SlideShare uma empresa Scribd logo
FRENTE 1
1. O gráfico abaixo demonstra, no organismo humano, a relação entre os linfócitos T(glóbulos brancos) e o vírus da
imunodeficiência humana (HIV), ao longo de dez anos de curso da síndrome da deficiência imunológica adquirida
(AIDS).
Qual a relação entre o mecanismo de multiplicação viral do vírus
HIV e os dados do gráfico ao lado?
Observando o gráfico podemos ver que conforme o número
de vírus HIV se eleva, o de linfócitos T (glóbulos brancos)
diminui. Isso acontece porque o vírus HIV infecta as células
de defesa para poder se multiplicar e nesse processo essas
células são destruídas.
2. Daqui a dois meses, amostras de líquens viajarão ao espaço para participar de uma experiência com a qual a
Agência Espacial Européia pretende verificar se organismos vivos podem viajar de um planeta a outro “a bordo” de
meteoritos. Os liquens, selecionados por terem grande resistência, ficarão dentro de um dispositivo que simulará as
condições de um meteorito em movimento.
(O Estado de S.Paulo, julho 2007.)
a) Quais os organismos envolvidos na formação dos líquens?
Fungos e algas.
b) Qual a função de cada uma desses organismos nessa relação?
As algas providenciam glicose através da fotossíntese e os fungos protegem as algas do excesso de
exposição a luz do sol, além de providenciar mais água e sais minerais.
3. Um biólogo está analisando a reprodução de uma população de bactérias, que se iniciou com 100 indivíduos.
Admite-se que a taxa de mortalidade das bactérias é nula. Os resultados obtidos, na primeira hora, são:
a) Seguindo a lógica de crescimento bacteriano da tabela acima, após 2 horas qual será o número de bactérias?
Observamos na tabela que a cada 20 minutos o número de bactérias dobra. Em 2 horas (120 minutos)
teremos 6.400 bactérias.
b) Quais as duas formas possíveis de reprodução nas bactérias? Qual delas está indicada na tabela?
As bactérias podem se reproduzir de forma assexuada (bipartição) ou sexuada (conjugação, transformação
e transdução). Na tabela como o número de bactérias sempre dobra a possível reprodução é a
BIPARTIÇÃO.
4. Abaixo estão citadas quatro medidas profiláticas para evitar 4 doenças muito comuns no nosso país,
especialmente em áreas rurais e mais carentes.
Medida 1: Adicionar cloro à água de preparo de alimentos, deixar frutos e verduras imersos em água com vinagre
antes de ingerí-los.
Medida 2: Combater o inseto “barbeiro”, evitar moradias de “pau a pique” ou com condições de abrigar o barbeiro
em frestas e rachaduras;
Medida 3: Combater o inseto fêmea do gênero anopheles (mosquito-prego) e uso de telas protetoras em janelas e
portas.
RESPOSTAS ESPERADAS
LISTA DE EXERCÍCIOS
TERCEIRÃO -3º BIMESTRE 2016
PROF. JAMES MARTINS
Medida 4: Combater o inseto conhecido como birigui ou mosquito-palha e uso de telas protetoras em janelas e
portas.
Indique para cada medida profilática qual a respectiva protozoose.
Medida 1: amebíase ou giardíase ou toxoplasmose.
Medida 2: doença de chagas.
Medida 3: malária.
Medida 4: leishmaniose.
FRENTE 3
9. O esquema representa dois neurônios contíguos (I e II), no corpo de um animal, e sua posição em relação a
duas estruturas corporais identificadas por X e Y.
Tomando-se as estruturas X e Y como referência, em que sentido se propagam os impulsos nervosos através dos
neurônios I e II? Considerando-se que, na sinapse mostrada, não há contato físico entre os dois neurônios, o que
permite a transmissão do impulso nervoso entre eles?
Obs: Na figura está descrito dentrito, mas você deve considerar dendrito que é a nomenclatura correta.
O sentido de um impulso nervoso é sempre unidirecional (dendritos – corpo celular – axônio), portanto o
sentido no esquema é de Y para X.
10. As pessoas são incentivadas a praticar atividades físicas visando a uma vida saudável. Especialistas em
fisiologia do exercício determinaram a porcentagem de fibras do tipo I e do tipo II encontradas em músculos
estriados esqueléticos de quatro grupos de pessoas: atletas maratonistas (*), atletas velocistas (**), pessoas
sedentárias, e pessoas com atividade física moderada. Os resultados desse estudo são mostrados na figura
abaixo. As características funcionais de cada uma das fibras estão listadas na Tabela.
(*) corredores de longas distâncias; (**) corredores de curtas distâncias (ex. 100m rasos)
Analise as informações da Tabela e indique, entre os quatro grupos de pessoas (A, B, C ou D) mostrados na
Figura, qual grupo corresponde aos maratonistas e qual grupo corresponde aos velocistas. Justifique.
De acordo com os dados do gráfico e tabela, o grupo A é de velocistas, pois nele predominam as fibras do
tipo II. Já o grupo de maratonista é o C, pois há maior porcentagem de fibras do tipo I.
11. A hipófise produz e secreta uma série de hormônios que têm ação em órgãos distintos, sendo, portanto,
considerada a mais importante glândula do sistema endócrino humano. Essa glândula é dividida em duas
porções: adenoipófise e neuroipófise. A adenoipófise é responsável pela produção de diversos hormônios como
