SlideShare uma empresa Scribd logo
Oi!
precisa ler todo esse material agora!
Ele será útil o curso
INTRODUÇÃO AO CURSO
Desenvolver suas habilidades como empreendedor
Pesquisar e elaborar um conceito de negócio
Aprofundar e testar o conceito seu negócio
Processo de precificação do seu produto/serviço
Definição de custos iniciais
Pitch do negócio
NESTE CURSO VOCÊ IRÁ:
VISÃO GERAL DO CURSO
COMO O BOTA PRA FAZER É ORGANIZADO
Dedicação além dos vídeos
Atividades complementares ao video
Ações passo-a-passo
Vídeos com empreendedores brasileiros
Materiais complementares
CONHEÇA A CARREIRA
EMPREENDEDORA
CARREIRA PROFISSIONAL
Você está preparado
para ter uma boa
carreira profissional?
Será que isto é
importante para
você?
Será que você não
vai se arrepender
de não ter aprendido
mais na faculdade?
Ou você é daqueles
que deixam para
pensar mais tarde?
Será que você seria
contratado por alguém
da sua classe?
Você contrataria
alguém da sua classe?
SERÁ QUE FAZ SENTIDO TRABALHAR COM O QUE VOCÊ GOSTA?
“Quanto mais cedo uma pessoa
procurar e descobrir aquilo que
ama fazer, melhor. A vida fica
mais fácil. O sucesso também.”1
QUEM CONCORDA? QUEM DISCORDA?
“Só trabalha, no sentido duro da
palavra, quem não gosta do que
faz, por isso, eu, graças a Deus,
nunca precisei trabalhar.”2
1 . Vicente Falconi , empreendedor do INDG, uma das
consultorias mais prestigiadas do Brasil e venture corp
da Endeavor Brasil
2 . Comandante Rolim Amaro,
empreendedor da TAM Linhas Aéreas
VOCÊ PRETENDE SER PROTAGONISTA OU COADJUVANTE
EM SUA VIDA PROFISSIONAL?
NÃO QUEREM
NEM SABER
Você vai ser protagonista, o ator ou atriz principal da sua vida? Ou vai ser coadjuvante?
A QUE GRUPO VOCE PERTENCE?
Vai ser motorista e decidir que caminhos tomar? Ou passageiro, e deixar que outros decidam por você?
Vai errar e aprender com os erros? Ou nunca errar por medo de tentar?
NÃO SABEM
QUEREM SABER
NÃO QUEREM
SABER
SABEM
QUEREM
SABER FAZER
NÃO QUEREM
SABER FAZER
SABEM FAZER
QUEREM
FAZER
NÃO QUEREM
FAZER
FAZEM
QUEREM FAZER
MAIS E MELHOR
REFLEXÃO
O que é uma carreira profissional de sucesso?
Como aumentar as minhas chances de sucesso
profissional e pessoal?
Como posso aproveitar os conhecimentos que já possuo?
Como desenvolver uma idéia de negócio?
PERGUNTAS-CHAVE
JÁ PENSOU EM APOSTAR NO EMPREENDEDORISMO (PLANO A OU B)?
Como trabalhar com
o que gosta e ainda
ser bem remunerado
para fazer isto?
PAIXÕES
MERCADO
CONHECIMENTO
???
QUANDO FALAMOS EM APOSTAR NO EMPREENDEDORISMO...
O que é empreendedorismo?
Quais são os comportamentos de um empreendedor?
Quais são as características de um empreendedor de sucesso?
Qual é sua visão pessoal?
Como evoluir da ideia ao conceito de negócio?
EMPREENDEDORISMO | FRASE DE HARVARD
“Empreendedorismo é a busca incansável por
oportunidades, independentemente dos recursos
disponíveis.”
Harvard Business School
EMPREENDEDORES SÃO AQUELES QUE...
Encaram problemas como oportunidades
Organizam um plano de vendas e de marketing
Convertem clientes potenciais em clientes reais
Gerem riscos
Encontram capital financeiro
Constroem times de sucesso
São éticos
CARACTERÍSTICAS E HABILIDADES DE
UM EMPREENDEDOR
CARACTERÍSTICAS HABILIDADE
Desejo e paixão
Energia
Capacidade de crescer em
momentos de incerteza
Determinação e capacidade de
recuperação
Responsabilidade
Poder de persuasão
Autodisciplina
Autoconfiança
Responsabilidade social
Ética
Solução de problemas
Rede de contatos
Percepção do mercado
Pouca necessidade de apoio
Conhecimento do negócio
Bom avaliador de pessoas
PRIMEIRO PASSO NO PLANEJAMENTO
EMPRESARIAL: SUA VISÃO PESSOAL
AO PLANEJAR SEU NEGÓCIO, CONSIDERE AS ESCOLHAS PESSOAIS ABAIXO
Carga horária
Flexibilidade
Localização
Viagens
Valores morais, crenças e padrões
Exigências físicas
Envolvimento familiar
Renda pessoal ou futura
PRIMEIRO PASSO NO PLANEJAMENTO
EMPRESARIAL: SUA VISÃO PESSOAL
AO PLANEJAR SEU NEGÓCIO, CONSIDERE AS ESCOLHAS PESSOAIS ABAIXO
Poder ou status
Interação social
Envolvimento com as operações diárias
Expertise, habilidades e preferências
Estabilidade profissional
Futuros objetivos profissionais
Negócio para crescimento X negócio para
qualidade de vida
2. EXPLORE SEU PERFIL
EMPREENDEDOR
MOMENTO PARA GERAR IDÉIAS PARA
O SEU NEGÓCIO…
Idéias a partir
do seu perfil
pessoal
Idéias a partir
do mercado
MOMENTO PARA GERAR IDÉIAS PARA
O SEU NEGÓCIO…
Não há outras
tendências?
IDÉIAS A PARTIR DO MERCADO
Idéia já existia em
outro local ou contexto Insatisfação com
algum produto
ou serviço
idéias a partir
do mercado
idéias compatíveis
com o seu perfil
Suas preferências
com competência
Análise de
Mercado
Tendência de mercado
IDÉIAS A PARTIR DO MERCADO
Você, ou se tiver sócios, você e seus sócios
gostos
tangíveis
Suas
preferências
Suas preferências
com competências
Análise de
mercado
gostos
intangíveis
Competências
atuais
Competências
futuras
Lista de idéias de negócios que integrem seus
gostos e competências
Sua melhor idéia de negócio
(gostos pessoais + competências + mercado)
Suas
competências
idéias de
negócio
“a” idéia de negócio
DICAS PARA VOCÊ TER IDÉIAS DE NEGÓCIOS
não se subestime
inspire-se nos grandes
empreendedores
não só copie,
faça melhor
misture conceitos
inove o suficiente
resolva um problema
VOCÊ, EMPREENDEDOR(A): PARA VOCÊ FAZER MAIS E MELHOR!
Faça a diferença
Sonhe grande
Bote pra fazer
Lidere o grupo
Contribua para
um mundo melhor
CONSTRUINDO MINHA REDE DE RELACIONAMENTO
Aliados estão comprometidos
a ajudá-lo a ter sucesso
Defensor repassam oportunidades para você
Associados compartilham
a participação em um grupo
Atores trocam informações valiosas
Conhecidos se encontram
através de um contato e talvez
você os encontre novamente
Acidentais provavelmente nunca
se verão novamente
Baseado no livro Make Your Contacts Count [Aproveite seus contados] de Anne Baber e Lynne Waymon [AMACOM, 2002]. www.contactscount.com. Usado com permissão
E CHEGAMOS A SUA IDÉIA DE NEGÓCIO!
E CHEGAMOS A SUA IDÉIA DE NEGÓCIO!
O que é o meu produto/serviço e o que ele faz?
Em que ele é diferente de outros produtos/serviços?
Quem o comprará?
Porque eles o comprarão?
Como o produto/ serviço será promovido
e vendido/oferecido?
IDENTIFICA O PROPÓSITO E AS CARACTERÍSTICAS ÚNICAS DO NEGÓCIO
FALHAS CRUCIAIS NO CONCEITO DO NEGÓCIO
Não há necessidade real
Não funciona
Armadilhas mercadológicas em potencial
Economia inoportuna
Falta de proteção intelectual
Obsolescência
Possíveis problemas de instalação
Requer aprendizado
Requer mudanças no comportamento do consumidor
Suposições equivocadas
Inconveniência
Necessidade de atendimento
ANTES DE CONTINUARMOS, É MUITO IMPORTANTE QUE VOCÊ
FAÇA AS SEGUINTES ATIVIDADES PARA A PRÓXIMA AULA:
1)Explore Seu Perfil Empreendedor
2) Escolhendo uma Ideia de Negócio
3) Formando o Conceito de Negócio
IDENTIFIQUE E ATENDA
AS NECESSIDADES
DO MERCADO
FALHAS CRUCIAIS NO CONCEITO DO NEGÓCIO
Identificar problemas
e necessidades
Estudar setores econômicos,
mercados e concorrência
Estudar perfis de público,
estilos de vida e hábitos
Observar tendências
Estabelecer uma rede
pessoal de relacionamentos
amigos e
familiares
organizações
profissionais
de marketing
advogado
contador
banco
mentores
pesquisadores
e analistas
especialistas
em tecnologia
especialistas
do setor
VOCÊ
COMO AVALIAR OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS?
Gaste um tempo avaliando quais oportunidades
são adequadas a você e seus objetivos, segundo
os seguintes critérios:
Adequação ao seu atual conceito de negócio
Adequação à sua visão pessoal
Talentos e habilidades
Riscos e Recompensas
Capacidade de estabelecer uma vantagem competitiva
