SlideShare uma empresa Scribd logo
MPS.BR – Melhoria de Processo de Software Brasileiro –
                  Vale a pena investir?
                   Antônio Francisco Gomes de Mesquita Filho1

                           Faculdade Piauiense - FAP
                             1

BR 343 Km 7,5 S/N – Bairro Florianópolis – Parnaíba – PI – Brasil, CEP: 64202260 –
                       Tel: (86) 3323-4148 / 3323-3250
                            antoniofilho00@gmail.com

    Abstract. This article presents an overview of the Brazilian project for
    training and improving the software, the MPS-BR, coordinated by SOFTEX.
    Project this coming certify various organizations seeking small to medium
    sized, at an affordable cost, to make them recognized nationally and
    internationally as companies that follow the patterns of the industries of
    software, able to develop quality software.

    Resumo. Este artigo apresenta uma visão geral sobre o projeto brasileiro
    para qualificação e melhoria do software, o MPS-BR, coordenado pela
    SOFTEX. Projeto este que vêm buscando certificar diversas organizações de
    pequeno a médio porte, a um custo acessível, para torná-las reconhecidas
    nacionalmente e internacionalmente como empresas que seguem os padrões
    das indústrias de softwares, aptas a desenvolverem softwares de qualidade.

1. Introdução
Diversas mudanças estão ocorrendo nos ambientes de negócio, o que tem motivado as
empresas a melhorar os seus processos produtivos e suas estruturas organizacionais. O
aumento da competitividade faz com que as organizações busquem a qualidade dos
produtos de software e serviços correlatos, além dos processos de produção e
distribuição. Dessa forma a qualidade é um fator de alta criticidade para o sucesso na
indústria de software.
No Brasil há um baixo investimento das empresas na busca por certificações que
comprovem a qualidade e a maturidade nos processos de software, isso se deve
principalmente pelo alto investimento que deve ser movimentado para essas
certificações, deixando de fora médias e pequenas organizações que não possuem
recursos suficientes para investir.
Em 2003 surgiu no Brasil o Projeto MPS. BR, coordenado pela Associação para
Promoção da Excelência do Software Brasileiro (SOFTEX), que visa tornar os
softwares brasileiros compatíveis com os padrões de qualidades que são exigidos
internacionalmente, tendo como foco em micro, pequenas e médias empresas.

2. Projeto MPS.BR
O projeto está sendo desenvolvido desde dezembro de 2003, é coordenado pela
SOFTEX, contando com o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação
(MCTI), da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), Serviço Brasileiro de Apoio às
Micro e Pequenas Empresas          (SEBRAE)     e   do   Banco   Interamericano   de
Desenvolvimento (BID/FUMIN).
O MPS.BR tem como base definir o nível de maturidade e capacidade dos processos de
desenvolvimento de software e serviços correlatos. Funciona como uma espécie de selo,
indicando o nível de maturidade da empresa. Cada nível possui diversas práticas
associadas que medem o nível de qualidade dos processos. A obtenção dessa
certificação determina que a organização teoricamente possui capacidade de
desenvolver softwares de qualidade, com custos e prazos dentro do estimado, além de
auxiliar no reconhecimento da empresa no âmbito nacional e internacional.




                             Figura 1. Logotipo MPS.BR




3. Detalhamento Geral do Projeto MPS.BR
Um dos objetivos do Projeto MPS.BR é determinar e aprimorar um modelo para
melhoria e   avaliação dos processos e serviços correlatos, tento como preferencia
micro, pequenas e médias empresas, com o intuito de tornar essas organizações
conhecidas nacional e internacionalmente como sendo um modelo aplicável à indústria
de software.
As metas do Programa MPS.BR são:
   1. Criação e aprimoramento de um modelo para melhoria e avaliação dos processos
      e serviços; Capacitação de pessoas através de programas de treinamento, à um
      custo viável; Credenciamento de Instituições Implementadoras (II) e
      Avaliadoras (IA);
   2. Criação e aprimoramento de um Modelo de Negócio para Melhoria de Processo
      de Software (MN-MPS); Implementação do modelo MPS em empresas de
      micro, pequeno e médio porte a um custo viável; Avaliação do modelo nas
      organizações a um custo viável.

4. Descrições do Modelo MPS
O modelo MPS possui três componentes: Modelo de Referência para Melhoria de
Processo de Software (MR-MPS), Método de Avaliação para Melhoria de Processo de
Software (MA-MPS) e Modelo de Negócio para Melhoria de Processo de Software
(MN-MPS), como é possível observar na figura 2.
Figura 2. Modelo MPS.


