SlideShare uma empresa Scribd logo
Corte Plasma
Corte Plasma
Processo de corte plasma
Processo de corte plasma
CORTE PLASMA
Plasma
Três estados físicos da matéria:
Sólido - Gelo
Líquido - Água
Gasoso - Vapor
A diferença básica: o quanto de energia
existe em cada um deles.
Gelo + energia → Água
Água + energia → Vapor (hidrogênio e
oxigênio separados)
O plasma é o próximo passo. Se
separam os eletrons e o gás vira condutor.
O SURGIMENTO DO PROCESSO DE
CORTE A ARCO PLASMA
Em 1950, o processo TIG (gás
inerte de tungstênio) de soldagem
estava implantado como um
método de alta qualidade para
soldar metais nobres.
Durante seu desenvolvimento
descobriram que se reduzissem o
diâmetro do bocal por onde saia a
tocha de gás para soldagem, o arco
era comprimido, aumentando a
velocidade e a temperatura do gás.
O gás, ionizado, ao sair pelo
bocal, em vez de soldar, cortava
metais.
Corte plasma
O plasma foi utilizado para o
corte de materiais que não
podiam ser cortados pelo
processo oxicorte, como aço
inoxidável, alumínio e cobre.
A grande vantagem: velocidade de
corte ao cortar chapas metálicas
finas, quando comparado com o
oxicorte. Esta característica e o fato
dos equipamentos de corte
plasma estarem atualmente muito
mais baratos, levou o processo
plasma a ser também
economicamente viável para o
corte dos aços carbono e baixa liga.
Características do arco plasma:
As características do arco plasma
variam de acordo com:
•O tipo de gás de corte;
( Hidrogênio , argônio,
nitrogênio, Hélio e Oxigênio)
•A quantidade de vazão;
•O diâmetro do bocal
(bico de corte)
•A tensão do arco elétrico.
Bico de corte
Corte plasma com ar
comprimido
Ar comprimido substitui gases
industriais de alto custo,como
hidrogênio e hélio, e proporciona um
corte mais econômico.
O oxigênio presente no ar fornece
uma energia adicional que aumenta a
velocidade de corte em 25% .
Esse processo pode ser usado
para corte de aço inoxidável e
alumínio.Entretanto, a superfície
desses materiais tende a ficar
fortemente oxidada, o que não é
adequado para certas aplicações.
Esquema básico de uma tocha de plasma.
O gás de corte flui pelo centro que contém o eletrodo
negativo, um toque da tocha no metal produz um arco
elétrico que ioniza o gás, formando o plasma. Desde que
ele é condutor, a corrente elétrica e o fluxo do gás mantêm
o processo. Um gás protetor é injetado em torno da área de
corte para prevenir oxidação e também proporcionar uma
certa regulagem da largura do corte.
A alta temperatura do plasma funde o metal, produzindo o
corte.
No processo de corte a plasma, o material base é fundido
e, parcialmente vaporizado, antes de ser removido para
fora da área de corte pela força do jato plasma.
Um arco plasma é utilizado como fonte de calor a exemplo
da solda a plasma. Devido a alta temperatura do arco, o
processo de corte a plasma pode ser utilizado para aços
inoxidáveis, cobre, alumínio e suas ligas.
Na grande maioria dos equipamentos existentes, o
processo de corte a plasma é mecanizado (copiadoras e
pantógrafos). Tochas para cortes manuais também são
utilizadas, mas em menor escala.
Funcionamento do corte
Utilização
Tipo de processo
Vantagens
•Economia de gás oxicombustível e oxigênio;
•Maior velocidade de corte;
•Corte mais limpo sem rebarbas, resultando num
melhor acabamento;
•Utilização em latão, alumínio, aço inox, ferro
carbono, etc;
•Facilidade operacional porque o corte á plasma é de
fácil aprendizagem.
ESCOLHA DO GÁS DE PLASMA PARA
DIFERENTES MATERIAIS
Determinada pelo equipamento e material a ser
cortado.
Pelas necessidades de energia envolvidas no
processo, as misturas de Argônio/Hidrogênio ou
também Nitrogênio puro, são as normalmente
utilizadas.
A adição de Hidrogênio, que tem condutividade
térmica muito alta, dá um arco com alto conteúdo de
energia.
Nitrogênio é utilizado basicamente para corte de
chapas finas
Aços ao carbono até 15 mm são correntemente
cortados com oxigênio.
Aços inoxidáveis e alumínio são cortados com
nitrogênio, enquanto grandes espessuras até
60-80 mm devem ser cortadas com mistura de
gases argônio/hidrogênio.
Plasma.pdf
01 Corpo de tocha
02 Tubo imersor
03 Chave tubo imersor
04 Chave eletrodo
05 eletrodo e ar
06 Eletrodo ar / H2
07 tubo 40,60,100,150 A
08 Tubo de escavação
Componentes da tocha
=> Tocha de solda plasma
=> Tocha de corte plasma
Tipos de Máquinas de corte plasma
Manuais
Maquinas manuais,
utilizadas em cortes
específicos, serralherias
e manutenções
mecânicas.
Plasma tipo robô CNC
Máquina De Corte Plasma CNC
CNC com 1 fonte plasma e 2 oxicorte
AUTOCUT 3000 PRECISION
Largura útil de corte 3000mm
Módulos de trilho 2500mm e
5000mm
Garagem 1200mm (aprox.)
Velocidade máx. 15000mm/min
Alimentação do equipamento
220 Vac - 50(*)/60Hz
Capacidade de corte 3 a 100mm
Capacidade máx. de estações
oxicorte 06 e plasma 02
Modelo 2500 7500
Larg. útil de corte mm 2438 7315
Larg. entre trilhos mm 4445 9322
Larg. total da máq. mm 5970 10850
Alt. da máq.mm 2460 2460
Velocidade da máq. 20000 mm / mim
Nº máx. de maçaricos Até 8
Nº máx. de fontes plasma Até 2
Nº máx. de marcadores Até 2
Cap. da garagem transversalAté 7
estações escravas (básica)
Máquina De Corte Plasma
Máquina De Corte Plasma
CNC
CNC
 Máquina de corte CNC
especialmente fabricada
para associar tecnologias
de corte
plasma,permitindo a
instalação de até duas
fontes plasma
 Onde se exige áreas de
corte a partir de 2.500
mm de largura útil até
5.000 mm , e com
comprimentos útil de
6.000 mm , 12.000 mm ,
18.000 mm ou conforme
necessidade do cliente.
Click na imagem
Comparação de métodos
Comparação de métodos
Corte chapa de aço carbono 6mm
Método Sangria Largura da zona afetada
Laser 0,3mm 0,15
Plasma 3,2mm 0,50
Oxicorte 0,9mm 2,00
Preço
Preço
Máquina de Oxicorte CNC US$ 160.000,00
Corte plasma CNC US$ 240.000,00
Corte Laser US$ 430.000,00
Questionário
Questionário
1. Como se forma o plasma
2. Quais fatores podem influenciar o arco
plasma
3. Como funciona o corte plasma
4. Cite as principais vantagens do corte
plasma
5. Faça uma tabela de relação gás e material.
(qual o melhor gás para os diferentes tipos
de material)

