SlideShare uma empresa Scribd logo
Quais os estados em que se pode encontrar
água no planeta Terra?
A) Sólido, líquido e gasoso.
B) Gelatinoso, líquido e gasoso.
C) Gelado, seco e gasoso.
Qual a percentagem de água presente no
corpo humano?
A) Aproximadamente 70%.
B) 100%
C) Aproximadamente 50%
A água é um elemento que está em constante transformação.
As suas alterações verificam-se com o passar do tempo. Com
base, principalmente, na energia solar, ela muda de estado
físico constantemente, variando entre sólida, líquida e
gasosa. O processo descrito pelo texto corresponde:
A) aos movimentos das águas doces.
B) à relação entre água potável e água salgada.
C) ao ciclo da água
Qual dos seguintes tipos de água é
destinada ao consumo humano?
A) Água doce.
B) Água potável
C) Água salgada
Qual o significado da sigla ETAR?
A) Estação de Tratamento de Águas de Rega
B) Estação de Tratamento de Águas Residuais
C) Estação de Tratamento de Aviários e Resíduos
Qual o significado da sigla ETA?
A) Estação de Tratamento de Água
B) Estação de Tratamento Andante
C) Estação de Troca de Ar
Qual a percentagem de água gasta, em
média, na casa de banho?
A) 50% do consumo total.
B) 35% do consumo total.
C) 75% do consumo total
Qual a percentagem de água doce existente
no planeta?
A)30%
B)10%
C)3%
Em quanto tempo uma pessoa num país em
vias de desenvolvimento, gasta o
equivalente a uma descarga de autoclismo
nos países desenvolvidos?
A) Em 12 horas.
B) Em 24 horas.
C) Em 6 horas.
Onde está armazenada a maior parte da
água doce disponível?
A) Poços
B) No subsolo, em aquíferos
C) Nos rios
A água presente na atmosfera, nos oceanos ou nos glaciares circula
continuamente, no entanto o tempo de renovação médio de cada um
destes reservatórios é diferente. Nos Oceanos é de 3 000 anos,
nos aquíferos é de 300 anos, nos lagos é de 1 a 100 anos, nos rios
é de 12 a 20 dias e na atmosfera quantos são?
A) 9 a 10 dias
B) 2 a 3 meses
C) 2 a 8 dias
O que é a Evaporação?
A) Passagem da água do estado líquido para o estado gasoso
B) Passagem da água do estado gasoso para o estado líquido
C) Passagem da água do estado gasoso para o estado sólido
O que é a Condensação?
A) Passagem da água do estado gasoso para o estado líquido
B) Passagem da água do estado líquido para o estado gasoso
C) Passagem da água do estado líquido para o estado sólido
A fórmula química da água é:
A) H2O
B) 2HO
C) O2H
Qual a designação do processo que
corresponde à passagem da água do estado
líquido ao estado gasoso?
A) Evaporação
B) Condensação
C) Infiltração
Qual a designação do processo que
corresponde à passagem da água do estado
gasoso ao estado líquido?
A)Evaporação
B)Condensação
C)Infiltração
Qual a designação do fenómeno da chuva?
A) Infiltração
B) Precipitação
C) Escoamento
A água que existe no nosso planeta, na
maioria, é:
A) Doce
B) Salgada
C) Potável
O que é a água potável?
A) Água própria para consumo humano
B) Qualquer água doce
C) Água imprópria para consumo humano
Onde surgiu inicialmente a vida na Terra?
A) Na água
B) No ar
C) Na terra
Porquê a designação - “Ciclo da Água”?
A) Porque no Ciclo da Água existem gotas de água
B) Porque é a mesma água que circula na natureza passando por vários
estados físicos.
