SlideShare uma empresa Scribd logo
PÓS-MÉDIO
MATRIZ DE REFERÊNCIA DO ENEM
COMPETÊNCIA DE ÁREA 8
Compreender e usar a língua portuguesa
como língua materna, geradora de
significação e integradora da organização
do mundo e da própria identidade.
HABILIDADE
H25 – Identificar, em textos de diferentes
gêneros, as marcas linguísticas que
singularizam as variedades linguísticas
sociais, regionais e de registro.
No texto, os recursos verbais e não
verbais empregados têm por objetivo
(A) divulgar informações científicas
sobre o uso indiscriminado de
aparelhos celulares.
(B) influenciar o leitor a mudar atitudes
e hábitos considerados prejudiciais às
crianças.
(C) relacionar o uso da tecnologia aos
efeitos decorrentes da falta de
exercícios físicos.
(D) indicar medidas eficazes para
desestimular utilização de telefones
pelo público infantil.
QUESTÃO 01
No texto, os recursos verbais e não
verbais empregados têm por objetivo
(A) divulgar informações científicas
sobre o uso indiscriminado de
aparelhos celulares.
(B) influenciar o leitor a mudar atitudes
e hábitos considerados prejudiciais às
crianças.
(C) relacionar o uso da tecnologia aos
efeitos decorrentes da falta de
exercícios físicos.
(D) indicar medidas eficazes para
desestimular utilização de telefones
pelo público infantil.
QUESTÃO 01
A associação entre o texto verbal e as
imagens da garrafa e do cão configura
recurso expressivo que busca
(A) estimular denúncias de maus-tratos
contra animais.
(B) desvincular o conceito de descarte
da ideia de negligência.
(C) incentivar campanhas de adoção de
animais em situação de rua.
(D) sensibilizar o público em relação ao
abandono de animais domésticos.
(E) alertar a população sobre as sanções
legais acerca de uma prática criminosa.
QUESTÃO 02
A associação entre o texto verbal e as
imagens da garrafa e do cão configura
recurso expressivo que busca
(A) estimular denúncias de maus-tratos
contra animais.
(B) desvincular o conceito de descarte
da ideia de negligência.
(C) incentivar campanhas de adoção de
animais em situação de rua.
(D) sensibilizar o público em relação ao
abandono de animais domésticos.
(E) alertar a população sobre as sanções
legais acerca de uma prática criminosa.
QUESTÃO 02
(ENEM/2020-Adaptada) Leia os textos a seguir.
TEXTO I
POESIA EM CARTAZ
O caminho habitual para o trabalho, aquele em
que a gente já nem repara direito, pode ficar
mais belo comum poema. O projeto
#UmLambePorDia nasceu desta intenção: trazer
mais cor e alegria para a cidade por meio de
cartazes coloridos ao estilo lambe-lambe. Quem
teve a ideia foi o escritor Leonardo Beltrão, em
Belo Horizonte. “Em meio a olhares cada vez
mais viciados, acabamos nos esquecendo da
beleza envolvida em cada esquina e no próprio
poder transformador da palavra”. Assim, a cada
dia um cartaz é colocado por aí, para nos
QUESTÃO 03
TEXTO II
Considerando-se a função que os cartazes colados em
postes normalmente exercem nas ruas das cidades
grandes, esse texto evidencia a
(A) disseminação da arte poética em um veículo não
convencional.
(B) manutenção da expectativa das pessoas ao andarem
pelas ruas.
(C) necessidade de exposição de poemas pequenos em
diferentes suportes.
(D) característica corriqueira do suporte lambelambe,
muito comum nas ruas.
(E) exposição da beleza escondida das esquinas da cidade
