SlideShare uma empresa Scribd logo
E.E.”CASIMIRO SILVA”
AVALIAÇÂO DE HISTÓRIA DATA:__/__/__
ALUNO (A):________________Nº___ SÉRIE:
PROFESSOR: ____________
Tópico 27. Contestações políticoculturais na década de 1960 Tópico 28. Indústria cultural x identidades culturais
A publicidade ao lado expressa
ideias e valores dos movimentos de
contestação e de crítica de
costumes, ocorridos em sociedades
europeias e americanas, incluindo-se
o Brasil, na década de 1960.
1. Uma das transformações
ocasionadas por esses movimentos
de contestação, claramente
explorada na publicidade, foi:
a) politização das questões de
gênero
b) mecanização do trabalho
doméstico
c) modernização da identidade
feminina
d) massificação dos hábitos de
consumo.
O disco e a música Tropicália
tornaram-se símbolos do
"Tropicalismo", movimento
protagonizado por artistas e
intelectuais, no Brasil, em finais da
década de 1960.
2. Esse movimento destacou-se,
principalmente, pela seguinte
proposta:
(A) valorização do pluralismo
cultural.
(B) denúncia das influências
estrangeiras
(C) enaltecimento da originalidade
nacional
(D) defesa da homogeneização de
comportamentos sociais
3. Nos anos que se seguiram à Segunda Guerra, movimentos como
o Maio de 1968 ou a campanha contra a Guerra do Vietnã
culminaram no estabelecimento de diferentes formas de participação
política. Seus slogans, tais como ”Quando penso em revolução quero
fazer amor“, se tornaram símbolos da agitação cultural nos anos
1960, cuja inovação relacionava-se
A) à contestação da crise econômica europeia, que fora provocada
pela manutenção das guerras coloniais.
B) à organização partidária da juventude comunista, visando o
estabelecimento da ditadura do proletariado.
C) à unificação das noções de libertação social e libertação
individual, fornecendo um significado político ao uso do corpo.
D) à defesa do amor cristão e monogâmico, com fins à reprodução,
que era tomado como solução para os conflitos sociais.
1. 2. 3. 4.
4. Das imagens acima qual ou quais não fazem parte do contexto da década de 60?
a) 1 e 3 b) 2 e 4 c) apenas 1 d) todas fazem parte desse contexto
5. A frase e a imagem ao lado
fazem parte do contexto de
a) movimento pelos direitos
sociais de um transporte de
qualidade.
b) movimento black power pelo
fim da discriminação racial,
usando a violência.
c) oposição á guerra do Vietnã
pelo movimento hippie.
d) liberdade sexual em
oposição a cultura moralista
dos católicos norte americanos
39- (UNIFAL) Analise as charges a seguir. 6. A partir dessas charges, pode-se afirmar que:
a) carnaval e futebol são manifestações da
cultura popular brasileira que ao longo dos anos
vêm polarizando inúmeros programas sociais,
os quais contribuíram, inclusive, para a extinção
da fome no país.
b) o programa Fome-Zero erradicou a fome no
Brasil e, por isso, esse programa é motivo de
grande destaque na mídia, assim como são
carnaval e futebol.
c) as críticas das charges não procedem, pois
não há casos de fome no Brasil.
d) no Brasil, enquanto carnaval e futebol
merecem grande destaque na mídia, a fome
continua assolando, silenciosamente, parte da
população do país
7. Assassinado em 1968, Martin
Luther King iniciou suas atividades
políticas em 1956, a partir do
episódio relatado na reportagem.
O principal resultado das propostas
de Martin Luther King para a
sociedade norte-americana está
diretamente relacionado com:
(A) unificação das leis estaduais
(B) expansão da igualdade social
(C) regulação de causas
trabalhistas
(D) universalização dos direitos
civis
8. A segregação apresentada na imagem foi uma das
principais causas
a) da luta pelos direitos civis nos EUA
b) da segregação na África
c) do inicio da discriminação racial no mundo
d) da luta pelos direitos civis nos EUA
9. Contracultura é um movimento social e musical que
teve seu auge na década de 1960, década de ouro,
quando teve lugar um estilo de
mobilização e contestação social e utilizando novos
meios de comunicação em massa. Jovens inovando
estilos, voltando-se mais para o antissocial aos olhos
das famílias mais conservadoras, com um espírito mais
libertário, resumido como uma cultura underground,
cultura alternativa ou cultura marginal, focada
principalmente nas transformações da consciência, dos
valores e do comportamento.
Os movimentos pelos direitos civis que usaram esse
festival para contestar foram
a) Movimento Black Power e Hippies
b) Movimento Rock e Hippies
c) Movimento feminista e Rock
d) Movimento feminista e Hippies.
ERA UM GAROTO
Que como eu