Longevidade da oportunidade
Potencial de crescimento
MODELAGEM
DO NEGÓCIO
O PROCESSO EMPREENDEDOR NA PRÁTICA
COMO PODE SER O PROCESSO EMPREENDEDOR
NA PRÁTICA
O QUE É UM MODELO DE NEGÓCIOS?
“Um modelo de negócios
descreve como a empresa
cria, entrega e captura valor”
Como você poderia
DESCREVER o SEU modelo
de negócios?
O CANVAS
CANVAS
LADO ESQUERDO
DO CANVAS
EFICIÊNCIA
LADO DIREITO
DO CANVAS
VALOR
SKYPE
• Skype Technologies é uma empresa global de comunicação via Internet, permitindo
comunicação de voz e vídeo grátis entre os usuários do software.
• O Skype está disponível em 27 idiomas e é usado em quase todos os países.
• Skype gera receita através de serviços que permitem comunicação de e para telefones
fixos e celulares, caixa de mensagens, transferência de chamadas e personalização.
• O Skype oferece ainda os serviços SkypeIn e SkypeOut, que são pagos e operam com
tarifas reduzidas.
• O SkypeIn é um código de acesso que permite que as pessoas utilizem telefones comuns e
celulares para ligar para seu Skype. Inverso, o SkypeOut é uma alternativa fácil e
econômica para ligar para telefones fixos e celulares no mundo todo através do Skype.
• Os créditos, podem ser comprados por cartão de crédito internacional e boleto bancário.
Proposta de
Valor
Relacionament
o com Clientes
Canais
Segmentos de
Clientes
Fontes de
Receita
Estrutura de
Custo
Recursos-
Chave
Atividades-
Chave
Parcerias
Principais
Provedores –
pagamento
Desenvolvimento
de Software
Ligações
Gratuitas de
voz (VOIP) e
video
Customização em
massa
pequenos e medios
empreendedores
Clientes-
Globalmente
(massa)
skype.com
logitech
Ligações
Baixo custo
(SkypeOut)
Desenvolvimento
de Software
SkypeOut – pré pago ou assinatura
Hardware Sales gratuito
Desenvolvedores
de Software
Base de usuários
Software
Atendimento
Logitech
Parceiros
Telco
CANVAS
Proposta de
Valor
Relaciona-
mento com
Clientes
Canais
Segmentos de
Clientes
Fontes de
Receita
Estrutura de
Custo
Recursos-Chave
Atividades-ChaveParcerias-
Chave
Desenvolvimento de
Software
Desenvolvedores
de Software
Software
Skype.com
Desenvolvimento de Software SkypeOut – pré pago ou assinatura
Hardware Sales
LogitechBase de
usuários
Customização em
massa
Ligações
Gratuitas de
voz (VOIP) e
video
Ligações
Baixo custo
(SkypeOut)
Provedores –
pagamento
Logitech
Parceiros
Telco
Clientes–Globalmente
(massa)
gratuito
Pequenos e médios
empreendedores
Atendimento
VALUE PROPOSITION CANVAS
Ferramenta criada por Alexander Osterwalder, é
utilizada para aprofundar a proposta de valor do seu
negócio, bem como entender melhor o segmento de
cliente escolhido. Veja a ferramenta disponível nos
materiais em anexo.
Vamos dar um ZOOM na sua Proposta de Valor
A sua ideia realmente gera valor para alguém?
imagem retirada do site: http://www.startupper.com.br
CANVAS – Sua idéia
PESQUISE E ANALISE
O MERCADO
PESQUISA DE MERCADO
O QUE É?
PRA QUE
SERVE?
TIPOS
Pesquisa primária: dados coletados especificamente para o seu
negócio
Pesquisa secundária: informações já coletadas por outro negócio ou
finalidade
Comunica-se de forma eficaz com seu público alvo
Identificar e entender oportunidades no mercado
Detectar potenciais obstáculos e problemas no conceito de negócio
Definir referências e avaliar seu sucesso
Processo de coletar dados sobre produtos e
serviços para determinar se eles satisfarão as
necessidades dos clientes
PESQUISA DE MERCADO: TIPOS, VANTAGENS E
DESVANTAGENS
TIPOS DE PESQUISA
DADOS
PRIMÁRIOS
DADOS
SECUNDÁRIOS
Oferecem resultados específicos que
podem ser muito importantes ao
lançar um novo produto ou serviços
São geralmente os mais atualizados
e relevantes para seu negócio
VANTAGENS DESVANTAGENS
São relativamente baratos
Podem ser de fácil acesso
via internet ou associações
comerciais
Pode não ser os mais atualizados
ou realmente relevantes para seu negócio
Nem sempre são específicos o suficiente
Podem ser difíceis de coletar já que seus
concorrentes podem não querer compartilhar
informações ou é difícil acessar os clientes
Pode demorar e custar caro realizar
pesquisas, entrevistas ou conduzir grupos de
discussão
PESQUISA DE MERCADO: ETAPAS
Brainstorm:
conceito de
negócio
Definir pergunta
principal
(objetivos)
Identificar as
informações
necessárias para
responder à
pergunta
Pesquisar fontes
primárias e
secundárias
Analisar e
interpretar os
dados coletados
Plano de negócios endeavor
Fontes oficiais: sites do IBGE ou ReceitaFederal
Sites de associação de empresas (como CNI)
Sites da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial
(ABDI), Ministério da Indústria e comércio (MDIC)
Patentes: INPI
SUGESTÕES DE FONTES DE PESQUISA
INFORMAÇÕES
SOBRE O SETOR
INFORMAÇÕES SOBRE
CONSUMIDORES
FONTES ALTERNATIVAS
DE INFORMAÇÕES
Fontes oficiais
Associações de classe
Pesquisa da concorrência
Biblioteca
Publicações (jornais e revistas)
Conversas com pessoas que já atuam no setor
Internet
Artigos em fontes não oficiais
ANÁLISE DE MERCADO
Perfil do cliente
Segmentos de mercado
Nichos de mercado
Mercados-alvo
Mercados futuros
ANÁLISE DE MERCADO
Critérios de análise de mercado- alvo:
Facilidade para entrada
Fácil de vender
Potencial de rentabilidade
Margem para sensibilidade de preços
Freqüência e quantidade de compras
Barreiras de entrada
Percepção do cliente que o produto
ou serviço é superior aos concorrentes
VANTAGEM COMPETITIVA
DIFERENCIAÇÃO
DE MERCADO
COMPETIÇÃO
POR PREÇO
Qualidade percebida
Atendimento ao cliente
Benefícios Reputação
Valor da marca
Foco no nicho
Inovação de produtos
Inovação de processos
Tecnologia
Custos fixos mais baixos
FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO
Como os clientes atuais e potenciais avaliam
seus concorrentes?
Qual fator parece ser o mais importante para os
clientes que adquirem seu produto/serviço?
Como os concorrentes disputam o mercado?
O que os competidores consideram como fator único
sobre seu produto/serviço?
CRITÉRIOS DE ANÁLISE DE MERCADO-ALVO
Qualidade percebida
Conveniência
Preço
Confiabilidade
Disponibilidade
Tratamento oferecido pela equipe
Reputação no mercado
Variedade de produtos/serviços
Habilidade ou expertise
Garantia
PROCESSO DE
PRECIFICAÇÃO
PROCESSO DE PRECIFICAÇÃO
Avaliar a posição
de preços e restrições
Considerar as estratégias
e as políticas de preço
Definir preços
ESCOLHA DO PREÇO
Fatores que influenciam
a precificação
Custo das mercadorias
Demanda de
produto/serviço
Concorrência
Precificação
Precificação de mercado
Precificação do cliente
Urgência do cliente
Margem de lucro
Fatores que influenciados
pela precificação
Volume de vendas
Receita sobre vendas
Fatia do mercado
Vantagem competitiva
Imagem da empresa
Rentabilidade
AVALIAR O POSICIONAMENTO DE PREÇOS E RESTRIÇÕES
ALTA
IGUAL
BAIXA
VANTAGENS E DESVANTAGENS DAS ESTRATÉGIAS DE PREÇOS
BENEFÍCIOS DAS ESTRATÉGIAS
DE REBAIXAMENTO
NOPOSICIONAMENTO DE PREÇO
Obriga os concorrentes a manterem os
preços baixos.
BENEFÍCIOS DAS ESTRATÉGIAS
DE ELEVAÇÃO NOPOSICIONAMENTO
DE PREÇO
BENEFÍCIOS DAS ESTRATÉGIAS
DE PARIDADE NOPOSICIONAMENTO
DE PREÇO
Atrai clientes a aproveitarem preços
especiais ou baixos.
Pode aumentar vendas e frequência
de compras.
As margens de lucro são altas;
menos transações necessárias.
A marca possui uma concepção
de valor ou imagem superior.
Clientes acreditam que
produtos/serviços são melhores que
outros no mercado.
Obriga os concorrentes a
manterem os preços de mercado
justos.
Cria padrões no setor para custos e
margens de lucro.
DESVANTAGENS DAS
ESTRATÉGIAS DE REBAIXAMENTO
NO POSICIONAMENTO DE PREÇO
DESVANTAGENS DAS
ESTRATÉGIAS DE ELEVAÇÃO NO
POSICIONAMENTO DE PREÇO
DESVANTAGENS DAS
ESTRATÉGIAS DE PARIDADE NO
