SlideShare uma empresa Scribd logo
Perfil do Animador
Turística
Carina Silva 10
Tiago Montes 32
1
TIAT

Módulo 12
• Tem de ter qualidades na comunicação, espirito
aberto, muita disponibilidade, carácter
extrovertido, talento e ter uma especialidade
numa actividade desportiva ou lúdica.
• Personalidade forte, muito imaginação,
dinamismo, flexibilidade e capacidade sugestiva,
tornam esta profissão mais complicado e
complexa.

Animador
TIAT

2
Módulo 12
1. Bom comunicador;
2. Criativo, dinâmico e espirito
líder;
3. Grande capacidade de
adaptação;
4. Organizado;
5. Dominador de técnicas e de
recursos;
6. Aprendizagem constante;
7. Grande capacidade de
improvisar;

8. Grande capacidade
pedagógica;
9. Tolerante;
10. Observador;
11. Simpático e amável;
12. Forte espirito de equipa;
13. Entusiasta;
14. Forte física e
psicologicamente.

3
14 qualidades de um bom animador
TIAT

Módulo 12
• Estas são as principais qualidades que
o animador deve possuir.
• Mas para o ponto de vista da
intervenção do animador e para seu
controlo e orientação, é necessário
inserir alguns princípios orientadores.

Conclusão das qualidades4
TIAT

Módulo 12
• Nunca esquecer que o objetivo principal do
animador é satisfazer os gostos e as expectativas do
maior número possível de cliente e de os entreter.
• Tentarem sempre um adaptação às condições
específicas do trabalho e efetuar, sem apresentarem
demasiados obstáculos.
• Nunca se envolver em comportamentos mais ou
menos íntimos ou de fácil equívoco com qualquer
cliente.

Princípios orientados do animador 5
TIAT

Módulo 12
• Animar aspetos, monumentos estruturas e
acontecimentos, promover o acesso á cultura,
contribuir para o desenvolvimento das
capacidades criadoras, promover o contacto entre
os elementos do grupo e aumentar a participação
nas atividades propostas, faz com que cada vez
mais o animador tenha de saber organizar,
planificar e dirigir atividades.

Atribuições do animador
TIAT

6
Módulo 12

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Programa de área de integração
Programa de área de integraçãoPrograma de área de integração
Programa de área de integração
Joana
 
A arte medieval
A arte medievalA arte medieval
A arte medieval
cattonia
 
Módulo 1- otet.pptx
Módulo 1- otet.pptxMódulo 1- otet.pptx
Módulo 1- otet.pptx
Ema de Carvalho
 
Animação turística
Animação turísticaAnimação turística
Animação turística
Patricia Degenhardt
 
Segmentação do Turismo e o Mercado
Segmentação do Turismo e o MercadoSegmentação do Turismo e o Mercado
Segmentação do Turismo e o Mercado
Secretaria de Município de Turismo - Santa Maria / RS
 
Multifuncionalidade 11ºlh1
Multifuncionalidade 11ºlh1Multifuncionalidade 11ºlh1
Multifuncionalidade 11ºlh1
mariajosantos
 
TIAT - acolhimento turistico
TIAT - acolhimento turisticoTIAT - acolhimento turistico
TIAT - acolhimento turistico
teresam15
 
Arquitetura mosteiro batalha
Arquitetura   mosteiro batalhaArquitetura   mosteiro batalha
Arquitetura mosteiro batalha
joaokota
 
Otet módulo 2
Otet módulo 2Otet módulo 2
Otet módulo 2
TatyFG
 
Área de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formação
Área de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formaçãoÁrea de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formação
Área de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formação
LilyLx
 
Trbalho de ciencias pn
Trbalho de ciencias pnTrbalho de ciencias pn
Trbalho de ciencias pn
Ana Agostinho
 
Ficha 1 cultura do mosteiro
Ficha 1  cultura do mosteiroFicha 1  cultura do mosteiro
Ficha 1 cultura do mosteiro
Carla Teixeira
 
O tempo das Reformas Religiosas - 8ºano
O tempo das Reformas Religiosas - 8ºanoO tempo das Reformas Religiosas - 8ºano
O tempo das Reformas Religiosas - 8ºano
Zé Mário
 
Módulo 1 conceitos e fundamentos do turismo
Módulo 1   conceitos e fundamentos do turismoMódulo 1   conceitos e fundamentos do turismo
Módulo 1 conceitos e fundamentos do turismo
Raquel Melo
 
Mercados Emissores
Mercados EmissoresMercados Emissores
Mercados Emissores
Pedro Peixoto
 
