SlideShare uma empresa Scribd logo
Público
SE VOCÊ BUSCA POR AJUDA, ENTRE EM CONTATO CONOSCO
QUE PODEMOS TE AUXILIAR NESSE TRABALHO!
ALUNO:
CURSO:
CRIMINOLOGIA - BACHARELADO
COMPONENTE CURRICULAR:
PROJETO DE EXTENSÃO I - CRIMINOLOGIA
PROGRAMA DE EXTENSÃO:
PROGRAMA DE AÇÃO E DIFUSÃO CULTURAL.
FINALIDADE E MOTIVAÇÃO:
(11) 91467-6527
(11) 91467-6527
Público
A finalidade do projeto de extensão no Programa de Ação e Difusão Cultural do curso,
está relacionado ao fomento à cultura locorregional, fomentando a difusão, a
transparência e a democratização das ações culturais, por meio de projetos que
possibilitem a transferência para a sociedade de conhecimentos multidisciplinares
desenvolvidos no curso e a possibilidade de potencializar a geração de conhecimentos
aplicados, permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e
sociais no âmbito das diversas ciências como também da tecnologia, articulados com
os anseios da comunidade. Os conteúdos programáticos sugeridos para correlacionar
as ações são:
Antropologia; Fundamentos da Criminologia; Psicologia Social.
Os locais que poderão contemplar esse projeto são: Entidades pertencentes à
Administração Pública municipal, estadual ou federal; escolas; colégios; Organizações
não governamentais (ONG); Instituições privadas com ações sociais; fundações;
entidades do Judiciário como Procons e Tribunais; Entidades religiosas como igrejas,
ordens, templos, congregações, missões e casas de acolhimento ou assistência;
entidades de saúde e assistência social; Organizações da Sociedade Civil de Interesse
Público (OSCIPs); Organizações de moradores e Cooperativas, entre outras.
COMPETÊNCIAS:
I - Compreender o fenômeno criminal;
II - Atuar de modo ético nas análises e estudos dos fenômenos criminológicos e de
enfrentamento à violência;
III - Fomentar pesquisas empíricas relativas à criminalidade, coordenando com
estudos de fatores sociais e econômicos, para a proposição de soluções para o
enfrentamento da criminalidade.
PERFIL DE EGRESSO:
O perfil do egresso do curso de Criminologia, idealizado pela IES proporciona a
formação do profissional com sólida formação geral, humanística, capacidade de
análise, domínio de conceitos da criminologia; capacidade de interpretação com a
valorização dos fenômenos criminógenos e sociais; aliado a uma postura reflexiva e
1
Público
de visão crítica que fomente a capacidade e a aptidão para a aprendizagem autônoma
para o estudo do crime, da violência, da vítima e do criminoso.
SOFT SKILLS (COMPETÊNCIAS SOCIOEMOCIONAIS):
Análise e resolução de problemas
Comunicação Interpessoal
Gestão do Tempo
OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM:
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a
disseminação e articulação de conhecimentos adquiridos no curso para promover as
ações de difusão cultural no âmbito das ciências, relacionados diretamente à
Criminologia e com a articulação da tecnologia junto à comunidade.
CONTEÚDOS:
I - Antropologia;
II - Fundamentos da Criminologia;
III - Psicologia Social.
INDICAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS:
PREVITALLI, Ivete Miranda. Fundamentos da antropologia. Londrina: Editora e
Distribuidora Educacional S.A., 2017.
GONZAGA, Christiano. Manual de Criminologia. 2.ed. São Paulo: Saraiva, 2020.
