SlideShare uma empresa Scribd logo
BIB2282 – Merchandising

Marketing de Identificação
       Angela, Bianca, Diego, Érica, Luiza Z.

                    Abril/2012
O marketing de
identificação vai além das
 sensações, sentimentos,
    cognições e ações
individuais. Ele relaciona:

       PESSOA



  CONTEXTO SOCIAL
  E CULTURAL da marca
Identificação: ligação com outras pessoas, grupos sociais, culturas.




  O MKT de Identificação utiliza-se das experiências relacionadas ao:
           Sensação – Sentimento – Pensamento – Ação
Principal objetivo é ligar:

  Significado
social da marca




       Cliente
Não podemos compreender o comportamento do consumidor
sem entender o que a posse significa pra ele.




                         As nossas posses fazem parte de nós mesmos,
                                              conscientemente ou não.
O marketing de identificação
está diretamente associado
aos conceitos da psicologia
social.

Como o comportamento de
uma pessoa pode ser
influenciado pela:

 presença real
 imaginária ou

 implícita de outras pessoas.
Presença real:
Influência social resultante
de contato direto.
Presença imaginária:
Comprar modifica a identidade ou a
participação no grupo.
Presença implícita:
Cliente apresenta um comportamento
 esperado por um grupo de referência
                (muitas vezes sem perceber).
Classificação e identidade social




                            Identificação
            necessidade de categorização e de busca de sentido.
Categorias sociais são
classificadas através de
atributos:

• Mulher
• Advogada
• De Nova Iorque
•Mulher Advogada de
Nova Iorque
As categorias sociais são transformadas pela comunicação em
protótipos ou estereótipos de um consumidor




        Os estereótipos tem a função de atribuir aos indivíduos uma identidade social
Identificação = Distinção




  Identificação não é apenas sentir-se
 incluído em um grupo, mas também
           diferente de outro.
É uma necessidade de distinção social.
Identidade Social
                    Nós vs. Eles
Relações de Parentesco




     O sentimento de amor familiar é uma característica inata do ser humano.

 Temos tendência natural de compartilhar com nossos familiares o que nos faz bem.
Papéis Sociais




Identificação mais generalizada e abstrata.

Consumidores sentem afinidade por outros consumidores
de um mesmo produto.
Marketing de Identificação
Os valores remetem ao que
seria importante na vida de
cada pessoa.
O grau de importância varia
individualmente.




                          As culturas não se diferem pelos valores, mas sim
                          pela importância que cada cultura dá a esses valores.
Individualidade x Coletividade
  Preocupação com o bem estar das pessoas, lealdade,
                   honestidade, amizade
                              X
Status social e prestígio, poder social, riqueza, autoridade
Valores e atitudes
específicas

Se o valor é próprio de uma
cultura, o profissional deve
levar em conta as diferenças
culturais para elaborar a
campanha.
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Campanhas Globais
Necessidade de Confirmação




                   Formação do Self
                Influência de outras pessoas
        Busca pela confirmação do nosso auto conceito
Marketing de Identificação
 através de Celebridades
Criar (ou induzir) identificação entre
marca e um determinado grupo de
     referência através de uma
            celebridade.
O Endosso acontece:
Foto no Produto
Nome no Produto
Marketing de Identificação
Por que as pessoas se
     identificam com uma
             marca?
-- “Eu faço parte de um grupo X”
-- “Eu também sou X”
-- “Ser X é bom”
- “Eu tenho boas experiências
quando uso essa marca”
  Assim, elas se “apossam” da marca,
 criam uma relação de proximidade de
             comunidades.
BIRG
(basking in the reflected glory)




                                   Quando o time vai bem as pessoas usam
                                   mais os produtos da marca.
Se alguém legal faz aniversário no
             mesmo
  dia que eu, eu me sinto bem.
Estabelecendo relações com as marcas




