SlideShare uma empresa Scribd logo
Os conectivos: preposição,
conjunção,interjeição
• Preposições: ligam palavras e orações,
isoladamente NÃO possuem função sintática,
possuem na frase um valor semântico.
• A função da preposição é subordinar um termo
ao outro.
Ex: O chefe da nação sentiu-se ameaçado.
Classificação das preposições
As preposições podem ser:
• Essenciais – a, ante, até, após, com, contra, de
desde, em, entre, para, perante, por,sem, sob, sobre.
• Acidentais – afora, consoante, durante, exceto, fora,
mediante, salvo, senão, visto.
• Locuções Prepositivas – ao lado de, antes de, além de,
com respeito a (...) *Na LP, a última palavra sempre é uma
preposição.
Exemplos: Lutou contra mim.
Confiava a mim seus segredos.
Todos comeram, salvo tu.
Relações semânticas da preposição
• As preposições podem exprimir vários sentidos:
1- Modo – Comeu um bife a cavalo.
2- Preço – A casa foi avaliada em 1 bilhão.
3- Direção – Atirou-se sobre o herói.
4- Companhia – Foram viajar com os amigos.
5- Instrumento – Martelava com o ferro.
6- Procedência – Vim de Paris.
7- Assunto – Falou sobre linguística.
8- Tempo – Por dez anos vivi em Londres.
9- Lugar – Cantava pelos bares da vida.
10- Posição inferior – O livro estava sob a carteira.
11- Posição superior – O livro estava sobre a carteira.
Coesão e preposição
• Confio em você.
regente regido
Observe:
• Dá-se chance a garoto com curso primário completo,
que saiba conversar com adultos, de cuidar de enfermos
em descanso na praia.
(Quando o termo regente está distante do termo regido há
problemas de coesão).
PREPOSIÇÃO
• É a palavra invariável que liga dois termos. Nessa
ligação, há uma relação de subordinação
(dependência) em que o segundo termo se
subordina ao primeiro.
• Ex: Voltei para Campinas ontem.
• Voltei = termo regente
para = preposição
Campinas = termo subordinado
A relação se sentido estabelecida entre o termo
regente e o termo subordinado é LUGAR.
Continuação...
• Preposições essenciais (aquelas que sempre foram
preposições):
• A, ante, após, até, com, contra, de, desde, em, entre,
para, per, perante, por, sem, sob, sobre, trás.
• Preposições acidentais (aquelas que passam a ser
preposições, mas são provenientes de outras
classes gramaticais):
• Conforme, consoante, segundo, durante,mediante,
como, salvo, fora, que etc.
Continuação...
• Principais relações estabelecidas pela
preposição:
• Autoria: Música de Caetano Veloso.
• Lugar: Estava na escola.
• Tempo: Dormi desde às dez horas.
• Modo: Chegar aos gritos.
• Causa: morreu de medo.
• Assunto: Falamos sobre economia.
Continuação...
• Finalidade: Estudou para passar de ano.
• Instrumento: Escreveu a lápis.
• Companhia: Saiu com os amigos.
• Meio: Viajou de trem.
• Matéria: Casa de madeira.
• Posse: Festa do João.
• Oposição: O São Paulo jogou contra o
Flamengo.
Continuação...
• Conteúdo: Copo de vinho.
• Preço: Vendeu a prazo.
• Origem: Descende de família humilde.
• Destino: Ir a Roma.
• Distância: Fica a duas quadras daqui.
• Limite: Vá até a escola.
Locução Prepositiva
• É o conjunto de duas ou mais palavras com valor de preposição.
• Ex: Não estou a par do assunto.
• Principais locuções prepositivas:
• Abaixo de além de acerca de
• Acima de antes de a par de
• A fim de diante de depois de
• Apesar de graças a junto a
• Ao invés de diante de em via de
• Em vez de junto de
• Defronte de através de
• De encontro a em frente de
• Sob pena de a respeito de
Combinação e Contração
• Combinação: quando a preposição não sofre
perda e fonema.
• Fomos ao teatro.
• Contração : quando a preposição sofre perda de
fonema.
• Festa da Marcela.
• Da = de + a (preposição “de” + artigo “a”).
PREPOSIÇÃO
21/02/2020 14
Prepara uma estrutura que completa ou assessora uma
determinada passagem do texto.
a, ante,após, até, com, contra, de, desde,
em, entre, para, perante, por,
sem, sobre, sob, trás
Única preposição que pode
estar ao lado da preposição a.
Na linguagem coloquial é
usado com valor de contra.
PREPOSIÇÃO
21/02/2020 15
A preposição pode iniciar:
Temos saudades de você.COMPLEMENTO
NOMINAL
Nós todos falamos com o chefe.OBJETO
INDIRETO
Joguei futebol em fins de semana.ADJUNTO
ADVERBIAL
21/02/2020 16
Relações sintáticas das preposições
Qual a função das locuções marcadas iniciadas pelas preposições?
Pude notar a grande necessidade de verbas.
Nós nunca nos referimos à omissão do chefe.
A recaptura dos apenados foi muito importante.
Compramos ontem o livro de biologia.
Só encontramos o apartamento à tardinha.
Em tempos difíceis, as pessoas crescem.
As vítimas de crimes têm sede de justiça.
21/02/2020 17
Relações sintáticas das preposições
Qual a função das locuções marcadas iniciadas pelas preposições?
Pude notar a grande necessidade de verbas. Complemento nominal
Nós nunca nos referimos à omissão do chefe. Objeto indireto
A recaptura dos apenados foi muito importante. Complemento nominal
Compramos ontem o livro de biologia. Complemento nominal
Só encontramos o apartamento à tardinha. Adjunto adverbial
Em tempos difíceis, as pessoas crescem. Adjunto adverbial
As vítimas de crimes têm sede de justiça. Complemento nominal
Relações sintáticas das locuções com preposição
21/02/2020 18
Objeto Indireto
O plano de desenvolvimento
governamental tem levado muitos
adversários políticos ao desespero.
Alguns políticos da oposição nunca
produzem estudos sérios de melhoria
para a vida da população e ainda
promovem à população dificuldades. A
atitude, de que precisamos, é uma
ação que possa melhorar aos poucos
a vida do povo e não garantir as
verbas, que eles mesmos destinam aos
seus próprios bolsos.
Qual a função das locuções marcadas iniciadas pelas preposições?
Complemento nominal
Complemento
nominal
Objeto
Indireto
Complemento nominal
Complemento nominal
Objeto
Indireto
Complemento nominal
Adjunto adverbial
Objeto Indireto