LOPES, Daiane Duarte. Psicologia social. Porto Alegre: Grupo A, 2018.
TEMPLATE PDCA
Aluno e Aluna, essa atividade é para sua organização e uso da metodologia PDCA. Por isso é
um documento orientativo e não precisa ser entregue. Veja as orientações apresentadas no
MANUAL DE ATIVIDADES EXTENSIONISTAS.
1. PLANEJAMENTO (PLAN)
Antes de definir sua proposta, explore os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da
Organização das Nações Unidas (ONU) no link https://brasil.un.org/pt-br/sdgs. Se preferir, pode
baixar o documento pelo link https://brasil.un.org/sites/default/files/2020-09/agenda2030-pt-
br.pdf.
Compreenda a proposta da ONU e engaje-se nessa oportunidade de contribuir com as
metas de um organismo internacional tão importante ao mesmo tempo em que participa de
soluções de seu contexto!
Analise os 17 objetivos e escolha quais metas podem ser aderentes à sua proposta e ao seu
projeto. Para isso, clique no ícone de cada objetivo e observe a listagem de metas disponível
em cada um. É necessário que você escolha pelo menos uma meta. Pode ser que você
encontre metas aderentes à sua proposta em diferentes objetivos, mas não se restrinja.
Pode escolher dessa forma e mantenha o foco da essência de sua proposta.
2
Público
Feito isso, liste aqui suas escolhas. Essa informação também deverá ser declarada em seu
Relatório Final de Atividades Extensionistas.
LISTAR METAS DOS ODS ADERENTES AO SEU PROJETO
DEFINA A PROPOSTA.
IMERSÃO:
DEFINA OS ITENS DA IMERSÃO
Segue sugestão de perguntas para utilizar na entrevista com o parceiro.
SUGESTÃO DE SCRIPT DE ENTREVISTA
1. Quais os principais problemas, fragilidades ou dificuldades que a instituição/parceiro convive com
maior frequência?
1.1. Os problemas estão articulados com o programa/conteúdo proposto no componente
curricular?
Se não estiver, será necessário voltar à pergunta 1.
1.2. É possível resolver ou mitigar os problemas identificados no prazo de duração de projeto de
extensão.
Se não for possível deve voltar à pergunta 1.
1.3. A solução ou mitigação auxiliará a comunidade ou um grupo de pessoas da comunidade?
Se não auxiliar deve voltar à pergunta 1.
2. Quais serão as pessoas envolvidas na ação para buscar resolver ou mitigar os problemas
identificados?
3. Onde será realizada a ação?
4. Há limitação de pessoas ou restrição para acesso ao local indicado?
5. Quais serão as pessoas beneficiadas diretamente?
6. Necessitará de insumos/recursos financeiros para a realização da ação?
7. Será necessário agendamento?
8. Qual o período, dia da semana, horário que será realizada a ação?
IDEAÇÃO:
DEFINA OS ITENS DA IDEAÇÃO.
PROTOTIPAÇÃO:
DEFINA OS ITENS DA PROTOTIPAÇÃO.
3
Público
IDEIAS E ANOTAÇÕES:
2. REALIZAÇÃO (DO)
CRONOGRAMA:
ATIVIDADES PER. 1 PER. 2 PER. 3 PER.4
3. VERIFICAÇÃO (CHECK)
Planejamento:
Imersão realizada?
Ideação realizada?
Prototipação realizada?
Planejamento está ok?
Realização:
Cronograma realizado?
Cronograma atende a realização do projeto?
Verificação:
Cronograma atende a realização do projeto?
4
() NÃO
() SIM
() NÃO
() SIM
() NÃO
() SIM
() NÃO
() SIM
() NÃO
() SIM
() NÃO
() SIM
() NÃO
() SIM
Público
Projeto atende a proposta da instituição escolhida?
() SIM
() NÃO
Houve necessidade de mudança de estratégia?
() SIM
() NÃO
Em caso positivo, mencione as mudanças e novas estratégias?
4. AÇÃO (ACT)
AÇÃO PROPOSTA:
5