       Ao descrever sua relação com as marcas, os consumidores usam
       frases parecidas com as que descrevem suas relações com seres
       humanos. Assim, as marcas adquirem qualidades de seres vivos,
       que incluem:
As marcas parecem estar imbuídas do
        espírito do passado
As marcas ficam antropomorfizadas
As marcas tornam-se amigos próximos
Comunidades de marca




                 Como uma série estruturada de
             identificação social de usuários de marca
“Sinto uma identificação imediata com um estranho que
         esteja usando a mesma marca que eu”
O marketing de identificação fornece
 experiências fortes resultantes da
    interação entre o significado
  sociocultural e a necessidade de
   identificação social do cliente.
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Marketing de Identificação
Obrigada(o)!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Os dez Estados de Vida
Os dez Estados de VidaOs dez Estados de Vida
Os dez Estados de Vida
Marta Chapper
 
curso de umbanda
curso de umbandacurso de umbanda
curso de umbanda
Gustavo Marques
 
Apresentacao anuncios fugas
Apresentacao anuncios fugasApresentacao anuncios fugas
Apresentacao anuncios fugas
Jana Bento
 
Aula de teologia 2
Aula de teologia 2Aula de teologia 2
Aula de teologia 2
Pastor Raimundo Silva
 
Liderança campestre
Liderança campestreLiderança campestre
Liderança campestre
Ismael Rosa
 
Teoria das Cores: natureza, classificação e características.
Teoria das Cores: natureza, classificação e características.Teoria das Cores: natureza, classificação e características.
Teoria das Cores: natureza, classificação e características.
Mauricio Mallet Duprat
 
Ser solidário é…
Ser solidário é…Ser solidário é…
Ser solidário é…
Biblioteca Ags
 
Hinduísmo
HinduísmoHinduísmo
Hinduísmo
Espaço Emrc
 
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
André Phelps
 
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos DesbravadoresFilosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Clube de Lideres Online
 
Análise de imagem
Análise de imagemAnálise de imagem
Análise de imagem
aulasdejornalismo
 
Caderneta da unidade
Caderneta da unidadeCaderneta da unidade
Caderneta da unidade
Emerson Silva
 
Manual de nós (marinheiro)
Manual de nós (marinheiro)Manual de nós (marinheiro)
Manual de nós (marinheiro)
Ismael Rosa
 
Percepção visual
Percepção visualPercepção visual
Percepção visual
Raphael Araujo
 
Família
FamíliaFamília
Família
ccqc
 
100+brincadeiras
100+brincadeiras100+brincadeiras
100+brincadeiras
Evandro Felipe
 
Psicodinâmica das Cores
Psicodinâmica das CoresPsicodinâmica das Cores
Psicodinâmica das Cores
Vicente Carvalho
 
Workshop de teoria da Cor.
Workshop de teoria da Cor.Workshop de teoria da Cor.
Workshop de teoria da Cor.
Maico Fernando Wilges Carn
 
Aula 05 07 valores e escolhas
Aula 05 07 valores e escolhasAula 05 07 valores e escolhas
Aula 05 07 valores e escolhas
Alessandra Bertão Ribas
 
Psicologia das cores
Psicologia das coresPsicologia das cores
Psicologia das cores
Luís Carlos Braz
 

Mais procurados (20)

Os dez Estados de Vida
Os dez Estados de VidaOs dez Estados de Vida
Os dez Estados de Vida
 
curso de umbanda
curso de umbandacurso de umbanda
curso de umbanda
 
Apresentacao anuncios fugas
Apresentacao anuncios fugasApresentacao anuncios fugas
Apresentacao anuncios fugas
 
Aula de teologia 2
Aula de teologia 2Aula de teologia 2
Aula de teologia 2
 
Liderança campestre
Liderança campestreLiderança campestre
Liderança campestre
 
Teoria das Cores: natureza, classificação e características.
Teoria das Cores: natureza, classificação e características.Teoria das Cores: natureza, classificação e características.
Teoria das Cores: natureza, classificação e características.
 
