SlideShare uma empresa Scribd logo
Nº 246, quinta-feira, 24 de dezembro de 2009 1 195ISSN 1677-7042
Este documento pode ser verificado no endereço eletrônico http://www.in.gov.br/autenticidade.html,
pelo código 00012009122400195
Documento assinado digitalmente conforme MP no- 2.200-2 de 24/08/2001, que institui a
Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira - ICP-Brasil.
8. NOME DO GESTOR DA SECRETA-
RIA DE SAÚDE
9. ASSINATURA
PORTARIA Nº 3.261, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2009
Estabelece procedimentos para a suspensão do repasse dos recursos finan-
ceiros do Bloco de Vigilância em Saúde aos municípios que ainda não ade-
riram ao Pacto pela Saúde e dá outras providências.
O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições e,
Considerando a Portaria nº 3.252/GM de 22 dezembro de 2009, que aprovar as diretrizes para
execução e financiamento das ações de Vigilância em Saúde para União, Estados, Municípios e Distrito
Federal; e
Considerando a decisão dos gestores do SUS na reunião da Comissão Intergestores Tripartite
(CIT), realizada em 17 de dezembro de 2009, resolve:
Art. 1º Estabelecer que, para a suspensão do repasse dos recursos financeiros do Bloco de
Vigilância em Saúde aos municípios que ainda não aderiram ao Pacto pela Saúde e que estiverem com
saldos equivalentes ou superiores a 12 (doze) meses do repasse, serão adotados os seguintes pro-
cedimentos:
I - o Fundo Nacional de Saúde informará anualmente à Secretaria de Vigilância em Saúde
(SVS/MS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa/MS), os saldos bancários existentes nas
contas de depósito do Bloco de Vigilância em Saúde; e
II - o Ministério da Saúde publicará Portaria, contendo relação de municípios com a trans-
ferência de recursos bloqueados.
Art. 2º Determinar que, para o desbloqueio do repasse dos recursos financeiros, o município
deverá no prazo de 70 (setenta) dias após a publicação da Portaria de que trata o inciso II do Art.
1º:
I - preencher o formulário de justificativa disposto no Anexo a esta Portaria, demonstrando o
comprometimento de pelo menos 60% do saldo existente dos recursos do Bloco de Vigilância em
Saúde;
II - encaminhar ao Conselho Municipal de Saúde, para análise e deliberação, o formulário de
justificativa e a seguintes documentações:
a) notas de empenho em fase de liquidação;
b) pagamentos efetivados após a data de verificação do saldo bancário;
c) processos licitatórios em andamento, com edital publicado; e
d) processos licitatórios com recursos administrativos e/ou judiciais.
III - encaminhar o formulário com justificativa e deliberação do Conselho Municipal de Saúde
à Secretaria Estadual de Saúde (SES).
Art. 3º A SES, após o prazo de 70 dias concedido aos municípios, terá o prazo de 20 dias para
encaminhar ao Ministério da Saúde:
I - relação dos municípios que estão pleiteando o desbloqueio; e
II - formulário com justificativa e deliberação do Conselho Municipal de Saúde destes mu-
nicípios.
Art. 4º O Ministério da Saúde efetuará o desbloqueio do repasse dos recursos imediatamente
após o recebimento da justificativa acatada pelo Conselho Municipal de Saúde.
§ 1º A regularização do repasse ocorrerá com a transferência retroativa dos recursos bloqueados
quando cumpridos os prazos municipais definidos no art. 3°.
§ 2º A regularização do repasse ocorrerá sem a transferência dos recursos bloqueados naquele
período, quando não cumpridos os prazos municipais definidos no art. 3º.
§ 3º O Ministério da Saúde publicará em portaria a relação de SMS que tiveram seus recursos
desbloqueados.
Art. 5º Esta Portaria entra em vigor a partir da data de sua publicação.
JOSÉ GOMES TEMPORÃO
ANEXO
FORMULÁRIO DE JUSTIFICATIVA - BLOCO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE
1. MUNICÍPIO / ESTADO 2. UF 3. DATA
4.SALDO
BANCÁRIO
BLOCO
4.1 DATA 4.2 VALOR DO SALDO
BANCÁRIO
4.3 A JUSTIFICAR (no mínimo de
60% do saldo bancário)
5. JUSTIFICATIVAS DO COMPROMETIMENTO DOS RECURSOS VALOR EM R$
5.1 NOTAS DE EMPENHO EM FASE DE LIQUIDAÇÃO
(Anexar cópia)
5.2 PAGTOS EFETUADOS APÓS A DATA DE VERIFICAÇÃO DO
SALDO
5.3 PROCESSOS LICITATÓRIOS EM ANDAMENTO, C/EDITAL
JÁ PUBLICADO (Anexar cópia do edital)
5.4 PROCESSOS LICITATÓRIOS C/ RECURSOS ADMINISTRATI-
VO E/OU JUDICIAIS
5.5 TOTAL DOS RECURSOS COMPROMETIDOS (DETALHA-
MENTO DOS RECURSOS COMPROMETIDOS DO BLOCO
DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE)
6. COMENTÁRIOS
7. NOME DO GESTOR DA SECRETA-
