SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO
FACULDADE DE BIBLIOTECONOMIA E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO
Disciplina: Teoria da Comunicação

Profª: Tânia Callegaro

Período Noturno – 4º Semestre

Aluna: Eloiza Pereira Silveira Tinoco




                     Teoria da Comunicação

             “Propaganda Política Brasileira 2010”




                                    São Paulo
                                      2010
RESUMO

Mais um ano de eleições, e dessa vez para eleger: Presidente da República,
Senadores, Deputados Federais e Estaduais, ou seja os principais governantes
do nosso país. E a mesmice se repete, os apertos de mãos, abraços com as
pessoas mais humildes, beijos em crianças da periferia, promessas em cima de
promessas para melhoria disto ou daquilo, promessas em cima do que está
sendo feito e muito mais, e não pode faltar os ataques aos adversários. Mas
hoje em dia vemos um fato acontecer com maior freqüência, pessoas, aliás
“qualquer pessoa”, se candidatando a um cargo político, indivíduos com grau
de instrução questionável, personagens da mídia, ladrões públicos (políticos e
parentes de políticos) que já roubaram e que foi provado o crime, porém a
justiça permite que andem às soltas e cometam novos delitos, pessoas
sarcásticas, que tiram sarro por estar se candidatando e nem sabe para quê,
qual a função, ou o que fazer, outras que usam sua imagem para conseguir
voto, como a mulher fruta e sabe o que é o pior, as pessoas votam, como diz o
Tiririca, “Pior que tá não vai ficar”, este tipo de atitude aguça a curiosidade
popular, cria polêmica e o que se vê são pessoas comentando por toda a parte,
dentro de ônibus, metrô, supermercado, em qualquer lugar as. Algumas vezes -
fato que não é novo – pessoas dizerem que vão votar em fulano por ele ser
mais bonito que o outro. – Nosso ex-presidente Fernando Collor de Mello.
Como alguns dizem “em política, tudo é válido” – será mesmo? Diante de
tantas evidências, podemos avaliar que é preciso mais conscientização política
neste país – mas a questão maior é: “Por onde começar?”.
Análise das Propagandas Políticas

Houve um tempo em que se fazer política era medir força, o poder de um
candidato, mas com o tempo isso foi mudando e os políticos que tinham todo
um perfil autoritário deram lugar a outros que sempre propõe diálogo com as
necessidades da população. Ao menos tentam passar esta imagem.

Aliás, é justamente na imagem que os políticos se preocupam, e aquele
personagem – candidato - que aparece nas mais diversas mídias tem todo um
aparato e respaldo de uma equipe que trabalha sua imagem.

Há algum tempo verdadeiras equipes realizam o marketing do político, e a
política passou a ser construída em cima de algumas técnicas da propaganda
comercial. A persuasão a coerção o bem de consumo (me eleja e te dou o que
você quer), a transformação do candidato em algo parecido a um super herói,
que irá salvar a comunidade de vilões adversários.

Ao analisar alguns candidatos vê-se a apelação publicitária na repetição de
gestos e falas de outras pessoas que já se beneficiaram anteriormente, como
por exemplo, o Luciano Enéas, filho do ex-político, já falecido que ganhou fama
por sua expressão um tanto agressiva e aparência estranha, seu filho se
apropriou de sua fala, gesto, aparência e até o mesmo número de candidatura
do pai para se beneficiar na eleição.

Outro a ser citado é o Marcelinho Carioca, ele utiliza falas de um jogador de
futebol em entrevistas, uma maneira de agradar ao público que gosta de
futebol, seus gestos são semelhantes a um passe a bola, agrada aos fanáticos
pelo futebol.

Os integrantes da banda de rock pop (jovem) KLB fazem pose de bonitinhos
um ao lado do outro, com o emblema do Serra sempre ao fundo, eles apostam
na popularidade e na aparência de bons meninos.

