SlideShare uma empresa Scribd logo
MODOS VERBAIS
PARTE I
Profª VANESSA CAVALCANTE
O verbo pode se flexionar de quatro maneiras:
PESSOA
PESSOA
PESSOA
NÚMERO
NÚMERO
NÚMERO
MODO
MODO
MODO
TEMPO
TEMPO
TEMPO
Através de um morfema chamado DESINÊNCIA MODO TEMPORAL, são
marcados o tempo e o modo de um verbo. Vejamos mais
detalhadamente...
É a classe mais rica em variações de forma.
É a classe mais rica em variações de forma.
É a classe mais rica em variações de forma.
Rigorosamente, são três os
modos verbais: INDICATIVO,
SUBJUNTIVO e IMPERATIVO.
O MODO VERBAL caracteriza as várias maneiras como podemos utilizar o verbo, dependendo da
significação que pretendemos dar a ele.
RESUMINDO...
MODO INDICATIVO: O verbo
expressa uma ação que
provavelmente acontecerá, uma
certeza, trabalhando com reais
possibilidades de concretização da
ação verbal ou com a certeza
comprovada da realização daquela
ação.
MODO SUBJUNTIVO: AO
CONTRÁRIO DO
INDICATIVO, É O MODO
QUE EXPRESSA A DÚVIDA,
A INCERTEZA,
TRABALHANDO COM
REMOTAS
POSSIBILIDADES DE
CONCRETIZAÇÃO DA
AÇÃO VERBAL.
RESUMINDO...
MODO IMPERATIVO:
Apresenta-se na forma
afirmativa e na forma
negativa. Com ele nos
dirigimos diretamente a
alguém, em segunda pessoa,
expressando o que queremos
que esta(s) pessoa(s) faça(m).
Pode indicar uma ordem, um
pedido, um conselho etc.,
dependendo da entonação e
do contexto em que é
aplicado.
RESUMINDO...
MODOINDICATIVO
O modo indicativo é uma
flexão verbal caracterizada
pela certeza do enunciador
em relação ao fato
enunciado.
Já o TEMPO VERBAL informa, de
uma maneira geral, se o verbo
expressa algo que já aconteceu,
que acontece no momento da fala
ou que ainda irá acontecer. São
essencialmente três tempos:
PRESENTE, PASSADO ou PRETÉRITO e
FUTURO.
"Assim, os tempos verbais simples no modo
indicativo são:
presente;
pretérito perfeito;
pretérito imperfeito;
pretérito mais-que-perfeito;
futuro do presente; e
futuro do pretérito."
"Já os tempos verbais compostos são:
pretérito perfeito;
pretérito mais-que-perfeito;
futuro do presente;
futuro do pretérito."
"Dessa maneira, ao dizer, por exemplo, que
“A humanidade caminha para a sua
extinção”
o enunciador dessa oração está afirmando
algo, não é uma hipótese, pois ele tem
certeza do que diz."
VAMOS LÁ CONHECER
OS TEMPOS DO MODO
INDICATIVO
PRESENTE
quando queremos expressar algo atual, acontece agora,
neste momento.
PRETÉRITO PERFEITO
expressa um fato que aconteceu em algum um momento
anterior e que foi totalmente concluído.
PRETÉRITO PERFEITO
expressa um fato no passado que ainda estava acontecendo
quando outro o interrompeu. Portanto, a primeira ação não
foi totalmente acabada.
PRETÉRITO MAIS-QUE-PERFEITO
expressa um fato que ocorreu antes de outro fato já
terminado.
FUTURO DO PRESENTE
expressa um fato que vai ocorrer em breve, isso em
relação ao presente.
FUTURO DO PRETÉRITO
No português europeu, o futuro do pretérito é conhecido como
“condicional”, mas a regra é a mesma: utilizamos para um fato
que pode acontecer depois de um determinado fato passado.
Existe uma relação de dependência, consequência
condicional.
Tempos verbais compostos do
Modo Indicativo
Os tempos verbais compostos do Modo Indicativo são
aqueles em que há um verbo auxiliar, por isso chama-
se composto. Há 4 tempos compostos!
Pretérito perfeito composto do Indicativo
O pretérito perfeito composto do indicativo indica uma
ação contínua ou repetida que tem ocorrido no passado e
prolonga-se até o momento.
Exemplo:
Eles têm participado do campeonato desde 2014.
Eu tenho feito toda a parte escrita da apresentação desde o mês passa
Nós temos andado de bicicleta na orla da lagoa todo final de semana.
Pretérito mais-que-perfeito composto do Indicativo
O pretérito mais-que-perfeito composto do indicativo
indica uma ação que ocorreu antes de outra ação passada.
O sentido é o mesmo do mais-que-perfeito simples,
podendo ser escrito também com o verbo auxiliar.
Exemplo:
Ele já tinha decidido que a apresentação foi cancelada.
Nós já tínhamos feito o acordo no mês passado.
Eu havia comido a torta antes que fosse vendida.
Futuro do presente composto do Indicativo
O futuro do presente composto do indicativo é utilizado
para um fato futuro que estará terminado antes de
outro fato futuro.
Exemplo:
Quando você chegar lá, a neve já terá caído.
Aos 30 anos já terei casado.
Quando ouvir o galo cantar, ela terá morrido.
Futuro do pretérito composto do Indicativo
O futuro do pretérito composto do indicativo indica uma
ação que poderia ter acontecido posteriormente a uma
situação passada, estando condicionada a ela.
Exemplo:
Se não houvesse tantos desvios, eu teria chegado a tempo.
Nós teríamos ficado a salvo se ele fosse mais corajoso.
Ela teria passado bem se o remédio estivesse por perto.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
Carolina Loçasso Pereira
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e período
Hena Meira
 
