SlideShare uma empresa Scribd logo
DONS ESPIRITUAIS:
No contexto bíblico neo-testamentário, o termo dons
espirituais refere-se a nove dons dados por Deus aos
cristãos, por meio do Espírito Santo, para auxílio na
propagação do evangelho de Jesus Cristo e edificação da
igreja. Os nove dons são listados na Bíblia, na primeira
carta do apóstolo Paulo aos cristãos da igreja de Corinto:
1. DONSSÃO OPERAÇÕES DE DEUS:
E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que
opera tudo em todos. (I CO 12:6).
• Para que são os dons espirituais?
Para o aperfeiçoamento dos santos, a ampliação do
conhecimento e para chamar a atenção dos incrédulos a
Realidade Divina.
• Quais os propósitos dos dons espirituais?
Edificar a igreja,
Promover a pregação do Evangelho,
E o aperfeiçoamento dos santos (EF 4.11,12).
• Qual a edificação dos Dons?
Comunhão (EF 3.16-19);
Fortalecimento na fé (I TS 1.3)
Santificação (HB 12.14)
Humildade (At 3.12-16);
Oração (I CO 12.31).
• Como é distribuído os Dons?
É distribuído individualmente, a cada um, conforme Ele quer
(I CO 12.11).
Existe o Dom do Pai = o Filho (JO 3.16);
Existe o Dom do Filho = o Espírito santo AT 2.1 ss);
Existe o dom do Espírito Santo = os 09 dons espirituais (I CO
12.1-11).
• A finalidade dos dons:
A edificação da igreja – EF 4.7-16; I PE 2.5; I CO 2.9-12;
A glorificação do nome de Jesus – I CO 10.4;
Adornar a igreja – Gn. 24.15-22;
Equipar a igreja – EF 6.10ss
• A utilidade dos dons:
Útil para nos ensinar verdades espirituais;
Útil para o incremento da evangelização;
Útil para o crescimento da igreja.
• Impedimentos à manifestação dos dons:
Incredulidade – EF 2.8; RM 8.32; At. 2.17;
Falta de interesse – II TM 1.6;
Quando falta: temor, adoração e santidade – PV 8.13; JS 3.5; AT 2.43.
2. EXISTEM TRÊS TIPOS DE DONS:
• Dons naturais (recebemos quando nascemos);
• Dons Ministeriais - São concedidos apenas aos MINISTROS: São
Apóstolos, Profetas, Evangelistas, Pastores e Mestres (EF 4.11).
• Dons Espirituais - São DONS DO ESPÍRITO SANTO. São Recursos
extraordinários colocados à disposição da IGREJA através do Espírito
Santo.
Ilustr. Assim como no corpo HUMANO temos cinco sentidos (olfato,
visão, tato, paladar e audição), assim também no corpo de CRISTO, na
terra tem cinco ministérios: Apóstolos, Profetas, Evangelistas, Pastores e
Mestres.
Assim como há 09 dons Espirituais, também há 09 frutos do Espírito.
I. SÃO TRÊS AS CLASSIFICAÇÕES DOS DONS ESPIRITUAIS?
• Dons Revelação – Palavra da Sabedoria, Palavra de Ciência
e Discernimentos de espíritos.
• Dons de Poder – Fé, dons de curar e Operação de
maravilhas.
• Dons de Elocução ou inspiração – Profecia, Variedades de
Línguas e Interpretação de Línguas.
Obs. Não confundir Dons do Espírito com Frutos do Espírito.
Os DONS são dados e recebidos e os FRUTOS são criados e
produzidos. Os Frutos também são 09: Amor, gozo, paz,
Longanimidade, Benignidade, Bondade, Fidelidade, Mansidão
e Domínio próprio.
1. Uma vista geral dos dons:
• Dons de revelação: Aqueles que concedem poder para saber sobrenaturalmente
(MT. 13.11; I CO. 2.10; 9.2);
• Dons de poder: Aqueles que concedem poder para agir sobrenaturalmente – At.
6.8; 19.11,12; II CO 10.3-5; 9.3;
• Dons de elocução: Aqueles que concederem poder para falar sobrenaturalmente –
At. 13.9-12; II Ped. 1.21
II. 1ª CLASSIFICAÇÃO OS DONS: DONS DE REVELAÇÃO:
1. 1º DOM: O DOM DA PALAVRA DE SABEDORIA:
Trata-se de uma mensagem vocal sábia, enunciada mediante a operação sobrenatural
do Espírito Santo. Tal mensagem aplica a revelação da Palavra de Deus ou a sabedoria
do Espírito Santo a uma situação ou problema específico
Trata-se de uma enunciação do Espírito Santo aplicando a palavra de Deus, ou a sua
sabedoria, a uma determinada situação - At. 6.3,10; 15.13-21; 27.10, 23-24.
• Existem três tipos de sabedoria
1º. Satânica – EZ 28.12-17; TG 3.14-16;
2º. Humana – LC 14.28-32;
3º. Divina – I CO 2.6
• A Palavra da Sabedoria no ministério de Jesus:
Em sua resposta ao homem avarento – LC 12.13ss;
Nas respostas aos seus inimigos – MT 21.25; 22.21,32;
Nos acusadores da mulher adultera – JO 8.1ss.
2. 2º DOM: A PALAVRA DA CIÊNCIA, OU DE CONHECIMENTO:
Trata-se de uma mensagem vocal, inspirada pelo Espírito Santo,
revelando conhecimento a respeito de pessoas, de circunstancias ou de
verdades bíblicas. - cf. At. 5.1-10.
• DIFERÊNÇA DA PALAVRA DA SABEDORIA E PALAVRA DA CIÊNCIA:
O Dom da Palavra da Sabedoria entra em ação através de um indício.
Ex. O sonho de Faraó que José interpretou GN 41.
A Palavra da Ciência entra em ação SEM INDÍCIO.