POSICIONAMENTO DE PREÇO
Deve ser o líder de mercado
para o menor preço ou os melhores
negócios
Compete sob margens de lucro muito
baixas.
Atrai clientes sensíveis ao preço.
Atrai um pequeno nicho de
mercado.
O volume de vendas ou o número
de transações podem ser inferiores
aos de outros provedores no
mercado.
Deve manter os preços iguais aos demais
concorrentes.
Compete sob margens de lucro baixas ou
moderadas.
Pode não se diferenciar dos outros
concorrentes.
ESTRATÉGIAS DE PREÇOS
PREÇOS MAIS
BAIXOS
PREÇOS MAIS
ALTOS
PREÇOS
SIMILARES
Preço como
atrativo
Blindagem a
concorrência
Precificação
agressiva
Preço como
status
Preço
oportuno
Skimming
(ou desnatamento)
Média de
mercado
Preço
alvo
Contribuição
ou preço marginal
QUAIS INFORMAÇÕES POSSO CONSIDERAR COMO
REFERÊNCIA DURANTE O PROCESSO DE PRECIFICAÇÃO:
Perfil do setor
Análise competitiva
Análise de mercado
Público-alvo
Penetração no mercado
PARTINDO PARA A DEFINIÇÃO DO SEU PREÇO
1) Veja nos materiais complementares o questionário
sobre Perfil do Setor, Análise Competitiva, Análise de
Mercado e Preços
2)Vídeo sobre precificação
ROTEIRO DE
PERGUNTAS
MAPA DE EMPATIA
Fonte: www.startupper.com.br
MAPA DE EMPATIA
O que ele vê?
Como é o mundo em que ele vive?
O que as pessoas que o rodeiam fazem?
Como são os amigos dele?
O que está em alta no cotidiano dele?
O que ele ouve?
Que pessoas e ideais o influenciam?
O que as pessoas importantes de sua vida dizem?
Que atitude tem as marcas preferidas?
Quem são seus ídolos?
O que ele pensa e sente?
Quais são algumas ideias importantes
que ele pansa e não diz?
Como ele se sente em relação à vida?
Com o que anda preocupado
ultimamente? Por quê?
Quais são alguns sonhos?
O que ele fala e faz?
O que é comum de ele dizer?
Como ele costuma agir?
Quais são os hobbies?
Do que gosta de falar?Quais são suas dores?
Do que tem medo?
O que o frustra?
O que tem atrapralhado ele?
O que ele gostaria de mudar em sua vida?
COMO ELABORAR SUA ENTREVISTA
Definição de objetivos
Preparação do roteiro
Escolha de entrevistados
Aplicação
Compilação e análise de resultados
PARA FINALIZAR O PROCESSO, É MUITO IMPORTANTE QUE
VOCÊ FAÇA A SEGUINTE ATIVIDADE:
Trabalhe no seu roteiro de perguntas
Encontre mais informações nos
materiais complementares.
ESTIMANDO CUSTOS
INICIAIS
VIABILIDADE FINANCEIRA PARA VOCÊ
Por qual razão você decidiu abrir um negócio?
Quanto você pretende investir no negócio?
Quanto do investimento é proveniente de capital próprio?
Que salário você precisa?
Você estaria disposto a reduzir seu nível de vida por algum tempo?
Quais são seus sonhos para o futuro?
Existe alguma outra maneira de atingir seus objetivos financeiros?
PERGUNTAS QUE SÓ O EMPREENDEDOR PODE RESPONDER:
POR QUE VIABILIDADE FINANCEIRA?
Um negócio é viável quando responde positivamente as 3 perguntas:
Meu negócio atende
a uma necessidade
evidente no mercado
Meu negócio
será lucrativo
Meu negócio
corresponde à
minha visão pessoal
CUSTOS INICIAIS
Exemplos e custos
iniciais
OBJETIVOS DO NEGÓCIO
Perguntas que podem guiar o mapeamento dos custos
Onde o negócio será localizado?
Qual será o tamanho inicial do meu negócio?
Que instalações serão necessárias?
Que melhoras precisam ser feitas?
Quais ativos serão necessários (móveis, computadores, etc)?
Que tipo e quantidade de estoque será necessário?
Que exigências governamentais precisam ser atendidas?
Que tipos de iniciativas de marketing serão necessárias?
Que tipo e número de funcionários serão necessários?
INTRODUÇÃO A FINANÇAS
Equações de Lucratividade
Receitas – despesas = lucro ou prejuízo líquido
FÓRMULA BÁSICA
Receita = qtde de unidades vendidas x preço unitário
RECEITA
Margem Bruta = Receita – custo de mercadorias vendidas
Lucro líquido = Margem Bruta – despesas operacionais
RECEITA
ESCOLHENDO A ESTRUTURA LEGAL
Fatores que podem ajudar na decisão
Controle do negócio
Taxas e impostos
Responsabilidades
Transferência de direitos
Longevidade dos Negócios
Levantar capital
Facilidade de gestão
FORMAS LEGAIS DE FAZER NEGÓCIO NO BRASIL
Autônomo
Sociedade
Limitada
Sociedade
Anônima
Microempreendedor
Individual (MEI)
IMPOSTOS E CONTRIBUIÇÕES
Após registrar sua empresa e obter o CNPJ,
estas são as obrigações federais, estaduais e municipais
IRPJ | 15% + 10% sobre o que exceder o lucro presumido
CSLL | 9% sobre o lucro
PIS E COFINS | 0,65% e 3,65% sobre a receita bruta
IPI| Variável. Normalmente entre 10% e 12%
ICMS| Variável por produto
ISS| Variável entre 2% e 5%
MONTANDO A ORGANIZAÇÃO E O TIME
Primeiro desafio
Definir e gerenciar as principais funções do negócio
Quais tarefas-chave precisam ser feitas?
Quem irá executá-las?
Como melhor executá-las?
Como avaliar os resultados?
CONTRATANDO PESSOAS
Contrate pessoas melhores que você
Contrate pessoas diferentes de você
Supere sua tendência de centralização
Seja claro no propósito do negócio,
direção, estrutura e mensuração
Cultive habilidades
Recompense as pessoas
USANDO RECURSOS EXTERNOS
contadores
advogados bancos
consultoressite
Sua emprepa
PARA FINALIZAR O PROCESSO, É MUITO IMPORTANTE QUE
VOCÊ FAÇA A SEGUINTE ATIVIDADE:
1) Preencha o formulário sobre custos iniciais
COMO FAZER
SEU PITCH
O QUE DEVEMOS FALAR EM UMA APRESENTAÇÃO CURTA?
QUAIS PONTOS SÃO FUNDAMENTAIS?
EM UM PITCH CURTO, FOQUE EM 5 PONTOS PRINCIPAIS:
Qual o problema?
Qual a sua solução?
Por qual (quais) razão (razões) ela é a melhor?
Qual é o seu time?
Por que ele é capaz de implementar essa ideia?
PITCH DE 15 MINUTOS
Por que você?
Qual o problema?
Qual a sua solução?
A ideia já saiu do papel?
A sua ideia gera algum tipo de apelo emocional?
Sua ideia ajuda a melhorar o mundo? Qual o impacto?
Sua ideia é escalável? Como pretende fazer isso?
Qual o caminho crítico?
VAMOS TENTAR!
CONSIDERAÇÕES
FINAIS
QUÃO VIÁVEL É SEU NEGÓCIO?
Produto/Serviço
Marketing
Financeiro
OS 10 MAIORES ERROS
Objetivo ou plano de crescimento não é claro
Subvalorizar a concorrência
Expectativas e projeções sem sentido
Finanças incompletas
Falha ao demonstrar a vantagem competitiva
Falhas ortográficas e gramaticais
Informação irrelevante
Pouco conhecimento do mercado
Projeções irreais ao longo do tempo
Sem evidências de uma demanda real
DICAS PARA APRESENTAR O SEU NEGÓCIO
Mensagens principais
Quem vai utilizar seu produto?
Por que ele é necessário?
Como o dinheiro será gasto?
Qual retorno o investimento trará?
Quando?
CONHEÇA
SEU PÚBLICO
PENSE NA
FINALIDADE
UTILIZE
RECURSOS
VISUAIS
EVITANDO ARMADILHAS
1. Tenho experiência em empreendedorismo e planejamento de negócios e estou
desenvolvendo uma rede pessoal de pares, mentores e assessores
2. Levantarei o dinheiro necessário através de fontes de financiamento e capitalização
3. Conheço e entendo as oportunidades e ameaças que a concorrência representa e
identifiquei claramente minha vantagem competitiva
4. Tenho um plano para controlar e gerenciar o estoque, de modo a extrair o máximo
de meu capital
5. Tenho planos de crescimento
6. Pesquisarei para encontrar a melhor localização ou canal de distribuição para minha
empresa
7. Comprarei somente os bens necessários para atingir a receita projetada.
8. Buscarei bons prazos de crédito com meus fornecedores e negociarei prazos
menores para meus clientes
9. Implementarei meu Plano de Marketing para atingir o nível de vendas projetado
10. Completarei e implementarei meu Plano de Negócio para alcançar sucesso
Os 10 mandamentos do empreendedor
SONHEM GRANDE
E BOTEM PRA FAZER!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Planejamento Estrátegico
Planejamento EstrátegicoPlanejamento Estrátegico
Planejamento Estrátegico
Fabricio Medeiros
 
