SlideShare uma empresa Scribd logo
Mata Atlântica
           Projeto Cidadania
      Melina Houlis e Paula Sanchez
       Colégio Anglo-Brasileiro
              7° ano - 2011
Índice
•   A Mata Atlântica                   • Preservação
•   História                           • Descobrimento e Exploração
•   Localização                        • Importância Econômica
•   Ecossistema da Mata Atlântica      • Unidades de Conservação
•   Fauna
                                       • Nomes Curiosos
•   Animais em Extinção
                                       • Dicas
•   Flora
•                                      • Bandeira Da Mata
    Desmatamento
•                                      • Mapa da Mata Atlântica
    As Diferentes Classes da Mata Atlântica
•   Recordes Mundiais                  • Frase
                                       • Vídeos
A Mata Atlântica
•     A Mata atlântica é um dos
      patrimônios naturais mais valiosos do
      Brasil;
•     É a segunda maior floresta tropical
      úmida do país com 94 mil km²;
•     Sua biodiversidade inclui mais de 20
      mil espécies de vegetais, 280 de
      anfíbios e 261 de mamíferos.

Fonte: Gibi Sesinho n°108, ano 9
Mata atlântica
Há 500 anos atrás, a paisagem dominante
      na costa brasileira era densa e
    exuberante, com árvores grandes.
     Desde o início da colonização, os
   Portugueses começaram a explorar o
 pau-Brasil do qual se extraía tinta para
                  tecido.
Além da prática da extração comercial,
       a mata foi destruída para a
     construção de cidades. Hoje, o
  crescimento urbano e o consumo dos
     recursos é o principal fator da
     destruição da Mata Atlântica.



Fonte:
http://www.ib.usp.br/ecosteiros/textos_educ/mata/historia/historia.htm
Localização
• A Mata Atlântica original ocupava mais de
  1.100.000 Km² do território nacional,
  estendendo-se do Rio Grande do Norte até o
  Rio Grande do Sul.
• Mas hoje a Mata Atlântica está reduzida a
  menos de 8% de sua área original.




Fonte: http://institutoterra.org/m3_sm1.htm
Mata atlântica
A temperatura, a
   frequência das
chuvas, a altitude, a
   proximidade do
     oceano e a
 composição do solo
   determinam as
    variações de
   vegetação que
     definem os
     diferentes
  ecossistemas que
 constituem a Mata
                        Fonte:
     Atlântica.         http://www.sosmatatlantica.org.br/
Fauna
A rica fauna da Mata Atlântica possui em
  torno de 1.300 espécies de animais:

•   Anta
•   Tatu- canastra
•   Muriqui
•   Capivara
•   Jaguatirica
•   Bugiu



Fonte: http://www.suapesquisa.com/geografia/vegetacao/mata_atlantica.htm
Mata atlântica
•   Mico leão dourado
•   Bugio 
•   Tamanduá bandeira 
•   Tatu-canastra
•   Arara-azul pequena
•   Onça pintada

Fonte:
http://www.almacarioca.com.br/mata-atlantica.html
Flora
A mata atlântica também é rica em flora:

•   Palmeiras
•   Bromélias
•   Begônias
•   Orquídeas
•   Cipós
•   Pau-Brasil
•   Jacarandá
•   Peroba
•   Jequitibá-rosa
•   Cedro
•   Figueiras
           Fonte:
           http://www.suapesquisa.com/geografia/vegetacao/mata_atlantica.htm
Mata atlântica
A Mata Atlântica
       perdeu
aproximadamente
    93% da sua
 cobertura vegetal
  restando apenas
 8% do território
     brasileiro.


                               Fonte:
 http://www.mundoeducacao.com.br/geografia/desmatamento-no-brasil.htm
Mata atlântica
Floresta tropical úmida:
  Encontrada na região
  das planícies costeiras
     uma camada mais
     escassa de árvores
   pequenas, arbustos e
       palmeiras. Não
    sobrou muito dessa
          floresta.