Como planear Programas de Animação Hoteleira
Como planear Programas de Animação HoteleiraComo planear Programas de Animação Hoteleira
Como planear Programas de Animação Hoteleira
Smilecatch
 
Parque Natural do Tejo Internacional
Parque Natural do Tejo InternacionalParque Natural do Tejo Internacional
Parque Natural do Tejo Internacional
Pedro Peixoto
 
Cultura do mosteiro
Cultura do mosteiroCultura do mosteiro
Cultura do mosteiro
Ana Barreiros
 
UFCD 4256 - Juventude e Grupo de Pares
UFCD 4256 - Juventude e Grupo de ParesUFCD 4256 - Juventude e Grupo de Pares
UFCD 4256 - Juventude e Grupo de Pares
Manualis
 
História do turismo
História do turismoHistória do turismo
História do turismo
rosaband
 

Mais procurados (20)

Programa de área de integração
Programa de área de integraçãoPrograma de área de integração
Programa de área de integração
 
A arte medieval
A arte medievalA arte medieval
A arte medieval
 
Módulo 1- otet.pptx
Módulo 1- otet.pptxMódulo 1- otet.pptx
Módulo 1- otet.pptx
 
Animação turística
Animação turísticaAnimação turística
Animação turística
 
Segmentação do Turismo e o Mercado
Segmentação do Turismo e o MercadoSegmentação do Turismo e o Mercado
Segmentação do Turismo e o Mercado
 
Multifuncionalidade 11ºlh1
Multifuncionalidade 11ºlh1Multifuncionalidade 11ºlh1
Multifuncionalidade 11ºlh1
 
TIAT - acolhimento turistico
TIAT - acolhimento turisticoTIAT - acolhimento turistico
TIAT - acolhimento turistico
 
Arquitetura mosteiro batalha
Arquitetura   mosteiro batalhaArquitetura   mosteiro batalha
Arquitetura mosteiro batalha
 
Otet módulo 2
Otet módulo 2Otet módulo 2
Otet módulo 2
 
Área de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formação
Área de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formaçãoÁrea de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formação
Área de Integração - Programas da União Europeia da juventude e formação
 
Trbalho de ciencias pn
Trbalho de ciencias pnTrbalho de ciencias pn
Trbalho de ciencias pn
 
Ficha 1 cultura do mosteiro
Ficha 1  cultura do mosteiroFicha 1  cultura do mosteiro
Ficha 1 cultura do mosteiro
 
O tempo das Reformas Religiosas - 8ºano
O tempo das Reformas Religiosas - 8ºanoO tempo das Reformas Religiosas - 8ºano
O tempo das Reformas Religiosas - 8ºano
 
Módulo 1 conceitos e fundamentos do turismo
Módulo 1   conceitos e fundamentos do turismoMódulo 1   conceitos e fundamentos do turismo
Módulo 1 conceitos e fundamentos do turismo
 
Mercados Emissores
Mercados EmissoresMercados Emissores
Mercados Emissores
 
Como planear Programas de Animação Hoteleira
Como planear Programas de Animação HoteleiraComo planear Programas de Animação Hoteleira
Como planear Programas de Animação Hoteleira
 
Parque Natural do Tejo Internacional
Parque Natural do Tejo InternacionalParque Natural do Tejo Internacional
Parque Natural do Tejo Internacional
 
Cultura do mosteiro
Cultura do mosteiroCultura do mosteiro
Cultura do mosteiro
 
UFCD 4256 - Juventude e Grupo de Pares
UFCD 4256 - Juventude e Grupo de ParesUFCD 4256 - Juventude e Grupo de Pares
UFCD 4256 - Juventude e Grupo de Pares
 
História do turismo
História do turismoHistória do turismo
História do turismo
 

Destaque

Animação turística
Animação turísticaAnimação turística
Animação turística
Karyn XP
 
Trabalho sobre a animação
Trabalho sobre a animaçãoTrabalho sobre a animação
Trabalho sobre a animação
gasparlanca
 
Curso Profissional de Turismo
Curso Profissional de TurismoCurso Profissional de Turismo
Curso Profissional de Turismo
Jose Oliveira
 
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
diogolam
 
Animação e lazer
Animação e lazerAnimação e lazer
Animação e lazer
Ana Peixe
 
Pedro calapez
Pedro calapezPedro calapez
Pedro calapez
Karyn XP
 
Vocabulario como-esta-o-seu-portugues
Vocabulario como-esta-o-seu-portuguesVocabulario como-esta-o-seu-portugues
Vocabulario como-esta-o-seu-portugues
Luisa Cristina Rothe Mayer
 
Animação sociocultural1
Animação sociocultural1Animação sociocultural1
Animação sociocultural1
Cristina Maria
 