QUESTÃO 03
Considerando-se a função que os cartazes colados em
postes normalmente exercem nas ruas das cidades
grandes, esse texto evidencia a
(A) disseminação da arte poética em um veículo não
convencional.
(B) manutenção da expectativa das pessoas ao andarem
pelas ruas.
(C) necessidade de exposição de poemas pequenos em
diferentes suportes.
(D) característica corriqueira do suporte lambelambe,
muito comum nas ruas.
QUESTÃO 03
Nesse cartaz, o uso da imagem do
calçado aliada ao texto verbal tem o
objetivo de
(A) criticar as difíceis condições de
vida dos refugiados.
(B) revelar a longa trajetória percorrida
pelos refugiados.
(C) incentivar a campanha de doações
para os refugiados.
(D) denunciar a situação de carência
vivida pelos refugiados.
(E) simbolizar a necessidade de adesão
à causa dos refugiados.
QUESTÃO 04
Nesse cartaz, o uso da imagem do
calçado aliada ao texto verbal tem o
objetivo de
(A) criticar as difíceis condições de
vida dos refugiados.
(B) revelar a longa trajetória percorrida
pelos refugiados.
(C) incentivar a campanha de doações
para os refugiados.
(D) denunciar a situação de carência
vivida pelos refugiados.
(E) simbolizar a necessidade de adesão
à causa dos refugiados.
QUESTÃO 04
Os gêneros de poesia são: lírico, satírico,
didático, épico, ligeiro.
O gênero lírico compreende o lirismo.
Lirismo é a tradução de um sentimento
subjetivo, sincero e pessoal.
É a linguagem do coração, do amor.
O lirismo é assim denominado porque em
outros tempos os versos sentimentais eram
declamados ao som da lira.
O lirismo pode ser:
1.Elegíaco, quando trata de assuntos tristes,
quase sempre a morte.
2.Bucólico, quando versa sobre assuntos
campestres.
3.Erótico, quando versa sobre o amor.
O lirismo elegíaco compreende a elegia, a
nênia, a endecha, o epitáfio e o epicédio.
Elegia é uma poesia que trata de assuntos
tristes.
Nênia é uma poesia em homenagem a uma
pessoa morta.
Era declamada junto à fogueira onde o cadáver
era incinerado.
Endecha e uma poesia que revela as dores do
coração.
Epitáfio é um pequeno verso gravado em
pedras tumulares.
Epicédio é uma poesia onde o poeta relata a
vida de uma pessoa morta.
CESAR, A. C. Poética, São Paulo: Companhia das Letras, 2013.
QUESTÃO 05
No poema de Ana Cristina Cesar, a relação entre as definições
apresentadas e o processo de construção do texto indica que o/a
(A) caráter descritivo dos versos assinala uma concepção irônica
de lirismo.
(B) tom explicativo e contido constitui uma forma peculiar de
expressão poética.
(C) seleção e o recorte do tema revelam uma visão pessimista da
criação artística.
(D) enumeração de distintas manifestações líricas produz um efeito
de impessoalidade.
(E) referência a gêneros poéticos clássicos expressa a adesão do
QUESTÃO 05
No poema de Ana Cristina Cesar, a relação entre as definições
apresentadas e o processo de construção do texto indica que o/a
(A) caráter descritivo dos versos assinala uma concepção irônica
de lirismo.
(B) tom explicativo e contido constitui uma forma peculiar de
expressão poética.
(C) seleção e o recorte do tema revelam uma visão pessimista da
criação artística.
(D) enumeração de distintas manifestações líricas produz um efeito
de impessoalidade.
(E) referência a gêneros poéticos clássicos expressa a adesão do
QUESTÃO 05