C) Porque a água circula nos rios
O que origina a evaporação da água?
A) A ação do Sol (calor)
B) A ação da chuva
C) O arrefecimento
A água imprópria para consumo humano pode tornar-
se própria para consumo através de processos de
A) Desinfeção, filtração e fervura
B) Evaporação
C) Condensação
Qual é a entidade responsável pela distribuição de
água no concelho de Beja?
A) Câmara Municipal de Beja
B) EMAS de Beja, EM
C) Junta de Freguesia
Em Beja, qual é a entidade responsável pela
recolha de águas residuais?
A) Câmara Municipal de Beja
B) EMAS de Beja, EM
C) Águas Públicas do Alentejo, S.A.
A EMAS tem um Laboratório de análises de
água?
A) Sim
B) Não
O Laboratório EMAS realiza análises para
controlo de qualidade da água distribuída?
A) Sim
B) Não
Em média, no concelho de Beja, para controlo de qualidade
da água distribuída, a EMAS realiza na rede de distribuição
e reservatórios:
A) 4 Análises por dia;
B) 13 Análises por dia;
C) 24 Análises por dia.
Água residual é:
A) A água depois de utilizada;
B) A água dos mares;
C) A água para consumo humano.
As águas residuais domésticas são
produzidas:
A) Em nossas casas (depois da utilização);
B) Em indústrias;
C) Em ETAR.
As ETAR transformam as águas residuais
próprias para:
A) Para consumo humano
B) Rejeição na linha de água
A água é tratada em:
A) Estações de Tratamento de Água (ETA)
B) Estações de Tratamentos de Águas Residuais
A água para consumo humano é
obrigatoriamente desinfetada?
A) Sim
B) Pode não ser
C) Não
Quanta água se perde diariamente por uma
torneira mal fechada?
A) 6 litros
B) 16 litros
C) 46 litros
Nos fontanários não ligados à rede pública,
o consumo da água é:
A) Seguro porque a água tem sabor agradável
B) Perigoso porque a água não é tratada
C) Nenhuma das respostas anteriores está correcta
A desinfeção da água é importante porque:
A) Elimina os microrganismos
B) Elimina poluentes
C) Elimina o cheiro
Os tubos por onde circula água até à
entrada das nossas casas designam-se:
A) Condutas
B) Ramais
C) Canos
Os reservatórios servem para:
A) Armazenar materiais
B) Armazenar água
C) Nenhuma das anteriores
Nas nossas casas, as torneiras devem estar
sempre limpas, porquê?
A) É importante porque evita a contaminação da água
B) É importante porque evita a contaminação dos alimentos
C) Não é importante.
Nas nossas casas, as torneiras devem estar
sempre limpas, porquê?
A) É importante porque evita a contaminação da água
B) É importante porque evita a contaminação dos alimentos
C) Não é importante
Deve-se fechar a torneira enquanto se
lavam os dentes?
A) Sim, porque evita o desperdício de água.
B) Sim, porque a torneira pode avariar.
C) Não
Nos reservatórios, a água:
A) Está parada, e só entra água quando está vazio.
B) Circula, isto é, entra e a sai conforme o consumo.
A água dos poços pode-se beber?
A) Não, caso não seja tratada.
B) Sim, porque sabe bem.
C) Sim
Como se chama a barragem cuja água é origem de
abastecimento aos concelhos de Beja e Aljustrel?
A) Alqueva
B) Odivelas
C) Roxo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BA
Conhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BAConhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BA
Conhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BA
Danilo Galvão
 
