SlideShare uma empresa Scribd logo
OFICINA 02
          A ESTRUTURA DOS ITENS DE AVALIAÇÃO
E A PRÁTICA DA INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM SALA DE AULA
       Encontro da Equipe Regional do PIP-CBC Implementação dos CBC
                        Belo Horizonte, agosto de 2012
Análise de Itens
Como a Matriz de Referência dá origem aos testes?



                                                               Caderno de testes
     CBC             Matriz   Tópico/Tema   Descritor   Item      do SIMAVE




Conteúdo
curricular dos
anos finais
(6º ao 9º ano)
do Ensino
Fundamental
e do Ensino
Médio.
Item de Avaliação




Nível:                   Disciplina:               Dificuldade:
Ensino Fundamental       Geografia                 Fácil
CBC – Eixo: II – A Sociodiversidade      Tema: 2 – Patrimônios
das Paisagens e suas Manifestações       Ambientais do Território
Espaço-Culturais.                        brasileiro.
Subtema: Não tem.
Detalhamento da Habilidade: 10.1         Tópico: 10 – Cultura e natureza.
– Identificar os elementos da natureza
em seus aspectos geológicos,             Ano: 6°
geomorfológicos e hidrológicos e as
transformações culturais e regionais.
Exemplo de item

 ENUNCIADO



O enunciado é um estímulo, para que o estudante mobilize recursos
cognitivos, a fim de solucionar o problema apresentado com base nos
dados do suporte e responder ao que é solicitado pelo comando da
resposta.
Exemplo de item

          ENUNCIADO




SUPORTE


      Texto que será utilizado na elaboração de uma situação, ou seja,
      o problema que se deseja apresentar.

      O suporte deve:
      • adequar-se ao assunto, à habilidade e à faixa etária dos alunos;
      • apresentar, graficamente, visibilidade e legibilidade;
      • expressar a comunicação na língua padrão e em outras variantes;
      • incluir gêneros textuais de diversas fontes e meios sociais;
      • indicar a fonte original.
      • Deve se embasar em critérios didático-pedagógicos, criando uma
      situação-problema.
      • suportes não devem ter função decorativa.
Exemplo de item

             ENUNCIADO




   SUPORTE




COMANDO


          O comando para resposta pode ser dado sob a forma de
          complementação ou de interrogação. Ele deve ser preciso e estar
          nitidamente atrelado à habilidade que se pretende avaliar, explicitando
          com clareza a tarefa a ser realizada.
Exemplo de item

             ENUNCIADO




   SUPORTE


          As alternativas de resposta no 5º ano e no 9º ano do EF, são
          apresentadas numa lista de quatro opções, mas apenas uma é a
          correta - o gabarito. As demais alternativas são denominadas
COMANDO   distratores e devem ser plausíveis, referindo-se a raciocínios
          possíveis.




   ALTERNATIVAS
Exemplo de item
Exemplo de item

    O item abaixo avalia a habilidade de o aluno reconhecer a ampliação de uma figura,
    pela manutenção da proporcionalidade de suas dimensões, com o apoio de uma malha
    quadriculada.

ENUNCIADO

SUPORTE


COMANDO




ALTERNATIVAS
Exemplo de item
ALTERNATIVAS

  % de
                                                Hipótese
resposta
           Os alunos que assinalaram a alternativa A demonstraram ter observado apenas que as
   A       laterais do desenho tiveram as medidas de seus lados duplicadas, mas ignoram que a
           parte central do desenho se manteve a mesma, ou seja, essa figura não é proporcional à
  14,3%    figura dada.
           Os alunos que assinalaram a alternativa B observaram que o número de quadrados da
   B       malha que formam essa figura seria o dobro do número de quadrados da malha que
           formam a figura dada no enunciado. Daí, concluíram erroneamente ser essa uma
   5,1%    ampliação da figura dada.