Ex. o sonho que Daniel interpretou a Nabucodonosor. Teve que contar o sonho e dar a
interpretação DN 2:1-49.
3. 3º DOM: O DON DE DISCERNIMENTO DOS ESPÍRITOS:
• O que é esse Dom?
Capacidade sobrenatural de se discernir a natureza e o caráter dos espíritos;
Capacidade especial para julgasse profecias e enunciações proféticas prove do Espírito
de Deus;
Poder sobrenatural para detectar o domínio dos espíritos e suas atividades;
Implica o poder do discernimento espiritual, revelação sobrenatural dos planos e
propósitos do inimigo e suas forças.
• O que Ele Não É:
Não é habilidade para descobrir falha dos outros;
Não é leitura de pensamentos;
Não tem relação com a psicologia.
Vide I JO 4.1-3; AT 8.10-13; LC 13.11-16; MC 9.25; I TM 4.1; AP 13.14; JR 23.21-26
LC 8.29; MT 24.24.
III. 2ª CLASSIFICAÇÃO DOS DONS: OS DONS DE PODER
4º DOM: O DOM DA FÉ (11.1) = intervenção Divina para operar o impossível.
Uma fé sobrenatural especial, comunicada pelo Espírito Santo, capacitando o crente a
crer em Deus para a realização de coisas extraordinárias e milagrosas;
Fé sobrenatural comunicada pelo Espírito Santo, capacitando o crente a crer em Deus,
para a realização de milagres.
• Existe 3 tipos de Fé:
Fé natural;
Fé salvadora;
Fé como um dom do Espírito.
• Exemplos específicos:
O centurião de cafarnaum – MT. 8.5-13;
Um leproso – LC 17.11-19;
Dois cegos – MT. 9.27-29;
O pai do jovem lunático – LC 9.36-50.
2. 5º DOM: OS DONS DE CURAR:
Restauração da saúde de alguém, por meios sobrenaturais divinos. – cf. MT 4.23,24; Jô
6.2; LC 4.40,41, AT 4.30; 5.15,16; 9.32-34;
O plural (dons) indica curas de diferentes enfermidades e sugere que cada ato de cura
de um dom especial de Deus;
Os dons de curas não são concedidos a todos os membros do corpo de Cristo, todavia,
todos eles podem orar pelos enfermos.
3. 6º DOM: O DOM DE OPERAÇÃO DE MARAVILHAS:
Trata-se de atos sobrenaturais de poder, que intervêm nas leis da natureza;
Poder divino sobrenatural para alterar o curso da natureza;
Consiste de dois plurais: dunamis (façanhas de grande poder sobrenatural) e
energema (resultados eficazes);
Esse dom pode estar relacionado à proteção, provisão, expulsão de demônios,
alteração de circunstancias ou juízo.
• Exemplos específicos:
No ministério de Paulo – AT 13.4-12; 19.11;
No ministério de Pedro – AT 9.36-43;
No ministério de Elias – I RS 17.8-16-24; II RS 1.9-15;
No ministério de Eliseu – II RS 4.38-41,42-44; 6.1-7;
No ministério de Moisés – EX 15.23-25; NM 16.1-21-33;
No ministério de Jesus – JÕ 6.5-14; LC 8.22-25;
Outros exemplos: JS 10.12-15; IS 38.1-8; EX 13.17-22.
IV. 3ª CLASSIFICAÇÃO OS DONS: DONS DE ELOCUÇÃO OU INSPIRAÇÃO:
1. 7º DOM: O DOM DE PROFECIA:
FALA AOS HOMENS - A profecia é o Don mais combatido por todos, inclusive por
Satanás que deseja confundir a Igreja e atrapalhar os planos de DEUS para nós.
• Existem três tipos de profetas:
Do Homem = Alguém fala o que já conhece a respeito da pessoa ou pessoas a que se
dirige.
De Satanás = Uma mensagem de confusão e muitas vezes de mentiras e distorções da
palavra de DEUS.
De DEUS = Mensagem de DEUS para a Igreja ou para uma determinada pessoa.
• A Finalidade da do Dom de Profecia:
Edificação = Fazer com que siga fazendo a Obra de DEUS.
Exortação = Fazer com que desperte e anime para fazer a Obra de DEUS.
Consolação = Fazer com que a tristeza não abata a pessoa, porque DEUS está presente
e assistindo e ajudando em tudo.
A profecia não tem elemento preditivo, ou seja, não tem a função de dizer o futuro.
2. 8º DOM: O DOM DE VARIEDADES DE LÍNGUAS:
Capacidade sobrenatural de falar uma língua que o próprio falante não entende, para
fins de louvor, oração ou transmissão de uma mensagem divina;
Variedade é o mesmo que diversidade (subdivisões, baseadas em ligeiras diferenças)
obedecendo sempre um mesmo princípio ou fonte. Um exemplo deste dom vê em At.
2.7-12. Este dom deve ser acompanhado por interpretação de línguas – cf. I CO!4.5,13,
23.
• Semelhança entre línguas como SINAL e como DOM:
Como SINAL: Evidência
Como DOM: o dom de Língua
3. 9º DOM: O DOM DE INTERPRETAÇÃO DE LÍNGUAS:
A habilidade de interpretar no próprio vernáculo, aquilo que foi pronunciado em
línguas;
Devemos ter em conta que o DOM é sobrenatural e não pode ser interpretado pelo
fato de alguém ter aprendido algum idioma humano;
Aqui vemos em foco o que é sobrenatural e não o que é natural.·.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Os 9 dons do espirito santo
Os 9 dons do espirito santoOs 9 dons do espirito santo
Os 9 dons do espirito santo
Revista Shalom
 
