SlideShare uma empresa Scribd logo
TEXTO ÁUREO 
“Há só um Legislador e um Juiz, 
que pode salvar e destruir. Tu, 
porém, quem és, que julgas a 
outrem?” (Tg 4.12). 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
VERDADE PRÁTICA 
Não podemos estar na 
posição de juízes contra as 
pessoas, pois somente 
Deus é o Justo Juiz. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE 
Tg 4.11-17 
11 - Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Quem 
fala mal de um irmão e julga a seu irmão fala mal 
da lei e julga a lei; e, se tu julgas a lei, já não és 
observador da lei, mas juiz. 
12 - Há só um Legislador e um Juiz, que pode 
salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas a 
outrem? 
13 - Eia, agora, vós que dizeis: Hoje ou amanhã, 
iremos a tal cidade, e lá passaremos um ano, e 
contrataremos, e ganharemos. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE 
Tg 4.11-17 
14 - Digo-vos que não sabeis o que acontecerá 
amanhã. Porque que é a vossa vida? É um vapor 
que aparece por um pouco e depois se desvanece. 
15 - Em lugar do que devíeis dizer: Se o Senhor 
quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo. 
16 - Mas, agora, vos gloriais em vossas 
presunções; toda glória tal como esta é maligna. 
17 - Aquele, pois, que sabe fazer o bem e o não faz 
comete pecado. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
PROPOSTA DA LIÇÃO 
• “Disse-me-disse”: uma postura problemática; 
• “Juiz do outro”: caluniador e emissor de falso testemunho; 
• “Tu, porém, quem és, que julgas a outrem”? 
• Todo pensamento deve ser feito com sabedoria do alto; 
• Traçamos os planos, mas ninguém tem certeza do futuro; 
• Somos limitados, por isto devemos confiar em Deus; 
• Não sejamos presunçosos e arrogantes, somos frágeis; 
• Arrogância, poder e orgulho – como é difícil resistir; 
• Não sejamos omissos – podemos e devemos fazer. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
INTRODUÇÃO 
a) Relações sociais: 
• Não podemos nos relacionar de maneira conflituosa. 
b) Julgamentos: 
• Deus – único legislador e juiz supremo de nossa vida; 
• Devemos julgar as condutas e não as pessoas; 
• Não julgueis pela aparência, mas sim pela Palavra. 
c) Planejamento: 
• Nossos planos x vontade de Deus. E agora? 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
I – O PERIGO DE 
COLOCAR-SE COMO JUIZ 
1. A OFENSA GRATUITA. 
• “Disse-me-disse: postura problemática na igreja local; 
• Muitos “juízes” estão posicionados estrategicamente; 
• O juiz de outro tenta ser igual a Deus, perigo! 
2. FALAR MAL DOS OUTROS E SER JUIZ DA LEI . 
• Juiz de outro: emprestam seus lábios para o Maligno; 
• O Maligno não possui poder de voz (empresta línguas); 
• Podem julgar: julgam-se a si mesmo na ceia. 
3. O AUTÊNTICO LEGISLADOR E JUIZ SALVA E DESTRÓI. 
• Existe somente um Legislador e Juiz; 
• “Quem pôs você como nosso chefe ou nosso juiz”? 
• Somente Deus pode julgar a sua criatura. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
II – A BREVIDADE DA VIDA E A NECESSIDADE 
DO RECONHECIMENTO DA SOBERANIA DIVINA 
1. PLANOS MERAMENTE HUMANOS. 
• Podem planejar, mas Deus não pode ser esquecido; 
• Planejamento sem Deus – ansiedade à vista; 
• Soberania divina está acima de qualquer plano. 
2. A INCERTEZA E A BREVIDADE DA VIDA. 
• Muitos planos e pouca certeza; 
• É possível encompridar a vida? Preocupação de muitos; 
• A vida é efêmera, passageira e curta. Qual a vantagem? 
3. O MODO BÍBLICO DE ABORDAR O FUTURO. 
• A existência humana é finita e Deus é o infinito Absoluto; 
• Esta consciência deve influenciar o nosso viver; 
• Podemos pensar no futuro, mas não priorizá-lo. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
III – OS PECADOS DA ARROGÂNCIA E DA 
AUTOSSUFICIÊNCIA DO SER HUMANO 
1. GLORIAR-SE NAS PRESUNÇÕES. 
• Presunção humana: pensar que pode controlar a vida; 
• Somos criaturas e Deus o supremo Criador; 
• Devemos entender a limitação e fragilidade. 
2. A MALIGNIDADE DO ORGULHO DAS PRESUNÇÕES. 
• Arrogância, poder e orgulho, como resistir? 
• Paulo sabia que a ruína acompanha os presunçosos; 
• Os presunçosos são reprovados antes da chegada. 
3. FAÇA O BEM. 
• Façamos o bem – não sejamos somente ouvintes; 
• Omissão: não fazer o que deve e pode ser feito; 
• Despedir sem socorro? Sentimento sem prática? 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
CONCLUSÃO 
• Infelizmente são muitos os que difamam e caluniam; 
• Existem muitos “juízes de outros” em locais estratégicos; 
• Planos: não esqueçamos que Deus está no controle. 
OBJETIVOS DA LIÇÃO – FORAM ALCANÇADOS? 
1) O juiz de outro tenta se igualar a Deus – perigo. 
2) Brevidade da vida: muitos planos e poucas certezas; 
3) Arrogância e autossuficiência: somos muitos limitados. 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)
ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL 
Contato: ailtonsilva2000 
@yahoo.com.br 
@gmail.com 
.blogspot.com 
Watsap 18 99790-3718 98132-1510 
Álvares Machado (SP) 
3º trim. 2014 
ailtonsilva2000.blogspot.com.br 
Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém 
Setor 5 – Álvares Machado (SP)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Voce e responsavel por suas escolhas
Voce e responsavel por suas escolhasVoce e responsavel por suas escolhas
Voce e responsavel por suas escolhas
arthurgomes33
 
