SlideShare uma empresa Scribd logo
Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia
    Educacional Proinfo Integrado - Elaboração de Projeto – PITEC


              Escola Estadual Dr Artur Antunes Maciel
       Endereço: Rua Ronaldo Resedá S/N- Módulo 2 Juina-Mt
    Fone (66) 35662022 - E-Mail: Escoladr.Artur@Bol.Com.Br - Inep:
                             51002736


SÉRIE: 1º anos do Ensino Médio Integrado período matutino e

vespertino
NÚMEROS DE ALUNOS: 100 alunos

PROFESSORES : Elaine Almeida, Maribel Bergamin e Maria Ilza de

Freire.
COORDENADOR: Vitorio Helatczuk

TUTORA: Ednéia Martins Buch
TEMA: DSTS E PRECONCEITO
JUSTIFICATIVA

        Os problemas ligados ao início da vida sexual sem informações corretas são
visíveis em nossa sociedade, por isso é importante enfatizar a influência que ela
exerce em nossas vidas, seja em relação ao trabalho, estudo, vida social e
principalmente no que se refere às implicações que ela pode desencadear na
estrutura familiar. Nesse sentido as duas instituições fundamentais no processo de
formação do indivíduo, a escola e a família são fundamentais. A primeira
desempenha um importante papel na formação da personalidade e no caráter, pois é
o primeiro grupo social que a criança e o adolescente participa e é nela que se
estabelece uma relação de equilíbrio. A segunda, também de grande importância, é
a escola onde a criança e o adolescente estabelece laços de sociabilidade,
construção de saberes e que tem a finalidade precípua de formar, preparar as novas
gerações para o desempenho das várias funções que a sociedade espera. Logo,
percebe-se a importância da escola como local onde os jovens podem adquirir
conhecimentos adequados ligados a sua sexualidade e a sua saúde.
        Atualmente, os meios de comunicação de massa impõem valores aos jovens
e estes acabam seduzidos com as mais diversas formas de linguagem,
principalmente ligados a questão da sexualidade. As mudanças de valores em
virtudes dessas novas formas de linguagem ocultam a verdade sobre a máscara da
sedução, assim muitos acabam se deixando levar pela sedução, pois estão numa
fase de busca de identidade. Nessa busca da construção de sua própria identidade
o adolescente se encontra perdido num turbilhão de informações e sentimentos .
        O quadro abaixo apresenta os índices nas capitais: Belém, Cuiabá, Maceió
e   Rio de Janeiro   em 2000   (%), em relação à realidade nacional que aponta
estudos epidemiológicos feito um resumo de diferenciais quanto a percepções de
alunos sobre temas relacionados à sexualidade.
Contracepção                    Belém Cuiabá Maceió Rio de Jan.        Porto Ale.
Usa ou solicita ao parceiro     78,9      74,0      65,1        74,5       79,6
que use a camisinha quando
tem relação.
Usa camisinha quando transa 27,0          74,0      65,1        74,5       79,6
com pessoas desconhecidas
Não usa camisinha porque 43,1                 48,6      47,3       53,5       26,4
não tem á mão a camisinha
sempre que precisa.
Não usa camisinha porque 17,2                 28,3      28,6       23,8       12,4
acha que não corre o risco de
pegar AIDS
Não usa camisinha porque só 33,6              33,3      38,4       37,5       24,5
mantêm relações com quem
confia.
 Não usa camisinha por que 27,4               35,7      40,9       41,4       21,3
acha que a camisinha diminui
o prazer



           A elaboração deste projeto tem como referencial teórico estudos realizados
em diversas capitais do Brasil sobre início da vida sexual cada vez mais cedo entre
os jovens, o que resulta num aumento de casos de gravidez durante a adolescência
e o alto índice de contaminação de DSTs e AIDS entre esse público. Não há como
negar também o preconceito e a discriminação dos quais são vítimas os portadores
de DSTs e os HIV positivo.
           Partindo da tomada de consciência dessa realidade o presente projeto, tem
como intuito colaborar com a discussão e reflexão sobre aspectos como: os riscos
que uma relação sexual sem prevenção podem ocasionar, preconceito, cultura, o
respeito pelo outro, o diferente. Numa linguagem simples atual e jovem, o livro “
Depois daquela Viagem”, nos transporta ao universo dos jovens, nos sensibilizando
sobre sua realidade, seus medos e angústias. A leitura e a discussão referente aos
temas abordados neste livro, não pretende incentivar o jovem a iniciar a vida sexual
cedo, mas      instigá-lo   a refletir sobre suas ações e as responsabilidades que ela
exigem.O projeto foi desenvolvido com os alunos do Primeiro ano             do Ensino
Médio Integrado do período matutino e vespertino, no total de 100 alunos.
CONTEÚDOS

 Biologia : Dsts ( doenças sexualmente transmissíveis),meios de transmissão
  e medidas profiláticas.