Amava os Beatles
E os Rolling Stones.
Girava o mundo
Sempre a cantar
As coisas lindas
Da América...
Não era belo
Mas mesmo assim
Havia mil garotas à fim
(...)
Girava o mundo
Mas acabou!
Fazendo a guerra
No Vietnã...
Cabelos longos
Não usa mais
Nem toca a sua
Guitarra e sim
Um instrumento
Que sempre dá
A mesma nota
Ra-tá-tá-tá...
Não tem amigos
Nem vê garotas
Só gente morta
Caindo ao chão
Ao seu país
Não voltará
Pois está morto
No Vietnã...
"Stop!" Com "Rolling
Stones"
"Stop!" Com "Beatles
songs"
No peito um coração não
há
Mas duas medalhas
sim....
Ratá-tá tá tá...
Tatá-rá tá tá...
Ratá-tá tá tá...
Tatá-rá tá tá...
10. A música ao lado
faz referência a
contestação juvenil à
presença norte-
americana na
a) 1ª guerra Mundial
b) 2ª guerra Mundial
c) Guerra Fria
d) Guerra do Vietnã
_____________chegava ao final dos anos 50 e início dos 60, consolidado em sua posição de meio de comunicação de massa,
como um elemento fundamental na formação de hábitos na sociedade brasileira. Dos anos 30 aos 60, ___________________
foi o meio através do qual as novidades tecnológicas, os modismos culturais, as mudanças políticas, as informações e o
entretenimento chegavam ao mesmo tempo aos mais distantes lugares do país, permitindo uma intensa troca entre a
modernidade e a tradição. _____________ajudou a criar novas práticas culturais e de consumo por toda a sociedade brasileira.
11. O meio de comunicação em massa que o texto acima faz referência é
a) a televisão b) o rádio c) o jornal d) a internet
O iê-iê-iê de Roberto Carlos e da Jovem Guarda ajudou a embalar a década de 60 no Brasil. Um período marcado também por
inesquecíveis festivais da música popular brasileira. Da influência do samba e da bossa nova - não propriamente dos ritmos,
mas da sua brasilidade – outro ritmo surgiu na metade da década de 60 o __________________movimento liderado pelos
compositores Caetano Veloso (Alegria, Alegria) e Gilberto Gil (Domingo no Parque). Esta tendência musical misturava as
manifestações da cultura popular, a arte de vanguarda e crítica social.
12. A lacuna acima pode ser completada corretamente pela alternativa
a) Rock b) tropicalismo c) hippie d) jovem guarda
Nem mesmo o golpe militar de 1964 foi suficiente para abafar a efervescência cultural da época, marcada também pela
contestação política. Mas os militares conseguiram impedir a manifestação mais legítima de cidadania: proibiram o voto direto
para presidente da República e representantes de outros cargos majoritários, como governador, prefeito e senador. Apenas
deputados federais, estaduais e vereadores eram escolhidos pelas urnas. O regime que destituiu o presidente João Goulart
fechou emissoras de rádio e televisão, e a censura tornou-se prática comum.
13. O golpe de 64 deu inicio a
a) Ditadura militar no Brasil b) Redemocratização brasileira c) Nova república d) Democratização
HIPPIE quer dizer JOVEM relaxado, com os cabelos longos, rebelde dos anos 60 que aceita a liberdade sexual e o uso de
drogas. Para ser hippie você deve acreditar na paz como a maneira resolver diferenças entre povos, ideologias e religiões.
Amar significa a aceitação de outra enquanto é, dar-lhe a liberdade para expressar-se. Começaram a surgir jovens rebeldes
delinquentes e desajustados, mas com potencial criativo e ideais, o rock psicodélico, as drogas e as contradições dos antigos
valores dados pela sociedade, marcaram esse período.
14. Esse modo de ser dos jovens da década de 60 foi chamado pela história de
a) contra cultura b) vadiagem c) socialismo d) comunismo
Foi nos Anos 60 que nasceu um novo modo de viver, sonhar e morrer, no qual o que importava era a revolução em beneficio do
homem, em nome da liberdade. O homem buscava-se libertar o corpo e a alma de conceitos instituídos pela indústria cultural e
pela comunicação de massa, e entrar em sintonia com seus desejos. Um dia, em abril de 1961 o irreal se tornou real; um
homem, dentro de uma nave espacial, viveu a incrível experiência de ver a Terra em todo o seu conjunto. "A Terra é azul". Este
homem era Yuri Gagarin, anunciando a chegada de um novo tempo.
SLOGANS - "Quando penso em revolução quero fazer amor"; "É proibido proibir"; "A felicidade é o poder estudantil"; Isto faz
um bem; Tudo vai melhor com Coca-Cola; “Faça amor não faça guerra”
15. Diante do multiculturalismo da década de 60, os hippies se manifestaram
a) criando uma sociedade alternativa b) com cenas de homossexualismo
c) usando drogas como cocaína e álcool d) pichando muros e construções

