SlideShare uma empresa Scribd logo
PROGRAMA 5 S




               Pedro Domacena
SUMÁRIO



PROGRAMA 5S ........................................................................................................03
A ORIGEM DO 5S ....................................................................................................03
OS 5 SENSOS ..................................................................................................................... 06
PROGRAMA 10S ......................................................................................................07
BENEFÍCIOS ............................................................................................................08
PLANEJAMENTO E PRÁTICA DOS CONCEITOS ........................................................
                                                                                            10
1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO ........................................................................
                                                                                                           11
2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO ..................................................................12
3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA .............................................................................
                                                                                                             14
4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE .....................................................15
5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA ................................................ 17
6 o S - SENSO DE DETERMINAÇÃO DE UNIÃO (SHIKARI YARO) ...................... 18
7 o S - SENSO DE TREINAMENTO (SHIDO) ..........................................................19
8 o S - SENSO DE ECONOMIA E COMBATE AOS DESPERDÍCIOS
(SETSUYAKU) ..........................................................................................................19
9 o S - SENSO DOS PRINCÍPIOS MORAIS E ÉTICOS (SHISEI RINRI) ................20
10 o S - SENSO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL (SEKININ SHAKAI) ..............20
DICAS PARA A PRÁTICA DO MÉTODO 5S ..................................................................21
OS 10 MANDAMENTOS DO 5S .....................................................................................23
ROTEIRO SUGESTIVO PARA IMPLANTAR O 5S ........................................................24
CUSTO DE IMPLANTAÇÃO DO MÉTODO 5S ..............................................................26
IDÉIAS PRINCIPAIS DO MÉTODO 5S ............................................................................26
REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA ..............................................................................31
03




                                 PROGRAMA 5S




“É impossível haver progresso sem mudança e quem não consegue mudar a si
mesmo não muda coisa alguma”.
                                                             George Bernard Shaw


      Aprender sobre os cinco sensos, praticá-los e difundi-los envolve mudança de
comportamento, sua e das pessoas ao seu redor. A vida é mais gratificante quando
dispomos de tempo para criar, realizar e alcançar metas? Quanto nos sentimos mais
felizes por sermos mais produtivos?
       Através do 5S, se desperta as habilidades de ser mais objetivo, direto,
atingindo os resultados com maior eficácia. Seus problemas serão mais rapidamente
solucionados.
      Trabalhar em um ambiente organizado e limpo é, obviamente, melhor que
trabalhar em um outro desorganizado e sujo. Sua mesa está uma bagunça? Que tal
começar por ela? Jogue fora todo material inútil que está em cima, porque você
acha que ele é “bonito” ou porque “pode ter utilidade futuramente”. Organize o que é
importante, guardando tudo no devido lugar. Para isto, existem gavetas e armários...
Ah! eles estão cheios e é por isso que sua mesa está assim? Então os arrume
também. Você vai ver que existem coisas lá dentro sem utilidade alguma.
      Você deve estar pensando que esse tempo é perdido e poderia estar
produzindo. Mas esse é um raciocínio imediatista, pois sua produção após o 5S será
bem maior, consumindo muito menos tempo.
                                                                     [01]
      O Programa 5S é o primeiro passo para alcançar a qualidade.




                                A ORIGEM DO 5S




      A utilidade da ferramenta denominada "Programa 5S" foi concebido por Kaoru
Ishikawa surgiu por volta de 1950, logo após a 2 a Guerra Mundial, com a
04

necessidade de combater a sujeira das fábricas e desorganização estrutural sofrida
pelo Japão. Você conseguiria imaginar um país destruído, sem recursos e com sua
população em pânico, reerguer-se utilizando como base o programa 5S? Pois bem,
daí você pode parar e pensar na força que essa ferramenta tem se for bem utilizada.


   [02]                             [03]                                                                                  [04]




  Ataque nuclear de Hiroshima     Hiroshima após ataque e, o que restou do predio                  Kaoru Ishikawa
  06 de Agosto de 1945, 08:15     de Exposição    Comercial     da   Prefeitura  de
  hora local                      Hiroshima (HMI) projetada e construída pelo                                            [06]
                                  arquiteto Tcheco Jan Letzel inaugurado em 1915




                                                                                      Hiroshima região do hipocentro em 2012

                                                                                                                        [07]




   [05]                                                                               Homenagem aos 66 anos da
                                                                                      explosão das bombas no memorial
    Diagrama de Causa e Efeito e Método 6M, dois dos métodos de Kaoru Ishikawa        da paz      (06 de Agosto de 2011)




                                                                                                                       [08]
05




                                                                                  [09]




      O programa tem este nome por tratar-se de um sistema de cinco conceitos
básicos e simples, porém essenciais e que fazem a diferença no Sistema da
Qualidade.
      Espanha e Inglaterra adotaram metodologias equivalentes, porém com nomes
diferentes: "Teoria da Escova" e "Housekeeping", respectivamente; mas a ideia é a
mesma- sempre buscar o Sistema da Qualidade Total.
      É possível eliminar o desperdício (tudo o que gera custo extra) em cinco fases,
com base no método "5S". Foi um dos fatores para a recuperação de empresas
japonesas e a base para a implantação da Qualidade Total naquele país.
      Os cinco conceitos foram introduzidos no Brasil posteriormente, em 1991, pela
Fundação Cristiano Ottoni. O ramo empresarial foi um dos primeiros a adotar a prática
do programa com a finalidade de otimizar custos com a redução de desperdícios e
aumentar a produtividade. O país precisava reestruturar-se, organizar as indústrias e
melhorar a produção para ser compatível com o mercado mundial.
06




                                   OS 5 SENSOS




1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO

                                                                            [10]
CONCEITO: "separar o útil do inútil, eliminando o desnecessário".




2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO


CONCEITO: "identificar e arrumar tudo, para que qualquer pessoa possa localizar
facilmente".




3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA


CONCEITO: "manter um ambiente sempre limpo, eliminando as causas da sujeira e
aprendendo a não sujar".




4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE


CONCEITO: "manter um ambiente de trabalho sempre favorável à saúde e higiene".




5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA


CONCEITO: "fazer dessas atitudes, ou seja, da metodologia, um hábito,
                                             [11]
transformando os 5s's num modo de vida".
07

      No inicio de sua aplicação apenas os três primeiros "S" eram abordados,
tendo sido incorporado depois o quarto e o quinto. Posteriormente foram lançados
outros 3(três) Sensos:


6 o S - Shikari Yaro (Senso de Determinação e União)
7 o S - Shido (Senso de Aprendizado e Treinamento)
8 o S - Setsuyaku (Senso de Economia e Combate aos
          Desperdícios)
                                                                                   [12]

      Em um artigo de revista, do qual se perdeu o original, apareceu a sugestão de
se adotar um Senso de Princípios Morais e Éticos, que a TQM – Técnicas de
Qualidade e Marketing Ltda.(www.tqm.com.br), passou a utilizar em seus trabalhos
de consultoria como sendo o 9º S - Shisei Rinri.
      O engenheiro José Ailton Baptista da Silva, fundador e consultor sênior da
empresa      TQM,    fez   a   proposição   do   10ºS   Sekinin   Shakai   (Senso     de
Responsabilidade Social), chegando assim ao Programa 10S.
      .


                                   PROGRAMA 10S




01 O S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO
02 O S - SEITON - SENSO DE ORDENAÇÃO
03 O S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA
04 O S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE
05 O S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA
06 O S - SHIKARI YARO – SENSO DE DETERMINAÇÃO E UNIÃO
07 O S - SHIDO – SENSO DE TREINAMENTO
08 O S - SETSUYAKU – SENSO DE ECONOMIA E COMBATE AOS
DESPERDÍCIOS
09 O S - SHISEI RINRI – SENSO DOS PRINCÍPIOS MORAIS E ÉTICOS
10 O S - SEKININ SHAKAI – SENSO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL                  [13]
08




                                   BENEFÍCIOS




      O que você ganha implantado o 5S?
      Toda atividade, empenho e dedicação requerem um retorno, ou seja, para
tudo que fazemos esperamos algo em troca, não é mesmo?
      As pessoas se empenham mais e dedicam-se com mais vigor a atividades
cujo resultado final elas conhecem exatamente. Pois bem, é possível descrever o
retorno que o desenvolvimento do Programa 5S terá para lhe oferecer em uma lista
grande de benefícios aplicados tanto na empresa como em casa. A dupla
aplicabilidade se dá pelo fato de que os benefícios do programa coincidem com os
objetivos da educação em geral: formar cidadãos saudáveis e responsáveis,
capazes de dar continuidade ao seu autodesenvolvimento.
      Mas, para que sua vontade de obter os benefícios seja espontânea, é preciso
que sua prática seja natural e identificada por uma necessidade de busca de
desafios da empregabilidade e do autodesenvolvimento. Portanto nada de
burocracia e nem autoritarismo. Em um programa de qualidade como este, o que
vale é o espírito de equipe, quando várias pessoas se unem com um objetivo em
comum, que, nesse caso, é exatamente alcançar os benefícios do programa. Então
vejamos quais são as oportunidades que o 5S tem a nos oferecer para melhorarmos
o meio em que vivemos e trabalhamos:
• Processos otimizados e racionalizados (com tempo mais otimizado possível,
sequencia operacional definida, número de pessoas adequadas ao processo,
estrutura de layout em sequencia lógica) visando à produtividade;




     [14]                                                                [15]
09




                                                                        [16]


• Bem-estar do ser humano;
• Ambiente da Qualidade (satisfação);
• Melhoria das habilidades pessoais;
• Promoção do trabalho em equipe;
• Melhoria de relacionamentos interpessoais;
• Higienização física e mental do local de aplicação do programa, tornando-o um
lugar melhor (ambiente mais agradável e sadio);
•Liberação de espaço para diversos fins;
• Reciclagem de recursos escassos;
• Combate à burocracia;
• Redução de custos;
• Eliminação de excessos e desperdícios;
• Acompanhamento do tempo de validade do material guardado (documentos,
matéria- prima, alimentos, remédios, etc.);
• Melhoria da administração do tempo;
• Melhoria do marketing pessoal;
• Maior rapidez para encontrar objetos e informações;
• Aumento da segurança;
• Diminuição do cansaço físico e mental causado pela procura de objetos e
informações;
• Aumento da produtividade e satisfação pessoal e da equipe;
• Melhoria do visual (boa impressão aos clientes e visitantes);
• Melhoria do fluxo de pessoas e materiais;
10

• Maior qualidade em produtos e serviços;
• Prevenção contra o estresse.