prolactina, GH e TSH.
Qual a função dos hormônios citados no texto?
- Prolactina: produção de leite e desenvolvimento das glândulas mamárias.
- GH: crescimento de ossos e músculos.
- TSH: estimulação da tireoide na captação de Iodo.
12. Os sais minerais têm variadas funções celulares. O iodo, por exemplo, participa da constituição dos hormônios
da glândula tireóide, situada junto aos primeiros anéis da traquéia, na região da garganta. A carência desse mineral
resultou em graves problemas de saúde pública no passado. Uma lei brasileira tornou obrigatória a adição de iodo
ao sal de consumo humano.
Qual o nome dos hormônios produzidos pela tireóide a base de iodo? Qual o nome da doença causada pela
deficiência de iodo citada no texto?
Os hormônios produzidos na tireoide a base de iodo são a triiodotironina (T3) e tetraiodotironina (T4 ou
tiroxina). A falta de iodo caracteriza a doença chamada de bócio ou papeira.
13. O gráfico mostra os níveis dos hormônios sexuais no sangue durante o ciclo menstrual.
a) Observando as curvas dos hormônios, diga se ocorreu ou não fecundação. Justifique sua resposta.
Não ocorreu fecundação, o que se observa no gráfico pela redução nas concentrações dos hormônios
ovarianos, principalmente a progesterona.
b) Onde são produzidos os hormônios gonadotróficos e esteróides envolvidos no processo?
O FSH e o LH (hormônios gonadotróficos) são produzidos pela hipófise. O estrógeno e o progesterona
(esteróides) são secretados pelos ovários
FRENTE 4
14. O esquema abaixo mostra o comportamento da célula vegetal submetida a duas condições osmóticas
diferentes:
a) Explique o que aconteceu com as células mergulhadas nos
meios I e II.
No meio I, a célula ganhou água por osmose o que se observa
na figura pelo aumento do volume do vacúolo. Isso ocorreu
porque o meio I é hipotônico em relação a células que é
hipertônica.
No meio II observamos que o volume vacuolar diminuiu,
indicando assim que a célula está em um meio hipertônico,
fazendo então com que a água saia da célula.
b) Em uma refeição contendo alface que foi deixada temperada
com sal e vinagre. Espera-se que depois de algum tempo as
células desse vegetal se comportem conforme o meio I ou II?
Justifique sua resposta.
Irá se comportar conforme o meio II. Ao adicionar sal e vinagre o meio torna-se hipertônico favorecendo a
perda de água na alface por osmose.
15. O desenvolvimento de um fruto depende das substâncias produzidas na fotossíntese, que chegam até ele
transportadas pelo floema. De um ramo de pessegueiro, retirou-se um anel da casca (anel de Malpighi), conforme
mostra o esquema.
O que deve acontecer com os pêssegos situados no galho, acima do anel de Malpighi (próximo às folhas) em
relação ao tamanho dos frutos e ao teor de açúcar? Justifique sua resposta.
Os pêssegos ficarão maiores e mais doces. Ao retirar o anel de malpighi, o floema também é retirado por
ser mais externo, prejudicando o fluxo de seiva elaborada que irá se concentrar no fruto, tonando-o maior e
mais doce.
16. A seguir está esquematizada uma raiz de dicotiledônea
Qual o nome das estruturas e/ou regiões indicadas em III, IV e
V, e quais as suas respectivas funções?
III- Zona pilífera com pelos absorventes que tem como
função absorver água e sais minerais.
IV- Zona lisa ou de crescimento que promove o crescimento
primário (comprimento) na raiz.
V- Coifa que protege os tecidos meristemáticos da ponta da
raiz.
17. A transpiração é importante para o vegetal por auxiliar no movimento de ascensão da água através do caule. A
transpiração nas folhas cria uma força de sucção sobre a coluna contínua de água do xilema: à medida que esta se
eleva, mais água é fornecida à planta.
Quais as estruturas que permitem a transpiração na folha? Se a transpiração é importante, por que a planta
apresenta mecanismos para evitá-la?
A transpiração na folha ocorre pelos estômatos (principal) e também pela cutícula em menor porcentagem.
Em situação de estresse hídrico (falta de água) a planta precisa fechar seus estômatos para evitar a perda
excessiva de água.
18. Os esquemas representam três rotas metabólicas possíveis, pelas quais a glicose é utilizada como fonte de
energia.
Quais rotas ocorrem em ambiente totalmente anaeróbico? Qual a
importância da rota 1 para a indústria?
Em ambiente totalmente anaeróbio não há oxigênio, portanto só
poderá ocorrer as rotas 1 e 2 que não precisam de oxigênio. Na rota
3 observamos que acontece a cadeia respiratória de utiliza o
oxigênio como aceptor final de elétrons e íons hidrogênio (H+), e
portanto não poderá ocorrer em ambiente anaeróbio.
A rota 1 é a fermentação alcoólica já que produz etanol, e portanto é
utilizada na indústria para produzir combustíveis (etanol), bebidas
alcoólicas e na produção de massas.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lista embriologia 30 questões
Lista embriologia   30 questõesLista embriologia   30 questões
Lista embriologia 30 questões
Ionara Urrutia Moura
 