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Plasma.pdf

Soldagem MIG-MAG.pdf
Soldagem MIG-MAG.pdfSoldagem MIG-MAG.pdf
Soldagem MIG-MAG.pdf
guizucka
 
Apostila soldagem mig mag
Apostila soldagem mig magApostila soldagem mig mag
Apostila soldagem mig mag
Marcelo Kressin
 
Apostila de soldagem mig mag
Apostila de soldagem mig magApostila de soldagem mig mag
Apostila de soldagem mig mag
Luiz Avelar
 
soldagem mig mag
soldagem mig magsoldagem mig mag
soldagem mig mag
Okutagawa
 
04 - PROCESSO MIG MAG.pdf
04 - PROCESSO MIG MAG.pdf04 - PROCESSO MIG MAG.pdf
04 - PROCESSO MIG MAG.pdf
julianocorrea17
 
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)
Jupira Silva
 
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos
Jupira Silva
 
04 - PROCESSO TIG.pdf
04 - PROCESSO TIG.pdf04 - PROCESSO TIG.pdf
04 - PROCESSO TIG.pdf
BRENOAUGUSTOMATIASPI1
 
Trefilacao - Grupo 2 3D3A
Trefilacao - Grupo 2 3D3ATrefilacao - Grupo 2 3D3A
Trefilacao - Grupo 2 3D3A
gabrieletec123
 
Usinagem prof daniel aula 10
Usinagem  prof daniel   aula 10Usinagem  prof daniel   aula 10
Usinagem prof daniel aula 10
Daniel Alves de Andrade
 
Apostila aco-inox-soldagem
Apostila aco-inox-soldagemApostila aco-inox-soldagem
Apostila aco-inox-soldagem
Marcelo Borges
 
Apostila aco inox_soldagem
Apostila aco inox_soldagemApostila aco inox_soldagem
Apostila aco inox_soldagem
mfojezler
 