O Eli Correa Filho aproveita-se da fama do pai, de seus gestos e palavras para
se lançar, com aquele, “Oi Gente!”, isso é chamariz para as pessoas que
gostam deste homem no rádio, como no caso do Rauzito, também, filho do
Raul Gil, tirando o chapéu, para seu filho, técnicas muito próxima ao primeiro
caso citado, porém utilizam da simpatia e fama dos pais para angariarem votos.

Temos também a apelação sexual no caso da Mulher Pêra, sua sensualidade a
mostra, com decotes imensos e gestos maliciosos. Não distante e também
apelativo tem a candidata Mara Maravilha se apresentando toda vestida de
branco ao lado do marido como se fossem iluminados e evangelizados,
defendendo a família e sua candidatura.

A análise dos candidatos à Presidência é sempre a mais sugestiva no caso de
José Serra, ele sempre aparece com a imagem da nossa bandeira ou com o
fundo esverdeado, mencionando a Bandeira – o patriotismo, também, seus
gestos são firme, exatidão nas palavras, baseia-se sempre nas campanhas que
promoveu, Metrô, Rodoanel e Genéricos, mostra também imagem de pessoas
e o Cristo Redentor, demonstrando que é o Salvador?

Quanto a Dilma Rousseff sempre se apresenta de vermelho, o fundo de sua
imagem sempre há o vermelho de seu partido PT e o verde da nossa Bandeira,
ou a Bandeira em si, com algum detalhe vermelho. Nos palanques está sempre
de mãos dadas com o Presidente Lula – como uma indicação forte de quem
chegou lá, também gesticula pouco e com exatidão, firmeza e convicção nas
palavras.

Poderia citar centenas de casos, mas todos têm a indicação da valorização da
imagem e técnicas que são típicas da propaganda e marketing, a força para
trazer o candidato até a população, e a mesma força inversa a população até o
candidato, sempre tentando manter uma imagem de bom cidadão, bom
profissional e bom político, capaz de realizar todos os sonhos e deficiências da
sociedade. Esta propaganda que transformam pessoas comuns em
verdadeiros super-heróis.

Quanto a sociedade, fica a difícil tarefa de saber quem é que realmente tem ou
não boas intenções naquilo que declara. E muitas vezes o tiro sai pela culatra.

Baseado em todas as colocações que citei, creio que muitos dos candidatos se
aproveitam de sua imagem de alguma forma, basta saber se a seriedade vem
em primeiro lugar, pois a minha opinião não é o que aparenta, ao
generalizando todos, pois não sei onde vamos parar, mas acredito nas
pessoas, acredito no Brasil, porque se não acreditar me tornarei só mais um e
isso eu não quero.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Bitacora isla proyecto 3
Bitacora isla proyecto 3Bitacora isla proyecto 3
Bitacora isla proyecto 3Santi Lds Ptte
 
Trabalhos constantes em prol do desenvolvimento de Olímpia
Trabalhos constantes em prol do desenvolvimento de OlímpiaTrabalhos constantes em prol do desenvolvimento de Olímpia
Trabalhos constantes em prol do desenvolvimento de OlímpiaRodrigo Garcia
 
Primeiros Socorros
Primeiros SocorrosPrimeiros Socorros
Primeiros SocorrosLuana Silva
 
Nicole Becker Resume
Nicole Becker ResumeNicole Becker Resume
Nicole Becker ResumeNicole Becker
 
sandhya resume Updated 1
sandhya resume Updated 1sandhya resume Updated 1
sandhya resume Updated 1Sandhya Pothulu
 
Aluguel de espaços da escola são paulo
Aluguel de espaços da escola são pauloAluguel de espaços da escola são paulo
Aluguel de espaços da escola são pauloEscola São Paulo
 
Eu Em Barcelona
Eu Em BarcelonaEu Em Barcelona
Eu Em Barcelonagenyramos
 
File1 trabalho em espaco confinado
File1 trabalho em espaco confinadoFile1 trabalho em espaco confinado
File1 trabalho em espaco confinadoprevencaonline
 
