SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
Lista Recuperação 
Paralela - Matemática 
IIIª Unidade
1) Uma empresa deve instalar telefones de emergência a cada 42 
quilômetros, ao longo da rodovia de 2.184 km, que liga Maceió ao Rio 
de Janeiro. Considere que o primeiro desses telefones é instalado no 
quilômetro 42 e o último, no quilômetro 2.142. Assim, a quantidade de 
telefones instalados é igual a: 
a) 50 
b) 51 
c) 52 
d) 53 
e) 57
2) Um pai resolve depositar todos os meses uma certa quantia na caderneta de 
poupança de sua filha. Pretende começar com R$ 5,00 e aumentar R$ 5,00 por 
mês, ou seja, depositar R$ 10,00 no segundo mês, R$ 15,00 no terceiro mês e 
assim por diante. Após efetuar o décimo quinto depósito, a quantia total depositada 
por ele será de: 
a) R$ 150,00 
b) R$ 250,00 
c) R$ 400,00 
d) R$ 520,00 
e) R$ 600,00
3) Uma fábrica vendia 12 camisetas por mês para certa rede de academias 
desde janeiro de um determinado ano. Devido ao verão, essa venda foi 
triplicada a cada mês, de setembro a dezembro. O total de camisetas vendidas 
nesse quadrimestre e a média de vendas, por mês, durante o ano, foi, 
respectivamente, 
a) 1.536 e 128 
b) 1.440 e 128 
c) 1.440 e 84 
d) 480 e 84 
e) 480 e 48
4) Um teatro tem 18 poltronas na primeira fila, 24 na Segunda, 30 na 
terceira e assim na mesma seqüência, até a vigésima fila que é a última. 
O número de poltronas desse teatro é: 
a) 92 
b) 132 
c) 150 
d) 152 
e) 161
5) Temos uma progressão aritmética de 10 termos onde o 1º termo é igual 
a 5. A soma de todos os termos dessa progressão aritmética é 200. O 
décimo termo é igual a: 
a) 20 
b) 21 
c) 30 
d) 32 
e) 35
6) Sabendo que a sequência (1-3x, x-2,2x+1) é uma P.A, determine o 
valor de x. 
a) -2 
b) 0 
c) 2 
d) 4 
e) 6
7) Um pêndulo, oscilando, percorre sucessivamente 18 cm, 15cm, 
12cm,... A soma dos percursos até o repouso é : 
a) 45 cm 
b) 63 cm 
c) 90 cm 
d) 126 cm 
e) 130 cm
8) Um pai resolve depositar todos os meses uma certa quantia na caderneta de 
poupança de sua filha. Pretende começar com R$ 5,00 e aumentar R$ 5,00 por 
mês, ou seja, depositar R$ 10,00 no segundo mês, R$ 15,00 no terceiro mês e 
assim por diante. Após efetuar o décimo quinto depósito, a quantia total 
depositada por ele será de: 
a) R$ 150,00 
b) R$ 250,00 
c) R$ 400,00 
d) R$ 520,00 
e) R$ 600,00
(FBDC) Os três primeiros termos de uma progressão aritmética são 2t, 
5t – 3 e 6t + 2, nessa ordem o trigésimo termo dessa sequência é 
a) 269 
b) 272 
c) 274 
d) 276 
e) 278
10) (ENEM) O número mensal de passagens de uma determinada 
empresa aérea aumentou no ano passado nas seguintes condições: em 
janeiro foram vendidas 33 000 passagens; em fevereiro, 34 500; em 
março, 36 000. Esse padrão de crescimento se mantém para os meses 
subsequentes. 
Quantas passagens foram vendidas por essa empresa em julho do ano 
passado? 
a) 38 000 
b) 40 500 
c) 41 000 
d) 42 000 
e) 48 000
ENEM 
11) 
* 
Resposta: Letra D
O panetone é uma tradição natalina que movimenta tanto o 
comércio, que várias empresas que não tinham esse 
produto na sua carta de itens passaram a adotá-lo, 
modificando sabores e trazendo novas versões aos 
consumidores. 
A caixa do panetone Alpino tem o formato de um prisma hexagonal regular com aresta 
da base 10cm e altura 15cm. Assim, supondo que o produto dentro da caixa ocupe 
totalmente seu espaço interno, o volume de panetone contido nessa caixa será de: 
3 
2 2 
10 3 
l 3 
3 
3 
a) 1500 3cm 
b) 2250 3cm 
3 
* 
c) 2500 3cm 
3 
d) 1750 3cm 
3 
e) 1250 3cm 
V  S .h  6.   
b .15 2250 3cm 
4 
.h 6. 
4 
Resolução 
Resposta: Letra B 
12)
O cubo de Rubik, também conhecido como cubo mágico, é um 
quebra-cabeça tridimensional, inventado pelo húngaro Ernő 
Rubik em1974. Originalmente foi chamado o "cubo Mágico" pelo 
seu inventor, mas o nome foi alterado pela Ideal Toys para "cubo 
de Rubik". Nesse mesmo ano, ganhou o prémio alemão do "Jogo 
do Ano". Ernő Rubik demorou um mês para resolver o cubo pela 
primeira vez. O cubo de Rubik tornou-se um ícone da década de 
1980, década em que foi mais difundido. 
Sabendo que o cubo de Rubik tem volume igual a 27cm³, a aresta de cada um dos “cubinhos” 
de cada face mede, aproximadamente: 
a) 5cm 
b) 4cm 
c) 3cm 
d) 2cm 
e) 1cm 
Resolução 
V  a 3  27  a  3 
27  
3cm Como cada aresta do cubo é formada por três arestas dos cubinhos: 
a  3l  3  3l  l  
1cm 
Resposta: Letra E 
* 
(Extraído de http://pt.wikipedia.org ) 
Acesso em 04 de junho de 2014 
13)
Por que as latas de Óleo sumiram? 
As embalagens de lata são muito recicladas, decompõem-se em pouco tempo 
e são menos prejudiciais ao ambiente. Ainda assim, a indústria de óleos de 
cozinhas as substituiu pelas de PET. A lata perdeu mercado porque o plástico 
é mais barato, resistente e deixa o produto à mostra. 
(Extraído de www.northshoppingfortaleza.com.br ) 
Acesso em 04 de junho de 2014 
Sabendo que a lata de óleo da marca SOYA tinha capacidade para 
900ml de óleo, sendo que a altura dessa lata é de 30cm, o raio da 
base desse recipiente era igual a:(Adote π  3) 
*a) 10cm 
b) 3cm 
c) 3 10cm 
d) 10 3cm 
e) 2 10cm 
Resolução 
900ml 0,9l 0,9dm 900cm 
V S .h 
2 
b 
 