RIA DE SAÚDE
8. ASSINATURA
DETALHAMENTO DOS RECURSOS COMPROMETIDOS DO
BLOCO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE
1. MUNICÍPIO/ESTADO 2. UF 3. DATA
4.
ITEM
5. DATA
DOCTO
6. DISCRIMINAÇÃO DA JUSTIFICATIVA/DESPESA 7. VALOR EM R$
PORTARIA Nº 3.264, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2009
Habilita Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no Município de Mogi
Guaçu (SP).
O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições, e
Considerando a Portaria nº 1.863/GM, de 29 de setembro de 2003, que institui a Política
Nacional de Atenção às Urgências, a ser implantada em todas as unidades federadas, respeitadas as
competências das três esferas de gestão;
Considerando a Portaria nº 204/GM, de 29 de janeiro de 2007, com as alterações e os
acréscimos estabelecidos pela Portaria nº 837/GM, de 23 de abril de 2009;
Considerando a Portaria nº 1.020/GM, de 13 de maio de 2009, que estabelece diretrizes para a
implantação do componente pré-hospitalar fixo para a organização de redes loco regionais de atenção
integral às urgências em conformidade com a Política Nacional de Atenção às Urgências; e
Considerando a pactuação realizada na Comissão Intergestores Bipartite - CIB (SP), conforme
Resolução nº 58 de 3 de novembro de 2009, para implantação de Unidades de Pronto Atendimento -
UPA, resolve:
Art. 1º Habilitar a Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no respectivo porte na localidade
abaixo relacionada:
Município Porte - UPA Quantitativo
Mogi Guaçu II 01
Art. 2º Determinar que o Fundo Nacional de Saúde adote as medidas necessárias à trans-
ferência regular e automática do incentivo financeiro de investimento estabelecido no art. 4º da Portaria
nº 1.020/GM/MS, de 13 de maio de 2009, na forma definida no art. 5º da mesma Portaria, para o Fundo
Municipal de Saúde de Mogi Guaçu - SP.
Art. 3º Estabelecer que os recursos orçamentários, de que trata esta Portaria, corram por conta
do orçamento do Ministério da Saúde, onerando o Programa 1220 - Assistência Ambulatorial e Hos-
pitalar Especializada, na ação 10.302.1220.8933.0035 - Serviços de Atenção às Urgências e Emer-
gências na Rede Hospitalar - Estado de São Paulo.
Art. 4º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.
JOSÉ GOMES TEMPORÃO
PORTARIA Nº 3.265, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2009
Habilita Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no Município de Fernan-
dópolis (SP).
O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições, e
Considerando a Portaria nº 1.863/GM, de 29 de setembro de 2003, que institui a Política
Nacional de Atenção às Urgências, a ser implantada em todas as unidades federadas, respeitadas as
competências das três esferas de gestão;
Considerando a Portaria nº 204/GM, de 29 de janeiro de 2007, com as alterações e os
acréscimos estabelecidos pela Portaria nº 837GM, de 23 de abril de 2009;
Considerando a Portaria nº 1.020/GM, de 13 de maio de 2009, que estabelece diretrizes para a
implantação do componente pré-hospitalar fixo para a organização de redes loco regionais de atenção
integral às urgências em conformidade com a Política Nacional de Atenção às Urgências; e
Considerando a pactuação realizada na Comissão Intergestores Bipartite - CIB (SP), conforme
Resolução nº 58 de 3 de novembro de 2009, para implantação de Unidades de Pronto Atendimento -
UPA, resolve:
Art. 1º Habilitar a Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no respectivo porte na localidade
abaixo relacionada:
Município Porte- UPA Quantitativo
Fernandópolis I 01
Art. 2º Determinar que o Fundo Nacional de Saúde adote as medidas necessárias à trans-
ferência regular e automática do incentivo financeiro de investimento estabelecido no art. 4º da Portaria
nº 1.020/GM/MS, de 13 de maio de 2009, na forma definida no art. 5º da mesma Portaria, para o Fundo
Municipal de Saúde de Fernandópolis-SP.
Art. 3º Estabelecer que os recursos orçamentários, de que trata esta Portaria, corram por conta
do orçamento do Ministério da Saúde, onerando o Programa 1220 - Assistência Ambulatorial e Hos-
pitalar Especializada, na ação 10.302.1220.8933.0035 - Serviços de Atenção às Urgências e Emer-
gências na Rede Hospitalar - Estado de São Paulo.
Art. 4º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.
JOSÉ GOMES TEMPORÃO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Edital IBGE
Edital IBGEEdital IBGE
Edital IBGE
Rosane Domingues
 