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino
Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino
Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino
Jorge Luiz de Souza Neto
 
Políticas Públicas de Saúde da Mulher no Brasil
Políticas Públicas de Saúde da Mulher no BrasilPolíticas Públicas de Saúde da Mulher no Brasil
Políticas Públicas de Saúde da Mulher no Brasil
Marciane Missio
 
introduçao epidemio
 introduçao epidemio introduçao epidemio
introduçao epidemio
Paula Brustolin Xavier
 
Programa nacional de atenção integral à saúde da Mulher
Programa nacional de atenção integral à saúde da MulherPrograma nacional de atenção integral à saúde da Mulher
Programa nacional de atenção integral à saúde da Mulher
Fernanda Marinho
 
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveisSaúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Mario Gandra
 
Livro clinica medica kroton
Livro clinica medica krotonLivro clinica medica kroton
CCIH
CCIHCCIH
Câncer do colo do útero: Aspectos Gerais e Oncogênese
Câncer do colo do útero: Aspectos Gerais e OncogêneseCâncer do colo do útero: Aspectos Gerais e Oncogênese
Câncer do colo do útero: Aspectos Gerais e Oncogênese
Maria Clara Leite
 
Aula CCIH/CTI
Aula CCIH/CTIAula CCIH/CTI
Aula CCIH/CTI
Rodrigo Biondi
 
HPV
HPVHPV
Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)
Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)
Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)
Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente (IFF/Fiocruz)
 
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptxPOLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
LucianaSousa469679
 
Aula Sistemas de informação Atualizada.pptx
Aula Sistemas de informação Atualizada.pptxAula Sistemas de informação Atualizada.pptx
Aula Sistemas de informação Atualizada.pptx
RAFAELACAVALCANTILIR
 
Aula 01 (4)
Aula 01 (4)Aula 01 (4)
Aula 01 (4)
Nadja Martins
 
Biossegurança pdf
Biossegurança pdfBiossegurança pdf
Biossegurança pdf
Bianca Mota Machado Araújo
 
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicasCuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS
 
Aula 02.pptx
Aula 02.pptxAula 02.pptx
Aula 02.pptx
AnaCarolinaLima86
 
Infecção do Trato Urinário durante a Gestação
Infecção do Trato Urinário durante a GestaçãoInfecção do Trato Urinário durante a Gestação
Imunização
ImunizaçãoImunização
Meningite viral
Meningite viral Meningite viral
Meningite viral
Natália Lima
 

Mais procurados (20)

Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino
Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino
Neoplasias do Sistema Reprodutor Feminino
 
Políticas Públicas de Saúde da Mulher no Brasil
Políticas Públicas de Saúde da Mulher no BrasilPolíticas Públicas de Saúde da Mulher no Brasil
Políticas Públicas de Saúde da Mulher no Brasil
 
introduçao epidemio
 introduçao epidemio introduçao epidemio
introduçao epidemio
 
Programa nacional de atenção integral à saúde da Mulher
Programa nacional de atenção integral à saúde da MulherPrograma nacional de atenção integral à saúde da Mulher
Programa nacional de atenção integral à saúde da Mulher
 
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveisSaúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
 
Livro clinica medica kroton
Livro clinica medica krotonLivro clinica medica kroton
Livro clinica medica kroton
 
CCIH
CCIHCCIH
CCIH
 
Câncer do colo do útero: Aspectos Gerais e Oncogênese
Câncer do colo do útero: Aspectos Gerais e OncogêneseCâncer do colo do útero: Aspectos Gerais e Oncogênese
Câncer do colo do útero: Aspectos Gerais e Oncogênese
 
Aula CCIH/CTI
Aula CCIH/CTIAula CCIH/CTI
Aula CCIH/CTI
 
HPV
HPVHPV
HPV
 
Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)
Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)
Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher (PNAISM)
 
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptxPOLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
POLITICA NACIONAL DE ATENÇÃO BASICA- PNAB atualizada.pptx
 
Aula Sistemas de informação Atualizada.pptx
Aula Sistemas de informação Atualizada.pptxAula Sistemas de informação Atualizada.pptx
Aula Sistemas de informação Atualizada.pptx
 
Aula 01 (4)
Aula 01 (4)Aula 01 (4)
Aula 01 (4)
 
Biossegurança pdf
Biossegurança pdfBiossegurança pdf
Biossegurança pdf
 
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicasCuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
Cuidados Paliativos no contexto do avanço das condições crônicas
 