4.1. MR-MPS (Modelo de Referência para Melhoria do Processo de Software)
O Modelo de Referência possui os requisitos que os processos das unidades
organizacionais devem atender para está de acordo com o MPS (SOFTEX, 2012). O
MR-MPS é definido por níveis de maturidade, sequenciais e acumulativos. Cada um
dos níveis de maturidade é composto por um conjunto de processos em um determinado
nível de capacidade (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006). Um nível de maturidade é
atingido quando os seus resultados, propósitos do processo e atributos relacionados aos
processos são atendidos.
O MR-MPS define sete níveis de maturidade: A (Em Otimização), B (Gerenciado
Quantitativo), C (Definido), D (Largamente Definido), E (Parcialmente Definido), F
(Gerenciado) e G (Parcialmente Gerenciado). O nível G é considerado o mais imaturo
entre os demais e o A o mais maduro. Esses níveis possui um paralelo com os quatro
níveis de maturidade dos estágios definidos pelo CMMI – Capability Maturity Model
Integration (de 2 a 5).

4.2. MA-MPS (Método de Avaliação para Melhoria do Processo de Software)
O Método de Avaliação descreve os processos e os métodos de avaliação do MPS, além
de características de qualificação dos avaliadores e Instituições Avaliadoras (IA). Esses
processos e métodos de avaliação estão de acordo com a norma ISO/IEC 15504-2
[ISO/IEC, 2003] e atende aos requisitos do Programa MPS.
O processo de avaliação é composto por quatro subprocessos (SOARES, TEIXEIRA, et
al., 2010):
   •   Contratar a avaliação;
   •   Preparar a realização da avaliação;
   •   Realizar a avaliação;
   •   Documentar os resultados da avaliação.

4.3. MN-MPS (Modelo de Negócio para Melhoria do Processo de Software)
O Modelo de Negócio tem como função descrever as regras de negócio para
implementação do Modelo de Referência (MR-MPS) pelas Instituições
Implementadoras, avaliação seguindo o Método de Avaliação (MA-MPS) pelas
Instituições Avaliadoras, organização de grupos de empresas pelas Instituições
Organizadoras de Grupos de Empresas para implementação e avaliação do MR-MPS,
certificação de Consultores de Aquisição e programas anuais para treinamento do MPS
(SOFTEX, 2012).
O MN-MPS compreende (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006):
   •   Modelo de Negócio Cooperado (MNC-MPS), para micro, pequenas e médias
       empresas que buscam melhorar seus processos de software;
   •   Modelo de Negócio Específico (MNE-MP), para empresas de qualquer porte
       que não querem compartilhar nenhuma de suas melhorias de processos de
       software.

5. Conclusão
Esse artigo apresentou uma breve descrição sobre o Projeto MPS.BR, um programa
bastante promissor para o progresso da melhoria do software brasileiro, dando a
oportunidade para empresas de pequeno e médio porte ganhar destaque no âmbito
nacional e internacional. Além de unir os esforços de pessoas, instituições, governo e
organizações interessadas para a melhoria da qualidade do software em todas as regiões
do Brasil.
O projeto apresenta grandes diferenciais que o caracterizam, como os níveis de
maturidade que permitem uma implementação de forma gradual e adequada a realidade
das micro, pequenas e médias organizações, além disso, é um modelo totalmente
adaptado a realidade brasileira, compatíveis com as normas ISO/IEC 12207, ISO/IEC
155504 e CMMI.

Referências
SILVEIRA, A. R. D. Melhoria de Processos do Software Brasileiro - MPS.br. Oficina
  da               Net,              2012.              Disponivel             em:
  <http://www.oficinadanet.com.br/artigo/desenvolvimento/melhoria-de-processos-do-
  software-brasileiro--mpsbr>. Acesso em: 12 fev. 2013.
SOARES, et al. Visão Geral do Projeto MPS.BR. Faculdade de Ciências da
  Computação de Cataguases. Cataguases, p. 12. 2010.
SOFTEX. MPS - Guia Geral MPS de Serviços. ASSOCIAÇÃO PARA PROMOÇÃO
  DA EXCELÊNCIA DO SOFTWARE BRASILEIRO – SOFTEX. [S.l.], p. 59. 2012.
WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um
 Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em:
 <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12
 fev. 2013.
WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um
 Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em:
 <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12
 fev. 2013.
Instituições Avaliadoras, organização de grupos de empresas pelas Instituições
Organizadoras de Grupos de Empresas para implementação e avaliação do MR-MPS,
certificação de Consultores de Aquisição e programas anuais para treinamento do MPS
(SOFTEX, 2012).
O MN-MPS compreende (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006):
   •   Modelo de Negócio Cooperado (MNC-MPS), para micro, pequenas e médias
       empresas que buscam melhorar seus processos de software;
   •   Modelo de Negócio Específico (MNE-MP), para empresas de qualquer porte
       que não querem compartilhar nenhuma de suas melhorias de processos de
       software.