      É impressionante como um programa de fácil metodologia pode nos trazer
tantos benefícios. Na maioria das vezes, estamos tão viciados com os maus hábitos
corriqueiros do dia-a-dia, que não paramos para pensar como tudo seria melhor se
nos dedicássemos mais a melhorar nosso próprio ambiente. A essa atitude
fundamental chamamos de disciplina para com nossos hábitos. Disciplina, esse
nome lhe parece familiar? É a essência do quinto Senso que iremos trabalhar -
                                                                              [17]
Autodisciplina - fundamental para que todos os resultados sejam alcançados.




                                                                              [18]




                  PLANEJAMENTO E PRÁTICA DOS CONCEITOS


      De acordo com o conceito japonês, pode-se eliminar o desperdício, e
consequentemente o custo extra também, nestas cinco fases que ajudarão também a
implantar o Sistema da Qualidade.
11




                        1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO




       CONCEITO: "separar o útil do inútil, eliminando o desnecessário".


       Também pode ser interpretado com Senso de Utilização, Arrumação,
Organização, Seleção.
       Nesta fase, o trabalho começa a ser colocado em ordem, para que só se utilize
o que for realmente necessário e aplicável. Por isso, é importante ter o necessário, na
quantidade adequada e controlada para facilitar as operações.


       É essencial saber separar e classificar os objetos e dados úteis dos inúteis da
seguinte forma:


• O que é usado sempre: colocar próximo ao local de trabalho.
• O que é usado quase sempre: colocar próximo ao local de trabalho.
• O que é usado ocasionalmente: colocar um pouco afastado do local de trabalho.
• O que é usado raramente, mas necessário: colocar separado, em local
determinado.
• O que for desnecessário: deve ser reformado, vendido ou eliminado, pois ocupa
espaço necessário e atrapalha o trabalho.




        Vantagens:


• Reduz a necessidade e gastos com espaço, estoque, armazenamento, transporte
e seguros.
• Facilita o transporte interno, o arranjo físico, o controle de produção.
• Evita a compra de materiais e componentes em duplicidade e também os danos a
materiais ou produtos armazenados.
• Aumenta a produtividade das máquinas e pessoas envolvidas.
12

• Traz maior senso de humanização, organização, economia, menor cansaço físico e
maior facilidade de operação.
• Diminui riscos acidentais do uso destes materiais pelo pessoal,


       Todos da equipe devem saber diferenciar o útil do inútil, o que é realmente
necessário e o que não é. Na terminologia da Qualidade, denomina-se "bloqueio de
causas" ou ação preventiva.




    [19]                                                                         [20]




                      2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO




       CONCEITO: "IDENTIFICAR E ARRUMAR TUDO, PARA QUE QUALQUER
PESSOA POSSA LOCALIZAR FACILMENTE ".


       Também pode ser definido como Senso de Ordenação, Sistematização,
classificação, Limpeza.


       O objetivo é identificar e arrumar tudo, para que qualquer pessoa possa
localizar facilmente o que precisa e a visualização seja facilitada.
       Nesta fase é importante:


• Padronizar as nomenclaturas.
13

• Usar rótulos e cores vivas para identificar os objetos, seguindo um padrão. Guardar
objetos diferentes em locais diferentes.


• Expor visualmente os pontos críticos, tais como extintores de incêndio, locais de
alta voltagem, partes de máquinas que exijam atenção, etc.


• Determinar o local de armazenamento de cada objeto onde for possível, eliminar as
portas.


• Não deixar objetos ou móveis no meio do caminho, atrapalhando a locomoção no
local.


          Vantagens:


• Menor tempo de busca do que é preciso para operar, ler, enviar, etc.
• Menor necessidade de controles de estoque e produção.
• Facilita transporte interno, controle de documentos, arquivos ou pastas, além de
facilitar a execução do trabalho no prazo.
• Evita a compra de materiais e componentes desnecessários ou repetidos ou
danos a materiais ou produtos armazenados.
• Maior racionalização do trabalho, menor cansaço físico e mental, melhor
ambiente.
• Melhor disposição dos móveis e equipamentos.
• Facilitação da limpeza do local de trabalho.


          A ordenação eficiente do material de trabalho deve ser implantada com uma
nomenclatura padronizada e divulgada dos arquivos, pastas, documentos, salas,
estoques, etc e com a indicação correta do local de estocagem. As pessoas devem
saber onde procurar cada coisa quando necessário e todos devem seguir as regras.


          É importante fazer uma análise da situação atual da instituição, como as
coisas estão organizadas e onde. Sempre que possível, deve-se trabalhar para
reduzir os estoques e qual o melhor local para guardar cada coisa.
14

A ideia principal nesta fase é:
"Um lugar para cada coisa e cada coisa em seu lugar."




    [21]                                                                             [22]




                            3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA




           CONCEITO: "MANTER UM AMBIENTE SEMPRE LIMPO, ELIMINANDO AS
CAUSAS DA SUJEIRA E APRENDENDO A NÃO SUJAR”.


           Também pode ser definido como Senso de Zelo.




           Cada pessoa deve saber a importância de estar em um ambiente limpo e dos
benefícios de ambiente com a máxima limpeza possível. O ambiente limpo traduz
qualidade e segurança.
           O desenvolvimento do senso de limpeza proporciona:
• Maior produtividade das pessoas, máquinas e materiais, evitando o retrabalho.
• Evita perdas e danos de materiais e produtos.
           Para isto, é importante que o pessoal tenha consciência e habitue-se a:
• Procurar limpar os equipamentos após o seu uso, para que o próximo a usar
encontre-o limpo.
• Aprender a não sujar e eliminar as causas da sujeira.
• Definir responsáveis por cada área e sua respectiva função.
15

• Manter os equipamentos, ferramentas, etc, sempre na melhor condição de uso
possível.
• Após usar um aparelho, deixá-lo limpo e organizado para o próximo utilitário.
• Cuidar para que se mantenha limpo o local de trabalho, dando atenção para os
cantos e para cima, pois ali se acumula muita sujeira.
• Não jogar lixo ou papel no chão.
• Dar destino adequado ao lixo, quando houver.


           Inclui-se ainda neste conceito, de um modo mais amplo, manter dados e
informações atualizadas, procurar ser honesto no ambiente de trabalho e manter
bom relacionamento com os colegas. Tudo isto é fundamental para a imagem
(interna e externa) da empresa.




    [23]                                                                          [24]




                     4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE




           CONCEITO:     "MANTER     UM    AMBIENTE      DE    TRABALHO       SEMPRE
FAVORÁVEL A SAÚDE E HIGIENE".


           Também pode ser definido como Senso de Asseio e Integridade.
           Higiene é manutenção de limpeza, e ordem. Quem exige qualidade cuida
também da aparência. Em um ambiente limpo, a segurança é maior. Quem não
cuida bem de si mesmo não pode fazer ou vender produtos ou serviços de qualidade
16

      O pessoal deve ter consciência da importância desta fase, tomando um
conjunto de medidas:
• Ter os três S's previamente implantados.
• Capacitar o pessoal para avaliarem se os conceitos estão sendo aplicados
realmente e corretamente.
• Eliminar as condições inseguras de trabalho, evitando acidentes ou manuseios
perigosos.
• Humanizar o local de trabalho numa convivência harmônica.
• Difundir material educativo sobre a saúde e higiene.
• Respeitar os colegas como pessoas e como profissionais,
• Colaborar, sempre que possível, com o trabalho do colega.
• Cumprir horários,
• Entregar documentos ou materiais requisitados no tempo hábil,
• Não fumar em locais impróprios, etc.


      Ter a empresa limpa e asseada requer gastos com sistema e matérias de
limpeza. Requer manutenção da ordem, da limpeza e principalmente disciplina. Cada
membro da equipe deve ter consciência da importância de se trabalhar num local
limpo e organizado.


      As vantagens são:


• Melhor segurança e desempenho do pessoal.
• Prevenção de danos à saúde dos que convivem no ambiente.
• Melhor imagem da empresa internamente e externamente.
• Elevação do nível de satisfação e motivação do pessoal para com o trabalho.


      Algumas medidas importantes e úteis nesta fase também podem ser colocar
avisos ou instruções para evitar erros nas operações de trabalho, bem como
designações, avisos e identificação dos equipamentos (recursos visuais).


      Quando importantes, os avisos devem ser vistos à distância, bem destacados
e acessíveis a todos do setor.
17

       É importante nesta fase conferir se o programa está sendo realmente
implantado, verificando cada etapa, se o pessoal está preparado e motivado a cumprir
o programa.




    [25]                                                                        [26]




                 5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA




       CONCEITO: "fazer dessas atitudes um hábito, transformando os 5s's num
modo de vida".


       Atitudes importantes:
• Usar a criatividade no trabalho, nas atividades.
• Melhorar a comunicação entre o pessoal no trabalho.
• Compartilhar visão e valores, harmonizando as metas.
• Treinar o pessoal com paciência e persistência, conscientizando-os para os 5s's .
• De tempos em tempos aplicar os 5s's para avaliar os avanços.


       É importante cumprir os procedimentos operacionais e os padrões éticos da
instituição, sempre buscando a melhoria. A autodisciplina requer a consciência e um
constante aperfeiçoamento de todos no ambiente de trabalho. A consciência da
qualidade é essencial.


       Com o tempo, a implantação do programa traz benefícios:
18

• Reduz a necessidade constante de controle.
• Facilita a execução de toda e qualquer tarefa/operação.
• Evita perdas oriundas de trabalho, tempo, utensílios, etc.
• Traz previsibilidade do resultado final de qualquer operação.
• Os produtos ficam dentro dos requisitos de qualidade, reduzindo a necessidade de
controles, pressões, etc.