  C
           Os alunos que assinalaram a alternativa C perceberam que essa figura tem as medidas de
           cada um de seus segmentos duas vezes maior que o respectivo segmento da figura dada,
           concluindo, assim, que essa figura representa uma ampliação da figura dada no
  70,6%    enunciado do item.
           Os alunos que assinalaram a alternativa D concluíram erroneamente ser essa figura uma
   D       ampliação da figura dada no enunciado, baseado no simples fato de que a medida de
           alguns de seus lados têm o dobro da medida dos respectivos lados da figura dada no
   9,5%    item.
                                    Brancos e Nulos = 0,5%
Práticas Pedagógicas
(Atividade de Ensino e Avaliativa)
Atividade de Ensino e Atividade Avaliativa

    As atividades de ensino devem ter metas de aprendizagem
para seus alunos (a seleção do conteúdo a ser abordado em sala
de aula e das habilidades a serem desenvolvidas pelos alunos) e
demanda uma atenção do professor quanto a escolha dos
procedimentos e materiais didáticos mais adequados aos objetivos
definidos, levando em consideração o nível de aprendizagem dos
alunos.
    As atividades avaliativas devem permitir ao professor
identificar os progressos e as dificuldades dos alunos, para dar
continuidade ao processo educativo, fazendo as mediações
necessárias para que as aprendizagens aconteçam.
Introduzir / Trabalhar / Consolidar / Avaliar / Retomar
 Ao apresentar um conhecimento novo ao aluno diz-se da
  etapa de introdução que possibilitará a familiarização dos
  alunos com os conhecimentos em foco;

 A etapa do trabalho sistemático visa contribuir para a
  ampliação da compreensão do conhecimento abordado com
  os alunos;

 A consolidação viabiliza o domínio pelos alunos do
  conhecimento em questão;

 A etapa de avaliação verifica a aprendizagem do aluno;

 A retomada deve acontecer eventualmente, sempre que for
  avaliado pelo professor que não houve a consolidação por
  parte dos alunos e/ou de toda a turma.
Mapa de Resultado



   Instrumento utilizado para viabilizar a análise do professor
quanto   ao   nível   de   desempenho      de    cada    aluno
individualmente, bem como da turma de maneira geral.
Mapa de Resultado
Mapa de Resultado
Mapa de Resultado
Intervenção Pedagógica




É uma prática voltada à melhoria constante do
processo de ensino e elevação do nível de
aprendizagem dos alunos.
Quais práticas pedagógicas podem ser
implementadas na sua sala de aula para
a melhoria da aprendizagem e promoção
da equidade de oportunidades?
Boa Pergunta!
O que você propõe?
Bibliografia de Referência

 CAEd/UFJF – Guia de Elaboração de Itens. Boletim Pedagógico Língua Portuguesa
 Simave/Proeb 2000. Juiz de Fora: 2001. http://www.portalavaliacao.caedufjf.net/wp-
 content/uploads/2012/02/Guia_De_-Elabora%C3%A7%C3%A3o_De_Itens_MT.pdf
 Acesso em 7 de maio de 2012.


 Programa de Avaliação da Aprendizagem Escolar – PAAE. Guia de Elaboração e
 Revisão de Questões de Múltipla Escolha. SIMAVE / Instituto Avaliar.
 http://crv.educacao.mg.gov.br/sistema_crv/banco_objetos_crv/%7BE1CD6AF7-E5FF-
 43AE-A5A3-CA40A6C67F29%7D_Cartilha%20FINAL.pdf - Acesso em 8 de maio de
 2012


 Guia para organização do Plano de Intervenção Pedagógica. Toda Escola Pode Fazer
 a Diferença. Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais.
 http://crv.educacao.mg.gov.br/sistema_crv/banco_objetos_crv/%7BE1CD6AF7-E5FF-
 43AE-A5A3-CA40A6C67F29%7D_Cartilha%20FINAL.pdf              - Acesso em 9 de maio de
 2012

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2
Joao Balbi
 
Conselho de classe
Conselho de classeConselho de classe
Conselho de classe
Luciene Vales
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
Magda Marques
 
Projeto recuperação semestral reforço escolar
Projeto recuperação semestral reforço escolarProjeto recuperação semestral reforço escolar
Projeto recuperação semestral reforço escolar
alvinarocha
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
Welton Matos
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aulaGestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
formacaodecoordenadores
 
Avaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagemAvaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagem
Cleyton Carvalho
 