Prot. 1118 16 plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...
Prot. 1118 16   plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...Prot. 1118 16   plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...
Prot. 1118 16 plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...
Claudio Figueiredo
 
Legislação básica em saúde pública sus - versão 18 11 2014
Legislação básica em saúde pública   sus - versão 18 11 2014Legislação básica em saúde pública   sus - versão 18 11 2014
Legislação básica em saúde pública sus - versão 18 11 2014
Cosmo Palasio
 
Relatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José Ronaldo
Relatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José RonaldoRelatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José Ronaldo
Relatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José Ronaldo
Feirenses
 
Oficio de notificacao
Oficio de notificacaoOficio de notificacao
Oficio de notificacao
MarcianoBortolin
 
Prot. 2731 15 pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.592 (lei o...
Prot. 2731 15   pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei  nº 5.592 (lei o...Prot. 2731 15   pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei  nº 5.592 (lei o...
Prot. 2731 15 pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.592 (lei o...
Claudio Figueiredo
 
BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...
BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...
BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...
Cleuber Carlos Nascimento
 
Prot. 0429 14 pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 0429 14   pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...Prot. 0429 14   pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 0429 14 pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
ramonpeyroton
 
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
Tribunal de Contas do Estado de São PauloTribunal de Contas do Estado de São Paulo
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
APEPREM
 
Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb 20-12 a 19-01 (2)
Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb   20-12 a 19-01 (2)Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb   20-12 a 19-01 (2)
Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb 20-12 a 19-01 (2)
saneamentocastelodopiaui
 
2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF
2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF
2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF
Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS
 
Publicação atleta cidadão
Publicação atleta cidadãoPublicação atleta cidadão
Publicação atleta cidadão
Marcelo Alves
 
Prot. 1348 14 pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 1348 14   pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...Prot. 1348 14   pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 1348 14 pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
ramonpeyroton
 
Lei n° 473
Lei n° 473Lei n° 473
Lei n° 473
ceceu132
 
2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde
2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde
2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde
Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS
 
Prot. 2730 15 pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...
Prot. 2730 15   pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...Prot. 2730 15   pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...
Prot. 2730 15 pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...
Claudio Figueiredo
 
Contrato gestão n 01 hopital mulher em mossoró
Contrato gestão n 01 hopital mulher em mossoróContrato gestão n 01 hopital mulher em mossoró
Contrato gestão n 01 hopital mulher em mossoró
Carlos França
 
Perfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDB
Perfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDBPerfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDB
Perfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDB
dialogosedebates
 

Mais procurados (18)

Edital IBGE
Edital IBGEEdital IBGE
Edital IBGE
 
Prot. 1118 16 plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...
Prot. 1118 16   plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...Prot. 1118 16   plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...
Prot. 1118 16 plc 004 - cria cargos, extingue vagas e modifica a descrição ...
 