Apostila aço inox
Apostila aço inoxApostila aço inox
Apostila aço inox
FabinhoGarcia
 
Acesita apostila aço inox soldagem
Acesita apostila aço inox soldagemAcesita apostila aço inox soldagem
Acesita apostila aço inox soldagem
Okutagawa
 
10 abm 66 17969
10  abm 66 1796910  abm 66 17969
10 abm 66 17969
Eliana Franco
 
Extrusão
ExtrusãoExtrusão
Extrusão
Pedro Debossam
 
Apostila aço inox. soldagem
Apostila aço inox.   soldagemApostila aço inox.   soldagem
Apostila aço inox. soldagem
Verlaine Verlaine
 
USINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEM
USINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEMUSINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEM
USINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEM
Carlos Dias
 
Usinagem do tit nio
Usinagem do tit nioUsinagem do tit nio
Usinagem do tit nio
regi_borges
 
Casa das molas informacoes tecnicas 2012
Casa das molas informacoes tecnicas 2012Casa das molas informacoes tecnicas 2012
Casa das molas informacoes tecnicas 2012
Alexander Balkowski
 

Semelhante a Plasma.pdf (20)

Soldagem MIG-MAG.pdf
Soldagem MIG-MAG.pdfSoldagem MIG-MAG.pdf
Soldagem MIG-MAG.pdf
 
Apostila soldagem mig mag
Apostila soldagem mig magApostila soldagem mig mag
Apostila soldagem mig mag
 
Apostila de soldagem mig mag
Apostila de soldagem mig magApostila de soldagem mig mag
Apostila de soldagem mig mag
 
soldagem mig mag
soldagem mig magsoldagem mig mag
soldagem mig mag
 
04 - PROCESSO MIG MAG.pdf
04 - PROCESSO MIG MAG.pdf04 - PROCESSO MIG MAG.pdf
04 - PROCESSO MIG MAG.pdf
 
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos (2)
 
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos
17 06-2011 17-53-tubulacoes_industriais_-_fundamentos
 
04 - PROCESSO TIG.pdf
04 - PROCESSO TIG.pdf04 - PROCESSO TIG.pdf
04 - PROCESSO TIG.pdf
 
Trefilacao - Grupo 2 3D3A
Trefilacao - Grupo 2 3D3ATrefilacao - Grupo 2 3D3A
Trefilacao - Grupo 2 3D3A
 
Usinagem prof daniel aula 10
Usinagem  prof daniel   aula 10Usinagem  prof daniel   aula 10
Usinagem prof daniel aula 10
 
Apostila aco-inox-soldagem
Apostila aco-inox-soldagemApostila aco-inox-soldagem
Apostila aco-inox-soldagem
 
Apostila aco inox_soldagem
Apostila aco inox_soldagemApostila aco inox_soldagem
Apostila aco inox_soldagem
 
Apostila aço inox
Apostila aço inoxApostila aço inox
Apostila aço inox
 
Acesita apostila aço inox soldagem
Acesita apostila aço inox soldagemAcesita apostila aço inox soldagem
Acesita apostila aço inox soldagem
 
10 abm 66 17969
10  abm 66 1796910  abm 66 17969
10 abm 66 17969
 
Extrusão
ExtrusãoExtrusão
Extrusão
 
Apostila aço inox. soldagem
Apostila aço inox.   soldagemApostila aço inox.   soldagem
Apostila aço inox. soldagem
 
USINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEM
USINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEMUSINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEM
USINAGEM POR FEIXE DE ELÉTRONS E APLAINAMENTO SOLDAGEM
 
Usinagem do tit nio
Usinagem do tit nioUsinagem do tit nio
Usinagem do tit nio
 
Casa das molas informacoes tecnicas 2012
Casa das molas informacoes tecnicas 2012Casa das molas informacoes tecnicas 2012
Casa das molas informacoes tecnicas 2012
 

Último

Concreto_atualização_descobertas_100.pptx
Concreto_atualização_descobertas_100.pptxConcreto_atualização_descobertas_100.pptx
Concreto_atualização_descobertas_100.pptx
BuscaApto
 
Terraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso praticoTerraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso pratico
Vias & Rodovias
 
Apostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdf
Apostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdfApostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdf
Apostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdf
Elpidiotapejara
 
Apostila Ajustagem Mecanica.pdf completo
Apostila Ajustagem Mecanica.pdf completoApostila Ajustagem Mecanica.pdf completo
Apostila Ajustagem Mecanica.pdf completo
Elpidiotapejara
 
Terraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso praticoTerraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso pratico
Vias & Rodovias
 
Terraplenagem e Pavimentação um Curso Pratico
Terraplenagem e Pavimentação um Curso PraticoTerraplenagem e Pavimentação um Curso Pratico
Terraplenagem e Pavimentação um Curso Pratico
Vias & Rodovias
 
POLICORTE.pptx treinamento de policorte.
POLICORTE.pptx treinamento de policorte.POLICORTE.pptx treinamento de policorte.
POLICORTE.pptx treinamento de policorte.
YgorRodrigues11
 
Purificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdf
Purificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdfPurificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdf
Purificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdf
Claudinei Machado
 

Último (8)

Concreto_atualização_descobertas_100.pptx
Concreto_atualização_descobertas_100.pptxConcreto_atualização_descobertas_100.pptx
Concreto_atualização_descobertas_100.pptx
 
Terraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso praticoTerraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 2 um curso pratico
 
Apostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdf
Apostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdfApostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdf
Apostila M1002-2 BR - Parker - Eletropneumática.pdf
 
Apostila Ajustagem Mecanica.pdf completo
Apostila Ajustagem Mecanica.pdf completoApostila Ajustagem Mecanica.pdf completo
Apostila Ajustagem Mecanica.pdf completo
 
Terraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso praticoTerraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso pratico
Terraplanagem e Pavimentação parte 3 um cursso pratico
 
Terraplenagem e Pavimentação um Curso Pratico
Terraplenagem e Pavimentação um Curso PraticoTerraplenagem e Pavimentação um Curso Pratico
Terraplenagem e Pavimentação um Curso Pratico
 
POLICORTE.pptx treinamento de policorte.
POLICORTE.pptx treinamento de policorte.POLICORTE.pptx treinamento de policorte.
POLICORTE.pptx treinamento de policorte.
 
Purificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdf
Purificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdfPurificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdf
Purificador Grau D Ar Respirável para Espaços Confinados.pdf
 

