SlideShare uma empresa Scribd logo
Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher
MANUAL DE CUIDADOS BÁSICOS COM
               A PELE




                                    MÓDULO ÚNICO




Atenção: O material deste módulo está disponível apenas como parâmetro de estudos para este Programa de
Educação Continuada. É proibida qualquer forma de comercialização ou distribuição do mesmo sem a
autorização expressa do Portal Educação. Os créditos do conteúdo aqui contido são dados aos seus respectivos
autores descritos nas Referências Bibliográficas.
SUMÁRIO




1 - INTRODUÇÃO
2- TIPO DE PELE

3- DICAS E SEQUÊNCIA PARA ROSTO COLO E PESCOÇO

4- DICAS E SEQUENCIA DE CUIDADOS PARA O CORPO

5- CUIDADOS COM MÃOS E PÉS
1.0 Introdução




       Este é um manual, que vai ajudar você no cuidado diário do dia
a dia.Contudo se for realizar algum tipo de tratamento ou deseja algo
específico como uso de cremes à base de ácidos, clareadores,
antiaging. Recomendamos sempre que procure uma orientação de um
médico dermatologista.




        Ao compreendermos as funções que a pele exerce no corpo, poderemos enxergar de forma
mais clara a necessidade de cuidados diários que ela necessita.




        A pele é considerada o maior órgão (órgão?) isto mesmo e como todo órgão, ela envelhece e
precisa de cuidados saudáveis ( como beber muita água, usar o protetor solar, hidratar e nutrir, ter
uma alimentação saudável...).




2.0 TIPOS DE PELE




        Você sabe qual o seu tipo de pele? Então para poder fazer corretamente os cuidados diários
é necessário saber qual o seu tipo de pele.




PELE NORMAL: Ao tocar é macia, aveludada e os poros são bem
fechados, não apresenta oleosidade, é semelhante a uma pele de bebê.




PELES OLEOSAS:        Característica principal deste tipo de pele é o
caráter brilhante devido à presença quase que constante de oleosidade,
além dos poros serem mais dilatados, espessura mais grossa.
PELE SECA: Ao contrario da pele oleosa a pele seca falta oleosidade, e também água (hidratação),
esta pele apresenta-se mais fina, opaca, sem vitalidade, pouco elástica..




PELE MISTA: É um tipo muito comum, a região T (testa, nariz e pescoço) apresenta se mais oleosa,
onde justamente temos uma maior quantidade de glândulas sebáceas.Pode ser também que alguns
apresentem esta região central (T) oleosa e as laterais como bochecha, ser considerada normal ou
seca.




3.0 SEQUÊNCIA PARA ROSTO COLO E PESCOÇO




MANHÃ




        Higienização       Tonificação       Hidratação        Filtro Solar




          Esfoliar     Tonificação         Hidratação         Filtro Solar




Higienizar : A primeira ação pela manhã deve ser a higienização. Esta
deve ser com um sabonete adequado ao seu tipo de pele. Os sabonetes
faciais podem ser comprados em lojas específicas para cosméticos ou
manipulados em farmácias de manipulação.




                                                   .
Forma de aplicação:

         Aplique uma pequena quantidade de sabonete com a pele úmida, faça movimentos circulares
com os dedos, feche bem os olhos, e esfregue de forma suave todo o rosto, em seguida enxaguar
com água, vamos para o segundo passo.




Esfoliar : Se for o dia da esfoliação (obedecendo a regras quanto ao número de vezes) então ela seria
o segundo passo podendo ser pela manhã ou à noite. Caso não fosse esfoliar passaria para a etapa
seguinte (tonificar).




         O ato de esfoliar o rosto deve ser feito com movimentos circulares, lentos e superficiais, não
forçados para não machucar ou ferir a pele, o atrito não deve causar vermelhidão exagerada nem
irritações.




         Pessoas de pele sensível devem evitar a esfoliação. A esfoliação é o segundo passo, porém
não é para ser feita diariamente.




         Pessoas de pele oleosas podem realizar até duas vezes na semana, já as peles normais,
uma vez e pele seca a cada 15 dias. Isto somente se não estiver fazendo nenhum tratamento com
ácidos ou laser em clínicas. Pois quando realizamos esses tratamentos a pele já fica muito fina e
sensível, então não podemos esfoliar em casa.




         Forma de aplicar: Depois de definir seu esfoliante, aplique em todo o rosto e espalhe, tome
cuidado com os olhos com as partículas de esfoliante. Realize movimentos circulares, suaves em todo
rosto em torno de 5 repetições por local. Depois enxágue bem com água retirando completamente os
resíduos.
Tonificar: Muitos desconhecem a função e importância de um tônico.
Acontece que ao lavarmos a pele mesmo com um sabonete
especialmente para o rosto, tiramos o pH natural, além do que o sebo,
que forma um manto hidrolipídico na pele é uma proteção do organismo
.




           Tonificar é devolver o equilíbrio a pele. Os tônicos são formulados justamente em forma de
loção, e podem trazer outros benefícios com ativos específicos.




           Formas de aplicar: Para tonificar você irá, colocar o produto em um algodão a fim de ficar
bem úmido, aplicando na face, colo e pescoço, com leves ‘’batidinhas’’, estimulando a pele a absorver
a loção tônica. Espere secar, não retire.




Hidratar




Aplique seu produto de tratamento seja ele firmante, revitalizante ou
para tratar e prevenir rugas.Use em creme para peles secas e
normais, e em gel ou gel creme, para peles oleosas, se tiver acne
este é o momento de um tratamento, seja com um loção para
cicatrizar e secar as ‘’espinhas’’, ou uma pomada indicada pelo
dermatologista.
Formas de aplicação:




         1-   Retire o produto da embalagem com o auxílio de uma espátula, para evitar
contaminação. Espalhe pouca quantidade de produto uniformemente em todo o rosto, o excesso só ira
fazer perder produto, a pele só vai absorver a quantidade que necessita.
         2-   Comece aplicando nos pontos principais: testa, dos dois lados do nariz, maças do rosto,
queixo, pescoço e colo. Espalhe o creme com os dedos, tendo o cuidado de fazer movimentos de
baixo para cima e sempre do centro do rosto para fora, desta forma eleva e massageia os músculos
prevenindo a flacidez.
         3-    Para finalizar faça com a ponta dos dedos toques muito leves e rápidos, repita várias
vezes.
         4-   Não deixe de aplicar no pescoço e colo, todos se esquecem desta região, muitas vezes
vemos uma pele da face bonita, revitalizada rejuvenescida, mas o pescoço e colo, com manchas,
flacidez e rugas, se não darmos atenção a esta região ela com certeza ficará diferente, espalhe creme
fazendo movimentos de baixo para cima, existem também cremes específicos para o colo e pescoço.




