SlideShare uma empresa Scribd logo
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA
EDUCAÇÃO PROFISSIONAL: desafios
e responsabilidades
Profa. Msc. Efigenia das Neves B.
Rodrigues
A lei nº 11.788/2008, estágio é ato educativo escolar
supervisionado, desenvolvido no ambiente de
trabalho, que visa à preparação para o trabalho
produtivo de educandos (...).
Resolução 06/2012 CNE
Art. 5º Os cursos de Educação Profissional Técnica
de Nível Médio têm por finalidade proporcionar ao
estudante conhecimentos, saberes e
competências profissionais necessários ao
exercício profissional e da cidadania, com base
nos fundamentos científico-tecnológicos, sócio
históricos e culturais.
Art. 6º
VI - indissociabilidade entre teoria e prática no
processo de ensino-aprendizagem;
VIII - contextualização, flexibilidade e
interdisciplinaridade na utilização de estratégias
educacionais favoráveis à compreensão de significados
e à integração entre a teoria e a vivência da prática
profissional, envolvendo as múltiplas dimensões do eixo
tecnológico do curso e das ciências e tecnologias a ele
vinculadas;
Art. 20
III - prática profissional intrínseca ao currículo, desenvolvida
nos ambientes de aprendizagem;
IV - estágio profissional supervisionado, em termos de
prática profissional em situação real de trabalho, assumido
como ato educativo da instituição educacional, quando
previsto.
Construção de Saberes através do Estágio
Supervisionado
Art. 21
§ 3º O estágio profissional
supervisionado, quando necessário
em função da natureza do itinerário
formativo, ou exigido pela
natureza da ocupação, pode ser
incluído no plano de curso como
obrigatório ou voluntário, sendo
realizado em empresas e outras
organizações públicas e privadas,
à luz da Lei nº 11.788/2008 e
conforme Diretrizes específicas
editadas pelo Conselho Nacional de
Educação
ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA
APOENA
1 - Estágio obrigatório: definido no projeto do curso, com
carga horária definida e requisito para aprovação e obtenção
do diploma;
2 - Contato com as empresas para verifica se há vagas,
formalizar o Estágio através de termo de compromisso e a
negociação de seguros contra acidentes pessoais;
4- Acompanhamento dos alunos nas empresas para sanar
quaisquer dificuldade;
Avaliação dos alunos pela empresa e pelo professor, através
de reuniões e documento. ( LEI, 11.788/2008)
SALA DE EMPREGO
É a extensão dos cursos técnicos, é um serviço que a
instituição de ensino APOENA CURSOS TÉCNICOS, oferece
aos discentes e egressos como:
Inclusão do aluno no mercado de trabalho;
Divulgação de vagas de empregos, de estágio remunerado, e
seleção de currículos para encaminhar as empresas;
Formalização de parcerias com empresas para a realização de
Estágio e possíveis contratações.
EMPRESAS PARCEIRAS: 40
Grupo Fortaleza;
BR Materiais de Construção;
Eletroservice;
Equinox;
Objetiva Construtora e Imóveis;
SEMED;
INSTITUIÇÕES PÚBLICAS
Secretaria do Meio Ambiente - SEMA ;
Companhia de Água e Esgoto – CAESA;
Secretaria de Saúde do Estado e do Município de Macapá;
RESULTADOS
POSITIVOS:
EFETIVAÇÃO DE
ALUNOS EM
VÁRIAS
EMPRESAS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
Júlia Eugênia Gonçalves
 
inclusão escolar
inclusão escolarinclusão escolar
inclusão escolar
Ulisses Vakirtzis
 
Educação especial
Educação especialEducação especial
Educação especial
Luciene Oliveira
 
Slide educação especial
Slide educação especialSlide educação especial
Slide educação especial
Andreia Gomes
 
Pasta de estágio educação infantil
Pasta de estágio educação infantilPasta de estágio educação infantil
Pasta de estágio educação infantil
Luccia Roccha
 
PEI
PEIPEI
RESOLUÇÃO Nº 08/12/CME
RESOLUÇÃO Nº 08/12/CMERESOLUÇÃO Nº 08/12/CME
RESOLUÇÃO Nº 08/12/CME
Imprensa-semec
 
