SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
Os livros de Crônicas
A soberania e fidelidade de Deus
ao estabelecer o trono de Davi e
   ao disciplinar sua dinastia
Autoria
A. Título
2. “Crônicas” é um nome cristão dado a estes livros
   por Jerônimo no 4º século da era cristã. Sugere
   fazer um registro cronológico da história sagrada.
3. Os 2 volumes formam 1 só volume no cânon
   hebraico, tem o nome de “Atos dos dias” ou “Atos
   dos tempos”.
4. Os     tradutores     gregos     denominaram-nos
   “Paraleipomena”          (coisas       esquecidas),
   considerando-os um suplemento aos livros de
   Samuel e Reis.
A. Autor
  Embora anônimos, esse livros são
  evidentemente obra de Esdras, o
  Sacerdote, de acordo com a tradição
  hebraica. As evidências são a forma
  literária, o ponto de vista sacerdotal e o
  objetivo.
Cenário Histórico
1. O livro foi escrito logo após a volta do exílio,
   a fim de proporcionar um fundo teocrático
   para as exortações de Esdras e Neemias.

• Os acontecimentos ou cronologias dos
  livros, abrangem toda a história do A.T. O
  seu alcance é maior do que qualquer outro
  livro da Bíblia, desde Gênesis até Malaquias.
Cenário Religioso
1. A estagnação religiosa é evidente em todos
   os livros pós-exílio (Esdras, Neemias, Ester,
   Ageu, Zacarias e Malaquias) . Eles estavam
   esperando que o Senhor instituísse
   rapidamente o reino messiânico logo após o
   retorno deles à pátria.
Cenário político
1. Judá já não era uma monarquia, e sim um
   pequeno grupo de exilados que tinham voltado
   da Babilônia sob vassalagem do império persa .

3. Mas os judeus não deixaram de exercer
   influência sobre o império nessa época. Daniel,
   Ester e Mordecai e Esdras, são exemplos de
   grande influência a favor dos judeus.
Objetivo do Livro
A. Apresentar de maneira sucinta toda a história
   sob a perspectiva divina. Nessa retomada da
   história, o cronista da ênfase aos levitas, na
   adoração no templo, nas bênçãos do
   arrependimento, na soberania de Deus para
   restaurar o povo e cumprir suas promessas se
   esse povo correspondesse.
Esboço de 1 Crônicas
•  Genealogias importantes do reinado de Davi ... 1-9
•  Genealogia da nação de Israel ............................ 1
c. Período primitivo – Adão a Abraão
d. Período patriarcal – Abraão a Jacó
•  Genealogia da casa de Davi ............................. 2-3
f. Linhagem de Davi ................................................ 2
g. Descendência de Davi ......................................... 3
•  Genealogia das tribos colaterais ...................... 4-9
i. Tribo meridional de Simeão .................................
   4
j. Tribos orientais da Transjordânia .........................
   5
k. Tribo sacerdotal de Levi .......................................
•    Pontos culminantes do reinado de Davi ........................... 10-29
•    Davi sobe ao trono ......................................................... 10-12
c.   Termina o reino independente de Saul ................................. 10
d.   Principia o reino teocrático de Davi ................................. 11-12
•    Davi traz de volta a arca para Jerusalém ......................... 13-16
f.   Modo incorreto de trazer a arca ............................................ 13
g.   Modo certo de derrotar os filisteus ....................................... 14
h.   Modo certo de trazer a arca ............................................. 15-16
•    Davi recebe a aliança real ................................................ 17-21
j.   Aliança do trono eterno de Davi ........................................... 17
k.   Conquista de Davi devido a ameaças externas ................. 18-20
•    Davi faz preparativos para a construção do Templo ......... 21-29
m.   Compra do local do templo ................................................... 21
n.   Provisão do material de construção ...................................... 22
o.   Instrução para os ministros do Templo ............................. 23-26
p.   Organização dos oficiais de estado ....................................... 27
q.   Encargos finais para a construção do Templo ................... 28-29
Esboço de 2 Crônicas
• Reinado de Salomão – ênfase na construção do
   templo ............................................................. 1-9
• Salomão pede ao Senhor sabedoria .................... 1
c. Adoração .......................................................
   1.1-6
d. Sabedoria ....................................................... 7-11
e. Riqueza ........................................................ 12-17
• Salomão constrói o templo para o Senhor......... 2-5
g. Compra de material ............................................ 2
h. Projeto de construção ......................................... 3
i. Utensílios ............................................................ 4
j. Transferência adequada da arca .......................... 5
•    Salomão dedica o Templo ao Senhor ............... 6-7
b.   Oração pedindo misericórdia a Deus ................... 6
c.   Promessa de misericórdia mediante
     arrependimento .................................................
     7
•    Salomão obtém do Senhor sucesso pessoal ...... 8-9
e.   Sucesso em diversos projetos ..............................
     8
f.   Sucesso constatado pela rainha de Sabá ..............
     9
g.   Sucesso nas riquezas ..........................................
     9
•    Reinado dos filhos de Salomão – ênfase nas
     reformas ....................................................... 10-36
•    Quatro primeiras reformas contrastadas ............. 10-20
c.   Futilidade da reforma mundana de Roboão .......... 10-12
d.   Sucesso militar da reforma de Abias .......................... 13
e.   Triste fim da reforma principiada por Asa ............ 14-16
f.   Grandeza da reforma bíblica de Josafá .................. 17-20

