SlideShare uma empresa Scribd logo
1. (UECE-2002) Assinale a alternativa que contém
somente vermes com as seguintes características
com relação ao seu corpo: alongado, cilíndrico e
segmentado.
a) planárias e esquistossomos
b) minhocas e sanguessugas
c) tênias e lombrigas
d) lombrigas e minhocas
2. (UFLA-2001) Assinale a alternativa CORRETA
a respeito dos Platyhelminthes:
a) São protostômios, diblásticos e acelomados.
b) São protostômios, triblásticos e
pseudocelomados.
c) São deuterostômios, triblásticos e celomados.
d) São deuterostômios, diblásticos e celomados.
e) São protostômios, triblásticos e acelomados.
3. (UNIFESP-2007) Esta é a turma do Bob
Esponja:
Lula Molusco é supostamente uma lula; Patric,
uma estrelado-mar; o Sr. Siriguejo, um caranguejo;
e Bob é supostamente uma esponja-do-mar. Cada
um, portanto, pertence a um grupo animal
diferente. Se eles forem colocados segundo a
ordem evolutiva de surgimento dos grupos animais
a que pertencem, teremos respectivamente:
a) esponja-do-mar, estrela-do-mar, lula e
caranguejo.
b) esponja-do-mar, lula, caranguejo e estrela-do-
mar.
c) estrela-do-mar, esponja-do-mar, caranguejo e
lula.
d) estrela-do-mar, lula, caranguejo e esponja-do-
mar.
e) lula, esponja-do-mar, estrela-do-mar e
caranguejo.
4. (UFC-2003) Diferentes estratégias foram
desenvolvidas pelos diversos táxons, para
aumentar a eficiência do processo de captura e
subsequente digestão do alimento. O tipo mais
primitivo de cavidade com função digestória
conhecido é:
a) cavidade gastrovascular.
b) cavidade amniótica.
c) cavidade do estômago.
d) cavidade celomática.
e) cavidade da rádula.
5. (UFC-2003) “Recifes são ambientes resistentes
à ação de ondas e correntes marinhas, estando
entre os ecossistemas mais produtivos. Podem ter
origem biogênica ou não. Recifes biogênicos são
formados por organismos marinhos (animais e
vegetais) providos de esqueleto calcáreo”.
Ciência Hoje, jan-fev 200, pág. 19”.
O filo animal mais representativo na formação de
recifes e sua respectiva classe é:
a) Arthropoda-crustacea.
b) Mollusca-gastropoda.
c) Cnidaria-anthozoa.
d) Mollusca-cephalopoda.
e) Cnidaria-scyphozoa.
6. (Unicamp-2002) A cigarra e a formiga são
personagens de uma fábula que enaltece o
trabalho. A biologia dos grupos aos quais
pertencem esses insetos explica o diferente papel
desempenhado por eles na fábula. No verão,
encontram-se cascas de cigarras presas nas
árvores ou no chão. Há uma crença popular de
que as cigarras “arrebentam de tanto cantar”.
a) Que aspecto da biologia das formigas justifica
sua associação com o trabalho?
b) Qual a função do canto das cigarras?
c) As cascas não são cigarras mortas. Explique o
que representam essas cascas.
LISTA DE EXERCÍCIOS – INVERTEBRADOS
Prof. James Martins
7. (Vunesp-2003) As figuras a seguir representam
dois animais invertebrados, o nereis, um poliqueto
marinho e a centopéia, um quilópode terrestre.
Apesar de apresentarem algumas características
comuns, tais como, apêndices locomotores e
segmentação do corpo, estes animais pertencem a
filos diferentes. Assinale a alternativa correta.
a) O nereis é um anelídeo, a centopéia é um
artrópode e ambos apresentam circulação aberta.
b) O nereis é um artrópode, a centopéia é um
anelídeo e ambos apresentam circulação fechada.
c) O nereis é um asquelminto, a centopéia é um
platelminto e ambos não apresentam sistema
circulatório.
d) O nereis é um anelídeo, a centopéia é um
artrópode e ambos apresentam exoesqueleto.
e) O nereis é um anelídeo, a centopéia é um
artrópode, mas apenas a centopéia apresenta
exoesqueleto.
8. (Mack-2003) Os parasitas humanos Ascaris
lumbricoides e Ancylostoma duodenale têm em
comum todas as características abaixo, com
exceção de:
a) pertencerem ao mesmo filo.
b) não possuírem hospedeiro intermediário no
ciclo de vida.
c) serem de sexos separados.
d) serem adquiridos pelo homem através da pele.
e) reproduzirem-se sexuadamente no intestino
humano.
9. (FGV-2004) - Cientistas acabam de mapear o
genoma do parasita causador da
esquistossomose. Atualmente, uma única droga é
utilizada contra a doença. Conhecendo-se o
genoma, espera-se que novas drogas possam ser
desenvolvidas. No mundo, cerca de 200 milhões
de pessoas apresentam a doença; de 2,5 a 3
milhões no Brasil. (Jornal Nacional, 15.09.2003).
Sobre o ciclo de vida do Schistosoma mansoni,
causador da esquistossomose, é correto dizer que
a) o homem adquire a esquistossomose a partir da
ingestão de ovos do parasita, presentes em
alimentos lavados com água contaminada. Os
ovos desenvolvem-se no sistema porta- hepático
do homem, provocando aumento no volume do
fígado. As cercárias resultantes são eliminadas
com as fezes e, na água, penetram em caramujos
do gênero Biomphalaria, nos quais se reproduzem
sexuadamente e produzem novos ovos.
b) no homem ocorre a reprodução sexuada do
parasita. Os ovos são eliminados com as fezes
humanas, eclodem na água, e as larvas penetram
em caramujos, nos quais se reproduzem
assexuadamente, produzindo cercárias. As