Legislação básica em saúde pública sus - versão 18 11 2014
Legislação básica em saúde pública   sus - versão 18 11 2014Legislação básica em saúde pública   sus - versão 18 11 2014
Legislação básica em saúde pública sus - versão 18 11 2014
 
Relatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José Ronaldo
Relatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José RonaldoRelatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José Ronaldo
Relatório do TCM sobre a prestação de contas do Prefeito José Ronaldo
 
Oficio de notificacao
Oficio de notificacaoOficio de notificacao
Oficio de notificacao
 
Prot. 2731 15 pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.592 (lei o...
Prot. 2731 15   pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei  nº 5.592 (lei o...Prot. 2731 15   pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei  nº 5.592 (lei o...
Prot. 2731 15 pl 049-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.592 (lei o...
 
BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...
BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...
BLOG CLEUBER CARLOS: Governo do Estado cria Diretoria-Geral de Administração ...
 
Prot. 0429 14 pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 0429 14   pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...Prot. 0429 14   pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 0429 14 pl 008-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
 
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
Tribunal de Contas do Estado de São PauloTribunal de Contas do Estado de São Paulo
Tribunal de Contas do Estado de São Paulo
 
Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb 20-12 a 19-01 (2)
Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb   20-12 a 19-01 (2)Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb   20-12 a 19-01 (2)
Sistema guia de informações obrigatorias do pmsb 20-12 a 19-01 (2)
 
2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF
2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF
2ª Assembleia 2017 – ABORDAGEM SOBRE O TAC ASSINADO ENTRE CGU MPF E BB/CEF
 
Publicação atleta cidadão
Publicação atleta cidadãoPublicação atleta cidadão
Publicação atleta cidadão
 
Prot. 1348 14 pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 1348 14   pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...Prot. 1348 14   pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
Prot. 1348 14 pl 040-2014 - autoriza o poder executivo municipal a proceder...
 
Lei n° 473
Lei n° 473Lei n° 473
Lei n° 473
 
2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde
2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde
2ª Assembleia 2017 – Transferências Federais e Fundos de Saúde
 
Prot. 2730 15 pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...
Prot. 2730 15   pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...Prot. 2730 15   pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...
Prot. 2730 15 pl 048-2015 - dispõe sobre alterações na lei nº 5.568_14 (ldo...
 
Contrato gestão n 01 hopital mulher em mossoró
Contrato gestão n 01 hopital mulher em mossoróContrato gestão n 01 hopital mulher em mossoró
Contrato gestão n 01 hopital mulher em mossoró
 
Perfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDB
Perfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDBPerfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDB
Perfil dos Parlamentares - Nathália Maria Santos Melo, n°26 - 1°CDB
 

Semelhante a Portaria 3261 de 13 12-2009

Diário Oficial
Diário OficialDiário Oficial
Diário Oficial
PortalMaceio
 
Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...
Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...
Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...
José Ripardo
 
Portaria 2849 de 05 12-2011
Portaria 2849 de 05 12-2011Portaria 2849 de 05 12-2011
Portaria 2849 de 05 12-2011
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
Edital ppp hospitalsuburbio
Edital ppp hospitalsuburbioEdital ppp hospitalsuburbio
Edital ppp hospitalsuburbio
Emerson Nóbrega
 
Sei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimica
Sei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimicaSei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimica
Sei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimica
Vetor Mil
 
3587 109 2009 convenio da gmi
3587 109 2009 convenio da gmi3587 109 2009 convenio da gmi
3587 109 2009 convenio da gmi
Gmnoticias Ilheus
 
CIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocial
CIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocialCIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocial
CIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocial
decision-it
 
Contrato-Covaxin
Contrato-CovaxinContrato-Covaxin
Contrato-Covaxin
diariodocentrodomundo
 
Nova portaria de notificação compulsória 2014
Nova portaria de notificação compulsória 2014Nova portaria de notificação compulsória 2014
Nova portaria de notificação compulsória 2014
Ismael Costa
 
Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...
Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...
Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...
Noelia Brito
 
Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...
Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...
Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...
Portal NE10
 
Resolução cmsi 029 15 - complementação
Resolução cmsi 029 15 - complementaçãoResolução cmsi 029 15 - complementação
Resolução cmsi 029 15 - complementação
Fred Oliveira
 
Portaria contingenciamento
Portaria contingenciamento Portaria contingenciamento
Portaria contingenciamento
Jamildo Melo
 
Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...
Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...
Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...
Rondoniadinamica Jornal Eletrônico
 
Deliberação 01 2013
Deliberação 01 2013Deliberação 01 2013
Deliberação 01 2013
Fred Oliveira
 
Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17
Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17
Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17
Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS
 
Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14
Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14
Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14
Emilio Viegas
 
TCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto Velho
TCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto VelhoTCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto Velho
TCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto Velho
Rondoniadinamica Jornal Eletrônico
 
Dou receita federal
Dou receita federalDou receita federal
Dou receita federal
Rômulo Gabriel
 
ANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOT
ANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOTANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOT
ANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOT
Transvias
 

Semelhante a Portaria 3261 de 13 12-2009 (20)

Diário Oficial
Diário OficialDiário Oficial
Diário Oficial
 
Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...
Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...
Saúde de crateús é contemplada com r$ 1,2 milhão para atendimentos de urgênci...
 
Portaria 2849 de 05 12-2011
Portaria 2849 de 05 12-2011Portaria 2849 de 05 12-2011
Portaria 2849 de 05 12-2011
 
Edital ppp hospitalsuburbio
Edital ppp hospitalsuburbioEdital ppp hospitalsuburbio
Edital ppp hospitalsuburbio
 
Sei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimica
Sei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimicaSei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimica
Sei ms 0019515441-contrato-42-uniao-quimica
 
3587 109 2009 convenio da gmi
3587 109 2009 convenio da gmi3587 109 2009 convenio da gmi
3587 109 2009 convenio da gmi
 
CIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocial
CIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocialCIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocial
CIRCULAR N° 673/2015 CEF - Aprova e divulga o Manual de Orientação do eSocial
 
Contrato-Covaxin
Contrato-CovaxinContrato-Covaxin
Contrato-Covaxin
 
Nova portaria de notificação compulsória 2014
Nova portaria de notificação compulsória 2014Nova portaria de notificação compulsória 2014
Nova portaria de notificação compulsória 2014
 
Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...
Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...
Contrato de Gestão SS da Prefeitura do Recife com a Ceasa 2015 2534 302_0_r-3...
 
Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...
Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...
Boletim da SDS publica nomes de 43 primeiros PMs e bombeiros processados por ...
 
Resolução cmsi 029 15 - complementação
Resolução cmsi 029 15 - complementaçãoResolução cmsi 029 15 - complementação
Resolução cmsi 029 15 - complementação
 
Portaria contingenciamento
Portaria contingenciamento Portaria contingenciamento
Portaria contingenciamento
 
Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...
Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...
Ex e atual presidente da Câmara de PVH são multados por Portal Transparência ...
 