•    Três desdenham a reforma e são condenados ....... 21-22
i.   Grande julgamento de Jeorão por Elias ...................... 21
j.   Morte prematura de Acazias por Jeú .......................... 22
k.   Carnificina e morte de Atalia ...................................... 22
•    Quatro reformas executadas terminam em
     desastre ............... 23-27
b.   Zelo de Joás até a morte de Joiada ................
     23-24
c.   Sucesso de Amazias até ser seduzido pelos deuses
     de Edom ............................................................
     25
d.   Grandeza de Uzias “até que se tornou forte” .....
     26
e.   Poderio de Jotão, mas fracasso quanto à
     corrupção ..............................................................
     ............ 27
•    Idolatria e obstinada recusa de Acaz de atender
     ao Senhor ......................................................... 28
•    Apressada e enérgica reforma de Ezequias ...
     29-32
Contribuições singulares de
             1 e 2 Crônicas
1. Perspectiva divina.
   A apresentação de Crônicas não é uma
   repetição, mas um amplo estudo da história de
   Israel. Os livros enfatizam a soberania e o
   domínio de Deus sobre os interesses do seu
   povo, a fim de cumprir seus propósitos, apesar
   dos impulsos humanos. Palavras como: “meu
   povo”, o “ungido do Senhor”, “arca”, “aliança”,
   “templo”, “ira”, “reino”, “olhos”, e até mesmo,
   “o Senhor sentado em seu trono”.
•    Crônicas em contraste com Samuel e Reis.
b.      Crônicas a presenta o ponto de vista sacerdotal, em
     vez de profético. Há muitas referências aos sacerdotes
     e levitas, enquanto os ministérios dos grandes
     profetas Elias e Eliseu são raramente mencionados. O
     templo é mais dominante que o trono.
c.   O enfoque nacional é mais em Judá do que em Israel.
d.   Sucessos militares são sempre determinados pelo
     relacionamento com o Senhor.
e.   O objetivo de Crônicas é encorajar mais do que
     castigar, estimular lealdade mais do que indiciar culpa.
f.   A idolatria não é enfatizada, mas sim a indiferença
     espiritual.
1. “Buscar o Senhor”.
   Essa admoestação, que ocorre com frequência
   em Salmos e Profetas, não é usada nos livros
   históricos de Samuel e Reis, porém enfatizado
   11 vezes em Crônicas.
1. Perigo da prosperidade.
   Os livros de Crônicas enfatizam o perigo de
   deixar Deus de lado em época de prosperidade
   ou poder. Observa-se tal coisa no declínio de
   Roboão, Asa (16.1-2), Josafá (18.1), Jeorão
   (21.3-4), Amazias (25.11-14), Uzias (26.16) e
   Ezequias (32.23-25).
Cristologia em Crônicas
• Além dos já registrados tipos de Cristo em Davi e
  Salomão, na linha genealógicas de Davi têm o
  objetivo messiânico. Mateus repete aquela
  genealogia no começo do N.T.
  para demonstrar o direito
  de Jesus ao trono, quando o
  apresenta como o Rei de Israel.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

