SlideShare uma empresa Scribd logo
CONSTRUINDO
A NOSSA
LIBERTAÇÃO
Portanto, não se
preocupem com o
amanhã, pois o amanhã
trará as suas próprias
preocupações.
Basta a cada dia o seu
próprio mal.
Mateus 6:34
“Este é o dia
que o Senhor
fez,
seja para nós
dia de alegria
e de
felicidade“.
Salmo 117:24
“Aprenda como se você fosse viver para
sempre. Viva como se você fosse morrer
amanhã”.
Santo Isidoro de Sevilha
“Lembre-se, hoje é o amanhã sobre o
qual você se preocupou ontem”.
Dale Carnegie
“Nada vale mais do que o dia de hoje.
Você não pode reviver o ontem.
O amanhã ainda está além do seu
alcance”.
Johann Goethe
“Se queres ser feliz amanhã, tenta hoje
mesmo”.
Liang Tsu
•75%
•20%
•5%
O ser humano perde seu valioso
tempo queremdo resgatar o seu
passado, e fica sonhando com seu
futuro, deixando de VIVER seu
presente.
Com isso...
E assim sofre as frustrações do
“NÃO”.
• Sou capaz.
• Sou competente.
• Sou realizado.
• Sou inteligente, e etc...
NÃO
Palestra - Toninha Peressinotto
“Córtex Cerebral”
O córtex cerebral corresponde a camada
mais externa do cérebro dos vertebrados,
sendo rico em neurônios.
E é o local do processamento neuronal mais
sofisticado e distinto.
É a região do cérebro mais evoluída.
O córtex é o local de representações
simbólicas, o que ele recebe é processado e
integrado, respondendo com uma ação.
MUC – Memória de uso
contínuo
É a memória que mais
acessamos no nosso dia-a-dia,
a que usamos
frequentemente.
Memória de acesso rápido.
É o nosso “consciente”.
ME = Memória
Existencial
É a memória que fica
guardadas as nossa
lembranças, acessadas
quando nos recordamos
de algo, bom ou ruim.
Memória das
lembranças
É o nosso “inconsciente”
Inconsciente
(área em branco)
Consciente
(área em vermelho)
Memória
FENÔMENO RAM
“Registro Automático da Memória”
No ser humano o registro na memória é involuntário, e
realizado pelo fenômeno RAM (registro automático da memória).
Cada ideia, pensamento, reação ansiosa, momento de
solidão, período de insegurança, são registrados na memória e
farão parte da colcha de retalhos da sua história existencial do
filme da sua vida.
A memória humana não registra o objeto
real, mas sim o objeto interpretado, ou seja,
o objeto psicológico.
Registramos não a realidade objetiva “o
problema”, mas sim nossa interpretação “do
problema” como o vemos, e vivenciaremos
isso na ocasião.
Ela inclui toda a carga emocional, todos os
pensamentos negativo, e todas as cenas do
ambiente.
Interpretação da Memória
A memória é a maior poupança
de um ser humano, o que você
deposita diariamente na sua
memória é o que você vai
colher.
Canalize a tua energia
emocional para aquilo que você
quer e te faz bem.
Nós não podemos dizer que possuímos três cérebros simultaneamente. Temos apenas um que, porém, se
divide em três regiões distintas. Tomemo-lo como se fora um castelo de três andares.
O Cérebro
No primeiro “andar”,
situamos a residência
de nossos impulsos
automáticos,
simbolizando o
sumário vivo dos
serviços realizados.
No segundo “andar”,
localizamos o
domicílio das
conquistas atuais,
onde se erguem e se
consolidam as
qualidades nobres
que estamos
edificando.
No terceiro “andar”,
temos a casa das
noções superiores,
indicando as
eminências que nos
cumpre atingir.
Assim...
• Num deles moram o hábito e o
automatismo;
• No outro residem o esforço e a vontade;
• No último demoram o ideal e a meta
superior a ser alcançada.
Distribuímos, deste modo, nos três
andares,
• O subconsciente;
• O consciente;
• O Superconsciente.
Como vemos, possuímos, em nós
mesmos,
• O passado;
• O presente;
• O futuro.
Do livro
“No Mundo Maior”
Francisco Cândido Xavier
André Luiz
O cérebro físico e seus mistérios
• Mesencéfalo;
• Rombencéfalo;
• Prosencéfalo.
Mesencéfalo
É o Corpo físico atual.
Consciente.
Diz respeito ao nosso “presente”.
Na Psicanálise = Ego.
Sede da dor.
Córtex Motor.
Para a ciência = Sistema Límbico.
Córtex Motor
Rombencéfalo
É o corpo espiritual ou perispírito.
Subconsciente.
Diz respeito ao nosso “passado”.
Na Psicanálise = ID.
Sede da sensação.
Sistema Nervoso.
Para a ciência = Cérebro primitivo.
1 - Encéfalo
2 - Sistema Nervoso
3 – Medula espinhal
Sistema Nervoso
Prosencéfalo
É o Espírito.
Superconsciente.
Diz respeito ao nosso “futuro”.
Na Psicanálise = Superego.
Sede da razão.
Lobo frontal.
Para a ciência = Neocórtex.
Do Livro
“O Ser Consciencial”
Capítulo 9 – O cérebro físico e seus mistérios