Frase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aulaFrase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aula
emanuelee
 
Orações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas SubstantivasOrações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas Substantivas
Elaine Teixeira
 
Figuras de sintaxe
Figuras de sintaxeFiguras de sintaxe
Figuras de sintaxe
Elaine Teixeira
 
Conjunções subordinativas.pptx
Conjunções subordinativas.pptxConjunções subordinativas.pptx
Conjunções subordinativas.pptx
CarlaElisngelaBndche
 
Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
EstudareLegal
 
Polissemia
PolissemiaPolissemia
Polissemia
whybells
 
Predicados e predicativos
Predicados e predicativosPredicados e predicativos
Predicados e predicativos
Edson Alves
 
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoPeríodo Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Joyce de Oliveira
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
Edson Alves
 
Slide aposto
Slide   apostoSlide   aposto
Slide aposto
Matheus Augusto
 
Orações reduzidas
Orações reduzidasOrações reduzidas
Orações reduzidas
sandra
 
8º ano E. F. II - Transitividade verbal
8º ano E. F. II - Transitividade verbal8º ano E. F. II - Transitividade verbal
8º ano E. F. II - Transitividade verbal
Angélica Manenti
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
Camila Desidério
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
Sabrina Paiva
 
Modo imperativo
Modo imperativoModo imperativo
Modo imperativo
Elaine Maia
 
Adjunto adverbial
Adjunto adverbialAdjunto adverbial
Adjunto adverbial
Vivian gusm?
 