 Química:medicamentos para controle da doença

 Sociologia: Preconceito e o respeito as diferenças;
DISCIPLINAS ENVOLVIDAS



 Biologia
 Sociologia
 Química
OBJETIVO GERAL


       Levar os jovens a refletir sobre a sua condição como um cidadão sujeito a
riscos, incentivando-o a ser também crítico em relação à sedução da mídia e das
conseqüências que suas ações podem resultar, tanto em sua vida como também na
vida de outras pessoas.
OBJETIVOS ESPECIFICOS


 Informar os jovens sobre os riscos de uma relação sexual sem o uso de
   preservativos;
 Identificar as principais doenças sexualmente transmissíveis, caracterizando
   seus ciclos de desenvolvimento e contágio;
 Mostrar que existem remédios que controlam o vírus da AIDS ;
 Promover uma reflexão sobre o respeito às diferenças        e preconceitos:
   culturais, de gênero, sexuais etc.
METODOLOGIA


       Com base nos conhecimentos adquiridos pelos estudantes ao longo do
ensino formal e abordando também sua vivência pessoal desenvolveremos uma
proposta de intervenção preventiva com os educandos da 1ª Série do Ensino Médio.
       Este projeto foi desenvolvido de forma interdisciplinar de acordo com as
seguintes etapas:
    Leitura do livro “ Depois daquela viagem”;
    Elaboração de resenhas críticas individuais;
    Pesquisa bibliográfica sobre as doenças sexualmente transmissíveis e Aids e
      medicamentos;
    Debates, seminários enfocando os diversos aspectos presentes na literatura;
    Elaboração de painéis;
    Realizar um diagnóstico sobre o perfil dos estudantes do Ensino Médio desta
      unidade escolar;
    A culminância do projeto se dará com elaboração e apresentação de
      atividades artísticas.


Os materiais utilizados serão:
    35 livros “ Depois daquela viagem”;
    Material áudio-visual;
    2 cartuchos ( tinta preta) para impressora HP deskjet F 4180
    3 resmas de papel sulfite;
    Painéis de madeira;
    Grampeador de parede;
    1 caixa de grampos (grampeador de parede);
    15 folhas de E.V.A. cores diversas;
    30 metros de TNT cores variadas;
    5 Pinceis atômicos;
    1 CDs virgens;
    6 camisetas
CRONOGRAMA
Cronograma das atividades            Abr. Mai   Jun. Jul   Ago. Set. Out   Nov.
                                          .          .               .
Atividades                                                 x
Reunião para a problematização e                           x
escolha do tema
Elaboração do projeto                                      x
Apresentação do projeto para os                            x
alunos
Leitura do livro “ Depois daquela                          x
Viagem”
Elaboração de resenhas criticas                                 x
Pesquisa bibliográfica sobre as                                 x
doenças                sexualmente
transmissíveis e Aids;
Debates, seminários enfocando os                                x
diversos aspectos presentes na
literatura
Elaboração de painéis;                                               x
Realizar um diagnóstico sobre o                                      x
perfil dos estudantes do Ensino
Médio desta unidade escolar;

A culminância do projeto se dará                                           x
com elaboração e apresentação
de atividades artísticas.
AVALIAÇÃO


        Acreditamos que adotar ações preventivas que evitem que os jovens
estabeleçam o primeiro contato as DST e AIDS seja o melhor caminho na luta contra
esse mal que atinge milhões de jovens. Sabemos que isso só será possível se
incentivarmos os jovens a esclarecer suas duvidas e compartilhar seus anseios e
seus medos.
       Desta forma temos uma grande expectativa em relação a este projeto que é
envolver de forma significativa os jovens sobre o assunto trabalhado. O processo
avaliativo será feito de forma interdisciplinar, uma vez que será avaliado o aluno
como um todo através das atividades        de interpretação e performance tanto
individual como em grupo.
BIBLIOGRAFIA

ABRAMOVAY, Mirian; CASTRO, Mary Garcia; SILVA, Lorena Bernadete da Silva.
Juventude e Sexualidade. Brasilia: UNESCO Brasil, 2004. 426 p.