    Fonte: http://www.iracambi.com/portuguese/mata.shtml
Floresta tropical
   semi-decidual:
  Encontrada nos
     planaltos,
  caracterizada a
transição de matas
 de brejos úmidos
para vegetação da
     caatinga.




 Fonte: http://www.iracambi.com/portuguese/mata.shtml
Floresta montanhesca baixa:
     Encontrada em altitudes cima de 800m do
       nível do mar. Tem 12 a 25m de altura.
          Acima de 1200m há vegetação de
               arbustos e mato baixo.




               Fonte:
http://www.iracambi.com/portuguese/
             mata.shtml
O mangue: Localizado ao longo dos estuários,
       distribuídos entre latitudes inter-tropicais.
         Ocorre em solos lodosos, deposição de
    sedimentos nos fundos das baías e nos estuários,
        sujeitos a influência das águas salobras.




Fonte:
http://www.iracambi.com/portu
guese/mata.shtml
Mata atlântica
• 454 espécies de árvores por hectare – no
                Sul da Bahia.
  • Animais: aproximadamente 1.600.000
          espécies, incluindo insetos
   • Mamíferos, aves, répteis e anfíbios:
       1361 espécies, 567 endêmicas.
    • 2% de todas as espécies do planeta
        somente para estes grupos de
                vertebrados.

Fonte:
http://www.vilaboadegoias.com.br/sosm
ata.htm
Mata atlântica
Atualmente existem menos de 8% da mata
      nativa. Existem diversos projetos de
      recuperação da Mata Atlântica, que
    esbarram sempre na urbanização e o não
   planejamento do espaço, principalmente na
                região Sudeste.


Fonte:
http://www.vilaboadegoias.com.br/sosmata.htm
Mata atlântica
Logo em seguida ao descobrimento, quase toda
   vegetação atlântica foi destruída devido à
  exploração desordenada da floresta. O pau-
    Brasil foi o principal alvo de extração e
 exportação dos exploradores que colonizaram a
       região e hoje está quase extinto.
Praticamente 90% da Mata Atlântica em toda a
  extensão territorial brasileira está totalmente
  destruída. Do que restou, 75% está sob risco
                de extinção total.




                         Fonte:
http://www.vilaboadegoias.com.br/sosmata.htm
Mata atlântica
• Da população brasileira, 70% vive na área de
  domínio da Mata Atlântica.
• Entre os povos indígenas que vivem no
  domínio da Mata Atlântica estão os,
  Tupiniquim, Guarani, Krenak, Kaiowa,
  Nandeva, Terena, Kadiweu, Potiguara e etc.




                Fonte:
http://www.vilaboadegoias.com.br/sosm
               ata.htm
Mata atlântica
No domínio da Mata Atlântica existem 131
         unidades de conservação federais, 443
        estaduais, 14 municipais e 124 privadas,
     distribuídas por dezesseis estados, menos em
                        Goiás.

Fonte: http://www.vilaboadegoias.com.br/sosmata.htm
Mata atlântica
A reserva da biosfera da Mata Atlântica (RBMA)
    é um conjunto de ecossistemas terrestres
   remanescente de Mata Atlântica demarcados
                pelo UNESCO.
Missão
Contribuir de forma eficaz para o estabelecimento
   de uma relação harmônica entre as sociedades
       humanas e o ambiente na área da Mata
                     Atlântica.
Função
• A conservação da biodiversidade e dos
  demais atributos naturais da Mata
  Atlântica incluindo a paisagem.
• Promover que o desenvolvimento econômico
  seja social, cultural e ecologicamente
  sustentável.
Apoio a projetos
 demonstrativos, à
 educação
 ambiental, à
 pesquisa científica
 e etc.



                                   Fonte:
 http://pt.wikipedia.org/wiki/Reserva_da_biosfera_da_Mata_Atl%C3%A2ntica
Mata atlântica
• Pau Brasil- a planta que
  provavelmente deu o nome ao nosso
  país era chamado pelos índios de
  ibirapitanga, que quer dizer madeira
  vermelha;
• Jacarandá- era chamada pelos
  índios Ya-aca-r-anta, que quer
  dizer árvore de madeira dura;
• Tamanduá - quer dizer “caçador de
  formigas”.