Ser solidário é…
Ser solidário é…Ser solidário é…
Ser solidário é…
 
Hinduísmo
HinduísmoHinduísmo
Hinduísmo
 
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
1. Desbravadores - Escola de educação completa _ED.pptx
 
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos DesbravadoresFilosofia EspecíFica Dos Desbravadores
Filosofia EspecíFica Dos Desbravadores
 
Análise de imagem
Análise de imagemAnálise de imagem
Análise de imagem
 
Caderneta da unidade
Caderneta da unidadeCaderneta da unidade
Caderneta da unidade
 
Manual de nós (marinheiro)
Manual de nós (marinheiro)Manual de nós (marinheiro)
Manual de nós (marinheiro)
 
Percepção visual
Percepção visualPercepção visual
Percepção visual
 
Família
FamíliaFamília
Família
 
100+brincadeiras
100+brincadeiras100+brincadeiras
100+brincadeiras
 
Psicodinâmica das Cores
Psicodinâmica das CoresPsicodinâmica das Cores
Psicodinâmica das Cores
 
Workshop de teoria da Cor.
Workshop de teoria da Cor.Workshop de teoria da Cor.
Workshop de teoria da Cor.
 
Aula 05 07 valores e escolhas
Aula 05 07 valores e escolhasAula 05 07 valores e escolhas
Aula 05 07 valores e escolhas
 
Psicologia das cores
Psicologia das coresPsicologia das cores
Psicologia das cores
 

Destaque

Aula 5 Posicionamento Estratégico
Aula 5   Posicionamento EstratégicoAula 5   Posicionamento Estratégico
Aula 5 Posicionamento Estratégico
humbertoandrade
 
Merchandising - Projeto Espaço Post It
Merchandising - Projeto Espaço Post ItMerchandising - Projeto Espaço Post It
Merchandising - Projeto Espaço Post It
Érica Rigo
 
Olhando a Marca pela sua Enunciação
Olhando a Marca pela sua EnunciaçãoOlhando a Marca pela sua Enunciação
Olhando a Marca pela sua Enunciação
Érica Rigo
 
Aquíferos - UNESP Ciência
Aquíferos - UNESP CiênciaAquíferos - UNESP Ciência
Aquíferos - UNESP Ciência
Carol Daemon
 
Aquífero Guarani - Scientific American Brasil
Aquífero Guarani - Scientific American BrasilAquífero Guarani - Scientific American Brasil
Aquífero Guarani - Scientific American Brasil
Carol Daemon
 
Criação de novo produto - Prato Quente
Criação de novo produto - Prato QuenteCriação de novo produto - Prato Quente
Criação de novo produto - Prato Quente
Evelyn Oliveira
 
Earned Brand 2016 - Brasil Results
Earned Brand 2016 - Brasil ResultsEarned Brand 2016 - Brasil Results
Earned Brand 2016 - Brasil Results
Edelman
 

Destaque (7)

Aula 5 Posicionamento Estratégico
Aula 5   Posicionamento EstratégicoAula 5   Posicionamento Estratégico
Aula 5 Posicionamento Estratégico
 
Merchandising - Projeto Espaço Post It
Merchandising - Projeto Espaço Post ItMerchandising - Projeto Espaço Post It
Merchandising - Projeto Espaço Post It
 
Olhando a Marca pela sua Enunciação
Olhando a Marca pela sua EnunciaçãoOlhando a Marca pela sua Enunciação
Olhando a Marca pela sua Enunciação
 
Aquíferos - UNESP Ciência
Aquíferos - UNESP CiênciaAquíferos - UNESP Ciência
Aquíferos - UNESP Ciência
 
Aquífero Guarani - Scientific American Brasil
Aquífero Guarani - Scientific American BrasilAquífero Guarani - Scientific American Brasil
Aquífero Guarani - Scientific American Brasil
 
Criação de novo produto - Prato Quente
Criação de novo produto - Prato QuenteCriação de novo produto - Prato Quente
Criação de novo produto - Prato Quente
 