cercarias abandonam os caramujos, penetram na
pele humana e atingem o sistema porta-hepático,
desenvolvendo-se em formas adultas sexuadas.
c) no intestino humano ocorre a reprodução
sexuada do parasita. Os ovos produzidos são
liberados com as fezes e levados para a água,
onde se desenvolvem em larvas que contaminam
caramujos do gênero Biomphalaria. No caramujo,
as larvas dão origem às cercarias que abandonam
o caramujo e, devido à ingestão de água ou
alimentos contaminados, chegam ao intestino
humano.
d) o homem adquire a esquistossomose a partir da
ingestão de carne de porco ou de vaca, crua ou
mal passada, contaminada com larvas do parasita.
Estas se alojam no intestino e se desenvolvem em
animais adultos, quando ocorre a reprodução
sexuada. Novos ovos são produzidos e liberados
com as fezes, contaminando a água.
e) nos caramujos do gênero Biomphalaria, ocorre
a reprodução sexuada do parasita. Os ovos são
liberados na água, onde eclodem na forma de
cercárias. Estas penetram na pele humana e
atingem a sistema porta-hepático, onde
reproduzem-se assexuadamente. São produzidas
novas larvas que, eliminadas com as fezes
humanas, contaminam novos caramujos.
10. (UEMG-2006) Observe as figuras abaixo.
Sobre os animais representados nessa figura, está
CORRETO afirmar que
a) são agrupados como insetos.
b) são dotados de peçonha.
c) têm esqueleto externo orgânico.
d) têm respiração traqueal.
11. (Fatec-2007) Analise a informação:
Os ovos eclodem com liberação de miracídios, os
quais penetram em gastrópodes, dos quais saem
as cercárias, que, por sua vez, penetram
ativamente através da pele na corrente sanguínea
para provocar uma doença abdominal.
Essa informação diz respeito à
a) necatoriose.
b) maleita.
c) tripanossomose americana.
d) leishmaniose visceral.
e) esquistossomose.
12. (PUC - PR-2007) Durante uma aula de
Zoologia, um professor descreveu um artrópode
como: “ pequeno animal sem asas, com três
pares de patas, um par de antenas e o corpo
segmentado em três partes distintas: cabeça, tórax
e abdome”.
Com esta descrição o animal deveria ser:
a) um inseto.
b) um escorpião.
c) um ácaro.
d) uma aranha.
e) um diplópode ou um quilópode.
13. (UNIFESP-2008) Acerca da doença conhecida
como amarelão (ou ancilostomíase), é correto
afirmar que:
a) seu agente causador pertence ao mesmo filo da
lombriga (Ascaris lumbricoides), que causa a
ascaridíase, e da tênia (Taenia solium), que causa
a teníase.
b) no filo do agente causador do amarelão, os
organismos são sempre parasitas, uma vez que
não possuem cavidade celomática verdadeira.
c) o doente apresenta cor amarela na pele porque
o parasita aloja-se nas células hepáticas,
produzindo aumento do fígado (hepatomegalia).
d) o ciclo de vida do agente causador é igual ao da
lombriga (Ascaris lumbricoides), com a diferença
de que as larvas do amarelão penetram
ativamente no corpo do hospedeiro.
e) medidas de saneamento só são efetivas no
combate à doença se forem eliminados também os
hospedeiros intermediários.
14. (FUVEST-2008) “Organismos eucarióticos,
multicelulares, heterotróficos e com revestimento
de quitina”.
a) Quais organismos podem ser incluídos nessa
descrição?
b) A quitina e a celulose têm estruturas químicas
semelhantes. Que funções essas substâncias têm
em comum nos organismos em que estão
presentes?
15. (VUNESP-2006) Considere os versos da
canção infantil:
Minhoca, Minhoca, me dá uma beijoca
Não dou, não dou
Então eu vou roubar
Minhoco, Minhoco, você é mesmo louco
Beijou o lado errado, a boca é do outro lado
(www.escolapaulofreire.com.br/infantil/musica_am
arelo.htm)
a) Qual a importância das minhocas para as
plantas?
b) Com relação à organização do corpo das
minhocas (Annelida), justifique a frase beijou o
lado errado. Com relação à reprodução das
minhocas, justifique a correção ou incorreção dos
termos “minhoco” (macho) e minhoca (fêmea).
16. (UECE-2006) O Reino Animália reúne uma
grande diversidade de organismos distribuídos em
Filos que encerram determinadas características
peculiares.
Considere as seguintes afirmativas:
I. O Filo Porífera reúne as esponjas, animais de
organização muito simples, que absorvem água
com partículas alimentares através de células
especializadas chamadas coanócitos.
II. O Filo Arthropoda reúne grande diversidade de
animais que se caracterizam por ter corpo
protegido por um exoesqueleto de quitina.
III. O Filo Chordata reúne somente animais
vertebrados como peixes, anfíbios, aves e
mamíferos.
IV. São animais parasitas pertencentes ao Filo
Nematoda os ancilóstomos, que provocam o
amarelão, e as filárias, causadoras da elefantíase.
São corretas:
a) I, II e III
b) II, III e IV
c) I, II e IV
d) I, III e IV
17. (VUNESP-2005) O mexilhão dourado,
Limnoperna fortunei, é uma espécie exótica
originária da Ásia, que chegou ao Brasil junto com
a água de lastro de navios. Trata-se de um
molusco do mesmo grupo das ostras, que se
alimenta de partículas em suspensão filtradas da
água e que vem causando impactos na