    [27]                                                                   [28]




           6º - SHIKARI YARO - SENSO DE DETERMINAÇÃO DE UNIÃO




       Irá pregar a participação dos gestores em parceria com a união de todos os
colaboradores. As chaves do senso são motivação, liderança e comunicação. Um
ponto importante é a transparência na condução da gestão onde os gestores devem
definir formas para que todos se encaixem no processo para assim se ter um bom
trabalho de equipe, buscando o comprometimento de todos e alcançando assim
resultados previstos.


Benefícios:
- aumento da confiança dos colaboradores perante a organização;

- maior compromisso dos colaboradores na busca de resultados;

- melhora nas relações interpessoais ;
19

- retêm talentos.




                     7º - SHIDO - SENSO DE TREINAMENTO




      Visa o treinamento do profissional e educação do ser humano, permitindo
qualificar o profissional e engrandecer o ser humano que passa a ter maior
empregabilidade. No ambiente da administração moderna o ser humano deve ser
considerado de maior valor, pois através dele é que a organização irá atingir
resultados desejados.


Benefícios:
- maior empregabilidade;

- desenvolvimento de talentos;

- aumento da produtividade e resultados.




 8º - SETSUYAKU - SENSO DE ECONOMIA E COMBATE AOS DESPERDÍCIOS




      Este senso irá ajudar nos resultados da empresa, reduzindo custos e
aumentando a produtividade. Devem-se estimular os colaboradores para que criem
novas alternativas de redução de perdas de materiais e serviços, dando a eles
noção da realização do trabalho com qualidade, contribuindo com a prática da
reciclagem e com o meio ambiente.


Benefícios:
- economia para a empresa com a redução dos desperdícios de materiais e serviços;

- redução de horas extras;

- reeducação das práticas de aquisição de materiais;
20

- preservação do meio ambiente.




           9º - SHISEI RINRI - SENSO DOS PRINCÍPIOS MORAIS E ÉTICOS




         Ter ética e ser capaz de voltar esforços para objetivos mais nobres e
importantes da empresa. A empresa deve definir padrões de conduta, para que cada
empregado saiba o que é certo e o que é errado.


    Benefícios:

-     Colaboradores mais compromissados com os resultados da empresa, com
      atitudes éticas perante os clientes, acionistas, fornecedores e com as equipes de
      trabalho da qual fazem parte.




         10º - SEKININ SHAKAI - SENSO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL




         A responsabilidade social vai muito mais além dos pagamentos de impostos,
tributos e cumprimento de legislação trabalhista e ambiental. A empresa e seus
funcionários devem ter um compromisso com a sociedade. Incentivo da empresa
juntamente com seus funcionários para realização de trabalho voluntário, atendendo
entidades carentes.


Benefícios:
-     melhora da imagem perante a sociedade e órgãos governamentais;
-     maior produtividade dos empregados;
-     transparência   nas   ações     com     os   clientes,   colaboradores,   acionistas,
      fornecedores e a sociedade;
-     participação do crescimento sócio - econômico da população;
-     preservação do meio ambiente.    [29]
21




                        DICAS PARA A PRÁTICA DO MÉTODO 5S:




          Cada pessoa deve saber diferenciar o útil do inútil. Só o que tem utilidade
certa deve estar disponível.


          Eliminando-se o que não é útil, você pode se concentrar apenas no que é útil.
Dê atenção a tudo que estiver dentro de seu ambiente de trabalho (máquinas,
ferramentas, estoques, móveis, papéis, etc.) e defina o que é necessário através de
instruções claras para que todos possam separar o útil do inútil.




          Algumas perguntas podem ser elaboradas para direcionar o processo:
1. O que pode ser jogado fora e o que deve ser guardado?
2. O que pode ser útil para outro setor?
3. O que pode ser consertado?
4. É possível trabalhar de forma mais econômica, racionalizando o tempo?
          Após colocar em um local determinado aquilo que será descartado, convide
as pessoas de outros setores para que escolham, entre os itens disponíveis, o que
de fato lhes interessar.


          Analisar como as coisas estão guardadas, onde e por quê. Arrumação é
importante para agilizar o acesso aos documentos e outras coisas em seus devidos
lugares. Administrar bem o patrimônio da instituição é essencial, principalmente no
que se refere à organização e identificação de:


• Laudos,
• Relatórios,
• Atas,
• Documentos em geral,
• Pareceres,
• Dados estatísticos,
22

• Arquivos e pastas de documentos.


       Sempre que possível, eliminar ou diminuir o processo burocrático de ações
ou documentos, procurando aproveitar o tempo e economizar trabalho desnecessário.
       Cada um deve ficar responsável pelo seu espaço, sem prejudicar o espaço
do outro.
       Sempre se deve questionar se algo está bom o suficiente ou se é possível
ser melhorado.


       Estoques e utensílios de trabalho:


       Para haver corretas armazenagem, organização e identificação, devem ser
feitas algumas perguntas:


   1. É possível reduzir os estoques?
   2. O que está à mão precisa mesmo estar ali?
   3. Os nomes das coisas estão padronizados?
   4. Qual o melhor local para cada coisa e por quê?
   5. O que é necessário está à mão?
   Levante sugestões para a melhoria e limpeza do local de trabalho. Marque, se
possível, o dia da limpeza definido, para que todos se organizem. É importante que
todos participem, fazendo a limpeza básica em conjunto, jogando papéis fora,
fazendo pequenos consertos, etc..
   Compartilhe ideias com os colegas, discuta as alternativas propostas e valorize o
trabalho de cada um.
   O que deve ser verificado e avaliado para elaboração de um ambiente
organizado e propício, com a metodologia 5S implantada:


       1. Apresentação dos colaboradores devem se apresentar com boa aparência
usando trajes limpos, não rasgados.


       2. Piso e área externa ao setor (corredores) devem estar limpos, secos e
organizados, sem acúmulo de materiais e sucatas, devem possuir linhas demarcando
as áreas de circulação.
23

       3. Higiene = O ambiente deve estar limpo, sem acúmulo de materiais
orgânicos ou inorgânicos. Devem estar livres também de materiais/ equipamentos
que provoquem contaminação química.
       O pessoal deve cuidar da higiene pessoal e usar os devidos equipamentos
de segurança (onde aplicáveis), para garantir a integridade física.
       É importante também o cuidado com as máquinas, aparelhos, equipamentos
e utensílios.
       As dicas de prática do método 5S devem tornar-se hábitos na instituição, entre
os colaboradores, em todos os setores para que o programa seja mantido e o
controle fique mais fácil.
       Em cada etapa, é essencial que o método seja verificado, a implantação tem
de estar em constante verificação; isto também e importante para a próxima fase, pois
são todas interligadas.
       A última etapa de uma série é o ponto de partida para a primeira etapa da
próxima.
       A fase de autodisciplina, principalmente é uma das mais importantes e cruciais
do programa, pois é a fase em cada um dos envolvidos terá que desenvolver seu
próprio senso de ordenação e assumir o compromisso com a metodologia. E com
suas atividades cada um fazendo a sua parte contribui para o desenvolvimento de
todo o programa e a manutenção da qualidade.
       Cada um deve estar ciente de suas responsabilidades, ter suas funções
definidas e ser treinados para que haja eficiência na prestação dos serviços,
segurança no local de trabalho e incentivo à capacidade criativa.




                                                                             [30]
24




                 ROTEIRO SUGESTIVO PARA IMPLANTAR O 5S:




                           1ª etapa: equipe de implantação


      Formada por três pessoas, no mínimo, de diferentes setores da instituição e
uma pessoa da alta administração. A equipe tem que ter disponibilidade para
conduzir o processo, orientar, esclarecer dúvidas e fazer visitas rotineiras de
acompanhamento.




                                2ª etapa: Planejamento


      Equipe de implantação pode elaborar um cronograma, um plano de
orientação, determinar as ferramentas que serão utilizadas e dividir as atividades. As
tarefas e as responsabilidades devem ser distribuídas e todos devem se comprometer
com os prazos de cumprimento.




                              3ª etapa: Fotos e registros


      É importante registrar a situação atual da organização, em todas as áreas,
especialmente onde forem percebidas necessidades de melhoria. Posteriormente, a
equipe deve se reunir e discutir as falhas, as ações corretivas, dar sugestões de
melhoria baseadas nas fotos. É importante a opinião de cada um, principalmente por
que pertencem a áreas diferentes na empresa.




                                  4ª etapa: Reunião


      A equipe pode convidar o pessoal da instituição para uma reunião, compartilhar
os dados e mostrar o compromisso e a disposição para implantar o método. Nesta
25

reunião, a equipe pode iniciar o trabalho de conscientização do pessoal, da
importância do programa 5S para a melhoria do trabalho. A equipe também pode
explicar os objetivos do trabalho, mostrar as vantagens do programa e os benefícios.




                                5ª Etapa: Implantação


      Após esta reunião de sensibilização do pessoal com a equipe responsável, o
programa começa a ser efetivamente implantado. As responsabilidades são divididas
de acordo com as áreas de trabalho, bem como os mapas de acompanhamento do
trabalho. Em casa fase, o pessoal envolvido deve se reunir para definir as
atividades, esclarecer as dúvidas, citar exemplos, etc. A interação da equipe com o
pessoal envolvido é importante, para que não fiquem dúvidas a respeito do
programa e para que tudo corra bem na fase seguinte.