Aula 02.pptx
Aula 02.pptxAula 02.pptx
Aula 02.pptx
 
Infecção do Trato Urinário durante a Gestação
Infecção do Trato Urinário durante a GestaçãoInfecção do Trato Urinário durante a Gestação
Infecção do Trato Urinário durante a Gestação
 
Imunização
ImunizaçãoImunização
Imunização
 
Meningite viral
Meningite viral Meningite viral
Meningite viral
 

Semelhante a PROJETO DE EXTENSÃO I - CRIMINOLOGIA

permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...
permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...
permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...
Colaborar Educacional
 
CST EM MEDIAÇÃO
CST EM MEDIAÇÃOCST EM MEDIAÇÃO
CST EM MEDIAÇÃO
xiaowu8637
 
Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...
Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...
Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...
Colaborar Educacional
 
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
Colaborar Educacional
 
I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...
I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...
I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...
Colaborar Educacional
 
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
Colaborar Educacional
 
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...
Colaborar Educacional
 
II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...
II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...
II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...
Colaborar Educacional
 
O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...
O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...
O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...
Colaborar Educacional
 
I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...
I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...
I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...
Colaborar Educacional
 

Semelhante a PROJETO DE EXTENSÃO I - CRIMINOLOGIA (10)

permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...
permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...
permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociai...
 
CST EM MEDIAÇÃO
CST EM MEDIAÇÃOCST EM MEDIAÇÃO
CST EM MEDIAÇÃO
 
Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...
Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...
Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações d...
 
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
 
I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...
I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...
I - Compreender as práticas pacificadores inovadoras utilizadas na gestão de ...
 
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
CONTEÚDOS: I - Direito Humanos; II - Negociação e Gestão de Conflitos; III - ...
 
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...
O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a di...
 
II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...
II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...
II - Adotar uma postura ética, imparcial e empática junto às pessoas e intere...
 
O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...
O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...
O perfil do egresso do curso de CST em Mediação, idealizado pela IES, proporc...
 
I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...
I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...
I - Aplicar princípios e fundamentos técnicos e teóricos interdisciplinares n...
 

Mais de xiaowu8637

PROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAIS
PROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAISPROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAIS
PROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAIS
xiaowu8637
 
CST EM PROCESSOS GERENCIAIS
CST EM PROCESSOS GERENCIAISCST EM PROCESSOS GERENCIAIS
CST EM PROCESSOS GERENCIAIS
xiaowu8637
 
CST EM SECRETARIADO
CST EM SECRETARIADOCST EM SECRETARIADO
CST EM SECRETARIADO
xiaowu8637
 
CST EM REDES DE COMPUTADORES
CST EM REDES DE COMPUTADORESCST EM REDES DE COMPUTADORES
CST EM REDES DE COMPUTADORES
xiaowu8637
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIAPROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIA
xiaowu8637
 
PSICOLOGIA - LICENCIATURA
PSICOLOGIA - LICENCIATURAPSICOLOGIA - LICENCIATURA
PSICOLOGIA - LICENCIATURA
xiaowu8637
 
CST EM PODOLOGIA
CST EM PODOLOGIACST EM PODOLOGIA
CST EM PODOLOGIA
xiaowu8637
 
PEDAGOGIA - LICENCIATURA
PEDAGOGIA - LICENCIATURAPEDAGOGIA - LICENCIATURA
PEDAGOGIA - LICENCIATURA
xiaowu8637
 
ODONTOLOGIA - BACHARELADO
ODONTOLOGIA - BACHARELADOODONTOLOGIA - BACHARELADO
ODONTOLOGIA - BACHARELADO
xiaowu8637
 
MATEMÁTICA - LICENCIATURA
MATEMÁTICA - LICENCIATURAMATEMÁTICA - LICENCIATURA
MATEMÁTICA - LICENCIATURA
xiaowu8637
 
HISTÓRIA - LICENCIATURA
HISTÓRIA - LICENCIATURAHISTÓRIA - LICENCIATURA
HISTÓRIA - LICENCIATURA
xiaowu8637
 
CST EM DESIGN DE INTERIORES
CST EM DESIGN DE INTERIORESCST EM DESIGN DE INTERIORES
CST EM DESIGN DE INTERIORES
xiaowu8637
 