Termos da oração
Termos da oraçãoTermos da oração
Termos da oração
ma.no.el.ne.ves
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
Aline Castro
 

Mais procurados (20)

Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e período
 
Frase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aulaFrase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aula
 
Orações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas SubstantivasOrações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas Substantivas
 
Figuras de sintaxe
Figuras de sintaxeFiguras de sintaxe
Figuras de sintaxe
 
Conjunções subordinativas.pptx
Conjunções subordinativas.pptxConjunções subordinativas.pptx
Conjunções subordinativas.pptx
 
Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
 
Polissemia
PolissemiaPolissemia
Polissemia
 
Predicados e predicativos
Predicados e predicativosPredicados e predicativos
Predicados e predicativos
 
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoPeríodo Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e Subordinação
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
 
Slide aposto
Slide   apostoSlide   aposto
Slide aposto
 
Orações reduzidas
Orações reduzidasOrações reduzidas
Orações reduzidas
 
8º ano E. F. II - Transitividade verbal
8º ano E. F. II - Transitividade verbal8º ano E. F. II - Transitividade verbal
8º ano E. F. II - Transitividade verbal
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
 
Modo imperativo
Modo imperativoModo imperativo
Modo imperativo
 
Adjunto adverbial
Adjunto adverbialAdjunto adverbial
Adjunto adverbial
 
Termos da oração
Termos da oraçãoTermos da oração
Termos da oração
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
 

Semelhante a MODOS VERBAIS - AULA 7º ANO - 2609.pdf

80 estudoverbos
80 estudoverbos80 estudoverbos
80 estudoverbos
Débora Souza da Costa
 
Aula_13___Verbo (1).pdf
Aula_13___Verbo (1).pdfAula_13___Verbo (1).pdf
Aula_13___Verbo (1).pdf
Ana Vaz
 
4_Aula_Verbo.pptx
4_Aula_Verbo.pptx4_Aula_Verbo.pptx
4_Aula_Verbo.pptx
tatianesouza923757
 
Verbos
VerbosVerbos
Verbos
AJFG1
 
Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519
Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519
Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519
Valdimiro Cardoso
 
A FUNÇÃO DO VERBO.ppt
A FUNÇÃO DO VERBO.pptA FUNÇÃO DO VERBO.ppt
A FUNÇÃO DO VERBO.ppt
marianna65
 
7.5 verbos (estudo completo)
7.5   verbos (estudo completo)7.5   verbos (estudo completo)
7.5 verbos (estudo completo)
Ivana Mayrink
 
Pretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeito
Pretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeitoPretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeito
Pretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeito
Laureano Netto
 
Frase, Oração e Periodo.
Frase, Oração e Periodo.Frase, Oração e Periodo.
Frase, Oração e Periodo.
Keu Oliveira
 
Gramática-Verbo.pdf
Gramática-Verbo.pdfGramática-Verbo.pdf
Gramática-Verbo.pdf
KatiuciaBandeira
 
TEMPOS VERBAIS [2023].pptx
TEMPOS VERBAIS [2023].pptxTEMPOS VERBAIS [2023].pptx
TEMPOS VERBAIS [2023].pptx
rafa barca
 
REVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIOREVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIO
fernandacherobini1
 
Tempos verbais
Tempos verbaisTempos verbais
Tempos verbais
Elisa Dias
 
Verbos 2
Verbos 2Verbos 2
Verbos 2
Aportuguesando
 
Capítulo – verbo
Capítulo  – verboCapítulo  – verbo
Capítulo – verbo
Lucas Jansen
 
Verbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brVerbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.br
Prof Palmito Rocha
 
www.AulasParticularesApoio.Com - Português - Verbos
www.AulasParticularesApoio.Com - Português -  Verboswww.AulasParticularesApoio.Com - Português -  Verbos
www.AulasParticularesApoio.Com - Português - Verbos
ApoioAulas ParticularesCom
 
Tempos verbais dicas
Tempos verbais dicasTempos verbais dicas
Tempos verbais dicas
Fabiana Arthur
 
tempos verbais
tempos verbaistempos verbais
tempos verbais
Cida Silva
 
Os verbos
Os verbosOs verbos

Semelhante a MODOS VERBAIS - AULA 7º ANO - 2609.pdf (20)

80 estudoverbos
80 estudoverbos80 estudoverbos
80 estudoverbos
 
Aula_13___Verbo (1).pdf
Aula_13___Verbo (1).pdfAula_13___Verbo (1).pdf
Aula_13___Verbo (1).pdf
 