Região dos olhos




         Devido a pele ser mais fina, sensível e com menos
glândulas sebáceas, a pele da região precisa mesmo de
cuidados especiais com ativos e movimentos específicos, por
isso vemos uma infinidade de produtos somente para a região
dos olhos, além disso, eles podem vir com tratamento
antiolheiras, bolsas (inchaço) que muitos tem na região da
pálpebra, coisa que as demais regiões do rosto não
necessitam.
Tão importante quanto o produto é a maneira de aplicá-lo. Movimentos corretos garantem
melhor aproveitamento dos ativos e pele mais saudável e bonita.




         Formas de aplicar:




         1-      Espalhe o produto com o dedo anelar, muitos usam passar com o dedo indicador junto
com o dedo médio, mas com certeza a pressão sobre a pele é maior quando você usa estes dedos,
lembre se apele é fina e sensível.
         2-      Aplique com leves batidinhas a partir do canto externo e, ao chegar ao canto interno,
cuidado com o canto interno (canal lacrimal) ao chegar neste ponto pule e recomece pela base da
sobrancelha. Siga passando o creme logo abaixo da sobrancelha (sobre o ossinho) que segue o
desenho da sobrancelha, até chegar no outro canto.




Protetor Solar




         Este momento não pode ser ignorado, passe seu filtro logo pela manhã, se for trabalhar ou
sair de casa por um tempo prolongado (mais de 4 horas) leve com você, o melhor é ter uma versão
prática para reaplicação como em pó ou loção spray, mas escolha de acordo com seu tipo de pele.

         Para quem é adepta e não abre mão de maquiagem de dia, aplique o filtro e faça sua
maquiagem (ela será um barreira) para replicar o filtro ficará bem difícil remover todo o make e
reaplicar, a dica é use como preparo da pele uma base com filtro (já é um começo), mas o melhor e
ideal mesmo é usar filtro com base (tonalizantes) na hora de reaplicar vai facilitar muito.
NOITE

Demaquilar             Higienização        Tonificação        Nutrição (Facial e Área Olhos).




         Os passos são exatamente iguais aos feitos pela manhã com pequenas diferenças, como:




DEMAQUILAR : Após passar um longo período do seu último cuidado com a pele, ela está com
resíduos de poluição, maquiagem e cosméticos. Então demaquilar é muito importante.

         Formas de aplicação: Espalhe o produto no rosto e passe um algodão com movimentos leves
e de baixo para cima, veja que, provavelmente, sairá no algodão sujeira (poluição).




HIDRATAÇÃO/NUTRIÇÃO: Talvez este seja o passo mais diferenciado, a noite podemos usar
produtos se for indicado e necessário, que contenham ácidos, estes ativos são fotossensibilizantes (ou
seja) se usados de dia causam queimaduras e manchas na pele devido aos raios solares. Por isto
muitas embalagens podem vir escrito (uso noturno).




         Nutrir é diferente de hidratar, se de dia você tem um hidratante a noite você pode usar um
creme nutritivo (com vitaminas, oligominerais) ex. vitamina C,E,A.




         Aplique da mesma forma que o hidratante do dia, e aplique seu produto específico para pele
da região dos olhos.

         Peles com acne ou manchas que estejam fazendo um tratamento sob orientações, de certa
forma seguirá os mesmos passos, mas com produtos específicos para o tratamento de acordo com
a necessidade.
4.0 DICAS E SEQUENCIA DE CUIDADOS PARA O CORPO




        A pele do corpo é diferente do rosto isto é fato, então, claro que os cuidados serão
diferenciados.

        Na prática diária o corpo não tem muitos procedimentos como o rosto, mas os cuidados são
essenciais da mesma forma, para se ter uma pele renovada e macia.




ESFOLIANTES




        Os esfoliantes corporais são bem mais espessos
(grossos) que os usados no rosto. A esfoliação corporal pode
ser feita uma vez a cada 15 dias para peles normais, e uma
vez no mês para peles secas.

        As partículas de esfoliantes podem vir em sabonetes
em barras, cremes esfoliantes, sabonete líquidos, gomagem.
HIDRATANTES




        Na parte hidratantes, deve ter milhões de opções no
mercado. A pele possui uma hidratação natural, água mesmo,
mas por outro lado os fatores climáticos fazem a pele diminuir
esta hidratação, no frio a pele desidrata devido a pouca
umidade do ar, já no calor o corpo transpira demais e perde
muita água.




        Outros fatores externos como ares-condicionados que diminuem muito a umidade do local,
banho muito quente, fatores hormonais (ex. menopausa) podem desfavorecer esta hidratação, sendo
necessário levarmos ou reter esta água na pele.

        Em geral, as pessoas estão sujeitas a uma pele mais ressecada e é importante observar que
existem ativos valiosíssimos que realmente hidratam.

        Exemplos de ativos hidratantes seriam, uréia,acido hialurônico, pca-na, aquaporina, extratos
vegetais, vitamina E, d –pantenol).




ÓLEOS




        Os óleos são uma forma de lubrificar a pele, não penetram nas camadas mais internas, mas
faz o que chamamos de oclusão (forma um filme) com a pele e evita também a perda da água.