Batalha espiritual
Batalha espiritualBatalha espiritual
Batalha espiritual
Adriana Nacif
 
Lição 12 - Dons Espirituais
Lição 12 - Dons EspirituaisLição 12 - Dons Espirituais
Lição 12 - Dons Espirituais
Márcio Pereira
 
Mapeamento espiritual
Mapeamento espiritualMapeamento espiritual
Lição 3 - Dons de Revelação
Lição 3 - Dons de RevelaçãoLição 3 - Dons de Revelação
Lição 3 - Dons de Revelação
Éder Tomé
 
Estudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessãoEstudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessão
Edleusa Silva
 
Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)
Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)
Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)
Éder Tomé
 
Palavra De Conhecimento
Palavra De ConhecimentoPalavra De Conhecimento
Palavra De Conhecimento
Guimizinha
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Éder Tomé
 
Slide dons espirituais
Slide dons espirituaisSlide dons espirituais
Slide dons espirituais
Nayane Oliveira
 
Intercessão no gou
Intercessão no gouIntercessão no gou
Intercessão no gou
Marcos Dias
 
Os 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito SantoOs 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito Santo
Roberto Trindade
 
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
Natalino das Neves Neves
 
Intercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritualIntercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritual
Marcos Fernando Moreira
 
Dons do Espírito Santo
Dons do Espírito SantoDons do Espírito Santo
Dons do Espírito Santo
Rogério Nunes
 
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo EspiritualLição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Éder Tomé
 
Aula #005 sola gratia [2011]
Aula #005   sola gratia [2011]Aula #005   sola gratia [2011]
Aula #005 sola gratia [2011]
TH
 
Projeto Isaque - Dons Espirituais
Projeto Isaque - Dons EspirituaisProjeto Isaque - Dons Espirituais
Projeto Isaque - Dons Espirituais
Ary Queiroz Jr
 
Ebd 2011 lio 2 NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO
Ebd 2011 lio 2   NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTOEbd 2011 lio 2   NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO
Ebd 2011 lio 2 NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO
Igreja Evangélica Assembleia de Deus
 
Lição 6 Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6   Dons que manifestam a sabedoria de DeusLição 6   Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6 Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Sergio Silva
 

Mais procurados (20)

Os 9 dons do espirito santo
Os 9 dons do espirito santoOs 9 dons do espirito santo
Os 9 dons do espirito santo
 
