SlideShare uma empresa Scribd logo
PROFESSOR RODOLFO ALVES PEREIRA
CULTURA E USO DE MÍDIAS
Ditadura da beleza – histórico,
causas e consequências
Mídia = exaltação do belo
Meios de comunicação – TV, Internet e Impressos –
estampam imagens de pessoas consideradas bonitas
pela sociedade.
Os (as) modelos divulgados se tornam referência
para as pessoas, um exemplo a ser seguido.
Estilo de vida, alimentação, vestuário, corpo, cabelo e
produtos de beleza.
Culto ao belo, um rito histórico
Desde a Antiguidade,
homens e mulheres
cultuam ideias de beleza
e perfeição.
O nascimento de Vênus
(Sandro Botticelli, 1483).
Eugenia
Conceito desenvolvido no
século XIX, por Francis
Galton.
Significa “Ciência do
Melhoramento da Raça
Humana”.
Ciência a favor da Eugenia
O Nazismo levou a
Eugenia ao extremo, com
o objetivo de criar uma
raça perfeita.
Pretendia conservar a
“pureza” do povo alemão.
 Crianças, vítimas das experiências
"médicas" do monstruoso Dr.Josef
Mengele, em Auschwitz-Birkenau.
Polônia, 1944. — National
Museum of Auschwitz-Birkenau
Eugenia no Brasil
Política do branqueamento.
Eliminar elementos étnico-
raciais considerados
“degenerados”.
Eugenia positiva e negativa.
Expoentes da Eugenização
do povo brasileiro: Renato
Kehl, Oliveira Viana,
Monteiro Lobato.
Ideal de beleza e mercado
Atualmente, os padrões de beleza são difundidos em
todas as mídias.
A beleza, a saúde, o sucesso e o bem-estar estão
diretamente associados ao consumismo.
O mercado da beleza está em franca expansão.
Qual o preço do corpo perfeito?
 Em 2013, o Brasil foi o
campeão de cirurgias
plásticas (1,49 milhões de
intervenções);
 As mais procuradas são:
lipoaspiração e aumento
dos seios;
 Academia, dietas, cabelo,
vestuário e uso de
produtos de beleza
também são indicados
para se atingir o ideal de
perfeição.
Mercado fitnnes no Brasil
2007 – 2012: aumento de
133% de micro e pequenas
empresas investindo no
setor;
Número de academias: 30
mil ;
8 milhões de alunos;
2º maior mercado do
mundo;
Rendimento (2013): R$ 2
bilhões.
O que a mídia incentiva?
 Procura padronizar os
indivíduos,
superestimando modelos.
 As publicações
apresentam sempre verbos
no modo imperativo
(conquiste, queime,
aumente etc).
 Uma pesquisa entre
muleres revela que 93%
afirmam que a mídia é
capaz de gerar uma busca
doentia pela beleza
(CURY).
Consequências
 Pesquisas revelam que 8
em cada 10 adolescentes
têm distúrbio alimentar
(85% disseram querer
seguir um padrão de
beleza).
 Outros males associados à
ditadura da beleza:
 Depressão;
 Ansiedade;
 Bulimia;
 Anorexia.
O importante é ser você...
Aprenda a conviver consigo mesmo
Saúde e felicidade em primeiro lugar
Aceite a si mesmo.
Critique e recuse as
imposições da mídia e
dos veículos de
comunicação.
Alimente-se bem, faça
exercícios com
regularidade para
preservar a saúde.
E seja feliz!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

MAPA MENTAL.pdf
MAPA MENTAL.pdfMAPA MENTAL.pdf
MAPA MENTAL.pdf
Gracy Botelho
 
Vitaminas
VitaminasVitaminas
Vitaminas
César Milani
 
_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx
_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx
_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx
Silvana Sanches
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
Caio Maximino
 
O MUNDO DO TRABALHO
O MUNDO DO TRABALHO O MUNDO DO TRABALHO
O MUNDO DO TRABALHO
Rudolf Rotchild Costa Cavalcante
 
Biotecnologia
Biotecnologia Biotecnologia
História da dança
História da dançaHistória da dança
História da dança
Isaque Marques Pascoal
 
Dança
DançaDança
Religiões de matriz africana
Religiões de matriz africanaReligiões de matriz africana
Religiões de matriz africana
Portal do Vestibulando
 
Exercícios juv
Exercícios juvExercícios juv
Exercícios juv
roberto mosca junior
 
Fontes Alternativas de Energia
Fontes Alternativas de EnergiaFontes Alternativas de Energia
Fontes Alternativas de Energia
Sinara Lustosa
 