El animador turistico
El animador turisticoEl animador turistico
El animador turistico
taller Animacion turistica
 
Os maias
Os maiasOs maias
Os maias
Karyn XP
 
Perfil do animador
Perfil do animadorPerfil do animador
Perfil do animador
Célia Pinho
 
Processos e critérios recrutamento e seleção de pessoal
Processos e critérios recrutamento e seleção de pessoalProcessos e critérios recrutamento e seleção de pessoal
Processos e critérios recrutamento e seleção de pessoal
Marcus Leal
 
Animação Sociocultural
Animação SocioculturalAnimação Sociocultural
Animação Sociocultural
Luisa Lamas
 
Animação de Idosos no Domicílio
Animação de Idosos no DomicílioAnimação de Idosos no Domicílio
Animação de Idosos no Domicílio
AndreLeite1
 
100 idéias de recreações
100 idéias de recreações100 idéias de recreações
100 idéias de recreações
Ismael Rosa
 
Tcat
TcatTcat
Tcat
Karyn XP
 
Apostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJC
Apostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJCApostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJC
Apostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJC
Ma Rina
 
Otet
OtetOtet
Otet
Karyn XP
 
El animador turistico
El animador turisticoEl animador turistico
El animador turistico
davila73
 
Tipos de Restaurante
Tipos de RestauranteTipos de Restaurante
Tipos de Restaurante
Tiago Filipe
 

Destaque (20)

Animação turística
Animação turísticaAnimação turística
Animação turística
 
Trabalho sobre a animação
Trabalho sobre a animaçãoTrabalho sobre a animação
Trabalho sobre a animação
 
Curso Profissional de Turismo
Curso Profissional de TurismoCurso Profissional de Turismo
Curso Profissional de Turismo
 
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
Projecto de-animacao-turistica-hugo-gouveia-29074
 
Animação e lazer
Animação e lazerAnimação e lazer
Animação e lazer
 
Pedro calapez
Pedro calapezPedro calapez
Pedro calapez
 
Vocabulario como-esta-o-seu-portugues
Vocabulario como-esta-o-seu-portuguesVocabulario como-esta-o-seu-portugues
Vocabulario como-esta-o-seu-portugues
 
Animação sociocultural1
Animação sociocultural1Animação sociocultural1
Animação sociocultural1
 
El animador turistico
El animador turisticoEl animador turistico
El animador turistico
 
Os maias
Os maiasOs maias
Os maias
 
Perfil do animador
Perfil do animadorPerfil do animador
Perfil do animador
 
Processos e critérios recrutamento e seleção de pessoal
Processos e critérios recrutamento e seleção de pessoalProcessos e critérios recrutamento e seleção de pessoal
Processos e critérios recrutamento e seleção de pessoal
 
Animação Sociocultural
Animação SocioculturalAnimação Sociocultural
Animação Sociocultural
 
Animação de Idosos no Domicílio
Animação de Idosos no DomicílioAnimação de Idosos no Domicílio
Animação de Idosos no Domicílio
 
100 idéias de recreações
100 idéias de recreações100 idéias de recreações
100 idéias de recreações
 
Tcat
TcatTcat
Tcat
 
Apostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJC
Apostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJCApostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJC
Apostila_APRENDIZ DE TURISMO PMSJC
 
Otet
OtetOtet
Otet
 
El animador turistico
El animador turisticoEl animador turistico
El animador turistico
 
Tipos de Restaurante
Tipos de RestauranteTipos de Restaurante
Tipos de Restaurante
 

Semelhante a Perfil do animador turística carina nº10 tiago montes nº32

10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
Instituto Mestria - Palestras e Treinamentos
 
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
Instituto Mestria - Palestras e Treinamentos
 
Perfil do Empreendedor.pptx
Perfil do Empreendedor.pptxPerfil do Empreendedor.pptx
Perfil do Empreendedor.pptx
Ricardo Santos
 
Priscila Stuani
Priscila StuaniPriscila Stuani
Priscila Stuani
Priscila Stuani
 
Funções do líder
Funções do líderFunções do líder
Funções do líder
seduc
 
Tap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamicaTap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamica
Marcelo Ribas
 
Tap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamicaTap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamica
Marcelo Ribas
 
9851.pptx
9851.pptx9851.pptx
9851.pptx
Diana Mendes
 
Gestão da Singularidade.pptx
Gestão da Singularidade.pptxGestão da Singularidade.pptx
Gestão da Singularidade.pptx
DanielaSavjmmooi
 
Estratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de crise
Estratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de criseEstratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de crise
Estratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de crise
Daniel de Carvalho Luz
 