                             6ª Etapa: Acompanhamento


      A equipe organizadora planeja e se organiza para fazer visitas nas áreas de
implantação com pelo menos um membro da equipe organizadora supervisionando
a visita. Nas visitas, os quesitos necessários para a implantação do programa devem
ser acordados, conforme a orientação do colaborador. Os pontos positivos, como
os negativos devem ser apontados, pois o pessoal deve ser motivado a seguir as
orientações. O ideal é que a equipe faça um mapa de acompanhamento mensal
para verificar os benefícios, os resultados, as mudanças. É essencial que todos
sigam o programa, desde os gerentes e diretores aos técnicos de apoio.
      Com o tempo, cada integrante vai diagnosticar a importância dos conceitos e
de sua aplicação, tornando a metodologia um hábito no trabalho. Dessa forma, o
sistema vai se consolidando, junto com o Sistema da Qualidade.
      Os técnicos e colaboradores novos, que forem se incorporando à empresa,
também se habituarão a aplicar os conceitos, uma vez que entrarem num sistema já
implantado.
      A gerência, setor ou empresa deve também se responsabilizar por planejar
reuniões periódicas com os membros da equipe para verificar como está sendo
26

seguida cada fase do programa e as melhorias que podem ser feitas. Isso garante a
motivação em sempre manter o hábito da metodologia e a manutenção do
programa sempre implantado.
      Os treinamentos dos membros da equipe, técnicos e colaboradores, deve
ser periódico e o acompanhamento deve ser constante. Com os novos
treinamentos, a equipe pode verificar os resultados, avaliações do pessoal, as
melhoras e o que ainda pode ser feito.
      Também é uma oportunidade de reciclagem dos conhecimentos de cada um
e harmonização da equipe.




                    CUSTO DE IMPLANTAÇÃO DO MÉTODO 5S:




      O custo para a implantação do programa não é alto e os recursos podem ser
alocados do orçamento da empresa ou do setor.
      De acordo depoimentos de instituições em que com o método já foi implantado
ou está em implantação, não houve dificuldades para o custeio ou necessidades de
compra excessiva de itens.
      Algumas fases podem ter o custo mais elevado que outras, o que dependerá
também do número de pessoas envolvidas no processo, do nível de compromisso
da equipe, da estrutura física e da situação atual da empresa.
      Quanto mais rápido o pessoal se mobilizar para implantar o programa e se
dedicar, menores serão tempo e gastos para implantar.




                        IDÉIAS PRINCIPAIS DO MÉTODO 5S:




'“Se você sabe e não faz, é como se você não soubesse”.


"Os três primeiros Ss, ou seja, as três primeiras fases são a base para o sucesso da
implantação do programa."
27

"Ordenar é identificar."


"O ambiente mais limpo não é o que mais se limpa, e sim o que menos se suja."


"Organização do pessoal reflete organização do ambiente."


"Todo o trabalho tem de ser feito em equipe."


"A tolerância também é uma ferramenta de trabalho, desde que usada na medida
           [31]
certa".



   [32]                                                                [33]

                                                ANALISE CRITICA




  Nagazaki 09 de Agosto de 1945, após ataque e, o                      Nagazaki 09 de Agosto de 2012, lembrando os 67
  que sobrou de um Templo.                                             anos do ataque nuclear.




   [34]




                                                                               [35]

                                                    Hiroshima 06 de Agosto de                                         [36]
                                                    2012, lembrando os 67 anos do
                                                    ataque nuclear.
  Manifestos contra armas nucleares, lembrando os                                            Uma das partes do arco do
  67 anos do ataque. (09/08/2012)                                                            templo em Nagazaki.


    [37]                                                                                                               [38]




  Hiroshima 06 de Agosto de 1945, após ataque e, o que     "Cúpula Genbaku", ou "Cúpula da Bomba Atómica", a 150 m
  restou da cidade.                                        do hipocentro da explosão. Em 1966, Hiroshima declarou a intenção de
                                                           preservar a ruína que foi chamada de Memorial da Paz de Hiroshima e
                                                           foi tornada Patrimônio Mundial pela UNESCO em Dezembro de 1996,
                                                           decisão que enfrentou objeções dos E.U.A. e da China
28




 [39]                                                                                [40]
                                      ANALISE CRITICA




Nagazaki em 2012                              Boulevard da Paz, Hiroshima em 2012




                                                                              [42]




  [41]                                         [43]
                                                6]
Como surgiu o método dos 5 sensos             1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO


                                                                                     [45]




 [44]

2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO           3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA




 [46]                                           [47]

4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE    5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA
29




                          REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA



[01]
       http://www.demc.ufmg.br/gestao/Apostila5S.pdf


[02]
       http://dererummundi.blogspot.com.br/2011/09/fisica-nuclear-de-rutherford-
       bomba.html


[03]
       http://human-wrongs-watch.net/2012/08/07/10415/

[04]
       http://kaoruishikawa-calidad.blogspot.com.br/

[05]
       https://lh4.googleusercontent.com/-zjopk3bto8Y/UIgM31key1I/AAAAA
       AAAB0k/g7J_Xu_K_TU/s989/DIAGRAMA+DE+CAUSA+E+EFEITO+E+M%C
       3%89TODO+6+M.png

[06]
       http://www.stratocam.com/s/1015028


[07]
       http://www.meionorte.com/noticias/internacional/japao-relembra-66-anos-da-
       bomba-atomica-que-arrasou-hiroshima-140387.html

[08]
       https://lh6.googleusercontent.com/-sYPL_s4VEyk/UIgNIJjYbfI/AAAAA
       AAAB1M/oqtNRkWVzVE/s731/HIROSHIMA+E+NAGAZAKI+2012.png

[09]
       http://qualidadeonline.wordpress.com/2009/12/18/certificacao-do-programa-5-
       s/


[10]
       http://www.simplessolucoes.com.br/blog/2009/04/page/2/


[11]
       http://mmantovani.wordpress.com/artigos/trabalho-programa-5s/
30

[12]
       http://www.anvisa.gov.br/reblas/procedimentos/metodo_5S.pdf


[13]
       http://jannisilva.blogspot.com.br/2011/05/10-s-evolucao-do-5-s-resumo.html

[14]
       http://www.infobarrel.com/Media/5S_Seiton_and_Seiri

[15]
       http://www.infobarrel.com/Media/5S_Seiton_and_Seiri


[16]
       https://lh3.googleusercontent.com/-OU-DZZaHuS4/UIgM5_BhdeI/AAAAA
       AAAB0s/ui8Q92koToc/s989/MANEIRA+HABITUAL+E+MANEIRA+CORRETA
       +DE+PENSAR.png

[17]
       http://www.demc.ufmg.br/gestao/Apostila5S.pdf


[18]   https://lh4.googleusercontent.com/-jkKLkAglTuc/UIgND_P_56I/AAAAA
       AAAB08/PgfI9J9lIVY/s863/MANTER+E+MELHORAR.png


[19]   https://lh3.googleusercontent.com/-7SpppEKe9q0/UIgM1nTHI5I/AAAAA
       AAAB0E/LrmRsOYxXi4/s407/01++S+-+SEIRI+-+SENSO+DE+UTILIZA
       %C3%87%C3%83O.png

[20]
       http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html


[21]
       https://lh3.googleusercontent.com/-Q67qQ0kPqq0/UIgM1oOpMDI/AAAAA
       AAABz8/OB-ot42fOz4/s407/02++S+-+SEITON+-+SENSO+DE+ORDENA
       %C3%87%C3%83O.png

[22]
       http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html


[23]
       https://lh4.googleusercontent.com/-fTMGBaR6q10/UIgM1qu89XI/AAAAA
       AAAB0A/fmrU7hn0xwE/s407/03++S+-+SEISO+-+SENSO+DE+LIMPEZA.png


[24]   http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html
31

[25]
       https://lh6.googleusercontent.com/-6Y3Ipz3QhkE/UIgM2B4Mo3I/AAAAA
       AAAB0Q/aGHMI5jkDlc/s407/04++S+-+SEIKETSU+-+SENSO+DE
       +SA%C3%9ADE.png

[26]
       http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html


[27]   https://lh3.googleusercontent.com/-4FFnkRR8lAw/UIgM2Ua4_MI/AAAAA
       AAAB0Y/qkJ98hGjk8c/s407/05++S+-+SHITSUKE+-+SENSO+DE+
       AUTODISCIPLINA.png

[28]
       http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html


[29]
       http://engenhariadeproducaoindustrial.blogspot.com.br/2009/12/programa-10-
       s.html


[30]   https://lh6.googleusercontent.com/-hO9qKZ9fDS0/UIgNGaWLK4I/AAAAA
       AAAB1E/01bm0urAYL4/s609/OS+DEZ+MANDAMENTOS+DO+5S.png


[31]
       http://www.anvisa.gov.br/reblas/procedimentos/metodo_5S.pdf


[32]
       http://wordsofleisure.com/2011/08/09/hojealgum-tempo-atras-bombardeio-
       nagasaki/


[33]
       http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/08/nagasaki-lembra-o-67-aniversario-
       do-bombardeio-atomico.html


[34]   http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2012-08-06/japao-recorda-67-anos-da-
       bomba-de-hiroshima.html


[35]
       http://br.noticias.yahoo.com/hiroshima-lembra-67-anos-bomba-
       at%C3%B4mica-pleno-debate-104607890.html


[36]   http://en.wikipedia.org/wiki/File:Nagasaki_One_Legged_Torii_C1946.jpg
32

[37]
       http://www.imageblogs.org/hiroshima-and-its-view-after-boom-blast


[38]   https://lh6.googleusercontent.com/--UL8w3g90oc/UIgRE7xzrOI/AAAAA
       AAAB10/vI8TRZ5djDM/s868/KAORU+ISHIKAWA+E+MONUMENTO+DA+PA
       Z%2C+HIROSHIMA.png


[39]   http://www.travel-pictures-gallery.com/japan/nagasaki/nagasaki-0001.html


[40]   http://theurbanearth.wordpress.com/2010/01/30/10-ruas-que-o-mundo-adora/


[41]   https://lh4.googleusercontent.com/-yUJizIEophg/UIgNOgEeM9I/AAAAA
       AAAB1U/gFKvF7-Dlo4/s539/OS+5+SENSOS.png

[42]
       http://mmantovani.wordpress.com/artigos/trabalho-programa-5s/

[43]
       http://fengshuieboasenergias.blog.terra.com.br/page/3/


[44]
       http://www.joli.com.br/blog/index.php/2012/06/20/escritorio-em-casa/


[45]
       https://picasaweb.google.com/lh/photo/K0FEpv0jL3ez2BzGvZ048hVqaWO7q
       T9PWhcwos32IIE

[46]
       http://www.blogers.com.br/higiene-corporal-e-saude/


[47]
       https://lh5.googleusercontent.com/-U6H1zvwOzfA/UIgM_Glm36I/AAAAA
       AAAB00/x8AhxAhYAIY/s938/AUTODISCIPLINA.png
Programa 5 s