Deliberação 01 2013
Deliberação 01 2013Deliberação 01 2013
Deliberação 01 2013
 
Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17
Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17
Oficina sobre a Portaria GM/MS n. 3992/17
 
Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14
Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14
Edital de chamamento_publico_n_022015_2017-11-30_17_10_14
 
TCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto Velho
TCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto VelhoTCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto Velho
TCE suspende mais uma licitação milionária da Prefeitura de Porto Velho
 
Dou receita federal
Dou receita federalDou receita federal
Dou receita federal
 
ANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOT
ANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOTANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOT
ANTT prorroga vencimento do RNTRC e suspende CIOT
 

Mais de Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas

Hepatocarcinoma critérios de milão e barcelona
Hepatocarcinoma  critérios de milão e barcelonaHepatocarcinoma  critérios de milão e barcelona
Hepatocarcinoma critérios de milão e barcelona
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...
Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...
Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...
2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...
2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2012 manual do paciente transplante de figado ses pr
2012 manual do paciente   transplante de figado ses pr2012 manual do paciente   transplante de figado ses pr
2012 manual do paciente transplante de figado ses pr
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2011 aguardando o transplante de fígado orientações para o paciente - hospit...
2011 aguardando o transplante de fígado  orientações para o paciente - hospit...2011 aguardando o transplante de fígado  orientações para o paciente - hospit...
2011 aguardando o transplante de fígado orientações para o paciente - hospit...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2007 manual de orientações para pacientes e familiares transplantes de fíga...
2007 manual de orientações para pacientes e familiares   transplantes de fíga...2007 manual de orientações para pacientes e familiares   transplantes de fíga...
2007 manual de orientações para pacientes e familiares transplantes de fíga...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...
2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...
2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...
2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...
2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 

Mais de Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas (20)

Hepatocarcinoma critérios de milão e barcelona
Hepatocarcinoma  critérios de milão e barcelonaHepatocarcinoma  critérios de milão e barcelona
Hepatocarcinoma critérios de milão e barcelona
 
Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...
Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...
Manual de orientações aos pacientes inscritos em fila espera para transplante...
 
2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...
2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...
2012 manual dos cuidados de enfermagem em pacientes candidatos a transplante ...
 
2012 manual do paciente transplante de figado ses pr
2012 manual do paciente   transplante de figado ses pr2012 manual do paciente   transplante de figado ses pr
2012 manual do paciente transplante de figado ses pr
 
2011 aguardando o transplante de fígado orientações para o paciente - hospit...
2011 aguardando o transplante de fígado  orientações para o paciente - hospit...2011 aguardando o transplante de fígado  orientações para o paciente - hospit...
2011 aguardando o transplante de fígado orientações para o paciente - hospit...
 
2007 manual de orientações para pacientes e familiares transplantes de fíga...
2007 manual de orientações para pacientes e familiares   transplantes de fíga...2007 manual de orientações para pacientes e familiares   transplantes de fíga...
2007 manual de orientações para pacientes e familiares transplantes de fíga...
 
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
 
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
2011 determinantes clínicos e laboratoriais da concentração sanguínea do tacr...
 
2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...
2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...
2006 aspectos da farmacocinética do tacrolimus nos quatro primeiros dias após...
 
2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...
2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...
2006 efeitos da solução salina hipertônica na reperfusão hepática em paciente...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
2004 hepatite colestática associada ao vírus da hepatite c pós transplante he...
 