Competencias
CompetenciasCompetencias
Competencias
Sandro Marcio
 
Groupe SEB - MCM
Groupe SEB - MCMGroupe SEB - MCM
Groupe SEB - MCM
Ricardo Parodi
 
Como Andam as Minhas Competências?
Como Andam as Minhas Competências?Como Andam as Minhas Competências?
Como Andam as Minhas Competências?
Adilson P Motta Motta
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
tati_spazziano
 
Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)
Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)
Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)
Alessandro Almeida
 
Material para treinamento liderança Hawk.pdf
Material para treinamento liderança Hawk.pdfMaterial para treinamento liderança Hawk.pdf
Material para treinamento liderança Hawk.pdf
RoqueLuz1
 
Liderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetosLiderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetos
Dimitri Campana, PMP
 
15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes
15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes
15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes
Desenvolvimento Organizacional
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
VanildaCapinam
 
businessagility2.pptx
businessagility2.pptxbusinessagility2.pptx
businessagility2.pptx
Ari Amaral
 

Semelhante a Perfil do animador turística carina nº10 tiago montes nº32 (20)

10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
 
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
10 dicas de sucesso para ser um excelente líder
 
Perfil do Empreendedor.pptx
Perfil do Empreendedor.pptxPerfil do Empreendedor.pptx
Perfil do Empreendedor.pptx
 
Priscila Stuani
Priscila StuaniPriscila Stuani
Priscila Stuani
 
Funções do líder
Funções do líderFunções do líder
Funções do líder
 
Tap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamicaTap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamica
 
Tap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamicaTap aula1e2-diagrama dinamica
Tap aula1e2-diagrama dinamica
 
9851.pptx
9851.pptx9851.pptx
9851.pptx
 
Gestão da Singularidade.pptx
Gestão da Singularidade.pptxGestão da Singularidade.pptx
Gestão da Singularidade.pptx
 
Estratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de crise
Estratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de criseEstratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de crise
Estratégias para tempos de turbulências e liderança para tempos de crise
 
Competencias
CompetenciasCompetencias
Competencias
 
Groupe SEB - MCM
Groupe SEB - MCMGroupe SEB - MCM
Groupe SEB - MCM
 
Como Andam as Minhas Competências?
Como Andam as Minhas Competências?Como Andam as Minhas Competências?
Como Andam as Minhas Competências?
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
 
Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)
Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)
Gestão da Tecnologia da Informação (04/06/2013)
 
Material para treinamento liderança Hawk.pdf
Material para treinamento liderança Hawk.pdfMaterial para treinamento liderança Hawk.pdf
Material para treinamento liderança Hawk.pdf
 
Liderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetosLiderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetos
 
15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes
15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes
15º epicentro com Dermeval Franco - Afinal, o que fazem os líderes
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
 
businessagility2.pptx
businessagility2.pptxbusinessagility2.pptx
businessagility2.pptx
 

Mais de Karyn XP

Importancia das novas tecnologias
Importancia das novas tecnologiasImportancia das novas tecnologias
Importancia das novas tecnologias
Karyn XP
 
Tibete
TibeteTibete
Tibete
Karyn XP
 
Corte
CorteCorte
Corte
Karyn XP
 
Btl carina silva e vanessa carvalho
Btl    carina silva e vanessa carvalhoBtl    carina silva e vanessa carvalho
Btl carina silva e vanessa carvalho
Karyn XP
 
Animação
AnimaçãoAnimação
Animação
Karyn XP
 
Revisao para historia
Revisao para historiaRevisao para historia
Revisao para historia
Karyn XP
 
10 jogos
10 jogos10 jogos
10 jogos
Karyn XP
 
Alimentação carina silva nº10
Alimentação carina silva nº10Alimentação carina silva nº10
Alimentação carina silva nº10
Karyn XP
 
Modelo tiat
Modelo tiatModelo tiat
Modelo tiat
Karyn XP
 
Museu do chiado
Museu do chiadoMuseu do chiado
Museu do chiado
Karyn XP
 
Viagem a lua
Viagem a luaViagem a lua
Viagem a lua
Karyn XP
 
Qualidade em destino turístico
Qualidade em destino turísticoQualidade em destino turístico
Qualidade em destino turístico
Karyn XP
 
Britsh airways
Britsh airwaysBritsh airways
Britsh airways
Karyn XP
 
Português
PortuguêsPortuguês
Português
Karyn XP
 
Visitas de hca
Visitas de hcaVisitas de hca
Visitas de hca
Karyn XP
 
O grito de edvard mun.0ch
O grito de edvard mun.0chO grito de edvard mun.0ch
O grito de edvard mun.0ch
Karyn XP
 