A vela acesa bviw
A vela acesa   bviwA vela acesa   bviw
A vela acesa bviwbudcesar13
 
Apresentação Instituto Escola São Paulo
Apresentação Instituto Escola São PauloApresentação Instituto Escola São Paulo
Apresentação Instituto Escola São PauloEscola São Paulo
 
A Borboleta e a Flor
A Borboleta e a FlorA Borboleta e a Flor
A Borboleta e a FlorLuana Silva
 
V ozes e visões bviw
V ozes e visões   bviwV ozes e visões   bviw
V ozes e visões bviwbudcesar13
 

Destaque (20)

Bitacora isla proyecto 3
Bitacora isla proyecto 3Bitacora isla proyecto 3
Bitacora isla proyecto 3
 
Tema 3 sociales resumen presentacion
Tema 3 sociales resumen presentacionTema 3 sociales resumen presentacion
Tema 3 sociales resumen presentacion
 
Como Vamos
Como VamosComo Vamos
Como Vamos
 
Tema 3 sociales resumen presentacion
Tema 3 sociales resumen presentacionTema 3 sociales resumen presentacion
Tema 3 sociales resumen presentacion
 
Trabalhos constantes em prol do desenvolvimento de Olímpia
Trabalhos constantes em prol do desenvolvimento de OlímpiaTrabalhos constantes em prol do desenvolvimento de Olímpia
Trabalhos constantes em prol do desenvolvimento de Olímpia
 
Prêmios
PrêmiosPrêmios
Prêmios
 
Relatorio tvpe ppt
Relatorio tvpe pptRelatorio tvpe ppt
Relatorio tvpe ppt
 
Familia velhice
Familia velhiceFamilia velhice
Familia velhice
 
Primeiros Socorros
Primeiros SocorrosPrimeiros Socorros
Primeiros Socorros
 
Nicole Becker Resume
Nicole Becker ResumeNicole Becker Resume
Nicole Becker Resume
 
Português
PortuguêsPortuguês
Português
 
sandhya resume Updated 1
sandhya resume Updated 1sandhya resume Updated 1
sandhya resume Updated 1
 
Aluguel de espaços da escola são paulo
Aluguel de espaços da escola são pauloAluguel de espaços da escola são paulo
Aluguel de espaços da escola são paulo
 
Eu Em Barcelona
Eu Em BarcelonaEu Em Barcelona
Eu Em Barcelona
 
File1 trabalho em espaco confinado
File1 trabalho em espaco confinadoFile1 trabalho em espaco confinado
File1 trabalho em espaco confinado
 
A vela acesa bviw
A vela acesa   bviwA vela acesa   bviw
A vela acesa bviw
 
Minuta002
Minuta002Minuta002
Minuta002
 
Apresentação Instituto Escola São Paulo
Apresentação Instituto Escola São PauloApresentação Instituto Escola São Paulo
Apresentação Instituto Escola São Paulo
 
A Borboleta e a Flor
A Borboleta e a FlorA Borboleta e a Flor
A Borboleta e a Flor
 
V ozes e visões bviw
V ozes e visões   bviwV ozes e visões   bviw
V ozes e visões bviw
 

Semelhante a Propaganda Política Brasileira 2010 - Eloiza Pereira Silveira Tinoco

Horário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria Dias
Horário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria DiasHorário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria Dias
Horário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria DiasMonitor Científico FaBCI
 
Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...
Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...
Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...Monitor Científico FaBCI
 
A propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza Pereira
A propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza PereiraA propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza Pereira
A propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza PereiraMonitor Científico FaBCI
 
Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...
Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...
Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...Monitor Científico FaBCI
 
É Possível eleger Marina. Saiba como.
É Possível eleger Marina. Saiba como.É Possível eleger Marina. Saiba como.
É Possível eleger Marina. Saiba como.dcbatista43
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula Cavalcante
Propaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula CavalcantePropaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula Cavalcante
Propaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula CavalcanteMonitor Científico FaBCI
 