Earned Brand 2016 - Brasil Results
Earned Brand 2016 - Brasil ResultsEarned Brand 2016 - Brasil Results
Earned Brand 2016 - Brasil Results
 

Semelhante a Marketing de Identificação

Autoconceito: o Eu
Autoconceito: o EuAutoconceito: o Eu
Autoconceito: o Eu
Jeferson L. Feuser
 
Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais
Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociaisSua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais
Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais
Márcio Coutinho
 
César Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadores
César Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadoresCésar Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadores
César Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadores
cesaraugustomgbr
 
Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...
Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...
Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...
Brav Design
 
Aula 9 Identidade Imagem e Reputação
Aula 9 Identidade Imagem e ReputaçãoAula 9 Identidade Imagem e Reputação
Aula 9 Identidade Imagem e Reputação
Carlos Alves
 
O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...
O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...
O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...
BrunoSousa120280
 
Modamercado
ModamercadoModamercado
Modamercado
Izabel Meister
 
Brand Persona - Arquétipos na Publicidade
Brand Persona - Arquétipos na PublicidadeBrand Persona - Arquétipos na Publicidade
Brand Persona - Arquétipos na Publicidade
Thammy Burigo
 
Lovemarks - loyalty beyond reason
Lovemarks - loyalty beyond reasonLovemarks - loyalty beyond reason
Lovemarks - loyalty beyond reason
Fernanda Vogt
 
Marketing e Diversidade Multicultural
Marketing e Diversidade MulticulturalMarketing e Diversidade Multicultural
Marketing e Diversidade Multicultural
Dayvisson Souza
 
2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...
Fernando Monteiro D'Andrea
 
2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...
Fernando Monteiro D'Andrea
 
aula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptx
aula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptxaula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptx
aula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptx
Giovana Kely Tonim Mira
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
Eduardo Lengruber
 
slide sociologia
slide sociologiaslide sociologia
slide sociologia
Eduardo Lengruber
 
Branding para Empreendedores
Branding para EmpreendedoresBranding para Empreendedores
Branding para Empreendedores
Sage Pequenas Empresas
 
Publicidade e sociedade
Publicidade e sociedadePublicidade e sociedade
Publicidade e sociedade
Vanessa Goulart
 
Dr2 identidade e alteridade CP
Dr2 identidade e alteridade CPDr2 identidade e alteridade CP
Dr2 identidade e alteridade CP
mega
 
Comportamento do consumidor online
Comportamento do consumidor online Comportamento do consumidor online
Comportamento do consumidor online
MBA em Marketing Digital e Gestão de Projetos Web
 
A construção da identidade social
A construção da identidade socialA construção da identidade social
A construção da identidade social
José Luiz Costa
 

Semelhante a Marketing de Identificação (20)

Autoconceito: o Eu
Autoconceito: o EuAutoconceito: o Eu
Autoconceito: o Eu
 
Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais
Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociaisSua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais
Sua empresa é o que posta - Conteúdo humanizado nas redes sociais
 
César Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadores
César Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadoresCésar Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadores
César Queiroz | As pessoas e sua identidade, as marcas e seus criadores
 
Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...
Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...
Significados e Personalidades - Porque os consumidores buscam significados na...
 
Aula 9 Identidade Imagem e Reputação
Aula 9 Identidade Imagem e ReputaçãoAula 9 Identidade Imagem e Reputação
Aula 9 Identidade Imagem e Reputação
 
O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...
O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...
O Consumo de Novos Produtos está Ligado ao Reconhecimento ou Status Social.d...
 
Modamercado
ModamercadoModamercado
Modamercado
 
Brand Persona - Arquétipos na Publicidade
Brand Persona - Arquétipos na PublicidadeBrand Persona - Arquétipos na Publicidade
Brand Persona - Arquétipos na Publicidade
 
Lovemarks - loyalty beyond reason
Lovemarks - loyalty beyond reasonLovemarks - loyalty beyond reason
Lovemarks - loyalty beyond reason
 
Marketing e Diversidade Multicultural
Marketing e Diversidade MulticulturalMarketing e Diversidade Multicultural
Marketing e Diversidade Multicultural
 
2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 - consumidor comportamento, processo de decisão d...
 