Ditadura da beleza
Ditadura da belezaDitadura da beleza
Ditadura da beleza
Lissandra Boessio
 
Atividade mitose e meiose
Atividade mitose e meioseAtividade mitose e meiose
Atividade mitose e meiose
julianapbicalho
 
As diferentes formas de se regionalizar o mundo
As diferentes formas de se regionalizar o mundoAs diferentes formas de se regionalizar o mundo
As diferentes formas de se regionalizar o mundo
fernandesrafael
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
Beatriz Schnaider Tontini
 
ORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptx
ORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptxORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptx
ORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptx
Simone Maia
 
Dia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência NegraDia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência Negra
Paulo Medeiros
 
Paisagem cultural e paisagem natural
Paisagem cultural e paisagem naturalPaisagem cultural e paisagem natural
Paisagem cultural e paisagem natural
Instituto Santa Teresa
 
ÁGUA E SAIS MINERAIS
ÁGUA E SAIS MINERAISÁGUA E SAIS MINERAIS
ÁGUA E SAIS MINERAIS
isabelalexandrapinto
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
Marcos Alencar
 

Mais procurados (20)

MAPA MENTAL.pdf
MAPA MENTAL.pdfMAPA MENTAL.pdf
MAPA MENTAL.pdf
 
Vitaminas
VitaminasVitaminas
Vitaminas
 
_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx
_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx
_ciclos biogeoquímicos ppt.pptx
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
 
O MUNDO DO TRABALHO
O MUNDO DO TRABALHO O MUNDO DO TRABALHO
O MUNDO DO TRABALHO
 
Biotecnologia
Biotecnologia Biotecnologia
Biotecnologia
 
História da dança
História da dançaHistória da dança
História da dança
 
Dança
DançaDança
Dança
 
Religiões de matriz africana
Religiões de matriz africanaReligiões de matriz africana
Religiões de matriz africana
 
Exercícios juv
Exercícios juvExercícios juv
Exercícios juv
 
Fontes Alternativas de Energia
Fontes Alternativas de EnergiaFontes Alternativas de Energia
Fontes Alternativas de Energia
 
Ditadura da beleza
Ditadura da belezaDitadura da beleza
Ditadura da beleza
 
Atividade mitose e meiose
Atividade mitose e meioseAtividade mitose e meiose
Atividade mitose e meiose
 
As diferentes formas de se regionalizar o mundo
As diferentes formas de se regionalizar o mundoAs diferentes formas de se regionalizar o mundo
As diferentes formas de se regionalizar o mundo
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
 
ORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptx
ORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptxORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptx
ORGANIZAÇÃO DO CORPO 6 ANO.23.pptx
 
Dia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência NegraDia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência Negra
 
Paisagem cultural e paisagem natural
Paisagem cultural e paisagem naturalPaisagem cultural e paisagem natural
Paisagem cultural e paisagem natural
 
ÁGUA E SAIS MINERAIS
ÁGUA E SAIS MINERAISÁGUA E SAIS MINERAIS
ÁGUA E SAIS MINERAIS
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
 

Destaque

Padrões de beleza impostos pela mídia
Padrões de beleza impostos pela mídiaPadrões de beleza impostos pela mídia
Padrões de beleza impostos pela mídia
vanessalarissa
 
Conceito de beleza na história 2
Conceito de beleza na história 2Conceito de beleza na história 2
Conceito de beleza na história 2
André Castão Souza
 
Corpo, Cultura e Sociedade
Corpo, Cultura e SociedadeCorpo, Cultura e Sociedade
Corpo, Cultura e Sociedade
Luís Fernando Tófoli
 
Padrões de beleza 8º ano
Padrões de beleza 8º anoPadrões de beleza 8º ano
Padrões de beleza 8º ano
Daniele Gonçalves Gross
 
Corpo, cultura e movimento
Corpo, cultura e movimentoCorpo, cultura e movimento
Corpo, cultura e movimento
Silvia Arrelaro
 
OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...
OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...
OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...
Andria Araujo
 
Projeto; O corpo em movimento 2013
Projeto; O corpo em movimento 2013Projeto; O corpo em movimento 2013
Projeto; O corpo em movimento 2013
Débora Lambert
 
A ditadura da beleza e a revolução das mulheres augusto cury
A ditadura da beleza e a revolução das mulheres   augusto curyA ditadura da beleza e a revolução das mulheres   augusto cury
A ditadura da beleza e a revolução das mulheres augusto cury
lias7
 