Irmão Benedito, Irmã Teresa de Jesus e André
Psicografado por Eduardo Augusto Lourenço
Lobo Frontal
E no subconsciente, fica armazenado o nosso passado, tudo o que já vivemos em nossas
diversas reencarnações. E em muitas delas a frustração também fez parte da nossa vida,
gerando assim alguns sofrimentos e algumas doenças nesta vida atual.
Passado...
Futuro...
No superconsciente está o futuro, e ali estão as incertezas, sonhos e desejos. Mas
ainda não chegou. E se esforça para que, quando chegar, ser feliz.
Presente!!!
Devemos viver este dia como se fosse o nosso último dia de vida aqui na terra.
Empenhar toda a nossa energia em fazer o bem e de viver o bem.
“METAS PARA HOJE”
• Sorrir mais;
• Abraçar mais;
• Agradecer mais;
• Alimentar mais a alma;
• Ter bons pensamentos;
• Ter bons sentimentos;
• Perdoar mais;
• Amar mais.
“Ser feliz,
é plantar um sorriso a
cada instante”.
- Resignação
- Paciência
- Tolerância
3 Regras básicas do dia-a-dia, que
devemos ter:
Resignação
A resignação, (ou aceitação), geralmente se refere a
experienciar uma situação sem a intenção de mudá-la.
A resignação não exige que a mudança seja possível ou
mesmo concebível, nem necessita que a situação seja desejada ou
aprovada por aqueles que a aceitam.
De fato, a resignação é freqüentemente aconselhada
quando uma situação é tanto ruim quanto imutável, ou quando a
mudança só é possível a um grande preço ou risco.
Tolerância
A tolerância, do latim ”tolerare” (sustentar, suportar).
É um termo que define o grau de aceitação diante de
um elemento contrário a uma regra moral, cultural, civil ou física.
Do ponto de vista da sociedade a tolerância é a
capacidade de uma pessoa ou grupo social de aceitar outra pessoa ou
outro grupo social, que tem uma atitude diferente das que são a
norma no seu próprio grupo.
Numa concepção moderna é também a atitude pessoal
e comunitária de aceitar valores diferentes daqueles adotados pelo
grupo de pertença original.
Paciência
Paciência é uma característica de manter um controle
emocional equilibrado, sem perder a ”CALMA”, ao longo do tempo.
Consiste basicamente na tolerância a erros ou fatos indesejados. É a
capacidade de suportar incômodos e dificuldades de toda a ordem, a
qualquer hora ou em qualquer lugar.
A paciência é a capacidade de persistir numa atividade
difícil, mantendo uma ação tranquila e acreditando que irá conseguir o
que quer, de ser perseverante, de esperar o momento certo para
certas atitudes, de aguardar em paz a compreensão que ainda não se
tenha obtido, capacidade de ouvir alguém com calma, com atenção,
sem ter pressa, capacidade de se libertar da ansiedade.
Ansiedade
A ansiedade é uma característica biológica do ser humano.
É um estado emocional que se adquire como consequência
de algum ato.
• Aflição;
• Angústia;
• Perturbação do espírito causada pela incerteza;
• Relação com qualquer contexto de perigo;
• Trazemos os atavismos do ontem, e sofremos os
miasmas do hoje.
A ansiedade é um fenômeno que ora nos beneficia, ora
nos prejudica, dependendo das circunstâncias ou
intensidade, e que tornar-se patológico, isto é, prejudicial
ao nosso funcionamento psíquico (mental) e somático
(corporal).
A ansiedade estimula o indivíduo a entrar em
ação, porém, em excesso, faz exatamente o
contrário, impedindo reações.
Ter ansiedade ou sofrer desse mal faz com que a
pessoa perca uma boa parte da sua autoestima,
ou seja, ela deixa de fazer certas coisas porque
se julga ser incapaz de realizá-las.
A ansiedade pode ser tão desconfortável que,
para evita-la, as pessoas deixam de fazer
coisas simples, como usar o elevador por
causa do desconforto que sentem.
“Sintomas de Ansiedade”
Os transtornos da ansiedade têm sintomas muito
mais intensos do que aquela ansiedade normal do dia a dia.
Eles aparecem como:
• Preocupações, tensões ou medos exagerados (a pessoa não
consegue relaxar);
• Sensação contínua de que um desastre ou algo muito ruim vai
acontecer;
• Preocupações exageradas com saúde, dinheiro, família ou
trabalho;
• Medo extremo de algum objeto ou situação em particular;
• Medo exagerado de ser humilhado publicamente;
• Falta de controle sobre pensamentos, imagens ou atitudes, que
se repetem independentemente da vontade;
• Pavor depois de uma situação muito difícil.
“Tratamento para a
Ansiedade”
Existem três tipos de tratamentos
para os transtornos de ansiedade:
 Medicamento (sempre com