Introdução ao Design Thinking
Introdução ao Design Thinking   Introdução ao Design Thinking
Introdução ao Design Thinking
Priscila Machado
 
Osm aula1
Osm aula1Osm aula1
Osm aula1
Joel Vian
 
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão OrganizacionalAula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
Michel Moreira
 
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenáriosAula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Kesia Rozzett Oliveira
 
Estratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterEstratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael Porter
Thiago Rocha
 
Gestao Comercial
Gestao ComercialGestao Comercial
Gestao Comercial
PBNP_
 
Modelo de Negócios - Canvas
Modelo de Negócios - CanvasModelo de Negócios - Canvas
Modelo de Negócios - Canvas
Thiago Paiva
 
Gestão de Desempenho
Gestão de DesempenhoGestão de Desempenho
Gestão de Desempenho
Celia Carvalho
 
Apresentação Branding Construção de Marcas
Apresentação Branding Construção de MarcasApresentação Branding Construção de Marcas
Apresentação Branding Construção de Marcas
Cesar Miranda
 
Consultoria
ConsultoriaConsultoria
Consultoria
GLEYCESILVA
 
Avaliação de desempenho ppt
Avaliação de desempenho pptAvaliação de desempenho ppt
Avaliação de desempenho ppt
Estevam Pires
 
Cultura e clima organizacionais (1)
Cultura e clima organizacionais (1)Cultura e clima organizacionais (1)
Cultura e clima organizacionais (1)
Future Press, E-Press, Presentations,
 
Marketing Serviços
Marketing ServiçosMarketing Serviços
Marketing Serviços
Cadernos PPT
 
Melhoria de Processo de Negócio
Melhoria de Processo de NegócioMelhoria de Processo de Negócio
Melhoria de Processo de Negócio
Rildo (@rildosan) Santos
 
Plano de Marketing
Plano de MarketingPlano de Marketing
Plano de Marketing
Kenneth Corrêa
 
Canvas
CanvasCanvas
Mix de Marketing
Mix de MarketingMix de Marketing
Mix de Marketing
Nicholas Gimenes
 
Apresentação pesquisa de mercado
Apresentação pesquisa de mercadoApresentação pesquisa de mercado
Apresentação pesquisa de mercado
Anderson Alberto Ramos
 
Roteiro do projeto de logística
Roteiro do projeto de logísticaRoteiro do projeto de logística
Roteiro do projeto de logística
Daniel Moura
 

Mais procurados (20)

Planejamento Estrátegico
Planejamento EstrátegicoPlanejamento Estrátegico
Planejamento Estrátegico
 
Introdução ao Design Thinking
Introdução ao Design Thinking   Introdução ao Design Thinking
Introdução ao Design Thinking
 
Osm aula1
Osm aula1Osm aula1
Osm aula1
 
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão OrganizacionalAula - Estratégias de Gestão Organizacional
Aula - Estratégias de Gestão Organizacional
 
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenáriosAula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
Aula 3 - Diagnóstico organizacional: análise de ambientes e cenários
 
Estratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael PorterEstratégia competitiva de Michael Porter
Estratégia competitiva de Michael Porter
 
Gestao Comercial
Gestao ComercialGestao Comercial
Gestao Comercial
 
Modelo de Negócios - Canvas
Modelo de Negócios - CanvasModelo de Negócios - Canvas
Modelo de Negócios - Canvas
 
Gestão de Desempenho
Gestão de DesempenhoGestão de Desempenho
Gestão de Desempenho
 
Apresentação Branding Construção de Marcas
Apresentação Branding Construção de MarcasApresentação Branding Construção de Marcas
Apresentação Branding Construção de Marcas
 
Consultoria
ConsultoriaConsultoria
Consultoria
 
Avaliação de desempenho ppt
Avaliação de desempenho pptAvaliação de desempenho ppt
Avaliação de desempenho ppt
 
Cultura e clima organizacionais (1)
Cultura e clima organizacionais (1)Cultura e clima organizacionais (1)
Cultura e clima organizacionais (1)
 
Marketing Serviços
Marketing ServiçosMarketing Serviços
Marketing Serviços
 
Melhoria de Processo de Negócio
Melhoria de Processo de NegócioMelhoria de Processo de Negócio
Melhoria de Processo de Negócio
 
Plano de Marketing
Plano de MarketingPlano de Marketing
Plano de Marketing
 
Canvas
CanvasCanvas
Canvas
 
Mix de Marketing
Mix de MarketingMix de Marketing
Mix de Marketing
 
Apresentação pesquisa de mercado
Apresentação pesquisa de mercadoApresentação pesquisa de mercado
Apresentação pesquisa de mercado
 
Roteiro do projeto de logística
Roteiro do projeto de logísticaRoteiro do projeto de logística
Roteiro do projeto de logística
 

Destaque

Plano de negócio da apple inc.
Plano de negócio da apple inc.Plano de negócio da apple inc.
Plano de negócio da apple inc.
Luciana De Castro
 
Plano de Negócios para Lan House
Plano de Negócios para Lan HousePlano de Negócios para Lan House
Plano de Negócios para Lan House
Fred Pacheco
 
Amisha ap sebrae-endeavor
Amisha   ap sebrae-endeavorAmisha   ap sebrae-endeavor
Amisha ap sebrae-endeavor
Rede de Estudos de Empreendedorismo
 
Posicionamento Estratégico Apple
Posicionamento Estratégico ApplePosicionamento Estratégico Apple
Posicionamento Estratégico Apple
Aurivan
 
Apresentação Resumida
Apresentação ResumidaApresentação Resumida
Apresentação Resumida
Cesar Augusto
 
Plano de negócios passo a passo
Plano de negócios passo a passoPlano de negócios passo a passo
Plano de negócios passo a passo
josedornelas
 
Modelo De Plano De Negócio
Modelo De Plano De NegócioModelo De Plano De Negócio
Modelo De Plano De Negócio
Ricardo Martins Neves
 
Plano de Negócios - Slides facilitadores
Plano de Negócios - Slides facilitadoresPlano de Negócios - Slides facilitadores
Plano de Negócios - Slides facilitadores
Letícia Vilela de Aquino
 

Destaque (8)

Plano de negócio da apple inc.
Plano de negócio da apple inc.Plano de negócio da apple inc.
Plano de negócio da apple inc.
 