• Capivara- Os índios o chamaram da
  Kapiwara, que quer dizer ‘’comedor de
  capim’’.



Fonte: Gibi sesinho nº108. Ano 9
Dicas
• Plante uma árvore;
• Economize água;
• Recicle materiais e
  reutilize-os;
• Economize energia


                              Fonte:
   http://www.wwf.org.br/participe/acao/dicas/index.cfm?uPage=2
Bandeira da Mata atlântica
                  A parte verde de
                   nossa bandeira
                     significa as
                        matas.
                    Essa bandeira
                  nos mostra que a
                   Mata Atlântica
                   está acabando.


                        Fonte:
                   Professora Sandra
Mapa da Mata Atlântica
Melina e Paula
Vídeos
• http://www.youtube.com/watch
  ?v=bIQ522nCmok&feature=related
• http://www.youtube.com/watch?v=XZ_DNc1zbxI

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Relevo do Brasil - 5º ano
Relevo do Brasil - 5º anoRelevo do Brasil - 5º ano
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
Hávila Said
 
Slide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De Outubro
Slide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De OutubroSlide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De Outubro
Slide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De Outubro
Patrícia Ventura
 
Autismo: o que os profissionais precisam saber?
Autismo: o que os profissionais precisam saber?Autismo: o que os profissionais precisam saber?
Bioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - CompletoBioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - Completo
Bruno Djvan Ramos Barbosa
 
Bioma Mata atlântica
Bioma Mata atlânticaBioma Mata atlântica
Bioma Mata atlântica
Felipe Batista
 
Autismo
AutismoAutismo
Ecossistema costeiro (apresentação e slides)
Ecossistema costeiro (apresentação e slides)Ecossistema costeiro (apresentação e slides)
Ecossistema costeiro (apresentação e slides)
Matheus Do Nascimento
 
Slide Bioma Pampa
Slide Bioma PampaSlide Bioma Pampa
Bioma Mata Atlantica
Bioma Mata AtlanticaBioma Mata Atlantica
Bioma Mata Atlantica
Jean Leão
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
Ana Cristina de Jesus
 
Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde
Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde
Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Cerrado do Brasil
Cerrado do BrasilCerrado do Brasil
Cerrado do Brasil
Dani Santos
 
Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.
Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.
Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.
Tiago Lazzaretti
 
cactáceas da caatinga
cactáceas da caatinga cactáceas da caatinga
cactáceas da caatinga
Bruno Djvan Ramos Barbosa
 
A Zona Costeira
A Zona CosteiraA Zona Costeira
A Zona Costeira
Franklin Oliveira
 
Região Centro-Oeste
Região Centro-OesteRegião Centro-Oeste
Região Centro-Oeste
Bianca Toledo
 
Mata de araucarias
Mata de araucarias Mata de araucarias
Mata de araucarias
Hávila Said
 
Apresentação pantanal
Apresentação   pantanalApresentação   pantanal
Apresentação pantanal
Rita De Cassia Zuccolotto
 
Autismo os educadores são a chave para inclusão!
Autismo  os educadores são a chave para inclusão!Autismo  os educadores são a chave para inclusão!
Autismo os educadores são a chave para inclusão!
Raline Guimaraes
 

Mais procurados (20)

Relevo do Brasil - 5º ano
Relevo do Brasil - 5º anoRelevo do Brasil - 5º ano
Relevo do Brasil - 5º ano
 
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
 
Slide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De Outubro
Slide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De OutubroSlide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De Outubro
Slide Bioma Amazonia Para O Dia 02 De Outubro
 
Autismo: o que os profissionais precisam saber?
Autismo: o que os profissionais precisam saber?Autismo: o que os profissionais precisam saber?
Autismo: o que os profissionais precisam saber?
 
Bioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - CompletoBioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - Completo
 
Bioma Mata atlântica
Bioma Mata atlânticaBioma Mata atlântica
Bioma Mata atlântica
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Ecossistema costeiro (apresentação e slides)
Ecossistema costeiro (apresentação e slides)Ecossistema costeiro (apresentação e slides)
Ecossistema costeiro (apresentação e slides)
 
Slide Bioma Pampa
Slide Bioma PampaSlide Bioma Pampa
Slide Bioma Pampa
 
Bioma Mata Atlantica
Bioma Mata AtlanticaBioma Mata Atlantica
Bioma Mata Atlantica
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
 
Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde
Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde
Caderneta da Criança - Menino: edição 2018 / Ministério da Saúde
 
Cerrado do Brasil
Cerrado do BrasilCerrado do Brasil
Cerrado do Brasil
 
Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.
Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.
Métodos de pesquisa para levantamento da fauna silvestre: teoria e prática.
 
cactáceas da caatinga
cactáceas da caatinga cactáceas da caatinga
cactáceas da caatinga
 
A Zona Costeira
A Zona CosteiraA Zona Costeira
A Zona Costeira
 
Região Centro-Oeste
Região Centro-OesteRegião Centro-Oeste
Região Centro-Oeste
 
Mata de araucarias
Mata de araucarias Mata de araucarias
Mata de araucarias
 
Apresentação pantanal
Apresentação   pantanalApresentação   pantanal
Apresentação pantanal
 
Autismo os educadores são a chave para inclusão!
Autismo  os educadores são a chave para inclusão!Autismo  os educadores são a chave para inclusão!
Autismo os educadores são a chave para inclusão!
 

Destaque

Mata AtlâNtica
Mata AtlâNticaMata AtlâNtica
Mata AtlâNtica
diegovicari
 
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambienteSpaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Marcos Santos
 
Fauna e a Flora
Fauna e a Flora Fauna e a Flora
Fauna e a Flora
Marcos Fernandes
 
Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade
Maria Teixiera
 
A biodiversidade da fauna e flora 2
A biodiversidade da fauna e flora 2A biodiversidade da fauna e flora 2
A biodiversidade da fauna e flora 2
Gabriela Calixto
 
Fauna e flora
Fauna e floraFauna e flora
Fauna e flora
emefelza
 
Cartilha da Mata Atlantica
Cartilha da Mata AtlanticaCartilha da Mata Atlantica
Cartilha da Mata Atlantica
Rose vargas
 
Mata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - BiomasMata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - Biomas
Beatriz Monteiro
 

Destaque (8)

Mata AtlâNtica
Mata AtlâNticaMata AtlâNtica
Mata AtlâNtica
 
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambienteSpaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
Spaece 2015 aula 1 terra e universo e vida e ambiente
 
Fauna e a Flora
Fauna e a Flora Fauna e a Flora
Fauna e a Flora
 
Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade Ambiente e biodiversidade
Ambiente e biodiversidade
 
A biodiversidade da fauna e flora 2
A biodiversidade da fauna e flora 2A biodiversidade da fauna e flora 2
A biodiversidade da fauna e flora 2
 
Fauna e flora
Fauna e floraFauna e flora
Fauna e flora
 
Cartilha da Mata Atlantica
Cartilha da Mata AtlanticaCartilha da Mata Atlantica
Cartilha da Mata Atlantica
 
Mata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - BiomasMata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - Biomas
 

Semelhante a Mata atlântica

Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
Marina Godoy
 
Rec gen cerrado jundiaí 2013
Rec gen cerrado jundiaí 2013Rec gen cerrado jundiaí 2013
Rec gen cerrado jundiaí 2013
Renato Ferraz de Arruda Veiga
 
Projetos Biomas
Projetos BiomasProjetos Biomas
Projetos Biomas
Cassiano Santana
 
NIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosa
NIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosaNIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosa
NIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosa
Nit Portal Social
 
AULA - BIOMAS - PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdf
AULA - BIOMAS -  PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdfAULA - BIOMAS -  PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdf
AULA - BIOMAS - PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdf
ProfessorLucas2
 
Trabalho da mata atlântica
Trabalho da mata atlânticaTrabalho da mata atlântica
Trabalho da mata atlântica
professorjoseca
 
