SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 3
Olá, aluno(a)! Está com dificuldade ou sem tempo para elaborar
essa atividade? Iremos te ajudar!
Entre em contato
(63) 99129-5554
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 51/2024
O balanço patrimonial é um dos principais relatórios contábeis de uma empresa, e tem
como objetivo fornecer uma visão instantânea da situação financeira em um determinado
momento. Ele é composto de duas partes principais: o ativo e o passivo, que refletem os
recursos controlados pela empresa e suas fontes de financiamento, respectivamente.
Nascimento (2017, p. 128) salienta:
“Os bens e direitos apresentados no lado esquerdo do balanço são representados por
ativos. As obrigações exigíveis apresentadas no lado direito do balanço são representadas
por passivos. As obrigações não exigíveis são representadas pelo patrimônio líquido”.
Fonte: FRAGALLI, A. C.; SILVA, J. M. da. Contabilidade Empresarial. Maringá: Unicesumar,
2021.
Assim, podemos visualizar o Patrimônio Economicamente Sistematizado, da seguinte
forma:
Fonte: Fragalli e Silva (2021, p. 68).
Sabendo disso, você tem as seguintes informações de uma empresa, em reais:
•Caixa: 1.800.
•Fornecedores: 4.000.
•Capital social: 10.000.
•Máquinas: 3.000.
•Estoques: 6.500.
•Financiamentos: 7.320.
•Veículos: 200.
•Lucros acumulados: 3.400.
•Duplicatas a receber: 3.400.
•Salários a pagar: 6.500.
•Participações em outras empresas: 7.320.
•Contas a pagar: 200.
•Prédios: 4.000.
•Impostos a pagar: 1.800.
•Títulos a pagar: 3.000.
•Títulos a receber: 10.000.
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
Fonte: a autora.
Lembre-se de que Ativo = Passivo + Patrimônio Líquido. No final, compare o total de Ativos
com o total de Passivo + Patrimônio Líquido. Os valores devem ser iguais.
PARTE 2: a situação líquida da empresa é positiva ou negativa? Por quê?

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:

ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx2m Assessoria
 
Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01
Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01
Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01Vanderson Mota
 
Noções de contabilidade 2014 agente-pf
Noções de contabilidade 2014   agente-pfNoções de contabilidade 2014   agente-pf
Noções de contabilidade 2014 agente-pfNeon Online
 
Contabilidade Geral e Auditoria Completa - MTE
Contabilidade Geral e Auditoria Completa - MTEContabilidade Geral e Auditoria Completa - MTE
Contabilidade Geral e Auditoria Completa - MTENeon Online
 
Contabilidade agente pf - aula 01-------
Contabilidade   agente pf - aula 01-------Contabilidade   agente pf - aula 01-------
Contabilidade agente pf - aula 01-------Neon Online
 
Especialidades da Administração
Especialidades da AdministraçãoEspecialidades da Administração
Especialidades da AdministraçãoTurmadomarcondes
 
Trabalho administração RP 2015
Trabalho administração RP 2015Trabalho administração RP 2015
Trabalho administração RP 2015Ainfoweb
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00capitulocontabil
 
Apostila contabilidade concursos - teoria
Apostila contabilidade   concursos - teoriaApostila contabilidade   concursos - teoria
Apostila contabilidade concursos - teoriaapostilacontabil
 
Apostila teoria contabil
Apostila teoria contabilApostila teoria contabil
Apostila teoria contabilprofcontabil
 
Apostila contabilidade concursos - teoria
Apostila contabilidade   concursos - teoriaApostila contabilidade   concursos - teoria
Apostila contabilidade concursos - teoriaapostilacontabil
 
Apostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialApostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialSuzana Sarmento
 
Slides Introdução à Contabilidade
Slides  Introdução à ContabilidadeSlides  Introdução à Contabilidade
Slides Introdução à ContabilidadeAna Paula Bevilacqua
 
Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02
Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02
Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02Nailson Moreira
 
CONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCAL
CONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCALCONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCAL
CONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCALElua Brasil
 

Semelhante a PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo: (20)

ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docxATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 512024.docx
 
Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01
Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01
Introducaoacontabilidade 100802120229-phpapp01
 
Noções de contabilidade 2014 agente-pf
Noções de contabilidade 2014   agente-pfNoções de contabilidade 2014   agente-pf
Noções de contabilidade 2014 agente-pf
 
Contabilidade Geral e Auditoria Completa - MTE
Contabilidade Geral e Auditoria Completa - MTEContabilidade Geral e Auditoria Completa - MTE
Contabilidade Geral e Auditoria Completa - MTE
 
Contabilidade agente pf - aula 01-------
Contabilidade   agente pf - aula 01-------Contabilidade   agente pf - aula 01-------
Contabilidade agente pf - aula 01-------
 
Especialidades da Administração
Especialidades da AdministraçãoEspecialidades da Administração
Especialidades da Administração
 
Trabalho administração RP 2015
Trabalho administração RP 2015Trabalho administração RP 2015
Trabalho administração RP 2015
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Apostila contabilidade concursos - teoria
Apostila contabilidade   concursos - teoriaApostila contabilidade   concursos - teoria
Apostila contabilidade concursos - teoria
 
Teoria
TeoriaTeoria
Teoria
 
Apostila teoria contabil
Apostila teoria contabilApostila teoria contabil
Apostila teoria contabil
 
Teoria
TeoriaTeoria
Teoria
 
Apostila teoria contabil
Apostila teoria contabilApostila teoria contabil
Apostila teoria contabil
 