Reunião de pais
Reunião de paisReunião de pais
Reunião de pais
Rosangela Moreira
 
Planejamento pedagógico
Planejamento pedagógicoPlanejamento pedagógico
Planejamento pedagógico
SMEdeItabaianinha
 
Slides da reunião com professores
Slides da reunião com professoresSlides da reunião com professores
Slides da reunião com professores
driminas
 
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Ricardo Silva
 
Roteiro para o conselho de classe
Roteiro para o conselho de classeRoteiro para o conselho de classe
Roteiro para o conselho de classe
Elisângela Chaves
 
Formação slide
Formação slideFormação slide
Formação slide
luciaoliv
 
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli BorgesReunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
pdescola
 
Adaptações curriculares
Adaptações curricularesAdaptações curriculares
Adaptações curriculares
Elisete Nunes
 
Relatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regular
Relatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regularRelatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regular
Relatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regular
Nethy Marques
 
Encontro pedagógico
Encontro pedagógicoEncontro pedagógico
Encontro pedagógico
Magda Marques
 
Avaliações externas
Avaliações externasAvaliações externas
Avaliações externas
Amanda Moraes Rodrigues
 
Motivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaMotivação em sala de aula
Motivação em sala de aula
Roselene Rocha
 
Oficina para elaboração de itens do SPAECE
Oficina para elaboração de itens do SPAECEOficina para elaboração de itens do SPAECE
Oficina para elaboração de itens do SPAECE
Romario_Silva
 

Mais procurados (20)

Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2
 
Conselho de classe
Conselho de classeConselho de classe
Conselho de classe
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
 
Projeto recuperação semestral reforço escolar
Projeto recuperação semestral reforço escolarProjeto recuperação semestral reforço escolar
Projeto recuperação semestral reforço escolar
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aulaGestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
 
Avaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagemAvaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagem
 
Reunião de pais
Reunião de paisReunião de pais
Reunião de pais
 
Planejamento pedagógico
Planejamento pedagógicoPlanejamento pedagógico
Planejamento pedagógico
 
Slides da reunião com professores
Slides da reunião com professoresSlides da reunião com professores
Slides da reunião com professores
 
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
 
Roteiro para o conselho de classe
Roteiro para o conselho de classeRoteiro para o conselho de classe
Roteiro para o conselho de classe
 
Formação slide
Formação slideFormação slide
Formação slide
 
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli BorgesReunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
Reunião Pedagógica - E.M. Norma Sueli Borges
 
Adaptações curriculares
Adaptações curricularesAdaptações curriculares
Adaptações curriculares
 
Relatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regular
Relatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regularRelatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regular
Relatorio de acompanhamento do professor do aee e sala regular
 
Encontro pedagógico
Encontro pedagógicoEncontro pedagógico
Encontro pedagógico
 
Avaliações externas
Avaliações externasAvaliações externas
Avaliações externas
 
Motivação em sala de aula
Motivação em sala de aulaMotivação em sala de aula
Motivação em sala de aula
 
Oficina para elaboração de itens do SPAECE
Oficina para elaboração de itens do SPAECEOficina para elaboração de itens do SPAECE
Oficina para elaboração de itens do SPAECE
 

Destaque

Inovações Pedagógicas na Sala de Aula
Inovações Pedagógicas na Sala de AulaInovações Pedagógicas na Sala de Aula
Inovações Pedagógicas na Sala de Aula
Universidade Federal de Pernambuco
 
Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresvanessaveloso05
 
Slides oficina
Slides oficinaSlides oficina
Slides oficina
Clarice-Borges
 
Apresentação spaece alterado 2º
Apresentação spaece   alterado 2ºApresentação spaece   alterado 2º
Apresentação spaece alterado 2º
Geraldo Alves Silva Alves
 
Enem elaboração de ítens
Enem   elaboração de ítensEnem   elaboração de ítens
Enem elaboração de ítens
Portal do Vestibulando
 
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 corretoApresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Eunice Mendes de Oliveira
 
O que é a sala de aula invertida
O que é a sala de aula invertidaO que é a sala de aula invertida
O que é a sala de aula invertida
Kátia Mattos da Silva
 