V πR .h 
2 
900 3.R .30 
2 
R  
10 
R 10cm 
3 3 
 
 
 
   
Resposta: Letra A 
14)
ENEM 
* 
Resposta: Letra D 
15)
Duas latas A e B, em forma de um cilindro circular reto, têm a mesma altura. Sabendo-se 
que o raio da base de A é o dobro do raio da base de B, pode-se afirmar que: 
a) A e B têm a mesma capacidade; 
b) a capacidade de B é 25% da capacidade de A; 
c) a capacidade de A é 20% da capacidade de B; 
d) a capacidade de A é 25% da capacidade de B; 
e) a razão entre a capacidade de A e a capacidade de B é 2. 
Resolução 
0,25 25% 
1 
4 
2 
R h 
 
. . 
4 . . 
R h 
 
. . 
.(2 ) . 
2 
2 
2 
     
R h 
R h 
V 
B 
V 
A 
 
 
* 
Resposta: Letra B 
16)
Resolução 
Cilindro de revolução, com raio da base 8 cm e altura 10 cm. 
Resposta: Letra A 
* 
V R².h  3,14.8².10  2009,6cm³ 
17)
Resolução 
Resposta: Letra A 
18) 
*
Blocos de cimento, em forma de paralelepípedo reto, serão utilizados por uma 
empresa de engenharia para fazer o calçamento de uma rua do bairro da Graça, em 
Salvador. Se cada bloco tem dimensões diretamente proporcionais a 1, 2 e 4, sendo 
que o volume de um bloco é de 216cm³, então a diagonal desse bloco tem 
comprimento igual a: 
a) 21cm 
c)4 21cm 
d)2 21cm 
e)3 21cm 
* 
b)21cm 
Resolução 
Logo: a  3cm, b  6cm e c  
12cm 
2 2 2 2 
   