comunidade de bentos. Considerando o texto,
analise as três afirmações seguintes.
I. Uma comunidade de bentos refere-se a um
conjunto de espécies que se movimentam ativa ou
passivamente em um ambiente aquático.
II. O mexilhão apresenta rádula, que é uma
estrutura dotada de pequenos dentes de quitina,
para sua alimentação.
III. Esta espécie é um molusco que apresenta
concha formada por duas valvas.
Com relação às afirmações, estão corretas:
a) I, apenas.
b) II, apenas.
c) III, apenas.
d) I e II, apenas.
e) II e III, apenas.
18. (UFSCar-2005) Alguns livros do ensino médio
definem uma espécie biológica como um grupo de
populações naturais cujos membros podem cruzar
naturalmente uns com os outros e produzir
descendentes férteis, mas não podem cruzar com
membros de outros grupos semelhantes.
Considere as seguintes espécies:
- Siphonops paulensis: cobra-cega, anfíbio que
vive em galerias cavadas na terra;
- Mycobacterium tuberculosis: bacilo de Koch,
causador da tuberculose;
- Schistossoma mansoni: verme causador da
esquistossomose, ou barriga d’água;
- Canoparmelia texana: líquen comumente
encontrado sobre o tronco de algumas árvores em
zonas urbanas.
a) Dentre as espécies listadas, em duas delas
teríamos dificuldades em aplicar a definição de
espécie. Quais são elas?
b) Para cada uma das espécies que você indicou,
apresente as razões que dificultam a aplicação da
definição biológica de espécie.
19. (UFC-2009) Evidências moleculares, baseadas
em sequências de RNA, sugerem o parentesco
entre moluscos e anelídeos. Esses dados
reforçam a hipótese de que esses grupos
apresentam um ancestral comum. O parentesco
entre esses grupos pode ser evidenciado também
levando-se em consideração características
biológicas tais como:
a) protostomia, cordão nervoso dorsal e
desenvolvimento direto.
b) metameria, presença de celoma e
desenvolvimento indireto.
c) presença de celoma, simetria bilateral e
clivagem espiral.
d) pseudoceloma, simetria bilateral e respiração
branquial.
e) protostomia, clivagem espiral e metameria.
20. (Fuvest-2005) A seguir são mostradas duas
propostas de árvores filogenéticas (I e II) para
diversos grupos de animais invertebrados e fotos
de animais (a, b, c), pertencentes a alguns desses
grupos.
a) Indique em qual das árvores os animais das
fotos a e b são mais proximamente aparentados
sob o ponto de vista evolutivo. Justifique sua
resposta.
b) Cite um outro animal incluído no grupo
taxonômico, mostrado nas árvores, ao qual
pertence o animal da foto c.
c) Quanto ao modo de respiração, qual dos três
animais (a, b, c) apresenta menor adaptação à
vida em terra firme? Por quê?
Gabarito
1. B
2. E
3. B
4. A
5. C . Os organismos marinhos que formam
os corais pétreos pertencem ao filo
Cnidária, com características sésseis e
formas de pólipos, os quais secretam e
acumulam substâncias calcáreas na base
de seu corpo. As formas animais com
essas características compõem a classe
Anthozoa, das quais fazem parte também
as anêmonas do mar, que não têm a
propriedade de acumular carbonato de
cálcio.
6. a) As formigas são insetos sociais e assim
formam um sistema com divisões de
trabalho.
b) O canto das cigarras tem a função de
atraí-las para o acasalamento.
c) As cascas não são cigarras mortas, são
apenas restos do exoesqueleto delas. O
exoesqueleto é constituído de quitina, um
carboidrato responsável pela formação de
uma carapaça rígida. Para que o inseto
apresente um crescimento normal, é
preciso que a carapaça seja substituída
periodicamente. Esse processo é
denominado muda ou ecdise.
7. E
8. D
9. B
10. C
11. E
12. A
13. D
14. a) Artrópodes e fungos.
b) As funções comuns são: sustentação,
proteção e manutenção da forma.
15. a) As minhocas ajudam a manter a
fertilidade do solo. Ao escavarem suas
galerias na terra, causam maior aeração,
aumentam a permeabilidade e promovem a
mistura dos componentes do solo mais
profundo com a camada mais superficial.
b) Os anelídeos apresentam um tubo
digestório completo, isto é, com boca e
ânus em extremidades opostas.
Com relação à sua reprodução, as
minhocas são animais hermafroditas (isto
é, cada indivíduo apresenta gônadas dos
dois sexos). Assim, não são cabíveis os
termos “minhoco” (macho) e minhoca
(fêmea).
16. C
17. C
18. a) Teríamos dificuldade em aplicar a
definição de espécie no caso da bactéria e
do líquen.
b) Em ambos os casos, trata-se de espécies
de reprodução assexuada, que, portanto,
não se encaixam na conceituação proposta
na questão.
19. C
20. a) Na árvore I. A proposta I sugere um
“ancestral comum” para a (Myriapoda) e b
(Annelida), mais próximo do que o sugerido
pela proposta II.
b) O animal c pertence ao grupo
Chelicerata, no qual estão também
incluídos as aranhas e os escorpiões. c) O
animal b (minhoca), cujas trocas gasosas
ocorrem através da superfície corporal,
sujeita, em terra firme, à desidratação.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pteridófitas & briofitas
Pteridófitas &  briofitasPteridófitas &  briofitas
Pteridófitas & briofitas
Andrea Barreto
 