Mais conteúdo relacionado

Mais de Pedro Domacena

PROGRAMA 5 S
PROGRAMA   5 SPROGRAMA   5 S
PROGRAMA 5 S
Pedro Domacena
 
O IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASIL
O IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASILO IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASIL
O IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASIL
Pedro Domacena
 
NR 6
NR 6NR 6
ESPAÇO CONFINADO
ESPAÇO CONFINADOESPAÇO CONFINADO
ESPAÇO CONFINADO
Pedro Domacena
 
ISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMAS
ISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMASISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMAS
ISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMAS
Pedro Domacena
 
A história do petróleo e a política mundial
A história do petróleo e a política mundialA história do petróleo e a política mundial
A história do petróleo e a política mundial
Pedro Domacena
 
O QUE É PETRÓLEO
O QUE É PETRÓLEOO QUE É PETRÓLEO
O QUE É PETRÓLEO
Pedro Domacena
 

Mais de Pedro Domacena (7)

PROGRAMA 5 S
PROGRAMA   5 SPROGRAMA   5 S
PROGRAMA 5 S
 
O IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASIL
O IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASILO IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASIL
O IMPACTO AMBIENTAL DO PETRÓLEO NO BRASIL
 
NR 6
NR 6NR 6
NR 6
 
ESPAÇO CONFINADO
ESPAÇO CONFINADOESPAÇO CONFINADO
ESPAÇO CONFINADO
 
ISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMAS
ISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMASISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMAS
ISO A MAIOR ORGANIZAÇÃO DO MUNDO EM DESENVOLVIMENTO DE NORMAS
 
A história do petróleo e a política mundial
A história do petróleo e a política mundialA história do petróleo e a política mundial
A história do petróleo e a política mundial
 