Práticas pedagógicas inovadoras- Plano de Aula
Práticas pedagógicas inovadoras- Plano de AulaPráticas pedagógicas inovadoras- Plano de Aula
Práticas pedagógicas inovadoras- Plano de Aula
Casa da Árvore - Cultura Digital e Aprendizagem Criativa
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Eunice Mendes de Oliveira
 
O que é o SPAECE
O que é o SPAECEO que é o SPAECE
O que é o SPAECE
Fabiano Araujo
 
Slide oficina avaliação na alfabetização
Slide oficina avaliação na alfabetizaçãoSlide oficina avaliação na alfabetização
Slide oficina avaliação na alfabetização
Proalfacabofrio
 
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICADESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
carolnacari
 
Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]
Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]
Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]
Justiniano Fonseca
 
Atividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicaAtividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógica
zilmapae
 
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
Adilson P Motta Motta
 
143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012
143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012
143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012
Selma Coimbra
 
Descritores- Explicando Competências e Habilidades
Descritores- Explicando Competências e HabilidadesDescritores- Explicando Competências e Habilidades
Descritores- Explicando Competências e Habilidades
Marina Alessandra
 
LINGUA PORTUGUESA- DESCRITORES
LINGUA PORTUGUESA- DESCRITORESLINGUA PORTUGUESA- DESCRITORES
LINGUA PORTUGUESA- DESCRITORES
PEDAGOGIADILA
 
Prova de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova Brasil
Prova de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova BrasilProva de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova Brasil
Prova de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova Brasil
Cláudia Santos
 
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramentoMinicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
Eunice Mendes de Oliveira
 

Destaque (20)

Inovações Pedagógicas na Sala de Aula
Inovações Pedagógicas na Sala de AulaInovações Pedagógicas na Sala de Aula
Inovações Pedagógicas na Sala de Aula
 
Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professores
 
Slides oficina
Slides oficinaSlides oficina
Slides oficina
 
Apresentação spaece alterado 2º
Apresentação spaece   alterado 2ºApresentação spaece   alterado 2º
Apresentação spaece alterado 2º
 
Enem elaboração de ítens
Enem   elaboração de ítensEnem   elaboração de ítens
Enem elaboração de ítens
 
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 corretoApresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
 
O que é a sala de aula invertida
O que é a sala de aula invertidaO que é a sala de aula invertida
O que é a sala de aula invertida
 
Práticas pedagógicas inovadoras- Plano de Aula
Práticas pedagógicas inovadoras- Plano de AulaPráticas pedagógicas inovadoras- Plano de Aula
Práticas pedagógicas inovadoras- Plano de Aula
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
 
O que é o SPAECE
O que é o SPAECEO que é o SPAECE
O que é o SPAECE
 
Slide oficina avaliação na alfabetização
Slide oficina avaliação na alfabetizaçãoSlide oficina avaliação na alfabetização
Slide oficina avaliação na alfabetização
 
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICADESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
DESAFIO COTIDIANO DA PRÁTICA PEDAGÓGICA
 
Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]
Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]
Plano De IntervençãO PedagóGica[Sre]
 
Atividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicaAtividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógica
 
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
O que é e Como Montar uma Oficina Pedagógica?
 
143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012
143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012
143313395 plano-de-intervencao-pedagogica-2012
 
Descritores- Explicando Competências e Habilidades
Descritores- Explicando Competências e HabilidadesDescritores- Explicando Competências e Habilidades
Descritores- Explicando Competências e Habilidades
 
LINGUA PORTUGUESA- DESCRITORES
LINGUA PORTUGUESA- DESCRITORESLINGUA PORTUGUESA- DESCRITORES
LINGUA PORTUGUESA- DESCRITORES
 
Prova de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova Brasil
Prova de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova BrasilProva de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova Brasil
Prova de Língua Portuguesa conforme Descritores da Prova Brasil
 
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramentoMinicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
 

Semelhante a Oficina 2

Sis pae roteiro de elaboração e revisão de itens
Sis pae roteiro de elaboração e revisão de itensSis pae roteiro de elaboração e revisão de itens
Sis pae roteiro de elaboração e revisão de itens
monicaosanches
 