Designer de interiores.pdf
Designer de interiores.pdfDesigner de interiores.pdf
Designer de interiores.pdf
xiaowu8637
 
CST EM MARKETING DIGITAL
CST EM MARKETING DIGITALCST EM MARKETING DIGITAL
CST EM MARKETING DIGITAL
xiaowu8637
 
CST EM GESTÃO PÚBLICA
CST EM GESTÃO PÚBLICACST EM GESTÃO PÚBLICA
CST EM GESTÃO PÚBLICA
xiaowu8637
 
33.pdf
33.pdf33.pdf
33.pdf
xiaowu8637
 
CST EM GESTÃO HOSPITALAR
CST EM GESTÃO HOSPITALARCST EM GESTÃO HOSPITALAR
CST EM GESTÃO HOSPITALAR
xiaowu8637
 
CST EM GESTÃO FINANCEIRA
CST EM GESTÃO FINANCEIRACST EM GESTÃO FINANCEIRA
CST EM GESTÃO FINANCEIRA
xiaowu8637
 
CST EM GESTÃO DE COOPERATIVAS
CST EM GESTÃO DE COOPERATIVASCST EM GESTÃO DE COOPERATIVAS
CST EM GESTÃO DE COOPERATIVAS
xiaowu8637
 
COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...
COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...
COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...
xiaowu8637
 

Mais de xiaowu8637 (20)

PROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAIS
PROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAISPROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAIS
PROJETO DE EXTENSÃO I - PROCESSOS GERENCIAIS
 
CST EM PROCESSOS GERENCIAIS
CST EM PROCESSOS GERENCIAISCST EM PROCESSOS GERENCIAIS
CST EM PROCESSOS GERENCIAIS
 
CST EM SECRETARIADO
CST EM SECRETARIADOCST EM SECRETARIADO
CST EM SECRETARIADO
 
CST EM REDES DE COMPUTADORES
CST EM REDES DE COMPUTADORESCST EM REDES DE COMPUTADORES
CST EM REDES DE COMPUTADORES
 
PROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIAPROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIA
PROJETO DE EXTENSÃO I - PSICOLOGIA
 
PSICOLOGIA - LICENCIATURA
PSICOLOGIA - LICENCIATURAPSICOLOGIA - LICENCIATURA
PSICOLOGIA - LICENCIATURA
 
CST EM PODOLOGIA
CST EM PODOLOGIACST EM PODOLOGIA
CST EM PODOLOGIA
 
PEDAGOGIA - LICENCIATURA
PEDAGOGIA - LICENCIATURAPEDAGOGIA - LICENCIATURA
PEDAGOGIA - LICENCIATURA
 
ODONTOLOGIA - BACHARELADO
ODONTOLOGIA - BACHARELADOODONTOLOGIA - BACHARELADO
ODONTOLOGIA - BACHARELADO
 
MATEMÁTICA - LICENCIATURA
MATEMÁTICA - LICENCIATURAMATEMÁTICA - LICENCIATURA
MATEMÁTICA - LICENCIATURA
 
HISTÓRIA - LICENCIATURA
HISTÓRIA - LICENCIATURAHISTÓRIA - LICENCIATURA
HISTÓRIA - LICENCIATURA
 
CST EM DESIGN DE INTERIORES
CST EM DESIGN DE INTERIORESCST EM DESIGN DE INTERIORES
CST EM DESIGN DE INTERIORES
 
Designer de interiores.pdf
Designer de interiores.pdfDesigner de interiores.pdf
Designer de interiores.pdf
 