5. Conclusão
Esse artigo apresentou uma breve descrição sobre o Projeto MPS.BR, um programa
bastante promissor para o progresso da melhoria do software brasileiro, dando a
oportunidade para empresas de pequeno e médio porte ganhar destaque no âmbito
nacional e internacional. Além de unir os esforços de pessoas, instituições, governo e
organizações interessadas para a melhoria da qualidade do software em todas as regiões
do Brasil.
O projeto apresenta grandes diferenciais que o caracterizam, como os níveis de
maturidade que permitem uma implementação de forma gradual e adequada a realidade
das micro, pequenas e médias organizações, além disso, é um modelo totalmente
adaptado a realidade brasileira, compatíveis com as normas ISO/IEC 12207, ISO/IEC
155504 e CMMI.

Referências
SILVEIRA, A. R. D. Melhoria de Processos do Software Brasileiro - MPS.br. Oficina
  da               Net,              2012.              Disponivel             em:
  <http://www.oficinadanet.com.br/artigo/desenvolvimento/melhoria-de-processos-do-
  software-brasileiro--mpsbr>. Acesso em: 12 fev. 2013.
SOARES, et al. Visão Geral do Projeto MPS.BR. Faculdade de Ciências da
  Computação de Cataguases. Cataguases, p. 12. 2010.
SOFTEX. MPS - Guia Geral MPS de Serviços. ASSOCIAÇÃO PARA PROMOÇÃO
  DA EXCELÊNCIA DO SOFTWARE BRASILEIRO – SOFTEX. [S.l.], p. 59. 2012.
WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um
 Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em:
 <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12
 fev. 2013.
WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um
 Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em:
 <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12
 fev. 2013.
Instituições Avaliadoras, organização de grupos de empresas pelas Instituições
Organizadoras de Grupos de Empresas para implementação e avaliação do MR-MPS,
certificação de Consultores de Aquisição e programas anuais para treinamento do MPS
(SOFTEX, 2012).
O MN-MPS compreende (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006):
   •   Modelo de Negócio Cooperado (MNC-MPS), para micro, pequenas e médias
       empresas que buscam melhorar seus processos de software;
   •   Modelo de Negócio Específico (MNE-MP), para empresas de qualquer porte
       que não querem compartilhar nenhuma de suas melhorias de processos de
       software.

5. Conclusão
Esse artigo apresentou uma breve descrição sobre o Projeto MPS.BR, um programa
bastante promissor para o progresso da melhoria do software brasileiro, dando a
oportunidade para empresas de pequeno e médio porte ganhar destaque no âmbito
nacional e internacional. Além de unir os esforços de pessoas, instituições, governo e
organizações interessadas para a melhoria da qualidade do software em todas as regiões
do Brasil.
O projeto apresenta grandes diferenciais que o caracterizam, como os níveis de
maturidade que permitem uma implementação de forma gradual e adequada a realidade
das micro, pequenas e médias organizações, além disso, é um modelo totalmente
adaptado a realidade brasileira, compatíveis com as normas ISO/IEC 12207, ISO/IEC
155504 e CMMI.

Referências
SILVEIRA, A. R. D. Melhoria de Processos do Software Brasileiro - MPS.br. Oficina
  da               Net,              2012.              Disponivel             em:
  <http://www.oficinadanet.com.br/artigo/desenvolvimento/melhoria-de-processos-do-
  software-brasileiro--mpsbr>. Acesso em: 12 fev. 2013.
SOARES, et al. Visão Geral do Projeto MPS.BR. Faculdade de Ciências da
  Computação de Cataguases. Cataguases, p. 12. 2010.
SOFTEX. MPS - Guia Geral MPS de Serviços. ASSOCIAÇÃO PARA PROMOÇÃO
  DA EXCELÊNCIA DO SOFTWARE BRASILEIRO – SOFTEX. [S.l.], p. 59. 2012.
WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um
 Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em:
 <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12
 fev. 2013.
WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um
 Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em:
 <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12
 fev. 2013.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

MPS.BR Lições Aprendidas
MPS.BR Lições AprendidasMPS.BR Lições Aprendidas
MPS.BR Lições Aprendidas
Gorio Eduardo
 
TCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BR
TCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BRTCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BR
TCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BR
Edimar Ramos
 
Melhoria de processos do software brasileiro
Melhoria de processos do software brasileiroMelhoria de processos do software brasileiro
Melhoria de processos do software brasileiro
ingrid_fatec
 
MPS.BR
MPS.BRMPS.BR
MPS.BR - Melhoria do processo de Software Brasileiro
MPS.BR - Melhoria do processo de Software BrasileiroMPS.BR - Melhoria do processo de Software Brasileiro
MPS.BR - Melhoria do processo de Software Brasileiro
Paulo Henrique de Sousa
 
Slide sobre o estudo do MPS.BR
Slide sobre o estudo do MPS.BRSlide sobre o estudo do MPS.BR
Slide sobre o estudo do MPS.BR
laisgrazielly
 
Mps.br
Mps.brMps.br
Mps.br
ShindyOki
 
Projetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinal
Projetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinalProjetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinal
Projetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinal
julio vidal
 
Mpsbr
MpsbrMpsbr
56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos
56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos
56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos
Vinícius Vieira
 
MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...
MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...
MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...
Adson Wendel
 
Renan st matsushita-2010
Renan st matsushita-2010Renan st matsushita-2010
Renan st matsushita-2010
Janiel Medeiros
 
Programas Customizados FDC
Programas Customizados FDCProgramas Customizados FDC
Programas Customizados FDC
Fundação Dom Cabral - FDC
 
MPS.BR
MPS.BRMPS.BR
Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2
Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2
Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2
Urique Hoffmann
 
PMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de Projetos
PMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de ProjetosPMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de Projetos
PMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de Projetos
Urique Hoffmann
 
Trabalho pi i grupo 26 - ok
Trabalho pi i   grupo 26 - okTrabalho pi i   grupo 26 - ok
Trabalho pi i grupo 26 - ok
julio vidal
 
e-Qualifique - Institucional
e-Qualifique - Institucionale-Qualifique - Institucional
e-Qualifique - Institucional
cesargduro
 

Mais procurados (18)

MPS.BR Lições Aprendidas
MPS.BR Lições AprendidasMPS.BR Lições Aprendidas
MPS.BR Lições Aprendidas
 
TCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BR
TCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BRTCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BR
TCC - Estudo de caso: Implantação do Modelo MPS.BR
 
Melhoria de processos do software brasileiro
Melhoria de processos do software brasileiroMelhoria de processos do software brasileiro
Melhoria de processos do software brasileiro
 
MPS.BR
MPS.BRMPS.BR
MPS.BR
 
MPS.BR - Melhoria do processo de Software Brasileiro
MPS.BR - Melhoria do processo de Software BrasileiroMPS.BR - Melhoria do processo de Software Brasileiro
MPS.BR - Melhoria do processo de Software Brasileiro
 
Slide sobre o estudo do MPS.BR
Slide sobre o estudo do MPS.BRSlide sobre o estudo do MPS.BR
Slide sobre o estudo do MPS.BR
 
Mps.br
Mps.brMps.br
Mps.br
 
Projetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinal
Projetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinalProjetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinal
Projetointegrador3 terceiro semestre - juliovidal versaofinal
 
Mpsbr
MpsbrMpsbr
Mpsbr
 
56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos
56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos
56600840 avaliacao-da-maturidade-em-gerenciamento-de-projetos
 
MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...
MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...
MELHORIA DE PROCESSO DE SOFTWARE BRASILEIRO APLICADO NO NÍVEL DE MATURIDADE F...
 
Renan st matsushita-2010
Renan st matsushita-2010Renan st matsushita-2010
Renan st matsushita-2010
 
Programas Customizados FDC
Programas Customizados FDCProgramas Customizados FDC
Programas Customizados FDC
 
MPS.BR
MPS.BRMPS.BR
MPS.BR
 
Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2
Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2
Projeto de Software - PIC Eletrônico - Gerência de Projetos UFAM 2012/2
 
PMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de Projetos
PMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de ProjetosPMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de Projetos
PMBOK & RUP - UFAM 2012/2 - Gerência de Projetos
 
Trabalho pi i grupo 26 - ok
Trabalho pi i   grupo 26 - okTrabalho pi i   grupo 26 - ok
Trabalho pi i grupo 26 - ok
 
e-Qualifique - Institucional
e-Qualifique - Institucionale-Qualifique - Institucional
e-Qualifique - Institucional
 

Semelhante a MPS.BR - Melhoria de Processos do Software Brasileiro

MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...
MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O  MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O  MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...
MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...
Adson Wendel
 
Modelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação paraModelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação para
qualityquality
 
Modelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação paraModelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação para
qualityquality
 
Mps br final - mps
Mps br final - mpsMps br final - mps
Mps br final - mps
Edvaldo Cruz
 
Apresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).ppt
Apresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).pptApresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).ppt
Apresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).ppt
DETUDOUMPOUCO42
 
Gerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em software
Gerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em softwareGerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em software
Gerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em software
elliando dias
 
PROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL G
PROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL GPROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL G
PROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL G
jrnavarro
 
Implementacao Grupos Empresas Gisele Villas Boas
Implementacao Grupos Empresas Gisele Villas BoasImplementacao Grupos Empresas Gisele Villas Boas
Implementacao Grupos Empresas Gisele Villas Boas
Cristina Cerdeiral
 
Mps-br gerencia de decisões
Mps-br gerencia de  decisõesMps-br gerencia de  decisões
Mps-br gerencia de decisões
dionilson lemos
 
O Modelo mps.Br
O Modelo mps.BrO Modelo mps.Br
O Modelo mps.Br
Alessandro Almeida
 
Qualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa Certificada
Qualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa CertificadaQualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa Certificada
Qualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa Certificada
Vinicius_Nunes
 
Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR
Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR
Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR
Devmedia
 
Cmmi e mps.Br
Cmmi e mps.BrCmmi e mps.Br
Cmmi e mps.Br
Jefferson Bessa
 
Gerenciamento da Qualidade de Software 2.pptx
Gerenciamento da Qualidade de Software 2.pptxGerenciamento da Qualidade de Software 2.pptx
Gerenciamento da Qualidade de Software 2.pptx
Roberto Nunes
 
Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...
Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...
Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...
Maicon Zerbielli
 
Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...
Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...
Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...
Juliano Oliveira
 
Currículo Português
Currículo PortuguêsCurrículo Português
Currículo Português
Eliany Marques
 
Engenharia de software apostila analise de requisitos ii
Engenharia de software   apostila analise de requisitos iiEngenharia de software   apostila analise de requisitos ii
Engenharia de software apostila analise de requisitos ii
robinhoct
 
Tcc -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...
Tcc  -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...Tcc  -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...
Tcc -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...
Hiram Costa-Silva
 
Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...
Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...
Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...
Diógenes Almeida
 

Semelhante a MPS.BR - Melhoria de Processos do Software Brasileiro (20)

MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...
MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O  MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O  MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...
MAPEAMENTO ENTRE A METODOLOGIA ÁGIL FDD E O MODELO DE QUALIDADE MPS.BR NOS N...
 
Modelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação paraModelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação para
 
Modelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação paraModelo de referência e método de avaliação para
Modelo de referência e método de avaliação para
 
Mps br final - mps
Mps br final - mpsMps br final - mps
Mps br final - mps
 
Apresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).ppt
Apresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).pptApresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).ppt
Apresentação-07JUN10-MPS.BR-SBQS-2010 (1).ppt
 
Gerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em software
Gerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em softwareGerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em software
Gerenciamento de projetos, MPS.BR e qualidade em software
 
PROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL G
PROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL GPROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL G
PROPOSTA DE ADAPTAÇÃO DAS PRÁTICAS DO SCRUM PARA O MPS.BR NIVEL G
 
Implementacao Grupos Empresas Gisele Villas Boas
Implementacao Grupos Empresas Gisele Villas BoasImplementacao Grupos Empresas Gisele Villas Boas
Implementacao Grupos Empresas Gisele Villas Boas
 
Mps-br gerencia de decisões
Mps-br gerencia de  decisõesMps-br gerencia de  decisões
Mps-br gerencia de decisões
 
O Modelo mps.Br
O Modelo mps.BrO Modelo mps.Br
O Modelo mps.Br
 
Qualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa Certificada
Qualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa CertificadaQualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa Certificada
Qualidade de Software e normas ISO 15504, 12207, MPS.BR e Empresa Certificada
 
Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR
Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR
Maturidade no desenvolvimento de software: CMMI e MPS-BR
 
Cmmi e mps.Br
Cmmi e mps.BrCmmi e mps.Br
Cmmi e mps.Br
 
Gerenciamento da Qualidade de Software 2.pptx
Gerenciamento da Qualidade de Software 2.pptxGerenciamento da Qualidade de Software 2.pptx
Gerenciamento da Qualidade de Software 2.pptx
 
Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...
Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...
Desenvolvimento de um microprocesso utilizando métricas e indicadores como a...
 
Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...
Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...
Proposta TCC - METODOLOGIA SCRUM APLICADA AOS PROCESSOS DE GERÊNCIA E DESENVO...
 
Currículo Português
Currículo PortuguêsCurrículo Português
Currículo Português
 
Engenharia de software apostila analise de requisitos ii
Engenharia de software   apostila analise de requisitos iiEngenharia de software   apostila analise de requisitos ii
Engenharia de software apostila analise de requisitos ii
 
Tcc -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...
Tcc  -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...Tcc  -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...
Tcc -aplicação de metodologias de gerenciamento de projetos em empresas de d...
 
Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...
Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...
Proposta De Um Protótipo Para Avaliação Da Maturidade em Gestão Da Inovação D...
 

MPS.BR - Melhoria de Processos do Software Brasileiro

  • 1. MPS.BR – Melhoria de Processo de Software Brasileiro – Vale a pena investir? Antônio Francisco Gomes de Mesquita Filho1 Faculdade Piauiense - FAP 1 BR 343 Km 7,5 S/N – Bairro Florianópolis – Parnaíba – PI – Brasil, CEP: 64202260 – Tel: (86) 3323-4148 / 3323-3250 antoniofilho00@gmail.com Abstract. This article presents an overview of the Brazilian project for training and improving the software, the MPS-BR, coordinated by SOFTEX. Project this coming certify various organizations seeking small to medium sized, at an affordable cost, to make them recognized nationally and internationally as companies that follow the patterns of the industries of software, able to develop quality software. Resumo. Este artigo apresenta uma visão geral sobre o projeto brasileiro para qualificação e melhoria do software, o MPS-BR, coordenado pela SOFTEX. Projeto este que vêm buscando certificar diversas organizações de pequeno a médio porte, a um custo acessível, para torná-las reconhecidas nacionalmente e internacionalmente como empresas que seguem os padrões das indústrias de softwares, aptas a desenvolverem softwares de qualidade. 1. Introdução Diversas mudanças estão ocorrendo nos ambientes de negócio, o que tem motivado as empresas a melhorar os seus processos produtivos e suas estruturas organizacionais. O aumento da competitividade faz com que as organizações busquem a qualidade dos produtos de software e serviços correlatos, além dos processos de produção e distribuição. Dessa forma a qualidade é um fator de alta criticidade para o sucesso na indústria de software. No Brasil há um baixo investimento das empresas na busca por certificações que comprovem a qualidade e a maturidade nos processos de software, isso se deve principalmente pelo alto investimento que deve ser movimentado para essas certificações, deixando de fora médias e pequenas organizações que não possuem recursos suficientes para investir. Em 2003 surgiu no Brasil o Projeto MPS. BR, coordenado pela Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (SOFTEX), que visa tornar os softwares brasileiros compatíveis com os padrões de qualidades que são exigidos internacionalmente, tendo como foco em micro, pequenas e médias empresas. 2. Projeto MPS.BR O projeto está sendo desenvolvido desde dezembro de 2003, é coordenado pela SOFTEX, contando com o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), Serviço Brasileiro de Apoio às
  • 2. Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID/FUMIN). O MPS.BR tem como base definir o nível de maturidade e capacidade dos processos de desenvolvimento de software e serviços correlatos. Funciona como uma espécie de selo, indicando o nível de maturidade da empresa. Cada nível possui diversas práticas associadas que medem o nível de qualidade dos processos. A obtenção dessa certificação determina que a organização teoricamente possui capacidade de desenvolver softwares de qualidade, com custos e prazos dentro do estimado, além de auxiliar no reconhecimento da empresa no âmbito nacional e internacional. Figura 1. Logotipo MPS.BR 3. Detalhamento Geral do Projeto MPS.BR Um dos objetivos do Projeto MPS.BR é determinar e aprimorar um modelo para melhoria e avaliação dos processos e serviços correlatos, tento como preferencia micro, pequenas e médias empresas, com o intuito de tornar essas organizações conhecidas nacional e internacionalmente como sendo um modelo aplicável à indústria de software. As metas do Programa MPS.BR são: 1. Criação e aprimoramento de um modelo para melhoria e avaliação dos processos e serviços; Capacitação de pessoas através de programas de treinamento, à um custo viável; Credenciamento de Instituições Implementadoras (II) e Avaliadoras (IA); 2. Criação e aprimoramento de um Modelo de Negócio para Melhoria de Processo de Software (MN-MPS); Implementação do modelo MPS em empresas de micro, pequeno e médio porte a um custo viável; Avaliação do modelo nas organizações a um custo viável. 