12 esdras e neemias
12  esdras e neemias12  esdras e neemias
12 esdras e neemias
PIB Penha
 

Mais procurados (20)

29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías
 
Eclesiastes
EclesiastesEclesiastes
Eclesiastes
 
1. Antigo Testamento: Introdução
1. Antigo Testamento: Introdução1. Antigo Testamento: Introdução
1. Antigo Testamento: Introdução
 
26. Os poéticos: Eclesiastes
26. Os poéticos: Eclesiastes26. Os poéticos: Eclesiastes
26. Os poéticos: Eclesiastes
 
14. o livro de ii samuel
14. o livro de ii samuel14. o livro de ii samuel
14. o livro de ii samuel
 
Panorama do AT - Habacuque
Panorama do AT - HabacuquePanorama do AT - Habacuque
Panorama do AT - Habacuque
 
54 Estudo Panorâmico da Bíblia (Esdras)
54   Estudo Panorâmico da Bíblia (Esdras)54   Estudo Panorâmico da Bíblia (Esdras)
54 Estudo Panorâmico da Bíblia (Esdras)
 
44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias
 
Livro de Juízes Antigo Testamento
Livro de Juízes Antigo TestamentoLivro de Juízes Antigo Testamento
Livro de Juízes Antigo Testamento
 
51 Estudo Panorâmico da Bíblia (II Reis)
51   Estudo Panorâmico da Bíblia (II Reis)51   Estudo Panorâmico da Bíblia (II Reis)
51 Estudo Panorâmico da Bíblia (II Reis)
 
O Livro de Esdras
O Livro de EsdrasO Livro de Esdras
O Livro de Esdras
 
12 esdras e neemias
12  esdras e neemias12  esdras e neemias
12 esdras e neemias
 
5. O Êxodo: do Egito ao Sinai
5. O Êxodo: do Egito ao Sinai5. O Êxodo: do Egito ao Sinai
5. O Êxodo: do Egito ao Sinai
 
Panorama do AT - Obadias
Panorama do AT - ObadiasPanorama do AT - Obadias
Panorama do AT - Obadias
 
35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel
 
21. o livro de neemias
21. o livro de neemias21. o livro de neemias
21. o livro de neemias
 
O livro de jó
O livro de jóO livro de jó
O livro de jó
 
Panorama do AT - Naum
Panorama do AT - NaumPanorama do AT - Naum
Panorama do AT - Naum
 
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza OliveiraPentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
Pentateuco (lições 1 e 2) - EETAD - Pr Gesiel de Souza Oliveira
 
Panorama do AT - Êxodo
Panorama do AT -  ÊxodoPanorama do AT -  Êxodo
Panorama do AT - Êxodo
 

Destaque

Os livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e NeemiasOs livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e Neemias
mbrandao7
 
O livro de deuteronômio
O livro de deuteronômioO livro de deuteronômio
O livro de deuteronômio
mbrandao7
 
comentário bíblico-1 crônicas (moody)
comentário bíblico-1 crônicas (moody)comentário bíblico-1 crônicas (moody)
comentário bíblico-1 crônicas (moody)
leniogravacoes
 
14 ise - levítico - números - deuteronômio
14   ise - levítico - números - deuteronômio14   ise - levítico - números - deuteronômio
14 ise - levítico - números - deuteronômio
Léo Mendonça
 

Destaque (18)

Os livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e NeemiasOs livros de Esdras e Neemias
Os livros de Esdras e Neemias
 
COMENTARIO BIBLICO-2 crônicas (moody)
COMENTARIO BIBLICO-2 crônicas (moody)COMENTARIO BIBLICO-2 crônicas (moody)
COMENTARIO BIBLICO-2 crônicas (moody)
 
20. o livro de esdras
20. o livro de esdras20. o livro de esdras
20. o livro de esdras
 
