SlideShare uma empresa Scribd logo
Programa do Módulo de Atividade Física Adaptada
Prof. Dr. Ciro Winckler de Oliveira Filho

Ementa

Ao final do módulo o aluno deverá ser capaz de entender as necessidades das
pessoas com deficiência ou inadaptação na prática da atividade física e utilizar
estratégias pedagógicas para minimizar as limitações decorrentes dessas
necessidades; bem como prescrever o exercício físico em suas diferentes
manifestações e tipos para essa população. Outra característica do aluno ao final do
modulo será o conhecimento de ferramentas e instrumentos para a busca de
informações sobre as diferentes características das pessoas que possam interfiram na
prática da atividade física e da saúde.

Objetivo Geral: Instrumentalizar o aluno para usar o exercício físico em seus
diferentes níveis seja nas perspectivas da prevenção, promoção, proteção e
reabilitação da saúde, da formação cultural, da educação e reeducação motora, do
rendimento físico-esportivo, do lazer e de outros campos. Pensando esse ambiente
junto as necessidades dos indivíduos com deficiência ou inadaptação.

Planejar e organizar a prescrição de treinamento físico, bem como os ambientes de
prática para as pessoas com deficiência ou inadaptação.



Objetivo Específico: Preparar os alunos para a discussão de protocolos de avaliação
física; prescrição e acompanhamento de programas de exercícios físicos, baseados na
periodização do treinamento desportivo, preparando-o para compreender o fenômeno
da prescrição do exercício físico enquanto elemento para promover saúde (estratégia
não medicamentosa) de indivíduos e grupos populacionais que requerem atenção
diferenciada na intervenção profissional.

Subsidiar o aluno para planejar, prescrever, ensinar, orientar, assessorar,
supervisionar, controlar e avaliar projetos e programas de atividades físicas que
oportunizem ou venham a oportunizar a prática de atividades físicas em seus
diferentes níveis de manifestação quando praticado pelas pessoas com deficiência ou
inadaptação



Conteúdo Programático

Deficiência e comportamento motor

Adaptação do movimento humano

Inclusão e Educação Física
Cronograma de Atividades 2011



       Apresentação da disciplina
02/ago
       Introdução a terminologia
       História da pessoa com deficiência
09/ago
       Pesquisa em base de dados
       Corpo e Imagem corporal
16/ago
       Discussão sobre o Projeto de Intervenção a ser entregue no final do Módulo
       Deficiência Visual – Conceitos e definições
23/ago

       Deficiência Visual
30/ago Atividades Teórico-Práticas
       Sorteio - Deficiência Visual e Reabilitação
       Deficiência Auditiva e Surdo-cegueira
06/set
       Sorteio - Deficiência Auditiva e Reabilitação
       Avaliação Dissertativa
13/set

 20/set Deficiência Física – Lesão medular, poliomielite e espinha bífida – Conceitos e definições.
        Deficiência Física – Lesão medular, poliomielite e espinha bífida - Aula Prática
 27/set
        Sorteio - Educação Física e Reabilitação das pessoas com Def. Física (lesão medular)
04/out Discussão e montagem do pré-projeto do Trabalho de conclusão de módulo
       Deficiência Física -Paralisia Cerebral, Amputações, má formações e déficits de estatura
11/out
       Sorteio – Educação Física e reabilitação das pessoas com Def. Física (amputação)
       Deficiência Física - Amputações, má formações e déficits de estatura
18/out
       Grupo 5 – Educação Física e reabilitação das pessoas com Def. Física (amputação)
       Deficiência Intelectual
25/out
       Sorteio - Educação Física e reabilitação em pessoas com Def. Intelectual
01/nov Avaliação da Pessoa com deficiência
       Não Haverá aula
08/nov

15/nov Feriado
22/nov Seminário Final Avaliação
29/nov Seminário Final Avaliação
06/dez Exame


Avaliação

Prova dissertativa individual – Peso na média final 0.30

         Prova nota de 0 a 10

Pesquisa bibliográfica – Peso na média Final 0.10
Trabalho escrito nota de 0 a 10