Educacao especial
Educacao especial Educacao especial
Educacao especial
Itana Silva
 
10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva
10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva
10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva
Rita de Cássia Freitas
 
Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...
Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...
Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...
Anaí Peña
 
Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalhoInclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
Ariovaldo Vieira da Silva
 
Projeto político pedagógico ppp
Projeto político pedagógico pppProjeto político pedagógico ppp
Projeto político pedagógico pppgisianevieiraanana
 
Tst relatório de conclusão de estágio atualizado
Tst relatório de conclusão de estágio atualizadoTst relatório de conclusão de estágio atualizado
Tst relatório de conclusão de estágio atualizado
MARIA DORA
 
Relatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - Modelo
Relatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - ModeloRelatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - Modelo
Relatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - Modelo
Pedro Lisboa
 
Formação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores EducacionalFormação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores Educacional
Rosana Santos
 
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação InclusivaCapacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Secretaria de Educação e Cultura - SEMEC aAcari
 
Plano Nacional de Educação
Plano Nacional de EducaçãoPlano Nacional de Educação
Plano Nacional de Educação
PriscillaTomazi2015
 
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POP
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POPPROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POP
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POP
Railenne De Oliveira Celestino
 
Ldb
LdbLdb
Estrategias pedagogicas com deficiente intelectual
Estrategias pedagogicas com deficiente intelectualEstrategias pedagogicas com deficiente intelectual
Estrategias pedagogicas com deficiente intelectual
Paula Aparecida Alve Alves
 

Mais procurados (20)

Pedagogia de projetos
Pedagogia de projetosPedagogia de projetos
Pedagogia de projetos
 
inclusão escolar
inclusão escolarinclusão escolar
inclusão escolar
 
Educação especial
Educação especialEducação especial
Educação especial
 
Slide educação especial
Slide educação especialSlide educação especial
Slide educação especial
 
Pasta de estágio educação infantil
Pasta de estágio educação infantilPasta de estágio educação infantil
Pasta de estágio educação infantil
 
PEI
PEIPEI
PEI
 
RESOLUÇÃO Nº 08/12/CME
RESOLUÇÃO Nº 08/12/CMERESOLUÇÃO Nº 08/12/CME
RESOLUÇÃO Nº 08/12/CME
 
Educacao especial
Educacao especial Educacao especial
Educacao especial
 
10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva
10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva
10. o-papel-do-professor-na-educação-inclusiva
 
Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...
Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...
Necessidades educacionais especiais no ensino fundamental anos finais cef vil...
 
Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalhoInclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
Inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho
 
Projeto político pedagógico ppp
Projeto político pedagógico pppProjeto político pedagógico ppp
Projeto político pedagógico ppp
 
Tst relatório de conclusão de estágio atualizado
Tst relatório de conclusão de estágio atualizadoTst relatório de conclusão de estágio atualizado
Tst relatório de conclusão de estágio atualizado
 
Relatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - Modelo
Relatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - ModeloRelatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - Modelo
Relatório de Estágio - Técnico em Segurança do Trabalho - Modelo
 
Formação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores EducacionalFormação para Cuidadores Educacional
Formação para Cuidadores Educacional
 
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação InclusivaCapacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
 
Plano Nacional de Educação
Plano Nacional de EducaçãoPlano Nacional de Educação
Plano Nacional de Educação
 
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POP
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POPPROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POP
PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO – POP
 
Ldb
LdbLdb
Ldb
 
Estrategias pedagogicas com deficiente intelectual
Estrategias pedagogicas com deficiente intelectualEstrategias pedagogicas com deficiente intelectual
Estrategias pedagogicas com deficiente intelectual
 

Destaque

Texto 1 ewerton1
Texto 1 ewerton1Texto 1 ewerton1
Texto 1 ewerton1
Hermes Thorvalden
 
Permanência e êxito na educação profissional
Permanência e êxito na educação profissionalPermanência e êxito na educação profissional
Permanência e êxito na educação profissional
MAIKON.biz
 