        Preferencialmente use seu hidratante pós-banho com a pele úmida ainda para aumentar o
poder de penetração, se for usar um óleo o ideal também é aplicar com o corpo molhado, podendo ser
até durante o banho.
TRATAMENTOS ESPECÍFICOS




         Quando falamos de celulite, gordura localizada, estrias, flacidez de pele temos que entender
que trata-se então de um produto ou sequência de cuidados específicos, com muitas particularidades
é necessário uma avaliação de um profissional que trabalhe com estética.




         Sequência para o corpo:




         Durante o banho use bons sabonetes, principalmente os que
contenham ativos hidratantes, caso esteja muito frio não demore no banho
quente, a água quente resseca a pele, se tiver tempo e for o dia de esfoliar
isto pode ser feito no banho, espalhe o esfoliante no corpo e com uma
bucha vegetal ou mesmo com as mãos faça movimentos circulares sempre
de baixo para cima (começando dos pés em direção a pernas).




         Se for usar óleo pode aplicar no banho também, caso prefira somente os hidratantes aplique:




         1-    Dos pés, você deve subir para panturrilha, fazendo movimentos
de baixo para cima até os joelhos;
         2-    É importante massagear a pele com movimentos circulares e
pressionados. Quando aplicados nas pernas, a mulher deve massagear do
joelho em direção à virilha;
         3-    Nas coxas, a massagem com o hidratante continua no sentindo
da região da virilha;
4-     Na região da cintura onde é o lugar preferido das gorduras localizadas, os movimentos
devem ser diagonal (formando cintura). Na barriga, faça um deslizamento no sentido horário em volta
do umbigo (como o sentido do relógio), assim você auxilia o trabalho intestinal;
         5-     Nos seios o movimento continua em formato de círculos, rodeando a mama, do centro
para fora;
         6-     Nos braços comece na direção do punho em direção a axilas;
         7-     Nas costas certamente você precisará de um auxílio. Na parte inferior para virilha e a
parte superior em direção a axila.



              Claro que é uma sequência enorme, mas o fato que seguindo a sequência você estará
   auxiliando o corpo com a massagem e também a própria drenagem linfática. Isto serve para cremes
   e óleos de hidratação.




              Por fim não esqueça que regiões expostas ao sol devem sempre receber protetor solar,
   rosto,colo, pescoço, braços e mãos principalmente.




5.0 CUIDADOS COM MÃOS E PÉS




         As mãos são as bússolas do envelhecimento, pois além de muitas vezes esquecidas de
receberem hidratação, também nos esquecemos da proteção solar, ficando exposta recebe todas as
agressões possíveis que levam à formação de manchas, flacidez, rugas e ressecamento.




         Cuidados Essenciais




         1-     Esfolie no banho quando for esfoliar o corpo,
use hidratantes com ativos antioxidantes.
2-    Portanto, a forma mais eficaz de evitar esse problema continua sendo a utilização
regular de luvas especiais para serviços domésticos (como lavar louças, cuidar das plantas, ou mexer
com qualquer tipo de produto químico).



        3-    Quem devido a profissão tem que lavar as mãos a todo o momento, deve redobrar os
cuidados. Uma opção é usar um creme para criar uma barreira protetora na pele e ainda, substituir os
sabonetes comuns (muito alcalinos) por produtos à base de glicerina ou com coco são menos
agressivos.

        4-    Sempre aplique filtro solar.




                                                 .
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS




GUIRRO, E.; GUIRRO, R. Fisioterapia Dermato-funcional. 3. ed. São Paulo: Manole, 2004.




BARATA, Eduardo A. F. Cosméticos: arte e ciência. Lisboa: Lidel, 2002.




BORGES, F. S. Modalidades Terapêuticas nas disfunções estéticas. São Paulo: Phorte, 2006.




KEDE, Maria P. V.; SABATOVICH, Oleg. Dermatologia Estética. 1. ed. Rio de Janeiro: Atheneu,
2003.




HERNANDEZ, Micheline; FRESNER, Marie M. M. Manual de Cosmetologia. 3. ed. Rio de Janeiro:
Revinter, 1999.




RIBEIRO, Cláudio. Cosmetologia Aplicada a Dermoestética. 1. ed. São Paulo: Pharmabooks, 2006.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula feridas e curativos
Aula feridas e curativosAula feridas e curativos
Aula feridas e curativos
Viviane da Silva
 
Cosmetologia
CosmetologiaCosmetologia
Cosmetologia
Dirlaine Anacleto
 
Limpeza terminal
Limpeza terminalLimpeza terminal
Limpeza terminal
Viviane da Silva
 
1. coleta de sangue
1. coleta de sangue1. coleta de sangue
1. coleta de sangue
Jéssica Bomfim
 
Doenças frequentes da infancia - pediatria
Doenças frequentes da infancia - pediatriaDoenças frequentes da infancia - pediatria
Doenças frequentes da infancia - pediatria
Gabriel Jefferson Oliveira
 
Saúde da mulher
Saúde da mulherSaúde da mulher
Saúde da mulher
Michelle Santos
 
Prontuário
ProntuárioProntuário
Limpeza e higienização hospitalar
Limpeza e higienização hospitalarLimpeza e higienização hospitalar
Limpeza e higienização hospitalar
B&R Consultoria Empresarial
 
Indicadores e teste biológicos
Indicadores e teste biológicosIndicadores e teste biológicos
Indicadores e teste biológicos
Camila Pedrini Pereira
 
Biossegurança na enfermagem
Biossegurança na enfermagemBiossegurança na enfermagem
Biossegurança na enfermagem
Juliana Maciel
 
Aula biossegurança dna
Aula biossegurança   dnaAula biossegurança   dna
Aula biossegurança dna
anadeiva
 
Aula esterilizacao
Aula esterilizacaoAula esterilizacao
Aula esterilizacao
Mario Santos Aguiar
 
Aula limpeza de pele
Aula limpeza de peleAula limpeza de pele
Aula limpeza de pele
Dry Rodrigues
 
Acesso Venosos Em CriançAs E Adultos
Acesso Venosos Em CriançAs E AdultosAcesso Venosos Em CriançAs E Adultos
Acesso Venosos Em CriançAs E Adultos
Renato Bach
 