       Será sorteado a cada aula, previamente marcada uma pessoa para apresentar sua
pesquisa

Projeto de intervenção – Peso na média Final 0.35

       Trabalho escrito nota de 0 a 10

Postagem de comentários em Blog sobre as atividades extra classe – Peso na média Final 0.15

       Trabalho escrito nota de 0 a 10

Atividades Problematizadoras – Peso na média Final 0.05

       Trabalho escrito nota de 0 a 10

Participação em aula – Peso na média Final 0.05

       Serão computados os números de falta e participação efetiva nas aulas



Referências Básicas

ALMEIDA, J. J. G. (Org.) et al . Goalball: invertendo o jogo da inclusão. Campinas: Editora
Autores Associados, 2008. 60 p.
CIDADE, R. E. A.; FREITAS, P. S. Introdução à Educação Física e ao Desporto para Pessoas
Portadoras de Deficiência. Curitiba: Ed UFPR, 2002.
GORGATTI, M. G.; COSTA, R. F. Atividade Física Adaptada. Barueri, SP: Manole, 2005
MAUERBERG de CASTRO, E. Atividade Física: Adaptada. Ribeirão Preto: Tecmedd, 2005
SHERRILL, C. Adapted Physical Education and Recreation: A multidisciplinary Approach.
Dubuque, Iowa: Brown Company Publishers, 2005
WINNICK, J. P. Educação Física e Esportes Adaptados. São Paulo: Manole, 2003. 580 p.
WINNICK, J. P.; SHORT, F. X. Teste de aptidão física para jovens com necessidades especiais:
Manual Brockport de testes. São Paulo: Editora Manole, 2001



Referências Complementares

AMARAL, L. A. Deficiência: questões conceituais e alguns de seus desdobramentos. Cadernos
de Psicologia, v. 1, n., p. 3-44, 1996.
ANDERS, E. PROCEDIMENTOS DE ASSESSMENT NA REABILITAÇÃO E NO ESPORTE ADAPTADO.
In: I Congresso do Mercosul de Atividade Motora Adaptada. Porto AlegrePorto Alegre, Anais
do I Congresso do Mercosul de Atividade Motora Adaptada, Porto Alegre: PUC, 2002.
CHOI, S.-O., et al. Motor skill acquisition, retention, and transfer in adults with profound
mental retardation. Adapted Physical Activity Quarterly, v. 18, n. 3, p. 257-272, 2001.
HALL, C.M; BRODY, L.T. Exercício Terapêutico: Na Busca da Função. Rio de Janeiro: Guanabara
Koogan, 2007.

HOVAT, M ; BLOCK, M.E ; KELLY, L.E. Developmental and Adapted Physical Activity Assessment.
Champaign: Human Kinetics, 2007.
LOW, L. J.; KNUDSEN, M. J.; SHERRILL, C. Dwarfism: New interest area for adapted physical
activity. Adapted Physical Activity Quarterly, v. 13, n. 1, p. 1-15, 1996.
MARTIM, M. B.; BUENO, S. T. Deficiência Visual: Aspectos Psicoevolutivos e educativos. São
Paulo: Santos Livraria e Editora, 2003.
MELLO, M. T. Paraolimpíadas de Sydney: avaliação e prescrição do treinamento dos atletas
brasileiros. São Paulo: Editora Atheneu, 2002
NAVARRO, A. S., et al. Coordenação Motora e Equilíbrio não são Totalmente Desenvolvidos em
Crianças Cegas com 7 anos de Idade. Arq. Neuro-Psiquiatr., v. 62, n. 3a, p. 654-657, jan., 2004.
OMS. Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde - CIF. Lisboa: OMS,
v.1, 2004. 238 p.
PONCHILLIA, P. E.; STRAUSE, B.; PONCHILLIA, S. V. Athletes with visual impairments: Attributes
and sports participation. Journal of Visual Impairment and Blindness, v. 96, n. 4, p. 267-272,
2002.
SACKS, O. W. Um antropólogo em Marte: Sete histórias paradoxais. São Paulo: Companhia das
Letras, 1995. 331 p.
SACKS, O. W. Vendo Vozes. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
ANDRADE, M. S.; FLEURY, A. M.; SILVA, A. C. Força muscular isocinética de jogadores de
futebol da seleção paraolímpica brasileira de portadores de paralisia cerebral. Revista
Brasileira de Medicina do Esporte, v. 11, n. 5, 2005.