orientação médica) Fluoxetina,
Rivotril;
 Psicoterapia (com psicólogo ou
médico psiquiatra);
 Combinação dos dois
tratamentos medicamento e
psicoterapia.
“Tratamento Espiritual “
Fluido-terapia
Quando T U D O vai
mal, a única coisa que vai
bem,
É a doença!!!...
Ela reina segura e
soberana em nosso corpo
físico, nos causando
transtornos.
“Como mudar de
atitude e
conquistar
objetivos em sua
vida”.
Doença
Psicossomática
ou
Somatização?
Qual a
diferença?
Doença Psicossomática
É caracterizada pela presença de alterações clínicas detectáveis
por exames de laboratório, ou seja, o corpo da pessoa apresenta
danos físicos.
É uma doença orgânica, mas com causa psicológica.
Em situações de forte estresse emocional o corpo reage como que
“informando” que algo não está bem.
O diferencial mais importante para se
considerar uma doença como psicossomática é
entender que a “causa principal” desta
“descompensação física” que aparece no corpo
físico, está no emocional da pessoa.
Ligada, portanto à sua mente, aos seus
sentimentos, à sua afetividade.
As doenças psicossomáticas podem se
manifestar em diversos sistemas que constituem
nosso corpo, como por exemplo...
• Gastrointestinal - úlcera, gastrite, retocolite;
• Respiratório - asma, bronquite;
• Cardiovascular - hipertensão, taquicardia, angina;
• Dermatológico - vitiligo, psoríase, dermatite, herpes,
urticária, eczema;
• Endócrino e metabólico - diabetes;
• Nervoso - enxaqueca, vertigens;
• Articulações - artrite, artrose, tendinite, reumatismos.
Somatização
É caracterizada pela presença de sintomas físicos “mas
não há doença orgânica”.
A causa destes sintomas é emocional.
Por exemplo:
Na síndrome do pânico a pessoa apresenta sintomas
orgânicos idênticos ao ataque do coração, ou à
problemas intestinais, mas o médico não detecta
cardiopatia alguma em seus exames.
Os 7 passos para a
Mudança Interior
1. Forma - De dentro para fora;
2. Desafio - Eu sou capaz;
3. Resistência - Não vai dar certo;
4. Despertar - Há uma luz no fim do túnel;
5. Compromisso - É a minha missão, minha meta;
6. Purificação - Resignação;
7. Entrega - Vivência no bem, na caridade, no amor.
Equilíbrio Psicofísico
O ser humano é construído para
a ação contínua, e o seu pensamento
deve sempre estar ativo, cultivando
ideias dignificantes, construtivas, que o
envolva em ondas de harmonia e de
saúde.
A busca da saúde integral deve
constituir um dos objetivos básicos da
existência planetária, dentro da
proposta relevante da iluminação
interior.
“Fixações mentais pessimistas, adoção de
mágoas e anseios de vingança, ciúme e rebeldia
emocional transformam-se em tóxicos
destrutivos que são transferidos para o sistema
nervoso central, desse passando ao sistema
endócrino, alojando-se, por fim, no aparelho
físico e agredindo as células, que têm perturbada
a mitose, abrindo espaço para a contaminação
bacteriológica”.
Do livro:
“Liberta-te do Mal”
Divaldo Pereira Franco
Joanna de Ângelis
“Deotropismo”
É o estímulo que impele o ser a crescer em
direção a Deus.
O deotropismo, que a tudo e a todos atrai para o seu Divino
Fulcro, é a mais elevada e grandiosa manifestação do seu
poder, em razão de erguer do caos da insignificância a vida
nas suas primeiras apresentações, especialmente o
princípio inteligente, na sua origem, até proporcionar-lhe a
plenitude.
Do Livro
Entrega-te a Deus
Divaldo Pereira Franco
Joanna de Ângelis
Cap. 20
O incrível poder do amor
Não percas a tua fé entre as sombras do mundo. Ainda que os teus
pés estejam sangrando, segue para a frente, erguendo-a por luz celeste, acima de ti
mesmo. Crê e trabalha. Esforça-te no bem e espera com paciência. Tudo passa e tudo se
renova na terra, mas o que vem do céu permanecerá. De todos os infelizes os mais
desditosos são os que perderam a confiança em Deus e em si mesmos, porque o maior
infortúnio é sofrer a privação da fé e prosseguir vivendo. Eleva pois, o teu olhar e
caminha. Luta e serve. Aprende e adianta-te. Brilha a alvorada além da noite. Hoje, é
possível que a tempestade te amarfanhe o coração e te atormente o ideal, aguilhoando-
te com a aflição ou ameaçando-te com a morte. Não te esqueças porém, de que amanhã
será outro dia.
Francisco Cândido Xavier
Meimei
Confia Sempre
FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Palestra pecado pensamento
Palestra pecado pensamentoPalestra pecado pensamento
Palestra pecado pensamento
Oribes Teixeira
 
Saúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCGSaúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCG
Lucas Parisi
 
O poder da consciência neville goddard (1)
O poder da consciência   neville goddard (1)O poder da consciência   neville goddard (1)
O poder da consciência neville goddard (1)
Valdirene Souza
 
Principios neurolinguistica parte1
Principios neurolinguistica parte1Principios neurolinguistica parte1
Principios neurolinguistica parte1
Neilson de Souza Cabral
 
Juventude e emoção
Juventude e emoçãoJuventude e emoção
Juventude e emoção
Ana Paula Ribeiro de Oliveira
 
Gasparetto curso_vida_e_conscincia
Gasparetto  curso_vida_e_conscinciaGasparetto  curso_vida_e_conscincia
Gasparetto curso_vida_e_conscincia
Feitosaalencar
 
Hermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leisHermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leis
Amadeu Wolff
 
Resenha de estudos espiritas 06
Resenha de estudos espiritas 06Resenha de estudos espiritas 06
Resenha de estudos espiritas 06
MRS
 
Palestra paciência - 15 de junho 2015
Palestra   paciência - 15 de junho 2015Palestra   paciência - 15 de junho 2015
Palestra paciência - 15 de junho 2015
Sandra Cecília Rocha
 
Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
Leonardo Pereira
 
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira). Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Leonardo Pereira
 
Como dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroy
Como dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroyComo dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroy
Como dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroy
Januário Zacarias
 
Meditação com relaxamento e cromoterapia
Meditação com relaxamento e cromoterapiaMeditação com relaxamento e cromoterapia
Meditação com relaxamento e cromoterapia
Profissional Liberal
 
Manual de instruções para esta vida
Manual de instruções para esta vidaManual de instruções para esta vida
Manual de instruções para esta vida
Carlos Fontes
 
Hermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leisHermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leis
ilce marinho
 
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma ÍntimaMudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mensageiros de Luz IV
 
Hermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leisHermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leis
Rogério Zimmermann
 
Seu ponto de vista cria sua realidade
Seu ponto de vista cria sua realidadeSeu ponto de vista cria sua realidade
Seu ponto de vista cria sua realidade
Rossana Santos
 

Mais procurados (18)

Palestra pecado pensamento
Palestra pecado pensamentoPalestra pecado pensamento
Palestra pecado pensamento
 
Saúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCGSaúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCG
 
O poder da consciência neville goddard (1)
O poder da consciência   neville goddard (1)O poder da consciência   neville goddard (1)
O poder da consciência neville goddard (1)
 
Principios neurolinguistica parte1
Principios neurolinguistica parte1Principios neurolinguistica parte1
Principios neurolinguistica parte1
 
Juventude e emoção
Juventude e emoçãoJuventude e emoção
Juventude e emoção
 
Gasparetto curso_vida_e_conscincia
Gasparetto  curso_vida_e_conscinciaGasparetto  curso_vida_e_conscincia
Gasparetto curso_vida_e_conscincia
 
Hermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leisHermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leis
 
Resenha de estudos espiritas 06
Resenha de estudos espiritas 06Resenha de estudos espiritas 06
Resenha de estudos espiritas 06
 
Palestra paciência - 15 de junho 2015
Palestra   paciência - 15 de junho 2015Palestra   paciência - 15 de junho 2015
Palestra paciência - 15 de junho 2015
 
Renovando atitudes
Renovando atitudesRenovando atitudes
Renovando atitudes
 
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira). Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
Conflitos existenciais e o atendimento no centro espírita(Leonardo Pereira).
 