Panorama do AT - Esdras
Panorama do AT - EsdrasPanorama do AT - Esdras
Panorama do AT - Esdras
 
52 Estudo Panorâmico da Bíblia (I Crônicas)
52   Estudo Panorâmico da Bíblia (I Crônicas)52   Estudo Panorâmico da Bíblia (I Crônicas)
52 Estudo Panorâmico da Bíblia (I Crônicas)
 
O livro de deuteronômio
O livro de deuteronômioO livro de deuteronômio
O livro de deuteronômio
 
Livro de números
Livro de númerosLivro de números
Livro de números
 
22. o livro de ester
22. o livro de ester22. o livro de ester
22. o livro de ester
 
Catequese bíblica (viii) 1 e 2 cronicas, esdras e neemias
Catequese bíblica (viii) 1 e 2 cronicas, esdras e neemiasCatequese bíblica (viii) 1 e 2 cronicas, esdras e neemias
Catequese bíblica (viii) 1 e 2 cronicas, esdras e neemias
 
Panorama do NT - Tito
Panorama do NT - TitoPanorama do NT - Tito
Panorama do NT - Tito
 
comentário bíblico-1 crônicas (moody)
comentário bíblico-1 crônicas (moody)comentário bíblico-1 crônicas (moody)
comentário bíblico-1 crônicas (moody)
 
Panorama do at 3
Panorama do at 3Panorama do at 3
Panorama do at 3
 
Os Históricos
Os HistóricosOs Históricos
Os Históricos
 
55 Estudo Panorâmico da Bíblia (O Livro de Neemias)
55   Estudo Panorâmico da Bíblia (O Livro de Neemias)55   Estudo Panorâmico da Bíblia (O Livro de Neemias)
55 Estudo Panorâmico da Bíblia (O Livro de Neemias)
 
Panorama do AT - Neemias e Ester
Panorama do AT - Neemias e EsterPanorama do AT - Neemias e Ester
Panorama do AT - Neemias e Ester
 
14 ise - levítico - números - deuteronômio
14   ise - levítico - números - deuteronômio14   ise - levítico - números - deuteronômio
14 ise - levítico - números - deuteronômio
 
Neemias
NeemiasNeemias
Neemias
 
A Restauração espiritual tem início
A Restauração espiritual tem inícioA Restauração espiritual tem início
A Restauração espiritual tem início
 

Semelhante a Os livros de crônicas

14 os-dois-livros-dos-reis
14 os-dois-livros-dos-reis14 os-dois-livros-dos-reis
14 os-dois-livros-dos-reis
Otávio Caixeta
 
A biblia sagrada antigo testamento (livro - portugues)
A biblia sagrada   antigo testamento (livro - portugues)A biblia sagrada   antigo testamento (livro - portugues)
A biblia sagrada antigo testamento (livro - portugues)
Rita Luz
 
11 1 e 2 crônicas
11   1 e 2 crônicas11   1 e 2 crônicas
11 1 e 2 crônicas
PIB Penha
 
Os livros de samuel
Os livros de samuelOs livros de samuel
Os livros de samuel
mbrandao7
 
OS LIVROS DE SAMUEL
OS LIVROS DE SAMUELOS LIVROS DE SAMUEL
OS LIVROS DE SAMUEL
mbrandao7
 
Aula 13 - Juízes
Aula 13 - JuízesAula 13 - Juízes
Aula 13 - Juízes
ibrdoamor
 
Daniel nosso contemporaneo
Daniel nosso contemporaneoDaniel nosso contemporaneo
Daniel nosso contemporaneo
Moisés Sampaio
 

Semelhante a Os livros de crônicas (20)

8 amos
8 amos8 amos
8 amos
 
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
9 - panorama do AT - 1 e 2 cronicas e Rute.ppt
 
Livros históricos aula 2
Livros  históricos aula 2Livros  históricos aula 2
Livros históricos aula 2
 
14 os-dois-livros-dos-reis
14 os-dois-livros-dos-reis14 os-dois-livros-dos-reis
14 os-dois-livros-dos-reis
 