Plasma.pdf

  • 1. Corte Plasma Corte Plasma Processo de corte plasma Processo de corte plasma
  • 2. CORTE PLASMA Plasma Três estados físicos da matéria: Sólido - Gelo Líquido - Água Gasoso - Vapor A diferença básica: o quanto de energia existe em cada um deles. Gelo + energia → Água Água + energia → Vapor (hidrogênio e oxigênio separados) O plasma é o próximo passo. Se separam os eletrons e o gás vira condutor.
  • 3. O SURGIMENTO DO PROCESSO DE CORTE A ARCO PLASMA Em 1950, o processo TIG (gás inerte de tungstênio) de soldagem estava implantado como um método de alta qualidade para soldar metais nobres. Durante seu desenvolvimento descobriram que se reduzissem o diâmetro do bocal por onde saia a tocha de gás para soldagem, o arco era comprimido, aumentando a velocidade e a temperatura do gás. O gás, ionizado, ao sair pelo bocal, em vez de soldar, cortava metais.
  • 4. Corte plasma O plasma foi utilizado para o corte de materiais que não podiam ser cortados pelo processo oxicorte, como aço inoxidável, alumínio e cobre. A grande vantagem: velocidade de corte ao cortar chapas metálicas finas, quando comparado com o oxicorte. Esta característica e o fato dos equipamentos de corte plasma estarem atualmente muito mais baratos, levou o processo plasma a ser também economicamente viável para o corte dos aços carbono e baixa liga.
  • 5. Características do arco plasma: As características do arco plasma variam de acordo com: •O tipo de gás de corte; ( Hidrogênio , argônio, nitrogênio, Hélio e Oxigênio) •A quantidade de vazão; •O diâmetro do bocal (bico de corte) •A tensão do arco elétrico. Bico de corte
  • 6. Corte plasma com ar comprimido Ar comprimido substitui gases industriais de alto custo,como hidrogênio e hélio, e proporciona um corte mais econômico. O oxigênio presente no ar fornece uma energia adicional que aumenta a velocidade de corte em 25% . Esse processo pode ser usado para corte de aço inoxidável e alumínio.Entretanto, a superfície desses materiais tende a ficar fortemente oxidada, o que não é adequado para certas aplicações.
  • 7. Esquema básico de uma tocha de plasma. O gás de corte flui pelo centro que contém o eletrodo negativo, um toque da tocha no metal produz um arco elétrico que ioniza o gás, formando o plasma. Desde que ele é condutor, a corrente elétrica e o fluxo do gás mantêm o processo. Um gás protetor é injetado em torno da área de corte para prevenir oxidação e também proporcionar uma certa regulagem da largura do corte. A alta temperatura do plasma funde o metal, produzindo o corte.
  • 8. No processo de corte a plasma, o material base é fundido e, parcialmente vaporizado, antes de ser removido para fora da área de corte pela força do jato plasma. Um arco plasma é utilizado como fonte de calor a exemplo da solda a plasma. Devido a alta temperatura do arco, o processo de corte a plasma pode ser utilizado para aços inoxidáveis, cobre, alumínio e suas ligas. Na grande maioria dos equipamentos existentes, o processo de corte a plasma é mecanizado (copiadoras e pantógrafos). Tochas para cortes manuais também são utilizadas, mas em menor escala. Funcionamento do corte Utilização Tipo de processo
  • 9. Vantagens •Economia de gás oxicombustível e oxigênio; •Maior velocidade de corte; •Corte mais limpo sem rebarbas, resultando num melhor acabamento; •Utilização em latão, alumínio, aço inox, ferro carbono, etc; •Facilidade operacional porque o corte á plasma é de fácil aprendizagem.
  • 10. ESCOLHA DO GÁS DE PLASMA PARA DIFERENTES MATERIAIS Determinada pelo equipamento e material a ser cortado. Pelas necessidades de energia envolvidas no processo, as misturas de Argônio/Hidrogênio ou também Nitrogênio puro, são as normalmente utilizadas. A adição de Hidrogênio, que tem condutividade térmica muito alta, dá um arco com alto conteúdo de energia. Nitrogênio é utilizado basicamente para corte de chapas finas
  • 11. Aços ao carbono até 15 mm são correntemente cortados com oxigênio. Aços inoxidáveis e alumínio são cortados com nitrogênio, enquanto grandes espessuras até 60-80 mm devem ser cortadas com mistura de gases argônio/hidrogênio.
  • 13. 01 Corpo de tocha 02 Tubo imersor 03 Chave tubo imersor 04 Chave eletrodo 05 eletrodo e ar 06 Eletrodo ar / H2 07 tubo 40,60,100,150 A 08 Tubo de escavação Componentes da tocha
  • 14. => Tocha de solda plasma => Tocha de corte plasma
  • 15. Tipos de Máquinas de corte plasma Manuais
  • 16. Maquinas manuais, utilizadas em cortes específicos, serralherias e manutenções mecânicas.
  • 18. Máquina De Corte Plasma CNC
  • 19. CNC com 1 fonte plasma e 2 oxicorte
  • 20. AUTOCUT 3000 PRECISION Largura útil de corte 3000mm Módulos de trilho 2500mm e 5000mm Garagem 1200mm (aprox.) Velocidade máx. 15000mm/min Alimentação do equipamento 220 Vac - 50(*)/60Hz Capacidade de corte 3 a 100mm Capacidade máx. de estações oxicorte 06 e plasma 02
  • 21. Modelo 2500 7500 Larg. útil de corte mm 2438 7315 Larg. entre trilhos mm 4445 9322 Larg. total da máq. mm 5970 10850 Alt. da máq.mm 2460 2460 Velocidade da máq. 20000 mm / mim Nº máx. de maçaricos Até 8 Nº máx. de fontes plasma Até 2 Nº máx. de marcadores Até 2 Cap. da garagem transversalAté 7 estações escravas (básica)
  • 22. Máquina De Corte Plasma Máquina De Corte Plasma CNC CNC  Máquina de corte CNC especialmente fabricada para associar tecnologias de corte plasma,permitindo a instalação de até duas fontes plasma  Onde se exige áreas de corte a partir de 2.500 mm de largura útil até 5.000 mm , e com comprimentos útil de 6.000 mm , 12.000 mm , 18.000 mm ou conforme necessidade do cliente. Click na imagem
  • 23. Comparação de métodos Comparação de métodos Corte chapa de aço carbono 6mm Método Sangria Largura da zona afetada Laser 0,3mm 0,15 Plasma 3,2mm 0,50 Oxicorte 0,9mm 2,00
  • 24. Preço Preço Máquina de Oxicorte CNC US$ 160.000,00 Corte plasma CNC US$ 240.000,00 Corte Laser US$ 430.000,00
  • 25. Questionário Questionário 1. Como se forma o plasma 2. Quais fatores podem influenciar o arco plasma 3. Como funciona o corte plasma 4. Cite as principais vantagens do corte plasma 5. Faça uma tabela de relação gás e material. (qual o melhor gás para os diferentes tipos de material)