Acidentes com perfurocortantes
Acidentes com perfurocortantesAcidentes com perfurocortantes
Acidentes com perfurocortantes
Ricardo Alanís
 
Aula prática.1 coleta e anticoagulantes.06
Aula prática.1   coleta e anticoagulantes.06Aula prática.1   coleta e anticoagulantes.06
Aula prática.1 coleta e anticoagulantes.06
Roberta Reila
 
Esterilizar
EsterilizarEsterilizar
Esterilizar
guestf58886
 
2o ano.bioquimica.seminario de pratica coleta
2o ano.bioquimica.seminario de pratica   coleta2o ano.bioquimica.seminario de pratica   coleta
2o ano.bioquimica.seminario de pratica coleta
rasg75
 
Limpeza de Pele
Limpeza de PeleLimpeza de Pele
Limpeza de Pele
Julie Christie Do Brasil
 
CICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdf
CICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdfCICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdf
CICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdf
Simone Maia
 

Mais procurados (20)

Aula feridas e curativos
Aula feridas e curativosAula feridas e curativos
Aula feridas e curativos
 
Cosmetologia
CosmetologiaCosmetologia
Cosmetologia
 
Limpeza terminal
Limpeza terminalLimpeza terminal
Limpeza terminal
 
1. coleta de sangue
1. coleta de sangue1. coleta de sangue
1. coleta de sangue
 
Doenças frequentes da infancia - pediatria
Doenças frequentes da infancia - pediatriaDoenças frequentes da infancia - pediatria
Doenças frequentes da infancia - pediatria
 
Saúde da mulher
Saúde da mulherSaúde da mulher
Saúde da mulher
 
Prontuário
ProntuárioProntuário
Prontuário
 
Limpeza e higienização hospitalar
Limpeza e higienização hospitalarLimpeza e higienização hospitalar
Limpeza e higienização hospitalar
 
Indicadores e teste biológicos
Indicadores e teste biológicosIndicadores e teste biológicos
Indicadores e teste biológicos
 
Biossegurança na enfermagem
Biossegurança na enfermagemBiossegurança na enfermagem
Biossegurança na enfermagem
 
Aula biossegurança dna
Aula biossegurança   dnaAula biossegurança   dna
Aula biossegurança dna
 
Aula esterilizacao
Aula esterilizacaoAula esterilizacao
Aula esterilizacao
 
Aula limpeza de pele
Aula limpeza de peleAula limpeza de pele
Aula limpeza de pele
 
Acesso Venosos Em CriançAs E Adultos
Acesso Venosos Em CriançAs E AdultosAcesso Venosos Em CriançAs E Adultos
Acesso Venosos Em CriançAs E Adultos
 
Acidentes com perfurocortantes
Acidentes com perfurocortantesAcidentes com perfurocortantes
Acidentes com perfurocortantes
 
Aula prática.1 coleta e anticoagulantes.06
Aula prática.1   coleta e anticoagulantes.06Aula prática.1   coleta e anticoagulantes.06
Aula prática.1 coleta e anticoagulantes.06
 
Esterilizar
EsterilizarEsterilizar
Esterilizar
 
2o ano.bioquimica.seminario de pratica coleta
2o ano.bioquimica.seminario de pratica   coleta2o ano.bioquimica.seminario de pratica   coleta
2o ano.bioquimica.seminario de pratica coleta
 
Limpeza de Pele
Limpeza de PeleLimpeza de Pele
Limpeza de Pele
 
CICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdf
CICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdfCICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdf
CICLO MESTRUAL E GRAVIDEZ_23.pdf
 

Semelhante a Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher

Pele
PelePele
Pele
CaAvon
 
Catálogo Jeunesse
Catálogo JeunesseCatálogo Jeunesse
Catálogo Jeunesse
Andres Postigo
 
Dicas Automaquilhagem
Dicas AutomaquilhagemDicas Automaquilhagem
Dicas Automaquilhagem
Katia Cavaloti
 
Treinamento cuidado facial inicial
Treinamento cuidado facial inicialTreinamento cuidado facial inicial
Treinamento cuidado facial inicial
REGIS SILVA
 
Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto
Rita Luz
 
Lbel ciclo 06 junho 2013
Lbel ciclo 06 junho 2013Lbel ciclo 06 junho 2013
Lbel ciclo 06 junho 2013
Meus Cosméticos
 
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptxApresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
jcmmcoelho
 
Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma na verdade ajudar remov...
Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma   na verdade ajudar remov...Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma   na verdade ajudar remov...
Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma na verdade ajudar remov...
barbarousorient37
 
Tutorial - Facial Hino's
Tutorial - Facial Hino'sTutorial - Facial Hino's
Tutorial - Facial Hino's
Fabiano Santos Silva
 
Apresentação para blog
Apresentação  para blogApresentação  para blog
Apresentação para blog
VICTORNEGAO
 
Apresentação para blog
Apresentação  para blogApresentação  para blog
Apresentação para blog
VICTORNEGAO
 
Apresentação para blog.pps
Apresentação  para blog.ppsApresentação  para blog.pps
Apresentação para blog.pps
VICTORNEGAO
 
Catalogo - L'Bel
Catalogo - L'BelCatalogo - L'Bel
Catalogo - L'Bel
Luciano Laartesgerais
 
Dicas para sessão de cuidados
Dicas para sessão de cuidadosDicas para sessão de cuidados
Dicas para sessão de cuidados
Luciana Velasquez
 
Lbel-março 2013
Lbel-março 2013Lbel-março 2013
Lbel-março 2013
Meus Cosméticos
 
Curso maquiagem profissional
Curso maquiagem profissionalCurso maquiagem profissional
Curso maquiagem profissional
OBSCURYCHASH
 
Maquiagem
MaquiagemMaquiagem
Maquiagem
Nívia Gomes
 
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradiaLimpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
vencerPadrao3
 
Treinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewiseTreinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewise
Luciana Velasquez
 
Treinamento Fleur De Jouvence
Treinamento Fleur De JouvenceTreinamento Fleur De Jouvence
Treinamento Fleur De Jouvence
migsena
 