CST EM MARKETING DIGITAL
CST EM MARKETING DIGITALCST EM MARKETING DIGITAL
CST EM MARKETING DIGITAL
 
CST EM GESTÃO PÚBLICA
CST EM GESTÃO PÚBLICACST EM GESTÃO PÚBLICA
CST EM GESTÃO PÚBLICA
 
33.pdf
33.pdf33.pdf
33.pdf
 
CST EM GESTÃO HOSPITALAR
CST EM GESTÃO HOSPITALARCST EM GESTÃO HOSPITALAR
CST EM GESTÃO HOSPITALAR
 
CST EM GESTÃO FINANCEIRA
CST EM GESTÃO FINANCEIRACST EM GESTÃO FINANCEIRA
CST EM GESTÃO FINANCEIRA
 
CST EM GESTÃO DE COOPERATIVAS
CST EM GESTÃO DE COOPERATIVASCST EM GESTÃO DE COOPERATIVAS
CST EM GESTÃO DE COOPERATIVAS
 
COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...
COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...
COMPETÊNCIAS: I - Planeja e gerencia as atividades de cooperativas e seus res...
 

PROJETO DE EXTENSÃO I - CRIMINOLOGIA

  • 1. Público SE VOCÊ BUSCA POR AJUDA, ENTRE EM CONTATO CONOSCO QUE PODEMOS TE AUXILIAR NESSE TRABALHO! ALUNO: CURSO: CRIMINOLOGIA - BACHARELADO COMPONENTE CURRICULAR: PROJETO DE EXTENSÃO I - CRIMINOLOGIA PROGRAMA DE EXTENSÃO: PROGRAMA DE AÇÃO E DIFUSÃO CULTURAL. FINALIDADE E MOTIVAÇÃO: (11) 91467-6527 (11) 91467-6527
  • 2. Público A finalidade do projeto de extensão no Programa de Ação e Difusão Cultural do curso, está relacionado ao fomento à cultura locorregional, fomentando a difusão, a transparência e a democratização das ações culturais, por meio de projetos que possibilitem a transferência para a sociedade de conhecimentos multidisciplinares desenvolvidos no curso e a possibilidade de potencializar a geração de conhecimentos aplicados, permitindo ao egresso um maior envolvimento junto às ações culturais e sociais no âmbito das diversas ciências como também da tecnologia, articulados com os anseios da comunidade. Os conteúdos programáticos sugeridos para correlacionar as ações são: Antropologia; Fundamentos da Criminologia; Psicologia Social. Os locais que poderão contemplar esse projeto são: Entidades pertencentes à Administração Pública municipal, estadual ou federal; escolas; colégios; Organizações não governamentais (ONG); Instituições privadas com ações sociais; fundações; entidades do Judiciário como Procons e Tribunais; Entidades religiosas como igrejas, ordens, templos, congregações, missões e casas de acolhimento ou assistência; entidades de saúde e assistência social; Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIPs); Organizações de moradores e Cooperativas, entre outras. COMPETÊNCIAS: I - Compreender o fenômeno criminal; II - Atuar de modo ético nas análises e estudos dos fenômenos criminológicos e de enfrentamento à violência; III - Fomentar pesquisas empíricas relativas à criminalidade, coordenando com estudos de fatores sociais e econômicos, para a proposição de soluções para o enfrentamento da criminalidade. PERFIL DE EGRESSO: O perfil do egresso do curso de Criminologia, idealizado pela IES proporciona a formação do profissional com sólida formação geral, humanística, capacidade de análise, domínio de conceitos da criminologia; capacidade de interpretação com a valorização dos fenômenos criminógenos e sociais; aliado a uma postura reflexiva e 1
  • 3. Público de visão crítica que fomente a capacidade e a aptidão para a aprendizagem autônoma para o estudo do crime, da violência, da vítima e do criminoso. SOFT SKILLS (COMPETÊNCIAS SOCIOEMOCIONAIS): Análise e resolução de problemas Comunicação Interpessoal Gestão do Tempo OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM: O objetivo do programa de extensão em Difusão Cultural, está relacionado a disseminação e articulação de conhecimentos adquiridos no curso para promover as ações de difusão cultural no âmbito das ciências, relacionados diretamente à Criminologia e com a articulação da tecnologia junto à comunidade. CONTEÚDOS: I - Antropologia; II - Fundamentos da Criminologia; III - Psicologia Social. INDICAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS: PREVITALLI, Ivete Miranda. Fundamentos da antropologia. Londrina: Editora e Distribuidora Educacional S.A., 2017. GONZAGA, Christiano. Manual de Criminologia. 