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
Carolina Loçasso Pereira
 
Slide aposto
Slide   apostoSlide   aposto
Slide aposto
Matheus Augusto
 
Classes gramaticais
Classes gramaticais Classes gramaticais
Classes gramaticais
iamraphael
 
Regencia verbal
Regencia verbalRegencia verbal
Regencia verbal
Marioribeiromorais
 
Forma nominal
Forma nominalForma nominal
Forma nominal
Flávio Ferreira
 
Semantica
SemanticaSemantica
Semantica
Lucas Budal
 
Flexão do advérbio
Flexão do advérbioFlexão do advérbio
Flexão do advérbio
Faell Vasconcelos
 
Substantivo
SubstantivoSubstantivo
Substantivo
Sebastião Herodes
 
Adverbio
AdverbioAdverbio
Adverbio
Karla Costa
 
8ano lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo
8ano   lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo8ano   lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo
8ano lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo
Flávio Ferreira
 
Fonética
FonéticaFonética
Fonética
Marco Barreto
 
Processos de formação de palavras - parte 1
Processos de formação de palavras - parte 1Processos de formação de palavras - parte 1
Processos de formação de palavras - parte 1
Karen Olivan
 
Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
Ana Castro
 
Os sinais de pontuação
Os sinais de pontuaçãoOs sinais de pontuação
Os sinais de pontuação
bloggerfph
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
Aline Castro
 
Port modos e_tempos_verbais
Port modos e_tempos_verbaisPort modos e_tempos_verbais
Port modos e_tempos_verbais
Flávio Ferreira
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
Sabrina Paiva
 
Acentuacao
AcentuacaoAcentuacao
Acentuacao
Flávio Ferreira
 
Hifen
HifenHifen
Sinônimos e antônimos
Sinônimos e antônimosSinônimos e antônimos
Sinônimos e antônimos
Samilly de Paula
 

Mais procurados (20)

Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Slide aposto
Slide   apostoSlide   aposto
Slide aposto
 