O QUE É PETRÓLEO
O QUE É PETRÓLEOO QUE É PETRÓLEO
O QUE É PETRÓLEO
 

Programa 5 s

  • 1. PROGRAMA 5 S Pedro Domacena
  • 2. SUMÁRIO PROGRAMA 5S ........................................................................................................03 A ORIGEM DO 5S ....................................................................................................03 OS 5 SENSOS ..................................................................................................................... 06 PROGRAMA 10S ......................................................................................................07 BENEFÍCIOS ............................................................................................................08 PLANEJAMENTO E PRÁTICA DOS CONCEITOS ........................................................ 10 1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO ........................................................................ 11 2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO ..................................................................12 3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA ............................................................................. 14 4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE .....................................................15 5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA ................................................ 17 6 o S - SENSO DE DETERMINAÇÃO DE UNIÃO (SHIKARI YARO) ...................... 18 7 o S - SENSO DE TREINAMENTO (SHIDO) ..........................................................19 8 o S - SENSO DE ECONOMIA E COMBATE AOS DESPERDÍCIOS (SETSUYAKU) ..........................................................................................................19 9 o S - SENSO DOS PRINCÍPIOS MORAIS E ÉTICOS (SHISEI RINRI) ................20 10 o S - SENSO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL (SEKININ SHAKAI) ..............20 DICAS PARA A PRÁTICA DO MÉTODO 5S ..................................................................21 OS 10 MANDAMENTOS DO 5S .....................................................................................23 ROTEIRO SUGESTIVO PARA IMPLANTAR O 5S ........................................................24 CUSTO DE IMPLANTAÇÃO DO MÉTODO 5S ..............................................................26 IDÉIAS PRINCIPAIS DO MÉTODO 5S ............................................................................26 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA ..............................................................................31
  • 3. 03 PROGRAMA 5S “É impossível haver progresso sem mudança e quem não consegue mudar a si mesmo não muda coisa alguma”. George Bernard Shaw Aprender sobre os cinco sensos, praticá-los e difundi-los envolve mudança de comportamento, sua e das pessoas ao seu redor. A vida é mais gratificante quando dispomos de tempo para criar, realizar e alcançar metas? Quanto nos sentimos mais felizes por sermos mais produtivos? Através do 5S, se desperta as habilidades de ser mais objetivo, direto, atingindo os resultados com maior eficácia. Seus problemas serão mais rapidamente solucionados. Trabalhar em um ambiente organizado e limpo é, obviamente, melhor que trabalhar em um outro desorganizado e sujo. Sua mesa está uma bagunça? Que tal começar por ela? Jogue fora todo material inútil que está em cima, porque você acha que ele é “bonito” ou porque “pode ter utilidade futuramente”. Organize o que é importante, guardando tudo no devido lugar. Para isto, existem gavetas e armários... Ah! eles estão cheios e é por isso que sua mesa está assim? Então os arrume também. Você vai ver que existem coisas lá dentro sem utilidade alguma. Você deve estar pensando que esse tempo é perdido e poderia estar produzindo. Mas esse é um raciocínio imediatista, pois sua produção após o 5S será bem maior, consumindo muito menos tempo. [01] O Programa 5S é o primeiro passo para alcançar a qualidade. A ORIGEM DO 5S A utilidade da ferramenta denominada "Programa 5S" foi concebido por Kaoru Ishikawa surgiu por volta de 1950, logo após a 2 a Guerra Mundial, com a
  • 4. 04 necessidade de combater a sujeira das fábricas e desorganização estrutural sofrida pelo Japão. Você conseguiria imaginar um país destruído, sem recursos e com sua população em pânico, reerguer-se utilizando como base o programa 5S? Pois bem, daí você pode parar e pensar na força que essa ferramenta tem se for bem utilizada. [02] [03] [04] Ataque nuclear de Hiroshima Hiroshima após ataque e, o que restou do predio Kaoru Ishikawa 06 de Agosto de 1945, 08:15 de Exposição Comercial da Prefeitura de hora local Hiroshima (HMI) projetada e construída pelo [06] arquiteto Tcheco Jan Letzel inaugurado em 1915 Hiroshima região do hipocentro em 2012 [07] [05] Homenagem aos 66 anos da explosão das bombas no memorial Diagrama de Causa e Efeito e Método 6M, dois dos métodos de Kaoru Ishikawa da paz (06 de Agosto de 2011) [08]
  • 5. 05 [09] O programa tem este nome por tratar-se de um sistema de cinco conceitos básicos e simples, porém essenciais e que fazem a diferença no Sistema da Qualidade. Espanha e Inglaterra adotaram metodologias equivalentes, porém com nomes diferentes: "Teoria da Escova" e "Housekeeping", respectivamente; mas a ideia é a mesma- sempre buscar o Sistema da Qualidade Total. É possível eliminar o desperdício (tudo o que gera custo extra) em cinco fases, com base no método "5S". Foi um dos fatores para a recuperação de empresas japonesas e a base para a implantação da Qualidade Total naquele país. Os cinco conceitos foram introduzidos no Brasil posteriormente, em 1991, pela Fundação Cristiano Ottoni. O ramo empresarial foi um dos primeiros a adotar a prática do programa com a finalidade de otimizar custos com a redução de desperdícios e aumentar a produtividade. O país precisava reestruturar-se, organizar as indústrias e melhorar a produção para ser compatível com o mercado mundial.
  • 6. 06 OS 5 SENSOS 1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO [10] CONCEITO: "separar o útil do inútil, eliminando o desnecessário". 2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO CONCEITO: "identificar e arrumar tudo, para que qualquer pessoa possa localizar facilmente". 3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA CONCEITO: "manter um ambiente sempre limpo, eliminando as causas da sujeira e aprendendo a não sujar". 4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE CONCEITO: "manter um ambiente de trabalho sempre favorável à saúde e higiene". 5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA CONCEITO: "fazer dessas atitudes, ou seja, da metodologia, um hábito, [11] transformando os 5s's num modo de vida".
  • 7. 07 No inicio de sua aplicação apenas os três primeiros "S" eram abordados, tendo sido incorporado depois o quarto e o quinto. Posteriormente foram lançados outros 3(três) Sensos: 6 o S - Shikari Yaro (Senso de Determinação e União) 7 o S - Shido (Senso de Aprendizado e Treinamento) 8 o S - Setsuyaku (Senso de Economia e Combate aos Desperdícios) [12] Em um artigo de revista, do qual se perdeu o original, apareceu a sugestão de se adotar um Senso de Princípios Morais e Éticos, que a TQM – Técnicas de Qualidade e Marketing Ltda.(www.tqm.com.br), passou a utilizar em seus trabalhos de consultoria como sendo o 9º S - Shisei Rinri. O engenheiro José Ailton Baptista da Silva, fundador e consultor sênior da empresa TQM, fez a proposição do 10ºS Sekinin Shakai (Senso de Responsabilidade Social), chegando assim ao Programa 10S. . PROGRAMA 10S 01 O S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO 02 O S - SEITON - SENSO DE ORDENAÇÃO 03 O S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA 04 O S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE 05 O S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA 06 O S - SHIKARI YARO – SENSO DE DETERMINAÇÃO E UNIÃO 07 O S - SHIDO – SENSO DE TREINAMENTO 08 O S - SETSUYAKU – SENSO DE ECONOMIA E COMBATE AOS DESPERDÍCIOS 09 O S - SHISEI RINRI – SENSO DOS PRINCÍPIOS MORAIS E ÉTICOS 10 O S - SEKININ SHAKAI – SENSO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL [13]
  • 8. 08 BENEFÍCIOS O que você ganha implantado o 5S? Toda atividade, empenho e dedicação requerem um retorno, ou seja, para tudo que fazemos esperamos algo em troca, não é mesmo? As pessoas se empenham mais e dedicam-se com mais vigor a atividades cujo resultado final elas conhecem exatamente. Pois bem, é possível descrever o retorno que o desenvolvimento do Programa 5S terá para lhe oferecer em uma lista grande de benefícios aplicados tanto na empresa como em casa. A dupla aplicabilidade se dá pelo fato de que os benefícios do programa coincidem com os objetivos da educação em geral: formar cidadãos saudáveis e responsáveis, capazes de dar continuidade ao seu autodesenvolvimento. Mas, para que sua vontade de obter os benefícios seja espontânea, é preciso que sua prática seja natural e identificada por uma necessidade de busca de desafios da empregabilidade e do autodesenvolvimento. Portanto nada de burocracia e nem autoritarismo. Em um programa de qualidade como este, o que vale é o espírito de equipe, quando várias pessoas se unem com um objetivo em comum, que, nesse caso, é exatamente alcançar os benefícios do programa. Então vejamos quais são as oportunidades que o 5S tem a nos oferecer para melhorarmos o meio em que vivemos e trabalhamos: • Processos otimizados e racionalizados (com tempo mais otimizado possível, sequencia operacional definida, número de pessoas adequadas ao processo, estrutura de layout em sequencia lógica) visando à produtividade; [14] [15]
  • 9. 09 [16] • Bem-estar do ser humano; • Ambiente da Qualidade (satisfação); • Melhoria das habilidades pessoais; • Promoção do trabalho em equipe; • Melhoria de relacionamentos interpessoais; • Higienização física e mental do local de aplicação do programa, tornando-o um lugar melhor (ambiente mais agradável e sadio); •Liberação de espaço para diversos fins; • Reciclagem de recursos escassos; • Combate à burocracia; • Redução de custos; • Eliminação de excessos e desperdícios; • Acompanhamento do tempo de validade do material guardado (documentos, matéria- prima, alimentos, remédios, etc.); • Melhoria da administração do tempo; • Melhoria do marketing pessoal; • Maior rapidez para encontrar objetos e informações; • Aumento da segurança; • Diminuição do cansaço físico e mental causado pela procura de objetos e informações; • Aumento da produtividade e satisfação pessoal e da equipe; • Melhoria do visual (boa impressão aos clientes e visitantes); • Melhoria do fluxo de pessoas e materiais;
  • 10. 10 • Maior qualidade em produtos e serviços; • Prevenção contra o estresse. É impressionante como um programa de fácil metodologia pode nos trazer tantos benefícios. Na maioria das vezes, estamos tão viciados com os maus hábitos corriqueiros do dia-a-dia, que não paramos para pensar como tudo seria melhor se nos dedicássemos mais a melhorar nosso próprio ambiente. A essa atitude fundamental chamamos de disciplina para com nossos hábitos. Disciplina, esse nome lhe parece familiar? É a essência do quinto Senso que iremos trabalhar - [17] Autodisciplina - fundamental para que todos os resultados sejam alcançados. [18] PLANEJAMENTO E PRÁTICA DOS CONCEITOS De acordo com o conceito japonês, pode-se eliminar o desperdício, e consequentemente o custo extra também, nestas cinco fases que ajudarão também a implantar o Sistema da Qualidade.
  • 11. 11 1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO CONCEITO: "separar o útil do inútil, eliminando o desnecessário". Também pode ser interpretado com Senso de Utilização, Arrumação, Organização, Seleção. Nesta fase, o trabalho começa a ser colocado em ordem, para que só se utilize o que for realmente necessário e aplicável. Por isso, é importante ter o necessário, na quantidade adequada e controlada para facilitar as operações. É essencial saber separar e classificar os objetos e dados úteis dos inúteis da seguinte forma: • O que é usado sempre: colocar próximo ao local de trabalho. • O que é usado quase sempre: colocar próximo ao local de trabalho. • O que é usado ocasionalmente: colocar um pouco afastado do local de trabalho. • O que é usado raramente, mas necessário: colocar separado, em local determinado. • O que for desnecessário: deve ser reformado, vendido ou eliminado, pois ocupa espaço necessário e atrapalha o trabalho. Vantagens: • Reduz a necessidade e gastos com espaço, estoque, armazenamento, transporte e seguros. • Facilita o transporte interno, o arranjo físico, o controle de produção. • Evita a compra de materiais e componentes em duplicidade e também os danos a materiais ou produtos armazenados. • Aumenta a produtividade das máquinas e pessoas envolvidas.