01 Aula7 Op Lidera
01 Aula7 Op Lidera01 Aula7 Op Lidera
01 Aula7 Op LideraArtur Araujo
 
Jornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MA
Jornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MAJornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MA
Jornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MAjornalahorabrejao
 
Consultores políticos nas eleições presidenciais 2010 por mateus morais
Consultores políticos nas eleições presidenciais 2010   por mateus moraisConsultores políticos nas eleições presidenciais 2010   por mateus morais
Consultores políticos nas eleições presidenciais 2010 por mateus moraismateusmorais
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira Mello
Propaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira MelloPropaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira Mello
Propaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira MelloMonitor Científico FaBCI
 
Propostas avaliadas
Propostas avaliadasPropostas avaliadas
Propostas avaliadasDante Napoli
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos Santos
Propaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos SantosPropaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos Santos
Propaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos SantosMonitor Científico FaBCI
 
é Possível eleger marina
é Possível eleger marinaé Possível eleger marina
é Possível eleger marinaRenato Cardoso
 

Semelhante a Propaganda Política Brasileira 2010 - Eloiza Pereira Silveira Tinoco (20)

Horário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria Dias
Horário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria DiasHorário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria Dias
Horário Eleitoral Gratuito 2010 - Cibele Maria Dias
 
Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...
Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...
Observação e Análise da Propaganda Eleitoral Gratuita - Joseane de Santana Ta...
 
A propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza Pereira
A propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza PereiraA propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza Pereira
A propaganda eleitoral no Brasil - Cristiano Neves de Souza Pereira
 
Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...
Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...
Análise do horário político brasileiro 2010: três momentos distintos - Elizab...
 
Diz Jornal - Edição 223
Diz Jornal - Edição 223Diz Jornal - Edição 223
Diz Jornal - Edição 223
 
É Possível eleger Marina. Saiba como.
É Possível eleger Marina. Saiba como.É Possível eleger Marina. Saiba como.
É Possível eleger Marina. Saiba como.
 
Diz Jornal - Edição 263
Diz Jornal - Edição 263Diz Jornal - Edição 263
Diz Jornal - Edição 263
 
Trablho para pdf novo
Trablho para pdf novoTrablho para pdf novo
Trablho para pdf novo
 
Mentes Em Liberdade
Mentes Em LiberdadeMentes Em Liberdade
Mentes Em Liberdade
 
Caderno de pauta 004
Caderno de pauta 004Caderno de pauta 004
Caderno de pauta 004
 
Diz114
Diz114Diz114
Diz114
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula Cavalcante
Propaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula CavalcantePropaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula Cavalcante
Propaganda Política Brasileira 2010 - Ana Paula Cavalcante
 
01 Aula7 Op Lidera
01 Aula7 Op Lidera01 Aula7 Op Lidera
01 Aula7 Op Lidera
 
Jornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MA
Jornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MAJornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MA
Jornal a hora (72) janeiro 2014 - São Francisco do Brejão - MA
 
Consultores políticos nas eleições presidenciais 2010 por mateus morais
Consultores políticos nas eleições presidenciais 2010   por mateus moraisConsultores políticos nas eleições presidenciais 2010   por mateus morais
Consultores políticos nas eleições presidenciais 2010 por mateus morais
 
Juventude politizada 2
Juventude politizada 2Juventude politizada 2
Juventude politizada 2
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira Mello
Propaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira MelloPropaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira Mello
Propaganda Política Brasileira 2010 - Izabele de Siqueira Mello
 
Propostas avaliadas
Propostas avaliadasPropostas avaliadas
Propostas avaliadas
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos Santos
Propaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos SantosPropaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos Santos
Propaganda Política Brasileira 2010 - Jucilene Lopes dos Santos
 
é Possível eleger marina
é Possível eleger marinaé Possível eleger marina
é Possível eleger marina
 

Mais de Monitor Científico FaBCI

Fesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e c
Fesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e cFesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e c
Fesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e cMonitor Científico FaBCI
 