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Musicas anos 60
Musicas anos 60Musicas anos 60
Musicas anos 60
Joao Alex
 
Década de 60
Década de 60Década de 60
Década de 60
dinicmax
 
Anos 60, 70 e 80 cultura
Anos 60, 70 e 80 culturaAnos 60, 70 e 80 cultura
Anos 60, 70 e 80 cultura
samonois
 
Juventude dos anos 60
Juventude dos anos 60Juventude dos anos 60
Juventude dos anos 60
Jorge Almeida
 
Alterações na estrutura social e nos comportamentos.
Alterações na estrutura social e nos comportamentos.Alterações na estrutura social e nos comportamentos.
Alterações na estrutura social e nos comportamentos.
nanasimao
 
A contracultura
A contraculturaA contracultura
A contracultura
Rodrigo Luiz
 
A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...
A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...
A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...
Curso Livre Redação-Eliani Martins
 
Anos 70 no brasil
Anos 70 no brasilAnos 70 no brasil
Problemas da juventude nos anos 60
Problemas da juventude nos anos 60Problemas da juventude nos anos 60
Problemas da juventude nos anos 60
Leonardo Fernandes
 
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferenciaP.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
Julia Martins
 
Poesia Marginal de 1970
Poesia Marginal de 1970Poesia Marginal de 1970
Poesia Marginal de 1970
Jorge Nicolas Paiva de Sousa
 
Década de 60
Década de 60Década de 60
Década de 60
Mariana Weber
 
A Tropicália e a produção cultural brasileira na década de 60
A Tropicália  e a produção cultural brasileira  na década de 60A Tropicália  e a produção cultural brasileira  na década de 60
A Tropicália e a produção cultural brasileira na década de 60
Aline Carvalho
 
O tropicalismo
O tropicalismoO tropicalismo
O tropicalismo
ma.no.el.ne.ves
 
Cultura brasileira 2013 ok
Cultura brasileira 2013 okCultura brasileira 2013 ok
Cultura brasileira 2013 ok
Fabio Salvari
 
Slide Anos 60
Slide Anos 60Slide Anos 60
Slide Anos 60
Fernanda
 
CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80
CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80
CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80
Fabio Salvari
 
Tropicália
TropicáliaTropicália
Tropicália
Helena Brown
 
Anos 60 no Brasil
Anos 60 no BrasilAnos 60 no Brasil
Anos 60 no Brasil
Daniele Fragoso
 
anos 60 resumo
anos 60 resumoanos 60 resumo
anos 60 resumo
Andreza Campos
 

Mais procurados (20)

Musicas anos 60
Musicas anos 60Musicas anos 60
Musicas anos 60
 
Década de 60
Década de 60Década de 60
Década de 60
 
Anos 60, 70 e 80 cultura
Anos 60, 70 e 80 culturaAnos 60, 70 e 80 cultura
Anos 60, 70 e 80 cultura
 
Juventude dos anos 60
Juventude dos anos 60Juventude dos anos 60
Juventude dos anos 60
 
Alterações na estrutura social e nos comportamentos.
Alterações na estrutura social e nos comportamentos.Alterações na estrutura social e nos comportamentos.
Alterações na estrutura social e nos comportamentos.
 
A contracultura
A contraculturaA contracultura
A contracultura
 
A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...
A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...
A cultura como campo de luta e interpretação social no Brasil do Século XX - ...
 
Anos 70 no brasil
Anos 70 no brasilAnos 70 no brasil
Anos 70 no brasil
 
Problemas da juventude nos anos 60
Problemas da juventude nos anos 60Problemas da juventude nos anos 60
Problemas da juventude nos anos 60
 
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferenciaP.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
 
Poesia Marginal de 1970
Poesia Marginal de 1970Poesia Marginal de 1970
Poesia Marginal de 1970
 
Década de 60
Década de 60Década de 60
Década de 60
 
A Tropicália e a produção cultural brasileira na década de 60
A Tropicália  e a produção cultural brasileira  na década de 60A Tropicália  e a produção cultural brasileira  na década de 60
A Tropicália e a produção cultural brasileira na década de 60
 
O tropicalismo
O tropicalismoO tropicalismo
O tropicalismo
 
Cultura brasileira 2013 ok
Cultura brasileira 2013 okCultura brasileira 2013 ok
Cultura brasileira 2013 ok
 
Slide Anos 60
Slide Anos 60Slide Anos 60
Slide Anos 60
 
CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80
CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80
CULTURA BRASILEIRA DE 50 A 80
 
Tropicália
TropicáliaTropicália
Tropicália
 
Anos 60 no Brasil
Anos 60 no BrasilAnos 60 no Brasil
Anos 60 no Brasil
 
anos 60 resumo
anos 60 resumoanos 60 resumo
anos 60 resumo
 

Destaque

AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...
Prof. Noe Assunção
 
Imagens neolitico e paleo diferenças
Imagens neolitico e paleo diferençasImagens neolitico e paleo diferenças
Imagens neolitico e paleo diferenças
monica araujo
 
Exercicio complete primeira guerra
Exercicio complete primeira guerraExercicio complete primeira guerra
Exercicio complete primeira guerra
monica araujo
 
Prova 5 serie
Prova 5 serieProva 5 serie
Prova 5 serie
monica araujo
 
Avaliacao 8 serie 2
Avaliacao 8 serie 2Avaliacao 8 serie 2
Avaliacao 8 serie 2
monica araujo
 
Abc da diversidade
Abc da diversidadeAbc da diversidade
Abc da diversidade
Miro Santos
 