Como dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroy
Como dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroyComo dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroy
Como dominar as suas emoçses e torná las positivas - chrisitan h. godefroy
 
Meditação com relaxamento e cromoterapia
Meditação com relaxamento e cromoterapiaMeditação com relaxamento e cromoterapia
Meditação com relaxamento e cromoterapia
 
Manual de instruções para esta vida
Manual de instruções para esta vidaManual de instruções para esta vida
Manual de instruções para esta vida
 
Hermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leisHermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leis
 
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma ÍntimaMudar: Caminho para a Reforma Íntima
Mudar: Caminho para a Reforma Íntima
 
Hermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leisHermes trimegisto leis
Hermes trimegisto leis
 
Seu ponto de vista cria sua realidade
Seu ponto de vista cria sua realidadeSeu ponto de vista cria sua realidade
Seu ponto de vista cria sua realidade
 

Semelhante a Palestra - Toninha Peressinotto

Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Palestra meditação
Palestra meditaçãoPalestra meditação
Palestra meditação
Leonora Mello
 
Disciplina mental
Disciplina mental  Disciplina mental
Disciplina mental
grupodepaisceb
 
A Arte de Reencantar Nossas Vidas
A Arte de Reencantar Nossas VidasA Arte de Reencantar Nossas Vidas
A Arte de Reencantar Nossas Vidas
Colégio Maria Clara Machado
 
Meditação e Concentração
Meditação e ConcentraçãoMeditação e Concentração
Meditação e Concentração
paikachambi
 
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasDores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Eduardo Ottonelli Pithan
 
O Segredo (Resumido)
O Segredo (Resumido)O Segredo (Resumido)
O Segredo (Resumido)
Marcia 1810
 
Karl Stark & werner E.Meier
Karl Stark & werner E.MeierKarl Stark & werner E.Meier
Karl Stark & werner E.Meier
RODRIGO ORION
 
ESTRESSE OU STRESS
ESTRESSE OU STRESSESTRESSE OU STRESS
ESTRESSE OU STRESS
Elva Judy Nieri
 
mentes brilhantes mentes treinadas1.pptx
mentes brilhantes mentes treinadas1.pptxmentes brilhantes mentes treinadas1.pptx
mentes brilhantes mentes treinadas1.pptx
ssuser65936a1
 
Reaprendendo a pensar
Reaprendendo a pensarReaprendendo a pensar
Reaprendendo a pensar
Rogério Prevedel
 
Estoicismo
EstoicismoEstoicismo
Estoicismo
celio correa
 
Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?
Bruno Carrasco
 
Palestra técnicas de proteção-2.pptx
Palestra técnicas de proteção-2.pptxPalestra técnicas de proteção-2.pptx
Palestra técnicas de proteção-2.pptx
ssusere4feb1
 
Mindfulness Curso Prof. Paulo Antônio Almeida
Mindfulness Curso Prof. Paulo Antônio AlmeidaMindfulness Curso Prof. Paulo Antônio Almeida
Mindfulness Curso Prof. Paulo Antônio Almeida
Paulo Antônio Almeida
 
STRESSE
STRESSESTRESSE
Principios para superar desafios
Principios para superar desafiosPrincipios para superar desafios
Principios para superar desafios
Christian Lepelletier
 
Ansiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionais
Ansiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionaisAnsiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionais
Ansiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionais
Daniel Motta
 
A cura e auto cura 2
A cura e auto cura 2A cura e auto cura 2
A cura e auto cura 2
Marcel Jefferson Gonçalves
 

Semelhante a Palestra - Toninha Peressinotto (20)

Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
 
Palestra meditação
Palestra meditaçãoPalestra meditação
Palestra meditação
 
Disciplina mental
Disciplina mental  Disciplina mental
Disciplina mental
 
A Arte de Reencantar Nossas Vidas
A Arte de Reencantar Nossas VidasA Arte de Reencantar Nossas Vidas
A Arte de Reencantar Nossas Vidas
 
Meditação e Concentração
Meditação e ConcentraçãoMeditação e Concentração
Meditação e Concentração
 
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasDores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
 
O Segredo (Resumido)
O Segredo (Resumido)O Segredo (Resumido)
O Segredo (Resumido)
 
Karl Stark & werner E.Meier
Karl Stark & werner E.MeierKarl Stark & werner E.Meier
Karl Stark & werner E.Meier
 
ESTRESSE OU STRESS
ESTRESSE OU STRESSESTRESSE OU STRESS
ESTRESSE OU STRESS
 
mentes brilhantes mentes treinadas1.pptx
mentes brilhantes mentes treinadas1.pptxmentes brilhantes mentes treinadas1.pptx
mentes brilhantes mentes treinadas1.pptx
 
Reaprendendo a pensar
Reaprendendo a pensarReaprendendo a pensar
Reaprendendo a pensar
 
Estoicismo
EstoicismoEstoicismo
Estoicismo
 
Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?
 