O Chamado de Deus
O Chamado de DeusO Chamado de Deus
O Chamado de Deus
Fabiano EducarCristão
 
Escola bíblica o poder da decisão pptx
Escola bíblica o poder da decisão pptxEscola bíblica o poder da decisão pptx
Escola bíblica o poder da decisão pptx
Leandro Sales
 
Decisões 2013
Decisões 2013Decisões 2013
Decisões 2013
Eliezer Almeida
 
O Chamado De Deus ok
O Chamado De Deus okO Chamado De Deus ok
O Chamado De Deus ok
Michele L D Pain
 
O cativeiro da vontade.pub
O cativeiro da vontade.pubO cativeiro da vontade.pub
O cativeiro da vontade.pub
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Por ser bem sucedido
Por ser bem sucedidoPor ser bem sucedido
Por ser bem sucedido
Almy Alves
 
A soberania de Deus
A soberania de  DeusA soberania de  Deus
A soberania de Deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
O que é tentação
O que é tentaçãoO que é tentação
O que é tentação
Wanderley da Silva
 
Deus é soberano
Deus é soberanoDeus é soberano
Deus é soberano
Paula Garcia
 
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Uma vida com propósitos
Uma  vida com propósitosUma  vida com propósitos
Uma vida com propósitos
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
No tempo de deus
No  tempo  de  deusNo  tempo  de  deus
Qual a vontade de deus para a minha vida
Qual a vontade de deus para a minha vidaQual a vontade de deus para a minha vida
Qual a vontade de deus para a minha vida
Luis Carlos Oliveira
 
Aquietar
AquietarAquietar
Do esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à quedaDo esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à queda
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)
A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)
A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)
Deusdete Soares
 
O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Autoridade espiritual
Autoridade espiritualAutoridade espiritual
Autoridade espiritual
Anderson Damasceno
 
Estudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da Caminhada
Estudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da CaminhadaEstudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da Caminhada
Estudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da Caminhada
Unção Do Crescimento
 

Mais procurados (20)

Voce e responsavel por suas escolhas
Voce e responsavel por suas escolhasVoce e responsavel por suas escolhas
Voce e responsavel por suas escolhas
 
O Chamado de Deus
O Chamado de DeusO Chamado de Deus
O Chamado de Deus
 
Escola bíblica o poder da decisão pptx
Escola bíblica o poder da decisão pptxEscola bíblica o poder da decisão pptx
Escola bíblica o poder da decisão pptx
 
Decisões 2013
Decisões 2013Decisões 2013
Decisões 2013
 
O Chamado De Deus ok
O Chamado De Deus okO Chamado De Deus ok
O Chamado De Deus ok
 
O cativeiro da vontade.pub
O cativeiro da vontade.pubO cativeiro da vontade.pub
O cativeiro da vontade.pub
 
Por ser bem sucedido
Por ser bem sucedidoPor ser bem sucedido
Por ser bem sucedido
 
A soberania de Deus
A soberania de  DeusA soberania de  Deus
A soberania de Deus
 
O que é tentação
O que é tentaçãoO que é tentação
O que é tentação
 
Deus é soberano
Deus é soberanoDeus é soberano
Deus é soberano
 
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
Abertura 1-2-3-4 -5-6-7 campanha
 
Uma vida com propósitos
Uma  vida com propósitosUma  vida com propósitos
Uma vida com propósitos
 
No tempo de deus
No  tempo  de  deusNo  tempo  de  deus
No tempo de deus
 
Qual a vontade de deus para a minha vida
Qual a vontade de deus para a minha vidaQual a vontade de deus para a minha vida
Qual a vontade de deus para a minha vida
 
Aquietar
AquietarAquietar
Aquietar
 
Do esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à quedaDo esfriamento espiritual à queda
Do esfriamento espiritual à queda
 
A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)
A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)
A consequência da soberania divina (charles h. spurgeon)
 
O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus
 
Autoridade espiritual
Autoridade espiritualAutoridade espiritual
Autoridade espiritual
 
Estudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da Caminhada
Estudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da CaminhadaEstudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da Caminhada
Estudo da Semana - Vencendo Barreiras no Meio da Caminhada
 

Semelhante a O julgamento e a soberania pertencem a Deus

o cuidado ao falar e a religião pura
o cuidado ao falar e a religião purao cuidado ao falar e a religião pura
o cuidado ao falar e a religião pura
Ailton da Silva
 
Lição 11 - A tolerância cristã
Lição 11 - A tolerância cristãLição 11 - A tolerância cristã
Lição 11 - A tolerância cristã
Ailton da Silva
 
O perigo da busca pela autorrealização humana
O perigo da busca pela autorrealização humanaO perigo da busca pela autorrealização humana
O perigo da busca pela autorrealização humana
Ailton da Silva
 
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoasA verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
Ailton da Silva
 
a Verdadeira Sabedoria se manifesta na prática
a Verdadeira Sabedoria se manifesta na práticaa Verdadeira Sabedoria se manifesta na prática
a Verdadeira Sabedoria se manifesta na prática
Ailton da Silva
 
O caráter do servo do senhor
O caráter do servo do senhorO caráter do servo do senhor
O caráter do servo do senhor
Nazareno Sudeste Paulista
 
ESCATOLOGIA AULA 3.ppt
ESCATOLOGIA  AULA 3.pptESCATOLOGIA  AULA 3.ppt
ESCATOLOGIA AULA 3.ppt
Reniery Almeida Chagas
 
02
0202
Lição 10 - Deveres civis, morais e espirituais
Lição 10 - Deveres civis, morais e espirituaisLição 10 - Deveres civis, morais e espirituais
Lição 10 - Deveres civis, morais e espirituais
Ailton da Silva
 