Projeto Biomas
Projeto Biomas Projeto Biomas
Projeto Biomas
Cassiano Santana
 
AULA - BIOMAS - PARTE 1
AULA - BIOMAS -  PARTE 1AULA - BIOMAS -  PARTE 1
AULA - BIOMAS - PARTE 1
ProfessorLucas2
 
Principais biomas brasileiros
Principais biomas brasileirosPrincipais biomas brasileiros
Principais biomas brasileiros
Luis Augusto
 
Trabalho de ecologia caatinga nacional
Trabalho de ecologia caatinga nacionalTrabalho de ecologia caatinga nacional
Trabalho de ecologia caatinga nacional
Élica Dias
 
Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)
norivalfp
 
Caatinga, Mata Atlatica e Amazonia
Caatinga, Mata Atlatica e AmazoniaCaatinga, Mata Atlatica e Amazonia
Caatinga, Mata Atlatica e Amazonia
Ancelmo Furtado
 
Ecossistemas Brasileiros
Ecossistemas BrasileirosEcossistemas Brasileiros
Ecossistemas Brasileiros
pradomarcio
 
Slides grupo 4
Slides grupo 4Slides grupo 4
Slides grupo 4
nacirbertini
 
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUEMATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
Luan Henrique Alves
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
Karen Carvalho
 
Chapada dos guimaraes_mt
Chapada dos guimaraes_mtChapada dos guimaraes_mt
Chapada dos guimaraes_mt
bilibiowebsite
 
Mata Atlântica 
Mata Atlântica Mata Atlântica 
Mata Atlântica 
João M Brisac
 
Bioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata AtlânticaBioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata Atlântica
Anderson Silva
 
Biologia mata atlântica
Biologia  mata atlânticaBiologia  mata atlântica
Biologia mata atlântica
Laura Azevedo
 

Semelhante a Mata atlântica (20)

Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Rec gen cerrado jundiaí 2013
Rec gen cerrado jundiaí 2013Rec gen cerrado jundiaí 2013
Rec gen cerrado jundiaí 2013
 
Projetos Biomas
Projetos BiomasProjetos Biomas
Projetos Biomas
 
NIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosa
NIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosaNIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosa
NIT PORTAL SOCIAL- BAIA FORMOSA: EXÔTICA E REALMENTE FORMASAosa
 
AULA - BIOMAS - PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdf
AULA - BIOMAS -  PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdfAULA - BIOMAS -  PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdf
AULA - BIOMAS - PARTE 1 - MATERIAL COMPLEMENTAR.pdf
 
Trabalho da mata atlântica
Trabalho da mata atlânticaTrabalho da mata atlântica
Trabalho da mata atlântica
 
Projeto Biomas
Projeto Biomas Projeto Biomas
Projeto Biomas
 
AULA - BIOMAS - PARTE 1
AULA - BIOMAS -  PARTE 1AULA - BIOMAS -  PARTE 1
AULA - BIOMAS - PARTE 1
 
Principais biomas brasileiros
Principais biomas brasileirosPrincipais biomas brasileiros
Principais biomas brasileiros
 
Trabalho de ecologia caatinga nacional
Trabalho de ecologia caatinga nacionalTrabalho de ecologia caatinga nacional
Trabalho de ecologia caatinga nacional
 
Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)Biomas brasileiros completo (1)
Biomas brasileiros completo (1)
 
Caatinga, Mata Atlatica e Amazonia
Caatinga, Mata Atlatica e AmazoniaCaatinga, Mata Atlatica e Amazonia
Caatinga, Mata Atlatica e Amazonia
 
Ecossistemas Brasileiros
Ecossistemas BrasileirosEcossistemas Brasileiros
Ecossistemas Brasileiros
 
Slides grupo 4
Slides grupo 4Slides grupo 4
Slides grupo 4
 
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUEMATA ATLÂNTICA  - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
MATA ATLÂNTICA - ESP. MÍDIAS NA EDUCAÇÃO (UFOP) - LUAN HENRIQUE
 
Os biomas brasileiros
Os biomas brasileirosOs biomas brasileiros
Os biomas brasileiros
 
Chapada dos guimaraes_mt
Chapada dos guimaraes_mtChapada dos guimaraes_mt
Chapada dos guimaraes_mt
 