04 educação física corpo-diego
04 educação física corpo-diego04 educação física corpo-diego
04 educação física corpo-diego
WALTER ALENCAR DE SOUSA
 
A ditadura da beleza.
A ditadura da beleza.A ditadura da beleza.
A ditadura da beleza.
Yanna Carolina Rodrigues
 
Os perigos do corpo perfeito
Os perigos do corpo perfeitoOs perigos do corpo perfeito
Os perigos do corpo perfeito
Fabio Furia
 
Os limites entre a estética e a saúde
Os limites entre a estética e a saúdeOs limites entre a estética e a saúde
Os limites entre a estética e a saúde
Ana Oliveira
 
Cultura corporal
Cultura corporalCultura corporal
Cultura corporal
waldeck
 
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e SociedadeAula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Ghiordanno Bruno
 
Anatomia do corpo em movimento
Anatomia do corpo em movimentoAnatomia do corpo em movimento
Anatomia do corpo em movimento
Andréa Gonçalves Brandão
 
Os principais movimentos do corpo
Os principais movimentos do corpoOs principais movimentos do corpo
Os principais movimentos do corpo
Lia Monteiro
 
Conceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação Física
Conceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação FísicaConceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação Física
Conceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação Física
Alliance Fitness
 

Destaque (17)

Padrões de beleza impostos pela mídia
Padrões de beleza impostos pela mídiaPadrões de beleza impostos pela mídia
Padrões de beleza impostos pela mídia
 
Conceito de beleza na história 2
Conceito de beleza na história 2Conceito de beleza na história 2
Conceito de beleza na história 2
 
Corpo, Cultura e Sociedade
Corpo, Cultura e SociedadeCorpo, Cultura e Sociedade
Corpo, Cultura e Sociedade
 
Padrões de beleza 8º ano
Padrões de beleza 8º anoPadrões de beleza 8º ano
Padrões de beleza 8º ano
 
Corpo, cultura e movimento
Corpo, cultura e movimentoCorpo, cultura e movimento
Corpo, cultura e movimento
 
OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...
OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...
OS CONTEÚDOS DA CULTURA CORPORAL DO MOVIMENTO MINISTRADOS NAS AULAS DE EDUCAÇ...
 
Projeto; O corpo em movimento 2013
Projeto; O corpo em movimento 2013Projeto; O corpo em movimento 2013
Projeto; O corpo em movimento 2013
 
A ditadura da beleza e a revolução das mulheres augusto cury
A ditadura da beleza e a revolução das mulheres   augusto curyA ditadura da beleza e a revolução das mulheres   augusto cury
A ditadura da beleza e a revolução das mulheres augusto cury
 
04 educação física corpo-diego
04 educação física corpo-diego04 educação física corpo-diego
04 educação física corpo-diego
 
A ditadura da beleza.
A ditadura da beleza.A ditadura da beleza.
A ditadura da beleza.
 
Os perigos do corpo perfeito
Os perigos do corpo perfeitoOs perigos do corpo perfeito
Os perigos do corpo perfeito
 
Os limites entre a estética e a saúde
Os limites entre a estética e a saúdeOs limites entre a estética e a saúde
Os limites entre a estética e a saúde
 
Cultura corporal
Cultura corporalCultura corporal
Cultura corporal
 
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e SociedadeAula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
 
Anatomia do corpo em movimento
Anatomia do corpo em movimentoAnatomia do corpo em movimento
Anatomia do corpo em movimento
 
Os principais movimentos do corpo
Os principais movimentos do corpoOs principais movimentos do corpo
Os principais movimentos do corpo
 
Conceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação Física
Conceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação FísicaConceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação Física
Conceitos sobre o corpo em movimento em aulas de Educação Física
 

Semelhante a Os riscos da ditadura da beleza

Corpo cadaver 2008
Corpo cadaver 2008Corpo cadaver 2008
Corpo cadaver 2008
Selma Felerico
 
Lipoaspiração slide
Lipoaspiração  slideLipoaspiração  slide
Lipoaspiração slide
Christina Darrieux Pacheco
 
A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009
A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009
A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009
Selma Felerico
 
7º ano
7º ano7º ano
7º ano
Fabio Cruz
 
Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP
Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP
Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP
Tatiana Aoki
 
Corpo Ciencia E Mercado
Corpo Ciencia E MercadoCorpo Ciencia E Mercado
Aula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de tema
Aula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de temaAula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de tema
Aula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de tema
Fabio Cruz
 