Atividade - Missão Visão e Valores
Atividade - Missão Visão e ValoresAtividade - Missão Visão e Valores
Atividade - Missão Visão e Valores
Conselho Regional de Contabilidade do Estado do Ceará
 
Sociologia
SociologiaSociologia
Sociologia
Ricardo Esturilho
 
A água no planeta.doc
A água no planeta.docA água no planeta.doc
A água no planeta.doc
orim84
 
Atividades de Reflexão - Sociologia 1
Atividades de Reflexão - Sociologia 1Atividades de Reflexão - Sociologia 1
Atividades de Reflexão - Sociologia 1
Miro Santos
 
Atividade de Reflexão 2 - Sociologia -
Atividade de Reflexão 2 - Sociologia - Atividade de Reflexão 2 - Sociologia -
Atividade de Reflexão 2 - Sociologia -
Miro Santos
 
Avaliação sociologia 3 c
Avaliação sociologia 3 cAvaliação sociologia 3 c
Avaliação sociologia 3 c
Marcia Oliveira
 
Sociologia Capítulo 3
Sociologia Capítulo 3Sociologia Capítulo 3
Sociologia Capítulo 3
Miro Santos
 
Contexto Histórico do Surgimento da Sociologia
Contexto Histórico do Surgimento da SociologiaContexto Histórico do Surgimento da Sociologia
Contexto Histórico do Surgimento da Sociologia
orim84
 
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fccProva objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Secretaria de Estado da Educação - SEE
 
1. O indivíduo, sua história e a sociedade
1. O indivíduo, sua história e a sociedade1. O indivíduo, sua história e a sociedade
1. O indivíduo, sua história e a sociedade
Miro Santos
 
Caça palavras revolução industrial
Caça palavras revolução industrialCaça palavras revolução industrial
Caça palavras revolução industrial
Ócio do Ofício
 
Neocolonialismo texto 8 2012
Neocolonialismo texto 8 2012Neocolonialismo texto 8 2012
Neocolonialismo texto 8 2012
Jorge Marcos Oliveira
 
Revolução industrial cruzadinha
Revolução industrial cruzadinhaRevolução industrial cruzadinha
Revolução industrial cruzadinha
Atividades Diversas Cláudia
 
Cruzadinha revolução industrial
Cruzadinha revolução industrialCruzadinha revolução industrial
Cruzadinha revolução industrial
Ócio do Ofício
 

Destaque (20)

AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CULTURA- Questões discursivas - 1º ano Ensino Médio...
 
Imagens neolitico e paleo diferenças
Imagens neolitico e paleo diferençasImagens neolitico e paleo diferenças
Imagens neolitico e paleo diferenças
 
Exercicio complete primeira guerra
Exercicio complete primeira guerraExercicio complete primeira guerra
Exercicio complete primeira guerra
 
Prova 5 serie
Prova 5 serieProva 5 serie
Prova 5 serie
 
Avaliacao 8 serie 2
Avaliacao 8 serie 2Avaliacao 8 serie 2
Avaliacao 8 serie 2
 
Abc da diversidade
Abc da diversidadeAbc da diversidade
Abc da diversidade
 
Atividade - Missão Visão e Valores
Atividade - Missão Visão e ValoresAtividade - Missão Visão e Valores
Atividade - Missão Visão e Valores
 
Sociologia
SociologiaSociologia
Sociologia
 
A água no planeta.doc
A água no planeta.docA água no planeta.doc
A água no planeta.doc
 
Atividades de Reflexão - Sociologia 1
Atividades de Reflexão - Sociologia 1Atividades de Reflexão - Sociologia 1
Atividades de Reflexão - Sociologia 1
 
Atividade de Reflexão 2 - Sociologia -
Atividade de Reflexão 2 - Sociologia - Atividade de Reflexão 2 - Sociologia -
Atividade de Reflexão 2 - Sociologia -
 
Avaliação sociologia 3 c
Avaliação sociologia 3 cAvaliação sociologia 3 c
Avaliação sociologia 3 c
 
Sociologia Capítulo 3
Sociologia Capítulo 3Sociologia Capítulo 3
Sociologia Capítulo 3
 
Contexto Histórico do Surgimento da Sociologia
Contexto Histórico do Surgimento da SociologiaContexto Histórico do Surgimento da Sociologia
Contexto Histórico do Surgimento da Sociologia
 
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fccProva objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
 
1. O indivíduo, sua história e a sociedade
1. O indivíduo, sua história e a sociedade1. O indivíduo, sua história e a sociedade
1. O indivíduo, sua história e a sociedade
 
Caça palavras revolução industrial
Caça palavras revolução industrialCaça palavras revolução industrial
Caça palavras revolução industrial
 
Neocolonialismo texto 8 2012
Neocolonialismo texto 8 2012Neocolonialismo texto 8 2012
Neocolonialismo texto 8 2012
 
Revolução industrial cruzadinha
Revolução industrial cruzadinhaRevolução industrial cruzadinha
Revolução industrial cruzadinha
 
Cruzadinha revolução industrial
Cruzadinha revolução industrialCruzadinha revolução industrial
Cruzadinha revolução industrial
 