POLIZZI,Valéria Piassa. Depois daquela Viagem. São Paulo: Ática 2001, 277 p.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Artigo Interacao UFG
Artigo Interacao UFGArtigo Interacao UFG
Artigo Interacao UFG
Susy Rodrigues
 
Esc q prot_eletrônico
Esc q prot_eletrônicoEsc q prot_eletrônico
Esc q prot_eletrônico
ilesor
 
Desafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversos
Desafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversosDesafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversos
Desafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversos
Paulinha2011
 
Mulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são paulo
Mulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são pauloMulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são paulo
Mulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são paulo
bando17demaio
 
Violência na escola entre alunos
Violência na escola entre alunosViolência na escola entre alunos
Violência na escola entre alunos
misscat
 
Livro escola que protege
Livro escola que protegeLivro escola que protege
Livro escola que protege
Inez Kwiecinski
 
Violência na Escola Elci_Elciene
Violência na Escola   Elci_ElcieneViolência na Escola   Elci_Elciene
Violência na Escola Elci_Elciene
Elciene Oliveira
 
Apostila bullying
Apostila   bullyingApostila   bullying
Apostila bullying
danimandetta
 
Cultura Infantil
Cultura InfantilCultura Infantil
Cultura Infantil
Eliane Almeida
 
cultura
culturacultura
Portfólio bullying
Portfólio bullyingPortfólio bullying
Portfólio bullying
Patricia Araujo da Silva
 
Superar o racsimo na escola
Superar o  racsimo na escolaSuperar o  racsimo na escola
Superar o racsimo na escola
cenpah
 

Mais procurados (12)

Artigo Interacao UFG
Artigo Interacao UFGArtigo Interacao UFG
Artigo Interacao UFG
 
Esc q prot_eletrônico
Esc q prot_eletrônicoEsc q prot_eletrônico
Esc q prot_eletrônico
 
Desafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversos
Desafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversosDesafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversos
Desafios à gestão da alfabetização em contextos escolares adversos
 
Mulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são paulo
Mulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são pauloMulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são paulo
Mulheres, (homo)ssexualidades e diferenças na cidade de são paulo
 
Violência na escola entre alunos
Violência na escola entre alunosViolência na escola entre alunos
Violência na escola entre alunos
 
Livro escola que protege
Livro escola que protegeLivro escola que protege
Livro escola que protege
 
Violência na Escola Elci_Elciene
Violência na Escola   Elci_ElcieneViolência na Escola   Elci_Elciene
Violência na Escola Elci_Elciene
 
Apostila bullying
Apostila   bullyingApostila   bullying
Apostila bullying
 
Cultura Infantil
Cultura InfantilCultura Infantil
Cultura Infantil
 
cultura
culturacultura
cultura
 
Portfólio bullying
Portfólio bullyingPortfólio bullying
Portfólio bullying
 
Superar o racsimo na escola
Superar o  racsimo na escolaSuperar o  racsimo na escola
Superar o racsimo na escola
 

Destaque

Apresantação 2.ª sessão
Apresantação 2.ª sessãoApresantação 2.ª sessão
Apresantação 2.ª sessão
goretebranco
 
Can, srd, macho, 4 anos
Can, srd, macho, 4 anosCan, srd, macho, 4 anos
Can, srd, macho, 4 anos
Webvetveterinaria
 
MIX MKT
MIX MKTMIX MKT
MIX MKT
Belle Maluf
 
Dia del idioma jo
Dia del idioma joDia del idioma jo
Dia del idioma jo
Carlos Escobar
 
Manual de contratos_terceirizados
Manual de contratos_terceirizadosManual de contratos_terceirizados
Manual de contratos_terceirizados
mjmcreatore
 
Si yo tuviera un millon de dolares
Si yo tuviera un millon de dolaresSi yo tuviera un millon de dolares
Si yo tuviera un millon de dolares
epeecher
 