2 2 2 2 
   
3 6 12 
d 
Resposta: Letra E 
c 
b 
a 
       
V a.b.c 
216  
k.2k.4k 
8k 216 
27 
 
3 
k a k, b 2k e c 4k 
4 
2 
1 
3 
3 
 
 
 
k 
k 
d  9  36  144  189  
3 21cm 
d 
a b c 
19)
Num prisma quadrangular regular, a diagonal da base, a altura e a diagonal do sólido 
são, nesta ordem, termos consecutivos de uma progressão aritmética de razão igual 
a 1cm. Dessa forma, a área lateral desse prisma, em cm², é igual a: 
* 
2 24) 
a 
24 ) 
b 
2 12) 
12) 
c 
d 
2 20 ) 
e 
Resolução 
. 
r 
r + 1 
r - 1 
(r + 1)² = r² + (r -1)² 
r² + 2r + 1 = r² + r² - 2r + 1 
r² - 4r = 0 
r = 0 ou r = 4cm 
(não convém) 
3 2 
l l l cm 
2 
3 
  
       
3 2 
2 
h 4cm e d 3cm 
l base .4 24 2cm 
2 
S 2p .h 4l.h 4. 
2 
2 
. 
2 
d l 2 3 2 
    
Resposta: Letra A 
20)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)
Listarecparal(3 ¬unidade)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mat utfrs 06. razao e proporcao exercicios
Mat utfrs 06. razao e proporcao exerciciosMat utfrs 06. razao e proporcao exercicios
Mat utfrs 06. razao e proporcao exercicios
trigono_metria
 
Exercícios de paralelepípedo e cubo
Exercícios de paralelepípedo e cuboExercícios de paralelepípedo e cubo
Exercícios de paralelepípedo e cubo
Fabiana Gonçalves
 
Bancoobmep2010
Bancoobmep2010Bancoobmep2010
Bancoobmep2010
Damisa
 
{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...
{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...
{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...
alanpegado
 
Matemática
MatemáticaMatemática
Matemática
bjsjd
 
Matemática 9º ano
Matemática 9º anoMatemática 9º ano
Matemática 9º ano
celinachiara
 
Atividade - Prova Brasil (9º ano)
Atividade  -  Prova Brasil (9º ano)Atividade  -  Prova Brasil (9º ano)
Atividade - Prova Brasil (9º ano)
Ilton Bruno
 

Mais procurados (20)

Mat utfrs 06. razao e proporcao exercicios
Mat utfrs 06. razao e proporcao exerciciosMat utfrs 06. razao e proporcao exercicios
Mat utfrs 06. razao e proporcao exercicios
 
Polígonos
PolígonosPolígonos
Polígonos
 
PIP - 9º Ano
PIP - 9º AnoPIP - 9º Ano
PIP - 9º Ano
 
Simave 2 9º ano
Simave 2 9º ano Simave 2 9º ano
Simave 2 9º ano
 
Geometria espacial compacto
Geometria espacial compactoGeometria espacial compacto
Geometria espacial compacto
 
Exercícios de paralelepípedo e cubo
Exercícios de paralelepípedo e cuboExercícios de paralelepípedo e cubo
Exercícios de paralelepípedo e cubo
 
Bancoobmep2010
Bancoobmep2010Bancoobmep2010
Bancoobmep2010
 
{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...
{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...
{92 d944d5 511c-465b-add5-fa2b516fc1e0}-exercícios de reforço - medidas de vo...
 
Potencia e Radiciação em Z
Potencia e Radiciação em ZPotencia e Radiciação em Z
Potencia e Radiciação em Z
 
Gincana matemática 9º ano SAEPE
Gincana matemática 9º ano SAEPEGincana matemática 9º ano SAEPE
Gincana matemática 9º ano SAEPE
 
Matemática
MatemáticaMatemática
Matemática
 
Matematica 3º ano c ..
Matematica 3º ano c ..Matematica 3º ano c ..
Matematica 3º ano c ..
 
