SlideShare uma empresa Scribd logo
Universidade Camilo Castelo Branco

Maus-tratos Infantil
Alexandre Ferreira Costa

RA 1221701-4

Bruna Carolina
César José da Silva
Lais Borges
Lilian Miranda

RA 1218448-7
RA 1306048-8
RA 1222170-7
RA 1221349-2

Luciane dos Santos Alves
Vinicius L.

RA 1221708-9
RA 1305227-9
 Artigo 70: É dever de todos prevenir a ocorrência de

ameaça ou violação dos direitos das crianças e do
adolescente.
 Artigo 245: Deixar o médico, professor ou responsável, por

estabelecimento de atenção a saúde e de ensino
fundamental, pré-escola, ou creche, de comunicar a
autoridade competente os casos de que tenha
conhecimento, envolvendo suspeita ou confirmação de
maus tratos contra crianças ou adolescente.
 Pena: Multa de três e vinte salários, de referencia aplicando

se dobro em caso de reincidência.
Alguns sinais, sintomas e indicadores de negligência
 Carência na Higienização;
 Vestuário desadequado em relação à estação do ano e lesões consequentes de

exposições climáticas adversas;
 Inexistência de Rotina (Alimentação e ciclo de sono);
 Hematomas outras lesões inexplicadas;
 Acidentes frequentes por falta de surpervição;
 Intoxicações e acidentes de repetição.
Alguns sinais e sintomas:

Puxão dos cabelos, trauma no
couro cabeludo.

Criança amarrada e
amordaçada.

Síndrome da criança sacudida, possibilidades de Hemorragia Intra-craniana

Marcas de cordas amarradas no pulso.

Agressões por fio
elétrico, corda, cinto e fivelas dos
cintos.

As queimaduras por utensílios domésticos aquecidos
como garfos, facas, colheres são freqüentes.

A cabeça é das regiões do
corpo uma das que mais sofre
agressões..
Queimadura por imersão da mão em água fervendo,
praticada pela própria mãe.

Recém nascido esfaqueado pelo próprio
pai e abandonado em estação de metrô.

Criança colocada em bacia com água
fervendo, propositadamente, pela família
como castigo.

Boca queimada por descarga de fio elétrico pelo próprio pai.

Queimadura por ferro elétrico causada pelo pai.
Alguns sinais e sintomas:
 Comportamento Agressivo;
 Dificuldade em relações afetiva Interpessoais;
 Perturbações do comportamento Pessoal;
 Choro Incontrolável no 1º ano de vida;
 Comportamento ou ideação suicida.
Alguns sinais, sintomas:
 Lesões Externa nos órgãos genitais;
 Dor e Edema na região vaginal ou anal
 Lesões no pênis ou região escrotal
 Infecções de transmissão sexual;
Foi realizado um estudo quantitativo, descritivo e de corte transversal, realizado com
acadêmicos de Odontologia do quarto e quinto ano da
Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).
 Contusões,
 Lacerações dos lábios e da língua;
 Mucosa bucal,
 Palato (duro e mole),
 Gengiva alveolar e freios labial e lingual;
 Desvio de abertura bucal ;
 Presença de escaras e machucados nos cantos da boca,
 Queimaduras nessa região;
 Equimoses na bochechas.
 Devem, diante de suspeita de maus-tratos em crianças e

adolescentes, notificar por meio de ofício aos Conselhos
tutelares e , na ausências destes, comunicar ao Juizado da
Infância e Juventude, notificar a ocorrência à autoridade
policial e solicitar o guia de encaminhamento da criança a
exame de corpo de delito.
 O CD possui a responsabilidade ético-legal de denunciar
casos graves de violência por meio da notificação e com
sigilo profissional;
 A documentação odontológica pode ser utilizada para
subsidiar uma avaliação pericial ou um processo judicial.
O que me preocupa não é o grito dos maus,
É silêncio dos bons.

!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Violencia na infância - Abuso sexual
Violencia na infância - Abuso sexual Violencia na infância - Abuso sexual
Violencia na infância - Abuso sexual
blogped1
 
Acidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infânciaAcidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infância
WAGNER OLIVEIRA
 
Violência infantil
Violência infantilViolência infantil
Violência infantil
Beatriz Miranda
 
Atendimento e cuidados com pacientes diabéticos
Atendimento e cuidados com pacientes diabéticosAtendimento e cuidados com pacientes diabéticos
Atendimento e cuidados com pacientes diabéticos
Oyara Mello
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Diabetes
guest30e4af
 
Maus tratos
Maus tratosMaus tratos
Maus tratos
Strindade
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Alinebrauna Brauna
 
urgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdf
urgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdfurgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdf
urgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdf
RickAugusto1
 
Prevenção violência contra crianças e adolescentes
Prevenção violência contra crianças e adolescentesPrevenção violência contra crianças e adolescentes
Prevenção violência contra crianças e adolescentes
Eliane Carmo
 