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a PÓS-MÉDIO PORT.pptx

Modelos atividades 5 ano
Modelos atividades 5 anoModelos atividades 5 ano
Modelos atividades 5 ano
sabarage
 
Exercícios modernismo
Exercícios   modernismoExercícios   modernismo
Exercícios modernismo
Renato Rodrigues
 
ENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileiras
ENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileirasENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileiras
ENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileiras
ma.no.el.ne.ves
 
Linguagem.enem
Linguagem.enemLinguagem.enem
Linguagem.enem
Rosana Carvalho
 
Interpretação textual 2
Interpretação textual 2Interpretação textual 2
Interpretação textual 2
Fabricio Souza
 
Interpretação textual 2
Interpretação textual 2Interpretação textual 2
Interpretação textual 2
Seduc/AM
 
Aulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJ
Aulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJAulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJ
Aulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJ
CrisBiagio
 
Avaliação2 lp 3 nm
Avaliação2 lp  3 nmAvaliação2 lp  3 nm
Avaliação2 lp 3 nm
Marcia Oliveira
 
Live broo
Live brooLive broo
Live broo
Gilbert Patsayev
 
Avaliação 1 - formatada para o aluno.docx
Avaliação 1 - formatada para o aluno.docxAvaliação 1 - formatada para o aluno.docx
Avaliação 1 - formatada para o aluno.docx
SAMARASILVANOGUEIRAP
 
Focalização e modalização do discurso no enem
Focalização e modalização do discurso no enemFocalização e modalização do discurso no enem
Focalização e modalização do discurso no enem
ma.no.el.ne.ves
 
O TEXTO LITERÁRIO.pptx
O TEXTO LITERÁRIO.pptxO TEXTO LITERÁRIO.pptx
O TEXTO LITERÁRIO.pptx
AnaCludiaSantos40
 
Gabarito 4a avaliação
Gabarito 4a avaliaçãoGabarito 4a avaliação
Gabarito 4a avaliação
universidade federal de mato grosso
 
Literatura 1º-ano
Literatura 1º-anoLiteratura 1º-ano
Literatura 1º-ano
moisaniel furtado
 
Material de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanhola
Material de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanholaMaterial de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanhola
Material de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanhola
NathSantana
 
Avaliaçoes de sociologia pip
Avaliaçoes de sociologia  pipAvaliaçoes de sociologia  pip
Avaliaçoes de sociologia pip
Atividades Diversas Cláudia
 
atividades do Enem
atividades do Enematividades do Enem
atividades do Enem
Daniela Arfeli
 
Português Enem
Português EnemPortuguês Enem
Português Enem
Prof Palmito Rocha
 
Simulado
Simulado Simulado
Conteúdo de linguagem cobrado no enem
Conteúdo de linguagem cobrado no enemConteúdo de linguagem cobrado no enem
Conteúdo de linguagem cobrado no enem
Valéria Alves de Arantes
 

Semelhante a PÓS-MÉDIO PORT.pptx (20)

Modelos atividades 5 ano
Modelos atividades 5 anoModelos atividades 5 ano
Modelos atividades 5 ano
 
Exercícios modernismo
Exercícios   modernismoExercícios   modernismo
Exercícios modernismo
 
ENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileiras
ENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileirasENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileiras
ENEM-2015 resolvido e comentado: Identidades brasileiras
 
Linguagem.enem
Linguagem.enemLinguagem.enem
Linguagem.enem
 
Interpretação textual 2
Interpretação textual 2Interpretação textual 2
Interpretação textual 2
 
Interpretação textual 2
Interpretação textual 2Interpretação textual 2
Interpretação textual 2
 
Aulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJ
Aulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJAulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJ
Aulão de Linguagens - Enem 2017 - CSJ
 
Avaliação2 lp 3 nm
Avaliação2 lp  3 nmAvaliação2 lp  3 nm
Avaliação2 lp 3 nm
 
Live broo
Live brooLive broo
Live broo
 
Avaliação 1 - formatada para o aluno.docx
Avaliação 1 - formatada para o aluno.docxAvaliação 1 - formatada para o aluno.docx
Avaliação 1 - formatada para o aluno.docx
 
Focalização e modalização do discurso no enem
Focalização e modalização do discurso no enemFocalização e modalização do discurso no enem
Focalização e modalização do discurso no enem
 
O TEXTO LITERÁRIO.pptx
O TEXTO LITERÁRIO.pptxO TEXTO LITERÁRIO.pptx
O TEXTO LITERÁRIO.pptx
 
Gabarito 4a avaliação
Gabarito 4a avaliaçãoGabarito 4a avaliação
Gabarito 4a avaliação
 