Portaria 3261 de 13 12-2009

  • 1. Nº 246, quinta-feira, 24 de dezembro de 2009 1 195ISSN 1677-7042 Este documento pode ser verificado no endereço eletrônico http://www.in.gov.br/autenticidade.html, pelo código 00012009122400195 Documento assinado digitalmente conforme MP no- 2.200-2 de 24/08/2001, que institui a Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira - ICP-Brasil. 8. NOME DO GESTOR DA SECRETA- RIA DE SAÚDE 9. ASSINATURA PORTARIA Nº 3.261, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2009 Estabelece procedimentos para a suspensão do repasse dos recursos finan- ceiros do Bloco de Vigilância em Saúde aos municípios que ainda não ade- riram ao Pacto pela Saúde e dá outras providências. O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições e, Considerando a Portaria nº 3.252/GM de 22 dezembro de 2009, que aprovar as diretrizes para execução e financiamento das ações de Vigilância em Saúde para União, Estados, Municípios e Distrito Federal; e Considerando a decisão dos gestores do SUS na reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), realizada em 17 de dezembro de 2009, resolve: Art. 1º Estabelecer que, para a suspensão do repasse dos recursos financeiros do Bloco de Vigilância em Saúde aos municípios que ainda não aderiram ao Pacto pela Saúde e que estiverem com saldos equivalentes ou superiores a 12 (doze) meses do repasse, serão adotados os seguintes pro- cedimentos: I - o Fundo Nacional de Saúde informará anualmente à Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS/MS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa/MS), os saldos bancários existentes nas contas de depósito do Bloco de Vigilância em Saúde; e II - o Ministério da Saúde publicará Portaria, contendo relação de municípios com a trans- ferência de recursos bloqueados. Art. 2º Determinar que, para o desbloqueio do repasse dos recursos financeiros, o município deverá no prazo de 70 (setenta) dias após a publicação da Portaria de que trata o inciso II do Art. 1º: I - preencher o formulário de justificativa disposto no Anexo a esta Portaria, demonstrando o comprometimento de pelo menos 60% do saldo existente dos recursos do Bloco de Vigilância em Saúde; II - encaminhar ao Conselho Municipal de Saúde, para análise e deliberação, o formulário de justificativa e a seguintes documentações: a) notas de empenho em fase de liquidação; b) pagamentos efetivados após a data de verificação do saldo bancário; c) processos licitatórios em andamento, com edital publicado; e d) processos licitatórios com recursos administrativos e/ou judiciais. III - encaminhar o formulário com justificativa e deliberação do Conselho Municipal de Saúde à Secretaria Estadual de Saúde (SES). Art. 3º A SES, após o prazo de 70 dias concedido aos municípios, terá o prazo de 20 dias para encaminhar ao Ministério da Saúde: I - relação dos municípios que estão pleiteando o desbloqueio; e II - formulário com justificativa e deliberação do Conselho Municipal de Saúde destes mu- nicípios. Art. 4º O Ministério da Saúde efetuará o desbloqueio do repasse dos recursos imediatamente após o recebimento da justificativa acatada pelo Conselho Municipal de Saúde. § 1º A regularização do repasse ocorrerá com a transferência retroativa dos recursos bloqueados quando cumpridos os prazos municipais definidos no art. 3°. § 2º A regularização do repasse ocorrerá sem a transferência dos recursos bloqueados naquele período, quando não cumpridos os prazos municipais definidos no art. 3º. § 3º O Ministério da Saúde publicará em portaria a relação de SMS que tiveram seus recursos desbloqueados. Art. 5º Esta Portaria entra em vigor a partir da data de sua publicação. JOSÉ GOMES TEMPORÃO ANEXO FORMULÁRIO DE JUSTIFICATIVA - BLOCO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE 1. MUNICÍPIO / ESTADO 2. UF 3. DATA 4.SALDO BANCÁRIO BLOCO 4.1 DATA 4.2 VALOR DO SALDO BANCÁRIO 4.3 A JUSTIFICAR (no mínimo de 60% do saldo bancário) 5. JUSTIFICATIVAS DO COMPROMETIMENTO DOS RECURSOS VALOR EM R$ 5.1 NOTAS DE EMPENHO EM FASE DE LIQUIDAÇÃO (Anexar cópia) 5.2 PAGTOS EFETUADOS APÓS A DATA DE VERIFICAÇÃO DO SALDO 5.3 PROCESSOS LICITATÓRIOS EM ANDAMENTO, C/EDITAL JÁ PUBLICADO (Anexar cópia do edital) 5.4 PROCESSOS LICITATÓRIOS C/ RECURSOS ADMINISTRATI- VO E/OU JUDICIAIS 5.5 TOTAL DOS RECURSOS COMPROMETIDOS (DETALHA- MENTO DOS RECURSOS COMPROMETIDOS DO