Bullying: um novo nome para um comportamento recorrente
Bullying: um novo nome para um comportamento recorrenteBullying: um novo nome para um comportamento recorrente
Bullying: um novo nome para um comportamento recorrenteMonitor Científico FaBCI
 
Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues, Damaris Siqueira Brito, Fab...
Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues,  Damaris Siqueira Brito,  Fab...Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues,  Damaris Siqueira Brito,  Fab...
Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues, Damaris Siqueira Brito, Fab...Monitor Científico FaBCI
 
A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...
A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...
A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...Monitor Científico FaBCI
 
O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...
O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...
O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...Monitor Científico FaBCI
 
A lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto Neto
A lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto NetoA lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto Neto
A lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto NetoMonitor Científico FaBCI
 
Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...
Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...
Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...Monitor Científico FaBCI
 
Organograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis Maimoni
Organograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis MaimoniOrganograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis Maimoni
Organograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis MaimoniMonitor Científico FaBCI
 
Serviços Informacionais 2.0 - Profª Renate Landshoff
Serviços Informacionais 2.0 - Profª Renate LandshoffServiços Informacionais 2.0 - Profª Renate Landshoff
Serviços Informacionais 2.0 - Profª Renate LandshoffMonitor Científico FaBCI
 
Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...
Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...
Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...Monitor Científico FaBCI
 
Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...
Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...
Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...Monitor Científico FaBCI
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Sheila Cecheto
Propaganda Política Brasileira 2010 - Sheila CechetoPropaganda Política Brasileira 2010 - Sheila Cecheto
Propaganda Política Brasileira 2010 - Sheila CechetoMonitor Científico FaBCI
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de Souza
Propaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de SouzaPropaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de Souza
Propaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de SouzaMonitor Científico FaBCI
 
Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...
Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...
Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...Monitor Científico FaBCI
 
Bibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria Valls
Bibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria VallsBibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria Valls
Bibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria VallsMonitor Científico FaBCI
 

Mais de Monitor Científico FaBCI (20)

Manoel Bastos Tigre
Manoel Bastos TigreManoel Bastos Tigre
Manoel Bastos Tigre
 
Carminda n. c. Ferreira
Carminda n. c. FerreiraCarminda n. c. Ferreira
Carminda n. c. Ferreira
 
Manual de Processamento Técnico
Manual de Processamento TécnicoManual de Processamento Técnico
Manual de Processamento Técnico
 
Manual de processamento técnico
Manual de processamento técnicoManual de processamento técnico
Manual de processamento técnico
 
Manual de processamento técnico
Manual de processamento técnico Manual de processamento técnico
Manual de processamento técnico
 
Fesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e c
Fesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e cFesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e c
Fesp mc rep_informação na área de biblioteconomia e c
 
Bullying: um novo nome para um comportamento recorrente
Bullying: um novo nome para um comportamento recorrenteBullying: um novo nome para um comportamento recorrente
Bullying: um novo nome para um comportamento recorrente
 
Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues, Damaris Siqueira Brito, Fab...
Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues,  Damaris Siqueira Brito,  Fab...Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues,  Damaris Siqueira Brito,  Fab...
Leitores de rua - Ana Eliza Grigorio Rodrigues, Damaris Siqueira Brito, Fab...
 
A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...
A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...
A sustentabilidade e as bibliotecas comunitárias: possível implementação - De...
 
O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...
O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...
O Blog do Monitor Científico como ferramenta de comunicação da comunidade aca...
 
A lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto Neto
A lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto NetoA lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto Neto
A lógica no Falcão Maltês - Adrian Parra Carneiro; Florindo Peixoto Neto
 
Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...
Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...
Trabalho sobre o livro: O Falcão Maltês - Fernando Reis de Arruda Alves; Marc...
 
Organograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis Maimoni
Organograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis MaimoniOrganograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis Maimoni
Organograna cronologico com base no livro: O Falcão Maltês - Denis Maimoni
 
Serviços Informacionais 2.0 - Profª Renate Landshoff
Serviços Informacionais 2.0 - Profª Renate LandshoffServiços Informacionais 2.0 - Profª Renate Landshoff
Serviços Informacionais 2.0 - Profª Renate Landshoff
 
Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...
Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...
Inserção laboral dos graduados em Documentação na Espanha em anos de crise ec...
 
Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...
Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...
Atrativos e inconvenientes da implantação do espaço Europeu de Educação Super...
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Sheila Cecheto
Propaganda Política Brasileira 2010 - Sheila CechetoPropaganda Política Brasileira 2010 - Sheila Cecheto
Propaganda Política Brasileira 2010 - Sheila Cecheto
 
Propaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de Souza
Propaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de SouzaPropaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de Souza
Propaganda Política Brasileira 2010 - Henrique Onofre Freitas de Souza
 
Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...
Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...
Propaganda Política Brasileira 2010: candidato à presidente - Adriana Celini ...
 
Bibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria Valls
Bibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria VallsBibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria Valls
Bibliotecários que atuam em consultoria - Profª Drª Valéria Valls
 

Último

APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdfAPOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdflbgsouza
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxsfwsoficial
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfCarolineNunes80
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfCsarBaltazar1
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasMonizeEvellin2
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroBrenda Fritz
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfMarcianaClaudioClaud
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdflbgsouza
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfandreaLisboa7
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASyan1305goncalves
 

Último (20)

APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdfAPOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 