Estudos orientados ciencias 7ºano
Estudos orientados ciencias 7ºanoEstudos orientados ciencias 7ºano
Estudos orientados ciencias 7ºano
Atividades Diversas Cláudia
 
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo jamesLista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
James Martins
 
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabaritoExercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Ionara Urrutia Moura
 
1 avaliação do 1 ano cetep
1 avaliação do 1 ano  cetep1 avaliação do 1 ano  cetep
1 avaliação do 1 ano cetep
CCMbiologia
 
Biologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacao
Biologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacaoBiologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacao
Biologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacao
Ionara Urrutia Moura
 
Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física
emanuel
 
Avaliação bimestral de ciencias 4ºbim estre 7ºano
Avaliação bimestral de ciencias      4ºbim estre  7ºanoAvaliação bimestral de ciencias      4ºbim estre  7ºano
Avaliação bimestral de ciencias 4ºbim estre 7ºano
Atividades Diversas Cláudia
 
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIAEstudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Lully Tener
 
Prova SSA 1 2º dia
Prova SSA 1   2º diaProva SSA 1   2º dia
Prova SSA 1 2º dia
Carol Monteiro
 
Treinamento aberto II - Bahiana de medicina
Treinamento aberto II - Bahiana de medicinaTreinamento aberto II - Bahiana de medicina
Treinamento aberto II - Bahiana de medicina
emanuel
 
Treinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminasTreinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminas
emanuel
 
Estudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicas
Estudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicasEstudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicas
Estudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicas
Ronaldo Santana
 
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por areaExercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Ionara Urrutia Moura
 
Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)
Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)
Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)
Ercio Novaes
 
Lista de exercícios 7º ano 2º bimestre - 1ª parte
Lista de exercícios 7º ano   2º bimestre - 1ª parteLista de exercícios 7º ano   2º bimestre - 1ª parte
Lista de exercícios 7º ano 2º bimestre - 1ª parte
Leonardo Kaplan
 
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPEProvas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
Luiza Freitas
 
SSA_2_dia
SSA_2_diaSSA_2_dia
SSA_2_dia
Portal NE10
 
1º simulado ENEM - Humanas e Naturais
1º simulado ENEM - Humanas e Naturais1º simulado ENEM - Humanas e Naturais
1º simulado ENEM - Humanas e Naturais
emanuel
 
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
Exercícios de biologia   vespertino com gabaritoExercícios de biologia   vespertino com gabarito
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
Cacu-o (Cursinho Alternativo Campus Unesp Ourinhos)
 

Mais procurados (20)

Lista embriologia 30 questões
Lista embriologia   30 questõesLista embriologia   30 questões
Lista embriologia 30 questões
 
Estudos orientados ciencias 7ºano
Estudos orientados ciencias 7ºanoEstudos orientados ciencias 7ºano
Estudos orientados ciencias 7ºano
 
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo jamesLista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
 
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabaritoExercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
Exercicios reino animal_zoologia_invertebrados_comgabarito
 