2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...
2012 09-06-13 - aulas 09-10 -consumidor comportamento dos consumidores, proce...
 
aula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptx
aula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptxaula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptx
aula-07-identidade-imagem-e-reputac3a7c3a3o.pptx
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
slide sociologia
slide sociologiaslide sociologia
slide sociologia
 
Branding para Empreendedores
Branding para EmpreendedoresBranding para Empreendedores
Branding para Empreendedores
 
Publicidade e sociedade
Publicidade e sociedadePublicidade e sociedade
Publicidade e sociedade
 
Dr2 identidade e alteridade CP
Dr2 identidade e alteridade CPDr2 identidade e alteridade CP
Dr2 identidade e alteridade CP
 
Comportamento do consumidor online
Comportamento do consumidor online Comportamento do consumidor online
Comportamento do consumidor online
 
A construção da identidade social
A construção da identidade socialA construção da identidade social
A construção da identidade social
 

Mais de Érica Rigo

A Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no Pinterest
A Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no PinterestA Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no Pinterest
A Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no Pinterest
Érica Rigo
 
Modificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias Digitais
Modificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias DigitaisModificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias Digitais
Modificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias Digitais
Érica Rigo
 
Imagem-Conceito: Grupo Zaffari
Imagem-Conceito: Grupo ZaffariImagem-Conceito: Grupo Zaffari
Imagem-Conceito: Grupo Zaffari
Érica Rigo
 
Aliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total Aventura
Aliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total AventuraAliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total Aventura
Aliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total Aventura
Érica Rigo
 
Composto Mercadológico (4Ps)
Composto Mercadológico (4Ps)Composto Mercadológico (4Ps)
Composto Mercadológico (4Ps)
Érica Rigo
 
Análise de Repercussão na Mídia - Gleisi Hoffmann
Análise de Repercussão na Mídia - Gleisi HoffmannAnálise de Repercussão na Mídia - Gleisi Hoffmann
Análise de Repercussão na Mídia - Gleisi Hoffmann
Érica Rigo
 
Comunicação Pública na Pós Modernidade
Comunicação Pública na Pós ModernidadeComunicação Pública na Pós Modernidade
Comunicação Pública na Pós Modernidade
Érica Rigo
 
A dialética entre homem e máquina no cinema
A dialética entre homem e máquina no cinemaA dialética entre homem e máquina no cinema
A dialética entre homem e máquina no cinema
Érica Rigo
 
Os meios como extensões
Os meios como extensõesOs meios como extensões
Os meios como extensões
Érica Rigo
 
Pierre Lévy - O movimento social da cibercultura
Pierre Lévy - O movimento social da ciberculturaPierre Lévy - O movimento social da cibercultura
Pierre Lévy - O movimento social da cibercultura
Érica Rigo
 
Ciúme Patológico
Ciúme PatológicoCiúme Patológico
Ciúme Patológico
Érica Rigo
 
Webwriting
WebwritingWebwriting
Webwriting
Érica Rigo
 
Os Meios ou as Mediações?
Os Meios ou as Mediações?Os Meios ou as Mediações?
Os Meios ou as Mediações?
Érica Rigo
 
Projeto "Seguranca Total"
Projeto "Seguranca Total"Projeto "Seguranca Total"
Projeto "Seguranca Total"
Érica Rigo
 
História do Design Impresso
História do Design ImpressoHistória do Design Impresso
História do Design Impresso
Érica Rigo
 
David LaChapelle
David LaChapelleDavid LaChapelle
David LaChapelle
Érica Rigo
 
Direito à Comunicação
Direito à ComunicaçãoDireito à Comunicação
Direito à Comunicação
Érica Rigo
 
Comunicação na ONG Parceiros Voluntários
Comunicação na ONG Parceiros VoluntáriosComunicação na ONG Parceiros Voluntários
Comunicação na ONG Parceiros Voluntários
Érica Rigo
 