Mata Atlântica 
Mata Atlântica Mata Atlântica 
Mata Atlântica 
 
Bioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata AtlânticaBioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata Atlântica
 
Biologia mata atlântica
Biologia  mata atlânticaBiologia  mata atlântica
Biologia mata atlântica
 

Mais de Sandra Barros

Alimentos funcionais sucos
Alimentos funcionais   sucosAlimentos funcionais   sucos
Alimentos funcionais sucos
Sandra Barros
 
Alimentos funcionais frutas -
Alimentos funcionais   frutas -Alimentos funcionais   frutas -
Alimentos funcionais frutas -
Sandra Barros
 
Alimentos funcionais laticínios
Alimentos funcionais   laticíniosAlimentos funcionais   laticínios
Alimentos funcionais laticínios
Sandra Barros
 
Alimentos funcionais hortaliças
Alimentos funcionais   hortaliçasAlimentos funcionais   hortaliças
Alimentos funcionais hortaliças
Sandra Barros
 
Grãos
GrãosGrãos
Alimentos funcionais chas -
Alimentos funcionais   chas -Alimentos funcionais   chas -
Alimentos funcionais chas -
Sandra Barros
 
Alimentos funcionais carnes - amanda
Alimentos funcionais   carnes - amandaAlimentos funcionais   carnes - amanda
Alimentos funcionais carnes - amanda
Sandra Barros
 
Alimentos funcionais legumes - victoria giancarlo
Alimentos funcionais   legumes  - victoria giancarloAlimentos funcionais   legumes  - victoria giancarlo
Alimentos funcionais legumes - victoria giancarlo
Sandra Barros
 
Reciclagem artur e vinicius
Reciclagem   artur e viniciusReciclagem   artur e vinicius
Reciclagem artur e vinicius
Sandra Barros
 
Lixo
LixoLixo
Efeito estufa e poluição
Efeito estufa e poluiçãoEfeito estufa e poluição
Efeito estufa e poluição
Sandra Barros
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
Sandra Barros
 
Desmatamento
DesmatamentoDesmatamento
Desmatamento
Sandra Barros
 
Água
ÁguaÁgua
Zine informativo 8° Ano
Zine informativo 8° AnoZine informativo 8° Ano
Zine informativo 8° Ano
Sandra Barros
 

Mais de Sandra Barros (15)

Alimentos funcionais sucos
Alimentos funcionais   sucosAlimentos funcionais   sucos
Alimentos funcionais sucos
 
Alimentos funcionais frutas -
Alimentos funcionais   frutas -Alimentos funcionais   frutas -
Alimentos funcionais frutas -
 
Alimentos funcionais laticínios
Alimentos funcionais   laticíniosAlimentos funcionais   laticínios
Alimentos funcionais laticínios
 
Alimentos funcionais hortaliças
Alimentos funcionais   hortaliçasAlimentos funcionais   hortaliças
Alimentos funcionais hortaliças
 
Grãos
GrãosGrãos
Grãos
 
Alimentos funcionais chas -
Alimentos funcionais   chas -Alimentos funcionais   chas -
Alimentos funcionais chas -
 
Alimentos funcionais carnes - amanda
Alimentos funcionais   carnes - amandaAlimentos funcionais   carnes - amanda
Alimentos funcionais carnes - amanda
 
Alimentos funcionais legumes - victoria giancarlo
Alimentos funcionais   legumes  - victoria giancarloAlimentos funcionais   legumes  - victoria giancarlo
Alimentos funcionais legumes - victoria giancarlo
 
Reciclagem artur e vinicius
Reciclagem   artur e viniciusReciclagem   artur e vinicius
Reciclagem artur e vinicius
 
Lixo
LixoLixo
Lixo
 
Efeito estufa e poluição
Efeito estufa e poluiçãoEfeito estufa e poluição
Efeito estufa e poluição
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
 
Desmatamento
DesmatamentoDesmatamento
Desmatamento
 
Água
ÁguaÁgua
Água
 
Zine informativo 8° Ano
Zine informativo 8° AnoZine informativo 8° Ano
Zine informativo 8° Ano
 