Perispirito
PerispiritoPerispirito
Perispirito
guest2609465
 
Parabola 10 virgens
Parabola 10 virgensParabola 10 virgens
Parabola 10 virgens
Oribes Teixeira
 
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
Marcos Antônio Alves
 
Reencarnação e Evolução
Reencarnação e EvoluçãoReencarnação e Evolução
Reencarnação e Evolução
Ponte de Luz ASEC
 
Perdão
PerdãoPerdão
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHOO ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
Jorge Luiz dos Santos
 
Onde esta o seu coracao modificado
Onde esta o seu coracao modificadoOnde esta o seu coracao modificado
Onde esta o seu coracao modificado
Jocarli Junior
 
Apresentação parábola do semeador.
Apresentação parábola do semeador.Apresentação parábola do semeador.
Apresentação parábola do semeador.
Sandra Cecília Rocha
 
Riqueza e Pobreza
Riqueza e PobrezaRiqueza e Pobreza
Riqueza e Pobreza
Angelo Baptista
 
Slide livre arbítrio
Slide  livre arbítrioSlide  livre arbítrio
Slide livre arbítrio
bonattinho
 
Apresentação aula parabola do semeador
Apresentação aula parabola do semeadorApresentação aula parabola do semeador
Apresentação aula parabola do semeador
Carlos Oliveira
 
Parábola do Mau Rico
Parábola do Mau RicoParábola do Mau Rico
Parábola do Mau Rico
igmateus
 
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Antonio Braga
 
Evangelização - Os Três Meninos - Honestidade
Evangelização - Os Três Meninos - HonestidadeEvangelização - Os Três Meninos - Honestidade
Evangelização - Os Três Meninos - Honestidade
Antonino Silva
 
A fé transporta montanhas
A fé transporta montanhasA fé transporta montanhas
A fé transporta montanhas
elanojose
 
A reencarnacao de segismundo
A reencarnacao de segismundoA reencarnacao de segismundo
A reencarnacao de segismundo
Marta Gomes
 
Felicidade sem Culpa
Felicidade sem CulpaFelicidade sem Culpa
Felicidade sem Culpa
Luciana Flores
 
Colônia espiritual nosso lar - andré luiz & chico xavier
Colônia espiritual nosso lar -  andré luiz & chico xavierColônia espiritual nosso lar -  andré luiz & chico xavier
Colônia espiritual nosso lar - andré luiz & chico xavier
Francisco de Assis Alencar
 
Caderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completo
Caderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completoCaderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completo
Caderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completo
Alice Lirio
 

Mais procurados (20)

Conhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BA
Conhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BAConhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BA
Conhece se uma árvore pelos frutos! Palestrante Danilo Galvão - SAJ/BA
 
Perispirito
PerispiritoPerispirito
Perispirito
 
Parabola 10 virgens
Parabola 10 virgensParabola 10 virgens
Parabola 10 virgens
 
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)A Porta Estreita (Palestra Espírita)
A Porta Estreita (Palestra Espírita)
 
Reencarnação e Evolução
Reencarnação e EvoluçãoReencarnação e Evolução
Reencarnação e Evolução
 
Perdão
PerdãoPerdão
Perdão
 
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHOO ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
 
Onde esta o seu coracao modificado
Onde esta o seu coracao modificadoOnde esta o seu coracao modificado
Onde esta o seu coracao modificado
 
Apresentação parábola do semeador.
Apresentação parábola do semeador.Apresentação parábola do semeador.
Apresentação parábola do semeador.
 
Riqueza e Pobreza
Riqueza e PobrezaRiqueza e Pobreza
Riqueza e Pobreza
 
Slide livre arbítrio
Slide  livre arbítrioSlide  livre arbítrio
Slide livre arbítrio
 
Apresentação aula parabola do semeador
Apresentação aula parabola do semeadorApresentação aula parabola do semeador
Apresentação aula parabola do semeador
 
Parábola do Mau Rico
Parábola do Mau RicoParábola do Mau Rico
Parábola do Mau Rico
 
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
Anjos Guardioes Protetores - Livro dos Espiritos - Questoes 489-521 / O Evang...
 
Evangelização - Os Três Meninos - Honestidade
Evangelização - Os Três Meninos - HonestidadeEvangelização - Os Três Meninos - Honestidade
Evangelização - Os Três Meninos - Honestidade
 
A fé transporta montanhas
A fé transporta montanhasA fé transporta montanhas
A fé transporta montanhas
 
A reencarnacao de segismundo
A reencarnacao de segismundoA reencarnacao de segismundo
A reencarnacao de segismundo
 
Felicidade sem Culpa
Felicidade sem CulpaFelicidade sem Culpa
Felicidade sem Culpa
 
Colônia espiritual nosso lar - andré luiz & chico xavier
Colônia espiritual nosso lar -  andré luiz & chico xavierColônia espiritual nosso lar -  andré luiz & chico xavier
Colônia espiritual nosso lar - andré luiz & chico xavier
 
Caderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completo
Caderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completoCaderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completo
Caderno de-atividades 2-cic-de-inf-ii_completo
 

Destaque

Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...
Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...
Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...
petambiental
 
Questionário
QuestionárioQuestionário
Questionário
brunna queiroz
 
Segurança na escola
Segurança na escolaSegurança na escola
Segurança na escola
Luís Filipe Pato
 
Peddy Paper Ecológico
Peddy Paper EcológicoPeddy Paper Ecológico
Peddy Paper Ecológico
João Nuno Calado
 
Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais
Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais
Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais
Francisco Nogueira
 
CondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãO
CondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãOCondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãO
CondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãO
maria luiza de paula mazzucatto
 
Ciclo de vida das plantas
Ciclo de vida das plantasCiclo de vida das plantas
Ciclo de vida das plantas
Marcelaribeirobio
 
Escassez De Agua
Escassez De AguaEscassez De Agua
Escassez De Agua
sandrabio
 
Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
kyzinha
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
Andreia Pereira
 
O ciclo de vida das plantas
O ciclo de vida das plantasO ciclo de vida das plantas
O ciclo de vida das plantas
TIC14 CMÌlhavo
 
Poluição Atmosférica
Poluição AtmosféricaPoluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
marco :)
 
Ciclo de vida de plantas
Ciclo de vida de plantasCiclo de vida de plantas
Ciclo de vida de plantas
Lander Exequiel Gonzales Peña
 
Poluição do ar ( slide) apresentação
 Poluição do ar ( slide) apresentação Poluição do ar ( slide) apresentação
Poluição do ar ( slide) apresentação
JJRBOL
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
Helena Marques
 
estados físicos da água
estados físicos da águaestados físicos da água
estados físicos da água
adeliomoura
 
A água slide
A água slideA água slide
A água slide
kelrryma
 
Slides agua
Slides   aguaSlides   agua
Slides agua
marllacristtina
 
Projeto água
Projeto águaProjeto água
Projeto água
gregori33
 

Destaque (19)

Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...
Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...
Monitoramento do consumo: o passo inicial para a promoção do uso racional da ...
 
Questionário
QuestionárioQuestionário
Questionário
 
Segurança na escola
Segurança na escolaSegurança na escola
Segurança na escola
 
Peddy Paper Ecológico
Peddy Paper EcológicoPeddy Paper Ecológico
Peddy Paper Ecológico
 
Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais
Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais
Poluição Atmosférica 8º ano / Ciências Naturais
 
CondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãO
CondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãOCondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãO
CondensaçãO,SolidificaçãO,PrecipitaçãO
 
Ciclo de vida das plantas
Ciclo de vida das plantasCiclo de vida das plantas
Ciclo de vida das plantas
 
Escassez De Agua
Escassez De AguaEscassez De Agua
Escassez De Agua
 
Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica Poluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
 
O ciclo de vida das plantas
O ciclo de vida das plantasO ciclo de vida das plantas
O ciclo de vida das plantas
 
Poluição Atmosférica
Poluição AtmosféricaPoluição Atmosférica
Poluição Atmosférica
 
Ciclo de vida de plantas
Ciclo de vida de plantasCiclo de vida de plantas
Ciclo de vida de plantas
 
Poluição do ar ( slide) apresentação
 Poluição do ar ( slide) apresentação Poluição do ar ( slide) apresentação
Poluição do ar ( slide) apresentação
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
 
estados físicos da água
estados físicos da águaestados físicos da água
estados físicos da água
 
A água slide
A água slideA água slide
A água slide
 
Slides agua
Slides   aguaSlides   agua
Slides agua
 
Projeto água
Projeto águaProjeto água
Projeto água
 

Semelhante a Perguntas actividade dia da árvore

Olimpiadas da água
Olimpiadas da águaOlimpiadas da água
Olimpiadas da água
SaoLivrosSenhor
 
6º ano água
6º ano água6º ano água
6º ano água
Carlos Magno Braga
 
Exercícios sobre a água
Exercícios sobre a águaExercícios sobre a água
Exercícios sobre a água
Education Nationale
 
Biologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exercicios
Biologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exerciciosBiologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exercicios
Biologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exercicios
GrunTag
 
Uni teste 6º ano
Uni teste 6º anoUni teste 6º ano
Uni teste 6º ano
Dayse Raquel
 
Eficiência Hídrica
Eficiência HídricaEficiência Hídrica
Eficiência Hídrica
Nuno Ratão
 
Palestra dia mundial da agua
Palestra dia mundial da aguaPalestra dia mundial da agua
Palestra dia mundial da agua
Maiquel Vieira
 
Propriedades coligativas
Propriedades coligativasPropriedades coligativas
Propriedades coligativas
Ana Dias
 
áGua carlota pião
áGua    carlota  piãoáGua    carlota  pião
áGua carlota pião
eb1favaios
 
Água carlota pião
Água    carlota  piãoÁgua    carlota  pião
Água carlota pião
eb1favaios
 
Ava cien agua e doenças
Ava cien agua e doençasAva cien agua e doenças
Ava cien agua e doenças
Michele Moreira
 
Agua na terra
Agua na terraAgua na terra
Agua na terra
M. Eugénia Antunes
 
Avaliação de ciências.parte i
Avaliação de ciências.parte iAvaliação de ciências.parte i
Avaliação de ciências.parte i
Jonas Souza
 
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De VidaHipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De Vida
rubiamarques
 
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De VidaHipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De Vida
neusadefatima
 
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De VidaHipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Arinetefreitas
 
Ciclo da Água
Ciclo da ÁguaCiclo da Água
Ciclo da Água
Adminefa
 
Ciclo Da áGua Ultimo
Ciclo Da áGua UltimoCiclo Da áGua Ultimo
Ciclo Da áGua Ultimo
Ttavares
 
Propriedades coligativas
Propriedades coligativasPropriedades coligativas
Propriedades coligativas
Aninha Felix Vieira Dias
 
A água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potável
A água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potávelA água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potável
A água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potável
Beatriz Rodrigues
 

Semelhante a Perguntas actividade dia da árvore (20)

Olimpiadas da água
Olimpiadas da águaOlimpiadas da água
Olimpiadas da água
 
6º ano água
6º ano água6º ano água
6º ano água
 
Exercícios sobre a água
Exercícios sobre a águaExercícios sobre a água
Exercícios sobre a água
 
Biologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exercicios
Biologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exerciciosBiologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exercicios
Biologia ecologia ciclos_biogeoquimicos_exercicios
 
Uni teste 6º ano
Uni teste 6º anoUni teste 6º ano
Uni teste 6º ano
 
Eficiência Hídrica
Eficiência HídricaEficiência Hídrica
Eficiência Hídrica
 
Palestra dia mundial da agua
Palestra dia mundial da aguaPalestra dia mundial da agua
Palestra dia mundial da agua
 
Propriedades coligativas
Propriedades coligativasPropriedades coligativas
Propriedades coligativas
 
áGua carlota pião
áGua    carlota  piãoáGua    carlota  pião
áGua carlota pião
 
Água carlota pião
Água    carlota  piãoÁgua    carlota  pião
Água carlota pião
 
Ava cien agua e doenças
Ava cien agua e doençasAva cien agua e doenças
Ava cien agua e doenças
 
Agua na terra
Agua na terraAgua na terra
Agua na terra
 
Avaliação de ciências.parte i
Avaliação de ciências.parte iAvaliação de ciências.parte i
Avaliação de ciências.parte i
 
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De VidaHipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De Vida
 
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De VidaHipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De Vida
 
Hipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De VidaHipermidia Agua Fonte De Vida
Hipermidia Agua Fonte De Vida
 
Ciclo da Água
Ciclo da ÁguaCiclo da Água
Ciclo da Água
 
Ciclo Da áGua Ultimo
Ciclo Da áGua UltimoCiclo Da áGua Ultimo
Ciclo Da áGua Ultimo
 
Propriedades coligativas
Propriedades coligativasPropriedades coligativas
Propriedades coligativas
 