Classes gramaticais
Classes gramaticais Classes gramaticais
Classes gramaticais
 
Regencia verbal
Regencia verbalRegencia verbal
Regencia verbal
 
Forma nominal
Forma nominalForma nominal
Forma nominal
 
Semantica
SemanticaSemantica
Semantica
 
Flexão do advérbio
Flexão do advérbioFlexão do advérbio
Flexão do advérbio
 
Substantivo
SubstantivoSubstantivo
Substantivo
 
Adverbio
AdverbioAdverbio
Adverbio
 
8ano lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo
8ano   lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo8ano   lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo
8ano lg - nalva - 3 - 2 - 8 a revisaomorfo
 
Fonética
FonéticaFonética
Fonética
 
Processos de formação de palavras - parte 1
Processos de formação de palavras - parte 1Processos de formação de palavras - parte 1
Processos de formação de palavras - parte 1
 
Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
 
Os sinais de pontuação
Os sinais de pontuaçãoOs sinais de pontuação
Os sinais de pontuação
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
 
Port modos e_tempos_verbais
Port modos e_tempos_verbaisPort modos e_tempos_verbais
Port modos e_tempos_verbais
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
 
Acentuacao
AcentuacaoAcentuacao
Acentuacao
 
Hifen
HifenHifen
Hifen
 
Sinônimos e antônimos
Sinônimos e antônimosSinônimos e antônimos
Sinônimos e antônimos
 

Semelhante a Preposicao 1

7.7 preposições
7.7   preposições7.7   preposições
7.7 preposições
Ivana Mayrink
 
3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf
3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf
3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf
Valdimiro Cardoso
 
PREPOSIÇÃO.pptx
PREPOSIÇÃO.pptxPREPOSIÇÃO.pptx
PREPOSIÇÃO.pptx
Caroline Assis
 
Preposicao[1]
Preposicao[1]Preposicao[1]
Preposicao
PreposicaoPreposicao
Preposicao
Aline Castro
 
Morofologia - Preposicao
Morofologia - PreposicaoMorofologia - Preposicao
Morofologia - Preposicao
Sadrak Silva
 
Os conectivos preposição, conjunção,interjeição .ppt
Os conectivos preposição, conjunção,interjeição    .pptOs conectivos preposição, conjunção,interjeição    .ppt
Os conectivos preposição, conjunção,interjeição .ppt
rosarialinha32
 
Preposição
PreposiçãoPreposição
Preposição
nixsonmachado
 
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria IPreposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
Tio Hatiro
 
Slide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptx
Slide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptxSlide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptx
Slide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptx
IgoSantos5
 
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..pptAs preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
JuanPablo426784
 
Preposicao cópia
Preposicao   cópiaPreposicao   cópia
Preposicao cópia
Diego Prezia
 
Reforma ortográfica e dicas escrita.
Reforma ortográfica e dicas escrita.Reforma ortográfica e dicas escrita.
Reforma ortográfica e dicas escrita.
Vinicius Selbach
 
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..pptAs preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
Luana Lopes Martins
 
Conjunção semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011
Conjunção   semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011Conjunção   semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011
Conjunção semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011
Caroline Lucena da Silva
 
O Substantivo
 O Substantivo O Substantivo
O Substantivo
Milena Silva
 
classes-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptx
classes-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptxclasses-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptx
classes-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptx
ElizabethFreitas20
 
morfologia portuguesa, classes de palavras
morfologia portuguesa, classes de palavrasmorfologia portuguesa, classes de palavras
morfologia portuguesa, classes de palavras
NdilaIrineu
 
10 classes gramaticais.pptx
10 classes gramaticais.pptx10 classes gramaticais.pptx
10 classes gramaticais.pptx
CristianeMedeiros29
 
Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]
Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]
Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]
juliabd
 

Semelhante a Preposicao 1 (20)

7.7 preposições
7.7   preposições7.7   preposições
7.7 preposições
 
3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf
3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf
3ª ano - As preposições e sua construção de sentidos no texto..pdf
 
PREPOSIÇÃO.pptx
PREPOSIÇÃO.pptxPREPOSIÇÃO.pptx
PREPOSIÇÃO.pptx
 
Preposicao[1]
Preposicao[1]Preposicao[1]
Preposicao[1]
 