Semelhante a Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher (20)

Pele
PelePele
Pele
 
Catálogo Jeunesse
Catálogo JeunesseCatálogo Jeunesse
Catálogo Jeunesse
 
Dicas Automaquilhagem
Dicas AutomaquilhagemDicas Automaquilhagem
Dicas Automaquilhagem
 
Treinamento cuidado facial inicial
Treinamento cuidado facial inicialTreinamento cuidado facial inicial
Treinamento cuidado facial inicial
 
Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto Cuidados do-rosto
Cuidados do-rosto
 
Lbel ciclo 06 junho 2013
Lbel ciclo 06 junho 2013Lbel ciclo 06 junho 2013
Lbel ciclo 06 junho 2013
 
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptxApresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
Apresentação Multimédia - Joana Coelho.pptx
 
Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma na verdade ajudar remov...
Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma   na verdade ajudar remov...Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma   na verdade ajudar remov...
Pode uma ruga fórmula pele removedor como liftderma na verdade ajudar remov...
 
Tutorial - Facial Hino's
Tutorial - Facial Hino'sTutorial - Facial Hino's
Tutorial - Facial Hino's
 
Apresentação para blog
Apresentação  para blogApresentação  para blog
Apresentação para blog
 
Apresentação para blog
Apresentação  para blogApresentação  para blog
Apresentação para blog
 
Apresentação para blog.pps
Apresentação  para blog.ppsApresentação  para blog.pps
Apresentação para blog.pps
 
Catalogo - L'Bel
Catalogo - L'BelCatalogo - L'Bel
Catalogo - L'Bel
 
Dicas para sessão de cuidados
Dicas para sessão de cuidadosDicas para sessão de cuidados
Dicas para sessão de cuidados
 
Lbel-março 2013
Lbel-março 2013Lbel-março 2013
Lbel-março 2013
 
Curso maquiagem profissional
Curso maquiagem profissionalCurso maquiagem profissional
Curso maquiagem profissional
 
Maquiagem
MaquiagemMaquiagem
Maquiagem
 
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradiaLimpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
Limpeza de pele: confira um passo a passo para fazer em moradia
 
Treinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewiseTreinamanto produtos timewise
Treinamanto produtos timewise
 
Treinamento Fleur De Jouvence
Treinamento Fleur De JouvenceTreinamento Fleur De Jouvence
Treinamento Fleur De Jouvence
 

Mais de karol_ribeiro

Cartilha colesterol 2009
Cartilha colesterol 2009Cartilha colesterol 2009
Cartilha colesterol 2009
karol_ribeiro
 
Vivendo dpa guia_familiares_cuidadores
Vivendo dpa guia_familiares_cuidadoresVivendo dpa guia_familiares_cuidadores
Vivendo dpa guia_familiares_cuidadores
karol_ribeiro
 
Cartilha prevencao da hérnia lombar
Cartilha prevencao da hérnia lombarCartilha prevencao da hérnia lombar
Cartilha prevencao da hérnia lombar
karol_ribeiro
 
Manejo clinico dengue_3ed
Manejo clinico dengue_3edManejo clinico dengue_3ed
Manejo clinico dengue_3ed
karol_ribeiro
 
Livro manual de imunizações - hospital albert einstein
Livro   manual de imunizações - hospital albert einsteinLivro   manual de imunizações - hospital albert einstein
Livro manual de imunizações - hospital albert einstein
karol_ribeiro
 
Livro vademecum simplificado - influenza - ms
Livro   vademecum simplificado - influenza - msLivro   vademecum simplificado - influenza - ms
Livro vademecum simplificado - influenza - ms
karol_ribeiro
 
Cart vac
Cart vacCart vac
Cart vac
karol_ribeiro
 
Cartilhagripesuina baixaki
Cartilhagripesuina baixakiCartilhagripesuina baixaki
Cartilhagripesuina baixaki
karol_ribeiro
 
Normas gripe sazonal agosto 2010[1]
Normas gripe sazonal agosto 2010[1]Normas gripe sazonal agosto 2010[1]
Normas gripe sazonal agosto 2010[1]
karol_ribeiro
 
Cartilha saude mulher
Cartilha saude mulherCartilha saude mulher
Cartilha saude mulher
karol_ribeiro
 
Eu gosto de_ser_mulher
Eu gosto de_ser_mulherEu gosto de_ser_mulher
Eu gosto de_ser_mulher
karol_ribeiro
 
Hanseniase direitos humanos
Hanseniase direitos humanosHanseniase direitos humanos
Hanseniase direitos humanos
karol_ribeiro
 
Cartilha saude homem
Cartilha saude homemCartilha saude homem
Cartilha saude homem
karol_ribeiro
 
Cartilha prevencao doencas_infecciosas
Cartilha prevencao doencas_infecciosasCartilha prevencao doencas_infecciosas
Cartilha prevencao doencas_infecciosas
karol_ribeiro
 
Cartilha postura
Cartilha posturaCartilha postura
Cartilha postura
karol_ribeiro
 
Cartilha estresse
Cartilha estresseCartilha estresse
Cartilha estresse
karol_ribeiro
 
Cartilha pressao alta
Cartilha pressao altaCartilha pressao alta
Cartilha pressao alta
karol_ribeiro
 
Cartilha imunizacao
Cartilha imunizacaoCartilha imunizacao
Cartilha imunizacao
karol_ribeiro
 
Cartilha dst aids
Cartilha dst aidsCartilha dst aids
Cartilha dst aids
karol_ribeiro
 
Parto aborto puerperio
Parto aborto puerperioParto aborto puerperio
Parto aborto puerperio
karol_ribeiro
 

Mais de karol_ribeiro (20)

Cartilha colesterol 2009
Cartilha colesterol 2009Cartilha colesterol 2009
Cartilha colesterol 2009
 
Vivendo dpa guia_familiares_cuidadores
Vivendo dpa guia_familiares_cuidadoresVivendo dpa guia_familiares_cuidadores
Vivendo dpa guia_familiares_cuidadores
 