Matematica 3º ano
Matematica 3º ano Matematica 3º ano
Matematica 3º ano
 
Matematica 3º ano
Matematica 3º ano Matematica 3º ano
Matematica 3º ano
 
Matemática 9º ano
Matemática 9º anoMatemática 9º ano
Matemática 9º ano
 
1 lista 4 bim 6 ano
1 lista 4 bim 6 ano1 lista 4 bim 6 ano
1 lista 4 bim 6 ano
 
Revisão de geometria 6º ano - Áreas e medidas de superfície
Revisão de geometria   6º ano - Áreas e medidas de superfícieRevisão de geometria   6º ano - Áreas e medidas de superfície
Revisão de geometria 6º ano - Áreas e medidas de superfície
 
Razão e proporção - AP 05
Razão e proporção - AP 05Razão e proporção - AP 05
Razão e proporção - AP 05
 
3º aulão meta ...QUESTÕES E RESOLUÇÕES
3º aulão meta ...QUESTÕES E RESOLUÇÕES3º aulão meta ...QUESTÕES E RESOLUÇÕES
3º aulão meta ...QUESTÕES E RESOLUÇÕES
 
Atividade - Prova Brasil (9º ano)
Atividade  -  Prova Brasil (9º ano)Atividade  -  Prova Brasil (9º ano)
Atividade - Prova Brasil (9º ano)
 

Destaque (13)

Recuperação final 2015
Recuperação final 2015Recuperação final 2015
Recuperação final 2015
 
Piramide medio
Piramide medioPiramide medio
Piramide medio
 
Super super recu 3 ano
Super super recu 3 ano Super super recu 3 ano
Super super recu 3 ano
 
Estatistica .
Estatistica .Estatistica .
Estatistica .
 
Polinomios aula
Polinomios aulaPolinomios aula
Polinomios aula
 
Equações algébricas
Equações algébricas   Equações algébricas
Equações algébricas
 
Recu paralela(iªunidade) (1)
Recu paralela(iªunidade) (1)Recu paralela(iªunidade) (1)
Recu paralela(iªunidade) (1)
 
Prismas
PrismasPrismas
Prismas
 
Polígonos regulares inscritos e circunscritos
Polígonos regulares inscritos e circunscritosPolígonos regulares inscritos e circunscritos
Polígonos regulares inscritos e circunscritos
 
Quadrilateros
QuadrilaterosQuadrilateros
Quadrilateros
 
Geometria espacial de posição
Geometria espacial de posiçãoGeometria espacial de posição
Geometria espacial de posição
 
Poliedros
PoliedrosPoliedros
Poliedros
 
lista recu paralela 3° ano
lista recu paralela 3° ano lista recu paralela 3° ano
lista recu paralela 3° ano
 

Semelhante a Listarecparal(3 ¬unidade)

1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
Luciana Ayres
 
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
Luciana Ayres
 
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
luayres
 
Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...
Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...
Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...
Romulo Garcia
 

Semelhante a Listarecparal(3 ¬unidade) (20)

1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
 
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
 
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa1ª lista de exercícios   6º ano - 6ª etapa
1ª lista de exercícios 6º ano - 6ª etapa
 
Banco de Questões PJF
Banco de Questões PJFBanco de Questões PJF
Banco de Questões PJF
 
Aulao Matematica zona rural.pptx
Aulao Matematica zona rural.pptxAulao Matematica zona rural.pptx
Aulao Matematica zona rural.pptx
 
Descomplica ENEM 2012: Matemática
Descomplica ENEM 2012: MatemáticaDescomplica ENEM 2012: Matemática
Descomplica ENEM 2012: Matemática
 
Cilindros
CilindrosCilindros
Cilindros
 
Simulado enem mat_cpii_1_pdf
Simulado enem mat_cpii_1_pdfSimulado enem mat_cpii_1_pdf
Simulado enem mat_cpii_1_pdf
 
Enem PPL 2012
Enem PPL 2012Enem PPL 2012
Enem PPL 2012
 
Verificação parcial ii de matemática 7º ano
Verificação parcial ii de matemática 7º anoVerificação parcial ii de matemática 7º ano
Verificação parcial ii de matemática 7º ano
 