SOBAMA. Temas em Educação Física Adaptada. Curitiba: SOBAMA, 2001. 101 p.
SOUZA, P.A. O esporte na paraplegia e tetraplegia. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Koogan,
1994. 93 p.
SHEPHARD, R. J. Fitness in special population. Illinois: Human Kinetics Books, 1990

SKAGGS, S.; HOPPER, C. Individuals with visual impairments: a review of psychomotor
behavior. Adapted Physical Activity Quarlerly, v. 13, n., p. 16-26, 1996.

TAVARES, M. C. G. C. F. Imagem Corporal - Conceitos e Desenvolvimento. Manole, 2003.
WINNICK, J. P.; SHORT, F. X. Conceptual framework for the Brockport Physical Fitness Test.
Adapted Physical Activity Quarterly, v. 22, n. 4, p. 323-332, 2005.

Sítios eletrônicos

www.sobama.org.br – Sociedade Brasileira de Atividade Motora Adaptada
www.cpb.org.br - Comitê Paraolímpico Brasileiro
www.paralympic.org - Comitê Paraolímpico Internacional
www.sentidos.com.br – Revista Sentidos
www.abnt.org.br – Normas de acessibilidade
www.saber.usp.br - Informações
www.saci.org.br/index.php?IZUMI_SECAD – Normas de acessibilidade

Filmes de Apoio

Def. física - A força de um campeão, Carne tremula; e Uma janela para o céu
        Paraplegia - Amargo regresso, Nascido em 4 de julho; tetraplegia - Garota de
        Ouro, Murderball, Mar adentro
Def. Visual - À primeira vista; Janela da Alma, Vermelho como o Ceú
Def. Auditiva - Filhos do silêncio, Mr. Holland
Def. mental - Forest Gump, Gilbert Grape
Autismo - Meu filho, Meu mundo; Nell e Rain man
PC - Meu pé esquerdo
Síndrome de Down - O oitavo dia


Filmes e textos do Blog
Agosto
Filme
Mar adentro
Texto
Sacks, O. W. Ver e Não Ver. Um antropólogo em Marte : Sete histórias paradoxais.
São Paulo: Companhia das Letras. 1995. 123-165p.

Setembro
Filme
Vermelho como o Ceú
Texto
Morato, Marcio, P. Um Peixinho especial. Campinas: Autores Associados 2007.

Outubro
Filme
Meu pé esquerdo
Texto
Mainardi, D. Filho. In: Mainardi, D. A Tapas e Pontapés, Rio de Janeiro: Record, 2005.
P.141-148


Novembro

Filme

Murderball

Texto
Endereço do Blog

http://nossasadaptacoes.blogspot.com/

Cada um deverá postar seu comentário sobre o filme e outro sobre o texto do mês até
o dia 31 de cada mês, Sempre a postagem deverá começar com o nome da pessoa e
qual obra está analisando - livro ou filme. Além de postar seu comentário o aluno
deverá comentar a opinião de um colega.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Simulado Enem 2013 - Educação Física
Simulado Enem 2013 - Educação FísicaSimulado Enem 2013 - Educação Física
Simulado Enem 2013 - Educação Física
SavioCesarB
 
Atividade física adaptada
Atividade física adaptadaAtividade física adaptada
Atividade física adaptada
Annalethycia Siqueira
 
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes AuditivosEsportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Margarida Pedro da Silva
 
A atividade física como ferramenta para a inclusão
A atividade física como ferramenta para a inclusãoA atividade física como ferramenta para a inclusão
A atividade física como ferramenta para a inclusão
Universidade Salgado de Oliveira
 