O grito de edvard munch
O grito de edvard munchO grito de edvard munch
O grito de edvard munch
Karyn XP
 
Estação do Rossio
Estação do RossioEstação do Rossio
Estação do Rossio
Karyn XP
 
Turismo no Espaço Rural
Turismo no Espaço RuralTurismo no Espaço Rural
Turismo no Espaço Rural
Karyn XP
 
Organizações
OrganizaçõesOrganizações
Organizações
Karyn XP
 

Mais de Karyn XP (20)

Importancia das novas tecnologias
Importancia das novas tecnologiasImportancia das novas tecnologias
Importancia das novas tecnologias
 
Tibete
TibeteTibete
Tibete
 
Corte
CorteCorte
Corte
 
Btl carina silva e vanessa carvalho
Btl    carina silva e vanessa carvalhoBtl    carina silva e vanessa carvalho
Btl carina silva e vanessa carvalho
 
Animação
AnimaçãoAnimação
Animação
 
Revisao para historia
Revisao para historiaRevisao para historia
Revisao para historia
 
10 jogos
10 jogos10 jogos
10 jogos
 
Alimentação carina silva nº10
Alimentação carina silva nº10Alimentação carina silva nº10
Alimentação carina silva nº10
 
Modelo tiat
Modelo tiatModelo tiat
Modelo tiat
 
Museu do chiado
Museu do chiadoMuseu do chiado
Museu do chiado
 
Viagem a lua
Viagem a luaViagem a lua
Viagem a lua
 
Qualidade em destino turístico
Qualidade em destino turísticoQualidade em destino turístico
Qualidade em destino turístico
 
Britsh airways
Britsh airwaysBritsh airways
Britsh airways
 
Português
PortuguêsPortuguês
Português
 
Visitas de hca
Visitas de hcaVisitas de hca
Visitas de hca
 
O grito de edvard mun.0ch
O grito de edvard mun.0chO grito de edvard mun.0ch
O grito de edvard mun.0ch
 
O grito de edvard munch
O grito de edvard munchO grito de edvard munch
O grito de edvard munch
 
Estação do Rossio
Estação do RossioEstação do Rossio
Estação do Rossio
 
Turismo no Espaço Rural
Turismo no Espaço RuralTurismo no Espaço Rural
Turismo no Espaço Rural
 
Organizações
OrganizaçõesOrganizações
Organizações
 

Perfil do animador turística carina nº10 tiago montes nº32

  • 1. Perfil do Animador Turística Carina Silva 10 Tiago Montes 32 1 TIAT Módulo 12
  • 2. • Tem de ter qualidades na comunicação, espirito aberto, muita disponibilidade, carácter extrovertido, talento e ter uma especialidade numa actividade desportiva ou lúdica. • Personalidade forte, muito imaginação, dinamismo, flexibilidade e capacidade sugestiva, tornam esta profissão mais complicado e complexa. Animador TIAT 2 Módulo 12
  • 3. 1. Bom comunicador; 2. Criativo, dinâmico e espirito líder; 3. Grande capacidade de adaptação; 4. Organizado; 5. Dominador de técnicas e de recursos; 6. Aprendizagem constante; 7. Grande capacidade de improvisar; 8. Grande capacidade pedagógica; 9. Tolerante; 10. Observador; 11. Simpático e amável; 12. Forte espirito de equipa; 13. Entusiasta; 14. Forte física e psicologicamente. 3 14 qualidades de um bom animador TIAT Módulo 12
  • 4. • Estas são as principais qualidades que o animador deve possuir. • Mas para o ponto de vista da intervenção do animador e para seu controlo e orientação, é necessário inserir alguns princípios orientadores. Conclusão das qualidades4 TIAT Módulo 12
  • 5. • Nunca esquecer que o objetivo principal do animador é satisfazer os gostos e as expectativas do maior número possível de cliente e de os entreter. • Tentarem sempre um adaptação às condições específicas do trabalho e efetuar, sem apresentarem demasiados obstáculos. • Nunca se envolver em comportamentos mais ou menos íntimos ou de fácil equívoco com qualquer cliente. Princípios orientados do animador 5 TIAT Módulo 12
  • 6. • Animar aspetos, monumentos estruturas e acontecimentos, promover o acesso á cultura, contribuir para o desenvolvimento das capacidades criadoras, promover o contacto entre os elementos do grupo e aumentar a participação nas atividades propostas, faz com que cada vez mais o animador tenha de saber organizar, planificar e dirigir atividades. Atribuições do animador TIAT 6 Módulo 12