Cartilha prevencao da hérnia lombar
Cartilha prevencao da hérnia lombarCartilha prevencao da hérnia lombar
Cartilha prevencao da hérnia lombar
 
Manejo clinico dengue_3ed
Manejo clinico dengue_3edManejo clinico dengue_3ed
Manejo clinico dengue_3ed
 
Livro manual de imunizações - hospital albert einstein
Livro   manual de imunizações - hospital albert einsteinLivro   manual de imunizações - hospital albert einstein
Livro manual de imunizações - hospital albert einstein
 
Livro vademecum simplificado - influenza - ms
Livro   vademecum simplificado - influenza - msLivro   vademecum simplificado - influenza - ms
Livro vademecum simplificado - influenza - ms
 
Cart vac
Cart vacCart vac
Cart vac
 
Cartilhagripesuina baixaki
Cartilhagripesuina baixakiCartilhagripesuina baixaki
Cartilhagripesuina baixaki
 
Normas gripe sazonal agosto 2010[1]
Normas gripe sazonal agosto 2010[1]Normas gripe sazonal agosto 2010[1]
Normas gripe sazonal agosto 2010[1]
 
Cartilha saude mulher
Cartilha saude mulherCartilha saude mulher
Cartilha saude mulher
 
Eu gosto de_ser_mulher
Eu gosto de_ser_mulherEu gosto de_ser_mulher
Eu gosto de_ser_mulher
 
Hanseniase direitos humanos
Hanseniase direitos humanosHanseniase direitos humanos
Hanseniase direitos humanos
 
Cartilha saude homem
Cartilha saude homemCartilha saude homem
Cartilha saude homem
 
Cartilha prevencao doencas_infecciosas
Cartilha prevencao doencas_infecciosasCartilha prevencao doencas_infecciosas
Cartilha prevencao doencas_infecciosas
 
Cartilha postura
Cartilha posturaCartilha postura
Cartilha postura
 
Cartilha estresse
Cartilha estresseCartilha estresse
Cartilha estresse
 
Cartilha pressao alta
Cartilha pressao altaCartilha pressao alta
Cartilha pressao alta
 
Cartilha imunizacao
Cartilha imunizacaoCartilha imunizacao
Cartilha imunizacao
 
Cartilha dst aids
Cartilha dst aidsCartilha dst aids
Cartilha dst aids
 
Parto aborto puerperio
Parto aborto puerperioParto aborto puerperio
Parto aborto puerperio
 

Último

Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa CivilSeminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
EduardoLealSilva
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
FLAVIOROBERTOGOUVEA
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
Vanessa F. Rezende
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa CivilSeminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
 