A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...
A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...
A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...
MAIKON.biz
 
Mercado de trabalho e desafios da formação profissional na América Latina
Mercado de trabalho e desafios da formação profissional na América LatinaMercado de trabalho e desafios da formação profissional na América Latina
Mercado de trabalho e desafios da formação profissional na América Latina
MAIKON.biz
 
Estágio na educação profissional: Desafios e Responsabilidades
Estágio na educação profissional: Desafios e ResponsabilidadesEstágio na educação profissional: Desafios e Responsabilidades
Estágio na educação profissional: Desafios e Responsabilidades
MAIKON.biz
 
Educação profissional, formação docente e a interface com a EJA
Educação profissional, formação docente e a interface com a EJAEducação profissional, formação docente e a interface com a EJA
Educação profissional, formação docente e a interface com a EJA
MAIKON.biz
 
Política fiscal e ajuste estrutural
Política fiscal e ajuste estruturalPolítica fiscal e ajuste estrutural
Política fiscal e ajuste estrutural
MAIKON.biz
 
ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...
ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...
ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...
MALVINA EUFRAZIO DA SILVA
 
A educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivas
A educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivasA educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivas
A educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivas
MAIKON.biz
 
Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...
Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...
Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...
MAIKON.biz
 
Manual de estágio em educação infantil
Manual de estágio em educação infantilManual de estágio em educação infantil
Manual de estágio em educação infantil
Artemosfera Cia de Artes
 
Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...
Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...
Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...
MAIKON.biz
 
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
UFPB
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
Elizangela Quintela Miranda Costa
 
Estágio Educação Infantil
Estágio Educação InfantilEstágio Educação Infantil
Estágio Educação Infantil
Luúh Reis
 
Espaços não formais de educação
Espaços não formais de educaçãoEspaços não formais de educação
Espaços não formais de educação
Colégio Estadual Padre Fernando Gomes de Melo
 
Educação formal e não formal
Educação formal e não formalEducação formal e não formal
Educação formal e não formal
Ana Vilalva
 
Tecnicas de Vendas
Tecnicas de VendasTecnicas de Vendas
Tecnicas de Vendas
Simone Chiaretto
 

Destaque (18)

Texto 1 ewerton1
Texto 1 ewerton1Texto 1 ewerton1
Texto 1 ewerton1
 
Permanência e êxito na educação profissional
Permanência e êxito na educação profissionalPermanência e êxito na educação profissional
Permanência e êxito na educação profissional
 
A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...
A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...
A educação profissional e as possibilidades com o empreendedorismo e o cooper...
 
Mercado de trabalho e desafios da formação profissional na América Latina
Mercado de trabalho e desafios da formação profissional na América LatinaMercado de trabalho e desafios da formação profissional na América Latina
Mercado de trabalho e desafios da formação profissional na América Latina
 
Estágio na educação profissional: Desafios e Responsabilidades
Estágio na educação profissional: Desafios e ResponsabilidadesEstágio na educação profissional: Desafios e Responsabilidades
Estágio na educação profissional: Desafios e Responsabilidades
 
Educação profissional, formação docente e a interface com a EJA
Educação profissional, formação docente e a interface com a EJAEducação profissional, formação docente e a interface com a EJA
Educação profissional, formação docente e a interface com a EJA
 
Política fiscal e ajuste estrutural
Política fiscal e ajuste estruturalPolítica fiscal e ajuste estrutural
Política fiscal e ajuste estrutural
 
ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...
ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...
ORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO IORIENTAÇÕES PARA PRÁTICA ...
 
A educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivas
A educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivasA educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivas
A educação profissional no Brasil: Desafios e perspectivas
 
Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...
Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...
Tecnologia e Inovação na Educação Profissional: Construindo Ambientes de apre...
 
Manual de estágio em educação infantil
Manual de estágio em educação infantilManual de estágio em educação infantil
Manual de estágio em educação infantil
 
Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...
Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...
Permanência e êxito na educação profissional e tecnológica: A experiência do ...
 