Exercicios citologia blog
Exercicios citologia blogExercicios citologia blog
Exercicios citologia blog
Sheila Vieira
 
Origem da Vida
Origem da VidaOrigem da Vida
Origem da Vida
Vinícia Becalli
 
Histologia animal
Histologia animalHistologia animal
Histologia animal
Adrianne Mendonça
 
Dst 8º ano
Dst   8º anoDst   8º ano
Dst 8º ano
WANISE ALMEIDA
 
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celularEstudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Ronaldo Santana
 
Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)
Ercio Novaes
 
Exercícios taxonomia
Exercícios taxonomiaExercícios taxonomia
Exercícios taxonomia
Sheila Vieira
 
Exercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermasExercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermas
Grupo UNIASSELVI
 
Questões objetivas ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistas
Questões objetivas   ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistasQuestões objetivas   ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistas
Questões objetivas ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistas
James Martins
 
Aula 1 origem e evolução das células
Aula 1   origem e evolução das célulasAula 1   origem e evolução das células
Aula 1 origem e evolução das células
Nayara de Queiroz
 
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humanaAula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Ronaldo Santana
 
1S- Exercícios divisão celular 70 questoes- respondida
1S- Exercícios divisão celular   70 questoes- respondida1S- Exercícios divisão celular   70 questoes- respondida
1S- Exercícios divisão celular 70 questoes- respondida
Ionara Urrutia Moura
 
Fungos
FungosFungos
Exercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactériasExercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactérias
Sheila Vieira
 
Simulado 01 (ciências 9º ano) blog do prof. warles
Simulado 01  (ciências 9º ano)   blog do prof. warlesSimulado 01  (ciências 9º ano)   blog do prof. warles
Simulado 01 (ciências 9º ano) blog do prof. warles
DANIELDESOUZA67
 
Gimnospermas
GimnospermasGimnospermas
Gimnospermas
guest78da28
 
Verminoses
VerminosesVerminoses
Verminoses
emanuel
 
Cnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferosCnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferos
Valeria Castro
 
Desenvolvimento embrionario
Desenvolvimento embrionarioDesenvolvimento embrionario
Desenvolvimento embrionario
Ana Paula Taveira
 

Mais procurados (20)

Pteridófitas & briofitas
Pteridófitas &  briofitasPteridófitas &  briofitas
Pteridófitas & briofitas
 
Exercicios citologia blog
Exercicios citologia blogExercicios citologia blog
Exercicios citologia blog
 
Origem da Vida
Origem da VidaOrigem da Vida
Origem da Vida
 
Histologia animal
Histologia animalHistologia animal
Histologia animal
 
Dst 8º ano
Dst   8º anoDst   8º ano
Dst 8º ano
 
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celularEstudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
 
Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)Aval 7 ano(invertebrados)
Aval 7 ano(invertebrados)
 
Exercícios taxonomia
Exercícios taxonomiaExercícios taxonomia
Exercícios taxonomia
 
Exercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermasExercicios gimnospermas
Exercicios gimnospermas
 
Questões objetivas ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistas
Questões objetivas   ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistasQuestões objetivas   ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistas
Questões objetivas ciências 7º ano - reinos monera, fungi e protistas
 
Aula 1 origem e evolução das células
Aula 1   origem e evolução das célulasAula 1   origem e evolução das células
Aula 1 origem e evolução das células
 
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humanaAula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
 
1S- Exercícios divisão celular 70 questoes- respondida
1S- Exercícios divisão celular   70 questoes- respondida1S- Exercícios divisão celular   70 questoes- respondida
1S- Exercícios divisão celular 70 questoes- respondida
 
Fungos
FungosFungos
Fungos
 
Exercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactériasExercícios vírus e bactérias
Exercícios vírus e bactérias
 
Simulado 01 (ciências 9º ano) blog do prof. warles
Simulado 01  (ciências 9º ano)   blog do prof. warlesSimulado 01  (ciências 9º ano)   blog do prof. warles
Simulado 01 (ciências 9º ano) blog do prof. warles
 
Gimnospermas
GimnospermasGimnospermas
Gimnospermas
 
Verminoses
VerminosesVerminoses
Verminoses
 
Cnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferosCnidarios e poriferos
Cnidarios e poriferos
 
Desenvolvimento embrionario
Desenvolvimento embrionarioDesenvolvimento embrionario
Desenvolvimento embrionario
 

Destaque

Desafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabarito
Desafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabaritoDesafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabarito
Desafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabarito
James Martins
 
Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01
Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01
Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01James Martins
 
Lista de exercícios genetica I - 3º ano 2016 - profo james martins
Lista de exercícios   genetica I - 3º ano 2016 - profo james martinsLista de exercícios   genetica I - 3º ano 2016 - profo james martins
Lista de exercícios genetica I - 3º ano 2016 - profo james martins
James Martins
 
Lista de exercícios 3 COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...
Lista de exercícios 3  COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...Lista de exercícios 3  COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...
Lista de exercícios 3 COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...
James Martins
 
Lista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo james
Lista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo jamesLista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo james
Lista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo james
James Martins
 
Gabarito - bio frente 3 - módulos 6 ,7 e 8 - 3 º ano
Gabarito - bio frente 3 - módulos  6 ,7 e 8 - 3 º anoGabarito - bio frente 3 - módulos  6 ,7 e 8 - 3 º ano
Gabarito - bio frente 3 - módulos 6 ,7 e 8 - 3 º ano
James Martins
 
Gabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martins
Gabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martinsGabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martins
Gabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martins
James Martins
 
Médias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º B
Médias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º BMédias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º B
Médias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º BJames Martins
 
Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01
Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01
Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01James Martins
 
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
James Martins
 
Médias 1ºbim biologia 2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO 2014
Médias 1ºbim biologia  2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO  2014Médias 1ºbim biologia  2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO  2014
Médias 1ºbim biologia 2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO 2014James Martins
 
Médias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºB
Médias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºBMédias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºB
Médias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºB
James Martins
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
James Martins
 
Lista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBim
Lista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBimLista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBim
Lista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBim
James Martins
 
NOTAS BIOLOGIA 3ºbim 2º A e 2ºC - 2014
NOTAS BIOLOGIA  3ºbim 2º A e 2ºC - 2014NOTAS BIOLOGIA  3ºbim 2º A e 2ºC - 2014
NOTAS BIOLOGIA 3ºbim 2º A e 2ºC - 2014
James Martins
 
Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...
Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...
Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...
James Martins
 
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protistaQuestões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
James Martins
 
Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)
Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)
Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)
James Martins
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...
James Martins
 
