 4. Chuva Ácida Para que uma chuva seja ácida, basta apenas apresentar um pH < 7. Para que uma chuva seja potencialmente ácida, precisa apresentar um pH < 5,6.
  • 5. Chuva Ácida Poluídos Não Poluídos (Óxidos do Enxofre) [SO2 e SO3] Ausência de Presença de Raios e Raios e Relâmpagos Relâmpagos (Óxidos do Carbono) (Óxidos do Nitrogênio) [CO2] [NO2]
  • 6. Chuva Ácida Os principais responsáveis pela chuva ácida são: SO2, SO3, CO2 e NO2. A chuva ácida atua de forma mais intensa nos grandes centros urbanos. Onde existem indústrias Metalúrgicas, de petróleo e centros de extração da carvão mineral.
  • 7. Chuva Ácida Os ácidos são formados da seguinte forma: Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos AO Ametal Nox≥ +4 +4 -2 +6 -2 : S O2 x S O3 +4 -4 =0 +6 -6 =0
  • 8. Chuva Ácida Os ácidos são formados da seguinte forma: Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos AO Ametal Nox≥ +4 +4 -2 +4 -2 C O2 N O2 +4 -4 =0 +4 -4 =0
  • 9. Chuva Ácida Os ácidos são formados da seguinte forma: Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos C1O2 + H 2 O1 2 H 2 C1 O 3 CO2 + H2O  H2CO3 S1O2 + H 2 O1 2 2 H 2 S1 O 3 SO2 + H2O  H2SO3
  • 10. Chuva Ácida Os ácidos são formados da seguinte forma: Óxidos Ácidos + H2O  Ácidos SO3 + H2O H2SO4 2 NO2 + H2O HNO2 + HNO3
  • 11. Chuva Ácida Os óxidos são formados da seguinte forma: Toda combustão orgânica pode gerar: Combustão do etanol (C2H6O) 1 C2H6O + 3 O2  2 CO2 + 3 H2O 1 C2H6O + 2 O2  2 CO + 3 H2O 1 C2H6O + 1 O2  2 C + 3 H2O
  • 12. Chuva Ácida Os óxidos são formados da seguinte forma: A queima de combustíveis fósseis também acaba provocando a combustão do enxofre. S + O2  SO2 O dióxido de enxofre lançado na atmosfera acaba sendo oxidado novamente. 2 SO2 + O2  SO3
  • 13. Chuva Ácida Os óxidos são formados da seguinte forma: Nos motores de combustão interna, o ar utilizado apresenta os gases N2 e O2 que não se combinam nas condições ambiente. N2 + O2  2 NO 2 NO + O2  2 NO2
  • 14. Chuva Ácida Consequencias da Chuva Ácida Qualquer substância que apresente afinidade química com substâncias ácidas sofrerá corrosão. Acidifica o solo Destrói florestas Acidifica rios e lagos Causa danos materiais Causa problemas respiratórios Alc.,Alc.Terr., Al, Mn, Zn, Cr, Fe, Cd, Co, Ni, Sn e Pb Carbonatos (pedra sabão e mármore)
  • 20. Chuva Ácida Medidas para combater a Chuva Ácida Eliminar o enxofre dos derivados do petróleo. Restrição de combustíveis fósseis. Tratamento dos resíduos de SO2. Produção de catalisadores mais efetivos
  • 21. Efeito Estufa Estufa é um recinto fechado em que se eleva a temperatura do ar ambiente.
  • 22. Efeito Estufa É o acúmulo de gases estufa na atmosfera da terra.
  • 23. Efeito Estufa Os principais responsáveis pelo efeito estufa, são: CO2; CH4; CFC; N2O, NO e NO2; O3 e H2O (50%) (16%) (10%) (6%) (10%) (8%) O Efeito Estufa é um mal necessário, pois sem ele, a superfície de nosso planeta seria muito fria. Quanto maior a concentração de CO2 na atmosfera de um planeta, maior será o efeito estufa e consequentemente maior será a temperatura da superfície do mesmo.
  • 24. Efeito Estufa 95% da Atmosfera de Vênus é composta de CO2 Vênus A temperatura média da superfície de Vênus é de 450°C. 0,03% da Atmosfera da Terra é composta de CO2 Terra A temperatura média da superfície da Terra é de 14,5°C.
  • 25. Efeito Estufa As principais consequências previstas para a intensificação do efeito estufa são: Aumento da temperatura média da superfície da terra. Degelo das calotas polares. Elevação do nível das águas. Tempestades Aquecimento de águas profundas. Secas Alterações completas nos fenômenos climáticos.
  • 26. Efeito Estufa As medidas necessárias para combater os avanços nas concentrações de CO2 no mundo são: Restrição a combustíveis fósseis. Estimulação a combustíveis alternativos limpos. Fazer o controle das queimadas.
  • 28. Camada de Ozônio A camada de ozônio tem como finalidade filtrar e absorver os raios UV-B que podem vir a provocar o melanoma que é o câncer de pele. A camada de ozônio encontra-se no limite da estratosfera. O seu grande problema é a destruição, causada basicamente pelos CFC’s e óxidos de nitrogênio.
  • 29. Camada de Ozônio Antigamente os CFC’s eram utilizados como gases propelentes, gases refrigerantes e expansores da indústria de isopor.
  • 30. Camada de Ozônio Mecanismo da Destruição CF2Cl2 CF2Cl + Cl UV Cl + O3 ClO + O2 ClO + O3 Cl + 2 O2 2 O3 3 O2
  • 31. Camada de Ozônio Mecanismo da Destruição NO + O3 NO2 + O2 NO2 + O3 NO + 2 O2 2 O3 3 O2
  • 32. Camada de Ozônio A destruição da camada de ozônio pode ser evitada da seguinte forma: Restringindo o uso de CFC’s A produção de carros com filtros catalíticos. Atualmente os CFC’s foram substituídos pelos CFH’s.
  • 33. Camada de Ozônio O Monitoramento