4_Aula_Verbo.pptx
4_Aula_Verbo.pptx4_Aula_Verbo.pptx
4_Aula_Verbo.pptx
 
Verbos
VerbosVerbos
Verbos
 
Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519
Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519
Verbos e-vozes-verbais-ii2610201119519
 
A FUNÇÃO DO VERBO.ppt
A FUNÇÃO DO VERBO.pptA FUNÇÃO DO VERBO.ppt
A FUNÇÃO DO VERBO.ppt
 
7.5 verbos (estudo completo)
7.5   verbos (estudo completo)7.5   verbos (estudo completo)
7.5 verbos (estudo completo)
 
Pretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeito
Pretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeitoPretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeito
Pretéritos perfetio, imperfeito e mais que perfeito
 
Frase, Oração e Periodo.
Frase, Oração e Periodo.Frase, Oração e Periodo.
Frase, Oração e Periodo.
 
Gramática-Verbo.pdf
Gramática-Verbo.pdfGramática-Verbo.pdf
Gramática-Verbo.pdf
 
TEMPOS VERBAIS [2023].pptx
TEMPOS VERBAIS [2023].pptxTEMPOS VERBAIS [2023].pptx
TEMPOS VERBAIS [2023].pptx
 
REVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIOREVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIO
REVISÃO VERBOS TERCEIRO ANO ENSINO MÉDIO
 
Tempos verbais
Tempos verbaisTempos verbais
Tempos verbais
 
Verbos 2
Verbos 2Verbos 2
Verbos 2
 
Capítulo – verbo
Capítulo  – verboCapítulo  – verbo
Capítulo – verbo
 
Verbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.brVerbo www.professorpalmito.com.br
Verbo www.professorpalmito.com.br
 
www.AulasParticularesApoio.Com - Português - Verbos
www.AulasParticularesApoio.Com - Português -  Verboswww.AulasParticularesApoio.Com - Português -  Verbos
www.AulasParticularesApoio.Com - Português - Verbos
 
Tempos verbais dicas
Tempos verbais dicasTempos verbais dicas
Tempos verbais dicas
 
tempos verbais
tempos verbaistempos verbais
tempos verbais
 
Os verbos
Os verbosOs verbos
Os verbos
 

Mais de VanessaCavalcante37

COMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcante
COMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcanteCOMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcante
COMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcante
VanessaCavalcante37
 
COMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEM
COMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEMCOMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEM
COMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEM
VanessaCavalcante37
 
AULA XXX REDAÇÃO (2).pptx
AULA XXX REDAÇÃO (2).pptxAULA XXX REDAÇÃO (2).pptx
AULA XXX REDAÇÃO (2).pptx
VanessaCavalcante37
 
Histórias maravilhosas para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptx
Histórias maravilhosas  para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptxHistórias maravilhosas  para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptx
Histórias maravilhosas para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptx
VanessaCavalcante37
 
hifen
hifenhifen
AULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptx
AULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptxAULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptx
AULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptx
VanessaCavalcante37
 
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdfNOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
VanessaCavalcante37
 
DIA 08-08 - 6 ANO AULA DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....
DIA 08-08 - 6 ANO AULA  DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....DIA 08-08 - 6 ANO AULA  DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....
DIA 08-08 - 6 ANO AULA DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....
VanessaCavalcante37
 
CRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdf
CRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdfCRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdf
CRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdf
VanessaCavalcante37
 
FONOLOGIA.pdf
FONOLOGIA.pdfFONOLOGIA.pdf
FONOLOGIA.pdf
VanessaCavalcante37
 
figuras de som.pdf
figuras de som.pdffiguras de som.pdf
figuras de som.pdf
VanessaCavalcante37
 
FIGURAS DE SINTAXE.pdf
FIGURAS DE SINTAXE.pdfFIGURAS DE SINTAXE.pdf
FIGURAS DE SINTAXE.pdf
VanessaCavalcante37
 