Aula complementar - bio reino protista - prof james
Aula complementar  -  bio reino protista - prof jamesAula complementar  -  bio reino protista - prof james
Aula complementar - bio reino protista - prof james
James Martins
 

Destaque (20)

Desafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabarito
Desafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabaritoDesafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabarito
Desafio biologia 1º bimestre - PROF.JAMES MARTINS - com gabarito
 
Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01
Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01
Gabarito tarefa net - 6º ano - apostila 01
 
Lista de exercícios genetica I - 3º ano 2016 - profo james martins
Lista de exercícios   genetica I - 3º ano 2016 - profo james martinsLista de exercícios   genetica I - 3º ano 2016 - profo james martins
Lista de exercícios genetica I - 3º ano 2016 - profo james martins
 
Lista de exercícios 3 COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...
Lista de exercícios 3  COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...Lista de exercícios 3  COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...
Lista de exercícios 3 COM GABARITO - BIO frente 1 - 2º bim 2015 - PROF JAMES...
 
Lista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo james
Lista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo jamesLista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo james
Lista de exercícios com gabarito - Bio frente 1 - 2º bim - profo james
 
Gabarito - bio frente 3 - módulos 6 ,7 e 8 - 3 º ano
Gabarito - bio frente 3 - módulos  6 ,7 e 8 - 3 º anoGabarito - bio frente 3 - módulos  6 ,7 e 8 - 3 º ano
Gabarito - bio frente 3 - módulos 6 ,7 e 8 - 3 º ano
 
Gabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martins
Gabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martinsGabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martins
Gabarito - biologia frente 1 - mód 3 até 10 - 2º ano - profo james martins
 
Médias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º B
Médias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º BMédias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º B
Médias 1ºBimestre Biologia - 2º A e 2º B
 
Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01
Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01
Gabarito tarefas net - 7º ano - apostila 01
 
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...Lista de exercícios 2 -  Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
Lista de exercícios 2 - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Mariana 20...
 
Médias 1ºbim biologia 2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO 2014
Médias 1ºbim biologia  2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO  2014Médias 1ºbim biologia  2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO  2014
Médias 1ºbim biologia 2º A e 2ºB -COLÉGIO OBJETIVO 2014
 
Médias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºB
Médias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºBMédias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºB
Médias biologia - 3ºbim 2015 - 2ºA e 2ºB
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...Lista de exercícios  - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014...
 
Lista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBim
Lista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBimLista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBim
Lista de exercícios (ciências) - 7º ano - 4ºBim
 
NOTAS BIOLOGIA 3ºbim 2º A e 2ºC - 2014
NOTAS BIOLOGIA  3ºbim 2º A e 2ºC - 2014NOTAS BIOLOGIA  3ºbim 2º A e 2ºC - 2014
NOTAS BIOLOGIA 3ºbim 2º A e 2ºC - 2014
 
Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...
Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...
Lista de exercícios 7 COM GABARITO - Bio frente 1 - 4º bim 2015 - Prof. James...
 
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protistaQuestões dissertativas  ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
Questões dissertativas ciências - 7º ano - reinos monera, fungi e protista
 
Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)
Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)
Lista de exercícios - filo cordados (ciências - 7º ano - 4ºbim)
 
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...
Lista de exercícios - Bio frente 1 e 2 - 2º bim - Profo james e vagner - com ...
 
Aula complementar - bio reino protista - prof james
Aula complementar  -  bio reino protista - prof jamesAula complementar  -  bio reino protista - prof james
Aula complementar - bio reino protista - prof james
 

Semelhante a Lista de exercícios - Invertebrados - Prof. James Martins

Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabaritoExercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Ionara Urrutia Moura
 
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por areaExercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Ionara Urrutia Moura
 
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
Elizabete Costa
 
Exercicios zoologia gabarito
Exercicios zoologia gabaritoExercicios zoologia gabarito
Exercicios zoologia gabarito
Lucicláudio Barbosa
 
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por areaExercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Ionara Urrutia Moura
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
Acássio Lacerda
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
Acássio Lacerda
 
Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados)
Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados) Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados)
Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados)
Carlos Priante
 
Anelideos
AnelideosAnelideos
Anelideos
URCA
 
Lista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerpLista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerp
James Martins
 
Mais de 100exercícios de zoo com respostas comentadas
Mais de 100exercícios de zoo com respostas comentadasMais de 100exercícios de zoo com respostas comentadas
Mais de 100exercícios de zoo com respostas comentadas
Ionara Urrutia Moura
 
Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas
Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas
Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas
Carlos Priante
 
Prova.2.ano.3.unidade
Prova.2.ano.3.unidadeProva.2.ano.3.unidade
Prova.2.ano.3.unidade
Suely Santos
 
Filo arthropoda texto
Filo arthropoda   textoFilo arthropoda   texto
Filo arthropoda texto
Wil Robson Frazao
 
Questoes ciencias e
Questoes ciencias eQuestoes ciencias e
Questoes ciencias e
Atividades Diversas Cláudia
 
Testes zoologia
Testes zoologiaTestes zoologia
Testes zoologia
denilsonbio
 
Evidências da evolução
Evidências da evoluçãoEvidências da evolução
Evidências da evolução
Raquel Freiry
 
Atividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritoresAtividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritores
NTE
 
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
Domiciano514
 
EXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docx
EXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docxEXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docx
EXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docx
LilianeALMEIDADASILV1
 

Semelhante a Lista de exercícios - Invertebrados - Prof. James Martins (20)

Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabaritoExercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
 
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por areaExercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
 
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
7ano exercicio repteis_aves_e_mamiferos
 
Exercicios zoologia gabarito
Exercicios zoologia gabaritoExercicios zoologia gabarito
Exercicios zoologia gabarito
 
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por areaExercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
 
Exercicios embriologia
Exercicios embriologiaExercicios embriologia
Exercicios embriologia
 
Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados)
Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados) Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados)
Lista de exercícios VIII Cordados (Protocordados e Vertebrados)
 
Anelideos
AnelideosAnelideos
Anelideos
 
Lista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerpLista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerp
 
Mais de 100exercícios de zoo com respostas comentadas
Mais de 100exercícios de zoo com respostas comentadasMais de 100exercícios de zoo com respostas comentadas
Mais de 100exercícios de zoo com respostas comentadas
 
Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas
Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas
Lista de exercícios Ecologia e Relações ecológicas
 
Prova.2.ano.3.unidade
Prova.2.ano.3.unidadeProva.2.ano.3.unidade
Prova.2.ano.3.unidade
 
Filo arthropoda texto
Filo arthropoda   textoFilo arthropoda   texto
Filo arthropoda texto
 
Questoes ciencias e
Questoes ciencias eQuestoes ciencias e
Questoes ciencias e
 
Testes zoologia
Testes zoologiaTestes zoologia
Testes zoologia
 
Evidências da evolução
Evidências da evoluçãoEvidências da evolução
Evidências da evolução
 
Atividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritoresAtividades de ciências avaliação com os descritores
Atividades de ciências avaliação com os descritores
 
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos7ano exercicio anelideos_e_moluscos
7ano exercicio anelideos_e_moluscos
 
EXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docx
EXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docxEXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docx
EXERCÍCIOS SOBRE OS ANIMAIS VERTEBRADOS.docx
 

Último

SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
y6zh7bvphf
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
MarcoAurlioResende
 
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
Ailton Barcelos
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
jonny615148
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Pastor Robson Colaço
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 

Último (20)

SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
 
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdfNorma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
Norma de Gênero - Mulheres Heterossexuais, Homossexuais e Bissexuais.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 