Plano de Negócios para Lan House
Plano de Negócios para Lan HousePlano de Negócios para Lan House
Plano de Negócios para Lan House
 
Amisha ap sebrae-endeavor
Amisha   ap sebrae-endeavorAmisha   ap sebrae-endeavor
Amisha ap sebrae-endeavor
 
Posicionamento Estratégico Apple
Posicionamento Estratégico ApplePosicionamento Estratégico Apple
Posicionamento Estratégico Apple
 
Apresentação Resumida
Apresentação ResumidaApresentação Resumida
Apresentação Resumida
 
Plano de negócios passo a passo
Plano de negócios passo a passoPlano de negócios passo a passo
Plano de negócios passo a passo
 
Modelo De Plano De Negócio
Modelo De Plano De NegócioModelo De Plano De Negócio
Modelo De Plano De Negócio
 
Plano de Negócios - Slides facilitadores
Plano de Negócios - Slides facilitadoresPlano de Negócios - Slides facilitadores
Plano de Negócios - Slides facilitadores
 

Semelhante a Plano de negócios endeavor

Oficina Feminina Empreenda Você
Oficina Feminina Empreenda VocêOficina Feminina Empreenda Você
Oficina Feminina Empreenda Você
negociodemulher
 
Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014
Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014
Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014
Eureca!
 
Como desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestra
Como desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestraComo desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestra
Como desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestra
Pedro Quintanilha
 
Treinamento de Vendas
Treinamento de VendasTreinamento de Vendas
Treinamento de Vendas
icxfloripa
 
Empreendedorismo Agil
Empreendedorismo AgilEmpreendedorismo Agil
Empreendedorismo Agil
Saulo Arruda
 
Oficina Feminina de Empreendedorismo | BH
Oficina Feminina de Empreendedorismo | BHOficina Feminina de Empreendedorismo | BH
Oficina Feminina de Empreendedorismo | BH
negociodemulher
 
Oficina Feminina de Empreendedorismo
Oficina Feminina de EmpreendedorismoOficina Feminina de Empreendedorismo
Oficina Feminina de Empreendedorismo
negociodemulher
 
Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec
Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec
Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec
Flavio Marinho
 
O desafio de vender valor para profissionais do Direito!
O desafio de vender valor para profissionais do Direito!O desafio de vender valor para profissionais do Direito!
O desafio de vender valor para profissionais do Direito!
Conecta Treinamento e Desenvolvimento Humano
 
Produtos vencedores
Produtos vencedoresProdutos vencedores
Produtos vencedores
Inspirience
 
Growth Hacking
Growth HackingGrowth Hacking
Growth Hacking
Rosi Rodrigues
 
Marketing para Pequenas Empresas
Marketing para Pequenas EmpresasMarketing para Pequenas Empresas
Marketing para Pequenas Empresas
Ricardo Jordão Magalhaes
 
Startups - É programando que se empreende
Startups - É programando que se empreendeStartups - É programando que se empreende
Startups - É programando que se empreende
Saulo Arruda
 
Guia modelagem-negocios
Guia modelagem-negociosGuia modelagem-negocios
Guia modelagem-negocios
Pedro de Oliveira
 
COMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCE
COMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCECOMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCE
COMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCE
Joel Moraes
 
Manual1 negociocerto
Manual1 negociocertoManual1 negociocerto
Manual1 negociocerto
Donisetti Cosma
 
Mídias Sociais Para Prestadores de Serviço
Mídias Sociais Para Prestadores de ServiçoMídias Sociais Para Prestadores de Serviço
Mídias Sociais Para Prestadores de Serviço
Prof. Filipe Andrade
 
Como Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de Negócio
Como Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de NegócioComo Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de Negócio
Como Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de Negócio
João Alexandre
 
Resumo de vendas em mídias sociais
Resumo de vendas em mídias sociaisResumo de vendas em mídias sociais
Resumo de vendas em mídias sociais
Adriana Soares
 
MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11
MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11
MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11
Rafael . Vieira
 

Semelhante a Plano de negócios endeavor (20)

Oficina Feminina Empreenda Você
Oficina Feminina Empreenda VocêOficina Feminina Empreenda Você
Oficina Feminina Empreenda Você
 
Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014
Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014
Palestra Eureca - SGE Unicamp 2014
 
Como desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestra
Como desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestraComo desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestra
Como desenvolver seu negocio digital pedro-quintanilha-palestra
 
Treinamento de Vendas
Treinamento de VendasTreinamento de Vendas
Treinamento de Vendas
 
Empreendedorismo Agil
Empreendedorismo AgilEmpreendedorismo Agil
Empreendedorismo Agil
 
Oficina Feminina de Empreendedorismo | BH
Oficina Feminina de Empreendedorismo | BHOficina Feminina de Empreendedorismo | BH
Oficina Feminina de Empreendedorismo | BH
 
Oficina Feminina de Empreendedorismo
Oficina Feminina de EmpreendedorismoOficina Feminina de Empreendedorismo
Oficina Feminina de Empreendedorismo
 
Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec
Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec
Workshop de modelagem de negócios - 2014 - iBAtec/ SENAI Cimatec
 
O desafio de vender valor para profissionais do Direito!
O desafio de vender valor para profissionais do Direito!O desafio de vender valor para profissionais do Direito!
O desafio de vender valor para profissionais do Direito!
 
Produtos vencedores
Produtos vencedoresProdutos vencedores
Produtos vencedores
 
Growth Hacking
Growth HackingGrowth Hacking
Growth Hacking
 
Marketing para Pequenas Empresas
Marketing para Pequenas EmpresasMarketing para Pequenas Empresas
Marketing para Pequenas Empresas
 
Startups - É programando que se empreende
Startups - É programando que se empreendeStartups - É programando que se empreende
Startups - É programando que se empreende
 
Guia modelagem-negocios
Guia modelagem-negociosGuia modelagem-negocios
Guia modelagem-negocios
 
COMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCE
COMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCECOMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCE
COMO SE TRANSFORMAR NUM EMPREENDEDOR DE ALTA PERFORMANCE
 
Manual1 negociocerto
Manual1 negociocertoManual1 negociocerto
Manual1 negociocerto
 
Mídias Sociais Para Prestadores de Serviço
Mídias Sociais Para Prestadores de ServiçoMídias Sociais Para Prestadores de Serviço
Mídias Sociais Para Prestadores de Serviço
 
Como Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de Negócio
Como Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de NegócioComo Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de Negócio
Como Ganhar uma Audiência nos seus primeiros 6 Meses de Negócio
 
Resumo de vendas em mídias sociais
Resumo de vendas em mídias sociaisResumo de vendas em mídias sociais
Resumo de vendas em mídias sociais
 
MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11
MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11
MBA FUCAPE - Curso Empreendedorismo 04/11
 

Mais de Karlla Costa

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Karlla Costa
 
Trabalho Remoto
Trabalho RemotoTrabalho Remoto
Trabalho Remoto
Karlla Costa
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
Karlla Costa
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
Karlla Costa
 
PAA
PAAPAA
MROC
MROCMROC
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
Karlla Costa
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
Certificadoempreendedorismonaep
Karlla Costa
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelaria
Karlla Costa
 
Agroturismo
AgroturismoAgroturismo
Agroturismo
Karlla Costa
 
ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5
Karlla Costa
 
ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5
Karlla Costa
 
ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4
Karlla Costa
 
ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3
Karlla Costa
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
Karlla Costa
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6
Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5
Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4
Karlla Costa
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3
Karlla Costa
 

Mais de Karlla Costa (20)

Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedinCertificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
Certificado deconclusao como aproveitar ao maximo o linkedin
 
Trabalho Remoto
Trabalho RemotoTrabalho Remoto
Trabalho Remoto
 
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEMFACILITADORES DA APRENDIZAGEM
FACILITADORES DA APRENDIZAGEM
 
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO  DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
DA VITIMIZAÇÃO A AÇÃO
 
PAA
PAAPAA
PAA
 
MROC
MROCMROC
MROC
 
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAISFORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
FORMAÇÃO DE CONTEUDISTAS PARA CURSOS VIRTUAIS
 
Certificadoempreendedorismonaep
CertificadoempreendedorismonaepCertificadoempreendedorismonaep
Certificadoempreendedorismonaep
 
Turismo e-hotelaria
Turismo e-hotelariaTurismo e-hotelaria
Turismo e-hotelaria
 
Agroturismo
AgroturismoAgroturismo
Agroturismo
 
ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5ASSOCATIVISMO 5
ASSOCATIVISMO 5
 
ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5ASSOCIATIVISMO 5
ASSOCIATIVISMO 5
 
ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4ASSCIATIVISMO 4
ASSCIATIVISMO 4
 
ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3ASSOCIATIVISMO 3
ASSOCIATIVISMO 3
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2CURSO ASSOCIATIVISMO 2
CURSO ASSOCIATIVISMO 2
 
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1CURSO ASSOCIATIVISMO 1
CURSO ASSOCIATIVISMO 1
 
Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6Agricultura de precisao modulo 6
Agricultura de precisao modulo 6
 
Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5Agricultura de precisao modulo 5
Agricultura de precisao modulo 5
 
Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4Agricultura de precisao modulo 4
Agricultura de precisao modulo 4
 
Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3Agricultura de precisao modulo 3
Agricultura de precisao modulo 3
 