Diabetes e exercícios
Diabetes e exercícios Diabetes e exercícios
Diabetes e exercícios
marcelosilveirazero1
 
atletismo
atletismoatletismo
atletismo
Cesar Braga
 
Vôlei sentado
Vôlei sentadoVôlei sentado
Vôlei sentado
Victor Said
 
Trabalho(1)
Trabalho(1)Trabalho(1)
Trabalho(1)
ginasticapne
 
Trabalho(1)
Trabalho(1)Trabalho(1)
Trabalho(1)
ginasticapne
 
Educação física adaptada
Educação física adaptadaEducação física adaptada
Educação física adaptada
Evandro Felipe
 
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
inclusao.eficiente
 
História da ed fisica adaptada
História da ed fisica adaptadaHistória da ed fisica adaptada
História da ed fisica adaptada
Evandro Felipe
 
Livro ginastica laboral
Livro ginastica laboralLivro ginastica laboral
Livro ginastica laboral
marcelosilveirazero1
 
História do atletismo e atletismo na escola
História do atletismo e atletismo na escolaHistória do atletismo e atletismo na escola
História do atletismo e atletismo na escola
Anjo da Luz
 
INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...
INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...
INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...
Leonardo Delgado
 
Livro de periodizacao esportiva
Livro de periodizacao esportivaLivro de periodizacao esportiva
Livro de periodizacao esportiva
marcelosilveirazero1
 
Plano 7º 2013
Plano 7º 2013Plano 7º 2013
Plano 7º 2013
Marcio Lucasdacruz
 
Prova especial recuperação
Prova especial recuperaçãoProva especial recuperação
Prova especial recuperação
vania carapia do nas carapia
 
PNE
PNEPNE
Atividade 6º ano
Atividade 6º anoAtividade 6º ano
Atividade 6º ano
lululimavidal
 

Mais procurados (20)

Simulado Enem 2013 - Educação Física
Simulado Enem 2013 - Educação FísicaSimulado Enem 2013 - Educação Física
Simulado Enem 2013 - Educação Física
 
Atividade física adaptada
Atividade física adaptadaAtividade física adaptada
Atividade física adaptada
 
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes AuditivosEsportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
Esportes Adaptados Para Deficientes Auditivos
 
A atividade física como ferramenta para a inclusão
A atividade física como ferramenta para a inclusãoA atividade física como ferramenta para a inclusão
A atividade física como ferramenta para a inclusão
 
Diabetes e exercícios
Diabetes e exercícios Diabetes e exercícios
Diabetes e exercícios
 
atletismo
atletismoatletismo
atletismo
 
Vôlei sentado
Vôlei sentadoVôlei sentado
Vôlei sentado
 
Trabalho(1)
Trabalho(1)Trabalho(1)
Trabalho(1)
 
Trabalho(1)
Trabalho(1)Trabalho(1)
Trabalho(1)
 
Educação física adaptada
Educação física adaptadaEducação física adaptada
Educação física adaptada
 
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
Inclusão de pessoas com deficiência por meio do esporte - As relações entre a...
 
História da ed fisica adaptada
História da ed fisica adaptadaHistória da ed fisica adaptada
História da ed fisica adaptada
 
Livro ginastica laboral
Livro ginastica laboralLivro ginastica laboral
Livro ginastica laboral
 
História do atletismo e atletismo na escola
História do atletismo e atletismo na escolaHistória do atletismo e atletismo na escola
História do atletismo e atletismo na escola
 
INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...
INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...
INDICADORES PARA DETECÇÃO, FORMAÇÃO, SELEÇÃO E PROMOÇÃO DE TALENTOS ESPORTIV...
 