Preposicao
PreposicaoPreposicao
Preposicao
 
Morofologia - Preposicao
Morofologia - PreposicaoMorofologia - Preposicao
Morofologia - Preposicao
 
Os conectivos preposição, conjunção,interjeição .ppt
Os conectivos preposição, conjunção,interjeição    .pptOs conectivos preposição, conjunção,interjeição    .ppt
Os conectivos preposição, conjunção,interjeição .ppt
 
Preposição
PreposiçãoPreposição
Preposição
 
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria IPreposição - Auxiliar de Promotoria I
Preposição - Auxiliar de Promotoria I
 
Slide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptx
Slide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptxSlide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptx
Slide aula 06 - Morfologia - interjeição e preposições.pptx
 
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..pptAs preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
 
Preposicao cópia
Preposicao   cópiaPreposicao   cópia
Preposicao cópia
 
Reforma ortográfica e dicas escrita.
Reforma ortográfica e dicas escrita.Reforma ortográfica e dicas escrita.
Reforma ortográfica e dicas escrita.
 
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..pptAs preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
As preposições e sua construção de sentidos no texto..ppt
 
Conjunção semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011
Conjunção   semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011Conjunção   semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011
Conjunção semântica - 1º ano reg - 13, 14out2011
 
O Substantivo
 O Substantivo O Substantivo
O Substantivo
 
classes-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptx
classes-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptxclasses-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptx
classes-gramaticais-111118200509-phpapp01.pptx
 
morfologia portuguesa, classes de palavras
morfologia portuguesa, classes de palavrasmorfologia portuguesa, classes de palavras
morfologia portuguesa, classes de palavras
 
10 classes gramaticais.pptx
10 classes gramaticais.pptx10 classes gramaticais.pptx
10 classes gramaticais.pptx
 
Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]
Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]
Preposi%c3%a7%c3%b5es+e+locu%c3%a7%c3%b5es+prepositivas[1]
 

Último

CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
NatySousa3
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Danielle Fernandes Amaro dos Santos
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
Giovana Gomes da Silva
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
1000a
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptxForças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
Forças e leis de Newton 2024 - parte 1.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdfPowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
PowerPoint Newton gostava de Ler - Saber em Gel.pdf
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 