Lista de exercícios - Invertebrados - Prof. James Martins

  • 1. 1. (UECE-2002) Assinale a alternativa que contém somente vermes com as seguintes características com relação ao seu corpo: alongado, cilíndrico e segmentado. a) planárias e esquistossomos b) minhocas e sanguessugas c) tênias e lombrigas d) lombrigas e minhocas 2. (UFLA-2001) Assinale a alternativa CORRETA a respeito dos Platyhelminthes: a) São protostômios, diblásticos e acelomados. b) São protostômios, triblásticos e pseudocelomados. c) São deuterostômios, triblásticos e celomados. d) São deuterostômios, diblásticos e celomados. e) São protostômios, triblásticos e acelomados. 3. (UNIFESP-2007) Esta é a turma do Bob Esponja: Lula Molusco é supostamente uma lula; Patric, uma estrelado-mar; o Sr. Siriguejo, um caranguejo; e Bob é supostamente uma esponja-do-mar. Cada um, portanto, pertence a um grupo animal diferente. Se eles forem colocados segundo a ordem evolutiva de surgimento dos grupos animais a que pertencem, teremos respectivamente: a) esponja-do-mar, estrela-do-mar, lula e caranguejo. b) esponja-do-mar, lula, caranguejo e estrela-do- mar. c) estrela-do-mar, esponja-do-mar, caranguejo e lula. d) estrela-do-mar, lula, caranguejo e esponja-do- mar. e) lula, esponja-do-mar, estrela-do-mar e caranguejo. 4. (UFC-2003) Diferentes estratégias foram desenvolvidas pelos diversos táxons, para aumentar a eficiência do processo de captura e subsequente digestão do alimento. O tipo mais primitivo de cavidade com função digestória conhecido é: a) cavidade gastrovascular. b) cavidade amniótica. c) cavidade do estômago. d) cavidade celomática. e) cavidade da rádula. 5. (UFC-2003) “Recifes são ambientes resistentes à ação de ondas e correntes marinhas, estando entre os ecossistemas mais produtivos. Podem ter origem biogênica ou não. Recifes biogênicos são formados por organismos marinhos (animais e vegetais) providos de esqueleto calcáreo”. Ciência Hoje, jan-fev 200, pág. 19”. O filo animal mais representativo na formação de recifes e sua respectiva classe é: a) Arthropoda-crustacea. b) Mollusca-gastropoda. c) Cnidaria-anthozoa. d) Mollusca-cephalopoda. e) Cnidaria-scyphozoa. 6. (Unicamp-2002) A cigarra e a formiga são personagens de uma fábula que enaltece o trabalho. A biologia dos grupos aos quais pertencem esses insetos explica o diferente papel desempenhado por eles na fábula. No verão, encontram-se cascas de cigarras presas nas árvores ou no chão. Há uma crença popular de que as cigarras “arrebentam de tanto cantar”. a) Que aspecto da biologia das formigas justifica sua associação com o trabalho? b) Qual a função do canto das cigarras? c) As cascas não são cigarras mortas. Explique o que representam essas cascas. LISTA DE EXERCÍCIOS – INVERTEBRADOS Prof. James Martins
  • 2. 7. (Vunesp-2003) As figuras a seguir representam dois animais invertebrados, o nereis, um poliqueto marinho e a centopéia, um quilópode terrestre. Apesar de apresentarem algumas características comuns, tais como, apêndices locomotores e segmentação do corpo, estes animais pertencem a filos diferentes. Assinale a alternativa correta. a) O nereis é um anelídeo, a centopéia é um artrópode e ambos apresentam circulação aberta. b) O nereis é um artrópode, a centopéia é um anelídeo e ambos apresentam circulação fechada. c) O nereis é um asquelminto, a centopéia é um platelminto e ambos não apresentam sistema circulatório. d) O nereis é um anelídeo, a centopéia é um artrópode e ambos apresentam exoesqueleto. e) O nereis é um anelídeo, a centopéia é um artrópode, mas apenas a centopéia apresenta exoesqueleto. 8. (Mack-2003) Os parasitas humanos Ascaris lumbricoides e Ancylostoma duodenale têm em comum todas as características abaixo, com exceção de: a) pertencerem ao mesmo filo. b) não possuírem hospedeiro intermediário no ciclo de vida. c) serem de sexos separados. d) serem adquiridos pelo homem através da pele. e) reproduzirem-se sexuadamente no intestino humano. 9. (FGV-2004) - Cientistas acabam de mapear o genoma do parasita causador da esquistossomose. Atualmente, uma única droga é utilizada contra a doença. Conhecendo-se o genoma, espera-se que novas drogas possam ser desenvolvidas. No mundo, cerca de 200 milhões de pessoas apresentam a doença; de 2,5 a 3 milhões no Brasil. (Jornal Nacional, 15.09.2003). Sobre o ciclo de vida do Schistosoma mansoni, causador da esquistossomose, é correto dizer que a) o homem adquire a esquistossomose a partir da ingestão de ovos do parasita, presentes em alimentos lavados com água contaminada. Os ovos desenvolvem-se no sistema porta- hepático do homem, provocando aumento no volume do fígado. As cercárias resultantes são eliminadas com as fezes e, na água, penetram em caramujos do gênero Biomphalaria, nos quais se reproduzem sexuadamente e produzem novos ovos. b) no homem ocorre a reprodução sexuada do parasita. Os ovos são eliminados com as fezes humanas, eclodem na água, e as larvas penetram em caramujos, nos quais se reproduzem assexuadamente, produzindo cercárias. As cercarias abandonam os caramujos, penetram na pele humana e atingem o sistema porta-hepático, desenvolvendo-se em formas adultas sexuadas. c) no intestino humano ocorre a reprodução sexuada do parasita. Os ovos produzidos são liberados com as fezes e levados para a água, onde se desenvolvem em larvas que contaminam caramujos do gênero Biomphalaria. No caramujo, as larvas dão origem às cercarias que abandonam o caramujo e, devido à ingestão de água ou alimentos contaminados, chegam ao intestino humano. d) o homem adquire a esquistossomose a partir da ingestão de carne de porco ou de vaca, crua ou mal passada, contaminada com larvas do parasita. Estas se alojam no intestino e se desenvolvem em animais adultos, quando ocorre a reprodução sexuada. Novos ovos são produzidos e liberados com as fezes, contaminando a água. e) nos caramujos do gênero Biomphalaria, ocorre a reprodução sexuada do parasita. Os ovos são liberados na água, onde eclodem na forma de cercárias. Estas penetram na pele humana e atingem a sistema porta-hepático, onde reproduzem-se assexuadamente. São produzidas novas larvas que, eliminadas com as fezes humanas, contaminam novos caramujos. 10. (UEMG-2006) Observe as figuras abaixo. Sobre os animais representados nessa figura, está CORRETO afirmar que a) são agrupados como insetos. b) são dotados de peçonha. c) têm esqueleto externo orgânico. d) têm respiração traqueal. 11. (Fatec-2007) Analise a informação: Os ovos eclodem com liberação de miracídios, os quais penetram em gastrópodes, dos quais saem as cercárias, que, por sua vez, penetram ativamente através da pele na corrente sanguínea para provocar uma doença abdominal. Essa informação diz respeito à a) necatoriose. b) maleita. c) tripanossomose americana. d) leishmaniose visceral. e) esquistossomose.