Diabetes Tipo 1
Diabetes Tipo 1Diabetes Tipo 1
Slides Primeiros Socorros
Slides Primeiros SocorrosSlides Primeiros Socorros
Slides Primeiros Socorros
Oberlania Alves
 
Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!
Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!
Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!
Ministério Público de Santa Catarina
 
A importância da mudança442
A importância da mudança442A importância da mudança442
A importância da mudança442
Naira Viana Viana
 
Prevenção de-quedas-no-idoso
Prevenção de-quedas-no-idosoPrevenção de-quedas-no-idoso
Prevenção de-quedas-no-idoso
patyrosa
 
Diabetes Infantil
Diabetes InfantilDiabetes Infantil
Seminário choque e infarto
Seminário   choque e infartoSeminário   choque e infarto
Seminário choque e infarto
Ilana Moura
 
Aula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosAula primeiros socorros
Aula primeiros socorros
Gizele Lima
 
Insuficiência Renal Crônica
Insuficiência Renal CrônicaInsuficiência Renal Crônica
Insuficiência Renal Crônica
ivanaferraz
 
Violência Contra A Criança
Violência Contra A CriançaViolência Contra A Criança
Violência Contra A Criança
Renato Bach
 
A Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção Primária
A Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção PrimáriaA Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção Primária
A Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção Primária
Portal de Boas Práticas em Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente (IFF/Fiocruz)
 

Mais procurados (20)

Violencia na infância - Abuso sexual
Violencia na infância - Abuso sexual Violencia na infância - Abuso sexual
Violencia na infância - Abuso sexual
 
Acidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infânciaAcidentes mais comuns na infância
Acidentes mais comuns na infância
 
Violência infantil
Violência infantilViolência infantil
Violência infantil
 
Atendimento e cuidados com pacientes diabéticos
Atendimento e cuidados com pacientes diabéticosAtendimento e cuidados com pacientes diabéticos
Atendimento e cuidados com pacientes diabéticos
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Diabetes
 
Maus tratos
Maus tratosMaus tratos
Maus tratos
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
 
urgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdf
urgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdfurgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdf
urgencia-e-emergencia-mapa-mental-1.pdf
 
Prevenção violência contra crianças e adolescentes
Prevenção violência contra crianças e adolescentesPrevenção violência contra crianças e adolescentes
Prevenção violência contra crianças e adolescentes
 
Diabetes Tipo 1
Diabetes Tipo 1Diabetes Tipo 1
Diabetes Tipo 1
 
Slides Primeiros Socorros
Slides Primeiros SocorrosSlides Primeiros Socorros
Slides Primeiros Socorros
 
Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!
Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!
Cartilha Violência Doméstica - Não se Cale!
 
A importância da mudança442
A importância da mudança442A importância da mudança442
A importância da mudança442
 
Prevenção de-quedas-no-idoso
Prevenção de-quedas-no-idosoPrevenção de-quedas-no-idoso
Prevenção de-quedas-no-idoso
 
Diabetes Infantil
Diabetes InfantilDiabetes Infantil
Diabetes Infantil
 
Seminário choque e infarto
Seminário   choque e infartoSeminário   choque e infarto
Seminário choque e infarto
 
Aula primeiros socorros
Aula primeiros socorrosAula primeiros socorros
Aula primeiros socorros
 
Insuficiência Renal Crônica
Insuficiência Renal CrônicaInsuficiência Renal Crônica
Insuficiência Renal Crônica
 
Violência Contra A Criança
Violência Contra A CriançaViolência Contra A Criança
Violência Contra A Criança
 
A Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção Primária
A Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção PrimáriaA Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção Primária
A Primeira Consulta do Recém-nascido na Atenção Primária
 

Semelhante a Maus tratos infantil

Violência Doméstica contra Crianças
Violência Doméstica contra CriançasViolência Doméstica contra Crianças
Violência Doméstica contra Crianças
David Nordon
 
Cartilha violencia
Cartilha violenciaCartilha violencia
Cartilha violencia
Alinebrauna Brauna
 
Espiroquetas orais e Treponema Pallidum
Espiroquetas orais e Treponema PallidumEspiroquetas orais e Treponema Pallidum
Espiroquetas orais e Treponema Pallidum
Thaline Eveli Martins
 
Sífilis Congênita - Rodrigo Mont'Alverne
Sífilis Congênita - Rodrigo Mont'AlverneSífilis Congênita - Rodrigo Mont'Alverne
Sífilis Congênita - Rodrigo Mont'Alverne
Rodrigo Mont'Alverne
 
Abuso sexual na criança e no adolescente
Abuso sexual na criança e no adolescenteAbuso sexual na criança e no adolescente
Abuso sexual na criança e no adolescente
xp cassi
 
Caso Clínico de Leishmaniose
Caso Clínico de LeishmanioseCaso Clínico de Leishmaniose
Caso Clínico de Leishmaniose
Karina Pereira
 
Exame do Recém-Nascido
Exame do Recém-NascidoExame do Recém-Nascido
Exame do Recém-Nascido
Enayad
 

Semelhante a Maus tratos infantil (7)