Estruturaodareacomercialclaudiacunha
EstruturaodareacomercialclaudiacunhaEstruturaodareacomercialclaudiacunha
Estruturaodareacomercialclaudiacunha
Douglas Ikeda
 
História luis
História luisHistória luis
História luis
turmaec11a
 
ABELHAS
ABELHASABELHAS
ABELHAS
ALDOPRATA
 
Gaia Terranova - Empreendimentos Sustentáveis
Gaia Terranova - Empreendimentos SustentáveisGaia Terranova - Empreendimentos Sustentáveis
Gaia Terranova - Empreendimentos Sustentáveis
Fura Bolha
 
InnoSIB Seguridad de la informacion. Consultoría
InnoSIB Seguridad de la informacion. ConsultoríaInnoSIB Seguridad de la informacion. Consultoría
InnoSIB Seguridad de la informacion. Consultoría
InnoSIB
 
Senor don gato
Senor don gatoSenor don gato
Senor don gato
resewllms
 
Adinvitro
Adinvitro Adinvitro
Adinvitro
Adinvitro
 
Presentacion en equipo
Presentacion en equipoPresentacion en equipo
Presentacion en equipo
Edgar888
 
Apresentação 17 Conaje
Apresentação 17 ConajeApresentação 17 Conaje
Apresentação 17 Conaje
CJE - MS
 
Corporacion Capsula
Corporacion CapsulaCorporacion Capsula
Corporacion Capsula
cheluis9006
 
Present. ralitsa
Present. ralitsaPresent. ralitsa
Present. ralitsa
mvaldesr
 

Destaque (20)

Apresantação 2.ª sessão
Apresantação 2.ª sessãoApresantação 2.ª sessão
Apresantação 2.ª sessão
 
Can, srd, macho, 4 anos
Can, srd, macho, 4 anosCan, srd, macho, 4 anos
Can, srd, macho, 4 anos
 
MIX MKT
MIX MKTMIX MKT
MIX MKT
 
Extrato 12 2012
Extrato 12 2012Extrato 12 2012
Extrato 12 2012
 
Extrato 01 2013
Extrato 01 2013Extrato 01 2013
Extrato 01 2013
 
Dia del idioma jo
Dia del idioma joDia del idioma jo
Dia del idioma jo
 
Manual de contratos_terceirizados
Manual de contratos_terceirizadosManual de contratos_terceirizados
Manual de contratos_terceirizados
 
Si yo tuviera un millon de dolares
Si yo tuviera un millon de dolaresSi yo tuviera un millon de dolares
Si yo tuviera un millon de dolares
 
Estruturaodareacomercialclaudiacunha
EstruturaodareacomercialclaudiacunhaEstruturaodareacomercialclaudiacunha
Estruturaodareacomercialclaudiacunha
 
História luis
História luisHistória luis
História luis
 
ABELHAS
ABELHASABELHAS
ABELHAS
 
Gaia Terranova - Empreendimentos Sustentáveis
Gaia Terranova - Empreendimentos SustentáveisGaia Terranova - Empreendimentos Sustentáveis
Gaia Terranova - Empreendimentos Sustentáveis
 
InnoSIB Seguridad de la informacion. Consultoría
InnoSIB Seguridad de la informacion. ConsultoríaInnoSIB Seguridad de la informacion. Consultoría
InnoSIB Seguridad de la informacion. Consultoría
 
Senor don gato
Senor don gatoSenor don gato
Senor don gato
 
Adinvitro
Adinvitro Adinvitro
Adinvitro
 
Presentacion en equipo
Presentacion en equipoPresentacion en equipo
Presentacion en equipo
 
Apresentação 17 Conaje
Apresentação 17 ConajeApresentação 17 Conaje
Apresentação 17 Conaje
 
Corporacion Capsula
Corporacion CapsulaCorporacion Capsula
Corporacion Capsula
 
Jan 12
Jan 12Jan 12
Jan 12
 
Present. ralitsa
Present. ralitsaPresent. ralitsa
Present. ralitsa
 

Semelhante a Projeto p itec

6 e artigo_bullying
6 e artigo_bullying6 e artigo_bullying
6 e artigo_bullying
janybf
 