Caminho a Seguir
Caminho a SeguirCaminho a Seguir
10
1010
os pecados de omissão e opressão
os pecados de omissão e opressãoos pecados de omissão e opressão
os pecados de omissão e opressão
Ailton da Silva
 
2 nao ha nenhum justo
2 nao ha nenhum justo2 nao ha nenhum justo
2 nao ha nenhum justo
Marçal Santos
 
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as naçõeslição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
Ailton da Silva
 
Lição 13 Tema a Deus em Todo Tempo
Lição 13  Tema a Deus em Todo TempoLição 13  Tema a Deus em Todo Tempo
Lição 13 Tema a Deus em Todo Tempo
João Paulo Silva Mendes
 
HIPOCRISIA
HIPOCRISIAHIPOCRISIA
HIPOCRISIA
Mazinho Souza
 
O pecado que rouba você de deus
O   pecado que   rouba você de deusO   pecado que   rouba você de deus
O pecado que rouba você de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Hipocrisia
HipocrisiaHipocrisia
Hipocrisia
Joel Silva
 
Pode ou não pode?
Pode ou não pode?Pode ou não pode?
Pode ou não pode?
Viva a Igreja
 
Lição 9 - A nova vida em Cristo
Lição 9 - A nova vida em CristoLição 9 - A nova vida em Cristo
Lição 9 - A nova vida em Cristo
Ailton da Silva
 

Semelhante a O julgamento e a soberania pertencem a Deus (20)

o cuidado ao falar e a religião pura
o cuidado ao falar e a religião purao cuidado ao falar e a religião pura
o cuidado ao falar e a religião pura
 
Lição 11 - A tolerância cristã
Lição 11 - A tolerância cristãLição 11 - A tolerância cristã
Lição 11 - A tolerância cristã
 
O perigo da busca pela autorrealização humana
O perigo da busca pela autorrealização humanaO perigo da busca pela autorrealização humana
O perigo da busca pela autorrealização humana
 
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoasA verdadeira fé não faz acepção de pessoas
A verdadeira fé não faz acepção de pessoas
 
a Verdadeira Sabedoria se manifesta na prática
a Verdadeira Sabedoria se manifesta na práticaa Verdadeira Sabedoria se manifesta na prática
a Verdadeira Sabedoria se manifesta na prática
 
O caráter do servo do senhor
O caráter do servo do senhorO caráter do servo do senhor
O caráter do servo do senhor
 
ESCATOLOGIA AULA 3.ppt
ESCATOLOGIA  AULA 3.pptESCATOLOGIA  AULA 3.ppt
ESCATOLOGIA AULA 3.ppt
 
02
0202
02
 
Lição 10 - Deveres civis, morais e espirituais
Lição 10 - Deveres civis, morais e espirituaisLição 10 - Deveres civis, morais e espirituais
Lição 10 - Deveres civis, morais e espirituais
 
Caminho a Seguir
Caminho a SeguirCaminho a Seguir
Caminho a Seguir
 
10
1010
10
 
os pecados de omissão e opressão
os pecados de omissão e opressãoos pecados de omissão e opressão
os pecados de omissão e opressão
 
2 nao ha nenhum justo
2 nao ha nenhum justo2 nao ha nenhum justo
2 nao ha nenhum justo
 
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as naçõeslição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
 
Lição 13 Tema a Deus em Todo Tempo
Lição 13  Tema a Deus em Todo TempoLição 13  Tema a Deus em Todo Tempo
Lição 13 Tema a Deus em Todo Tempo
 
HIPOCRISIA
HIPOCRISIAHIPOCRISIA
HIPOCRISIA
 
O pecado que rouba você de deus
O   pecado que   rouba você de deusO   pecado que   rouba você de deus
O pecado que rouba você de deus
 
Hipocrisia
HipocrisiaHipocrisia
Hipocrisia
 
Pode ou não pode?
Pode ou não pode?Pode ou não pode?
Pode ou não pode?
 