Palestra técnicas de proteção-2.pptx
Palestra técnicas de proteção-2.pptxPalestra técnicas de proteção-2.pptx
Palestra técnicas de proteção-2.pptx
 
Mindfulness Curso Prof. Paulo Antônio Almeida
Mindfulness Curso Prof. Paulo Antônio AlmeidaMindfulness Curso Prof. Paulo Antônio Almeida
Mindfulness Curso Prof. Paulo Antônio Almeida
 
STRESSE
STRESSESTRESSE
STRESSE
 
Principios para superar desafios
Principios para superar desafiosPrincipios para superar desafios
Principios para superar desafios
 
Ansiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionais
Ansiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionaisAnsiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionais
Ansiedade - como reconhecer e evitar os gatilhos emocionais
 
A cura e auto cura 2
A cura e auto cura 2A cura e auto cura 2
A cura e auto cura 2
 

Último

Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 

Último (14)

Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 

Palestra - Toninha Peressinotto

  • 2. Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal. Mateus 6:34 “Este é o dia que o Senhor fez, seja para nós dia de alegria e de felicidade“. Salmo 117:24
  • 3. “Aprenda como se você fosse viver para sempre. Viva como se você fosse morrer amanhã”. Santo Isidoro de Sevilha “Lembre-se, hoje é o amanhã sobre o qual você se preocupou ontem”. Dale Carnegie “Nada vale mais do que o dia de hoje. Você não pode reviver o ontem. O amanhã ainda está além do seu alcance”. Johann Goethe “Se queres ser feliz amanhã, tenta hoje mesmo”. Liang Tsu
  • 5. O ser humano perde seu valioso tempo queremdo resgatar o seu passado, e fica sonhando com seu futuro, deixando de VIVER seu presente. Com isso...
  • 6. E assim sofre as frustrações do “NÃO”. • Sou capaz. • Sou competente. • Sou realizado. • Sou inteligente, e etc... NÃO
  • 8. “Córtex Cerebral” O córtex cerebral corresponde a camada mais externa do cérebro dos vertebrados, sendo rico em neurônios. E é o local do processamento neuronal mais sofisticado e distinto. É a região do cérebro mais evoluída. O córtex é o local de representações simbólicas, o que ele recebe é processado e integrado, respondendo com uma ação.
  • 9. MUC – Memória de uso contínuo É a memória que mais acessamos no nosso dia-a-dia, a que usamos frequentemente. Memória de acesso rápido. É o nosso “consciente”. ME = Memória Existencial É a memória que fica guardadas as nossa lembranças, acessadas quando nos recordamos de algo, bom ou ruim. Memória das lembranças É o nosso “inconsciente” Inconsciente (área em branco) Consciente (área em vermelho) Memória
  • 10. FENÔMENO RAM “Registro Automático da Memória” No ser humano o registro na memória é involuntário, e realizado pelo fenômeno RAM (registro automático da memória). Cada ideia, pensamento, reação ansiosa, momento de solidão, período de insegurança, são registrados na memória e farão parte da colcha de retalhos da sua história existencial do filme da sua vida.
  • 11. A memória humana não registra o objeto real, mas sim o objeto interpretado, ou seja, o objeto psicológico. Registramos não a realidade objetiva “o problema”, mas sim nossa interpretação “do problema” como o vemos, e vivenciaremos isso na ocasião. Ela inclui toda a carga emocional, todos os pensamentos negativo, e todas as cenas do ambiente. Interpretação da Memória A memória é a maior poupança de um ser humano, o que você deposita diariamente na sua memória é o que você vai colher. Canalize a tua energia emocional para aquilo que você quer e te faz bem.
  • 12. Nós não podemos dizer que possuímos três cérebros simultaneamente. Temos apenas um que, porém, se divide em três regiões distintas. Tomemo-lo como se fora um castelo de três andares. O Cérebro No primeiro “andar”, situamos a residência de nossos impulsos automáticos, simbolizando o sumário vivo dos serviços realizados. No segundo “andar”, localizamos o domicílio das conquistas atuais, onde se erguem e se consolidam as qualidades nobres que estamos edificando. No terceiro “andar”, temos a casa das noções superiores, indicando as eminências que nos cumpre atingir.
  • 13. Assim... • Num deles moram o hábito e o automatismo; • No outro residem o esforço e a vontade; • No último demoram o ideal e a meta superior a ser alcançada. Distribuímos, deste modo, nos três andares, • O subconsciente; • O consciente; • O Superconsciente. Como vemos, possuímos, em nós mesmos, • O passado; • O presente; • O futuro. Do livro “No Mundo Maior” Francisco Cândido Xavier André Luiz
  • 14. O cérebro físico e seus mistérios • Mesencéfalo; • Rombencéfalo; • Prosencéfalo.