  • 12. 12 • Traz maior senso de humanização, organização, economia, menor cansaço físico e maior facilidade de operação. • Diminui riscos acidentais do uso destes materiais pelo pessoal, Todos da equipe devem saber diferenciar o útil do inútil, o que é realmente necessário e o que não é. Na terminologia da Qualidade, denomina-se "bloqueio de causas" ou ação preventiva. [19] [20] 2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO CONCEITO: "IDENTIFICAR E ARRUMAR TUDO, PARA QUE QUALQUER PESSOA POSSA LOCALIZAR FACILMENTE ". Também pode ser definido como Senso de Ordenação, Sistematização, classificação, Limpeza. O objetivo é identificar e arrumar tudo, para que qualquer pessoa possa localizar facilmente o que precisa e a visualização seja facilitada. Nesta fase é importante: • Padronizar as nomenclaturas.
  • 13. 13 • Usar rótulos e cores vivas para identificar os objetos, seguindo um padrão. Guardar objetos diferentes em locais diferentes. • Expor visualmente os pontos críticos, tais como extintores de incêndio, locais de alta voltagem, partes de máquinas que exijam atenção, etc. • Determinar o local de armazenamento de cada objeto onde for possível, eliminar as portas. • Não deixar objetos ou móveis no meio do caminho, atrapalhando a locomoção no local. Vantagens: • Menor tempo de busca do que é preciso para operar, ler, enviar, etc. • Menor necessidade de controles de estoque e produção. • Facilita transporte interno, controle de documentos, arquivos ou pastas, além de facilitar a execução do trabalho no prazo. • Evita a compra de materiais e componentes desnecessários ou repetidos ou danos a materiais ou produtos armazenados. • Maior racionalização do trabalho, menor cansaço físico e mental, melhor ambiente. • Melhor disposição dos móveis e equipamentos. • Facilitação da limpeza do local de trabalho. A ordenação eficiente do material de trabalho deve ser implantada com uma nomenclatura padronizada e divulgada dos arquivos, pastas, documentos, salas, estoques, etc e com a indicação correta do local de estocagem. As pessoas devem saber onde procurar cada coisa quando necessário e todos devem seguir as regras. É importante fazer uma análise da situação atual da instituição, como as coisas estão organizadas e onde. Sempre que possível, deve-se trabalhar para reduzir os estoques e qual o melhor local para guardar cada coisa.
  • 14. 14 A ideia principal nesta fase é: "Um lugar para cada coisa e cada coisa em seu lugar." [21] [22] 3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA CONCEITO: "MANTER UM AMBIENTE SEMPRE LIMPO, ELIMINANDO AS CAUSAS DA SUJEIRA E APRENDENDO A NÃO SUJAR”. Também pode ser definido como Senso de Zelo. Cada pessoa deve saber a importância de estar em um ambiente limpo e dos benefícios de ambiente com a máxima limpeza possível. O ambiente limpo traduz qualidade e segurança. O desenvolvimento do senso de limpeza proporciona: • Maior produtividade das pessoas, máquinas e materiais, evitando o retrabalho. • Evita perdas e danos de materiais e produtos. Para isto, é importante que o pessoal tenha consciência e habitue-se a: • Procurar limpar os equipamentos após o seu uso, para que o próximo a usar encontre-o limpo. • Aprender a não sujar e eliminar as causas da sujeira. • Definir responsáveis por cada área e sua respectiva função.
  • 15. 15 • Manter os equipamentos, ferramentas, etc, sempre na melhor condição de uso possível. • Após usar um aparelho, deixá-lo limpo e organizado para o próximo utilitário. • Cuidar para que se mantenha limpo o local de trabalho, dando atenção para os cantos e para cima, pois ali se acumula muita sujeira. • Não jogar lixo ou papel no chão. • Dar destino adequado ao lixo, quando houver. Inclui-se ainda neste conceito, de um modo mais amplo, manter dados e informações atualizadas, procurar ser honesto no ambiente de trabalho e manter bom relacionamento com os colegas. Tudo isto é fundamental para a imagem (interna e externa) da empresa. [23] [24] 4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE CONCEITO: "MANTER UM AMBIENTE DE TRABALHO SEMPRE FAVORÁVEL A SAÚDE E HIGIENE". Também pode ser definido como Senso de Asseio e Integridade. Higiene é manutenção de limpeza, e ordem. Quem exige qualidade cuida também da aparência. Em um ambiente limpo, a segurança é maior. Quem não cuida bem de si mesmo não pode fazer ou vender produtos ou serviços de qualidade
  • 16. 16 O pessoal deve ter consciência da importância desta fase, tomando um conjunto de medidas: • Ter os três S's previamente implantados. • Capacitar o pessoal para avaliarem se os conceitos estão sendo aplicados realmente e corretamente. • Eliminar as condições inseguras de trabalho, evitando acidentes ou manuseios perigosos. • Humanizar o local de trabalho numa convivência harmônica. • Difundir material educativo sobre a saúde e higiene. • Respeitar os colegas como pessoas e como profissionais, • Colaborar, sempre que possível, com o trabalho do colega. • Cumprir horários, • Entregar documentos ou materiais requisitados no tempo hábil, • Não fumar em locais impróprios, etc. Ter a empresa limpa e asseada requer gastos com sistema e matérias de limpeza. Requer manutenção da ordem, da limpeza e principalmente disciplina. Cada membro da equipe deve ter consciência da importância de se trabalhar num local limpo e organizado. As vantagens são: • Melhor segurança e desempenho do pessoal. • Prevenção de danos à saúde dos que convivem no ambiente. • Melhor imagem da empresa internamente e externamente. • Elevação do nível de satisfação e motivação do pessoal para com o trabalho. Algumas medidas importantes e úteis nesta fase também podem ser colocar avisos ou instruções para evitar erros nas operações de trabalho, bem como designações, avisos e identificação dos equipamentos (recursos visuais). Quando importantes, os avisos devem ser vistos à distância, bem destacados e acessíveis a todos do setor.
  • 17. 17 É importante nesta fase conferir se o programa está sendo realmente implantado, verificando cada etapa, se o pessoal está preparado e motivado a cumprir o programa. [25] [26] 5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA CONCEITO: "fazer dessas atitudes um hábito, transformando os 5s's num modo de vida". Atitudes importantes: • Usar a criatividade no trabalho, nas atividades. • Melhorar a comunicação entre o pessoal no trabalho. • Compartilhar visão e valores, harmonizando as metas. • Treinar o pessoal com paciência e persistência, conscientizando-os para os 5s's . • De tempos em tempos aplicar os 5s's para avaliar os avanços. É importante cumprir os procedimentos operacionais e os padrões éticos da instituição, sempre buscando a melhoria. A autodisciplina requer a consciência e um constante aperfeiçoamento de todos no ambiente de trabalho. A consciência da qualidade é essencial. Com o tempo, a implantação do programa traz benefícios:
  • 18. 18 • Reduz a necessidade constante de controle. • Facilita a execução de toda e qualquer tarefa/operação. • Evita perdas oriundas de trabalho, tempo, utensílios, etc. • Traz previsibilidade do resultado final de qualquer operação. • Os produtos ficam dentro dos requisitos de qualidade, reduzindo a necessidade de controles, pressões, etc. [27] [28] 6º - SHIKARI YARO - SENSO DE DETERMINAÇÃO DE UNIÃO Irá pregar a participação dos gestores em parceria com a união de todos os colaboradores. As chaves do senso são motivação, liderança e comunicação. Um ponto importante é a transparência na condução da gestão onde os gestores devem definir formas para que todos se encaixem no processo para assim se ter um bom trabalho de equipe, buscando o comprometimento de todos e alcançando assim resultados previstos. Benefícios: - aumento da confiança dos colaboradores perante a organização; - maior compromisso dos colaboradores na busca de resultados; - melhora nas relações interpessoais ;
  • 19. 19 - retêm talentos. 7º - SHIDO - SENSO DE TREINAMENTO Visa o treinamento do profissional e educação do ser humano, permitindo qualificar o profissional e engrandecer o ser humano que passa a ter maior empregabilidade. No ambiente da administração moderna o ser humano deve ser considerado de maior valor, pois através dele é que a organização irá atingir resultados desejados. Benefícios: - maior empregabilidade; - desenvolvimento de talentos; - aumento da produtividade e resultados. 8º - SETSUYAKU - SENSO DE ECONOMIA E COMBATE AOS DESPERDÍCIOS Este senso irá ajudar nos resultados da empresa, reduzindo custos e aumentando a produtividade. Devem-se estimular os colaboradores para que criem novas alternativas de redução de perdas de materiais e serviços, dando a eles noção da realização do trabalho com qualidade, contribuindo com a prática da reciclagem e com o meio ambiente. Benefícios: - economia para a empresa com a redução dos desperdícios de materiais e serviços; - redução de horas extras; - reeducação das práticas de aquisição de materiais;
  • 20. 20 - preservação do meio ambiente. 9º - SHISEI RINRI - SENSO DOS PRINCÍPIOS MORAIS E ÉTICOS Ter ética e ser capaz de voltar esforços para objetivos mais nobres e importantes da empresa. A empresa deve definir padrões de conduta, para que cada empregado saiba o que é certo e o que é errado. Benefícios: - Colaboradores mais compromissados com os resultados da empresa, com atitudes éticas perante os clientes, acionistas, fornecedores e com as equipes de trabalho da qual fazem parte. 10º - SEKININ SHAKAI - SENSO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL A responsabilidade social vai muito mais além dos pagamentos de impostos, tributos e cumprimento de legislação trabalhista e ambiental. A empresa e seus funcionários devem ter um compromisso com a sociedade. Incentivo da empresa juntamente com seus funcionários para realização de trabalho voluntário, atendendo entidades carentes. Benefícios: - melhora da imagem perante a sociedade e órgãos governamentais; - maior produtividade dos empregados; - transparência nas ações com os clientes, colaboradores, acionistas, fornecedores e a sociedade; - participação do crescimento sócio - econômico da população; - preservação do meio ambiente. [29]
  • 21. 21 DICAS PARA A PRÁTICA DO MÉTODO 5S: Cada pessoa deve saber diferenciar o útil do inútil. Só o que tem utilidade certa deve estar disponível. Eliminando-se o que não é útil, você pode se concentrar apenas no que é útil. Dê atenção a tudo que estiver dentro de seu ambiente de trabalho (máquinas, ferramentas, estoques, móveis, papéis, etc.) e defina o que é necessário através de instruções claras para que todos possam separar o útil do inútil. Algumas perguntas podem ser elaboradas para direcionar o processo: 1. O que pode ser jogado fora e o que deve ser guardado? 2. O que pode ser útil para outro setor? 3. O que pode ser consertado? 4. É possível trabalhar de forma mais econômica, racionalizando o tempo? Após colocar em um local determinado aquilo que será descartado, convide as pessoas de outros setores para que escolham, entre os itens disponíveis, o que de fato lhes interessar. Analisar como as coisas estão guardadas, onde e por quê. Arrumação é importante para agilizar o acesso aos documentos e outras coisas em seus devidos lugares. Administrar bem o patrimônio da instituição é essencial, principalmente no que se refere à organização e identificação de: • Laudos, • Relatórios, • Atas, • Documentos em geral, • Pareceres, • Dados estatísticos,