Pesquisa na ONG Parceiros Voluntários
Pesquisa na ONG Parceiros VoluntáriosPesquisa na ONG Parceiros Voluntários
Pesquisa na ONG Parceiros Voluntários
Érica Rigo
 
Pesquisa Qualitativa
Pesquisa QualitativaPesquisa Qualitativa
Pesquisa Qualitativa
Érica Rigo
 

Mais de Érica Rigo (20)

A Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no Pinterest
A Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no PinterestA Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no Pinterest
A Organização como Curadora: O setor imobiliário brasileiro no Pinterest
 
Modificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias Digitais
Modificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias DigitaisModificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias Digitais
Modificações na Comunicação Organizacional Frente às Novas Mídias Digitais
 
Imagem-Conceito: Grupo Zaffari
Imagem-Conceito: Grupo ZaffariImagem-Conceito: Grupo Zaffari
Imagem-Conceito: Grupo Zaffari
 
Aliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total Aventura
Aliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total AventuraAliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total Aventura
Aliando Atividade Física e Educação Ambiental: Projeto Total Aventura
 
Composto Mercadológico (4Ps)
Composto Mercadológico (4Ps)Composto Mercadológico (4Ps)
Composto Mercadológico (4Ps)
 
Análise de Repercussão na Mídia - Gleisi Hoffmann
Análise de Repercussão na Mídia - Gleisi HoffmannAnálise de Repercussão na Mídia - Gleisi Hoffmann
Análise de Repercussão na Mídia - Gleisi Hoffmann
 
Comunicação Pública na Pós Modernidade
Comunicação Pública na Pós ModernidadeComunicação Pública na Pós Modernidade
Comunicação Pública na Pós Modernidade
 
A dialética entre homem e máquina no cinema
A dialética entre homem e máquina no cinemaA dialética entre homem e máquina no cinema
A dialética entre homem e máquina no cinema
 
Os meios como extensões
Os meios como extensõesOs meios como extensões
Os meios como extensões
 
Pierre Lévy - O movimento social da cibercultura
Pierre Lévy - O movimento social da ciberculturaPierre Lévy - O movimento social da cibercultura
Pierre Lévy - O movimento social da cibercultura
 
Ciúme Patológico
Ciúme PatológicoCiúme Patológico
Ciúme Patológico
 
Webwriting
WebwritingWebwriting
Webwriting
 
Os Meios ou as Mediações?
Os Meios ou as Mediações?Os Meios ou as Mediações?
Os Meios ou as Mediações?
 
Projeto "Seguranca Total"
Projeto "Seguranca Total"Projeto "Seguranca Total"
Projeto "Seguranca Total"
 
História do Design Impresso
História do Design ImpressoHistória do Design Impresso
História do Design Impresso
 
David LaChapelle
David LaChapelleDavid LaChapelle
David LaChapelle
 
Direito à Comunicação
Direito à ComunicaçãoDireito à Comunicação
Direito à Comunicação
 
Comunicação na ONG Parceiros Voluntários
Comunicação na ONG Parceiros VoluntáriosComunicação na ONG Parceiros Voluntários
Comunicação na ONG Parceiros Voluntários
 
Pesquisa na ONG Parceiros Voluntários
Pesquisa na ONG Parceiros VoluntáriosPesquisa na ONG Parceiros Voluntários
Pesquisa na ONG Parceiros Voluntários
 
Pesquisa Qualitativa
Pesquisa QualitativaPesquisa Qualitativa
Pesquisa Qualitativa
 

Último

Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 

Último (20)

Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 

Marketing de Identificação

  • 1. BIB2282 – Merchandising Marketing de Identificação Angela, Bianca, Diego, Érica, Luiza Z. Abril/2012
  • 2. O marketing de identificação vai além das sensações, sentimentos, cognições e ações individuais. Ele relaciona: PESSOA CONTEXTO SOCIAL E CULTURAL da marca
  • 3. Identificação: ligação com outras pessoas, grupos sociais, culturas. O MKT de Identificação utiliza-se das experiências relacionadas ao: Sensação – Sentimento – Pensamento – Ação
  • 4. Principal objetivo é ligar: Significado social da marca Cliente
  • 5. Não podemos compreender o comportamento do consumidor sem entender o que a posse significa pra ele. As nossas posses fazem parte de nós mesmos, conscientemente ou não.
  • 6. O marketing de identificação está diretamente associado aos conceitos da psicologia social. Como o comportamento de uma pessoa pode ser influenciado pela:  presença real  imaginária ou  implícita de outras pessoas.
  • 7. Presença real: Influência social resultante de contato direto.
  • 8. Presença imaginária: Comprar modifica a identidade ou a participação no grupo.
  • 9. Presença implícita: Cliente apresenta um comportamento esperado por um grupo de referência (muitas vezes sem perceber).
  • 10. Classificação e identidade social Identificação necessidade de categorização e de busca de sentido.
  • 11. Categorias sociais são classificadas através de atributos: • Mulher • Advogada • De Nova Iorque •Mulher Advogada de Nova Iorque
  • 12. As categorias sociais são transformadas pela comunicação em protótipos ou estereótipos de um consumidor Os estereótipos tem a função de atribuir aos indivíduos uma identidade social
  • 13. Identificação = Distinção Identificação não é apenas sentir-se incluído em um grupo, mas também diferente de outro. É uma necessidade de distinção social.
  • 14. Identidade Social Nós vs. Eles
  • 15. Relações de Parentesco O sentimento de amor familiar é uma característica inata do ser humano. Temos tendência natural de compartilhar com nossos familiares o que nos faz bem.
  • 16. Papéis Sociais Identificação mais generalizada e abstrata. Consumidores sentem afinidade por outros consumidores de um mesmo produto.
  • 18. Os valores remetem ao que seria importante na vida de cada pessoa. O grau de importância varia individualmente. As culturas não se diferem pelos valores, mas sim pela importância que cada cultura dá a esses valores.
  • 19. Individualidade x Coletividade Preocupação com o bem estar das pessoas, lealdade, honestidade, amizade X Status social e prestígio, poder social, riqueza, autoridade
  • 20. Valores e atitudes específicas Se o valor é próprio de uma cultura, o profissional deve levar em conta as diferenças culturais para elaborar a campanha.
  • 24. Necessidade de Confirmação Formação do Self  Influência de outras pessoas  Busca pela confirmação do nosso auto conceito
  • 25. Marketing de Identificação através de Celebridades Criar (ou induzir) identificação entre marca e um determinado grupo de referência através de uma celebridade.
  • 26. O Endosso acontece: Foto no Produto Nome no Produto
  • 28. Por que as pessoas se identificam com uma marca? -- “Eu faço parte de um grupo X” -- “Eu também sou X” -- “Ser X é bom” - “Eu tenho boas experiências quando uso essa marca” Assim, elas se “apossam” da marca, criam uma relação de proximidade de comunidades.
  • 29. BIRG (basking in the reflected glory) Quando o time vai bem as pessoas usam mais os produtos da marca.
  • 30. Se alguém legal faz aniversário no mesmo dia que eu, eu me sinto bem.
  • 31. Estabelecendo relações com as marcas Ao descrever sua relação com as marcas, os consumidores usam frases parecidas com as que descrevem suas relações com seres humanos. Assim, as marcas adquirem qualidades de seres vivos, que incluem:
  • 32. As marcas parecem estar imbuídas do espírito do passado
  • 33. As marcas ficam antropomorfizadas
  • 34. As marcas tornam-se amigos próximos
  • 35. Comunidades de marca Como uma série estruturada de identificação social de usuários de marca
  • 36. “Sinto uma identificação imediata com um estranho que esteja usando a mesma marca que eu”
  • 37. O marketing de identificação fornece experiências fortes resultantes da interação entre o significado sociocultural e a necessidade de identificação social do cliente.