Propaganda Política Brasileira 2010 - Eloiza Pereira Silveira Tinoco

  • 1. FUNDAÇÃO ESCOLA DE SOCIOLOGIA E POLÍTICA DE SÃO PAULO FACULDADE DE BIBLIOTECONOMIA E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO Disciplina: Teoria da Comunicação Profª: Tânia Callegaro Período Noturno – 4º Semestre Aluna: Eloiza Pereira Silveira Tinoco Teoria da Comunicação “Propaganda Política Brasileira 2010” São Paulo 2010
  • 2. RESUMO Mais um ano de eleições, e dessa vez para eleger: Presidente da República, Senadores, Deputados Federais e Estaduais, ou seja os principais governantes do nosso país. E a mesmice se repete, os apertos de mãos, abraços com as pessoas mais humildes, beijos em crianças da periferia, promessas em cima de promessas para melhoria disto ou daquilo, promessas em cima do que está sendo feito e muito mais, e não pode faltar os ataques aos adversários. Mas hoje em dia vemos um fato acontecer com maior freqüência, pessoas, aliás “qualquer pessoa”, se candidatando a um cargo político, indivíduos com grau de instrução questionável, personagens da mídia, ladrões públicos (políticos e parentes de políticos) que já roubaram e que foi provado o crime, porém a justiça permite que andem às soltas e cometam novos delitos, pessoas sarcásticas, que tiram sarro por estar se candidatando e nem sabe para quê, qual a função, ou o que fazer, outras que usam sua imagem para conseguir voto, como a mulher fruta e sabe o que é o pior, as pessoas votam, como diz o Tiririca, “Pior que tá não vai ficar”, este tipo de atitude aguça a curiosidade popular, cria polêmica e o que se vê são pessoas comentando por toda a parte, dentro de ônibus, metrô, supermercado, em qualquer lugar as. Algumas vezes - fato que não é novo – pessoas dizerem que vão votar em fulano por ele ser mais bonito que o outro. – Nosso ex-presidente Fernando Collor de Mello. Como alguns dizem “em política, tudo é válido” – será mesmo? Diante de tantas evidências, podemos avaliar que é preciso mais conscientização política neste país – mas a questão maior é: “Por onde começar?”.
  • 3. Análise das Propagandas Políticas Houve um tempo em que se fazer política era medir força, o poder de um candidato, mas com o tempo isso foi mudando e os políticos que tinham todo um perfil autoritário deram lugar a outros que sempre propõe diálogo com as necessidades da população. Ao menos tentam passar esta imagem. Aliás, é justamente na imagem que os políticos se preocupam, e aquele personagem – candidato - que aparece nas mais diversas mídias tem todo um aparato e respaldo de uma equipe que trabalha sua imagem. Há algum tempo verdadeiras equipes realizam o marketing do político, e a política passou a ser construída em cima de algumas técnicas da propaganda comercial. A persuasão a coerção o bem de consumo (me eleja e te dou o que você quer), a transformação do candidato em algo parecido a um super herói, que irá salvar a comunidade de vilões adversários. Ao analisar alguns candidatos vê-se a apelação publicitária na repetição de gestos e falas de outras pessoas que já se beneficiaram anteriormente, como por exemplo, o Luciano Enéas, filho do ex-político, já falecido que ganhou fama por sua expressão um tanto agressiva e aparência estranha, seu filho se apropriou de sua fala, gesto, aparência e até o mesmo número de candidatura do pai para se beneficiar na eleição. Outro a ser citado é o Marcelinho Carioca, ele utiliza falas de um jogador de futebol em entrevistas, uma maneira de agradar ao público que gosta de futebol, seus gestos são semelhantes a um passe a bola, agrada aos fanáticos pelo futebol. Os integrantes da banda de rock pop (jovem) KLB fazem pose de bonitinhos um ao lado do outro, com o emblema do Serra sempre ao fundo, eles apostam na popularidade e na aparência de bons meninos. O Eli Correa Filho aproveita-se da fama do pai, de seus gestos e palavras para se lançar, com aquele, “Oi Gente!”, isso é chamariz para as pessoas que gostam deste homem no rádio, como no caso do Rauzito, também, filho do Raul Gil, tirando o chapéu, para seu filho, técnicas muito próxima ao primeiro caso citado, porém utilizam da simpatia e fama dos pais para angariarem votos. Temos também a apelação sexual no caso da Mulher Pêra, sua sensualidade a mostra, com decotes imensos e gestos maliciosos. Não distante e também apelativo tem a candidata Mara Maravilha se apresentando toda vestida de branco ao lado do marido como se fossem iluminados e evangelizados, defendendo a família e sua candidatura. A análise dos candidatos à Presidência é sempre a mais sugestiva no caso de José Serra, ele sempre aparece com a imagem da nossa bandeira ou com o fundo esverdeado, mencionando a Bandeira – o patriotismo, também, seus gestos são firme, exatidão nas palavras, baseia-se sempre nas campanhas que
  • 4. promoveu, Metrô, Rodoanel e Genéricos, mostra também imagem de pessoas e o Cristo Redentor, demonstrando que é o Salvador? Quanto a Dilma Rousseff sempre se apresenta de vermelho, o fundo de sua imagem sempre há o vermelho de seu partido PT e o verde da nossa Bandeira, ou a Bandeira em si, com algum detalhe vermelho. Nos palanques está sempre de mãos dadas com o Presidente Lula – como uma indicação forte de quem chegou lá, também gesticula pouco e com exatidão, firmeza e convicção nas palavras. Poderia citar centenas de casos, mas todos têm a indicação da valorização da imagem e técnicas que são típicas da propaganda e marketing, a força para trazer o candidato até a população, e a mesma força inversa a população até o candidato, sempre tentando manter uma imagem de bom cidadão, bom profissional e bom político, capaz de realizar todos os sonhos e deficiências da sociedade. Esta propaganda que transformam pessoas comuns em verdadeiros super-heróis. Quanto a sociedade, fica a difícil tarefa de saber quem é que realmente tem ou não boas intenções naquilo que declara. E muitas vezes o tiro sai pela culatra. Baseado em todas as colocações que citei, creio que muitos dos candidatos se aproveitam de sua imagem de alguma forma, basta saber se a seriedade vem em primeiro lugar, pois a minha opinião não é o que aparenta, ao generalizando todos, pois não sei onde vamos parar, mas acredito nas pessoas, acredito no Brasil, porque se não acreditar me tornarei só mais um e isso eu não quero.