Plano de negócios endeavor

  • 1. Oi! precisa ler todo esse material agora! Ele será útil o curso
  • 3. Desenvolver suas habilidades como empreendedor Pesquisar e elaborar um conceito de negócio Aprofundar e testar o conceito seu negócio Processo de precificação do seu produto/serviço Definição de custos iniciais Pitch do negócio NESTE CURSO VOCÊ IRÁ: VISÃO GERAL DO CURSO
  • 4. COMO O BOTA PRA FAZER É ORGANIZADO Dedicação além dos vídeos Atividades complementares ao video Ações passo-a-passo Vídeos com empreendedores brasileiros Materiais complementares
  • 6. CARREIRA PROFISSIONAL Você está preparado para ter uma boa carreira profissional? Será que isto é importante para você? Será que você não vai se arrepender de não ter aprendido mais na faculdade? Ou você é daqueles que deixam para pensar mais tarde? Será que você seria contratado por alguém da sua classe? Você contrataria alguém da sua classe?
  • 7. SERÁ QUE FAZ SENTIDO TRABALHAR COM O QUE VOCÊ GOSTA? “Quanto mais cedo uma pessoa procurar e descobrir aquilo que ama fazer, melhor. A vida fica mais fácil. O sucesso também.”1 QUEM CONCORDA? QUEM DISCORDA? “Só trabalha, no sentido duro da palavra, quem não gosta do que faz, por isso, eu, graças a Deus, nunca precisei trabalhar.”2 1 . Vicente Falconi , empreendedor do INDG, uma das consultorias mais prestigiadas do Brasil e venture corp da Endeavor Brasil 2 . Comandante Rolim Amaro, empreendedor da TAM Linhas Aéreas
  • 8. VOCÊ PRETENDE SER PROTAGONISTA OU COADJUVANTE EM SUA VIDA PROFISSIONAL? NÃO QUEREM NEM SABER Você vai ser protagonista, o ator ou atriz principal da sua vida? Ou vai ser coadjuvante? A QUE GRUPO VOCE PERTENCE? Vai ser motorista e decidir que caminhos tomar? Ou passageiro, e deixar que outros decidam por você? Vai errar e aprender com os erros? Ou nunca errar por medo de tentar? NÃO SABEM QUEREM SABER NÃO QUEREM SABER SABEM QUEREM SABER FAZER NÃO QUEREM SABER FAZER SABEM FAZER QUEREM FAZER NÃO QUEREM FAZER FAZEM QUEREM FAZER MAIS E MELHOR
  • 9. REFLEXÃO O que é uma carreira profissional de sucesso? Como aumentar as minhas chances de sucesso profissional e pessoal? Como posso aproveitar os conhecimentos que já possuo? Como desenvolver uma idéia de negócio? PERGUNTAS-CHAVE
  • 10. JÁ PENSOU EM APOSTAR NO EMPREENDEDORISMO (PLANO A OU B)? Como trabalhar com o que gosta e ainda ser bem remunerado para fazer isto? PAIXÕES MERCADO CONHECIMENTO ???
  • 11. QUANDO FALAMOS EM APOSTAR NO EMPREENDEDORISMO... O que é empreendedorismo? Quais são os comportamentos de um empreendedor? Quais são as características de um empreendedor de sucesso? Qual é sua visão pessoal? Como evoluir da ideia ao conceito de negócio?
  • 12. EMPREENDEDORISMO | FRASE DE HARVARD “Empreendedorismo é a busca incansável por oportunidades, independentemente dos recursos disponíveis.” Harvard Business School
  • 13. EMPREENDEDORES SÃO AQUELES QUE... Encaram problemas como oportunidades Organizam um plano de vendas e de marketing Convertem clientes potenciais em clientes reais Gerem riscos Encontram capital financeiro Constroem times de sucesso São éticos
  • 14. CARACTERÍSTICAS E HABILIDADES DE UM EMPREENDEDOR CARACTERÍSTICAS HABILIDADE Desejo e paixão Energia Capacidade de crescer em momentos de incerteza Determinação e capacidade de recuperação Responsabilidade Poder de persuasão Autodisciplina Autoconfiança Responsabilidade social Ética Solução de problemas Rede de contatos Percepção do mercado Pouca necessidade de apoio Conhecimento do negócio Bom avaliador de pessoas
  • 15. PRIMEIRO PASSO NO PLANEJAMENTO EMPRESARIAL: SUA VISÃO PESSOAL AO PLANEJAR SEU NEGÓCIO, CONSIDERE AS ESCOLHAS PESSOAIS ABAIXO Carga horária Flexibilidade Localização Viagens Valores morais, crenças e padrões Exigências físicas Envolvimento familiar Renda pessoal ou futura
  • 16. PRIMEIRO PASSO NO PLANEJAMENTO EMPRESARIAL: SUA VISÃO PESSOAL AO PLANEJAR SEU NEGÓCIO, CONSIDERE AS ESCOLHAS PESSOAIS ABAIXO Poder ou status Interação social Envolvimento com as operações diárias Expertise, habilidades e preferências Estabilidade profissional Futuros objetivos profissionais Negócio para crescimento X negócio para qualidade de vida
  • 17. 2. EXPLORE SEU PERFIL EMPREENDEDOR
  • 18. MOMENTO PARA GERAR IDÉIAS PARA O SEU NEGÓCIO… Idéias a partir do seu perfil pessoal Idéias a partir do mercado
  • 19. MOMENTO PARA GERAR IDÉIAS PARA O SEU NEGÓCIO… Não há outras tendências?
  • 20. IDÉIAS A PARTIR DO MERCADO Idéia já existia em outro local ou contexto Insatisfação com algum produto ou serviço idéias a partir do mercado idéias compatíveis com o seu perfil Suas preferências com competência Análise de Mercado Tendência de mercado
  • 21. IDÉIAS A PARTIR DO MERCADO Você, ou se tiver sócios, você e seus sócios gostos tangíveis Suas preferências Suas preferências com competências Análise de mercado gostos intangíveis Competências atuais Competências futuras Lista de idéias de negócios que integrem seus gostos e competências Sua melhor idéia de negócio (gostos pessoais + competências + mercado) Suas competências idéias de negócio “a” idéia de negócio
  • 22. DICAS PARA VOCÊ TER IDÉIAS DE NEGÓCIOS não se subestime inspire-se nos grandes empreendedores não só copie, faça melhor misture conceitos inove o suficiente resolva um problema
  • 23. VOCÊ, EMPREENDEDOR(A): PARA VOCÊ FAZER MAIS E MELHOR! Faça a diferença Sonhe grande Bote pra fazer Lidere o grupo Contribua para um mundo melhor
  • 24. CONSTRUINDO MINHA REDE DE RELACIONAMENTO Aliados estão comprometidos a ajudá-lo a ter sucesso Defensor repassam oportunidades para você Associados compartilham a participação em um grupo Atores trocam informações valiosas Conhecidos se encontram através de um contato e talvez você os encontre novamente Acidentais provavelmente nunca se verão novamente Baseado no livro Make Your Contacts Count [Aproveite seus contados] de Anne Baber e Lynne Waymon [AMACOM, 2002]. www.contactscount.com. Usado com permissão
  • 25. E CHEGAMOS A SUA IDÉIA DE NEGÓCIO!
  • 26. E CHEGAMOS A SUA IDÉIA DE NEGÓCIO! O que é o meu produto/serviço e o que ele faz? Em que ele é diferente de outros produtos/serviços? Quem o comprará? Porque eles o comprarão? Como o produto/ serviço será promovido e vendido/oferecido? IDENTIFICA O PROPÓSITO E AS CARACTERÍSTICAS ÚNICAS DO NEGÓCIO
  • 27. FALHAS CRUCIAIS NO CONCEITO DO NEGÓCIO Não há necessidade real Não funciona Armadilhas mercadológicas em potencial Economia inoportuna Falta de proteção intelectual Obsolescência Possíveis problemas de instalação Requer aprendizado Requer mudanças no comportamento do consumidor Suposições equivocadas Inconveniência Necessidade de atendimento
  • 28. ANTES DE CONTINUARMOS, É MUITO IMPORTANTE QUE VOCÊ FAÇA AS SEGUINTES ATIVIDADES PARA A PRÓXIMA AULA: 1)Explore Seu Perfil Empreendedor 2) Escolhendo uma Ideia de Negócio 3) Formando o Conceito de Negócio
  • 29. IDENTIFIQUE E ATENDA AS NECESSIDADES DO MERCADO
  • 30. FALHAS CRUCIAIS NO CONCEITO DO NEGÓCIO Identificar problemas e necessidades Estudar setores econômicos, mercados e concorrência Estudar perfis de público, estilos de vida e hábitos Observar tendências Estabelecer uma rede pessoal de relacionamentos amigos e familiares organizações profissionais de marketing advogado contador banco mentores pesquisadores e analistas especialistas em tecnologia especialistas do setor VOCÊ
  • 31. COMO AVALIAR OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS? Gaste um tempo avaliando quais oportunidades são adequadas a você e seus objetivos, segundo os seguintes critérios: Adequação ao seu atual conceito de negócio Adequação à sua visão pessoal Talentos e habilidades Riscos e Recompensas Capacidade de estabelecer uma vantagem competitiva Longevidade da oportunidade Potencial de crescimento