1 avaliação do 1 ano cetep
1 avaliação do 1 ano  cetep1 avaliação do 1 ano  cetep
1 avaliação do 1 ano cetep
 
Biologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacao
Biologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacaoBiologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacao
Biologia embriologia tipos_de_ovos_segmentacao
 
Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física
 
Avaliação bimestral de ciencias 4ºbim estre 7ºano
Avaliação bimestral de ciencias      4ºbim estre  7ºanoAvaliação bimestral de ciencias      4ºbim estre  7ºano
Avaliação bimestral de ciencias 4ºbim estre 7ºano
 
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIAEstudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
 
Prova SSA 1 2º dia
Prova SSA 1   2º diaProva SSA 1   2º dia
Prova SSA 1 2º dia
 
Treinamento aberto II - Bahiana de medicina
Treinamento aberto II - Bahiana de medicinaTreinamento aberto II - Bahiana de medicina
Treinamento aberto II - Bahiana de medicina
 
Treinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminasTreinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminas
 
Estudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicas
Estudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicasEstudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicas
Estudo dirigido origem da vida ecologia_relações ecologicas
 
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por areaExercicios zoologia 182 questoes_por area
Exercicios zoologia 182 questoes_por area
 
Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)
Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)
Aval 7 ano(reinos_carac_virus_bact)
 
Lista de exercícios 7º ano 2º bimestre - 1ª parte
Lista de exercícios 7º ano   2º bimestre - 1ª parteLista de exercícios 7º ano   2º bimestre - 1ª parte
Lista de exercícios 7º ano 2º bimestre - 1ª parte
 
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPEProvas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
 
SSA_2_dia
SSA_2_diaSSA_2_dia
SSA_2_dia
 
1º simulado ENEM - Humanas e Naturais
1º simulado ENEM - Humanas e Naturais1º simulado ENEM - Humanas e Naturais
1º simulado ENEM - Humanas e Naturais
 
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
Exercícios de biologia   vespertino com gabaritoExercícios de biologia   vespertino com gabarito
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
 

Destaque

Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
James Martins
 
Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016
James Martins
 
Lista bio puc e mackenzie 2016
Lista bio puc e mackenzie 2016Lista bio puc e mackenzie 2016
Lista bio puc e mackenzie 2016
James Martins
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016
James Martins
 
Gabarito caderno 4 - Curso manhã
Gabarito caderno 4 - Curso manhãGabarito caderno 4 - Curso manhã
Gabarito caderno 4 - Curso manhã
James Martins
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...
James Martins
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016
James Martins
 
Gabarito caderno 5 - curso manhã
Gabarito caderno 5 - curso manhãGabarito caderno 5 - curso manhã
Gabarito caderno 5 - curso manhã
James Martins
 
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James MartinsLista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
James Martins
 
Biologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabarito
Biologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabaritoBiologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabarito
Biologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabarito
James Martins
 
Gabarito caderno 3 - terceirão
Gabarito caderno 3 - terceirãoGabarito caderno 3 - terceirão
Gabarito caderno 3 - terceirão
James Martins
 
Gabarito caderno 6 - curso manhã
Gabarito caderno 6 - curso manhãGabarito caderno 6 - curso manhã
Gabarito caderno 6 - curso manhã
James Martins
 
Lista de exercícios - GENÉTICA II 3º ano 2º bim 2016- prof.james martins
Lista de exercícios - GENÉTICA II  3º ano 2º bim 2016- prof.james martinsLista de exercícios - GENÉTICA II  3º ano 2º bim 2016- prof.james martins
Lista de exercícios - GENÉTICA II 3º ano 2º bim 2016- prof.james martins
James Martins
 
Desafio biologia 4º bimestre - prof.james martins
Desafio biologia 4º bimestre - prof.james martinsDesafio biologia 4º bimestre - prof.james martins
Desafio biologia 4º bimestre - prof.james martins
James Martins
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...
James Martins
 
Desafio biologia 4º bimestre prof.james martins - com respostas
Desafio biologia 4º bimestre  prof.james martins - com respostasDesafio biologia 4º bimestre  prof.james martins - com respostas
Desafio biologia 4º bimestre prof.james martins - com respostas
James Martins
 
Lista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerpLista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerp
James Martins
 
Lista biologia famema e famerp - com respostas
Lista biologia famema e famerp  - com respostasLista biologia famema e famerp  - com respostas
Lista biologia famema e famerp - com respostas
James Martins
 
Lista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James Martins
Lista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James MartinsLista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James Martins
Lista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James Martins
James Martins
 