Mais de VanessaCavalcante37 (12)

COMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcante
COMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcanteCOMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcante
COMPETÊNCIA 2 da redação do enem prodção textual professora vanessa cavalcante
 
COMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEM
COMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEMCOMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEM
COMPETÊNCIA 1 DA REDAÇÃO DO ENEM - REDAÇÃO ENEM
 
AULA XXX REDAÇÃO (2).pptx
AULA XXX REDAÇÃO (2).pptxAULA XXX REDAÇÃO (2).pptx
AULA XXX REDAÇÃO (2).pptx
 
Histórias maravilhosas para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptx
Histórias maravilhosas  para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptxHistórias maravilhosas  para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptx
Histórias maravilhosas para o dia 01- 08 - 2022 8 ANO.pptx
 
hifen
hifenhifen
hifen
 
AULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptx
AULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptxAULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptx
AULA 8 ANO - RESENHA CRÍTICA.pptx
 
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdfNOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
NOTÍCIA, REPORTAGEM E NOTÍCIA - 8 ANO.pdf
 
DIA 08-08 - 6 ANO AULA DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....
DIA 08-08 - 6 ANO AULA  DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....DIA 08-08 - 6 ANO AULA  DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....
DIA 08-08 - 6 ANO AULA DE REDAÇÃO - AGOSTO 2021 (1) [Salvo automaticamente]....
 
CRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdf
CRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdfCRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdf
CRÔNICA - AULA 2 - 6º ANO.pdf
 
FONOLOGIA.pdf
FONOLOGIA.pdfFONOLOGIA.pdf
FONOLOGIA.pdf
 
figuras de som.pdf
figuras de som.pdffiguras de som.pdf
figuras de som.pdf
 
FIGURAS DE SINTAXE.pdf
FIGURAS DE SINTAXE.pdfFIGURAS DE SINTAXE.pdf
FIGURAS DE SINTAXE.pdf
 

Último

Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Pedro Luis Moraes
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 

Último (20)

Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 

MODOS VERBAIS - AULA 7º ANO - 2609.pdf

  • 1. MODOS VERBAIS PARTE I Profª VANESSA CAVALCANTE
  • 2. O verbo pode se flexionar de quatro maneiras: PESSOA PESSOA PESSOA NÚMERO NÚMERO NÚMERO MODO MODO MODO TEMPO TEMPO TEMPO
  • 3. Através de um morfema chamado DESINÊNCIA MODO TEMPORAL, são marcados o tempo e o modo de um verbo. Vejamos mais detalhadamente... É a classe mais rica em variações de forma. É a classe mais rica em variações de forma. É a classe mais rica em variações de forma.
  • 4. Rigorosamente, são três os modos verbais: INDICATIVO, SUBJUNTIVO e IMPERATIVO. O MODO VERBAL caracteriza as várias maneiras como podemos utilizar o verbo, dependendo da significação que pretendemos dar a ele.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8. RESUMINDO... MODO INDICATIVO: O verbo expressa uma ação que provavelmente acontecerá, uma certeza, trabalhando com reais possibilidades de concretização da ação verbal ou com a certeza comprovada da realização daquela ação.
  • 9. MODO SUBJUNTIVO: AO CONTRÁRIO DO INDICATIVO, É O MODO QUE EXPRESSA A DÚVIDA, A INCERTEZA, TRABALHANDO COM REMOTAS POSSIBILIDADES DE CONCRETIZAÇÃO DA AÇÃO VERBAL. RESUMINDO...
  • 10. MODO IMPERATIVO: Apresenta-se na forma afirmativa e na forma negativa. Com ele nos dirigimos diretamente a alguém, em segunda pessoa, expressando o que queremos que esta(s) pessoa(s) faça(m). Pode indicar uma ordem, um pedido, um conselho etc., dependendo da entonação e do contexto em que é aplicado. RESUMINDO...
  • 11. MODOINDICATIVO O modo indicativo é uma flexão verbal caracterizada pela certeza do enunciador em relação ao fato enunciado.
  • 12. Já o TEMPO VERBAL informa, de uma maneira geral, se o verbo expressa algo que já aconteceu, que acontece no momento da fala ou que ainda irá acontecer. São essencialmente três tempos: PRESENTE, PASSADO ou PRETÉRITO e FUTURO.
  • 13. "Assim, os tempos verbais simples no modo indicativo são: presente; pretérito perfeito; pretérito imperfeito; pretérito mais-que-perfeito; futuro do presente; e futuro do pretérito."
  • 14. "Já os tempos verbais compostos são: pretérito perfeito; pretérito mais-que-perfeito; futuro do presente; futuro do pretérito."
  • 15. "Dessa maneira, ao dizer, por exemplo, que “A humanidade caminha para a sua extinção” o enunciador dessa oração está afirmando algo, não é uma hipótese, pois ele tem certeza do que diz."
  • 16. VAMOS LÁ CONHECER OS TEMPOS DO MODO INDICATIVO
  • 17. PRESENTE quando queremos expressar algo atual, acontece agora, neste momento.
  • 18. PRETÉRITO PERFEITO expressa um fato que aconteceu em algum um momento anterior e que foi totalmente concluído.
  • 19. PRETÉRITO PERFEITO expressa um fato no passado que ainda estava acontecendo quando outro o interrompeu. Portanto, a primeira ação não foi totalmente acabada.
  • 20. PRETÉRITO MAIS-QUE-PERFEITO expressa um fato que ocorreu antes de outro fato já terminado.
  • 21. FUTURO DO PRESENTE expressa um fato que vai ocorrer em breve, isso em relação ao presente.
  • 22. FUTURO DO PRETÉRITO No português europeu, o futuro do pretérito é conhecido como “condicional”, mas a regra é a mesma: utilizamos para um fato que pode acontecer depois de um determinado fato passado. Existe uma relação de dependência, consequência condicional.
  • 23. Tempos verbais compostos do Modo Indicativo
  • 24. Os tempos verbais compostos do Modo Indicativo são aqueles em que há um verbo auxiliar, por isso chama- se composto. Há 4 tempos compostos!
  • 25. Pretérito perfeito composto do Indicativo O pretérito perfeito composto do indicativo indica uma ação contínua ou repetida que tem ocorrido no passado e prolonga-se até o momento. Exemplo: Eles têm participado do campeonato desde 2014. Eu tenho feito toda a parte escrita da apresentação desde o mês passa Nós temos andado de bicicleta na orla da lagoa todo final de semana.
  • 26. Pretérito mais-que-perfeito composto do Indicativo O pretérito mais-que-perfeito composto do indicativo indica uma ação que ocorreu antes de outra ação passada. O sentido é o mesmo do mais-que-perfeito simples, podendo ser escrito também com o verbo auxiliar. Exemplo: Ele já tinha decidido que a apresentação foi cancelada. Nós já tínhamos feito o acordo no mês passado. Eu havia comido a torta antes que fosse vendida.
  • 27. Futuro do presente composto do Indicativo O futuro do presente composto do indicativo é utilizado para um fato futuro que estará terminado antes de outro fato futuro. Exemplo: Quando você chegar lá, a neve já terá caído. Aos 30 anos já terei casado. Quando ouvir o galo cantar, ela terá morrido.
  • 28. Futuro do pretérito composto do Indicativo O futuro do pretérito composto do indicativo indica uma ação que poderia ter acontecido posteriormente a uma situação passada, estando condicionada a ela. Exemplo: Se não houvesse tantos desvios, eu teria chegado a tempo. Nós teríamos ficado a salvo se ele fosse mais corajoso. Ela teria passado bem se o remédio estivesse por perto.