Literatura 1º-ano
Literatura 1º-anoLiteratura 1º-ano
Literatura 1º-ano
 
Material de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanhola
Material de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanholaMaterial de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanhola
Material de estudo para o enem - linguagens e codigos lingua espanhola
 
Avaliaçoes de sociologia pip
Avaliaçoes de sociologia  pipAvaliaçoes de sociologia  pip
Avaliaçoes de sociologia pip
 
atividades do Enem
atividades do Enematividades do Enem
atividades do Enem
 
Português Enem
Português EnemPortuguês Enem
Português Enem
 
Simulado
Simulado Simulado
Simulado
 
Conteúdo de linguagem cobrado no enem
Conteúdo de linguagem cobrado no enemConteúdo de linguagem cobrado no enem
Conteúdo de linguagem cobrado no enem
 

Último

Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
mozalgebrista
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Luzia Gabriele
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 

Último (20)

Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 

PÓS-MÉDIO PORT.pptx

  • 2. MATRIZ DE REFERÊNCIA DO ENEM COMPETÊNCIA DE ÁREA 8 Compreender e usar a língua portuguesa como língua materna, geradora de significação e integradora da organização do mundo e da própria identidade. HABILIDADE H25 – Identificar, em textos de diferentes gêneros, as marcas linguísticas que singularizam as variedades linguísticas sociais, regionais e de registro.
  • 3. No texto, os recursos verbais e não verbais empregados têm por objetivo (A) divulgar informações científicas sobre o uso indiscriminado de aparelhos celulares. (B) influenciar o leitor a mudar atitudes e hábitos considerados prejudiciais às crianças. (C) relacionar o uso da tecnologia aos efeitos decorrentes da falta de exercícios físicos. (D) indicar medidas eficazes para desestimular utilização de telefones pelo público infantil. QUESTÃO 01
  • 4. No texto, os recursos verbais e não verbais empregados têm por objetivo (A) divulgar informações científicas sobre o uso indiscriminado de aparelhos celulares. (B) influenciar o leitor a mudar atitudes e hábitos considerados prejudiciais às crianças. (C) relacionar o uso da tecnologia aos efeitos decorrentes da falta de exercícios físicos. (D) indicar medidas eficazes para desestimular utilização de telefones pelo público infantil. QUESTÃO 01
  • 5. A associação entre o texto verbal e as imagens da garrafa e do cão configura recurso expressivo que busca (A) estimular denúncias de maus-tratos contra animais. (B) desvincular o conceito de descarte da ideia de negligência. (C) incentivar campanhas de adoção de animais em situação de rua. (D) sensibilizar o público em relação ao abandono de animais domésticos. (E) alertar a população sobre as sanções legais acerca de uma prática criminosa. QUESTÃO 02
  • 6. A associação entre o texto verbal e as imagens da garrafa e do cão configura recurso expressivo que busca (A) estimular denúncias de maus-tratos contra animais. (B) desvincular o conceito de descarte da ideia de negligência. (C) incentivar campanhas de adoção de animais em situação de rua. (D) sensibilizar o público em relação ao abandono de animais domésticos. (E) alertar a população sobre as sanções legais acerca de uma prática criminosa. QUESTÃO 02
  • 7. (ENEM/2020-Adaptada) Leia os textos a seguir. TEXTO I POESIA EM CARTAZ O caminho habitual para o trabalho, aquele em que a gente já nem repara direito, pode ficar mais belo comum poema. O projeto #UmLambePorDia nasceu desta intenção: trazer mais cor e alegria para a cidade por meio de cartazes coloridos ao estilo lambe-lambe. Quem teve a ideia foi o escritor Leonardo Beltrão, em Belo Horizonte. “Em meio a olhares cada vez mais viciados, acabamos nos esquecendo da beleza envolvida em cada esquina e no próprio poder transformador da palavra”. Assim, a cada dia um cartaz é colocado por aí, para nos QUESTÃO 03 TEXTO II