Lição 9 - A nova vida em Cristo
Lição 9 - A nova vida em CristoLição 9 - A nova vida em Cristo
Lição 9 - A nova vida em Cristo
 

Mais de Ailton da Silva

Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de AbraãoLição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Ailton da Silva
 
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do simLição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
Ailton da Silva
 
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelaçãoLição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Ailton da Silva
 
Lição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem Levítica
Lição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem LevíticaLição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem Levítica
Lição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem Levítica
Ailton da Silva
 
Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de DeusLição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus
Ailton da Silva
 
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a MoisésLição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Ailton da Silva
 
Lição 2 - Uma salvação grandiosa
Lição 2 - Uma salvação grandiosaLição 2 - Uma salvação grandiosa
Lição 2 - Uma salvação grandiosa
Ailton da Silva
 
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em CristoLição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na féLição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na fé
Ailton da Silva
 
Lição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por DeusLição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por Deus
Ailton da Silva
 
Lição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvaçãoLição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvação
Ailton da Silva
 
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvaçãoLição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Ailton da Silva
 
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrioLição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Ailton da Silva
 
Lição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela GraçaLição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela Graça
Ailton da Silva
 
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvaçãoLição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
Ailton da Silva
 
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus CristoLição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de CristoLição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoLição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Ailton da Silva
 
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a DeusLição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Ailton da Silva
 

Mais de Ailton da Silva (20)

Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de AbraãoLição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
 
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do simLição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
 
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelaçãoLição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
 
Lição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem Levítica
Lição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem LevíticaLição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem Levítica
Lição 5 - Cristo é superior a Arão e à ordem Levítica
 
Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de DeusLição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus
 
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a MoisésLição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
 
Lição 2 - Uma salvação grandiosa
Lição 2 - Uma salvação grandiosaLição 2 - Uma salvação grandiosa
Lição 2 - Uma salvação grandiosa
 
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
 
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em CristoLição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em Cristo
 
Lição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na féLição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na fé
 
Lição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por DeusLição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por Deus
 
Lição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvaçãoLição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvação
 
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvaçãoLição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
 
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrioLição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
 
Lição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela GraçaLição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela Graça
 
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvaçãoLição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
 
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus CristoLição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
 
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de CristoLição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de Cristo
 
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoLição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
 
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a DeusLição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
 