Médias 1ºbim biologia 2º A -2016
Médias 1ºbim biologia  2º A -2016Médias 1ºbim biologia  2º A -2016
Médias 1ºbim biologia 2º A -2016
James Martins
 

Destaque (20)

Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
 
Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios-com-gabarito-2º ano -bio-4º-bim-2016
 
Lista bio puc e mackenzie 2016
Lista bio puc e mackenzie 2016Lista bio puc e mackenzie 2016
Lista bio puc e mackenzie 2016
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 2016
 
Gabarito caderno 4 - Curso manhã
Gabarito caderno 4 - Curso manhãGabarito caderno 4 - Curso manhã
Gabarito caderno 4 - Curso manhã
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 201...
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e mariana 2016
 
Gabarito caderno 5 - curso manhã
Gabarito caderno 5 - curso manhãGabarito caderno 5 - curso manhã
Gabarito caderno 5 - curso manhã
 
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James MartinsLista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
 
Biologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabarito
Biologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabaritoBiologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabarito
Biologia no ENEM - exercícios aula dica - prof james martins - com gabarito
 
Gabarito caderno 3 - terceirão
Gabarito caderno 3 - terceirãoGabarito caderno 3 - terceirão
Gabarito caderno 3 - terceirão
 
Gabarito caderno 6 - curso manhã
Gabarito caderno 6 - curso manhãGabarito caderno 6 - curso manhã
Gabarito caderno 6 - curso manhã
 
Lista de exercícios - GENÉTICA II 3º ano 2º bim 2016- prof.james martins
Lista de exercícios - GENÉTICA II  3º ano 2º bim 2016- prof.james martinsLista de exercícios - GENÉTICA II  3º ano 2º bim 2016- prof.james martins
Lista de exercícios - GENÉTICA II 3º ano 2º bim 2016- prof.james martins
 
Desafio biologia 4º bimestre - prof.james martins
Desafio biologia 4º bimestre - prof.james martinsDesafio biologia 4º bimestre - prof.james martins
Desafio biologia 4º bimestre - prof.james martins
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...
Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...Lista de exercícios  -  bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 3º bim - profs james e giovana 201...
 
Desafio biologia 4º bimestre prof.james martins - com respostas
Desafio biologia 4º bimestre  prof.james martins - com respostasDesafio biologia 4º bimestre  prof.james martins - com respostas
Desafio biologia 4º bimestre prof.james martins - com respostas
 
Lista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerpLista biologia - famema e famerp
Lista biologia - famema e famerp
 
Lista biologia famema e famerp - com respostas
Lista biologia famema e famerp  - com respostasLista biologia famema e famerp  - com respostas
Lista biologia famema e famerp - com respostas
 
Lista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James Martins
Lista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James MartinsLista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James Martins
Lista de exercícios 6 COM GABARITO - BIO Frente 1 - 3º bim - Prof James Martins
 
Médias 1ºbim biologia 2º A -2016
Médias 1ºbim biologia  2º A -2016Médias 1ºbim biologia  2º A -2016
Médias 1ºbim biologia 2º A -2016
 

Semelhante a Lista de exercícios - 3º bim - 3º ano - prof james - com respostas esperadas

Lista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martins
Lista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martinsLista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martins
Lista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martins
James Martins
 
Lista de exercícios - bio 2º bim - prof. james e profa mariana 2017
Lista de exercícios  -  bio  2º bim - prof. james e profa mariana 2017Lista de exercícios  -  bio  2º bim - prof. james e profa mariana 2017
Lista de exercícios - bio 2º bim - prof. james e profa mariana 2017
James Martins
 
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e Vagner
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e VagnerLista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e Vagner
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e Vagner
James Martins
 
Avaliação 07.10 gabarito
Avaliação 07.10 gabaritoAvaliação 07.10 gabarito
Avaliação 07.10 gabarito
professoraludmila
 
Estudo dirigido para o 7º ano ciencias
Estudo dirigido para o 7º ano   cienciasEstudo dirigido para o 7º ano   ciencias
Estudo dirigido para o 7º ano ciencias
rodrigo-baster
 
1 questao enem-citologia
1 questao enem-citologia1 questao enem-citologia
1 questao enem-citologia
Andréa Silva
 
Provas do segundo dia do SSA1 da UPE
Provas do segundo dia do SSA1 da UPEProvas do segundo dia do SSA1 da UPE
Provas do segundo dia do SSA1 da UPE
Luiza Freitas
 
Botanica
BotanicaBotanica
Botanica
Fabio Dias
 
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
James Martins
 
Lista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015 - Prof James Martins
Lista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015  - Prof James MartinsLista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015  - Prof James Martins
Lista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015 - Prof James Martins
James Martins
 