Apostila contabilidade concursos - teoria
Apostila contabilidade   concursos - teoriaApostila contabilidade   concursos - teoria
Apostila contabilidade concursos - teoria
 
Apostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialApostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarial
 
Slides Introdução à Contabilidade
Slides  Introdução à ContabilidadeSlides  Introdução à Contabilidade
Slides Introdução à Contabilidade
 
Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02
Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02
Slidesintroducaoacontabilidade 140827102848-phpapp02
 
CONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCAL
CONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCALCONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCAL
CONTABILIDADE BASICA E ESCRITURAÇÃO FISCAL
 

Mais de azulassessoriaacadem3

3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...
3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...
3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...azulassessoriaacadem3
 
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...azulassessoriaacadem3
 
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...azulassessoriaacadem3
 
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...azulassessoriaacadem3
 
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...azulassessoriaacadem3
 
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...azulassessoriaacadem3
 
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...azulassessoriaacadem3
 
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...azulassessoriaacadem3
 
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...azulassessoriaacadem3
 
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...azulassessoriaacadem3
 
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...azulassessoriaacadem3
 
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...azulassessoriaacadem3
 
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...azulassessoriaacadem3
 
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...azulassessoriaacadem3
 
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...azulassessoriaacadem3
 
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...azulassessoriaacadem3
 
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:azulassessoriaacadem3
 
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...azulassessoriaacadem3
 
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...azulassessoriaacadem3
 
2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...
2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...
2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...azulassessoriaacadem3
 

Mais de azulassessoriaacadem3 (20)

3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...
3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...
3. Como será feita a apresentação do conteúdo destas abordagens? Serão debate...
 
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
 
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
Parte 2 Analisando a figura a seguir, discorra sobre os tipos de estratégia p...
 
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está di...
 
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...
 
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica  Agora, você está d...
Atividade da ETAPA 3: A Descoberta da Projeção Isométrica Agora, você está d...
 
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...
 
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico       No desenho téc...
ETAPA 3: A Importância da Perspectiva no Desenho Técnico No desenho téc...
 
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
 
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
Agora, você enfrentará um novo desafio. Receberá vistas isométricas de peças ...
 
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...
 
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico       A projeção...
ETAPA 2: A Precisão da Projeção Ortogonal no Desenho Técnico A projeção...
 
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
 
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
Quando estamos trabalhando em um departamento de projetos, é de suma importân...
 
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
 
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
ETAPA 1: Iniciando no Desenho Técnico O desenho técnico serve como uma lingua...
 
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
 
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
 
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
4. Disserte sobre como o Senhor Jesus Cristo enxerga conflitos na igreja e qu...
 
2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...
2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...
2. Avalie a postura do pastor Epafrodito na condução do conflito, apresente p...
 

Último

Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Centro Jacques Delors
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)Centro Jacques Delors
 
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanoCATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanomarla71199
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfVIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfbragamoysesaline
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Pauloririg29454
 
12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................mariagrave
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxCarolineWaitman
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfManuais Formação
 

Último (20)

Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)Quiz | Dia da Europa 2024  (comemoração)
Quiz | Dia da Europa 2024 (comemoração)
 
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanoCATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfVIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................12_mch9_nervoso.pptx...........................
12_mch9_nervoso.pptx...........................
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptxSequência didática Carona 1º Encontro.pptx
Sequência didática Carona 1º Encontro.pptx
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 

PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:

  • 1. Olá, aluno(a)! Está com dificuldade ou sem tempo para elaborar essa atividade? Iremos te ajudar! Entre em contato (63) 99129-5554 ATIVIDADE 1 - CONTABILIDADE EMPRESARIAL - 51/2024 O balanço patrimonial é um dos principais relatórios contábeis de uma empresa, e tem como objetivo fornecer uma visão instantânea da situação financeira em um determinado momento. Ele é composto de duas partes principais: o ativo e o passivo, que refletem os recursos controlados pela empresa e suas fontes de financiamento, respectivamente. Nascimento (2017, p. 128) salienta: “Os bens e direitos apresentados no lado esquerdo do balanço são representados por ativos. As obrigações exigíveis apresentadas no lado direito do balanço são representadas por passivos. As obrigações não exigíveis são representadas pelo patrimônio líquido”. Fonte: FRAGALLI, A. C.; SILVA, J. M. da. Contabilidade Empresarial. Maringá: Unicesumar, 2021. Assim, podemos visualizar o Patrimônio Economicamente Sistematizado, da seguinte forma:
  • 2. Fonte: Fragalli e Silva (2021, p. 68). Sabendo disso, você tem as seguintes informações de uma empresa, em reais: •Caixa: 1.800. •Fornecedores: 4.000. •Capital social: 10.000. •Máquinas: 3.000. •Estoques: 6.500. •Financiamentos: 7.320. •Veículos: 200. •Lucros acumulados: 3.400. •Duplicatas a receber: 3.400. •Salários a pagar: 6.500. •Participações em outras empresas: 7.320. •Contas a pagar: 200. •Prédios: 4.000. •Impostos a pagar: 1.800. •Títulos a pagar: 3.000. •Títulos a receber: 10.000. PARTE 1: estruture o balanço patrimonial da empresa, usando o seguinte modelo:
  • 3. Fonte: a autora. Lembre-se de que Ativo = Passivo + Patrimônio Líquido. No final, compare o total de Ativos com o total de Passivo + Patrimônio Líquido. Os valores devem ser iguais. PARTE 2: a situação líquida da empresa é positiva ou negativa? Por quê?