  • 22. 22 • Arquivos e pastas de documentos. Sempre que possível, eliminar ou diminuir o processo burocrático de ações ou documentos, procurando aproveitar o tempo e economizar trabalho desnecessário. Cada um deve ficar responsável pelo seu espaço, sem prejudicar o espaço do outro. Sempre se deve questionar se algo está bom o suficiente ou se é possível ser melhorado. Estoques e utensílios de trabalho: Para haver corretas armazenagem, organização e identificação, devem ser feitas algumas perguntas: 1. É possível reduzir os estoques? 2. O que está à mão precisa mesmo estar ali? 3. Os nomes das coisas estão padronizados? 4. Qual o melhor local para cada coisa e por quê? 5. O que é necessário está à mão? Levante sugestões para a melhoria e limpeza do local de trabalho. Marque, se possível, o dia da limpeza definido, para que todos se organizem. É importante que todos participem, fazendo a limpeza básica em conjunto, jogando papéis fora, fazendo pequenos consertos, etc.. Compartilhe ideias com os colegas, discuta as alternativas propostas e valorize o trabalho de cada um. O que deve ser verificado e avaliado para elaboração de um ambiente organizado e propício, com a metodologia 5S implantada: 1. Apresentação dos colaboradores devem se apresentar com boa aparência usando trajes limpos, não rasgados. 2. Piso e área externa ao setor (corredores) devem estar limpos, secos e organizados, sem acúmulo de materiais e sucatas, devem possuir linhas demarcando as áreas de circulação.
  • 23. 23 3. Higiene = O ambiente deve estar limpo, sem acúmulo de materiais orgânicos ou inorgânicos. Devem estar livres também de materiais/ equipamentos que provoquem contaminação química. O pessoal deve cuidar da higiene pessoal e usar os devidos equipamentos de segurança (onde aplicáveis), para garantir a integridade física. É importante também o cuidado com as máquinas, aparelhos, equipamentos e utensílios. As dicas de prática do método 5S devem tornar-se hábitos na instituição, entre os colaboradores, em todos os setores para que o programa seja mantido e o controle fique mais fácil. Em cada etapa, é essencial que o método seja verificado, a implantação tem de estar em constante verificação; isto também e importante para a próxima fase, pois são todas interligadas. A última etapa de uma série é o ponto de partida para a primeira etapa da próxima. A fase de autodisciplina, principalmente é uma das mais importantes e cruciais do programa, pois é a fase em cada um dos envolvidos terá que desenvolver seu próprio senso de ordenação e assumir o compromisso com a metodologia. E com suas atividades cada um fazendo a sua parte contribui para o desenvolvimento de todo o programa e a manutenção da qualidade. Cada um deve estar ciente de suas responsabilidades, ter suas funções definidas e ser treinados para que haja eficiência na prestação dos serviços, segurança no local de trabalho e incentivo à capacidade criativa. [30]
  • 24. 24 ROTEIRO SUGESTIVO PARA IMPLANTAR O 5S: 1ª etapa: equipe de implantação Formada por três pessoas, no mínimo, de diferentes setores da instituição e uma pessoa da alta administração. A equipe tem que ter disponibilidade para conduzir o processo, orientar, esclarecer dúvidas e fazer visitas rotineiras de acompanhamento. 2ª etapa: Planejamento Equipe de implantação pode elaborar um cronograma, um plano de orientação, determinar as ferramentas que serão utilizadas e dividir as atividades. As tarefas e as responsabilidades devem ser distribuídas e todos devem se comprometer com os prazos de cumprimento. 3ª etapa: Fotos e registros É importante registrar a situação atual da organização, em todas as áreas, especialmente onde forem percebidas necessidades de melhoria. Posteriormente, a equipe deve se reunir e discutir as falhas, as ações corretivas, dar sugestões de melhoria baseadas nas fotos. É importante a opinião de cada um, principalmente por que pertencem a áreas diferentes na empresa. 4ª etapa: Reunião A equipe pode convidar o pessoal da instituição para uma reunião, compartilhar os dados e mostrar o compromisso e a disposição para implantar o método. Nesta
  • 25. 25 reunião, a equipe pode iniciar o trabalho de conscientização do pessoal, da importância do programa 5S para a melhoria do trabalho. A equipe também pode explicar os objetivos do trabalho, mostrar as vantagens do programa e os benefícios. 5ª Etapa: Implantação Após esta reunião de sensibilização do pessoal com a equipe responsável, o programa começa a ser efetivamente implantado. As responsabilidades são divididas de acordo com as áreas de trabalho, bem como os mapas de acompanhamento do trabalho. Em casa fase, o pessoal envolvido deve se reunir para definir as atividades, esclarecer as dúvidas, citar exemplos, etc. A interação da equipe com o pessoal envolvido é importante, para que não fiquem dúvidas a respeito do programa e para que tudo corra bem na fase seguinte. 6ª Etapa: Acompanhamento A equipe organizadora planeja e se organiza para fazer visitas nas áreas de implantação com pelo menos um membro da equipe organizadora supervisionando a visita. Nas visitas, os quesitos necessários para a implantação do programa devem ser acordados, conforme a orientação do colaborador. Os pontos positivos, como os negativos devem ser apontados, pois o pessoal deve ser motivado a seguir as orientações. O ideal é que a equipe faça um mapa de acompanhamento mensal para verificar os benefícios, os resultados, as mudanças. É essencial que todos sigam o programa, desde os gerentes e diretores aos técnicos de apoio. Com o tempo, cada integrante vai diagnosticar a importância dos conceitos e de sua aplicação, tornando a metodologia um hábito no trabalho. Dessa forma, o sistema vai se consolidando, junto com o Sistema da Qualidade. Os técnicos e colaboradores novos, que forem se incorporando à empresa, também se habituarão a aplicar os conceitos, uma vez que entrarem num sistema já implantado. A gerência, setor ou empresa deve também se responsabilizar por planejar reuniões periódicas com os membros da equipe para verificar como está sendo
  • 26. 26 seguida cada fase do programa e as melhorias que podem ser feitas. Isso garante a motivação em sempre manter o hábito da metodologia e a manutenção do programa sempre implantado. Os treinamentos dos membros da equipe, técnicos e colaboradores, deve ser periódico e o acompanhamento deve ser constante. Com os novos treinamentos, a equipe pode verificar os resultados, avaliações do pessoal, as melhoras e o que ainda pode ser feito. Também é uma oportunidade de reciclagem dos conhecimentos de cada um e harmonização da equipe. CUSTO DE IMPLANTAÇÃO DO MÉTODO 5S: O custo para a implantação do programa não é alto e os recursos podem ser alocados do orçamento da empresa ou do setor. De acordo depoimentos de instituições em que com o método já foi implantado ou está em implantação, não houve dificuldades para o custeio ou necessidades de compra excessiva de itens. Algumas fases podem ter o custo mais elevado que outras, o que dependerá também do número de pessoas envolvidas no processo, do nível de compromisso da equipe, da estrutura física e da situação atual da empresa. Quanto mais rápido o pessoal se mobilizar para implantar o programa e se dedicar, menores serão tempo e gastos para implantar. IDÉIAS PRINCIPAIS DO MÉTODO 5S: '“Se você sabe e não faz, é como se você não soubesse”. "Os três primeiros Ss, ou seja, as três primeiras fases são a base para o sucesso da implantação do programa."
  • 27. 27 "Ordenar é identificar." "O ambiente mais limpo não é o que mais se limpa, e sim o que menos se suja." "Organização do pessoal reflete organização do ambiente." "Todo o trabalho tem de ser feito em equipe." "A tolerância também é uma ferramenta de trabalho, desde que usada na medida [31] certa". [32] [33] ANALISE CRITICA Nagazaki 09 de Agosto de 1945, após ataque e, o Nagazaki 09 de Agosto de 2012, lembrando os 67 que sobrou de um Templo. anos do ataque nuclear. [34] [35] Hiroshima 06 de Agosto de [36] 2012, lembrando os 67 anos do ataque nuclear. Manifestos contra armas nucleares, lembrando os Uma das partes do arco do 67 anos do ataque. (09/08/2012) templo em Nagazaki. [37] [38] Hiroshima 06 de Agosto de 1945, após ataque e, o que "Cúpula Genbaku", ou "Cúpula da Bomba Atómica", a 150 m restou da cidade. do hipocentro da explosão. Em 1966, Hiroshima declarou a intenção de preservar a ruína que foi chamada de Memorial da Paz de Hiroshima e foi tornada Patrimônio Mundial pela UNESCO em Dezembro de 1996, decisão que enfrentou objeções dos E.U.A. e da China
  • 28. 28 [39] [40] ANALISE CRITICA Nagazaki em 2012 Boulevard da Paz, Hiroshima em 2012 [42] [41] [43] 6] Como surgiu o método dos 5 sensos 1 o S - SEIRI - SENSO DE UTILIZAÇÃO [45] [44] 2 o S - SEITON - SENSO DE ARRUMAÇÃO 3 o S - SEISO - SENSO DE LIMPEZA [46] [47] 4 o S - SEIKETSU - SENSO DE SAÚDE E HIGIENE 5 o S - SHITSUKE - SENSO DE AUTODISCIPLINA
  • 29. 29 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA [01] http://www.demc.ufmg.br/gestao/Apostila5S.pdf [02] http://dererummundi.blogspot.com.br/2011/09/fisica-nuclear-de-rutherford- bomba.html [03] http://human-wrongs-watch.net/2012/08/07/10415/ [04] http://kaoruishikawa-calidad.blogspot.com.br/ [05] https://lh4.googleusercontent.com/-zjopk3bto8Y/UIgM31key1I/AAAAA AAAB0k/g7J_Xu_K_TU/s989/DIAGRAMA+DE+CAUSA+E+EFEITO+E+M%C 3%89TODO+6+M.png [06] http://www.stratocam.com/s/1015028 [07] http://www.meionorte.com/noticias/internacional/japao-relembra-66-anos-da- bomba-atomica-que-arrasou-hiroshima-140387.html [08] https://lh6.googleusercontent.com/-sYPL_s4VEyk/UIgNIJjYbfI/AAAAA AAAB1M/oqtNRkWVzVE/s731/HIROSHIMA+E+NAGAZAKI+2012.png [09] http://qualidadeonline.wordpress.com/2009/12/18/certificacao-do-programa-5- s/ [10] http://www.simplessolucoes.com.br/blog/2009/04/page/2/ [11] http://mmantovani.wordpress.com/artigos/trabalho-programa-5s/
  • 30. 30 [12] http://www.anvisa.gov.br/reblas/procedimentos/metodo_5S.pdf [13] http://jannisilva.blogspot.com.br/2011/05/10-s-evolucao-do-5-s-resumo.html [14] http://www.infobarrel.com/Media/5S_Seiton_and_Seiri [15] http://www.infobarrel.com/Media/5S_Seiton_and_Seiri [16] https://lh3.googleusercontent.com/-OU-DZZaHuS4/UIgM5_BhdeI/AAAAA AAAB0s/ui8Q92koToc/s989/MANEIRA+HABITUAL+E+MANEIRA+CORRETA +DE+PENSAR.png [17] http://www.demc.ufmg.br/gestao/Apostila5S.pdf [18] https://lh4.googleusercontent.com/-jkKLkAglTuc/UIgND_P_56I/AAAAA AAAB08/PgfI9J9lIVY/s863/MANTER+E+MELHORAR.png [19] https://lh3.googleusercontent.com/-7SpppEKe9q0/UIgM1nTHI5I/AAAAA AAAB0E/LrmRsOYxXi4/s407/01++S+-+SEIRI+-+SENSO+DE+UTILIZA %C3%87%C3%83O.png [20] http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html [21] https://lh3.googleusercontent.com/-Q67qQ0kPqq0/UIgM1oOpMDI/AAAAA AAABz8/OB-ot42fOz4/s407/02++S+-+SEITON+-+SENSO+DE+ORDENA %C3%87%C3%83O.png [22] http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html [23] https://lh4.googleusercontent.com/-fTMGBaR6q10/UIgM1qu89XI/AAAAA AAAB0A/fmrU7hn0xwE/s407/03++S+-+SEISO+-+SENSO+DE+LIMPEZA.png [24] http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html
  • 31. 31 [25] https://lh6.googleusercontent.com/-6Y3Ipz3QhkE/UIgM2B4Mo3I/AAAAA AAAB0Q/aGHMI5jkDlc/s407/04++S+-+SEIKETSU+-+SENSO+DE +SA%C3%9ADE.png [26] http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html [27] https://lh3.googleusercontent.com/-4FFnkRR8lAw/UIgM2Ua4_MI/AAAAA AAAB0Y/qkJ98hGjk8c/s407/05++S+-+SHITSUKE+-+SENSO+DE+ AUTODISCIPLINA.png [28] http://esprocbperecme.blogspot.com.br/2011/04/getao-de-qualidade-5s.html [29] http://engenhariadeproducaoindustrial.blogspot.com.br/2009/12/programa-10- s.html [30] https://lh6.googleusercontent.com/-hO9qKZ9fDS0/UIgNGaWLK4I/AAAAA AAAB1E/01bm0urAYL4/s609/OS+DEZ+MANDAMENTOS+DO+5S.png [31] http://www.anvisa.gov.br/reblas/procedimentos/metodo_5S.pdf [32] http://wordsofleisure.com/2011/08/09/hojealgum-tempo-atras-bombardeio- nagasaki/ [33] http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/08/nagasaki-lembra-o-67-aniversario- do-bombardeio-atomico.html [34] http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2012-08-06/japao-recorda-67-anos-da- bomba-de-hiroshima.html [35] http://br.noticias.yahoo.com/hiroshima-lembra-67-anos-bomba- at%C3%B4mica-pleno-debate-104607890.html [36] http://en.wikipedia.org/wiki/File:Nagasaki_One_Legged_Torii_C1946.jpg
  • 32. 32 [37] http://www.imageblogs.org/hiroshima-and-its-view-after-boom-blast [38] https://lh6.googleusercontent.com/--UL8w3g90oc/UIgRE7xzrOI/AAAAA AAAB10/vI8TRZ5djDM/s868/KAORU+ISHIKAWA+E+MONUMENTO+DA+PA Z%2C+HIROSHIMA.png [39] http://www.travel-pictures-gallery.com/japan/nagasaki/nagasaki-0001.html [40] http://theurbanearth.wordpress.com/2010/01/30/10-ruas-que-o-mundo-adora/ [41] https://lh4.googleusercontent.com/-yUJizIEophg/UIgNOgEeM9I/AAAAA AAAB1U/gFKvF7-Dlo4/s539/OS+5+SENSOS.png [42] http://mmantovani.wordpress.com/artigos/trabalho-programa-5s/ [43] http://fengshuieboasenergias.blog.terra.com.br/page/3/ [44] http://www.joli.com.br/blog/index.php/2012/06/20/escritorio-em-casa/ [45] https://picasaweb.google.com/lh/photo/K0FEpv0jL3ez2BzGvZ048hVqaWO7q T9PWhcwos32IIE [46] http://www.blogers.com.br/higiene-corporal-e-saude/ [47] https://lh5.googleusercontent.com/-U6H1zvwOzfA/UIgM_Glm36I/AAAAA AAAB00/x8AhxAhYAIY/s938/AUTODISCIPLINA.png