  • 15. Mesencéfalo É o Corpo físico atual. Consciente. Diz respeito ao nosso “presente”. Na Psicanálise = Ego. Sede da dor. Córtex Motor. Para a ciência = Sistema Límbico. Córtex Motor
  • 16. Rombencéfalo É o corpo espiritual ou perispírito. Subconsciente. Diz respeito ao nosso “passado”. Na Psicanálise = ID. Sede da sensação. Sistema Nervoso. Para a ciência = Cérebro primitivo. 1 - Encéfalo 2 - Sistema Nervoso 3 – Medula espinhal Sistema Nervoso
  • 17. Prosencéfalo É o Espírito. Superconsciente. Diz respeito ao nosso “futuro”. Na Psicanálise = Superego. Sede da razão. Lobo frontal. Para a ciência = Neocórtex. Do Livro “O Ser Consciencial” Capítulo 9 – O cérebro físico e seus mistérios Irmão Benedito, Irmã Teresa de Jesus e André Psicografado por Eduardo Augusto Lourenço Lobo Frontal
  • 18. E no subconsciente, fica armazenado o nosso passado, tudo o que já vivemos em nossas diversas reencarnações. E em muitas delas a frustração também fez parte da nossa vida, gerando assim alguns sofrimentos e algumas doenças nesta vida atual. Passado... Futuro... No superconsciente está o futuro, e ali estão as incertezas, sonhos e desejos. Mas ainda não chegou. E se esforça para que, quando chegar, ser feliz. Presente!!! Devemos viver este dia como se fosse o nosso último dia de vida aqui na terra. Empenhar toda a nossa energia em fazer o bem e de viver o bem.
  • 19. “METAS PARA HOJE” • Sorrir mais; • Abraçar mais; • Agradecer mais; • Alimentar mais a alma; • Ter bons pensamentos; • Ter bons sentimentos; • Perdoar mais; • Amar mais. “Ser feliz, é plantar um sorriso a cada instante”.
  • 20. - Resignação - Paciência - Tolerância 3 Regras básicas do dia-a-dia, que devemos ter:
  • 21. Resignação A resignação, (ou aceitação), geralmente se refere a experienciar uma situação sem a intenção de mudá-la. A resignação não exige que a mudança seja possível ou mesmo concebível, nem necessita que a situação seja desejada ou aprovada por aqueles que a aceitam. De fato, a resignação é freqüentemente aconselhada quando uma situação é tanto ruim quanto imutável, ou quando a mudança só é possível a um grande preço ou risco.
  • 22. Tolerância A tolerância, do latim ”tolerare” (sustentar, suportar). É um termo que define o grau de aceitação diante de um elemento contrário a uma regra moral, cultural, civil ou física. Do ponto de vista da sociedade a tolerância é a capacidade de uma pessoa ou grupo social de aceitar outra pessoa ou outro grupo social, que tem uma atitude diferente das que são a norma no seu próprio grupo. Numa concepção moderna é também a atitude pessoal e comunitária de aceitar valores diferentes daqueles adotados pelo grupo de pertença original.
  • 23. Paciência Paciência é uma característica de manter um controle emocional equilibrado, sem perder a ”CALMA”, ao longo do tempo. Consiste basicamente na tolerância a erros ou fatos indesejados. É a capacidade de suportar incômodos e dificuldades de toda a ordem, a qualquer hora ou em qualquer lugar. A paciência é a capacidade de persistir numa atividade difícil, mantendo uma ação tranquila e acreditando que irá conseguir o que quer, de ser perseverante, de esperar o momento certo para certas atitudes, de aguardar em paz a compreensão que ainda não se tenha obtido, capacidade de ouvir alguém com calma, com atenção, sem ter pressa, capacidade de se libertar da ansiedade.
  • 24. Ansiedade A ansiedade é uma característica biológica do ser humano. É um estado emocional que se adquire como consequência de algum ato. • Aflição; • Angústia; • Perturbação do espírito causada pela incerteza; • Relação com qualquer contexto de perigo; • Trazemos os atavismos do ontem, e sofremos os miasmas do hoje.
  • 25. A ansiedade é um fenômeno que ora nos beneficia, ora nos prejudica, dependendo das circunstâncias ou intensidade, e que tornar-se patológico, isto é, prejudicial ao nosso funcionamento psíquico (mental) e somático (corporal). A ansiedade estimula o indivíduo a entrar em ação, porém, em excesso, faz exatamente o contrário, impedindo reações. Ter ansiedade ou sofrer desse mal faz com que a pessoa perca uma boa parte da sua autoestima, ou seja, ela deixa de fazer certas coisas porque se julga ser incapaz de realizá-las. A ansiedade pode ser tão desconfortável que, para evita-la, as pessoas deixam de fazer coisas simples, como usar o elevador por causa do desconforto que sentem.
  • 26. “Sintomas de Ansiedade” Os transtornos da ansiedade têm sintomas muito mais intensos do que aquela ansiedade normal do dia a dia. Eles aparecem como: • Preocupações, tensões ou medos exagerados (a pessoa não consegue relaxar); • Sensação contínua de que um desastre ou algo muito ruim vai acontecer; • Preocupações exageradas com saúde, dinheiro, família ou trabalho; • Medo extremo de algum objeto ou situação em particular; • Medo exagerado de ser humilhado publicamente; • Falta de controle sobre pensamentos, imagens ou atitudes, que se repetem independentemente da vontade; • Pavor depois de uma situação muito difícil.