  • 8. Considerando-se a função que os cartazes colados em postes normalmente exercem nas ruas das cidades grandes, esse texto evidencia a (A) disseminação da arte poética em um veículo não convencional. (B) manutenção da expectativa das pessoas ao andarem pelas ruas. (C) necessidade de exposição de poemas pequenos em diferentes suportes. (D) característica corriqueira do suporte lambelambe, muito comum nas ruas. (E) exposição da beleza escondida das esquinas da cidade QUESTÃO 03
  • 9. Considerando-se a função que os cartazes colados em postes normalmente exercem nas ruas das cidades grandes, esse texto evidencia a (A) disseminação da arte poética em um veículo não convencional. (B) manutenção da expectativa das pessoas ao andarem pelas ruas. (C) necessidade de exposição de poemas pequenos em diferentes suportes. (D) característica corriqueira do suporte lambelambe, muito comum nas ruas. QUESTÃO 03
  • 10. Nesse cartaz, o uso da imagem do calçado aliada ao texto verbal tem o objetivo de (A) criticar as difíceis condições de vida dos refugiados. (B) revelar a longa trajetória percorrida pelos refugiados. (C) incentivar a campanha de doações para os refugiados. (D) denunciar a situação de carência vivida pelos refugiados. (E) simbolizar a necessidade de adesão à causa dos refugiados. QUESTÃO 04
  • 11. Nesse cartaz, o uso da imagem do calçado aliada ao texto verbal tem o objetivo de (A) criticar as difíceis condições de vida dos refugiados. (B) revelar a longa trajetória percorrida pelos refugiados. (C) incentivar a campanha de doações para os refugiados. (D) denunciar a situação de carência vivida pelos refugiados. (E) simbolizar a necessidade de adesão à causa dos refugiados. QUESTÃO 04
  • 12. Os gêneros de poesia são: lírico, satírico, didático, épico, ligeiro. O gênero lírico compreende o lirismo. Lirismo é a tradução de um sentimento subjetivo, sincero e pessoal. É a linguagem do coração, do amor. O lirismo é assim denominado porque em outros tempos os versos sentimentais eram declamados ao som da lira. O lirismo pode ser: 1.Elegíaco, quando trata de assuntos tristes, quase sempre a morte. 2.Bucólico, quando versa sobre assuntos campestres. 3.Erótico, quando versa sobre o amor. O lirismo elegíaco compreende a elegia, a nênia, a endecha, o epitáfio e o epicédio. Elegia é uma poesia que trata de assuntos tristes. Nênia é uma poesia em homenagem a uma pessoa morta. Era declamada junto à fogueira onde o cadáver era incinerado. Endecha e uma poesia que revela as dores do coração. Epitáfio é um pequeno verso gravado em pedras tumulares. Epicédio é uma poesia onde o poeta relata a vida de uma pessoa morta. CESAR, A. C. Poética, São Paulo: Companhia das Letras, 2013. QUESTÃO 05
  • 13. No poema de Ana Cristina Cesar, a relação entre as definições apresentadas e o processo de construção do texto indica que o/a (A) caráter descritivo dos versos assinala uma concepção irônica de lirismo. (B) tom explicativo e contido constitui uma forma peculiar de expressão poética. (C) seleção e o recorte do tema revelam uma visão pessimista da criação artística. (D) enumeração de distintas manifestações líricas produz um efeito de impessoalidade. (E) referência a gêneros poéticos clássicos expressa a adesão do QUESTÃO 05
  • 14. No poema de Ana Cristina Cesar, a relação entre as definições apresentadas e o processo de construção do texto indica que o/a (A) caráter descritivo dos versos assinala uma concepção irônica de lirismo. (B) tom explicativo e contido constitui uma forma peculiar de expressão poética. (C) seleção e o recorte do tema revelam uma visão pessimista da criação artística. (D) enumeração de distintas manifestações líricas produz um efeito de impessoalidade. (E) referência a gêneros poéticos clássicos expressa a adesão do QUESTÃO 05