Panorama do at 2
Panorama do at 2Panorama do at 2
Panorama do at 2
 
PANORAMA_DO_AT_2.ppt
PANORAMA_DO_AT_2.pptPANORAMA_DO_AT_2.ppt
PANORAMA_DO_AT_2.ppt
 
Reis e cronicas.ppt
Reis e cronicas.pptReis e cronicas.ppt
Reis e cronicas.ppt
 
A biblia sagrada antigo testamento (livro - portugues)
A biblia sagrada   antigo testamento (livro - portugues)A biblia sagrada   antigo testamento (livro - portugues)
A biblia sagrada antigo testamento (livro - portugues)
 
Os livros de 1 e 2 Reis
Os livros de 1 e 2 ReisOs livros de 1 e 2 Reis
Os livros de 1 e 2 Reis
 
11 1 e 2 crônicas
11   1 e 2 crônicas11   1 e 2 crônicas
11 1 e 2 crônicas
 
Os livros de samuel
Os livros de samuelOs livros de samuel
Os livros de samuel
 
OS LIVROS DE SAMUEL
OS LIVROS DE SAMUELOS LIVROS DE SAMUEL
OS LIVROS DE SAMUEL
 
A Bíblia (Aula 6): Livros Históricos (part. 2)
A Bíblia (Aula 6): Livros Históricos (part. 2)A Bíblia (Aula 6): Livros Históricos (part. 2)
A Bíblia (Aula 6): Livros Históricos (part. 2)
 
Aula 13 - Juízes
Aula 13 - JuízesAula 13 - Juízes
Aula 13 - Juízes
 
PANORAMA-DO-ANTIGO-TESTAMENTO-III (1).pptx
PANORAMA-DO-ANTIGO-TESTAMENTO-III (1).pptxPANORAMA-DO-ANTIGO-TESTAMENTO-III (1).pptx
PANORAMA-DO-ANTIGO-TESTAMENTO-III (1).pptx
 
Licao 1 4 t - 2019 - [salvo automaticamente]
Licao 1   4 t - 2019 - [salvo automaticamente]Licao 1   4 t - 2019 - [salvo automaticamente]
Licao 1 4 t - 2019 - [salvo automaticamente]
 
IBADEP BÁSICO PROFETAS MAIORES AULA 1 - PROFETA ISAÍAS.pptx
IBADEP BÁSICO PROFETAS MAIORES AULA 1 - PROFETA ISAÍAS.pptxIBADEP BÁSICO PROFETAS MAIORES AULA 1 - PROFETA ISAÍAS.pptx
IBADEP BÁSICO PROFETAS MAIORES AULA 1 - PROFETA ISAÍAS.pptx
 
Daniel nosso conteporaneo
Daniel nosso conteporaneoDaniel nosso conteporaneo
Daniel nosso conteporaneo
 
Daniel nosso contemporaneo
Daniel nosso contemporaneoDaniel nosso contemporaneo
Daniel nosso contemporaneo
 
Curso bíblico
Curso bíblicoCurso bíblico
Curso bíblico
 

Mais de mbrandao7 (11)

2012 a relevância da bíblia no contexto pós-moderno
2012   a relevância da bíblia no contexto pós-moderno2012   a relevância da bíblia no contexto pós-moderno
2012 a relevância da bíblia no contexto pós-moderno
 
O livro de rute
O livro de ruteO livro de rute
O livro de rute
 
O livro de rute
O livro de ruteO livro de rute
O livro de rute
 
O livro de juízes
O livro de juízesO livro de juízes
O livro de juízes
 
O livro de josué
O livro de josuéO livro de josué
O livro de josué
 
Introd. livros historicos
Introd. livros historicosIntrod. livros historicos
Introd. livros historicos
 