95 99-1-pb
95 99-1-pb95 99-1-pb
95 99-1-pb
Ana Oliveira
 
dove.pdf
dove.pdfdove.pdf
dove.pdf
JonasDias35
 
Sociologia slides
Sociologia slidesSociologia slides
Sociologia slides
Lucas Moraes
 
Os objetivos do milênio da ONU
Os objetivos do milênio da ONUOs objetivos do milênio da ONU
Os objetivos do milênio da ONU
paulotmo
 
Lâmina corada.pdf
Lâmina corada.pdfLâmina corada.pdf
Lâmina corada.pdf
ValriaLoureiro2
 
O que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos serO que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos ser
Luis De Sousa Rodrigues
 
Autoimagem e publicidade
Autoimagem e publicidade  Autoimagem e publicidade
Autoimagem e publicidade
elenir duarte dias
 
O que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos serO que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos ser
Luis De Sousa Rodrigues
 
8.16
8.168.16
Aula Sobre Aspectos Humanos Da Atualidade
Aula Sobre Aspectos Humanos Da AtualidadeAula Sobre Aspectos Humanos Da Atualidade
Aula Sobre Aspectos Humanos Da Atualidade
ProfMario De Mori
 
Ditaura da beleza
Ditaura da belezaDitaura da beleza
Ditaura da beleza
Fabio Cruz
 
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Denis de Pereira
 
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Denis de Pereira
 

Semelhante a Os riscos da ditadura da beleza (20)

Corpo cadaver 2008
Corpo cadaver 2008Corpo cadaver 2008
Corpo cadaver 2008
 
Lipoaspiração slide
Lipoaspiração  slideLipoaspiração  slide
Lipoaspiração slide
 
A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009
A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009
A publicidade e seus corpos ultramedidos 2009
 
7º ano
7º ano7º ano
7º ano
 
Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP
Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP
Diretrizes de Alimentação: pesquisa USP
 
Corpo Ciencia E Mercado
Corpo Ciencia E MercadoCorpo Ciencia E Mercado
Corpo Ciencia E Mercado
 
Aula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de tema
Aula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de temaAula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de tema
Aula 3 e 4 compreensão, análise e discussão de tema
 
95 99-1-pb
95 99-1-pb95 99-1-pb
95 99-1-pb
 
dove.pdf
dove.pdfdove.pdf
dove.pdf
 
Sociologia slides
Sociologia slidesSociologia slides
Sociologia slides
 
Os objetivos do milênio da ONU
Os objetivos do milênio da ONUOs objetivos do milênio da ONU
Os objetivos do milênio da ONU
 
Lâmina corada.pdf
Lâmina corada.pdfLâmina corada.pdf
Lâmina corada.pdf
 
O que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos serO que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos ser
 
Autoimagem e publicidade
Autoimagem e publicidade  Autoimagem e publicidade
Autoimagem e publicidade
 
O que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos serO que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos ser
 
8.16
8.168.16
8.16
 
Aula Sobre Aspectos Humanos Da Atualidade
Aula Sobre Aspectos Humanos Da AtualidadeAula Sobre Aspectos Humanos Da Atualidade
Aula Sobre Aspectos Humanos Da Atualidade
 
Ditaura da beleza
Ditaura da belezaDitaura da beleza
Ditaura da beleza
 
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
 
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017Aula 05  adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
Aula 05 adolescentes i padroes sociais de beleza i ebd 2017
 

Mais de Acrópole - História & Educação

Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da AlemanhaUnificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Acrópole - História & Educação
 
Aula sobre o Imperialismo Europeu no século XIX
Aula sobre o Imperialismo Europeu no século XIXAula sobre o Imperialismo Europeu no século XIX
Aula sobre o Imperialismo Europeu no século XIX
Acrópole - História & Educação
 
REVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIOREVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIO
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASIL
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASILAVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASIL
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASIL
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJA
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJAAVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJA
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJA
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO HISTÓRIA ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDO
AVALIAÇÃO HISTÓRIA  ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDOAVALIAÇÃO HISTÓRIA  ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDO
AVALIAÇÃO HISTÓRIA ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDO
Acrópole - História & Educação
 
A Formação dos Estados Nacionais Europeus
A Formação dos Estados Nacionais EuropeusA Formação dos Estados Nacionais Europeus
A Formação dos Estados Nacionais Europeus
Acrópole - História & Educação
 