Batalha espiritual
Batalha espiritualBatalha espiritual
Batalha espiritual
 
Lição 12 - Dons Espirituais
Lição 12 - Dons EspirituaisLição 12 - Dons Espirituais
Lição 12 - Dons Espirituais
 
Mapeamento espiritual
Mapeamento espiritualMapeamento espiritual
Mapeamento espiritual
 
Lição 3 - Dons de Revelação
Lição 3 - Dons de RevelaçãoLição 3 - Dons de Revelação
Lição 3 - Dons de Revelação
 
Estudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessãoEstudo sobre intercessão
Estudo sobre intercessão
 
Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)
Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)
Lição 3 - Dons de Revelação (windscreen)
 
Palavra De Conhecimento
Palavra De ConhecimentoPalavra De Conhecimento
Palavra De Conhecimento
 
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindívelLição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
Lição 11 – Discernimento de Espíritos – Um Dom imprescindível
 
Slide dons espirituais
Slide dons espirituaisSlide dons espirituais
Slide dons espirituais
 
Intercessão no gou
Intercessão no gouIntercessão no gou
Intercessão no gou
 
Os 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito SantoOs 9 dons do Espírito Santo
Os 9 dons do Espírito Santo
 
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
 
Intercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritualIntercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritual
 
Dons do Espírito Santo
Dons do Espírito SantoDons do Espírito Santo
Dons do Espírito Santo
 
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo EspiritualLição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
Lição 2 – A Natureza dos Anjos – A Beleza do Mundo Espiritual
 
Aula #005 sola gratia [2011]
Aula #005   sola gratia [2011]Aula #005   sola gratia [2011]
Aula #005 sola gratia [2011]
 
Projeto Isaque - Dons Espirituais
Projeto Isaque - Dons EspirituaisProjeto Isaque - Dons Espirituais
Projeto Isaque - Dons Espirituais
 
Ebd 2011 lio 2 NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO
Ebd 2011 lio 2   NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTOEbd 2011 lio 2   NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO
Ebd 2011 lio 2 NOMES E SÍMBOLOS DO ESPÍRITO SANTO
 
Lição 6 Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6   Dons que manifestam a sabedoria de DeusLição 6   Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6 Dons que manifestam a sabedoria de Deus
 

Destaque

Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016
Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016
Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016
Ayman Naser
 
MOSIN Leaving Testimonial
MOSIN Leaving TestimonialMOSIN Leaving Testimonial
MOSIN Leaving Testimonial
Ang Woon Jiun
 
Axiologia y anomia
Axiologia y anomiaAxiologia y anomia
Axiologia y anomia
daorcusu
 
India travel info
India travel infoIndia travel info
India travel info
incredibleindiatour
 
sheraz_mehmood1
sheraz_mehmood1sheraz_mehmood1
sheraz_mehmood1
sheraz mehmood
 
EW1/002 class review
EW1/002 class reviewEW1/002 class review
EW1/002 class review
hanseojung
 
Don e schultzaa
Don e schultzaaDon e schultzaa
Don e schultzaa
sanjeev_kr
 
estructura-agraria-de-mexico
estructura-agraria-de-mexicoestructura-agraria-de-mexico
estructura-agraria-de-mexico
jose de jesus corrales ocho
 
Ch disc 2
Ch disc 2Ch disc 2
Ch disc 2
David Kummer
 
Prwr625 bizplan billboard
Prwr625 bizplan billboardPrwr625 bizplan billboard
Prwr625 bizplan billboard
keythjones
 
India Travel Information
India Travel InformationIndia Travel Information
India Travel Information
incredibleindiatour
 
Ecuaciones de la forma ax + b = c
Ecuaciones de la forma ax + b = cEcuaciones de la forma ax + b = c
Ecuaciones de la forma ax + b = c
Edu-Nohe Escobar Saquic
 
O espírito santo e a divindade
O espírito santo e a divindadeO espírito santo e a divindade
O espírito santo e a divindade
roberto5costa
 
O cântico dos cânticos
O cântico dos cânticosO cântico dos cânticos
O cântico dos cânticos
Adauto Santos
 
Presentacion
PresentacionPresentacion
Presentacion
lenin1999
 

Destaque (19)

Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016
Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016
Ayman_Naser_CV_updated_Sept_2016
 
MOSIN Leaving Testimonial
MOSIN Leaving TestimonialMOSIN Leaving Testimonial
MOSIN Leaving Testimonial
 
120010001 l0192
120010001 l0192120010001 l0192
120010001 l0192
 
Axiologia y anomia
Axiologia y anomiaAxiologia y anomia
Axiologia y anomia
 
A person
A personA person
A person
 
India travel info
India travel infoIndia travel info
India travel info
 
sheraz_mehmood1
sheraz_mehmood1sheraz_mehmood1
sheraz_mehmood1
 
120010001 l0210
120010001 l0210120010001 l0210
120010001 l0210
 
EW1/002 class review
EW1/002 class reviewEW1/002 class review
EW1/002 class review
 