Preposicao 1

  • 1. Os conectivos: preposição, conjunção,interjeição • Preposições: ligam palavras e orações, isoladamente NÃO possuem função sintática, possuem na frase um valor semântico. • A função da preposição é subordinar um termo ao outro. Ex: O chefe da nação sentiu-se ameaçado.
  • 2. Classificação das preposições As preposições podem ser: • Essenciais – a, ante, até, após, com, contra, de desde, em, entre, para, perante, por,sem, sob, sobre. • Acidentais – afora, consoante, durante, exceto, fora, mediante, salvo, senão, visto. • Locuções Prepositivas – ao lado de, antes de, além de, com respeito a (...) *Na LP, a última palavra sempre é uma preposição. Exemplos: Lutou contra mim. Confiava a mim seus segredos. Todos comeram, salvo tu.
  • 3. Relações semânticas da preposição • As preposições podem exprimir vários sentidos: 1- Modo – Comeu um bife a cavalo. 2- Preço – A casa foi avaliada em 1 bilhão. 3- Direção – Atirou-se sobre o herói. 4- Companhia – Foram viajar com os amigos. 5- Instrumento – Martelava com o ferro. 6- Procedência – Vim de Paris. 7- Assunto – Falou sobre linguística. 8- Tempo – Por dez anos vivi em Londres. 9- Lugar – Cantava pelos bares da vida. 10- Posição inferior – O livro estava sob a carteira. 11- Posição superior – O livro estava sobre a carteira.
  • 4. Coesão e preposição • Confio em você. regente regido Observe: • Dá-se chance a garoto com curso primário completo, que saiba conversar com adultos, de cuidar de enfermos em descanso na praia. (Quando o termo regente está distante do termo regido há problemas de coesão).
  • 5.
  • 6. PREPOSIÇÃO • É a palavra invariável que liga dois termos. Nessa ligação, há uma relação de subordinação (dependência) em que o segundo termo se subordina ao primeiro. • Ex: Voltei para Campinas ontem. • Voltei = termo regente para = preposição Campinas = termo subordinado A relação se sentido estabelecida entre o termo regente e o termo subordinado é LUGAR.
  • 7. Continuação... • Preposições essenciais (aquelas que sempre foram preposições): • A, ante, após, até, com, contra, de, desde, em, entre, para, per, perante, por, sem, sob, sobre, trás. • Preposições acidentais (aquelas que passam a ser preposições, mas são provenientes de outras classes gramaticais): • Conforme, consoante, segundo, durante,mediante, como, salvo, fora, que etc.
  • 8. Continuação... • Principais relações estabelecidas pela preposição: • Autoria: Música de Caetano Veloso. • Lugar: Estava na escola. • Tempo: Dormi desde às dez horas. • Modo: Chegar aos gritos. • Causa: morreu de medo. • Assunto: Falamos sobre economia.
  • 9. Continuação... • Finalidade: Estudou para passar de ano. • Instrumento: Escreveu a lápis. • Companhia: Saiu com os amigos. • Meio: Viajou de trem. • Matéria: Casa de madeira. • Posse: Festa do João. • Oposição: O São Paulo jogou contra o Flamengo.
  • 10. Continuação... • Conteúdo: Copo de vinho. • Preço: Vendeu a prazo. • Origem: Descende de família humilde. • Destino: Ir a Roma. • Distância: Fica a duas quadras daqui. • Limite: Vá até a escola.
  • 11. Locução Prepositiva • É o conjunto de duas ou mais palavras com valor de preposição. • Ex: Não estou a par do assunto. • Principais locuções prepositivas: • Abaixo de além de acerca de • Acima de antes de a par de • A fim de diante de depois de • Apesar de graças a junto a • Ao invés de diante de em via de • Em vez de junto de • Defronte de através de • De encontro a em frente de • Sob pena de a respeito de
  • 12. Combinação e Contração • Combinação: quando a preposição não sofre perda e fonema. • Fomos ao teatro. • Contração : quando a preposição sofre perda de fonema. • Festa da Marcela. • Da = de + a (preposição “de” + artigo “a”).
  • 13.
  • 14. PREPOSIÇÃO 21/02/2020 14 Prepara uma estrutura que completa ou assessora uma determinada passagem do texto. a, ante,após, até, com, contra, de, desde, em, entre, para, perante, por, sem, sobre, sob, trás Única preposição que pode estar ao lado da preposição a. Na linguagem coloquial é usado com valor de contra.
  • 15. PREPOSIÇÃO 21/02/2020 15 A preposição pode iniciar: Temos saudades de você.COMPLEMENTO NOMINAL Nós todos falamos com o chefe.OBJETO INDIRETO Joguei futebol em fins de semana.ADJUNTO ADVERBIAL
  • 16. 21/02/2020 16 Relações sintáticas das preposições Qual a função das locuções marcadas iniciadas pelas preposições? Pude notar a grande necessidade de verbas. Nós nunca nos referimos à omissão do chefe. A recaptura dos apenados foi muito importante. Compramos ontem o livro de biologia. Só encontramos o apartamento à tardinha. Em tempos difíceis, as pessoas crescem. As vítimas de crimes têm sede de justiça.
  • 17. 21/02/2020 17 Relações sintáticas das preposições Qual a função das locuções marcadas iniciadas pelas preposições? Pude notar a grande necessidade de verbas. Complemento nominal Nós nunca nos referimos à omissão do chefe. Objeto indireto A recaptura dos apenados foi muito importante. Complemento nominal Compramos ontem o livro de biologia. Complemento nominal Só encontramos o apartamento à tardinha. Adjunto adverbial Em tempos difíceis, as pessoas crescem. Adjunto adverbial As vítimas de crimes têm sede de justiça. Complemento nominal
  • 18. Relações sintáticas das locuções com preposição 21/02/2020 18 Objeto Indireto O plano de desenvolvimento governamental tem levado muitos adversários políticos ao desespero. Alguns políticos da oposição nunca produzem estudos sérios de melhoria para a vida da população e ainda promovem à população dificuldades. A atitude, de que precisamos, é uma ação que possa melhorar aos poucos a vida do povo e não garantir as verbas, que eles mesmos destinam aos seus próprios bolsos. Qual a função das locuções marcadas iniciadas pelas preposições? Complemento nominal Complemento nominal Objeto Indireto Complemento nominal Complemento nominal Objeto Indireto Complemento nominal Adjunto adverbial Objeto Indireto