Aulão de matemática Raul Córdula Campina Grande
Aulão de matemática Raul Córdula Campina GrandeAulão de matemática Raul Córdula Campina Grande
Aulão de matemática Raul Córdula Campina Grande
 
Matematica_Prova_Brasil_Editora-Moderna 9º ano.pdf
Matematica_Prova_Brasil_Editora-Moderna 9º ano.pdfMatematica_Prova_Brasil_Editora-Moderna 9º ano.pdf
Matematica_Prova_Brasil_Editora-Moderna 9º ano.pdf
 
Prismas
PrismasPrismas
Prismas
 
Supertestes 7ª série
Supertestes 7ª sérieSupertestes 7ª série
Supertestes 7ª série
 
01 mmc e mdc
01  mmc e mdc01  mmc e mdc
01 mmc e mdc
 
Avaliação da aprendizagemmatemat9cs
Avaliação da aprendizagemmatemat9csAvaliação da aprendizagemmatemat9cs
Avaliação da aprendizagemmatemat9cs
 
Avaliação da aprendizagemmatemat9jv
Avaliação da aprendizagemmatemat9jvAvaliação da aprendizagemmatemat9jv
Avaliação da aprendizagemmatemat9jv
 
Prova mat-3 em-manha
Prova mat-3 em-manhaProva mat-3 em-manha
Prova mat-3 em-manha
 
Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...
Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...
Razões e proporções, divisão proporcional, regras de três simples e compostas...
 
Fuvest 2020 - fechada
Fuvest 2020 - fechadaFuvest 2020 - fechada
Fuvest 2020 - fechada
 

Mais de ELIZEU GODOY JR

Relações métricas no triângulo retângulo
Relações métricas no triângulo retânguloRelações métricas no triângulo retângulo
Relações métricas no triângulo retângulo
ELIZEU GODOY JR
 
Semelhança de triângulos
Semelhança de triângulosSemelhança de triângulos
Semelhança de triângulos
ELIZEU GODOY JR
 
Pontos notáveis no triângulo
Pontos notáveis no triânguloPontos notáveis no triângulo
Pontos notáveis no triângulo
ELIZEU GODOY JR
 

Mais de ELIZEU GODOY JR (7)

Funcoes trigonometricas
Funcoes trigonometricasFuncoes trigonometricas
Funcoes trigonometricas
 
Matrizes e determinantes
Matrizes e determinantesMatrizes e determinantes
Matrizes e determinantes
 
Relações métricas no triângulo retângulo
Relações métricas no triângulo retânguloRelações métricas no triângulo retângulo
Relações métricas no triângulo retângulo
 
Semelhança de triângulos
Semelhança de triângulosSemelhança de triângulos
Semelhança de triângulos
 
Conguencia de triangulos.
Conguencia de triangulos.Conguencia de triangulos.
Conguencia de triangulos.
 
Pontos notáveis no triângulo
Pontos notáveis no triânguloPontos notáveis no triângulo
Pontos notáveis no triângulo
 
Triângulo
TriânguloTriângulo
Triângulo
 

Último

Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
edjailmax
 

Último (20)

Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxAULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Recurso da Casa das Ciências: Bateria/Acumulador
Recurso da Casa das Ciências: Bateria/AcumuladorRecurso da Casa das Ciências: Bateria/Acumulador
Recurso da Casa das Ciências: Bateria/Acumulador
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anosFotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdfLabor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
Labor e Trabalho em A Condição Humana de Hannah Arendt .pdf
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan AhlbergO carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
O carteiro chegou - Janet & Allan Ahlberg
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 

Listarecparal(3 ¬unidade)