Semelhante a Prova 3 ano 3 bimestre historia

Questões.indústria cultural
Questões.indústria culturalQuestões.indústria cultural
Questões.indústria cultural
BRUNORONALDANDRADEDA
 
Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013
Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013
Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013
Arquivista.org
 
1968
19681968
movimento hippie e woodstock
movimento hippie e woodstockmovimento hippie e woodstock
movimento hippie e woodstock
Alexandra Mierzwa
 
O papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumbo
O papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumboO papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumbo
O papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumbo
Susana Reis
 
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Éricles Soares Cruz
 
A revolução dos hábitos atual
A revolução dos hábitos atualA revolução dos hábitos atual
A revolução dos hábitos atual
Escola Estadual Alonso de Morais Andrade
 
6c o papel_dos_movimentos_culturais
6c o papel_dos_movimentos_culturais6c o papel_dos_movimentos_culturais
6c o papel_dos_movimentos_culturais
der-nader-777
 
Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...
Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...
Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...
Guilherme Werner
 
Ciências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdf
Ciências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdfCiências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdf
Ciências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdf
BrunoCosta364836
 
Os anos rebeldes
Os anos rebeldesOs anos rebeldes
Os anos rebeldes
Glasiely Virgílio Silva
 
Trabalho De Hist. Movimentos 1970 8ª B
Trabalho De Hist.  Movimentos 1970   8ª BTrabalho De Hist.  Movimentos 1970   8ª B
Trabalho De Hist. Movimentos 1970 8ª B
cecilianoclaro
 
Tropicalismo1
Tropicalismo1Tropicalismo1
Tropicalismo1
sandra
 
Os movimentos contestatários
Os movimentos contestatáriosOs movimentos contestatários
Os movimentos contestatários
Zequinha8
 
Nana
NanaNana
AULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdf
AULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdfAULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdf
AULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdf
Sharley Cunha
 
Seminário sobre a historia da música brasileira
Seminário sobre a historia da música brasileiraSeminário sobre a historia da música brasileira
Seminário sobre a historia da música brasileira
Jaiza Nobre
 
Ebep alunos-apresenta~çao
Ebep alunos-apresenta~çaoEbep alunos-apresenta~çao
Ebep alunos-apresenta~çao
Walney Negreiros
 
Revisão de prova bimestra 2º bimestre 3º ano
Revisão de prova bimestra 2º bimestre 3º anoRevisão de prova bimestra 2º bimestre 3º ano
Revisão de prova bimestra 2º bimestre 3º ano
eunamahcado
 
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Nívia Sales
 

Semelhante a Prova 3 ano 3 bimestre historia (20)

Questões.indústria cultural
Questões.indústria culturalQuestões.indústria cultural
Questões.indústria cultural
 
Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013
Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013
Mesa Redonda Arquivo, Memória e Ditadura - Edição 2013
 
1968
19681968
1968
 
movimento hippie e woodstock
movimento hippie e woodstockmovimento hippie e woodstock
movimento hippie e woodstock
 
O papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumbo
O papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumboO papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumbo
O papel dos movimentos sócio-culturaisnos anos de chumbo
 
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
Movimentos sociais e políticos na America Latina e no Brasil nas décadas de 1...
 
A revolução dos hábitos atual
A revolução dos hábitos atualA revolução dos hábitos atual
A revolução dos hábitos atual
 
6c o papel_dos_movimentos_culturais
6c o papel_dos_movimentos_culturais6c o papel_dos_movimentos_culturais
6c o papel_dos_movimentos_culturais
 
Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...
Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...
Vocês não estão entendendo nada! uma análise do discurso de caetano veloso no...
 
Ciências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdf
Ciências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdfCiências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdf
Ciências Humanas - Tema 5 - Lista de questões.pdf
 
Os anos rebeldes
Os anos rebeldesOs anos rebeldes
Os anos rebeldes
 
Trabalho De Hist. Movimentos 1970 8ª B
Trabalho De Hist.  Movimentos 1970   8ª BTrabalho De Hist.  Movimentos 1970   8ª B
Trabalho De Hist. Movimentos 1970 8ª B
 
Tropicalismo1
Tropicalismo1Tropicalismo1
Tropicalismo1
 
Os movimentos contestatários
Os movimentos contestatáriosOs movimentos contestatários
Os movimentos contestatários
 
Nana
NanaNana
Nana
 
AULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdf
AULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdfAULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdf
AULA - CONTRACULTURA CAEDU.pdf
 
Seminário sobre a historia da música brasileira
Seminário sobre a historia da música brasileiraSeminário sobre a historia da música brasileira
Seminário sobre a historia da música brasileira
 
Ebep alunos-apresenta~çao
Ebep alunos-apresenta~çaoEbep alunos-apresenta~çao
Ebep alunos-apresenta~çao
 
Revisão de prova bimestra 2º bimestre 3º ano
Revisão de prova bimestra 2º bimestre 3º anoRevisão de prova bimestra 2º bimestre 3º ano
Revisão de prova bimestra 2º bimestre 3º ano
 
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
Cultura e sociedade década de 1950 a 1980
 