5. levítico
5. levítico5. levítico
5. levítico
 
4. êxodo
4. êxodo4. êxodo
4. êxodo
 
3. gênesis
3. gênesis3. gênesis
3. gênesis
 
2. apresentação
2. apresentação2. apresentação
2. apresentação
 
1. Apêndice
1. Apêndice1. Apêndice
1. Apêndice
 

Os livros de crônicas

  • 1. Os livros de Crônicas A soberania e fidelidade de Deus ao estabelecer o trono de Davi e ao disciplinar sua dinastia
  • 2. Autoria A. Título 2. “Crônicas” é um nome cristão dado a estes livros por Jerônimo no 4º século da era cristã. Sugere fazer um registro cronológico da história sagrada. 3. Os 2 volumes formam 1 só volume no cânon hebraico, tem o nome de “Atos dos dias” ou “Atos dos tempos”. 4. Os tradutores gregos denominaram-nos “Paraleipomena” (coisas esquecidas), considerando-os um suplemento aos livros de Samuel e Reis.
  • 3. A. Autor Embora anônimos, esse livros são evidentemente obra de Esdras, o Sacerdote, de acordo com a tradição hebraica. As evidências são a forma literária, o ponto de vista sacerdotal e o objetivo.
  • 4. Cenário Histórico 1. O livro foi escrito logo após a volta do exílio, a fim de proporcionar um fundo teocrático para as exortações de Esdras e Neemias. • Os acontecimentos ou cronologias dos livros, abrangem toda a história do A.T. O seu alcance é maior do que qualquer outro livro da Bíblia, desde Gênesis até Malaquias.
  • 5. Cenário Religioso 1. A estagnação religiosa é evidente em todos os livros pós-exílio (Esdras, Neemias, Ester, Ageu, Zacarias e Malaquias) . Eles estavam esperando que o Senhor instituísse rapidamente o reino messiânico logo após o retorno deles à pátria.
  • 6. Cenário político 1. Judá já não era uma monarquia, e sim um pequeno grupo de exilados que tinham voltado da Babilônia sob vassalagem do império persa . 3. Mas os judeus não deixaram de exercer influência sobre o império nessa época. Daniel, Ester e Mordecai e Esdras, são exemplos de grande influência a favor dos judeus.
  • 7. Objetivo do Livro A. Apresentar de maneira sucinta toda a história sob a perspectiva divina. Nessa retomada da história, o cronista da ênfase aos levitas, na adoração no templo, nas bênçãos do arrependimento, na soberania de Deus para restaurar o povo e cumprir suas promessas se esse povo correspondesse.
  • 8. Esboço de 1 Crônicas • Genealogias importantes do reinado de Davi ... 1-9 • Genealogia da nação de Israel ............................ 1 c. Período primitivo – Adão a Abraão d. Período patriarcal – Abraão a Jacó • Genealogia da casa de Davi ............................. 2-3 f. Linhagem de Davi ................................................ 2 g. Descendência de Davi ......................................... 3 • Genealogia das tribos colaterais ...................... 4-9 i. Tribo meridional de Simeão ................................. 4 j. Tribos orientais da Transjordânia ......................... 5 k. Tribo sacerdotal de Levi .......................................
  • 9. Pontos culminantes do reinado de Davi ........................... 10-29 • Davi sobe ao trono ......................................................... 10-12 c. Termina o reino independente de Saul ................................. 10 d. Principia o reino teocrático de Davi ................................. 11-12 • Davi traz de volta a arca para Jerusalém ......................... 13-16 f. Modo incorreto de trazer a arca ............................................ 13 g. Modo certo de derrotar os filisteus ....................................... 14 h. Modo certo de trazer a arca ............................................. 15-16 • Davi recebe a aliança real ................................................ 17-21 j. Aliança do trono eterno de Davi ........................................... 17 k. Conquista de Davi devido a ameaças externas ................. 18-20 • Davi faz preparativos para a construção do Templo ......... 21-29 m. Compra do local do templo ................................................... 21 n. Provisão do material de construção ...................................... 22 o. Instrução para os ministros do Templo ............................. 23-26 p. Organização dos oficiais de estado ....................................... 27 q. Encargos finais para a construção do Templo ................... 28-29