  • 1. Lista Recuperação Paralela - Matemática IIIª Unidade
  • 2. 1) Uma empresa deve instalar telefones de emergência a cada 42 quilômetros, ao longo da rodovia de 2.184 km, que liga Maceió ao Rio de Janeiro. Considere que o primeiro desses telefones é instalado no quilômetro 42 e o último, no quilômetro 2.142. Assim, a quantidade de telefones instalados é igual a: a) 50 b) 51 c) 52 d) 53 e) 57
  • 3. 2) Um pai resolve depositar todos os meses uma certa quantia na caderneta de poupança de sua filha. Pretende começar com R$ 5,00 e aumentar R$ 5,00 por mês, ou seja, depositar R$ 10,00 no segundo mês, R$ 15,00 no terceiro mês e assim por diante. Após efetuar o décimo quinto depósito, a quantia total depositada por ele será de: a) R$ 150,00 b) R$ 250,00 c) R$ 400,00 d) R$ 520,00 e) R$ 600,00
  • 4. 3) Uma fábrica vendia 12 camisetas por mês para certa rede de academias desde janeiro de um determinado ano. Devido ao verão, essa venda foi triplicada a cada mês, de setembro a dezembro. O total de camisetas vendidas nesse quadrimestre e a média de vendas, por mês, durante o ano, foi, respectivamente, a) 1.536 e 128 b) 1.440 e 128 c) 1.440 e 84 d) 480 e 84 e) 480 e 48
  • 5. 4) Um teatro tem 18 poltronas na primeira fila, 24 na Segunda, 30 na terceira e assim na mesma seqüência, até a vigésima fila que é a última. O número de poltronas desse teatro é: a) 92 b) 132 c) 150 d) 152 e) 161
  • 6. 5) Temos uma progressão aritmética de 10 termos onde o 1º termo é igual a 5. A soma de todos os termos dessa progressão aritmética é 200. O décimo termo é igual a: a) 20 b) 21 c) 30 d) 32 e) 35
  • 7. 6) Sabendo que a sequência (1-3x, x-2,2x+1) é uma P.A, determine o valor de x. a) -2 b) 0 c) 2 d) 4 e) 6
  • 8. 7) Um pêndulo, oscilando, percorre sucessivamente 18 cm, 15cm, 12cm,... A soma dos percursos até o repouso é : a) 45 cm b) 63 cm c) 90 cm d) 126 cm e) 130 cm
  • 9. 8) Um pai resolve depositar todos os meses uma certa quantia na caderneta de poupança de sua filha. Pretende começar com R$ 5,00 e aumentar R$ 5,00 por mês, ou seja, depositar R$ 10,00 no segundo mês, R$ 15,00 no terceiro mês e assim por diante. Após efetuar o décimo quinto depósito, a quantia total depositada por ele será de: a) R$ 150,00 b) R$ 250,00 c) R$ 400,00 d) R$ 520,00 e) R$ 600,00
  • 10. (FBDC) Os três primeiros termos de uma progressão aritmética são 2t, 5t – 3 e 6t + 2, nessa ordem o trigésimo termo dessa sequência é a) 269 b) 272 c) 274 d) 276 e) 278
  • 11. 10) (ENEM) O número mensal de passagens de uma determinada empresa aérea aumentou no ano passado nas seguintes condições: em janeiro foram vendidas 33 000 passagens; em fevereiro, 34 500; em março, 36 000. Esse padrão de crescimento se mantém para os meses subsequentes. Quantas passagens foram vendidas por essa empresa em julho do ano passado? a) 38 000 b) 40 500 c) 41 000 d) 42 000 e) 48 000
  • 12. ENEM 11) * Resposta: Letra D
  • 13. O panetone é uma tradição natalina que movimenta tanto o comércio, que várias empresas que não tinham esse produto na sua carta de itens passaram a adotá-lo, modificando sabores e trazendo novas versões aos consumidores. A caixa do panetone Alpino tem o formato de um prisma hexagonal regular com aresta da base 10cm e altura 15cm. Assim, supondo que o produto dentro da caixa ocupe totalmente seu espaço interno, o volume de panetone contido nessa caixa será de: 3 2 2 10 3 l 3 3 3 a) 1500 3cm b) 2250 3cm 3 * c) 2500 3cm 3 d) 1750 3cm 3 e) 1250 3cm V  S .h  6.   b .15 2250 3cm 4 .h 6. 4 Resolução Resposta: Letra B 12)