Mais de Atividades Diversas Cláudia

Atividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre familia.doc
Atividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre  familia.docAtividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre  familia.doc
Atividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre familia.doc
Atividades Diversas Cláudia
 
FILME nao olhe para cima.doc
FILME nao olhe para cima.docFILME nao olhe para cima.doc
FILME nao olhe para cima.doc
Atividades Diversas Cláudia
 
1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...
1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...
1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...
Atividades Diversas Cláudia
 
Atividades campanha da fraternidade 2022 e
Atividades campanha da fraternidade 2022 eAtividades campanha da fraternidade 2022 e
Atividades campanha da fraternidade 2022 e
Atividades Diversas Cláudia
 
Atividades sobre fake news
Atividades sobre fake newsAtividades sobre fake news
Atividades sobre fake news
Atividades Diversas Cláudia
 
1 primeiro dia de aula novo melhor
1 primeiro dia de aula novo melhor1 primeiro dia de aula novo melhor
1 primeiro dia de aula novo melhor
Atividades Diversas Cláudia
 
2 primeiro dia de aula novo amanha
2 primeiro dia de aula novo amanha2 primeiro dia de aula novo amanha
2 primeiro dia de aula novo amanha
Atividades Diversas Cláudia
 
3 primeiro dia de aula novo
3 primeiro dia de aula novo3 primeiro dia de aula novo
3 primeiro dia de aula novo
Atividades Diversas Cláudia
 
4 primeiro dia de aula novo hoje
4 primeiro dia de aula novo hoje4 primeiro dia de aula novo hoje
4 primeiro dia de aula novo hoje
Atividades Diversas Cláudia
 
5 primeiro dia de aula novo desafios
5 primeiro dia de aula novo desafios5 primeiro dia de aula novo desafios
5 primeiro dia de aula novo desafios
Atividades Diversas Cláudia
 
6 primeiro dia de aula novo motivacao
6 primeiro dia de aula novo motivacao6 primeiro dia de aula novo motivacao
6 primeiro dia de aula novo motivacao
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de geografia 8 ano 4b pet 4
Prova de geografia 8 ano 4b pet 4Prova de geografia 8 ano 4b pet 4
Prova de geografia 8 ano 4b pet 4
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4Prova de geografia 9 ano 4b pet 4
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4
Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4
Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova historia 1ano pet4
Prova historia 1ano pet4Prova historia 1ano pet4
Prova historia 1ano pet4
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de historia 2ano 4bimestre
Prova de historia 2ano 4bimestreProva de historia 2ano 4bimestre
Prova de historia 2ano 4bimestre
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de arte 4b 9 ano1
Prova de arte 4b 9 ano1Prova de arte 4b 9 ano1
Prova de arte 4b 9 ano1
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de arte 4b 8 ano
Prova de arte 4b 8 anoProva de arte 4b 8 ano
Prova de arte 4b 8 ano
Atividades Diversas Cláudia
 
Prova de arte 4b 7 ano (reparado)
Prova de arte 4b 7 ano (reparado)Prova de arte 4b 7 ano (reparado)
Prova de arte 4b 7 ano (reparado)
Atividades Diversas Cláudia
 

Mais de Atividades Diversas Cláudia (20)

Atividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre familia.doc
Atividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre  familia.docAtividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre  familia.doc
Atividade interdisciplinar portugues ensino religioso sobre familia.doc
 
FILME nao olhe para cima.doc
FILME nao olhe para cima.docFILME nao olhe para cima.doc
FILME nao olhe para cima.doc
 
1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...
1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...
1 guerra Russia Ucrania atividade interdisciplinar historia geografia portugu...
 
Atividades campanha da fraternidade 2022 e
Atividades campanha da fraternidade 2022 eAtividades campanha da fraternidade 2022 e
Atividades campanha da fraternidade 2022 e
 
Atividades sobre fake news
Atividades sobre fake newsAtividades sobre fake news
Atividades sobre fake news
 
1 primeiro dia de aula novo melhor
1 primeiro dia de aula novo melhor1 primeiro dia de aula novo melhor
1 primeiro dia de aula novo melhor
 
2 primeiro dia de aula novo amanha
2 primeiro dia de aula novo amanha2 primeiro dia de aula novo amanha
2 primeiro dia de aula novo amanha
 
3 primeiro dia de aula novo
3 primeiro dia de aula novo3 primeiro dia de aula novo
3 primeiro dia de aula novo
 
4 primeiro dia de aula novo hoje
4 primeiro dia de aula novo hoje4 primeiro dia de aula novo hoje
4 primeiro dia de aula novo hoje
 
5 primeiro dia de aula novo desafios
5 primeiro dia de aula novo desafios5 primeiro dia de aula novo desafios
5 primeiro dia de aula novo desafios
 
6 primeiro dia de aula novo motivacao
6 primeiro dia de aula novo motivacao6 primeiro dia de aula novo motivacao
6 primeiro dia de aula novo motivacao
 
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4 (1)
 
Prova de geografia 8 ano 4b pet 4
Prova de geografia 8 ano 4b pet 4Prova de geografia 8 ano 4b pet 4
Prova de geografia 8 ano 4b pet 4
 