Último

apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 

Último (20)

apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 

Mata atlântica

  • 1. Mata Atlântica Projeto Cidadania Melina Houlis e Paula Sanchez Colégio Anglo-Brasileiro 7° ano - 2011
  • 2. Índice • A Mata Atlântica • Preservação • História • Descobrimento e Exploração • Localização • Importância Econômica • Ecossistema da Mata Atlântica • Unidades de Conservação • Fauna • Nomes Curiosos • Animais em Extinção • Dicas • Flora • • Bandeira Da Mata Desmatamento • • Mapa da Mata Atlântica As Diferentes Classes da Mata Atlântica • Recordes Mundiais • Frase • Vídeos
  • 3. A Mata Atlântica • A Mata atlântica é um dos patrimônios naturais mais valiosos do Brasil; • É a segunda maior floresta tropical úmida do país com 94 mil km²; • Sua biodiversidade inclui mais de 20 mil espécies de vegetais, 280 de anfíbios e 261 de mamíferos. Fonte: Gibi Sesinho n°108, ano 9
  • 5. Há 500 anos atrás, a paisagem dominante na costa brasileira era densa e exuberante, com árvores grandes. Desde o início da colonização, os Portugueses começaram a explorar o pau-Brasil do qual se extraía tinta para tecido.
  • 6. Além da prática da extração comercial, a mata foi destruída para a construção de cidades. Hoje, o crescimento urbano e o consumo dos recursos é o principal fator da destruição da Mata Atlântica. Fonte: http://www.ib.usp.br/ecosteiros/textos_educ/mata/historia/historia.htm
  • 7. Localização • A Mata Atlântica original ocupava mais de 1.100.000 Km² do território nacional, estendendo-se do Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul. • Mas hoje a Mata Atlântica está reduzida a menos de 8% de sua área original. Fonte: http://institutoterra.org/m3_sm1.htm
  • 9. A temperatura, a frequência das chuvas, a altitude, a proximidade do oceano e a composição do solo determinam as variações de vegetação que definem os diferentes ecossistemas que constituem a Mata Fonte: Atlântica. http://www.sosmatatlantica.org.br/
  • 10. Fauna
  • 11. A rica fauna da Mata Atlântica possui em torno de 1.300 espécies de animais: • Anta • Tatu- canastra • Muriqui • Capivara • Jaguatirica • Bugiu Fonte: http://www.suapesquisa.com/geografia/vegetacao/mata_atlantica.htm
  • 13. Mico leão dourado • Bugio  • Tamanduá bandeira  • Tatu-canastra • Arara-azul pequena • Onça pintada Fonte: http://www.almacarioca.com.br/mata-atlantica.html
  • 14. Flora
  • 15. A mata atlântica também é rica em flora: • Palmeiras • Bromélias • Begônias • Orquídeas • Cipós • Pau-Brasil • Jacarandá • Peroba • Jequitibá-rosa • Cedro • Figueiras Fonte: http://www.suapesquisa.com/geografia/vegetacao/mata_atlantica.htm
  • 17. A Mata Atlântica perdeu aproximadamente 93% da sua cobertura vegetal restando apenas 8% do território brasileiro. Fonte: http://www.mundoeducacao.com.br/geografia/desmatamento-no-brasil.htm
  • 19. Floresta tropical úmida: Encontrada na região das planícies costeiras uma camada mais escassa de árvores pequenas, arbustos e palmeiras. Não sobrou muito dessa floresta. Fonte: http://www.iracambi.com/portuguese/mata.shtml
  • 20. Floresta tropical semi-decidual: Encontrada nos planaltos, caracterizada a transição de matas de brejos úmidos para vegetação da caatinga. Fonte: http://www.iracambi.com/portuguese/mata.shtml
  • 21. Floresta montanhesca baixa: Encontrada em altitudes cima de 800m do nível do mar. Tem 12 a 25m de altura. Acima de 1200m há vegetação de arbustos e mato baixo. Fonte: http://www.iracambi.com/portuguese/ mata.shtml