2.ed. São Paulo: Saraiva, 2020. LOPES, Daiane Duarte. Psicologia social. Porto Alegre: Grupo A, 2018. TEMPLATE PDCA Aluno e Aluna, essa atividade é para sua organização e uso da metodologia PDCA. Por isso é um documento orientativo e não precisa ser entregue. Veja as orientações apresentadas no MANUAL DE ATIVIDADES EXTENSIONISTAS. 1. PLANEJAMENTO (PLAN) Antes de definir sua proposta, explore os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU) no link https://brasil.un.org/pt-br/sdgs. Se preferir, pode baixar o documento pelo link https://brasil.un.org/sites/default/files/2020-09/agenda2030-pt- br.pdf. Compreenda a proposta da ONU e engaje-se nessa oportunidade de contribuir com as metas de um organismo internacional tão importante ao mesmo tempo em que participa de soluções de seu contexto! Analise os 17 objetivos e escolha quais metas podem ser aderentes à sua proposta e ao seu projeto. Para isso, clique no ícone de cada objetivo e observe a listagem de metas disponível em cada um. É necessário que você escolha pelo menos uma meta. Pode ser que você encontre metas aderentes à sua proposta em diferentes objetivos, mas não se restrinja. Pode escolher dessa forma e mantenha o foco da essência de sua proposta. 2
  • 4. Público Feito isso, liste aqui suas escolhas. Essa informação também deverá ser declarada em seu Relatório Final de Atividades Extensionistas. LISTAR METAS DOS ODS ADERENTES AO SEU PROJETO DEFINA A PROPOSTA. IMERSÃO: DEFINA OS ITENS DA IMERSÃO Segue sugestão de perguntas para utilizar na entrevista com o parceiro. SUGESTÃO DE SCRIPT DE ENTREVISTA 1. Quais os principais problemas, fragilidades ou dificuldades que a instituição/parceiro convive com maior frequência? 1.1. Os problemas estão articulados com o programa/conteúdo proposto no componente curricular? Se não estiver, será necessário voltar à pergunta 1. 1.2. É possível resolver ou mitigar os problemas identificados no prazo de duração de projeto de extensão. Se não for possível deve voltar à pergunta 1. 1.3. A solução ou mitigação auxiliará a comunidade ou um grupo de pessoas da comunidade? Se não auxiliar deve voltar à pergunta 1. 2. Quais serão as pessoas envolvidas na ação para buscar resolver ou mitigar os problemas identificados? 3. Onde será realizada a ação? 4. Há limitação de pessoas ou restrição para acesso ao local indicado? 5. Quais serão as pessoas beneficiadas diretamente? 6. Necessitará de insumos/recursos financeiros para a realização da ação? 7. Será necessário agendamento? 8. Qual o período, dia da semana, horário que será realizada a ação? IDEAÇÃO: DEFINA OS ITENS DA IDEAÇÃO. PROTOTIPAÇÃO: DEFINA OS ITENS DA PROTOTIPAÇÃO. 3
  • 5. Público IDEIAS E ANOTAÇÕES: 2. REALIZAÇÃO (DO) CRONOGRAMA: ATIVIDADES PER. 1 PER. 2 PER. 3 PER.4 3. VERIFICAÇÃO (CHECK) Planejamento: Imersão realizada? Ideação realizada? Prototipação realizada? Planejamento está ok? Realização: Cronograma realizado? Cronograma atende a realização do projeto? Verificação: Cronograma atende a realização do projeto? 4 () NÃO () SIM () NÃO () SIM () NÃO () SIM () NÃO () SIM () NÃO () SIM () NÃO () SIM () NÃO () SIM
  • 6. Público Projeto atende a proposta da instituição escolhida? () SIM () NÃO Houve necessidade de mudança de estratégia? () SIM () NÃO Em caso positivo, mencione as mudanças e novas estratégias? 4. AÇÃO (ACT) AÇÃO PROPOSTA: 5