Manual cuidados basicos portal educação dia da mulher

  • 2. MANUAL DE CUIDADOS BÁSICOS COM A PELE MÓDULO ÚNICO Atenção: O material deste módulo está disponível apenas como parâmetro de estudos para este Programa de Educação Continuada. É proibida qualquer forma de comercialização ou distribuição do mesmo sem a autorização expressa do Portal Educação. Os créditos do conteúdo aqui contido são dados aos seus respectivos autores descritos nas Referências Bibliográficas.
  • 3. SUMÁRIO 1 - INTRODUÇÃO 2- TIPO DE PELE 3- DICAS E SEQUÊNCIA PARA ROSTO COLO E PESCOÇO 4- DICAS E SEQUENCIA DE CUIDADOS PARA O CORPO 5- CUIDADOS COM MÃOS E PÉS
  • 4. 1.0 Introdução Este é um manual, que vai ajudar você no cuidado diário do dia a dia.Contudo se for realizar algum tipo de tratamento ou deseja algo específico como uso de cremes à base de ácidos, clareadores, antiaging. Recomendamos sempre que procure uma orientação de um médico dermatologista. Ao compreendermos as funções que a pele exerce no corpo, poderemos enxergar de forma mais clara a necessidade de cuidados diários que ela necessita. A pele é considerada o maior órgão (órgão?) isto mesmo e como todo órgão, ela envelhece e precisa de cuidados saudáveis ( como beber muita água, usar o protetor solar, hidratar e nutrir, ter uma alimentação saudável...). 2.0 TIPOS DE PELE Você sabe qual o seu tipo de pele? Então para poder fazer corretamente os cuidados diários é necessário saber qual o seu tipo de pele. PELE NORMAL: Ao tocar é macia, aveludada e os poros são bem fechados, não apresenta oleosidade, é semelhante a uma pele de bebê. PELES OLEOSAS: Característica principal deste tipo de pele é o caráter brilhante devido à presença quase que constante de oleosidade, além dos poros serem mais dilatados, espessura mais grossa.
  • 5. PELE SECA: Ao contrario da pele oleosa a pele seca falta oleosidade, e também água (hidratação), esta pele apresenta-se mais fina, opaca, sem vitalidade, pouco elástica.. PELE MISTA: É um tipo muito comum, a região T (testa, nariz e pescoço) apresenta se mais oleosa, onde justamente temos uma maior quantidade de glândulas sebáceas.Pode ser também que alguns apresentem esta região central (T) oleosa e as laterais como bochecha, ser considerada normal ou seca. 3.0 SEQUÊNCIA PARA ROSTO COLO E PESCOÇO MANHÃ Higienização Tonificação Hidratação Filtro Solar Esfoliar Tonificação Hidratação Filtro Solar Higienizar : A primeira ação pela manhã deve ser a higienização. Esta deve ser com um sabonete adequado ao seu tipo de pele. Os sabonetes faciais podem ser comprados em lojas específicas para cosméticos ou manipulados em farmácias de manipulação. .
  • 6. Forma de aplicação: Aplique uma pequena quantidade de sabonete com a pele úmida, faça movimentos circulares com os dedos, feche bem os olhos, e esfregue de forma suave todo o rosto, em seguida enxaguar com água, vamos para o segundo passo. Esfoliar : Se for o dia da esfoliação (obedecendo a regras quanto ao número de vezes) então ela seria o segundo passo podendo ser pela manhã ou à noite. Caso não fosse esfoliar passaria para a etapa seguinte (tonificar). O ato de esfoliar o rosto deve ser feito com movimentos circulares, lentos e superficiais, não forçados para não machucar ou ferir a pele, o atrito não deve causar vermelhidão exagerada nem irritações. Pessoas de pele sensível devem evitar a esfoliação. A esfoliação é o segundo passo, porém não é para ser feita diariamente. Pessoas de pele oleosas podem realizar até duas vezes na semana, já as peles normais, uma vez e pele seca a cada 15 dias. Isto somente se não estiver fazendo nenhum tratamento com ácidos ou laser em clínicas. Pois quando realizamos esses tratamentos a pele já fica muito fina e sensível, então não podemos esfoliar em casa. Forma de aplicar: Depois de definir seu esfoliante, aplique em todo o rosto e espalhe, tome cuidado com os olhos com as partículas de esfoliante. Realize movimentos circulares, suaves em todo rosto em torno de 5 repetições por local. Depois enxágue bem com água retirando completamente os resíduos.
  • 7. Tonificar: Muitos desconhecem a função e importância de um tônico. Acontece que ao lavarmos a pele mesmo com um sabonete especialmente para o rosto, tiramos o pH natural, além do que o sebo, que forma um manto hidrolipídico na pele é uma proteção do organismo . Tonificar é devolver o equilíbrio a pele. Os tônicos são formulados justamente em forma de loção, e podem trazer outros benefícios com ativos específicos. Formas de aplicar: Para tonificar você irá, colocar o produto em um algodão a fim de ficar bem úmido, aplicando na face, colo e pescoço, com leves ‘’batidinhas’’, estimulando a pele a absorver a loção tônica. Espere secar, não retire. Hidratar Aplique seu produto de tratamento seja ele firmante, revitalizante ou para tratar e prevenir rugas.Use em creme para peles secas e normais, e em gel ou gel creme, para peles oleosas, se tiver acne este é o momento de um tratamento, seja com um loção para cicatrizar e secar as ‘’espinhas’’, ou uma pomada indicada pelo dermatologista.
  • 8. Formas de aplicação: 1- Retire o produto da embalagem com o auxílio de uma espátula, para evitar contaminação. Espalhe pouca quantidade de produto uniformemente em todo o rosto, o excesso só ira fazer perder produto, a pele só vai absorver a quantidade que necessita. 2- Comece aplicando nos pontos principais: testa, dos dois lados do nariz, maças do rosto, queixo, pescoço e colo. Espalhe o creme com os dedos, tendo o cuidado de fazer movimentos de baixo para cima e sempre do centro do rosto para fora, desta forma eleva e massageia os músculos prevenindo a flacidez. 3- Para finalizar faça com a ponta dos dedos toques muito leves e rápidos, repita várias vezes. 4- Não deixe de aplicar no pescoço e colo, todos se esquecem desta região, muitas vezes vemos uma pele da face bonita, revitalizada rejuvenescida, mas o pescoço e colo, com manchas, flacidez e rugas, se não darmos atenção a esta região ela com certeza ficará diferente, espalhe creme fazendo movimentos de baixo para cima, existem também cremes específicos para o colo e pescoço. Região dos olhos Devido a pele ser mais fina, sensível e com menos glândulas sebáceas, a pele da região precisa mesmo de cuidados especiais com ativos e movimentos específicos, por isso vemos uma infinidade de produtos somente para a região dos olhos, além disso, eles podem vir com tratamento antiolheiras, bolsas (inchaço) que muitos tem na região da pálpebra, coisa que as demais regiões do rosto não necessitam.
  • 9. Tão importante quanto o produto é a maneira de aplicá-lo. Movimentos corretos garantem melhor aproveitamento dos ativos e pele mais saudável e bonita. Formas de aplicar: 1- Espalhe o produto com o dedo anelar, muitos usam passar com o dedo indicador junto com o dedo médio, mas com certeza a pressão sobre a pele é maior quando você usa estes dedos, lembre se apele é fina e sensível. 2- Aplique com leves batidinhas a partir do canto externo e, ao chegar ao canto interno, cuidado com o canto interno (canal lacrimal) ao chegar neste ponto pule e recomece pela base da sobrancelha. Siga passando o creme logo abaixo da sobrancelha (sobre o ossinho) que segue o desenho da sobrancelha, até chegar no outro canto. Protetor Solar Este momento não pode ser ignorado, passe seu filtro logo pela manhã, se for trabalhar ou sair de casa por um tempo prolongado (mais de 4 horas) leve com você, o melhor é ter uma versão prática para reaplicação como em pó ou loção spray, mas escolha de acordo com seu tipo de pele. Para quem é adepta e não abre mão de maquiagem de dia, aplique o filtro e faça sua maquiagem (ela será um barreira) para replicar o filtro ficará bem difícil remover todo o make e reaplicar, a dica é use como preparo da pele uma base com filtro (já é um começo), mas o melhor e ideal mesmo é usar filtro com base (tonalizantes) na hora de reaplicar vai facilitar muito.