  • 14. O cubo de Rubik, também conhecido como cubo mágico, é um quebra-cabeça tridimensional, inventado pelo húngaro Ernő Rubik em1974. Originalmente foi chamado o "cubo Mágico" pelo seu inventor, mas o nome foi alterado pela Ideal Toys para "cubo de Rubik". Nesse mesmo ano, ganhou o prémio alemão do "Jogo do Ano". Ernő Rubik demorou um mês para resolver o cubo pela primeira vez. O cubo de Rubik tornou-se um ícone da década de 1980, década em que foi mais difundido. Sabendo que o cubo de Rubik tem volume igual a 27cm³, a aresta de cada um dos “cubinhos” de cada face mede, aproximadamente: a) 5cm b) 4cm c) 3cm d) 2cm e) 1cm Resolução V  a 3  27  a  3 27  3cm Como cada aresta do cubo é formada por três arestas dos cubinhos: a  3l  3  3l  l  1cm Resposta: Letra E * (Extraído de http://pt.wikipedia.org ) Acesso em 04 de junho de 2014 13)
  • 15. Por que as latas de Óleo sumiram? As embalagens de lata são muito recicladas, decompõem-se em pouco tempo e são menos prejudiciais ao ambiente. Ainda assim, a indústria de óleos de cozinhas as substituiu pelas de PET. A lata perdeu mercado porque o plástico é mais barato, resistente e deixa o produto à mostra. (Extraído de www.northshoppingfortaleza.com.br ) Acesso em 04 de junho de 2014 Sabendo que a lata de óleo da marca SOYA tinha capacidade para 900ml de óleo, sendo que a altura dessa lata é de 30cm, o raio da base desse recipiente era igual a:(Adote π  3) *a) 10cm b) 3cm c) 3 10cm d) 10 3cm e) 2 10cm Resolução 900ml 0,9l 0,9dm 900cm V S .h 2 b  V πR .h 2 900 3.R .30 2 R  10 R 10cm 3 3       Resposta: Letra A 14)
  • 16. ENEM * Resposta: Letra D 15)
  • 17. Duas latas A e B, em forma de um cilindro circular reto, têm a mesma altura. Sabendo-se que o raio da base de A é o dobro do raio da base de B, pode-se afirmar que: a) A e B têm a mesma capacidade; b) a capacidade de B é 25% da capacidade de A; c) a capacidade de A é 20% da capacidade de B; d) a capacidade de A é 25% da capacidade de B; e) a razão entre a capacidade de A e a capacidade de B é 2. Resolução 0,25 25% 1 4 2 R h  . . 4 . . R h  . . .(2 ) . 2 2 2      R h R h V B V A   * Resposta: Letra B 16)
  • 18. Resolução Cilindro de revolução, com raio da base 8 cm e altura 10 cm. Resposta: Letra A * V R².h  3,14.8².10  2009,6cm³ 17)
  • 20. Blocos de cimento, em forma de paralelepípedo reto, serão utilizados por uma empresa de engenharia para fazer o calçamento de uma rua do bairro da Graça, em Salvador. Se cada bloco tem dimensões diretamente proporcionais a 1, 2 e 4, sendo que o volume de um bloco é de 216cm³, então a diagonal desse bloco tem comprimento igual a: a) 21cm c)4 21cm d)2 21cm e)3 21cm * b)21cm Resolução Logo: a  3cm, b  6cm e c  12cm 2 2 2 2    2 2 2 2    3 6 12 d Resposta: Letra E c b a        V a.b.c 216  k.2k.4k 8k 216 27  3 k a k, b 2k e c 4k 4 2 1 3 3    k k d  9  36  144  189  3 21cm d a b c 19)
  • 21. Num prisma quadrangular regular, a diagonal da base, a altura e a diagonal do sólido são, nesta ordem, termos consecutivos de uma progressão aritmética de razão igual a 1cm. Dessa forma, a área lateral desse prisma, em cm², é igual a: * 2 24) a 24 ) b 2 12) 12) c d 2 20 ) e Resolução . r r + 1 r - 1 (r + 1)² = r² + (r -1)² r² + 2r + 1 = r² + r² - 2r + 1 r² - 4r = 0 r = 0 ou r = 4cm (não convém) 3 2 l l l cm 2 3          3 2 2 h 4cm e d 3cm l base .4 24 2cm 2 S 2p .h 4l.h 4. 2 2 . 2 d l 2 3 2     Resposta: Letra A 20)