  • 33. O PROCESSO EMPREENDEDOR NA PRÁTICA
  • 34. COMO PODE SER O PROCESSO EMPREENDEDOR NA PRÁTICA
  • 35. O QUE É UM MODELO DE NEGÓCIOS? “Um modelo de negócios descreve como a empresa cria, entrega e captura valor”
  • 36. Como você poderia DESCREVER o SEU modelo de negócios?
  • 39. SKYPE • Skype Technologies é uma empresa global de comunicação via Internet, permitindo comunicação de voz e vídeo grátis entre os usuários do software. • O Skype está disponível em 27 idiomas e é usado em quase todos os países. • Skype gera receita através de serviços que permitem comunicação de e para telefones fixos e celulares, caixa de mensagens, transferência de chamadas e personalização. • O Skype oferece ainda os serviços SkypeIn e SkypeOut, que são pagos e operam com tarifas reduzidas. • O SkypeIn é um código de acesso que permite que as pessoas utilizem telefones comuns e celulares para ligar para seu Skype. Inverso, o SkypeOut é uma alternativa fácil e econômica para ligar para telefones fixos e celulares no mundo todo através do Skype. • Os créditos, podem ser comprados por cartão de crédito internacional e boleto bancário.
  • 40. Proposta de Valor Relacionament o com Clientes Canais Segmentos de Clientes Fontes de Receita Estrutura de Custo Recursos- Chave Atividades- Chave Parcerias Principais Provedores – pagamento Desenvolvimento de Software Ligações Gratuitas de voz (VOIP) e video Customização em massa pequenos e medios empreendedores Clientes- Globalmente (massa) skype.com logitech Ligações Baixo custo (SkypeOut) Desenvolvimento de Software SkypeOut – pré pago ou assinatura Hardware Sales gratuito Desenvolvedores de Software Base de usuários Software Atendimento Logitech Parceiros Telco CANVAS Proposta de Valor Relaciona- mento com Clientes Canais Segmentos de Clientes Fontes de Receita Estrutura de Custo Recursos-Chave Atividades-ChaveParcerias- Chave Desenvolvimento de Software Desenvolvedores de Software Software Skype.com Desenvolvimento de Software SkypeOut – pré pago ou assinatura Hardware Sales LogitechBase de usuários Customização em massa Ligações Gratuitas de voz (VOIP) e video Ligações Baixo custo (SkypeOut) Provedores – pagamento Logitech Parceiros Telco Clientes–Globalmente (massa) gratuito Pequenos e médios empreendedores Atendimento
  • 41. VALUE PROPOSITION CANVAS Ferramenta criada por Alexander Osterwalder, é utilizada para aprofundar a proposta de valor do seu negócio, bem como entender melhor o segmento de cliente escolhido. Veja a ferramenta disponível nos materiais em anexo.
  • 42. Vamos dar um ZOOM na sua Proposta de Valor A sua ideia realmente gera valor para alguém? imagem retirada do site: http://www.startupper.com.br
  • 43. CANVAS – Sua idéia
  • 45. PESQUISA DE MERCADO O QUE É? PRA QUE SERVE? TIPOS Pesquisa primária: dados coletados especificamente para o seu negócio Pesquisa secundária: informações já coletadas por outro negócio ou finalidade Comunica-se de forma eficaz com seu público alvo Identificar e entender oportunidades no mercado Detectar potenciais obstáculos e problemas no conceito de negócio Definir referências e avaliar seu sucesso Processo de coletar dados sobre produtos e serviços para determinar se eles satisfarão as necessidades dos clientes
  • 46. PESQUISA DE MERCADO: TIPOS, VANTAGENS E DESVANTAGENS TIPOS DE PESQUISA DADOS PRIMÁRIOS DADOS SECUNDÁRIOS Oferecem resultados específicos que podem ser muito importantes ao lançar um novo produto ou serviços São geralmente os mais atualizados e relevantes para seu negócio VANTAGENS DESVANTAGENS São relativamente baratos Podem ser de fácil acesso via internet ou associações comerciais Pode não ser os mais atualizados ou realmente relevantes para seu negócio Nem sempre são específicos o suficiente Podem ser difíceis de coletar já que seus concorrentes podem não querer compartilhar informações ou é difícil acessar os clientes Pode demorar e custar caro realizar pesquisas, entrevistas ou conduzir grupos de discussão
  • 47. PESQUISA DE MERCADO: ETAPAS Brainstorm: conceito de negócio Definir pergunta principal (objetivos) Identificar as informações necessárias para responder à pergunta Pesquisar fontes primárias e secundárias Analisar e interpretar os dados coletados
  • 49. Fontes oficiais: sites do IBGE ou ReceitaFederal Sites de associação de empresas (como CNI) Sites da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Ministério da Indústria e comércio (MDIC) Patentes: INPI SUGESTÕES DE FONTES DE PESQUISA INFORMAÇÕES SOBRE O SETOR INFORMAÇÕES SOBRE CONSUMIDORES FONTES ALTERNATIVAS DE INFORMAÇÕES Fontes oficiais Associações de classe Pesquisa da concorrência Biblioteca Publicações (jornais e revistas) Conversas com pessoas que já atuam no setor Internet Artigos em fontes não oficiais
  • 50. ANÁLISE DE MERCADO Perfil do cliente Segmentos de mercado Nichos de mercado Mercados-alvo Mercados futuros
  • 51. ANÁLISE DE MERCADO Critérios de análise de mercado- alvo: Facilidade para entrada Fácil de vender Potencial de rentabilidade Margem para sensibilidade de preços Freqüência e quantidade de compras Barreiras de entrada Percepção do cliente que o produto ou serviço é superior aos concorrentes
  • 52. VANTAGEM COMPETITIVA DIFERENCIAÇÃO DE MERCADO COMPETIÇÃO POR PREÇO Qualidade percebida Atendimento ao cliente Benefícios Reputação Valor da marca Foco no nicho Inovação de produtos Inovação de processos Tecnologia Custos fixos mais baixos
  • 53. FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO Como os clientes atuais e potenciais avaliam seus concorrentes? Qual fator parece ser o mais importante para os clientes que adquirem seu produto/serviço? Como os concorrentes disputam o mercado? O que os competidores consideram como fator único sobre seu produto/serviço? CRITÉRIOS DE ANÁLISE DE MERCADO-ALVO Qualidade percebida Conveniência Preço Confiabilidade Disponibilidade Tratamento oferecido pela equipe Reputação no mercado Variedade de produtos/serviços Habilidade ou expertise Garantia
  • 55. PROCESSO DE PRECIFICAÇÃO Avaliar a posição de preços e restrições Considerar as estratégias e as políticas de preço Definir preços
  • 56. ESCOLHA DO PREÇO Fatores que influenciam a precificação Custo das mercadorias Demanda de produto/serviço Concorrência Precificação Precificação de mercado Precificação do cliente Urgência do cliente Margem de lucro Fatores que influenciados pela precificação Volume de vendas Receita sobre vendas Fatia do mercado Vantagem competitiva Imagem da empresa Rentabilidade
  • 57. AVALIAR O POSICIONAMENTO DE PREÇOS E RESTRIÇÕES ALTA IGUAL BAIXA
  • 58. VANTAGENS E DESVANTAGENS DAS ESTRATÉGIAS DE PREÇOS BENEFÍCIOS DAS ESTRATÉGIAS DE REBAIXAMENTO NOPOSICIONAMENTO DE PREÇO Obriga os concorrentes a manterem os preços baixos. BENEFÍCIOS DAS ESTRATÉGIAS DE ELEVAÇÃO NOPOSICIONAMENTO DE PREÇO BENEFÍCIOS DAS ESTRATÉGIAS DE PARIDADE NOPOSICIONAMENTO DE PREÇO Atrai clientes a aproveitarem preços especiais ou baixos. Pode aumentar vendas e frequência de compras. As margens de lucro são altas; menos transações necessárias. A marca possui uma concepção de valor ou imagem superior. Clientes acreditam que produtos/serviços são melhores que outros no mercado. Obriga os concorrentes a manterem os preços de mercado justos. Cria padrões no setor para custos e margens de lucro. DESVANTAGENS DAS ESTRATÉGIAS DE REBAIXAMENTO NO POSICIONAMENTO DE PREÇO DESVANTAGENS DAS ESTRATÉGIAS DE ELEVAÇÃO NO POSICIONAMENTO DE PREÇO DESVANTAGENS DAS ESTRATÉGIAS DE PARIDADE NO POSICIONAMENTO DE PREÇO Deve ser o líder de mercado para o menor preço ou os melhores negócios Compete sob margens de lucro muito baixas. Atrai clientes sensíveis ao preço. Atrai um pequeno nicho de mercado. O volume de vendas ou o número de transações podem ser inferiores aos de outros provedores no mercado. Deve manter os preços iguais aos demais concorrentes. Compete sob margens de lucro baixas ou moderadas. Pode não se diferenciar dos outros concorrentes.