Construindo itens de forma contextualizada
Construindo itens de forma contextualizadaConstruindo itens de forma contextualizada
Construindo itens de forma contextualizada
Ruanna Guido
 
Formação Módulo 33333333(2) - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333(2) - Copia.pptxFormação Módulo 33333333(2) - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333(2) - Copia.pptx
alexjtavares
 
Formação Módulo 33333333333 - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333333 - Copia.pptxFormação Módulo 33333333333 - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333333 - Copia.pptx
alexjtavares
 
Saresp2
Saresp2Saresp2
Saresp2
telasnorte1
 
ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016
ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016
ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016
Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino
 
2º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 2013
2º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 20132º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 2013
2º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 2013
Ruanna Guido
 
Manual de elaboração de itens
Manual de elaboração de itensManual de elaboração de itens
Manual de elaboração de itens
RitaMuniz9
 
Pps avaliação - técnicas e instrumentos de avaliação
Pps   avaliação - técnicas e instrumentos de avaliaçãoPps   avaliação - técnicas e instrumentos de avaliação
Pps avaliação - técnicas e instrumentos de avaliação
Maria Pedro Silva
 
LORI - Manual apoio avaliação recursos
LORI - Manual apoio avaliação recursosLORI - Manual apoio avaliação recursos
LORI - Manual apoio avaliação recursos
Fernando Rui Campos
 
DIA DO SARESP NA ESCOLA
DIA DO SARESP NA ESCOLADIA DO SARESP NA ESCOLA
DIA DO SARESP NA ESCOLA
pri_alquimim
 
Guia de correção e interpretação de resultados
Guia de correção e interpretação de resultadosGuia de correção e interpretação de resultados
Guia de correção e interpretação de resultados
pipatcleopoldina
 
Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013
Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013
Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013
Claudia Elisabete Silva
 
Oficina 1
Oficina 1Oficina 1
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
Suellen Melo
 
Orientações estágio educação infantil - cópia
  Orientações estágio educação infantil - cópia  Orientações estágio educação infantil - cópia
Orientações estágio educação infantil - cópia
Larissa Soares
 
Sintese5 Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09
Sintese5  Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09Sintese5  Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09
Sintese5 Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09
Ana Cristina Matias
 
Apresentacao telefonica tania
Apresentacao telefonica taniaApresentacao telefonica tania
Apresentacao telefonica tania
EncuentroEducacion
 
Encontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptx
Encontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptxEncontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptx
Encontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptx
JoseliaSantos17
 
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERESEncontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
josihy
 

Semelhante a Oficina 2 (20)

Sis pae roteiro de elaboração e revisão de itens
Sis pae roteiro de elaboração e revisão de itensSis pae roteiro de elaboração e revisão de itens
Sis pae roteiro de elaboração e revisão de itens
 
Construindo itens de forma contextualizada
Construindo itens de forma contextualizadaConstruindo itens de forma contextualizada
Construindo itens de forma contextualizada
 
Formação Módulo 33333333(2) - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333(2) - Copia.pptxFormação Módulo 33333333(2) - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333(2) - Copia.pptx
 
Formação Módulo 33333333333 - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333333 - Copia.pptxFormação Módulo 33333333333 - Copia.pptx
Formação Módulo 33333333333 - Copia.pptx
 
Saresp2
Saresp2Saresp2
Saresp2
 
ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016
ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016
ORIENTAÇÕES PEDAGÓGICAS - CICLO II - 2016
 
2º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 2013
2º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 20132º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 2013
2º Encontro de Professores de Matemática da SRE de Caxambu - 2013
 
Manual de elaboração de itens
Manual de elaboração de itensManual de elaboração de itens
Manual de elaboração de itens
 
Pps avaliação - técnicas e instrumentos de avaliação
Pps   avaliação - técnicas e instrumentos de avaliaçãoPps   avaliação - técnicas e instrumentos de avaliação
Pps avaliação - técnicas e instrumentos de avaliação
 
LORI - Manual apoio avaliação recursos
LORI - Manual apoio avaliação recursosLORI - Manual apoio avaliação recursos
LORI - Manual apoio avaliação recursos
 