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
 
Estágio Educação Infantil
Estágio Educação InfantilEstágio Educação Infantil
Estágio Educação Infantil
 
Espaços não formais de educação
Espaços não formais de educaçãoEspaços não formais de educação
Espaços não formais de educação
 
Educação formal e não formal
Educação formal e não formalEducação formal e não formal
Educação formal e não formal
 
Tecnicas de Vendas
Tecnicas de VendasTecnicas de Vendas
Tecnicas de Vendas
 

Semelhante a O estágio supervisionado na educação profissional: Desafios e responsabilidades

Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]
Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]
Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]
Marta Durão Nunes
 
Procedimentos para estágio EAD
Procedimentos para estágio EADProcedimentos para estágio EAD
Procedimentos para estágio EAD
celaotur
 
O estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superior
O estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superiorO estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superior
O estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superior
diagoprof
 
Trilha de Aprendizagem INCATEP
Trilha de Aprendizagem INCATEPTrilha de Aprendizagem INCATEP
Cartilha_estagio.pdf
Cartilha_estagio.pdfCartilha_estagio.pdf
Cartilha_estagio.pdf
ProfessorRodrigoSilv
 
Estágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leisEstágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leis
profealbattaiola
 
Pdf
PdfPdf
Projeto isabel paiva 903322
Projeto isabel paiva 903322Projeto isabel paiva 903322
Projeto isabel paiva 903322
isabepaiva
 
Estágio i o que é estágio
Estágio i   o que é estágioEstágio i   o que é estágio
Estágio i o que é estágio
Cleia Printes
 
Apresentação Paulo Marcello
Apresentação Paulo MarcelloApresentação Paulo Marcello
Apresentação Paulo Marcello
Ouvidoria Geral do Estado da Bahia
 
Manual estagio
Manual estagioManual estagio
Manual estagio
PORTUGA MERCA
 
1 manual de estagio
1 manual de estagio1 manual de estagio
1 manual de estagio
Wando Lima
 
Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1
Miguel Alves de Santana
 
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
HELENO FAVACHO
 
Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...
Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...
Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...
HELENO FAVACHO
 
Inova Talentos - Segunda Chamada
Inova Talentos - Segunda ChamadaInova Talentos - Segunda Chamada
po_ALUNO_seguranca_trabalho.pdf
po_ALUNO_seguranca_trabalho.pdfpo_ALUNO_seguranca_trabalho.pdf
po_ALUNO_seguranca_trabalho.pdf
ssuser70d316
 
Passo a passo do estagio
Passo a passo do estagioPasso a passo do estagio
Passo a passo do estagio
Gleyson Costa
 
PAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de cursoPAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de curso
francisco quiss
 
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
HELENO FAVACHO
 

Semelhante a O estágio supervisionado na educação profissional: Desafios e responsabilidades (20)

Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]
Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]
Manual%20do%20 estágio%20 versão%20final%202010[1]
 
Procedimentos para estágio EAD
Procedimentos para estágio EADProcedimentos para estágio EAD
Procedimentos para estágio EAD
 
O estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superior
O estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superiorO estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superior
O estagio-curricular-e-sua-eficacia-na-educacao-superior
 
Trilha de Aprendizagem INCATEP
Trilha de Aprendizagem INCATEPTrilha de Aprendizagem INCATEP
Trilha de Aprendizagem INCATEP
 
Cartilha_estagio.pdf
Cartilha_estagio.pdfCartilha_estagio.pdf
Cartilha_estagio.pdf
 
Estágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leisEstágio – regulamentos e leis
Estágio – regulamentos e leis
 
Pdf
PdfPdf
Pdf
 
Projeto isabel paiva 903322
Projeto isabel paiva 903322Projeto isabel paiva 903322
Projeto isabel paiva 903322
 
Estágio i o que é estágio
Estágio i   o que é estágioEstágio i   o que é estágio
Estágio i o que é estágio
 
Apresentação Paulo Marcello
Apresentação Paulo MarcelloApresentação Paulo Marcello
Apresentação Paulo Marcello
 
Manual estagio
Manual estagioManual estagio
Manual estagio
 
1 manual de estagio
1 manual de estagio1 manual de estagio
1 manual de estagio
 
Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1Cartilha agropecuaria1
Cartilha agropecuaria1
 
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
 
Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...
Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...
Curso de ciências contábeis orientações pedagógicas para o estágio supervisio...
 