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalvesAtiv4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
katiaalvesborges
 
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalvesAtiv4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
katiaalvesborges
 
.trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa...
.trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa....trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa...
.trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa...
FranciellyFalcao1
 
Diversidade, cidadania e direitos
Diversidade, cidadania e direitosDiversidade, cidadania e direitos
Diversidade, cidadania e direitos
Andréa Kochhann
 
1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia
Fatima Moraes
 
2ºc
2ºc2ºc
Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...
Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...
Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...
Universidad de la Empresa UDE
 
A Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comum
A Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comumA Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comum
A Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comum
Daniel Tavares
 
Bicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescencia
Bicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescenciaBicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescencia
Bicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescencia
temastransversais
 
3semejacienciashumanas
3semejacienciashumanas3semejacienciashumanas
3semejacienciashumanas
irenio soares
 
Educação afetivo sexual
Educação afetivo sexualEducação afetivo sexual
Educação afetivo sexual
passarada
 
Artigo selfie perfil corrigido.docx
Artigo selfie perfil corrigido.docxArtigo selfie perfil corrigido.docx
Artigo selfie perfil corrigido.docx
Tamiris santos rodrigues
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
andreatlc
 
Linhas Orientadoras de Acção - Sec
Linhas Orientadoras de Acção - SecLinhas Orientadoras de Acção - Sec
Linhas Orientadoras de Acção - Sec
Cristina Couto Varela
 
Artigo selfie perfil corrigido
Artigo selfie perfil corrigidoArtigo selfie perfil corrigido
Artigo selfie perfil corrigido
Tamiris santos rodrigues
 
Pcn 10.5 Tt OrientaçãO Sexual
Pcn   10.5   Tt OrientaçãO SexualPcn   10.5   Tt OrientaçãO Sexual
Pcn 10.5 Tt OrientaçãO Sexual
literatoliberato
 
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação InfantilProjeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
karinacancado
 
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação InfantilProjeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
karinacancado
 
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação InfantilProjeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
karinacancado
 

Semelhante a Projeto p itec (20)

6 e artigo_bullying
6 e artigo_bullying6 e artigo_bullying
6 e artigo_bullying
 
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalvesAtiv4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
 
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalvesAtiv4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
Ativ4 6 planodeaulareelaborado_kcalves
 
.trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa...
.trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa....trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa...
.trashed-1701347908-pia-caderno2_primeiras-infancias-negras-e-a-educacao-infa...
 
Diversidade, cidadania e direitos
Diversidade, cidadania e direitosDiversidade, cidadania e direitos
Diversidade, cidadania e direitos
 
1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia
 
2ºc
2ºc2ºc
2ºc
 
Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...
Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...
Avances de investigación: Sociedad, Educación y Cultura - Línea de Investigac...
 
A Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comum
A Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comumA Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comum
A Educação e a Diversidade Sexual e de Gênero: a academia e o senso comum
 
Bicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescencia
Bicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescenciaBicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescencia
Bicastiradentes orientacaosexual sexualidadenaadolescencia
 
3semejacienciashumanas
3semejacienciashumanas3semejacienciashumanas
3semejacienciashumanas
 
Educação afetivo sexual
Educação afetivo sexualEducação afetivo sexual
Educação afetivo sexual
 
Artigo selfie perfil corrigido.docx
Artigo selfie perfil corrigido.docxArtigo selfie perfil corrigido.docx
Artigo selfie perfil corrigido.docx
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
 
Linhas Orientadoras de Acção - Sec
Linhas Orientadoras de Acção - SecLinhas Orientadoras de Acção - Sec
Linhas Orientadoras de Acção - Sec
 
Artigo selfie perfil corrigido
Artigo selfie perfil corrigidoArtigo selfie perfil corrigido
Artigo selfie perfil corrigido
 
Pcn 10.5 Tt OrientaçãO Sexual
Pcn   10.5   Tt OrientaçãO SexualPcn   10.5   Tt OrientaçãO Sexual
Pcn 10.5 Tt OrientaçãO Sexual
 
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação InfantilProjeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
 
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação InfantilProjeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
 
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação InfantilProjeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
 

Último

Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 

Último (20)

Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 

Projeto p itec

  • 1. Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional Proinfo Integrado - Elaboração de Projeto – PITEC Escola Estadual Dr Artur Antunes Maciel Endereço: Rua Ronaldo Resedá S/N- Módulo 2 Juina-Mt Fone (66) 35662022 - E-Mail: Escoladr.Artur@Bol.Com.Br - Inep: 51002736 SÉRIE: 1º anos do Ensino Médio Integrado período matutino e vespertino NÚMEROS DE ALUNOS: 100 alunos PROFESSORES : Elaine Almeida, Maribel Bergamin e Maria Ilza de Freire. COORDENADOR: Vitorio Helatczuk TUTORA: Ednéia Martins Buch TEMA: DSTS E PRECONCEITO
  • 2. JUSTIFICATIVA Os problemas ligados ao início da vida sexual sem informações corretas são visíveis em nossa sociedade, por isso é importante enfatizar a influência que ela exerce em nossas vidas, seja em relação ao trabalho, estudo, vida social e principalmente no que se refere às implicações que ela pode desencadear na estrutura familiar. Nesse sentido as duas instituições fundamentais no processo de formação do indivíduo, a escola e a família são fundamentais. A primeira desempenha um importante papel na formação da personalidade e no caráter, pois é o primeiro grupo social que a criança e o adolescente participa e é nela que se estabelece uma relação de equilíbrio. A segunda, também de grande importância, é a escola onde a criança e o adolescente estabelece laços de sociabilidade, construção de saberes e que tem a finalidade precípua de formar, preparar as novas gerações para o desempenho das várias funções que a sociedade espera. Logo, percebe-se a importância da escola como local onde os jovens podem adquirir conhecimentos adequados ligados a sua sexualidade e a sua saúde. Atualmente, os meios de comunicação de massa impõem valores aos jovens e estes acabam seduzidos com as mais diversas formas de linguagem, principalmente ligados a questão da sexualidade. As mudanças de valores em virtudes dessas novas formas de linguagem ocultam a verdade sobre a máscara da sedução, assim muitos acabam se deixando levar pela sedução, pois estão numa fase de busca de identidade. Nessa busca da construção de sua própria identidade o adolescente se encontra perdido num turbilhão de informações e sentimentos . O quadro abaixo apresenta os índices nas capitais: Belém, Cuiabá, Maceió e Rio de Janeiro em 2000 (%), em relação à realidade nacional que aponta estudos epidemiológicos feito um resumo de diferenciais quanto a percepções de alunos sobre temas relacionados à sexualidade. Contracepção Belém Cuiabá Maceió Rio de Jan. Porto Ale. Usa ou solicita ao parceiro 78,9 74,0 65,1 74,5 79,6 que use a camisinha quando tem relação. Usa camisinha quando transa 27,0 74,0 65,1 74,5 79,6 com pessoas desconhecidas
  • 3. Não usa camisinha porque 43,1 48,6 47,3 53,5 26,4 não tem á mão a camisinha sempre que precisa. Não usa camisinha porque 17,2 28,3 28,6 23,8 12,4 acha que não corre o risco de pegar AIDS Não usa camisinha porque só 33,6 33,3 38,4 37,5 24,5 mantêm relações com quem confia. Não usa camisinha por que 27,4 35,7 40,9 41,4 21,3 acha que a camisinha diminui o prazer A elaboração deste projeto tem como referencial teórico estudos realizados em diversas capitais do Brasil sobre início da vida sexual cada vez mais cedo entre os jovens, o que resulta num aumento de casos de gravidez durante a adolescência e o alto índice de contaminação de DSTs e AIDS entre esse público. Não há como negar também o preconceito e a discriminação dos quais são vítimas os portadores de DSTs e os HIV positivo. Partindo da tomada de consciência dessa realidade o presente projeto, tem como intuito colaborar com a discussão e reflexão sobre aspectos como: os riscos que uma relação sexual sem prevenção podem ocasionar, preconceito, cultura, o respeito pelo outro, o diferente. Numa linguagem simples atual e jovem, o livro “ Depois daquela Viagem”, nos transporta ao universo dos jovens, nos sensibilizando sobre sua realidade, seus medos e angústias. A leitura e a discussão referente aos temas abordados neste livro, não pretende incentivar o jovem a iniciar a vida sexual cedo, mas instigá-lo a refletir sobre suas ações e as responsabilidades que ela exigem.O projeto foi desenvolvido com os alunos do Primeiro ano do Ensino Médio Integrado do período matutino e vespertino, no total de 100 alunos.