A água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potável
A água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potávelA água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potável
A água na Terra - abundância, distribuição, escassez e água potável
 

Último

-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
SthafaniHussin1
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 

Último (20)

-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 

Perguntas actividade dia da árvore

  • 1.
  • 2. Quais os estados em que se pode encontrar água no planeta Terra? A) Sólido, líquido e gasoso. B) Gelatinoso, líquido e gasoso. C) Gelado, seco e gasoso.
  • 3.
  • 4. Qual a percentagem de água presente no corpo humano? A) Aproximadamente 70%. B) 100% C) Aproximadamente 50%
  • 5.
  • 6. A água é um elemento que está em constante transformação. As suas alterações verificam-se com o passar do tempo. Com base, principalmente, na energia solar, ela muda de estado físico constantemente, variando entre sólida, líquida e gasosa. O processo descrito pelo texto corresponde: A) aos movimentos das águas doces. B) à relação entre água potável e água salgada. C) ao ciclo da água
  • 7.
  • 8. Qual dos seguintes tipos de água é destinada ao consumo humano? A) Água doce. B) Água potável C) Água salgada
  • 9.
  • 10. Qual o significado da sigla ETAR? A) Estação de Tratamento de Águas de Rega B) Estação de Tratamento de Águas Residuais C) Estação de Tratamento de Aviários e Resíduos
  • 11.
  • 12. Qual o significado da sigla ETA? A) Estação de Tratamento de Água B) Estação de Tratamento Andante C) Estação de Troca de Ar
  • 13.
  • 14. Qual a percentagem de água gasta, em média, na casa de banho? A) 50% do consumo total. B) 35% do consumo total. C) 75% do consumo total
  • 15.
  • 16. Qual a percentagem de água doce existente no planeta? A)30% B)10% C)3%
  • 17.
  • 18. Em quanto tempo uma pessoa num país em vias de desenvolvimento, gasta o equivalente a uma descarga de autoclismo nos países desenvolvidos? A) Em 12 horas. B) Em 24 horas. C) Em 6 horas.
  • 19.
  • 20. Onde está armazenada a maior parte da água doce disponível? A) Poços B) No subsolo, em aquíferos C) Nos rios
  • 21.
  • 22. A água presente na atmosfera, nos oceanos ou nos glaciares circula continuamente, no entanto o tempo de renovação médio de cada um destes reservatórios é diferente. Nos Oceanos é de 3 000 anos, nos aquíferos é de 300 anos, nos lagos é de 1 a 100 anos, nos rios é de 12 a 20 dias e na atmosfera quantos são? A) 9 a 10 dias B) 2 a 3 meses C) 2 a 8 dias
  • 23.
  • 24. O que é a Evaporação? A) Passagem da água do estado líquido para o estado gasoso B) Passagem da água do estado gasoso para o estado líquido C) Passagem da água do estado gasoso para o estado sólido
  • 25.
  • 26. O que é a Condensação? A) Passagem da água do estado gasoso para o estado líquido B) Passagem da água do estado líquido para o estado gasoso C) Passagem da água do estado líquido para o estado sólido
  • 27.
  • 28. A fórmula química da água é: A) H2O B) 2HO C) O2H
  • 29.
  • 30. Qual a designação do processo que corresponde à passagem da água do estado líquido ao estado gasoso? A) Evaporação B) Condensação C) Infiltração
  • 31.
  • 32. Qual a designação do processo que corresponde à passagem da água do estado gasoso ao estado líquido? A)Evaporação B)Condensação C)Infiltração
  • 33.
  • 34. Qual a designação do fenómeno da chuva? A) Infiltração B) Precipitação C) Escoamento
  • 35.
  • 36. A água que existe no nosso planeta, na maioria, é: A) Doce B) Salgada C) Potável
  • 37.
  • 38. O que é a água potável? A) Água própria para consumo humano B) Qualquer água doce C) Água imprópria para consumo humano