Biologia citologia exercicios
Biologia citologia exerciciosBiologia citologia exercicios
6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf
6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf
6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf
cagoita
 
Ciências - 8º ano
Ciências - 8º anoCiências - 8º ano
Ciências - 8º ano
Patrícia Costa Grigório
 
Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010
Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010
Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010
Leonardo Kaplan
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
giovannimusetti
 
Biologia citologia - b1
Biologia   citologia - b1Biologia   citologia - b1
Biologia citologia - b1
Nuricel Aguilera
 
Biologia1 apóstila
Biologia1 apóstilaBiologia1 apóstila
Biologia1 apóstila
Camile Mohana
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014
Lista de exercícios  - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014Lista de exercícios  - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014
James Martins
 
Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)
Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)
Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)
rejanecardsouza
 
Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112
Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112
Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112
Filomena Tome
 

Semelhante a Lista de exercícios - 3º bim - 3º ano - prof james - com respostas esperadas (20)

Lista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martins
Lista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martinsLista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martins
Lista bio 2 ano 4 bim 2017 com gabarito - prof james martins
 
Lista de exercícios - bio 2º bim - prof. james e profa mariana 2017
Lista de exercícios  -  bio  2º bim - prof. james e profa mariana 2017Lista de exercícios  -  bio  2º bim - prof. james e profa mariana 2017
Lista de exercícios - bio 2º bim - prof. james e profa mariana 2017
 
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e Vagner
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e VagnerLista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e Vagner
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - Profo James e Vagner
 
Avaliação 07.10 gabarito
Avaliação 07.10 gabaritoAvaliação 07.10 gabarito
Avaliação 07.10 gabarito
 
Estudo dirigido para o 7º ano ciencias
Estudo dirigido para o 7º ano   cienciasEstudo dirigido para o 7º ano   ciencias
Estudo dirigido para o 7º ano ciencias
 
1 questao enem-citologia
1 questao enem-citologia1 questao enem-citologia
1 questao enem-citologia
 
Provas do segundo dia do SSA1 da UPE
Provas do segundo dia do SSA1 da UPEProvas do segundo dia do SSA1 da UPE
Provas do segundo dia do SSA1 da UPE
 
Botanica
BotanicaBotanica
Botanica
 
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
 
Lista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015 - Prof James Martins
Lista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015  - Prof James MartinsLista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015  - Prof James Martins
Lista de exercícios 3 - Bio frente 1 - 2º bim 2015 - Prof James Martins
 
Biologia citologia exercicios
Biologia citologia exerciciosBiologia citologia exercicios
Biologia citologia exercicios
 
6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf
6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf
6º_CIENCIAS_NATUREZA_2.pdf
 
Ciências - 8º ano
Ciências - 8º anoCiências - 8º ano
Ciências - 8º ano
 
Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010
Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010
Prova SME 8º ano - 2º bim - 2010
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
 
Biologia citologia - b1
Biologia   citologia - b1Biologia   citologia - b1
Biologia citologia - b1
 
Biologia1 apóstila
Biologia1 apóstilaBiologia1 apóstila
Biologia1 apóstila
 
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014
Lista de exercícios  - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014Lista de exercícios  - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014
Lista de exercícios - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e marcelo 2014
 
Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)
Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)
Anatomia comparada (evolução dos invertebrados)
 
Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112
Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112
Fichas de-trabalho-diversas-9-cap1112
 

Último

Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 

Último (20)

Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 

Lista de exercícios - 3º bim - 3º ano - prof james - com respostas esperadas

  • 1. FRENTE 1 1. O gráfico abaixo demonstra, no organismo humano, a relação entre os linfócitos T(glóbulos brancos) e o vírus da imunodeficiência humana (HIV), ao longo de dez anos de curso da síndrome da deficiência imunológica adquirida (AIDS). Qual a relação entre o mecanismo de multiplicação viral do vírus HIV e os dados do gráfico ao lado? Observando o gráfico podemos ver que conforme o número de vírus HIV se eleva, o de linfócitos T (glóbulos brancos) diminui. Isso acontece porque o vírus HIV infecta as células de defesa para poder se multiplicar e nesse processo essas células são destruídas. 2. Daqui a dois meses, amostras de líquens viajarão ao espaço para participar de uma experiência com a qual a Agência Espacial Européia pretende verificar se organismos vivos podem viajar de um planeta a outro “a bordo” de meteoritos. Os liquens, selecionados por terem grande resistência, ficarão dentro de um dispositivo que simulará as condições de um meteorito em movimento. (O Estado de S.Paulo, julho 2007.) a) Quais os organismos envolvidos na formação dos líquens? Fungos e algas. b) Qual a função de cada uma desses organismos nessa relação? As algas providenciam glicose através da fotossíntese e os fungos protegem as algas do excesso de exposição a luz do sol, além de providenciar mais água e sais minerais. 3. Um biólogo está analisando a reprodução de uma população de bactérias, que se iniciou com 100 indivíduos. Admite-se que a taxa de mortalidade das bactérias é nula. Os resultados obtidos, na primeira hora, são: a) Seguindo a lógica de crescimento bacteriano da tabela acima, após 2 horas qual será o número de bactérias? Observamos na tabela que a cada 20 minutos o número de bactérias dobra. Em 2 horas (120 minutos) teremos 6.400 bactérias. b) Quais as duas formas possíveis de reprodução nas bactérias? Qual delas está indicada na tabela? As bactérias podem se reproduzir de forma assexuada (bipartição) ou sexuada (conjugação, transformação e transdução). Na tabela como o número de bactérias sempre dobra a possível reprodução é a BIPARTIÇÃO. 4. Abaixo estão citadas quatro medidas profiláticas para evitar 4 doenças muito comuns no nosso país, especialmente em áreas rurais e mais carentes. Medida 1: Adicionar cloro à água de preparo de alimentos, deixar frutos e verduras imersos em água com vinagre antes de ingerí-los. Medida 2: Combater o inseto “barbeiro”, evitar moradias de “pau a pique” ou com condições de abrigar o barbeiro em frestas e rachaduras; Medida 3: Combater o inseto fêmea do gênero anopheles (mosquito-prego) e uso de telas protetoras em janelas e portas. RESPOSTAS ESPERADAS LISTA DE EXERCÍCIOS TERCEIRÃO -3º BIMESTRE 2016 PROF. JAMES MARTINS
  • 2. Medida 4: Combater o inseto conhecido como birigui ou mosquito-palha e uso de telas protetoras em janelas e portas. Indique para cada medida profilática qual a respectiva protozoose. Medida 1: amebíase ou giardíase ou toxoplasmose. Medida 2: doença de chagas. Medida 3: malária. Medida 4: leishmaniose. FRENTE 3 9. O esquema representa dois neurônios contíguos (I e II), no corpo de um animal, e sua posição em relação a duas estruturas corporais identificadas por X e Y. Tomando-se as estruturas X e Y como referência, em que sentido se propagam os impulsos nervosos através dos neurônios I e II? Considerando-se que, na sinapse mostrada, não há contato físico entre os dois neurônios, o que permite a transmissão do impulso nervoso entre eles? Obs: Na figura está descrito dentrito, mas você deve considerar dendrito que é a nomenclatura correta. O sentido de um impulso nervoso é sempre unidirecional (dendritos – corpo celular – axônio), portanto o sentido no esquema é de Y para X. 10. As pessoas são incentivadas a praticar atividades físicas visando a uma vida saudável. Especialistas em fisiologia do exercício determinaram a porcentagem de fibras do tipo I e do tipo II encontradas em músculos estriados esqueléticos de quatro grupos de pessoas: atletas maratonistas (*), atletas velocistas (**), pessoas sedentárias, e pessoas com atividade física moderada. Os resultados desse estudo são mostrados na figura abaixo. As características funcionais de cada uma das fibras estão listadas na Tabela. (*) corredores de longas distâncias; (**) corredores de curtas distâncias (ex. 100m rasos) Analise as informações da Tabela e indique, entre os quatro grupos de pessoas (A, B, C ou D) mostrados na Figura, qual grupo corresponde aos maratonistas e qual grupo corresponde aos velocistas. Justifique. De acordo com os dados do gráfico e tabela, o grupo A é de velocistas, pois nele predominam as fibras do tipo II. Já o grupo de maratonista é o C, pois há maior porcentagem de fibras do tipo I.