  • 59. ESTRATÉGIAS DE PREÇOS PREÇOS MAIS BAIXOS PREÇOS MAIS ALTOS PREÇOS SIMILARES Preço como atrativo Blindagem a concorrência Precificação agressiva Preço como status Preço oportuno Skimming (ou desnatamento) Média de mercado Preço alvo Contribuição ou preço marginal
  • 60. QUAIS INFORMAÇÕES POSSO CONSIDERAR COMO REFERÊNCIA DURANTE O PROCESSO DE PRECIFICAÇÃO: Perfil do setor Análise competitiva Análise de mercado Público-alvo Penetração no mercado
  • 61. PARTINDO PARA A DEFINIÇÃO DO SEU PREÇO 1) Veja nos materiais complementares o questionário sobre Perfil do Setor, Análise Competitiva, Análise de Mercado e Preços 2)Vídeo sobre precificação
  • 63. MAPA DE EMPATIA Fonte: www.startupper.com.br
  • 64. MAPA DE EMPATIA O que ele vê? Como é o mundo em que ele vive? O que as pessoas que o rodeiam fazem? Como são os amigos dele? O que está em alta no cotidiano dele? O que ele ouve? Que pessoas e ideais o influenciam? O que as pessoas importantes de sua vida dizem? Que atitude tem as marcas preferidas? Quem são seus ídolos? O que ele pensa e sente? Quais são algumas ideias importantes que ele pansa e não diz? Como ele se sente em relação à vida? Com o que anda preocupado ultimamente? Por quê? Quais são alguns sonhos? O que ele fala e faz? O que é comum de ele dizer? Como ele costuma agir? Quais são os hobbies? Do que gosta de falar?Quais são suas dores? Do que tem medo? O que o frustra? O que tem atrapralhado ele? O que ele gostaria de mudar em sua vida?
  • 65. COMO ELABORAR SUA ENTREVISTA Definição de objetivos Preparação do roteiro Escolha de entrevistados Aplicação Compilação e análise de resultados
  • 66. PARA FINALIZAR O PROCESSO, É MUITO IMPORTANTE QUE VOCÊ FAÇA A SEGUINTE ATIVIDADE: Trabalhe no seu roteiro de perguntas Encontre mais informações nos materiais complementares.
  • 68. VIABILIDADE FINANCEIRA PARA VOCÊ Por qual razão você decidiu abrir um negócio? Quanto você pretende investir no negócio? Quanto do investimento é proveniente de capital próprio? Que salário você precisa? Você estaria disposto a reduzir seu nível de vida por algum tempo? Quais são seus sonhos para o futuro? Existe alguma outra maneira de atingir seus objetivos financeiros? PERGUNTAS QUE SÓ O EMPREENDEDOR PODE RESPONDER:
  • 69. POR QUE VIABILIDADE FINANCEIRA? Um negócio é viável quando responde positivamente as 3 perguntas: Meu negócio atende a uma necessidade evidente no mercado Meu negócio será lucrativo Meu negócio corresponde à minha visão pessoal
  • 70. CUSTOS INICIAIS Exemplos e custos iniciais
  • 71. OBJETIVOS DO NEGÓCIO Perguntas que podem guiar o mapeamento dos custos Onde o negócio será localizado? Qual será o tamanho inicial do meu negócio? Que instalações serão necessárias? Que melhoras precisam ser feitas? Quais ativos serão necessários (móveis, computadores, etc)? Que tipo e quantidade de estoque será necessário? Que exigências governamentais precisam ser atendidas? Que tipos de iniciativas de marketing serão necessárias? Que tipo e número de funcionários serão necessários?
  • 72. INTRODUÇÃO A FINANÇAS Equações de Lucratividade Receitas – despesas = lucro ou prejuízo líquido FÓRMULA BÁSICA Receita = qtde de unidades vendidas x preço unitário RECEITA Margem Bruta = Receita – custo de mercadorias vendidas Lucro líquido = Margem Bruta – despesas operacionais RECEITA
  • 73. ESCOLHENDO A ESTRUTURA LEGAL Fatores que podem ajudar na decisão Controle do negócio Taxas e impostos Responsabilidades Transferência de direitos Longevidade dos Negócios Levantar capital Facilidade de gestão
  • 74. FORMAS LEGAIS DE FAZER NEGÓCIO NO BRASIL Autônomo Sociedade Limitada Sociedade Anônima Microempreendedor Individual (MEI)
  • 75. IMPOSTOS E CONTRIBUIÇÕES Após registrar sua empresa e obter o CNPJ, estas são as obrigações federais, estaduais e municipais IRPJ | 15% + 10% sobre o que exceder o lucro presumido CSLL | 9% sobre o lucro PIS E COFINS | 0,65% e 3,65% sobre a receita bruta IPI| Variável. Normalmente entre 10% e 12% ICMS| Variável por produto ISS| Variável entre 2% e 5%
  • 76. MONTANDO A ORGANIZAÇÃO E O TIME Primeiro desafio Definir e gerenciar as principais funções do negócio Quais tarefas-chave precisam ser feitas? Quem irá executá-las? Como melhor executá-las? Como avaliar os resultados?
  • 77. CONTRATANDO PESSOAS Contrate pessoas melhores que você Contrate pessoas diferentes de você Supere sua tendência de centralização Seja claro no propósito do negócio, direção, estrutura e mensuração Cultive habilidades Recompense as pessoas
  • 78. USANDO RECURSOS EXTERNOS contadores advogados bancos consultoressite Sua emprepa
  • 79. PARA FINALIZAR O PROCESSO, É MUITO IMPORTANTE QUE VOCÊ FAÇA A SEGUINTE ATIVIDADE: 1) Preencha o formulário sobre custos iniciais
  • 81. O QUE DEVEMOS FALAR EM UMA APRESENTAÇÃO CURTA? QUAIS PONTOS SÃO FUNDAMENTAIS?
  • 82. EM UM PITCH CURTO, FOQUE EM 5 PONTOS PRINCIPAIS: Qual o problema? Qual a sua solução? Por qual (quais) razão (razões) ela é a melhor? Qual é o seu time? Por que ele é capaz de implementar essa ideia?
  • 83. PITCH DE 15 MINUTOS Por que você? Qual o problema? Qual a sua solução? A ideia já saiu do papel? A sua ideia gera algum tipo de apelo emocional? Sua ideia ajuda a melhorar o mundo? Qual o impacto? Sua ideia é escalável? Como pretende fazer isso? Qual o caminho crítico?
  • 86. QUÃO VIÁVEL É SEU NEGÓCIO? Produto/Serviço Marketing Financeiro
  • 87. OS 10 MAIORES ERROS Objetivo ou plano de crescimento não é claro Subvalorizar a concorrência Expectativas e projeções sem sentido Finanças incompletas Falha ao demonstrar a vantagem competitiva Falhas ortográficas e gramaticais Informação irrelevante Pouco conhecimento do mercado Projeções irreais ao longo do tempo Sem evidências de uma demanda real
  • 88. DICAS PARA APRESENTAR O SEU NEGÓCIO Mensagens principais Quem vai utilizar seu produto? Por que ele é necessário? Como o dinheiro será gasto? Qual retorno o investimento trará? Quando? CONHEÇA SEU PÚBLICO PENSE NA FINALIDADE UTILIZE RECURSOS VISUAIS
  • 89. EVITANDO ARMADILHAS 1. Tenho experiência em empreendedorismo e planejamento de negócios e estou desenvolvendo uma rede pessoal de pares, mentores e assessores 2. Levantarei o dinheiro necessário através de fontes de financiamento e capitalização 3. Conheço e entendo as oportunidades e ameaças que a concorrência representa e identifiquei claramente minha vantagem competitiva 4. Tenho um plano para controlar e gerenciar o estoque, de modo a extrair o máximo de meu capital 5. Tenho planos de crescimento 6. Pesquisarei para encontrar a melhor localização ou canal de distribuição para minha empresa 7. Comprarei somente os bens necessários para atingir a receita projetada. 8. Buscarei bons prazos de crédito com meus fornecedores e negociarei prazos menores para meus clientes 9. Implementarei meu Plano de Marketing para atingir o nível de vendas projetado 10. Completarei e implementarei meu Plano de Negócio para alcançar sucesso Os 10 mandamentos do empreendedor
  • 90. SONHEM GRANDE E BOTEM PRA FAZER!