DIA DO SARESP NA ESCOLA
DIA DO SARESP NA ESCOLADIA DO SARESP NA ESCOLA
DIA DO SARESP NA ESCOLA
 
Guia de correção e interpretação de resultados
Guia de correção e interpretação de resultadosGuia de correção e interpretação de resultados
Guia de correção e interpretação de resultados
 
Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013
Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013
Planejamento e Avaliação Diagnostica EF-LP-2013
 
Oficina 1
Oficina 1Oficina 1
Oficina 1
 
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
 
Orientações estágio educação infantil - cópia
  Orientações estágio educação infantil - cópia  Orientações estágio educação infantil - cópia
Orientações estágio educação infantil - cópia
 
Sintese5 Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09
Sintese5  Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09Sintese5  Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09
Sintese5 Metodologias Parte Ii Drealg Turma2 Dez09
 
Apresentacao telefonica tania
Apresentacao telefonica taniaApresentacao telefonica tania
Apresentacao telefonica tania
 
Encontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptx
Encontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptxEncontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptx
Encontro de Líderes REUNIÃO PEDAGÓGICA.pptx
 
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERESEncontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
Encontro de Líderes.pptx REUNIÃO DE LIDERES
 

Oficina 2

  • 1. OFICINA 02 A ESTRUTURA DOS ITENS DE AVALIAÇÃO E A PRÁTICA DA INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM SALA DE AULA Encontro da Equipe Regional do PIP-CBC Implementação dos CBC Belo Horizonte, agosto de 2012
  • 3. Como a Matriz de Referência dá origem aos testes? Caderno de testes CBC Matriz Tópico/Tema Descritor Item do SIMAVE Conteúdo curricular dos anos finais (6º ao 9º ano) do Ensino Fundamental e do Ensino Médio.
  • 4. Item de Avaliação Nível: Disciplina: Dificuldade: Ensino Fundamental Geografia Fácil CBC – Eixo: II – A Sociodiversidade Tema: 2 – Patrimônios das Paisagens e suas Manifestações Ambientais do Território Espaço-Culturais. brasileiro. Subtema: Não tem. Detalhamento da Habilidade: 10.1 Tópico: 10 – Cultura e natureza. – Identificar os elementos da natureza em seus aspectos geológicos, Ano: 6° geomorfológicos e hidrológicos e as transformações culturais e regionais.
  • 5. Exemplo de item ENUNCIADO O enunciado é um estímulo, para que o estudante mobilize recursos cognitivos, a fim de solucionar o problema apresentado com base nos dados do suporte e responder ao que é solicitado pelo comando da resposta.
  • 6. Exemplo de item ENUNCIADO SUPORTE Texto que será utilizado na elaboração de uma situação, ou seja, o problema que se deseja apresentar. O suporte deve: • adequar-se ao assunto, à habilidade e à faixa etária dos alunos; • apresentar, graficamente, visibilidade e legibilidade; • expressar a comunicação na língua padrão e em outras variantes; • incluir gêneros textuais de diversas fontes e meios sociais; • indicar a fonte original. • Deve se embasar em critérios didático-pedagógicos, criando uma situação-problema. • suportes não devem ter função decorativa.
  • 7. Exemplo de item ENUNCIADO SUPORTE COMANDO O comando para resposta pode ser dado sob a forma de complementação ou de interrogação. Ele deve ser preciso e estar nitidamente atrelado à habilidade que se pretende avaliar, explicitando com clareza a tarefa a ser realizada.
  • 8. Exemplo de item ENUNCIADO SUPORTE As alternativas de resposta no 5º ano e no 9º ano do EF, são apresentadas numa lista de quatro opções, mas apenas uma é a correta - o gabarito. As demais alternativas são denominadas COMANDO distratores e devem ser plausíveis, referindo-se a raciocínios possíveis. ALTERNATIVAS
  • 10. Exemplo de item O item abaixo avalia a habilidade de o aluno reconhecer a ampliação de uma figura, pela manutenção da proporcionalidade de suas dimensões, com o apoio de uma malha quadriculada. ENUNCIADO SUPORTE COMANDO ALTERNATIVAS