O julgamento e a soberania pertencem a Deus

  • 1.
  • 2. TEXTO ÁUREO “Há só um Legislador e um Juiz, que pode salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas a outrem?” (Tg 4.12). ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 3. VERDADE PRÁTICA Não podemos estar na posição de juízes contra as pessoas, pois somente Deus é o Justo Juiz. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 4. LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Tg 4.11-17 11 - Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Quem fala mal de um irmão e julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; e, se tu julgas a lei, já não és observador da lei, mas juiz. 12 - Há só um Legislador e um Juiz, que pode salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas a outrem? 13 - Eia, agora, vós que dizeis: Hoje ou amanhã, iremos a tal cidade, e lá passaremos um ano, e contrataremos, e ganharemos. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 5. LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Tg 4.11-17 14 - Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco e depois se desvanece. 15 - Em lugar do que devíeis dizer: Se o Senhor quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo. 16 - Mas, agora, vos gloriais em vossas presunções; toda glória tal como esta é maligna. 17 - Aquele, pois, que sabe fazer o bem e o não faz comete pecado. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 6. PROPOSTA DA LIÇÃO • “Disse-me-disse”: uma postura problemática; • “Juiz do outro”: caluniador e emissor de falso testemunho; • “Tu, porém, quem és, que julgas a outrem”? • Todo pensamento deve ser feito com sabedoria do alto; • Traçamos os planos, mas ninguém tem certeza do futuro; • Somos limitados, por isto devemos confiar em Deus; • Não sejamos presunçosos e arrogantes, somos frágeis; • Arrogância, poder e orgulho – como é difícil resistir; • Não sejamos omissos – podemos e devemos fazer. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 7. INTRODUÇÃO a) Relações sociais: • Não podemos nos relacionar de maneira conflituosa. b) Julgamentos: • Deus – único legislador e juiz supremo de nossa vida; • Devemos julgar as condutas e não as pessoas; • Não julgueis pela aparência, mas sim pela Palavra. c) Planejamento: • Nossos planos x vontade de Deus. E agora? ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 8. I – O PERIGO DE COLOCAR-SE COMO JUIZ 1. A OFENSA GRATUITA. • “Disse-me-disse: postura problemática na igreja local; • Muitos “juízes” estão posicionados estrategicamente; • O juiz de outro tenta ser igual a Deus, perigo! 2. FALAR MAL DOS OUTROS E SER JUIZ DA LEI . • Juiz de outro: emprestam seus lábios para o Maligno; • O Maligno não possui poder de voz (empresta línguas); • Podem julgar: julgam-se a si mesmo na ceia. 3. O AUTÊNTICO LEGISLADOR E JUIZ SALVA E DESTRÓI. • Existe somente um Legislador e Juiz; • “Quem pôs você como nosso chefe ou nosso juiz”? • Somente Deus pode julgar a sua criatura. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 9. II – A BREVIDADE DA VIDA E A NECESSIDADE DO RECONHECIMENTO DA SOBERANIA DIVINA 1. PLANOS MERAMENTE HUMANOS. • Podem planejar, mas Deus não pode ser esquecido; • Planejamento sem Deus – ansiedade à vista; • Soberania divina está acima de qualquer plano. 2. A INCERTEZA E A BREVIDADE DA VIDA. • Muitos planos e pouca certeza; • É possível encompridar a vida? Preocupação de muitos; • A vida é efêmera, passageira e curta. Qual a vantagem? 3. O MODO BÍBLICO DE ABORDAR O FUTURO. • A existência humana é finita e Deus é o infinito Absoluto; • Esta consciência deve influenciar o nosso viver; • Podemos pensar no futuro, mas não priorizá-lo. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 10. III – OS PECADOS DA ARROGÂNCIA E DA AUTOSSUFICIÊNCIA DO SER HUMANO 1. GLORIAR-SE NAS PRESUNÇÕES. • Presunção humana: pensar que pode controlar a vida; • Somos criaturas e Deus o supremo Criador; • Devemos entender a limitação e fragilidade. 2. A MALIGNIDADE DO ORGULHO DAS PRESUNÇÕES. • Arrogância, poder e orgulho, como resistir? • Paulo sabia que a ruína acompanha os presunçosos; • Os presunçosos são reprovados antes da chegada. 3. FAÇA O BEM. • Façamos o bem – não sejamos somente ouvintes; • Omissão: não fazer o que deve e pode ser feito; • Despedir sem socorro? Sentimento sem prática? ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 11. CONCLUSÃO • Infelizmente são muitos os que difamam e caluniam; • Existem muitos “juízes de outros” em locais estratégicos; • Planos: não esqueçamos que Deus está no controle. OBJETIVOS DA LIÇÃO – FORAM ALCANÇADOS? 1) O juiz de outro tenta se igualar a Deus – perigo. 2) Brevidade da vida: muitos planos e poucas certezas; 3) Arrogância e autossuficiência: somos muitos limitados. ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)
  • 12.
  • 13. ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL Contato: ailtonsilva2000 @yahoo.com.br @gmail.com .blogspot.com Watsap 18 99790-3718 98132-1510 Álvares Machado (SP) 3º trim. 2014 ailtonsilva2000.blogspot.com.br Igreja Evangélica Assembleia de Deus – Ministério Belém Setor 5 – Álvares Machado (SP)