Violência Doméstica contra Crianças
Violência Doméstica contra CriançasViolência Doméstica contra Crianças
Violência Doméstica contra Crianças
 
Cartilha violencia
Cartilha violenciaCartilha violencia
Cartilha violencia
 
Espiroquetas orais e Treponema Pallidum
Espiroquetas orais e Treponema PallidumEspiroquetas orais e Treponema Pallidum
Espiroquetas orais e Treponema Pallidum
 
Sífilis Congênita - Rodrigo Mont'Alverne
Sífilis Congênita - Rodrigo Mont'AlverneSífilis Congênita - Rodrigo Mont'Alverne
Sífilis Congênita - Rodrigo Mont'Alverne
 
Abuso sexual na criança e no adolescente
Abuso sexual na criança e no adolescenteAbuso sexual na criança e no adolescente
Abuso sexual na criança e no adolescente
 
Caso Clínico de Leishmaniose
Caso Clínico de LeishmanioseCaso Clínico de Leishmaniose
Caso Clínico de Leishmaniose
 
Exame do Recém-Nascido
Exame do Recém-NascidoExame do Recém-Nascido
Exame do Recém-Nascido
 

Maus tratos infantil

  • 1. Universidade Camilo Castelo Branco Maus-tratos Infantil Alexandre Ferreira Costa RA 1221701-4 Bruna Carolina César José da Silva Lais Borges Lilian Miranda RA 1218448-7 RA 1306048-8 RA 1222170-7 RA 1221349-2 Luciane dos Santos Alves Vinicius L. RA 1221708-9 RA 1305227-9
  • 2.  Artigo 70: É dever de todos prevenir a ocorrência de ameaça ou violação dos direitos das crianças e do adolescente.  Artigo 245: Deixar o médico, professor ou responsável, por estabelecimento de atenção a saúde e de ensino fundamental, pré-escola, ou creche, de comunicar a autoridade competente os casos de que tenha conhecimento, envolvendo suspeita ou confirmação de maus tratos contra crianças ou adolescente.  Pena: Multa de três e vinte salários, de referencia aplicando se dobro em caso de reincidência.
  • 3. Alguns sinais, sintomas e indicadores de negligência  Carência na Higienização;  Vestuário desadequado em relação à estação do ano e lesões consequentes de exposições climáticas adversas;  Inexistência de Rotina (Alimentação e ciclo de sono);  Hematomas outras lesões inexplicadas;  Acidentes frequentes por falta de surpervição;  Intoxicações e acidentes de repetição.
  • 4. Alguns sinais e sintomas: Puxão dos cabelos, trauma no couro cabeludo. Criança amarrada e amordaçada. Síndrome da criança sacudida, possibilidades de Hemorragia Intra-craniana Marcas de cordas amarradas no pulso. Agressões por fio elétrico, corda, cinto e fivelas dos cintos. As queimaduras por utensílios domésticos aquecidos como garfos, facas, colheres são freqüentes. A cabeça é das regiões do corpo uma das que mais sofre agressões..
  • 5. Queimadura por imersão da mão em água fervendo, praticada pela própria mãe. Recém nascido esfaqueado pelo próprio pai e abandonado em estação de metrô. Criança colocada em bacia com água fervendo, propositadamente, pela família como castigo. Boca queimada por descarga de fio elétrico pelo próprio pai. Queimadura por ferro elétrico causada pelo pai.
  • 6.
  • 7. Alguns sinais e sintomas:  Comportamento Agressivo;  Dificuldade em relações afetiva Interpessoais;  Perturbações do comportamento Pessoal;  Choro Incontrolável no 1º ano de vida;  Comportamento ou ideação suicida.
  • 8. Alguns sinais, sintomas:  Lesões Externa nos órgãos genitais;  Dor e Edema na região vaginal ou anal  Lesões no pênis ou região escrotal  Infecções de transmissão sexual;
  • 9. Foi realizado um estudo quantitativo, descritivo e de corte transversal, realizado com acadêmicos de Odontologia do quarto e quinto ano da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).
  • 10.  Contusões,  Lacerações dos lábios e da língua;  Mucosa bucal,  Palato (duro e mole),  Gengiva alveolar e freios labial e lingual;  Desvio de abertura bucal ;  Presença de escaras e machucados nos cantos da boca,  Queimaduras nessa região;  Equimoses na bochechas.
  • 11.  Devem, diante de suspeita de maus-tratos em crianças e adolescentes, notificar por meio de ofício aos Conselhos tutelares e , na ausências destes, comunicar ao Juizado da Infância e Juventude, notificar a ocorrência à autoridade policial e solicitar o guia de encaminhamento da criança a exame de corpo de delito.  O CD possui a responsabilidade ético-legal de denunciar casos graves de violência por meio da notificação e com sigilo profissional;  A documentação odontológica pode ser utilizada para subsidiar uma avaliação pericial ou um processo judicial.
  • 12.
  • 13. O que me preocupa não é o grito dos maus, É silêncio dos bons. !