Livro de periodizacao esportiva
Livro de periodizacao esportivaLivro de periodizacao esportiva
Livro de periodizacao esportiva
 
Plano 7º 2013
Plano 7º 2013Plano 7º 2013
Plano 7º 2013
 
Prova especial recuperação
Prova especial recuperaçãoProva especial recuperação
Prova especial recuperação
 
PNE
PNEPNE
PNE
 
Atividade 6º ano
Atividade 6º anoAtividade 6º ano
Atividade 6º ano
 

Semelhante a Programa do modulo de atividade fisica adaptada 2011

Apostila curso capacitacao_sp_1267713703
Apostila curso capacitacao_sp_1267713703Apostila curso capacitacao_sp_1267713703
Apostila curso capacitacao_sp_1267713703
Jocéia Nunes Mata
 
Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial trofeu jacintho franc...
Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial   trofeu jacintho franc...Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial   trofeu jacintho franc...
Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial trofeu jacintho franc...
Rosa Paollucci
 
Atividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisica
Atividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisicaAtividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisica
Atividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisica
Ivone Reges
 
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
jorge luiz dos santos de souza
 
Orientação conceito
Orientação conceitoOrientação conceito
Orientação conceito
Ozeli Medeiros
 
APRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptx
APRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptxAPRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptx
APRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptx
ManuellaXimenes1
 
Modulo 01 pedagogia do esporte
Modulo 01 pedagogia do esporteModulo 01 pedagogia do esporte
Modulo 01 pedagogia do esporte
marcelosilveirazero1
 
Atividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptx
Atividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptxAtividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptx
Atividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptx
Mirian Bovi Borba
 
Apresentação eefe 20170123
Apresentação   eefe 20170123Apresentação   eefe 20170123
Apresentação eefe 20170123
eefeusp
 
Saude13 atividade fisica-para_idosos
Saude13 atividade fisica-para_idososSaude13 atividade fisica-para_idosos
Saude13 atividade fisica-para_idosos
Joaõ Martinho
 
Plano+de+estudos+2011(1)
Plano+de+estudos+2011(1)Plano+de+estudos+2011(1)
Plano+de+estudos+2011(1)
Vanessa Rodrigues Andrade
 
A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...
A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...
A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...
Chicao Serra Talhada
 
ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...
ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...
ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...
ManuellaXimenes1
 
02 educação física diego
02 educação física diego02 educação física diego
02 educação física diego
WALTER ALENCAR DE SOUSA
 
quedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdf
quedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdfquedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdf
quedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdf
DeividSergio
 
willian.pptx
willian.pptxwillian.pptx
willian.pptx
Jehovansbarreto
 
Trabalho(1)
Trabalho(1)Trabalho(1)
Trabalho(1)
ginasticapne
 

Semelhante a Programa do modulo de atividade fisica adaptada 2011 (17)

Apostila curso capacitacao_sp_1267713703
Apostila curso capacitacao_sp_1267713703Apostila curso capacitacao_sp_1267713703
Apostila curso capacitacao_sp_1267713703
 
Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial trofeu jacintho franc...
Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial   trofeu jacintho franc...Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial   trofeu jacintho franc...
Apresentação dos 14 professores + 5 educação especial trofeu jacintho franc...
 
Atividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisica
Atividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisicaAtividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisica
Atividades motoras-e-esportivas-na-deficiencia-fisica
 
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
Relatório de estágio profissionalizante ufsm 2003
 
Orientação conceito
Orientação conceitoOrientação conceito
Orientação conceito
 
APRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptx
APRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptxAPRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptx
APRESENTAÇÃO DOS SLIDES FINAL.pptx
 
Modulo 01 pedagogia do esporte
Modulo 01 pedagogia do esporteModulo 01 pedagogia do esporte
Modulo 01 pedagogia do esporte
 
Atividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptx
Atividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptxAtividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptx
Atividades Físicas e Esportivas para Pessoas com Deficiência Física.pptx
 
Apresentação eefe 20170123
Apresentação   eefe 20170123Apresentação   eefe 20170123
Apresentação eefe 20170123
 
Saude13 atividade fisica-para_idosos
Saude13 atividade fisica-para_idososSaude13 atividade fisica-para_idosos
Saude13 atividade fisica-para_idosos
 
Plano+de+estudos+2011(1)
Plano+de+estudos+2011(1)Plano+de+estudos+2011(1)
Plano+de+estudos+2011(1)
 
A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...
A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...
A utilização do judô nas aulas de educação física para melhoria dos aspectos ...
 
ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...
ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...
ATIVIDADE FÍSICA ADAPTADA COMO FORMA DE INCLUSÃO SOCIAL PARA PORTADORES DE SÍ...
 
02 educação física diego
02 educação física diego02 educação física diego
02 educação física diego
 
quedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdf
quedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdfquedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdf
quedadoidoso-121123073639-phpapp02.pdf
 
willian.pptx
willian.pptxwillian.pptx
willian.pptx
 
Trabalho(1)
Trabalho(1)Trabalho(1)
Trabalho(1)
 

Último

Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Marília Pacheco
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
MARCELARUBIAGAVA
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
BiancaCristina75
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
alphabarros2
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptxTudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
IACEMCASA
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 

Último (20)

Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
 
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdfCurativo de cateter venoso central na UTI.pdf
Curativo de cateter venoso central na UTI.pdf
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptxTudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 

Programa do modulo de atividade fisica adaptada 2011

  • 1. Programa do Módulo de Atividade Física Adaptada Prof. Dr. Ciro Winckler de Oliveira Filho Ementa Ao final do módulo o aluno deverá ser capaz de entender as necessidades das pessoas com deficiência ou inadaptação na prática da atividade física e utilizar estratégias pedagógicas para minimizar as limitações decorrentes dessas necessidades; bem como prescrever o exercício físico em suas diferentes manifestações e tipos para essa população. Outra característica do aluno ao final do modulo será o conhecimento de ferramentas e instrumentos para a busca de informações sobre as diferentes características das pessoas que possam interfiram na prática da atividade física e da saúde. Objetivo Geral: Instrumentalizar o aluno para usar o exercício físico em seus diferentes níveis seja nas perspectivas da prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde, da formação cultural, da educação e reeducação motora, do rendimento físico-esportivo, do lazer e de outros campos. Pensando esse ambiente junto as necessidades dos indivíduos com deficiência ou inadaptação. Planejar e organizar a prescrição de treinamento físico, bem como os ambientes de prática para as pessoas com deficiência ou inadaptação. Objetivo Específico: Preparar os alunos para a discussão de protocolos de avaliação física; prescrição e acompanhamento de programas de exercícios físicos, baseados na periodização do treinamento desportivo, preparando-o para compreender o fenômeno da prescrição do exercício físico enquanto elemento para promover saúde (estratégia não medicamentosa) de indivíduos e grupos populacionais que requerem atenção diferenciada na intervenção profissional. Subsidiar o aluno para planejar, prescrever, ensinar, orientar, assessorar, supervisionar, controlar e avaliar projetos e programas de atividades físicas que oportunizem ou venham a oportunizar a prática de atividades físicas em seus diferentes níveis de manifestação quando praticado pelas pessoas com deficiência ou inadaptação Conteúdo Programático Deficiência e comportamento motor Adaptação do movimento humano Inclusão e Educação Física