  • 22. O mangue: Localizado ao longo dos estuários, distribuídos entre latitudes inter-tropicais. Ocorre em solos lodosos, deposição de sedimentos nos fundos das baías e nos estuários, sujeitos a influência das águas salobras. Fonte: http://www.iracambi.com/portu guese/mata.shtml
  • 24. • 454 espécies de árvores por hectare – no Sul da Bahia. • Animais: aproximadamente 1.600.000 espécies, incluindo insetos • Mamíferos, aves, répteis e anfíbios: 1361 espécies, 567 endêmicas. • 2% de todas as espécies do planeta somente para estes grupos de vertebrados. Fonte: http://www.vilaboadegoias.com.br/sosm ata.htm
  • 26. Atualmente existem menos de 8% da mata nativa. Existem diversos projetos de recuperação da Mata Atlântica, que esbarram sempre na urbanização e o não planejamento do espaço, principalmente na região Sudeste. Fonte: http://www.vilaboadegoias.com.br/sosmata.htm
  • 28. Logo em seguida ao descobrimento, quase toda vegetação atlântica foi destruída devido à exploração desordenada da floresta. O pau- Brasil foi o principal alvo de extração e exportação dos exploradores que colonizaram a região e hoje está quase extinto.
  • 29. Praticamente 90% da Mata Atlântica em toda a extensão territorial brasileira está totalmente destruída. Do que restou, 75% está sob risco de extinção total. Fonte: http://www.vilaboadegoias.com.br/sosmata.htm
  • 31. • Da população brasileira, 70% vive na área de domínio da Mata Atlântica. • Entre os povos indígenas que vivem no domínio da Mata Atlântica estão os, Tupiniquim, Guarani, Krenak, Kaiowa, Nandeva, Terena, Kadiweu, Potiguara e etc. Fonte: http://www.vilaboadegoias.com.br/sosm ata.htm
  • 33. No domínio da Mata Atlântica existem 131 unidades de conservação federais, 443 estaduais, 14 municipais e 124 privadas, distribuídas por dezesseis estados, menos em Goiás. Fonte: http://www.vilaboadegoias.com.br/sosmata.htm
  • 35. A reserva da biosfera da Mata Atlântica (RBMA) é um conjunto de ecossistemas terrestres remanescente de Mata Atlântica demarcados pelo UNESCO.
  • 36. Missão Contribuir de forma eficaz para o estabelecimento de uma relação harmônica entre as sociedades humanas e o ambiente na área da Mata Atlântica.
  • 37. Função • A conservação da biodiversidade e dos demais atributos naturais da Mata Atlântica incluindo a paisagem. • Promover que o desenvolvimento econômico seja social, cultural e ecologicamente sustentável.
  • 38. Apoio a projetos demonstrativos, à educação ambiental, à pesquisa científica e etc. Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Reserva_da_biosfera_da_Mata_Atl%C3%A2ntica
  • 40. • Pau Brasil- a planta que provavelmente deu o nome ao nosso país era chamado pelos índios de ibirapitanga, que quer dizer madeira vermelha; • Jacarandá- era chamada pelos índios Ya-aca-r-anta, que quer dizer árvore de madeira dura;
  • 41. • Tamanduá - quer dizer “caçador de formigas”. • Capivara- Os índios o chamaram da Kapiwara, que quer dizer ‘’comedor de capim’’. Fonte: Gibi sesinho nº108. Ano 9
  • 42. Dicas • Plante uma árvore; • Economize água; • Recicle materiais e reutilize-os; • Economize energia Fonte: http://www.wwf.org.br/participe/acao/dicas/index.cfm?uPage=2
  • 43. Bandeira da Mata atlântica A parte verde de nossa bandeira significa as matas. Essa bandeira nos mostra que a Mata Atlântica está acabando. Fonte: Professora Sandra
  • 44. Mapa da Mata Atlântica
  • 46. Vídeos • http://www.youtube.com/watch ?v=bIQ522nCmok&feature=related • http://www.youtube.com/watch?v=XZ_DNc1zbxI