  • 10. NOITE Demaquilar Higienização Tonificação Nutrição (Facial e Área Olhos). Os passos são exatamente iguais aos feitos pela manhã com pequenas diferenças, como: DEMAQUILAR : Após passar um longo período do seu último cuidado com a pele, ela está com resíduos de poluição, maquiagem e cosméticos. Então demaquilar é muito importante. Formas de aplicação: Espalhe o produto no rosto e passe um algodão com movimentos leves e de baixo para cima, veja que, provavelmente, sairá no algodão sujeira (poluição). HIDRATAÇÃO/NUTRIÇÃO: Talvez este seja o passo mais diferenciado, a noite podemos usar produtos se for indicado e necessário, que contenham ácidos, estes ativos são fotossensibilizantes (ou seja) se usados de dia causam queimaduras e manchas na pele devido aos raios solares. Por isto muitas embalagens podem vir escrito (uso noturno). Nutrir é diferente de hidratar, se de dia você tem um hidratante a noite você pode usar um creme nutritivo (com vitaminas, oligominerais) ex. vitamina C,E,A. Aplique da mesma forma que o hidratante do dia, e aplique seu produto específico para pele da região dos olhos. Peles com acne ou manchas que estejam fazendo um tratamento sob orientações, de certa forma seguirá os mesmos passos, mas com produtos específicos para o tratamento de acordo com a necessidade.
  • 11. 4.0 DICAS E SEQUENCIA DE CUIDADOS PARA O CORPO A pele do corpo é diferente do rosto isto é fato, então, claro que os cuidados serão diferenciados. Na prática diária o corpo não tem muitos procedimentos como o rosto, mas os cuidados são essenciais da mesma forma, para se ter uma pele renovada e macia. ESFOLIANTES Os esfoliantes corporais são bem mais espessos (grossos) que os usados no rosto. A esfoliação corporal pode ser feita uma vez a cada 15 dias para peles normais, e uma vez no mês para peles secas. As partículas de esfoliantes podem vir em sabonetes em barras, cremes esfoliantes, sabonete líquidos, gomagem.
  • 12. HIDRATANTES Na parte hidratantes, deve ter milhões de opções no mercado. A pele possui uma hidratação natural, água mesmo, mas por outro lado os fatores climáticos fazem a pele diminuir esta hidratação, no frio a pele desidrata devido a pouca umidade do ar, já no calor o corpo transpira demais e perde muita água. Outros fatores externos como ares-condicionados que diminuem muito a umidade do local, banho muito quente, fatores hormonais (ex. menopausa) podem desfavorecer esta hidratação, sendo necessário levarmos ou reter esta água na pele. Em geral, as pessoas estão sujeitas a uma pele mais ressecada e é importante observar que existem ativos valiosíssimos que realmente hidratam. Exemplos de ativos hidratantes seriam, uréia,acido hialurônico, pca-na, aquaporina, extratos vegetais, vitamina E, d –pantenol). ÓLEOS Os óleos são uma forma de lubrificar a pele, não penetram nas camadas mais internas, mas faz o que chamamos de oclusão (forma um filme) com a pele e evita também a perda da água. Preferencialmente use seu hidratante pós-banho com a pele úmida ainda para aumentar o poder de penetração, se for usar um óleo o ideal também é aplicar com o corpo molhado, podendo ser até durante o banho.
  • 13. TRATAMENTOS ESPECÍFICOS Quando falamos de celulite, gordura localizada, estrias, flacidez de pele temos que entender que trata-se então de um produto ou sequência de cuidados específicos, com muitas particularidades é necessário uma avaliação de um profissional que trabalhe com estética. Sequência para o corpo: Durante o banho use bons sabonetes, principalmente os que contenham ativos hidratantes, caso esteja muito frio não demore no banho quente, a água quente resseca a pele, se tiver tempo e for o dia de esfoliar isto pode ser feito no banho, espalhe o esfoliante no corpo e com uma bucha vegetal ou mesmo com as mãos faça movimentos circulares sempre de baixo para cima (começando dos pés em direção a pernas). Se for usar óleo pode aplicar no banho também, caso prefira somente os hidratantes aplique: 1- Dos pés, você deve subir para panturrilha, fazendo movimentos de baixo para cima até os joelhos; 2- É importante massagear a pele com movimentos circulares e pressionados. Quando aplicados nas pernas, a mulher deve massagear do joelho em direção à virilha; 3- Nas coxas, a massagem com o hidratante continua no sentindo da região da virilha;
  • 14. 4- Na região da cintura onde é o lugar preferido das gorduras localizadas, os movimentos devem ser diagonal (formando cintura). Na barriga, faça um deslizamento no sentido horário em volta do umbigo (como o sentido do relógio), assim você auxilia o trabalho intestinal; 5- Nos seios o movimento continua em formato de círculos, rodeando a mama, do centro para fora; 6- Nos braços comece na direção do punho em direção a axilas; 7- Nas costas certamente você precisará de um auxílio. Na parte inferior para virilha e a parte superior em direção a axila. Claro que é uma sequência enorme, mas o fato que seguindo a sequência você estará auxiliando o corpo com a massagem e também a própria drenagem linfática. Isto serve para cremes e óleos de hidratação. Por fim não esqueça que regiões expostas ao sol devem sempre receber protetor solar, rosto,colo, pescoço, braços e mãos principalmente. 5.0 CUIDADOS COM MÃOS E PÉS As mãos são as bússolas do envelhecimento, pois além de muitas vezes esquecidas de receberem hidratação, também nos esquecemos da proteção solar, ficando exposta recebe todas as agressões possíveis que levam à formação de manchas, flacidez, rugas e ressecamento. Cuidados Essenciais 1- Esfolie no banho quando for esfoliar o corpo, use hidratantes com ativos antioxidantes.
  • 15. 2- Portanto, a forma mais eficaz de evitar esse problema continua sendo a utilização regular de luvas especiais para serviços domésticos (como lavar louças, cuidar das plantas, ou mexer com qualquer tipo de produto químico). 3- Quem devido a profissão tem que lavar as mãos a todo o momento, deve redobrar os cuidados. Uma opção é usar um creme para criar uma barreira protetora na pele e ainda, substituir os sabonetes comuns (muito alcalinos) por produtos à base de glicerina ou com coco são menos agressivos. 4- Sempre aplique filtro solar. .
  • 16. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS GUIRRO, E.; GUIRRO, R. Fisioterapia Dermato-funcional. 3. ed. São Paulo: Manole, 2004. BARATA, Eduardo A. F. Cosméticos: arte e ciência. Lisboa: Lidel, 2002. BORGES, F. S. Modalidades Terapêuticas nas disfunções estéticas. São Paulo: Phorte, 2006. KEDE, Maria P. V.; SABATOVICH, Oleg. Dermatologia Estética. 1. ed. Rio de Janeiro: Atheneu, 2003. HERNANDEZ, Micheline; FRESNER, Marie M. M. Manual de Cosmetologia. 3. ed. Rio de Janeiro: Revinter, 1999. RIBEIRO, Cláudio. Cosmetologia Aplicada a Dermoestética. 1. ed. São Paulo: Pharmabooks, 2006.