  • 2. Cronograma de Atividades 2011 Apresentação da disciplina 02/ago Introdução a terminologia História da pessoa com deficiência 09/ago Pesquisa em base de dados Corpo e Imagem corporal 16/ago Discussão sobre o Projeto de Intervenção a ser entregue no final do Módulo Deficiência Visual – Conceitos e definições 23/ago Deficiência Visual 30/ago Atividades Teórico-Práticas Sorteio - Deficiência Visual e Reabilitação Deficiência Auditiva e Surdo-cegueira 06/set Sorteio - Deficiência Auditiva e Reabilitação Avaliação Dissertativa 13/set 20/set Deficiência Física – Lesão medular, poliomielite e espinha bífida – Conceitos e definições. Deficiência Física – Lesão medular, poliomielite e espinha bífida - Aula Prática 27/set Sorteio - Educação Física e Reabilitação das pessoas com Def. Física (lesão medular) 04/out Discussão e montagem do pré-projeto do Trabalho de conclusão de módulo Deficiência Física -Paralisia Cerebral, Amputações, má formações e déficits de estatura 11/out Sorteio – Educação Física e reabilitação das pessoas com Def. Física (amputação) Deficiência Física - Amputações, má formações e déficits de estatura 18/out Grupo 5 – Educação Física e reabilitação das pessoas com Def. Física (amputação) Deficiência Intelectual 25/out Sorteio - Educação Física e reabilitação em pessoas com Def. Intelectual 01/nov Avaliação da Pessoa com deficiência Não Haverá aula 08/nov 15/nov Feriado 22/nov Seminário Final Avaliação 29/nov Seminário Final Avaliação 06/dez Exame Avaliação Prova dissertativa individual – Peso na média final 0.30 Prova nota de 0 a 10 Pesquisa bibliográfica – Peso na média Final 0.10
  • 3. Trabalho escrito nota de 0 a 10 Será sorteado a cada aula, previamente marcada uma pessoa para apresentar sua pesquisa Projeto de intervenção – Peso na média Final 0.35 Trabalho escrito nota de 0 a 10 Postagem de comentários em Blog sobre as atividades extra classe – Peso na média Final 0.15 Trabalho escrito nota de 0 a 10 Atividades Problematizadoras – Peso na média Final 0.05 Trabalho escrito nota de 0 a 10 Participação em aula – Peso na média Final 0.05 Serão computados os números de falta e participação efetiva nas aulas Referências Básicas ALMEIDA, J. J. G. (Org.) et al . Goalball: invertendo o jogo da inclusão. Campinas: Editora Autores Associados, 2008. 60 p. CIDADE, R. E. A.; FREITAS, P. S. Introdução à Educação Física e ao Desporto para Pessoas Portadoras de Deficiência. Curitiba: Ed UFPR, 2002. GORGATTI, M. G.; COSTA, R. F. Atividade Física Adaptada. Barueri, SP: Manole, 2005 MAUERBERG de CASTRO, E. Atividade Física: Adaptada. Ribeirão Preto: Tecmedd, 2005 SHERRILL, C. Adapted Physical Education and Recreation: A multidisciplinary Approach. Dubuque, Iowa: Brown Company Publishers, 2005 WINNICK, J. P. Educação Física e Esportes Adaptados. São Paulo: Manole, 2003. 580 p. WINNICK, J. P.; SHORT, F. X. Teste de aptidão física para jovens com necessidades especiais: Manual Brockport de testes. São Paulo: Editora Manole, 2001 Referências Complementares AMARAL, L. A. Deficiência: questões conceituais e alguns de seus desdobramentos. Cadernos de Psicologia, v. 1, n., p. 3-44, 1996. ANDERS, E. PROCEDIMENTOS DE ASSESSMENT NA REABILITAÇÃO E NO ESPORTE ADAPTADO. In: I Congresso do Mercosul de Atividade Motora Adaptada. Porto AlegrePorto Alegre, Anais do I Congresso do Mercosul de Atividade Motora Adaptada, Porto Alegre: PUC, 2002. CHOI, S.-O., et al. Motor skill acquisition, retention, and transfer in adults with profound mental retardation. Adapted Physical Activity Quarterly, v. 18, n. 3, p. 257-272, 2001.