Inova Talentos - Segunda Chamada
Inova Talentos - Segunda ChamadaInova Talentos - Segunda Chamada
Inova Talentos - Segunda Chamada
 
po_ALUNO_seguranca_trabalho.pdf
po_ALUNO_seguranca_trabalho.pdfpo_ALUNO_seguranca_trabalho.pdf
po_ALUNO_seguranca_trabalho.pdf
 
Passo a passo do estagio
Passo a passo do estagioPasso a passo do estagio
Passo a passo do estagio
 
PAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de cursoPAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de curso
 
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Orientações Pedagógicas para o Estágio Supervisio...
 

Último

CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 

Último (20)

CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 

O estágio supervisionado na educação profissional: Desafios e responsabilidades

  • 1. O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL: desafios e responsabilidades Profa. Msc. Efigenia das Neves B. Rodrigues
  • 2. A lei nº 11.788/2008, estágio é ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo de educandos (...). Resolução 06/2012 CNE Art. 5º Os cursos de Educação Profissional Técnica de Nível Médio têm por finalidade proporcionar ao estudante conhecimentos, saberes e competências profissionais necessários ao exercício profissional e da cidadania, com base nos fundamentos científico-tecnológicos, sócio históricos e culturais.
  • 3. Art. 6º VI - indissociabilidade entre teoria e prática no processo de ensino-aprendizagem; VIII - contextualização, flexibilidade e interdisciplinaridade na utilização de estratégias educacionais favoráveis à compreensão de significados e à integração entre a teoria e a vivência da prática profissional, envolvendo as múltiplas dimensões do eixo tecnológico do curso e das ciências e tecnologias a ele vinculadas;
  • 4. Art. 20 III - prática profissional intrínseca ao currículo, desenvolvida nos ambientes de aprendizagem; IV - estágio profissional supervisionado, em termos de prática profissional em situação real de trabalho, assumido como ato educativo da instituição educacional, quando previsto. Construção de Saberes através do Estágio Supervisionado
  • 5. Art. 21 § 3º O estágio profissional supervisionado, quando necessário em função da natureza do itinerário formativo, ou exigido pela natureza da ocupação, pode ser incluído no plano de curso como obrigatório ou voluntário, sendo realizado em empresas e outras organizações públicas e privadas, à luz da Lei nº 11.788/2008 e conforme Diretrizes específicas editadas pelo Conselho Nacional de Educação
  • 6. ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA APOENA 1 - Estágio obrigatório: definido no projeto do curso, com carga horária definida e requisito para aprovação e obtenção do diploma; 2 - Contato com as empresas para verifica se há vagas, formalizar o Estágio através de termo de compromisso e a negociação de seguros contra acidentes pessoais; 4- Acompanhamento dos alunos nas empresas para sanar quaisquer dificuldade; Avaliação dos alunos pela empresa e pelo professor, através de reuniões e documento. ( LEI, 11.788/2008)
  • 7. SALA DE EMPREGO É a extensão dos cursos técnicos, é um serviço que a instituição de ensino APOENA CURSOS TÉCNICOS, oferece aos discentes e egressos como: Inclusão do aluno no mercado de trabalho; Divulgação de vagas de empregos, de estágio remunerado, e seleção de currículos para encaminhar as empresas; Formalização de parcerias com empresas para a realização de Estágio e possíveis contratações.
  • 8. EMPRESAS PARCEIRAS: 40 Grupo Fortaleza; BR Materiais de Construção; Eletroservice; Equinox; Objetiva Construtora e Imóveis; SEMED; INSTITUIÇÕES PÚBLICAS Secretaria do Meio Ambiente - SEMA ; Companhia de Água e Esgoto – CAESA; Secretaria de Saúde do Estado e do Município de Macapá; RESULTADOS POSITIVOS: EFETIVAÇÃO DE ALUNOS EM VÁRIAS EMPRESAS