  • 27. “Tratamento para a Ansiedade” Existem três tipos de tratamentos para os transtornos de ansiedade:  Medicamento (sempre com orientação médica) Fluoxetina, Rivotril;  Psicoterapia (com psicólogo ou médico psiquiatra);  Combinação dos dois tratamentos medicamento e psicoterapia. “Tratamento Espiritual “ Fluido-terapia
  • 28. Quando T U D O vai mal, a única coisa que vai bem, É a doença!!!... Ela reina segura e soberana em nosso corpo físico, nos causando transtornos. “Como mudar de atitude e conquistar objetivos em sua vida”.
  • 30. Doença Psicossomática É caracterizada pela presença de alterações clínicas detectáveis por exames de laboratório, ou seja, o corpo da pessoa apresenta danos físicos. É uma doença orgânica, mas com causa psicológica. Em situações de forte estresse emocional o corpo reage como que “informando” que algo não está bem.
  • 31. O diferencial mais importante para se considerar uma doença como psicossomática é entender que a “causa principal” desta “descompensação física” que aparece no corpo físico, está no emocional da pessoa. Ligada, portanto à sua mente, aos seus sentimentos, à sua afetividade. As doenças psicossomáticas podem se manifestar em diversos sistemas que constituem nosso corpo, como por exemplo...
  • 32. • Gastrointestinal - úlcera, gastrite, retocolite; • Respiratório - asma, bronquite; • Cardiovascular - hipertensão, taquicardia, angina; • Dermatológico - vitiligo, psoríase, dermatite, herpes, urticária, eczema; • Endócrino e metabólico - diabetes; • Nervoso - enxaqueca, vertigens; • Articulações - artrite, artrose, tendinite, reumatismos.
  • 33. Somatização É caracterizada pela presença de sintomas físicos “mas não há doença orgânica”. A causa destes sintomas é emocional. Por exemplo: Na síndrome do pânico a pessoa apresenta sintomas orgânicos idênticos ao ataque do coração, ou à problemas intestinais, mas o médico não detecta cardiopatia alguma em seus exames.
  • 34. Os 7 passos para a Mudança Interior 1. Forma - De dentro para fora; 2. Desafio - Eu sou capaz; 3. Resistência - Não vai dar certo; 4. Despertar - Há uma luz no fim do túnel; 5. Compromisso - É a minha missão, minha meta; 6. Purificação - Resignação; 7. Entrega - Vivência no bem, na caridade, no amor.
  • 35. Equilíbrio Psicofísico O ser humano é construído para a ação contínua, e o seu pensamento deve sempre estar ativo, cultivando ideias dignificantes, construtivas, que o envolva em ondas de harmonia e de saúde. A busca da saúde integral deve constituir um dos objetivos básicos da existência planetária, dentro da proposta relevante da iluminação interior. “Fixações mentais pessimistas, adoção de mágoas e anseios de vingança, ciúme e rebeldia emocional transformam-se em tóxicos destrutivos que são transferidos para o sistema nervoso central, desse passando ao sistema endócrino, alojando-se, por fim, no aparelho físico e agredindo as células, que têm perturbada a mitose, abrindo espaço para a contaminação bacteriológica”. Do livro: “Liberta-te do Mal” Divaldo Pereira Franco Joanna de Ângelis
  • 36. “Deotropismo” É o estímulo que impele o ser a crescer em direção a Deus. O deotropismo, que a tudo e a todos atrai para o seu Divino Fulcro, é a mais elevada e grandiosa manifestação do seu poder, em razão de erguer do caos da insignificância a vida nas suas primeiras apresentações, especialmente o princípio inteligente, na sua origem, até proporcionar-lhe a plenitude. Do Livro Entrega-te a Deus Divaldo Pereira Franco Joanna de Ângelis Cap. 20 O incrível poder do amor
  • 37. Não percas a tua fé entre as sombras do mundo. Ainda que os teus pés estejam sangrando, segue para a frente, erguendo-a por luz celeste, acima de ti mesmo. Crê e trabalha. Esforça-te no bem e espera com paciência. Tudo passa e tudo se renova na terra, mas o que vem do céu permanecerá. De todos os infelizes os mais desditosos são os que perderam a confiança em Deus e em si mesmos, porque o maior infortúnio é sofrer a privação da fé e prosseguir vivendo. Eleva pois, o teu olhar e caminha. Luta e serve. Aprende e adianta-te. Brilha a alvorada além da noite. Hoje, é possível que a tempestade te amarfanhe o coração e te atormente o ideal, aguilhoando- te com a aflição ou ameaçando-te com a morte. Não te esqueças porém, de que amanhã será outro dia. Francisco Cândido Xavier Meimei Confia Sempre
  • 38. FIM