Prova de História 7º Ano - Renascimento Cultural
Prova de História 7º Ano  - Renascimento CulturalProva de História 7º Ano  - Renascimento Cultural
Prova de História 7º Ano - Renascimento Cultural
Acrópole - História & Educação
 
Prova de História: Revolução Inglesa
Prova de História: Revolução InglesaProva de História: Revolução Inglesa
Prova de História: Revolução Inglesa
Acrópole - História & Educação
 
Exercícios sobre as ideologias do século XIX
Exercícios sobre as ideologias do século XIXExercícios sobre as ideologias do século XIX
Exercícios sobre as ideologias do século XIX
Acrópole - História & Educação
 
Teste de História: absolutismo e mercantilismo
Teste de História: absolutismo e mercantilismoTeste de História: absolutismo e mercantilismo
Teste de História: absolutismo e mercantilismo
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUA
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUAAVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUA
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUA
Acrópole - História & Educação
 
TESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO
TESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMOTESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO
TESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO
Acrópole - História & Educação
 
Avaliação República Democrática no Brasil
Avaliação República Democrática no Brasil Avaliação República Democrática no Brasil
Avaliação República Democrática no Brasil
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTAS
AVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTASAVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTAS
AVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTAS
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIA
AVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIAAVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIA
AVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIA
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOS
AVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOSAVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOS
AVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOS
Acrópole - História & Educação
 
AVALIAÇÃO 6º ANO - Roma Antiga
AVALIAÇÃO 6º ANO - Roma AntigaAVALIAÇÃO 6º ANO - Roma Antiga
AVALIAÇÃO 6º ANO - Roma Antiga
Acrópole - História & Educação
 
Panfleto de Educação Fiscal
Panfleto de Educação FiscalPanfleto de Educação Fiscal
Panfleto de Educação Fiscal
Acrópole - História & Educação
 
Avaliação de História
Avaliação de HistóriaAvaliação de História
Avaliação de História
Acrópole - História & Educação
 

Mais de Acrópole - História & Educação (20)

Unificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da AlemanhaUnificação da Itália e a formação da Alemanha
Unificação da Itália e a formação da Alemanha
 
Aula sobre o Imperialismo Europeu no século XIX
Aula sobre o Imperialismo Europeu no século XIXAula sobre o Imperialismo Europeu no século XIX
Aula sobre o Imperialismo Europeu no século XIX
 
REVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIOREVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO 3º ANO ENSINO MÉDIO
 
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASIL
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASILAVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASIL
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA E I REINADO NO BRASIL
 
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJA
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJAAVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJA
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA EJA
 
AVALIAÇÃO HISTÓRIA ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDO
AVALIAÇÃO HISTÓRIA  ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDOAVALIAÇÃO HISTÓRIA  ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDO
AVALIAÇÃO HISTÓRIA ILUMINISMO E DESPOTISMO ESCLARECIDO
 
A Formação dos Estados Nacionais Europeus
A Formação dos Estados Nacionais EuropeusA Formação dos Estados Nacionais Europeus
A Formação dos Estados Nacionais Europeus
 
Prova de História 7º Ano - Renascimento Cultural
Prova de História 7º Ano  - Renascimento CulturalProva de História 7º Ano  - Renascimento Cultural
Prova de História 7º Ano - Renascimento Cultural
 
Prova de História: Revolução Inglesa
Prova de História: Revolução InglesaProva de História: Revolução Inglesa
Prova de História: Revolução Inglesa
 
Exercícios sobre as ideologias do século XIX
Exercícios sobre as ideologias do século XIXExercícios sobre as ideologias do século XIX
Exercícios sobre as ideologias do século XIX
 
Teste de História: absolutismo e mercantilismo
Teste de História: absolutismo e mercantilismoTeste de História: absolutismo e mercantilismo
Teste de História: absolutismo e mercantilismo
 
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUA
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUAAVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUA
AVALIAÇÃO INDEPENDÊNCIA DOS EUA
 
TESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO
TESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMOTESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO
TESTE- ABSOLUTISMO E MERCANTILISMO
 
Avaliação República Democrática no Brasil
Avaliação República Democrática no Brasil Avaliação República Democrática no Brasil
Avaliação República Democrática no Brasil
 
AVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTAS
AVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTASAVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTAS
AVALIAÇÃO HISTÓRIA REVOLUÇÕES SOCIALISTAS
 
AVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIA
AVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIAAVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIA
AVALIAÇÃO 1º ANO ENSINO MÉDIO - BAIXA IDADE MÉDIA
 
AVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOS
AVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOSAVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOS
AVALIAÇÃO ESTADOS MODERNOS
 
AVALIAÇÃO 6º ANO - Roma Antiga
AVALIAÇÃO 6º ANO - Roma AntigaAVALIAÇÃO 6º ANO - Roma Antiga
AVALIAÇÃO 6º ANO - Roma Antiga
 
Panfleto de Educação Fiscal
Panfleto de Educação FiscalPanfleto de Educação Fiscal
Panfleto de Educação Fiscal
 
Avaliação de História
Avaliação de HistóriaAvaliação de História
Avaliação de História
 

Último

Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
EdimaresSilvestre
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
MarcoAurlioResende
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Militao Ricardo
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
ConservoConstrues
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FredFringeFringeDola
 
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
y6zh7bvphf
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 

Último (20)

Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.pptLITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
LITERATURA INDÍGENA BRASILEIRA: elementos constitutivos.ppt
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
 
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptxDEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
DEUS CURA TODAS AS FERIDAS ESCONDIDAS DA NOSSA.pptx
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
FICHA DE APOIO DE ESCOLA SECUNDÁRIA 2024
 
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 

Os riscos da ditadura da beleza

  • 1. PROFESSOR RODOLFO ALVES PEREIRA CULTURA E USO DE MÍDIAS Ditadura da beleza – histórico, causas e consequências
  • 2. Mídia = exaltação do belo Meios de comunicação – TV, Internet e Impressos – estampam imagens de pessoas consideradas bonitas pela sociedade. Os (as) modelos divulgados se tornam referência para as pessoas, um exemplo a ser seguido. Estilo de vida, alimentação, vestuário, corpo, cabelo e produtos de beleza.
  • 3. Culto ao belo, um rito histórico Desde a Antiguidade, homens e mulheres cultuam ideias de beleza e perfeição. O nascimento de Vênus (Sandro Botticelli, 1483).
  • 4. Eugenia Conceito desenvolvido no século XIX, por Francis Galton. Significa “Ciência do Melhoramento da Raça Humana”.
  • 5. Ciência a favor da Eugenia O Nazismo levou a Eugenia ao extremo, com o objetivo de criar uma raça perfeita. Pretendia conservar a “pureza” do povo alemão.  Crianças, vítimas das experiências "médicas" do monstruoso Dr.Josef Mengele, em Auschwitz-Birkenau. Polônia, 1944. — National Museum of Auschwitz-Birkenau
  • 6. Eugenia no Brasil Política do branqueamento. Eliminar elementos étnico- raciais considerados “degenerados”. Eugenia positiva e negativa. Expoentes da Eugenização do povo brasileiro: Renato Kehl, Oliveira Viana, Monteiro Lobato.
  • 7.
  • 8. Ideal de beleza e mercado Atualmente, os padrões de beleza são difundidos em todas as mídias. A beleza, a saúde, o sucesso e o bem-estar estão diretamente associados ao consumismo. O mercado da beleza está em franca expansão.
  • 9. Qual o preço do corpo perfeito?  Em 2013, o Brasil foi o campeão de cirurgias plásticas (1,49 milhões de intervenções);  As mais procuradas são: lipoaspiração e aumento dos seios;  Academia, dietas, cabelo, vestuário e uso de produtos de beleza também são indicados para se atingir o ideal de perfeição.
  • 10. Mercado fitnnes no Brasil 2007 – 2012: aumento de 133% de micro e pequenas empresas investindo no setor; Número de academias: 30 mil ; 8 milhões de alunos; 2º maior mercado do mundo; Rendimento (2013): R$ 2 bilhões.
  • 11. O que a mídia incentiva?  Procura padronizar os indivíduos, superestimando modelos.  As publicações apresentam sempre verbos no modo imperativo (conquiste, queime, aumente etc).  Uma pesquisa entre muleres revela que 93% afirmam que a mídia é capaz de gerar uma busca doentia pela beleza (CURY).
  • 12. Consequências  Pesquisas revelam que 8 em cada 10 adolescentes têm distúrbio alimentar (85% disseram querer seguir um padrão de beleza).  Outros males associados à ditadura da beleza:  Depressão;  Ansiedade;  Bulimia;  Anorexia.
  • 13. O importante é ser você...
  • 14. Aprenda a conviver consigo mesmo
  • 15. Saúde e felicidade em primeiro lugar Aceite a si mesmo. Critique e recuse as imposições da mídia e dos veículos de comunicação. Alimente-se bem, faça exercícios com regularidade para preservar a saúde. E seja feliz!