  • 39.
  • 40. Onde surgiu inicialmente a vida na Terra? A) Na água B) No ar C) Na terra
  • 41.
  • 42. Porquê a designação - “Ciclo da Água”? A) Porque no Ciclo da Água existem gotas de água B) Porque é a mesma água que circula na natureza passando por vários estados físicos. C) Porque a água circula nos rios
  • 43.
  • 44. O que origina a evaporação da água? A) A ação do Sol (calor) B) A ação da chuva C) O arrefecimento
  • 45.
  • 46. A água imprópria para consumo humano pode tornar- se própria para consumo através de processos de A) Desinfeção, filtração e fervura B) Evaporação C) Condensação
  • 47.
  • 48. Qual é a entidade responsável pela distribuição de água no concelho de Beja? A) Câmara Municipal de Beja B) EMAS de Beja, EM C) Junta de Freguesia
  • 49.
  • 50. Em Beja, qual é a entidade responsável pela recolha de águas residuais? A) Câmara Municipal de Beja B) EMAS de Beja, EM C) Águas Públicas do Alentejo, S.A.
  • 51.
  • 52. A EMAS tem um Laboratório de análises de água? A) Sim B) Não
  • 53.
  • 54. O Laboratório EMAS realiza análises para controlo de qualidade da água distribuída? A) Sim B) Não
  • 55.
  • 56. Em média, no concelho de Beja, para controlo de qualidade da água distribuída, a EMAS realiza na rede de distribuição e reservatórios: A) 4 Análises por dia; B) 13 Análises por dia; C) 24 Análises por dia.
  • 57.
  • 58. Água residual é: A) A água depois de utilizada; B) A água dos mares; C) A água para consumo humano.
  • 59.
  • 60. As águas residuais domésticas são produzidas: A) Em nossas casas (depois da utilização); B) Em indústrias; C) Em ETAR.
  • 61.
  • 62. As ETAR transformam as águas residuais próprias para: A) Para consumo humano B) Rejeição na linha de água
  • 63.
  • 64. A água é tratada em: A) Estações de Tratamento de Água (ETA) B) Estações de Tratamentos de Águas Residuais
  • 65.
  • 66. A água para consumo humano é obrigatoriamente desinfetada? A) Sim B) Pode não ser C) Não
  • 67.
  • 68. Quanta água se perde diariamente por uma torneira mal fechada? A) 6 litros B) 16 litros C) 46 litros
  • 69.
  • 70. Nos fontanários não ligados à rede pública, o consumo da água é: A) Seguro porque a água tem sabor agradável B) Perigoso porque a água não é tratada C) Nenhuma das respostas anteriores está correcta
  • 71.
  • 72. A desinfeção da água é importante porque: A) Elimina os microrganismos B) Elimina poluentes C) Elimina o cheiro
  • 73.
  • 74. Os tubos por onde circula água até à entrada das nossas casas designam-se: A) Condutas B) Ramais C) Canos
  • 75.
  • 76. Os reservatórios servem para: A) Armazenar materiais B) Armazenar água C) Nenhuma das anteriores
  • 77.
  • 78. Nas nossas casas, as torneiras devem estar sempre limpas, porquê? A) É importante porque evita a contaminação da água B) É importante porque evita a contaminação dos alimentos C) Não é importante.
  • 79.
  • 80. Nas nossas casas, as torneiras devem estar sempre limpas, porquê? A) É importante porque evita a contaminação da água B) É importante porque evita a contaminação dos alimentos C) Não é importante
  • 81.
  • 82. Deve-se fechar a torneira enquanto se lavam os dentes? A) Sim, porque evita o desperdício de água. B) Sim, porque a torneira pode avariar. C) Não
  • 83.
  • 84. Nos reservatórios, a água: A) Está parada, e só entra água quando está vazio. B) Circula, isto é, entra e a sai conforme o consumo.
  • 85.
  • 86. A água dos poços pode-se beber? A) Não, caso não seja tratada. B) Sim, porque sabe bem. C) Sim
  • 87.
  • 88. Como se chama a barragem cuja água é origem de abastecimento aos concelhos de Beja e Aljustrel? A) Alqueva B) Odivelas C) Roxo