Don e schultzaa
Don e schultzaaDon e schultzaa
Don e schultzaa
 
120010001 e0048
120010001 e0048120010001 e0048
120010001 e0048
 
estructura-agraria-de-mexico
estructura-agraria-de-mexicoestructura-agraria-de-mexico
estructura-agraria-de-mexico
 
Ch disc 2
Ch disc 2Ch disc 2
Ch disc 2
 
Prwr625 bizplan billboard
Prwr625 bizplan billboardPrwr625 bizplan billboard
Prwr625 bizplan billboard
 
India Travel Information
India Travel InformationIndia Travel Information
India Travel Information
 
Ecuaciones de la forma ax + b = c
Ecuaciones de la forma ax + b = cEcuaciones de la forma ax + b = c
Ecuaciones de la forma ax + b = c
 
O espírito santo e a divindade
O espírito santo e a divindadeO espírito santo e a divindade
O espírito santo e a divindade
 
O cântico dos cânticos
O cântico dos cânticosO cântico dos cânticos
O cântico dos cânticos
 
Presentacion
PresentacionPresentacion
Presentacion
 

Semelhante a missionária help e pastor Ayjalon silva os dons espirituais

ESPÍRITO SANTO Diferença entre Sinis e Dons
ESPÍRITO SANTO  Diferença entre Sinis e Dons ESPÍRITO SANTO  Diferença entre Sinis e Dons
ESPÍRITO SANTO Diferença entre Sinis e Dons
MINISTERIO IPCA.
 
Conheçam os Dons do Espírito Santo.pptx
Conheçam  os Dons do Espírito Santo.pptxConheçam  os Dons do Espírito Santo.pptx
Conheçam os Dons do Espírito Santo.pptx
Claudio Rivelle
 
Dons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdf
Dons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdfDons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdf
Dons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdf
Pecador Confesso
 
Dons do espírito santo 2
Dons do espírito santo 2Dons do espírito santo 2
Dons do espírito santo 2
UEPB
 
Estudo biblico 24 dons espirituais - part2
Estudo biblico 24  dons espirituais - part2Estudo biblico 24  dons espirituais - part2
Estudo biblico 24 dons espirituais - part2
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Dons espirituais
Dons espirituaisDons espirituais
Dons espirituais
Dagmar Wendt
 
Lição 5 - A importância dos dons Espírituais
Lição 5 - A importância dos dons EspírituaisLição 5 - A importância dos dons Espírituais
Lição 5 - A importância dos dons Espírituais
Ailton da Silva
 
Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)
Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)
Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)
Éder Tomé
 
Dons Espirituais 2
Dons Espirituais 2Dons Espirituais 2
Dons Espirituais 2
Jovens Do Caminho
 
Lição 08- A Igreja e Os Dons Espirituais
Lição 08- A Igreja e Os Dons EspirituaisLição 08- A Igreja e Os Dons Espirituais
Lição 08- A Igreja e Os Dons Espirituais
Maxsuel Aquino
 
2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos
2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos
2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos
Natalino das Neves Neves
 
3009615 dons-do-espirito-santo
3009615 dons-do-espirito-santo3009615 dons-do-espirito-santo
3009615 dons-do-espirito-santo
Antonio Ferreira
 
Lição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de DeusLição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Ailton da Silva
 
Dons do espírito santo
Dons do espírito santo Dons do espírito santo
Dons do espírito santo
CarlosMoraes261646
 
Apostila de dons espirituais
Apostila de dons espirituaisApostila de dons espirituais
Apostila de dons espirituais
Rubens Bastos
 
Intercessão
Intercessão Intercessão
Intercessão
Sandra Dias
 
Dons e Ministérios
Dons e MinistériosDons e Ministérios
Dons e Ministérios
Ivan Vargas
 
4° lição 2 trimestre 2014 dons de
4° lição 2 trimestre 2014 dons de4° lição 2 trimestre 2014 dons de
4° lição 2 trimestre 2014 dons de
pralucianaevangelista
 
4º módulo 4ª aula
4º módulo   4ª aula4º módulo   4ª aula
4º módulo 4ª aula
Joel Silva
 
4º módulo 4ª aula
4º módulo   4ª aula4º módulo   4ª aula
4º módulo 4ª aula
Monergista Post
 

Semelhante a missionária help e pastor Ayjalon silva os dons espirituais (20)