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4Prova de geografia 9 ano 4b pet 4
Prova de geografia 9 ano 4b pet 4
 
Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4
Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4
Prova de ensino religioso 8 ano 4b pet 4
 
Prova historia 1ano pet4
Prova historia 1ano pet4Prova historia 1ano pet4
Prova historia 1ano pet4
 
Prova de historia 2ano 4bimestre
Prova de historia 2ano 4bimestreProva de historia 2ano 4bimestre
Prova de historia 2ano 4bimestre
 
Prova de arte 4b 9 ano1
Prova de arte 4b 9 ano1Prova de arte 4b 9 ano1
Prova de arte 4b 9 ano1
 
Prova de arte 4b 8 ano
Prova de arte 4b 8 anoProva de arte 4b 8 ano
Prova de arte 4b 8 ano
 
Prova de arte 4b 7 ano (reparado)
Prova de arte 4b 7 ano (reparado)Prova de arte 4b 7 ano (reparado)
Prova de arte 4b 7 ano (reparado)
 

Prova 3 ano 3 bimestre historia

  • 1. E.E.”CASIMIRO SILVA” AVALIAÇÂO DE HISTÓRIA DATA:__/__/__ ALUNO (A):________________Nº___ SÉRIE: PROFESSOR: ____________ Tópico 27. Contestações políticoculturais na década de 1960 Tópico 28. Indústria cultural x identidades culturais A publicidade ao lado expressa ideias e valores dos movimentos de contestação e de crítica de costumes, ocorridos em sociedades europeias e americanas, incluindo-se o Brasil, na década de 1960. 1. Uma das transformações ocasionadas por esses movimentos de contestação, claramente explorada na publicidade, foi: a) politização das questões de gênero b) mecanização do trabalho doméstico c) modernização da identidade feminina d) massificação dos hábitos de consumo. O disco e a música Tropicália tornaram-se símbolos do "Tropicalismo", movimento protagonizado por artistas e intelectuais, no Brasil, em finais da década de 1960. 2. Esse movimento destacou-se, principalmente, pela seguinte proposta: (A) valorização do pluralismo cultural. (B) denúncia das influências estrangeiras (C) enaltecimento da originalidade nacional (D) defesa da homogeneização de comportamentos sociais 3. Nos anos que se seguiram à Segunda Guerra, movimentos como o Maio de 1968 ou a campanha contra a Guerra do Vietnã culminaram no estabelecimento de diferentes formas de participação política. Seus slogans, tais como ”Quando penso em revolução quero fazer amor“, se tornaram símbolos da agitação cultural nos anos 1960, cuja inovação relacionava-se A) à contestação da crise econômica europeia, que fora provocada pela manutenção das guerras coloniais. B) à organização partidária da juventude comunista, visando o estabelecimento da ditadura do proletariado. C) à unificação das noções de libertação social e libertação individual, fornecendo um significado político ao uso do corpo. D) à defesa do amor cristão e monogâmico, com fins à reprodução, que era tomado como solução para os conflitos sociais.
  • 2. 1. 2. 3. 4. 4. Das imagens acima qual ou quais não fazem parte do contexto da década de 60? a) 1 e 3 b) 2 e 4 c) apenas 1 d) todas fazem parte desse contexto 5. A frase e a imagem ao lado fazem parte do contexto de a) movimento pelos direitos sociais de um transporte de qualidade. b) movimento black power pelo fim da discriminação racial, usando a violência. c) oposição á guerra do Vietnã pelo movimento hippie. d) liberdade sexual em oposição a cultura moralista dos católicos norte americanos 39- (UNIFAL) Analise as charges a seguir. 6. A partir dessas charges, pode-se afirmar que: a) carnaval e futebol são manifestações da cultura popular brasileira que ao longo dos anos vêm polarizando inúmeros programas sociais, os quais contribuíram, inclusive, para a extinção da fome no país. b) o programa Fome-Zero erradicou a fome no Brasil e, por isso, esse programa é motivo de grande destaque na mídia, assim como são carnaval e futebol. c) as críticas das charges não procedem, pois não há casos de fome no Brasil. d) no Brasil, enquanto carnaval e futebol merecem grande destaque na mídia, a fome continua assolando, silenciosamente, parte da população do país 7. Assassinado em 1968, Martin Luther King iniciou suas atividades políticas em 1956, a partir do episódio relatado na reportagem. O principal resultado das propostas de Martin Luther King para a sociedade norte-americana está diretamente relacionado com: (A) unificação das leis estaduais (B) expansão da igualdade social (C) regulação de causas trabalhistas (D) universalização dos direitos civis 8. A segregação apresentada na imagem foi uma das principais causas a) da luta pelos direitos civis nos EUA b) da segregação na África c) do inicio da discriminação racial no mundo d) da luta pelos direitos civis nos EUA