  • 3. 12. (PUC - PR-2007) Durante uma aula de Zoologia, um professor descreveu um artrópode como: “ pequeno animal sem asas, com três pares de patas, um par de antenas e o corpo segmentado em três partes distintas: cabeça, tórax e abdome”. Com esta descrição o animal deveria ser: a) um inseto. b) um escorpião. c) um ácaro. d) uma aranha. e) um diplópode ou um quilópode. 13. (UNIFESP-2008) Acerca da doença conhecida como amarelão (ou ancilostomíase), é correto afirmar que: a) seu agente causador pertence ao mesmo filo da lombriga (Ascaris lumbricoides), que causa a ascaridíase, e da tênia (Taenia solium), que causa a teníase. b) no filo do agente causador do amarelão, os organismos são sempre parasitas, uma vez que não possuem cavidade celomática verdadeira. c) o doente apresenta cor amarela na pele porque o parasita aloja-se nas células hepáticas, produzindo aumento do fígado (hepatomegalia). d) o ciclo de vida do agente causador é igual ao da lombriga (Ascaris lumbricoides), com a diferença de que as larvas do amarelão penetram ativamente no corpo do hospedeiro. e) medidas de saneamento só são efetivas no combate à doença se forem eliminados também os hospedeiros intermediários. 14. (FUVEST-2008) “Organismos eucarióticos, multicelulares, heterotróficos e com revestimento de quitina”. a) Quais organismos podem ser incluídos nessa descrição? b) A quitina e a celulose têm estruturas químicas semelhantes. Que funções essas substâncias têm em comum nos organismos em que estão presentes? 15. (VUNESP-2006) Considere os versos da canção infantil: Minhoca, Minhoca, me dá uma beijoca Não dou, não dou Então eu vou roubar Minhoco, Minhoco, você é mesmo louco Beijou o lado errado, a boca é do outro lado (www.escolapaulofreire.com.br/infantil/musica_am arelo.htm) a) Qual a importância das minhocas para as plantas? b) Com relação à organização do corpo das minhocas (Annelida), justifique a frase beijou o lado errado. Com relação à reprodução das minhocas, justifique a correção ou incorreção dos termos “minhoco” (macho) e minhoca (fêmea). 16. (UECE-2006) O Reino Animália reúne uma grande diversidade de organismos distribuídos em Filos que encerram determinadas características peculiares. Considere as seguintes afirmativas: I. O Filo Porífera reúne as esponjas, animais de organização muito simples, que absorvem água com partículas alimentares através de células especializadas chamadas coanócitos. II. O Filo Arthropoda reúne grande diversidade de animais que se caracterizam por ter corpo protegido por um exoesqueleto de quitina. III. O Filo Chordata reúne somente animais vertebrados como peixes, anfíbios, aves e mamíferos. IV. São animais parasitas pertencentes ao Filo Nematoda os ancilóstomos, que provocam o amarelão, e as filárias, causadoras da elefantíase. São corretas: a) I, II e III b) II, III e IV c) I, II e IV d) I, III e IV 17. (VUNESP-2005) O mexilhão dourado, Limnoperna fortunei, é uma espécie exótica originária da Ásia, que chegou ao Brasil junto com a água de lastro de navios. Trata-se de um molusco do mesmo grupo das ostras, que se alimenta de partículas em suspensão filtradas da água e que vem causando impactos na comunidade de bentos. Considerando o texto, analise as três afirmações seguintes. I. Uma comunidade de bentos refere-se a um conjunto de espécies que se movimentam ativa ou passivamente em um ambiente aquático. II. O mexilhão apresenta rádula, que é uma estrutura dotada de pequenos dentes de quitina, para sua alimentação. III. Esta espécie é um molusco que apresenta concha formada por duas valvas. Com relação às afirmações, estão corretas: a) I, apenas. b) II, apenas. c) III, apenas. d) I e II, apenas. e) II e III, apenas. 18. (UFSCar-2005) Alguns livros do ensino médio definem uma espécie biológica como um grupo de populações naturais cujos membros podem cruzar naturalmente uns com os outros e produzir descendentes férteis, mas não podem cruzar com membros de outros grupos semelhantes. Considere as seguintes espécies: - Siphonops paulensis: cobra-cega, anfíbio que vive em galerias cavadas na terra; - Mycobacterium tuberculosis: bacilo de Koch, causador da tuberculose; - Schistossoma mansoni: verme causador da esquistossomose, ou barriga d’água; - Canoparmelia texana: líquen comumente encontrado sobre o tronco de algumas árvores em zonas urbanas. a) Dentre as espécies listadas, em duas delas teríamos dificuldades em aplicar a definição de espécie. Quais são elas? b) Para cada uma das espécies que você indicou, apresente as razões que dificultam a aplicação da definição biológica de espécie.
  • 4. 19. (UFC-2009) Evidências moleculares, baseadas em sequências de RNA, sugerem o parentesco entre moluscos e anelídeos. Esses dados reforçam a hipótese de que esses grupos apresentam um ancestral comum. O parentesco entre esses grupos pode ser evidenciado também levando-se em consideração características biológicas tais como: a) protostomia, cordão nervoso dorsal e desenvolvimento direto. b) metameria, presença de celoma e desenvolvimento indireto. c) presença de celoma, simetria bilateral e clivagem espiral. d) pseudoceloma, simetria bilateral e respiração branquial. e) protostomia, clivagem espiral e metameria. 20. (Fuvest-2005) A seguir são mostradas duas propostas de árvores filogenéticas (I e II) para diversos grupos de animais invertebrados e fotos de animais (a, b, c), pertencentes a alguns desses grupos. a) Indique em qual das árvores os animais das fotos a e b são mais proximamente aparentados sob o ponto de vista evolutivo. Justifique sua resposta. b) Cite um outro animal incluído no grupo taxonômico, mostrado nas árvores, ao qual pertence o animal da foto c. c) Quanto ao modo de respiração, qual dos três animais (a, b, c) apresenta menor adaptação à vida em terra firme? Por quê? Gabarito 1. B 2. E 3. B 4. A 5. C . Os organismos marinhos que formam os corais pétreos pertencem ao filo Cnidária, com características sésseis e formas de pólipos, os quais secretam e acumulam substâncias calcáreas na base de seu corpo. As formas animais com essas características compõem a classe Anthozoa, das quais fazem parte também as anêmonas do mar, que não têm a propriedade de acumular carbonato de cálcio. 6. a) As formigas são insetos sociais e assim formam um sistema com divisões de trabalho. b) O canto das cigarras tem a função de atraí-las para o acasalamento. c) As cascas não são cigarras mortas, são apenas restos do exoesqueleto delas. O exoesqueleto é constituído de quitina, um carboidrato responsável pela formação de uma carapaça rígida. Para que o inseto apresente um crescimento normal, é preciso que a carapaça seja substituída periodicamente. Esse processo é denominado muda ou ecdise. 7. E 8. D 9. B 10. C 11. E 12. A 13. D 14. a) Artrópodes e fungos. b) As funções comuns são: sustentação, proteção e manutenção da forma. 15. a) As minhocas ajudam a manter a fertilidade do solo. Ao escavarem suas galerias na terra, causam maior aeração, aumentam a permeabilidade e promovem a mistura dos componentes do solo mais profundo com a camada mais superficial. b) Os anelídeos apresentam um tubo digestório completo, isto é, com boca e ânus em extremidades opostas. Com relação à sua reprodução, as minhocas são animais hermafroditas (isto é, cada indivíduo apresenta gônadas dos dois sexos). Assim, não são cabíveis os termos “minhoco” (macho) e minhoca (fêmea). 16. C 17. C 18. a) Teríamos dificuldade em aplicar a definição de espécie no caso da bactéria e do líquen. b) Em ambos os casos, trata-se de espécies de reprodução assexuada, que, portanto, não se encaixam na conceituação proposta na questão. 19. C 20. a) Na árvore I. A proposta I sugere um “ancestral comum” para a (Myriapoda) e b (Annelida), mais próximo do que o sugerido pela proposta II. b) O animal c pertence ao grupo Chelicerata, no qual estão também incluídos as aranhas e os escorpiões. c) O animal b (minhoca), cujas trocas gasosas ocorrem através da superfície corporal, sujeita, em terra firme, à desidratação.