4. Descrições do Modelo MPS O modelo MPS possui três componentes: Modelo de Referência para Melhoria de Processo de Software (MR-MPS), Método de Avaliação para Melhoria de Processo de Software (MA-MPS) e Modelo de Negócio para Melhoria de Processo de Software (MN-MPS), como é possível observar na figura 2.
  • 3. Figura 2. Modelo MPS. 4.1. MR-MPS (Modelo de Referência para Melhoria do Processo de Software) O Modelo de Referência possui os requisitos que os processos das unidades organizacionais devem atender para está de acordo com o MPS (SOFTEX, 2012). O MR-MPS é definido por níveis de maturidade, sequenciais e acumulativos. Cada um dos níveis de maturidade é composto por um conjunto de processos em um determinado nível de capacidade (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006). Um nível de maturidade é atingido quando os seus resultados, propósitos do processo e atributos relacionados aos processos são atendidos. O MR-MPS define sete níveis de maturidade: A (Em Otimização), B (Gerenciado Quantitativo), C (Definido), D (Largamente Definido), E (Parcialmente Definido), F (Gerenciado) e G (Parcialmente Gerenciado). O nível G é considerado o mais imaturo entre os demais e o A o mais maduro. Esses níveis possui um paralelo com os quatro níveis de maturidade dos estágios definidos pelo CMMI – Capability Maturity Model Integration (de 2 a 5). 4.2. MA-MPS (Método de Avaliação para Melhoria do Processo de Software) O Método de Avaliação descreve os processos e os métodos de avaliação do MPS, além de características de qualificação dos avaliadores e Instituições Avaliadoras (IA). Esses processos e métodos de avaliação estão de acordo com a norma ISO/IEC 15504-2 [ISO/IEC, 2003] e atende aos requisitos do Programa MPS. O processo de avaliação é composto por quatro subprocessos (SOARES, TEIXEIRA, et al., 2010): • Contratar a avaliação; • Preparar a realização da avaliação; • Realizar a avaliação; • Documentar os resultados da avaliação. 4.3. MN-MPS (Modelo de Negócio para Melhoria do Processo de Software) O Modelo de Negócio tem como função descrever as regras de negócio para implementação do Modelo de Referência (MR-MPS) pelas Instituições Implementadoras, avaliação seguindo o Método de Avaliação (MA-MPS) pelas
  • 4. Instituições Avaliadoras, organização de grupos de empresas pelas Instituições Organizadoras de Grupos de Empresas para implementação e avaliação do MR-MPS, certificação de Consultores de Aquisição e programas anuais para treinamento do MPS (SOFTEX, 2012). O MN-MPS compreende (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006): • Modelo de Negócio Cooperado (MNC-MPS), para micro, pequenas e médias empresas que buscam melhorar seus processos de software; • Modelo de Negócio Específico (MNE-MP), para empresas de qualquer porte que não querem compartilhar nenhuma de suas melhorias de processos de software. 5. Conclusão Esse artigo apresentou uma breve descrição sobre o Projeto MPS.BR, um programa bastante promissor para o progresso da melhoria do software brasileiro, dando a oportunidade para empresas de pequeno e médio porte ganhar destaque no âmbito nacional e internacional. Além de unir os esforços de pessoas, instituições, governo e organizações interessadas para a melhoria da qualidade do software em todas as regiões do Brasil. O projeto apresenta grandes diferenciais que o caracterizam, como os níveis de maturidade que permitem uma implementação de forma gradual e adequada a realidade das micro, pequenas e médias organizações, além disso, é um modelo totalmente adaptado a realidade brasileira, compatíveis com as normas ISO/IEC 12207, ISO/IEC 155504 e CMMI. Referências SILVEIRA, A. R. D. Melhoria de Processos do Software Brasileiro - MPS.br. Oficina da Net, 2012. Disponivel em: <http://www.oficinadanet.com.br/artigo/desenvolvimento/melhoria-de-processos-do- software-brasileiro--mpsbr>. Acesso em: 12 fev. 2013. SOARES, et al. Visão Geral do Projeto MPS.BR. Faculdade de Ciências da Computação de Cataguases. Cataguases, p. 12. 2010. SOFTEX. MPS - Guia Geral MPS de Serviços. ASSOCIAÇÃO PARA PROMOÇÃO DA EXCELÊNCIA DO SOFTWARE BRASILEIRO – SOFTEX. [S.l.], p. 59. 2012. WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em: <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12 fev. 2013. WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em: <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12 fev. 2013.