  • 3. 9. Contracultura é um movimento social e musical que teve seu auge na década de 1960, década de ouro, quando teve lugar um estilo de mobilização e contestação social e utilizando novos meios de comunicação em massa. Jovens inovando estilos, voltando-se mais para o antissocial aos olhos das famílias mais conservadoras, com um espírito mais libertário, resumido como uma cultura underground, cultura alternativa ou cultura marginal, focada principalmente nas transformações da consciência, dos valores e do comportamento. Os movimentos pelos direitos civis que usaram esse festival para contestar foram a) Movimento Black Power e Hippies b) Movimento Rock e Hippies c) Movimento feminista e Rock d) Movimento feminista e Hippies. ERA UM GAROTO Que como eu Amava os Beatles E os Rolling Stones. Girava o mundo Sempre a cantar As coisas lindas Da América... Não era belo Mas mesmo assim Havia mil garotas à fim (...) Girava o mundo Mas acabou! Fazendo a guerra No Vietnã... Cabelos longos Não usa mais Nem toca a sua Guitarra e sim Um instrumento Que sempre dá A mesma nota Ra-tá-tá-tá... Não tem amigos Nem vê garotas Só gente morta Caindo ao chão Ao seu país Não voltará Pois está morto No Vietnã... "Stop!" Com "Rolling Stones" "Stop!" Com "Beatles songs" No peito um coração não há Mas duas medalhas sim.... Ratá-tá tá tá... Tatá-rá tá tá... Ratá-tá tá tá... Tatá-rá tá tá... 10. A música ao lado faz referência a contestação juvenil à presença norte- americana na a) 1ª guerra Mundial b) 2ª guerra Mundial c) Guerra Fria d) Guerra do Vietnã _____________chegava ao final dos anos 50 e início dos 60, consolidado em sua posição de meio de comunicação de massa, como um elemento fundamental na formação de hábitos na sociedade brasileira. Dos anos 30 aos 60, ___________________ foi o meio através do qual as novidades tecnológicas, os modismos culturais, as mudanças políticas, as informações e o entretenimento chegavam ao mesmo tempo aos mais distantes lugares do país, permitindo uma intensa troca entre a modernidade e a tradição. _____________ajudou a criar novas práticas culturais e de consumo por toda a sociedade brasileira. 11. O meio de comunicação em massa que o texto acima faz referência é a) a televisão b) o rádio c) o jornal d) a internet O iê-iê-iê de Roberto Carlos e da Jovem Guarda ajudou a embalar a década de 60 no Brasil. Um período marcado também por inesquecíveis festivais da música popular brasileira. Da influência do samba e da bossa nova - não propriamente dos ritmos, mas da sua brasilidade – outro ritmo surgiu na metade da década de 60 o __________________movimento liderado pelos compositores Caetano Veloso (Alegria, Alegria) e Gilberto Gil (Domingo no Parque). Esta tendência musical misturava as manifestações da cultura popular, a arte de vanguarda e crítica social. 12. A lacuna acima pode ser completada corretamente pela alternativa a) Rock b) tropicalismo c) hippie d) jovem guarda Nem mesmo o golpe militar de 1964 foi suficiente para abafar a efervescência cultural da época, marcada também pela contestação política. Mas os militares conseguiram impedir a manifestação mais legítima de cidadania: proibiram o voto direto para presidente da República e representantes de outros cargos majoritários, como governador, prefeito e senador. Apenas deputados federais, estaduais e vereadores eram escolhidos pelas urnas. O regime que destituiu o presidente João Goulart fechou emissoras de rádio e televisão, e a censura tornou-se prática comum. 13. O golpe de 64 deu inicio a a) Ditadura militar no Brasil b) Redemocratização brasileira c) Nova república d) Democratização HIPPIE quer dizer JOVEM relaxado, com os cabelos longos, rebelde dos anos 60 que aceita a liberdade sexual e o uso de drogas. Para ser hippie você deve acreditar na paz como a maneira resolver diferenças entre povos, ideologias e religiões. Amar significa a aceitação de outra enquanto é, dar-lhe a liberdade para expressar-se. Começaram a surgir jovens rebeldes delinquentes e desajustados, mas com potencial criativo e ideais, o rock psicodélico, as drogas e as contradições dos antigos valores dados pela sociedade, marcaram esse período. 14. Esse modo de ser dos jovens da década de 60 foi chamado pela história de a) contra cultura b) vadiagem c) socialismo d) comunismo Foi nos Anos 60 que nasceu um novo modo de viver, sonhar e morrer, no qual o que importava era a revolução em beneficio do homem, em nome da liberdade. O homem buscava-se libertar o corpo e a alma de conceitos instituídos pela indústria cultural e pela comunicação de massa, e entrar em sintonia com seus desejos. Um dia, em abril de 1961 o irreal se tornou real; um homem, dentro de uma nave espacial, viveu a incrível experiência de ver a Terra em todo o seu conjunto. "A Terra é azul". Este homem era Yuri Gagarin, anunciando a chegada de um novo tempo. SLOGANS - "Quando penso em revolução quero fazer amor"; "É proibido proibir"; "A felicidade é o poder estudantil"; Isto faz um bem; Tudo vai melhor com Coca-Cola; “Faça amor não faça guerra” 15. Diante do multiculturalismo da década de 60, os hippies se manifestaram a) criando uma sociedade alternativa b) com cenas de homossexualismo c) usando drogas como cocaína e álcool d) pichando muros e construções