  • 11. Exemplo de item ALTERNATIVAS % de Hipótese resposta Os alunos que assinalaram a alternativa A demonstraram ter observado apenas que as A laterais do desenho tiveram as medidas de seus lados duplicadas, mas ignoram que a parte central do desenho se manteve a mesma, ou seja, essa figura não é proporcional à 14,3% figura dada. Os alunos que assinalaram a alternativa B observaram que o número de quadrados da B malha que formam essa figura seria o dobro do número de quadrados da malha que formam a figura dada no enunciado. Daí, concluíram erroneamente ser essa uma 5,1% ampliação da figura dada. C Os alunos que assinalaram a alternativa C perceberam que essa figura tem as medidas de cada um de seus segmentos duas vezes maior que o respectivo segmento da figura dada, concluindo, assim, que essa figura representa uma ampliação da figura dada no 70,6% enunciado do item. Os alunos que assinalaram a alternativa D concluíram erroneamente ser essa figura uma D ampliação da figura dada no enunciado, baseado no simples fato de que a medida de alguns de seus lados têm o dobro da medida dos respectivos lados da figura dada no 9,5% item. Brancos e Nulos = 0,5%
  • 12. Práticas Pedagógicas (Atividade de Ensino e Avaliativa)
  • 13. Atividade de Ensino e Atividade Avaliativa As atividades de ensino devem ter metas de aprendizagem para seus alunos (a seleção do conteúdo a ser abordado em sala de aula e das habilidades a serem desenvolvidas pelos alunos) e demanda uma atenção do professor quanto a escolha dos procedimentos e materiais didáticos mais adequados aos objetivos definidos, levando em consideração o nível de aprendizagem dos alunos. As atividades avaliativas devem permitir ao professor identificar os progressos e as dificuldades dos alunos, para dar continuidade ao processo educativo, fazendo as mediações necessárias para que as aprendizagens aconteçam.
  • 14. Introduzir / Trabalhar / Consolidar / Avaliar / Retomar  Ao apresentar um conhecimento novo ao aluno diz-se da etapa de introdução que possibilitará a familiarização dos alunos com os conhecimentos em foco;  A etapa do trabalho sistemático visa contribuir para a ampliação da compreensão do conhecimento abordado com os alunos;  A consolidação viabiliza o domínio pelos alunos do conhecimento em questão;  A etapa de avaliação verifica a aprendizagem do aluno;  A retomada deve acontecer eventualmente, sempre que for avaliado pelo professor que não houve a consolidação por parte dos alunos e/ou de toda a turma.
  • 15. Mapa de Resultado Instrumento utilizado para viabilizar a análise do professor quanto ao nível de desempenho de cada aluno individualmente, bem como da turma de maneira geral.
  • 19. Intervenção Pedagógica É uma prática voltada à melhoria constante do processo de ensino e elevação do nível de aprendizagem dos alunos.
  • 20. Quais práticas pedagógicas podem ser implementadas na sua sala de aula para a melhoria da aprendizagem e promoção da equidade de oportunidades?
  • 21. Boa Pergunta! O que você propõe?
  • 22.
  • 23. Bibliografia de Referência CAEd/UFJF – Guia de Elaboração de Itens. Boletim Pedagógico Língua Portuguesa Simave/Proeb 2000. Juiz de Fora: 2001. http://www.portalavaliacao.caedufjf.net/wp- content/uploads/2012/02/Guia_De_-Elabora%C3%A7%C3%A3o_De_Itens_MT.pdf Acesso em 7 de maio de 2012. Programa de Avaliação da Aprendizagem Escolar – PAAE. Guia de Elaboração e Revisão de Questões de Múltipla Escolha. SIMAVE / Instituto Avaliar. http://crv.educacao.mg.gov.br/sistema_crv/banco_objetos_crv/%7BE1CD6AF7-E5FF- 43AE-A5A3-CA40A6C67F29%7D_Cartilha%20FINAL.pdf - Acesso em 8 de maio de 2012 Guia para organização do Plano de Intervenção Pedagógica. Toda Escola Pode Fazer a Diferença. Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais. http://crv.educacao.mg.gov.br/sistema_crv/banco_objetos_crv/%7BE1CD6AF7-E5FF- 43AE-A5A3-CA40A6C67F29%7D_Cartilha%20FINAL.pdf - Acesso em 9 de maio de 2012