  • 5. Instituições Avaliadoras, organização de grupos de empresas pelas Instituições Organizadoras de Grupos de Empresas para implementação e avaliação do MR-MPS, certificação de Consultores de Aquisição e programas anuais para treinamento do MPS (SOFTEX, 2012). O MN-MPS compreende (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006): • Modelo de Negócio Cooperado (MNC-MPS), para micro, pequenas e médias empresas que buscam melhorar seus processos de software; • Modelo de Negócio Específico (MNE-MP), para empresas de qualquer porte que não querem compartilhar nenhuma de suas melhorias de processos de software. 5. Conclusão Esse artigo apresentou uma breve descrição sobre o Projeto MPS.BR, um programa bastante promissor para o progresso da melhoria do software brasileiro, dando a oportunidade para empresas de pequeno e médio porte ganhar destaque no âmbito nacional e internacional. Além de unir os esforços de pessoas, instituições, governo e organizações interessadas para a melhoria da qualidade do software em todas as regiões do Brasil. O projeto apresenta grandes diferenciais que o caracterizam, como os níveis de maturidade que permitem uma implementação de forma gradual e adequada a realidade das micro, pequenas e médias organizações, além disso, é um modelo totalmente adaptado a realidade brasileira, compatíveis com as normas ISO/IEC 12207, ISO/IEC 155504 e CMMI. Referências SILVEIRA, A. R. D. Melhoria de Processos do Software Brasileiro - MPS.br. Oficina da Net, 2012. Disponivel em: <http://www.oficinadanet.com.br/artigo/desenvolvimento/melhoria-de-processos-do- software-brasileiro--mpsbr>. Acesso em: 12 fev. 2013. SOARES, et al. Visão Geral do Projeto MPS.BR. Faculdade de Ciências da Computação de Cataguases. Cataguases, p. 12. 2010. SOFTEX. MPS - Guia Geral MPS de Serviços. ASSOCIAÇÃO PARA PROMOÇÃO DA EXCELÊNCIA DO SOFTWARE BRASILEIRO – SOFTEX. [S.l.], p. 59. 2012. WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em: <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12 fev. 2013. WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em: <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12 fev. 2013.
  • 6. Instituições Avaliadoras, organização de grupos de empresas pelas Instituições Organizadoras de Grupos de Empresas para implementação e avaliação do MR-MPS, certificação de Consultores de Aquisição e programas anuais para treinamento do MPS (SOFTEX, 2012). O MN-MPS compreende (WEBER, ARAÚJO, et al., 2006): • Modelo de Negócio Cooperado (MNC-MPS), para micro, pequenas e médias empresas que buscam melhorar seus processos de software; • Modelo de Negócio Específico (MNE-MP), para empresas de qualquer porte que não querem compartilhar nenhuma de suas melhorias de processos de software. 5. Conclusão Esse artigo apresentou uma breve descrição sobre o Projeto MPS.BR, um programa bastante promissor para o progresso da melhoria do software brasileiro, dando a oportunidade para empresas de pequeno e médio porte ganhar destaque no âmbito nacional e internacional. Além de unir os esforços de pessoas, instituições, governo e organizações interessadas para a melhoria da qualidade do software em todas as regiões do Brasil. O projeto apresenta grandes diferenciais que o caracterizam, como os níveis de maturidade que permitem uma implementação de forma gradual e adequada a realidade das micro, pequenas e médias organizações, além disso, é um modelo totalmente adaptado a realidade brasileira, compatíveis com as normas ISO/IEC 12207, ISO/IEC 155504 e CMMI. Referências SILVEIRA, A. R. D. Melhoria de Processos do Software Brasileiro - MPS.br. Oficina da Net, 2012. Disponivel em: <http://www.oficinadanet.com.br/artigo/desenvolvimento/melhoria-de-processos-do- software-brasileiro--mpsbr>. Acesso em: 12 fev. 2013. SOARES, et al. Visão Geral do Projeto MPS.BR. Faculdade de Ciências da Computação de Cataguases. Cataguases, p. 12. 2010. SOFTEX. MPS - Guia Geral MPS de Serviços. ASSOCIAÇÃO PARA PROMOÇÃO DA EXCELÊNCIA DO SOFTWARE BRASILEIRO – SOFTEX. [S.l.], p. 59. 2012. WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em: <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12 fev. 2013. WEBER, K. et al. Melhoria de Processo do Software Brasileiro (MPS.BR): um Programa Mobilizador. http: //www.softex.br/portal/, p. 10, 2006. Disponivel em: <http://www.softex.br/portal/softexweb/uploadDocuments/26.pdf>. Acesso em: 12 fev. 2013.