BLOCO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE) 6. COMENTÁRIOS 7. NOME DO GESTOR DA SECRETA- RIA DE SAÚDE 8. ASSINATURA DETALHAMENTO DOS RECURSOS COMPROMETIDOS DO BLOCO DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE 1. MUNICÍPIO/ESTADO 2. UF 3. DATA 4. ITEM 5. DATA DOCTO 6. DISCRIMINAÇÃO DA JUSTIFICATIVA/DESPESA 7. VALOR EM R$ PORTARIA Nº 3.264, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2009 Habilita Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no Município de Mogi Guaçu (SP). O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições, e Considerando a Portaria nº 1.863/GM, de 29 de setembro de 2003, que institui a Política Nacional de Atenção às Urgências, a ser implantada em todas as unidades federadas, respeitadas as competências das três esferas de gestão; Considerando a Portaria nº 204/GM, de 29 de janeiro de 2007, com as alterações e os acréscimos estabelecidos pela Portaria nº 837/GM, de 23 de abril de 2009; Considerando a Portaria nº 1.020/GM, de 13 de maio de 2009, que estabelece diretrizes para a implantação do componente pré-hospitalar fixo para a organização de redes loco regionais de atenção integral às urgências em conformidade com a Política Nacional de Atenção às Urgências; e Considerando a pactuação realizada na Comissão Intergestores Bipartite - CIB (SP), conforme Resolução nº 58 de 3 de novembro de 2009, para implantação de Unidades de Pronto Atendimento - UPA, resolve: Art. 1º Habilitar a Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no respectivo porte na localidade abaixo relacionada: Município Porte - UPA Quantitativo Mogi Guaçu II 01 Art. 2º Determinar que o Fundo Nacional de Saúde adote as medidas necessárias à trans- ferência regular e automática do incentivo financeiro de investimento estabelecido no art. 4º da Portaria nº 1.020/GM/MS, de 13 de maio de 2009, na forma definida no art. 5º da mesma Portaria, para o Fundo Municipal de Saúde de Mogi Guaçu - SP. Art. 3º Estabelecer que os recursos orçamentários, de que trata esta Portaria, corram por conta do orçamento do Ministério da Saúde, onerando o Programa 1220 - Assistência Ambulatorial e Hos- pitalar Especializada, na ação 10.302.1220.8933.0035 - Serviços de Atenção às Urgências e Emer- gências na Rede Hospitalar - Estado de São Paulo. Art. 4º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. JOSÉ GOMES TEMPORÃO PORTARIA Nº 3.265, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2009 Habilita Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no Município de Fernan- dópolis (SP). O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso de suas atribuições, e Considerando a Portaria nº 1.863/GM, de 29 de setembro de 2003, que institui a Política Nacional de Atenção às Urgências, a ser implantada em todas as unidades federadas, respeitadas as competências das três esferas de gestão; Considerando a Portaria nº 204/GM, de 29 de janeiro de 2007, com as alterações e os acréscimos estabelecidos pela Portaria nº 837GM, de 23 de abril de 2009; Considerando a Portaria nº 1.020/GM, de 13 de maio de 2009, que estabelece diretrizes para a implantação do componente pré-hospitalar fixo para a organização de redes loco regionais de atenção integral às urgências em conformidade com a Política Nacional de Atenção às Urgências; e Considerando a pactuação realizada na Comissão Intergestores Bipartite - CIB (SP), conforme Resolução nº 58 de 3 de novembro de 2009, para implantação de Unidades de Pronto Atendimento - UPA, resolve: Art. 1º Habilitar a Unidade de Pronto Atendimento - UPA, no respectivo porte na localidade abaixo relacionada: Município Porte- UPA Quantitativo Fernandópolis I 01 Art. 2º Determinar que o Fundo Nacional de Saúde adote as medidas necessárias à trans- ferência regular e automática do incentivo financeiro de investimento estabelecido no art. 4º da Portaria nº 1.020/GM/MS, de 13 de maio de 2009, na forma definida no art. 5º da mesma Portaria, para o Fundo Municipal de Saúde de Fernandópolis-SP. Art. 3º Estabelecer que os recursos orçamentários, de que trata esta Portaria, corram por conta do orçamento do Ministério da Saúde, onerando o Programa 1220 - Assistência Ambulatorial e Hos- pitalar Especializada, na ação 10.302.1220.8933.0035 - Serviços de Atenção às Urgências e Emer- gências na Rede Hospitalar - Estado de São Paulo. Art. 4º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. JOSÉ GOMES TEMPORÃO