  • 4. HALL, C.M; BRODY, L.T. Exercício Terapêutico: Na Busca da Função. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2007. HOVAT, M ; BLOCK, M.E ; KELLY, L.E. Developmental and Adapted Physical Activity Assessment. Champaign: Human Kinetics, 2007. LOW, L. J.; KNUDSEN, M. J.; SHERRILL, C. Dwarfism: New interest area for adapted physical activity. Adapted Physical Activity Quarterly, v. 13, n. 1, p. 1-15, 1996. MARTIM, M. B.; BUENO, S. T. Deficiência Visual: Aspectos Psicoevolutivos e educativos. São Paulo: Santos Livraria e Editora, 2003. MELLO, M. T. Paraolimpíadas de Sydney: avaliação e prescrição do treinamento dos atletas brasileiros. São Paulo: Editora Atheneu, 2002 NAVARRO, A. S., et al. Coordenação Motora e Equilíbrio não são Totalmente Desenvolvidos em Crianças Cegas com 7 anos de Idade. Arq. Neuro-Psiquiatr., v. 62, n. 3a, p. 654-657, jan., 2004. OMS. Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde - CIF. Lisboa: OMS, v.1, 2004. 238 p. PONCHILLIA, P. E.; STRAUSE, B.; PONCHILLIA, S. V. Athletes with visual impairments: Attributes and sports participation. Journal of Visual Impairment and Blindness, v. 96, n. 4, p. 267-272, 2002. SACKS, O. W. Um antropólogo em Marte: Sete histórias paradoxais. São Paulo: Companhia das Letras, 1995. 331 p. SACKS, O. W. Vendo Vozes. São Paulo: Companhia das Letras, 1995. ANDRADE, M. S.; FLEURY, A. M.; SILVA, A. C. Força muscular isocinética de jogadores de futebol da seleção paraolímpica brasileira de portadores de paralisia cerebral. Revista Brasileira de Medicina do Esporte, v. 11, n. 5, 2005. SOBAMA. Temas em Educação Física Adaptada. Curitiba: SOBAMA, 2001. 101 p. SOUZA, P.A. O esporte na paraplegia e tetraplegia. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Koogan, 1994. 93 p. SHEPHARD, R. J. Fitness in special population. Illinois: Human Kinetics Books, 1990 SKAGGS, S.; HOPPER, C. Individuals with visual impairments: a review of psychomotor behavior. Adapted Physical Activity Quarlerly, v. 13, n., p. 16-26, 1996. TAVARES, M. C. G. C. F. Imagem Corporal - Conceitos e Desenvolvimento. Manole, 2003. WINNICK, J. P.; SHORT, F. X. Conceptual framework for the Brockport Physical Fitness Test. Adapted Physical Activity Quarterly, v. 22, n. 4, p. 323-332, 2005. Sítios eletrônicos www.sobama.org.br – Sociedade Brasileira de Atividade Motora Adaptada www.cpb.org.br - Comitê Paraolímpico Brasileiro www.paralympic.org - Comitê Paraolímpico Internacional www.sentidos.com.br – Revista Sentidos www.abnt.org.br – Normas de acessibilidade
  • 5. www.saber.usp.br - Informações www.saci.org.br/index.php?IZUMI_SECAD – Normas de acessibilidade Filmes de Apoio Def. física - A força de um campeão, Carne tremula; e Uma janela para o céu Paraplegia - Amargo regresso, Nascido em 4 de julho; tetraplegia - Garota de Ouro, Murderball, Mar adentro Def. Visual - À primeira vista; Janela da Alma, Vermelho como o Ceú Def. Auditiva - Filhos do silêncio, Mr. Holland Def. mental - Forest Gump, Gilbert Grape Autismo - Meu filho, Meu mundo; Nell e Rain man PC - Meu pé esquerdo Síndrome de Down - O oitavo dia Filmes e textos do Blog Agosto Filme Mar adentro Texto Sacks, O. W. Ver e Não Ver. Um antropólogo em Marte : Sete histórias paradoxais. São Paulo: Companhia das Letras. 1995. 123-165p. Setembro Filme Vermelho como o Ceú Texto Morato, Marcio, P. Um Peixinho especial. Campinas: Autores Associados 2007. Outubro Filme Meu pé esquerdo Texto Mainardi, D. Filho. In: Mainardi, D. A Tapas e Pontapés, Rio de Janeiro: Record, 2005. P.141-148 Novembro Filme Murderball Texto
  • 6. Endereço do Blog http://nossasadaptacoes.blogspot.com/ Cada um deverá postar seu comentário sobre o filme e outro sobre o texto do mês até o dia 31 de cada mês, Sempre a postagem deverá começar com o nome da pessoa e qual obra está analisando - livro ou filme. Além de postar seu comentário o aluno deverá comentar a opinião de um colega.