ESPÍRITO SANTO Diferença entre Sinis e Dons
ESPÍRITO SANTO  Diferença entre Sinis e Dons ESPÍRITO SANTO  Diferença entre Sinis e Dons
ESPÍRITO SANTO Diferença entre Sinis e Dons
 
Conheçam os Dons do Espírito Santo.pptx
Conheçam  os Dons do Espírito Santo.pptxConheçam  os Dons do Espírito Santo.pptx
Conheçam os Dons do Espírito Santo.pptx
 
Dons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdf
Dons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdfDons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdf
Dons-Espirituais-Ministeriais-Assistenciais.pdf
 
Dons do espírito santo 2
Dons do espírito santo 2Dons do espírito santo 2
Dons do espírito santo 2
 
Estudo biblico 24 dons espirituais - part2
Estudo biblico 24  dons espirituais - part2Estudo biblico 24  dons espirituais - part2
Estudo biblico 24 dons espirituais - part2
 
Dons espirituais
Dons espirituaisDons espirituais
Dons espirituais
 
Lição 5 - A importância dos dons Espírituais
Lição 5 - A importância dos dons EspírituaisLição 5 - A importância dos dons Espírituais
Lição 5 - A importância dos dons Espírituais
 
Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)
Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)
Lição 4 - A Atualidade dos Dons Espirituais (Windscreen)
 
Dons Espirituais 2
Dons Espirituais 2Dons Espirituais 2
Dons Espirituais 2
 
Lição 08- A Igreja e Os Dons Espirituais
Lição 08- A Igreja e Os Dons EspirituaisLição 08- A Igreja e Os Dons Espirituais
Lição 08- A Igreja e Os Dons Espirituais
 
2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos
2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos
2014 2 TRI LIÇÃO 1 - E deu dons aos seres humanos
 
3009615 dons-do-espirito-santo
3009615 dons-do-espirito-santo3009615 dons-do-espirito-santo
3009615 dons-do-espirito-santo
 
Lição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de DeusLição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de Deus
Lição 6 - Dons que manifestam a sabedoria de Deus
 
Dons do espírito santo
Dons do espírito santo Dons do espírito santo
Dons do espírito santo
 
Apostila de dons espirituais
Apostila de dons espirituaisApostila de dons espirituais
Apostila de dons espirituais
 
Intercessão
Intercessão Intercessão
Intercessão
 
Dons e Ministérios
Dons e MinistériosDons e Ministérios
Dons e Ministérios
 
4° lição 2 trimestre 2014 dons de
4° lição 2 trimestre 2014 dons de4° lição 2 trimestre 2014 dons de
4° lição 2 trimestre 2014 dons de
 
4º módulo 4ª aula
4º módulo   4ª aula4º módulo   4ª aula
4º módulo 4ª aula
 
4º módulo 4ª aula
4º módulo   4ª aula4º módulo   4ª aula
4º módulo 4ª aula
 

Último

Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 

Último (14)

Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 

missionária help e pastor Ayjalon silva os dons espirituais

  • 1. DONS ESPIRITUAIS: No contexto bíblico neo-testamentário, o termo dons espirituais refere-se a nove dons dados por Deus aos cristãos, por meio do Espírito Santo, para auxílio na propagação do evangelho de Jesus Cristo e edificação da igreja. Os nove dons são listados na Bíblia, na primeira carta do apóstolo Paulo aos cristãos da igreja de Corinto:
  • 2. 1. DONSSÃO OPERAÇÕES DE DEUS: E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. (I CO 12:6). • Para que são os dons espirituais? Para o aperfeiçoamento dos santos, a ampliação do conhecimento e para chamar a atenção dos incrédulos a Realidade Divina. • Quais os propósitos dos dons espirituais? Edificar a igreja, Promover a pregação do Evangelho, E o aperfeiçoamento dos santos (EF 4.11,12).
  • 3. • Qual a edificação dos Dons? Comunhão (EF 3.16-19); Fortalecimento na fé (I TS 1.3) Santificação (HB 12.14) Humildade (At 3.12-16); Oração (I CO 12.31). • Como é distribuído os Dons? É distribuído individualmente, a cada um, conforme Ele quer (I CO 12.11). Existe o Dom do Pai = o Filho (JO 3.16); Existe o Dom do Filho = o Espírito santo AT 2.1 ss); Existe o dom do Espírito Santo = os 09 dons espirituais (I CO 12.1-11).
  • 4. • A finalidade dos dons: A edificação da igreja – EF 4.7-16; I PE 2.5; I CO 2.9-12; A glorificação do nome de Jesus – I CO 10.4; Adornar a igreja – Gn. 24.15-22; Equipar a igreja – EF 6.10ss • A utilidade dos dons: Útil para nos ensinar verdades espirituais; Útil para o incremento da evangelização; Útil para o crescimento da igreja. • Impedimentos à manifestação dos dons: Incredulidade – EF 2.8; RM 8.32; At. 2.17; Falta de interesse – II TM 1.6; Quando falta: temor, adoração e santidade – PV 8.13; JS 3.5; AT 2.43.
  • 5. 2. EXISTEM TRÊS TIPOS DE DONS: • Dons naturais (recebemos quando nascemos); • Dons Ministeriais - São concedidos apenas aos MINISTROS: São Apóstolos, Profetas, Evangelistas, Pastores e Mestres (EF 4.11). • Dons Espirituais - São DONS DO ESPÍRITO SANTO. São Recursos extraordinários colocados à disposição da IGREJA através do Espírito Santo. Ilustr. Assim como no corpo HUMANO temos cinco sentidos (olfato, visão, tato, paladar e audição), assim também no corpo de CRISTO, na terra tem cinco ministérios: Apóstolos, Profetas, Evangelistas, Pastores e Mestres. Assim como há 09 dons Espirituais, também há 09 frutos do Espírito.
  • 6. I. SÃO TRÊS AS CLASSIFICAÇÕES DOS DONS ESPIRITUAIS? • Dons Revelação – Palavra da Sabedoria, Palavra de Ciência e Discernimentos de espíritos. • Dons de Poder – Fé, dons de curar e Operação de maravilhas. • Dons de Elocução ou inspiração – Profecia, Variedades de Línguas e Interpretação de Línguas. Obs. Não confundir Dons do Espírito com Frutos do Espírito. Os DONS são dados e recebidos e os FRUTOS são criados e produzidos. Os Frutos também são 09: Amor, gozo, paz, Longanimidade, Benignidade, Bondade, Fidelidade, Mansidão e Domínio próprio.
  • 7. 1. Uma vista geral dos dons: • Dons de revelação: Aqueles que concedem poder para saber sobrenaturalmente (MT. 13.11; I CO. 2.10; 9.2); • Dons de poder: Aqueles que concedem poder para agir sobrenaturalmente – At. 6.8; 19.11,12; II CO 10.3-5; 9.3; • Dons de elocução: Aqueles que concederem poder para falar sobrenaturalmente – At. 13.9-12; II Ped. 1.21 II. 1ª CLASSIFICAÇÃO OS DONS: DONS DE REVELAÇÃO: 1. 1º DOM: O DOM DA PALAVRA DE SABEDORIA: Trata-se de uma mensagem vocal sábia, enunciada mediante a operação sobrenatural do Espírito Santo. Tal mensagem aplica a revelação da Palavra de Deus ou a sabedoria do Espírito Santo a uma situação ou problema específico Trata-se de uma enunciação do Espírito Santo aplicando a palavra de Deus, ou a sua sabedoria, a uma determinada situação - At. 6.3,10; 15.13-21; 27.10, 23-24.
  • 8. • Existem três tipos de sabedoria 1º. Satânica – EZ 28.12-17; TG 3.14-16; 2º. Humana – LC 14.28-32; 3º. Divina – I CO 2.6 • A Palavra da Sabedoria no ministério de Jesus: Em sua resposta ao homem avarento – LC 12.13ss; Nas respostas aos seus inimigos – MT 21.25; 22.21,32; Nos acusadores da mulher adultera – JO 8.1ss. 2. 2º DOM: A PALAVRA DA CIÊNCIA, OU DE CONHECIMENTO: Trata-se de uma mensagem vocal, inspirada pelo Espírito Santo, revelando conhecimento a respeito de pessoas, de circunstancias ou de verdades bíblicas. - cf. At. 5.1-10.