  • 3. 11. A hipófise produz e secreta uma série de hormônios que têm ação em órgãos distintos, sendo, portanto, considerada a mais importante glândula do sistema endócrino humano. Essa glândula é dividida em duas porções: adenoipófise e neuroipófise. A adenoipófise é responsável pela produção de diversos hormônios como prolactina, GH e TSH. Qual a função dos hormônios citados no texto? - Prolactina: produção de leite e desenvolvimento das glândulas mamárias. - GH: crescimento de ossos e músculos. - TSH: estimulação da tireoide na captação de Iodo. 12. Os sais minerais têm variadas funções celulares. O iodo, por exemplo, participa da constituição dos hormônios da glândula tireóide, situada junto aos primeiros anéis da traquéia, na região da garganta. A carência desse mineral resultou em graves problemas de saúde pública no passado. Uma lei brasileira tornou obrigatória a adição de iodo ao sal de consumo humano. Qual o nome dos hormônios produzidos pela tireóide a base de iodo? Qual o nome da doença causada pela deficiência de iodo citada no texto? Os hormônios produzidos na tireoide a base de iodo são a triiodotironina (T3) e tetraiodotironina (T4 ou tiroxina). A falta de iodo caracteriza a doença chamada de bócio ou papeira. 13. O gráfico mostra os níveis dos hormônios sexuais no sangue durante o ciclo menstrual. a) Observando as curvas dos hormônios, diga se ocorreu ou não fecundação. Justifique sua resposta. Não ocorreu fecundação, o que se observa no gráfico pela redução nas concentrações dos hormônios ovarianos, principalmente a progesterona. b) Onde são produzidos os hormônios gonadotróficos e esteróides envolvidos no processo? O FSH e o LH (hormônios gonadotróficos) são produzidos pela hipófise. O estrógeno e o progesterona (esteróides) são secretados pelos ovários FRENTE 4 14. O esquema abaixo mostra o comportamento da célula vegetal submetida a duas condições osmóticas diferentes: a) Explique o que aconteceu com as células mergulhadas nos meios I e II. No meio I, a célula ganhou água por osmose o que se observa na figura pelo aumento do volume do vacúolo. Isso ocorreu porque o meio I é hipotônico em relação a células que é hipertônica. No meio II observamos que o volume vacuolar diminuiu, indicando assim que a célula está em um meio hipertônico, fazendo então com que a água saia da célula. b) Em uma refeição contendo alface que foi deixada temperada com sal e vinagre. Espera-se que depois de algum tempo as células desse vegetal se comportem conforme o meio I ou II? Justifique sua resposta.
  • 4. Irá se comportar conforme o meio II. Ao adicionar sal e vinagre o meio torna-se hipertônico favorecendo a perda de água na alface por osmose. 15. O desenvolvimento de um fruto depende das substâncias produzidas na fotossíntese, que chegam até ele transportadas pelo floema. De um ramo de pessegueiro, retirou-se um anel da casca (anel de Malpighi), conforme mostra o esquema. O que deve acontecer com os pêssegos situados no galho, acima do anel de Malpighi (próximo às folhas) em relação ao tamanho dos frutos e ao teor de açúcar? Justifique sua resposta. Os pêssegos ficarão maiores e mais doces. Ao retirar o anel de malpighi, o floema também é retirado por ser mais externo, prejudicando o fluxo de seiva elaborada que irá se concentrar no fruto, tonando-o maior e mais doce. 16. A seguir está esquematizada uma raiz de dicotiledônea Qual o nome das estruturas e/ou regiões indicadas em III, IV e V, e quais as suas respectivas funções? III- Zona pilífera com pelos absorventes que tem como função absorver água e sais minerais. IV- Zona lisa ou de crescimento que promove o crescimento primário (comprimento) na raiz. V- Coifa que protege os tecidos meristemáticos da ponta da raiz. 17. A transpiração é importante para o vegetal por auxiliar no movimento de ascensão da água através do caule. A transpiração nas folhas cria uma força de sucção sobre a coluna contínua de água do xilema: à medida que esta se eleva, mais água é fornecida à planta. Quais as estruturas que permitem a transpiração na folha? Se a transpiração é importante, por que a planta apresenta mecanismos para evitá-la? A transpiração na folha ocorre pelos estômatos (principal) e também pela cutícula em menor porcentagem. Em situação de estresse hídrico (falta de água) a planta precisa fechar seus estômatos para evitar a perda excessiva de água. 18. Os esquemas representam três rotas metabólicas possíveis, pelas quais a glicose é utilizada como fonte de energia. Quais rotas ocorrem em ambiente totalmente anaeróbico? Qual a importância da rota 1 para a indústria? Em ambiente totalmente anaeróbio não há oxigênio, portanto só poderá ocorrer as rotas 1 e 2 que não precisam de oxigênio. Na rota 3 observamos que acontece a cadeia respiratória de utiliza o oxigênio como aceptor final de elétrons e íons hidrogênio (H+), e portanto não poderá ocorrer em ambiente anaeróbio. A rota 1 é a fermentação alcoólica já que produz etanol, e portanto é utilizada na indústria para produzir combustíveis (etanol), bebidas alcoólicas e na produção de massas.