  • 4. CONTEÚDOS  Biologia : Dsts ( doenças sexualmente transmissíveis),meios de transmissão e medidas profiláticas.  Química:medicamentos para controle da doença  Sociologia: Preconceito e o respeito as diferenças;
  • 5. DISCIPLINAS ENVOLVIDAS  Biologia  Sociologia  Química
  • 6. OBJETIVO GERAL Levar os jovens a refletir sobre a sua condição como um cidadão sujeito a riscos, incentivando-o a ser também crítico em relação à sedução da mídia e das conseqüências que suas ações podem resultar, tanto em sua vida como também na vida de outras pessoas.
  • 7. OBJETIVOS ESPECIFICOS  Informar os jovens sobre os riscos de uma relação sexual sem o uso de preservativos;  Identificar as principais doenças sexualmente transmissíveis, caracterizando seus ciclos de desenvolvimento e contágio;  Mostrar que existem remédios que controlam o vírus da AIDS ;  Promover uma reflexão sobre o respeito às diferenças e preconceitos: culturais, de gênero, sexuais etc.
  • 8. METODOLOGIA Com base nos conhecimentos adquiridos pelos estudantes ao longo do ensino formal e abordando também sua vivência pessoal desenvolveremos uma proposta de intervenção preventiva com os educandos da 1ª Série do Ensino Médio. Este projeto foi desenvolvido de forma interdisciplinar de acordo com as seguintes etapas:  Leitura do livro “ Depois daquela viagem”;  Elaboração de resenhas críticas individuais;  Pesquisa bibliográfica sobre as doenças sexualmente transmissíveis e Aids e medicamentos;  Debates, seminários enfocando os diversos aspectos presentes na literatura;  Elaboração de painéis;  Realizar um diagnóstico sobre o perfil dos estudantes do Ensino Médio desta unidade escolar;  A culminância do projeto se dará com elaboração e apresentação de atividades artísticas. Os materiais utilizados serão:  35 livros “ Depois daquela viagem”;  Material áudio-visual;  2 cartuchos ( tinta preta) para impressora HP deskjet F 4180  3 resmas de papel sulfite;  Painéis de madeira;  Grampeador de parede;  1 caixa de grampos (grampeador de parede);  15 folhas de E.V.A. cores diversas;  30 metros de TNT cores variadas;  5 Pinceis atômicos;  1 CDs virgens;  6 camisetas
  • 9. CRONOGRAMA Cronograma das atividades Abr. Mai Jun. Jul Ago. Set. Out Nov. . . . Atividades x Reunião para a problematização e x escolha do tema Elaboração do projeto x Apresentação do projeto para os x alunos Leitura do livro “ Depois daquela x Viagem” Elaboração de resenhas criticas x Pesquisa bibliográfica sobre as x doenças sexualmente transmissíveis e Aids; Debates, seminários enfocando os x diversos aspectos presentes na literatura Elaboração de painéis; x Realizar um diagnóstico sobre o x perfil dos estudantes do Ensino Médio desta unidade escolar; A culminância do projeto se dará x com elaboração e apresentação de atividades artísticas.
  • 10. AVALIAÇÃO Acreditamos que adotar ações preventivas que evitem que os jovens estabeleçam o primeiro contato as DST e AIDS seja o melhor caminho na luta contra esse mal que atinge milhões de jovens. Sabemos que isso só será possível se incentivarmos os jovens a esclarecer suas duvidas e compartilhar seus anseios e seus medos. Desta forma temos uma grande expectativa em relação a este projeto que é envolver de forma significativa os jovens sobre o assunto trabalhado. O processo avaliativo será feito de forma interdisciplinar, uma vez que será avaliado o aluno como um todo através das atividades de interpretação e performance tanto individual como em grupo.
  • 11. BIBLIOGRAFIA ABRAMOVAY, Mirian; CASTRO, Mary Garcia; SILVA, Lorena Bernadete da Silva. Juventude e Sexualidade. Brasilia: UNESCO Brasil, 2004. 426 p. POLIZZI,Valéria Piassa. Depois daquela Viagem. São Paulo: Ática 2001, 277 p.