  • 10. Esboço de 2 Crônicas • Reinado de Salomão – ênfase na construção do templo ............................................................. 1-9 • Salomão pede ao Senhor sabedoria .................... 1 c. Adoração ....................................................... 1.1-6 d. Sabedoria ....................................................... 7-11 e. Riqueza ........................................................ 12-17 • Salomão constrói o templo para o Senhor......... 2-5 g. Compra de material ............................................ 2 h. Projeto de construção ......................................... 3 i. Utensílios ............................................................ 4 j. Transferência adequada da arca .......................... 5
  • 11. Salomão dedica o Templo ao Senhor ............... 6-7 b. Oração pedindo misericórdia a Deus ................... 6 c. Promessa de misericórdia mediante arrependimento ................................................. 7 • Salomão obtém do Senhor sucesso pessoal ...... 8-9 e. Sucesso em diversos projetos .............................. 8 f. Sucesso constatado pela rainha de Sabá .............. 9 g. Sucesso nas riquezas .......................................... 9
  • 12. Reinado dos filhos de Salomão – ênfase nas reformas ....................................................... 10-36 • Quatro primeiras reformas contrastadas ............. 10-20 c. Futilidade da reforma mundana de Roboão .......... 10-12 d. Sucesso militar da reforma de Abias .......................... 13 e. Triste fim da reforma principiada por Asa ............ 14-16 f. Grandeza da reforma bíblica de Josafá .................. 17-20 • Três desdenham a reforma e são condenados ....... 21-22 i. Grande julgamento de Jeorão por Elias ...................... 21 j. Morte prematura de Acazias por Jeú .......................... 22 k. Carnificina e morte de Atalia ...................................... 22
  • 13. Quatro reformas executadas terminam em desastre ............... 23-27 b. Zelo de Joás até a morte de Joiada ................ 23-24 c. Sucesso de Amazias até ser seduzido pelos deuses de Edom ............................................................ 25 d. Grandeza de Uzias “até que se tornou forte” ..... 26 e. Poderio de Jotão, mas fracasso quanto à corrupção .............................................................. ............ 27 • Idolatria e obstinada recusa de Acaz de atender ao Senhor ......................................................... 28 • Apressada e enérgica reforma de Ezequias ... 29-32
  • 14. Contribuições singulares de 1 e 2 Crônicas 1. Perspectiva divina. A apresentação de Crônicas não é uma repetição, mas um amplo estudo da história de Israel. Os livros enfatizam a soberania e o domínio de Deus sobre os interesses do seu povo, a fim de cumprir seus propósitos, apesar dos impulsos humanos. Palavras como: “meu povo”, o “ungido do Senhor”, “arca”, “aliança”, “templo”, “ira”, “reino”, “olhos”, e até mesmo, “o Senhor sentado em seu trono”.
  • 15. Crônicas em contraste com Samuel e Reis. b. Crônicas a presenta o ponto de vista sacerdotal, em vez de profético. Há muitas referências aos sacerdotes e levitas, enquanto os ministérios dos grandes profetas Elias e Eliseu são raramente mencionados. O templo é mais dominante que o trono. c. O enfoque nacional é mais em Judá do que em Israel. d. Sucessos militares são sempre determinados pelo relacionamento com o Senhor. e. O objetivo de Crônicas é encorajar mais do que castigar, estimular lealdade mais do que indiciar culpa. f. A idolatria não é enfatizada, mas sim a indiferença espiritual.
  • 16. 1. “Buscar o Senhor”. Essa admoestação, que ocorre com frequência em Salmos e Profetas, não é usada nos livros históricos de Samuel e Reis, porém enfatizado 11 vezes em Crônicas.
  • 17. 1. Perigo da prosperidade. Os livros de Crônicas enfatizam o perigo de deixar Deus de lado em época de prosperidade ou poder. Observa-se tal coisa no declínio de Roboão, Asa (16.1-2), Josafá (18.1), Jeorão (21.3-4), Amazias (25.11-14), Uzias (26.16) e Ezequias (32.23-25).
  • 18. Cristologia em Crônicas • Além dos já registrados tipos de Cristo em Davi e Salomão, na linha genealógicas de Davi têm o objetivo messiânico. Mateus repete aquela genealogia no começo do N.T. para demonstrar o direito de Jesus ao trono, quando o apresenta como o Rei de Israel.