  • 9. • DIFERÊNÇA DA PALAVRA DA SABEDORIA E PALAVRA DA CIÊNCIA: O Dom da Palavra da Sabedoria entra em ação através de um indício. Ex. O sonho de Faraó que José interpretou GN 41. A Palavra da Ciência entra em ação SEM INDÍCIO. Ex. o sonho que Daniel interpretou a Nabucodonosor. Teve que contar o sonho e dar a interpretação DN 2:1-49. 3. 3º DOM: O DON DE DISCERNIMENTO DOS ESPÍRITOS: • O que é esse Dom? Capacidade sobrenatural de se discernir a natureza e o caráter dos espíritos; Capacidade especial para julgasse profecias e enunciações proféticas prove do Espírito de Deus; Poder sobrenatural para detectar o domínio dos espíritos e suas atividades; Implica o poder do discernimento espiritual, revelação sobrenatural dos planos e propósitos do inimigo e suas forças.
  • 10. • O que Ele Não É: Não é habilidade para descobrir falha dos outros; Não é leitura de pensamentos; Não tem relação com a psicologia. Vide I JO 4.1-3; AT 8.10-13; LC 13.11-16; MC 9.25; I TM 4.1; AP 13.14; JR 23.21-26 LC 8.29; MT 24.24. III. 2ª CLASSIFICAÇÃO DOS DONS: OS DONS DE PODER 4º DOM: O DOM DA FÉ (11.1) = intervenção Divina para operar o impossível. Uma fé sobrenatural especial, comunicada pelo Espírito Santo, capacitando o crente a crer em Deus para a realização de coisas extraordinárias e milagrosas; Fé sobrenatural comunicada pelo Espírito Santo, capacitando o crente a crer em Deus, para a realização de milagres.
  • 11. • Existe 3 tipos de Fé: Fé natural; Fé salvadora; Fé como um dom do Espírito. • Exemplos específicos: O centurião de cafarnaum – MT. 8.5-13; Um leproso – LC 17.11-19; Dois cegos – MT. 9.27-29; O pai do jovem lunático – LC 9.36-50. 2. 5º DOM: OS DONS DE CURAR: Restauração da saúde de alguém, por meios sobrenaturais divinos. – cf. MT 4.23,24; Jô 6.2; LC 4.40,41, AT 4.30; 5.15,16; 9.32-34; O plural (dons) indica curas de diferentes enfermidades e sugere que cada ato de cura de um dom especial de Deus; Os dons de curas não são concedidos a todos os membros do corpo de Cristo, todavia, todos eles podem orar pelos enfermos.
  • 12. 3. 6º DOM: O DOM DE OPERAÇÃO DE MARAVILHAS: Trata-se de atos sobrenaturais de poder, que intervêm nas leis da natureza; Poder divino sobrenatural para alterar o curso da natureza; Consiste de dois plurais: dunamis (façanhas de grande poder sobrenatural) e energema (resultados eficazes); Esse dom pode estar relacionado à proteção, provisão, expulsão de demônios, alteração de circunstancias ou juízo. • Exemplos específicos: No ministério de Paulo – AT 13.4-12; 19.11; No ministério de Pedro – AT 9.36-43; No ministério de Elias – I RS 17.8-16-24; II RS 1.9-15; No ministério de Eliseu – II RS 4.38-41,42-44; 6.1-7; No ministério de Moisés – EX 15.23-25; NM 16.1-21-33; No ministério de Jesus – JÕ 6.5-14; LC 8.22-25; Outros exemplos: JS 10.12-15; IS 38.1-8; EX 13.17-22.
  • 13. IV. 3ª CLASSIFICAÇÃO OS DONS: DONS DE ELOCUÇÃO OU INSPIRAÇÃO: 1. 7º DOM: O DOM DE PROFECIA: FALA AOS HOMENS - A profecia é o Don mais combatido por todos, inclusive por Satanás que deseja confundir a Igreja e atrapalhar os planos de DEUS para nós. • Existem três tipos de profetas: Do Homem = Alguém fala o que já conhece a respeito da pessoa ou pessoas a que se dirige. De Satanás = Uma mensagem de confusão e muitas vezes de mentiras e distorções da palavra de DEUS. De DEUS = Mensagem de DEUS para a Igreja ou para uma determinada pessoa. • A Finalidade da do Dom de Profecia: Edificação = Fazer com que siga fazendo a Obra de DEUS. Exortação = Fazer com que desperte e anime para fazer a Obra de DEUS. Consolação = Fazer com que a tristeza não abata a pessoa, porque DEUS está presente e assistindo e ajudando em tudo. A profecia não tem elemento preditivo, ou seja, não tem a função de dizer o futuro.
  • 14. 2. 8º DOM: O DOM DE VARIEDADES DE LÍNGUAS: Capacidade sobrenatural de falar uma língua que o próprio falante não entende, para fins de louvor, oração ou transmissão de uma mensagem divina; Variedade é o mesmo que diversidade (subdivisões, baseadas em ligeiras diferenças) obedecendo sempre um mesmo princípio ou fonte. Um exemplo deste dom vê em At. 2.7-12. Este dom deve ser acompanhado por interpretação de línguas – cf. I CO!4.5,13, 23. • Semelhança entre línguas como SINAL e como DOM: Como SINAL: Evidência Como DOM: o dom de Língua 3. 9º DOM: O DOM DE INTERPRETAÇÃO DE LÍNGUAS: A habilidade de interpretar no próprio vernáculo, aquilo que foi pronunciado em línguas; Devemos ter em conta que o DOM é sobrenatural e não pode ser interpretado pelo fato de alguém ter aprendido algum idioma humano; Aqui vemos em foco o que é sobrenatural e não o que é natural.·.