SlideShare uma empresa Scribd logo
TEXTO AÚREO
"Pela fé, Abraão, sendo chamado,
obedeceu, indo para um lugar que
havia de receber por herança; e saiu,
sem saber para onde ia."
(Hb 11.8)
VERDADE PRÁTICA
A fé que Abraão tinha em Deus
fez com que ele vencesse todos
os obstáculos em sua
caminhada.
LEITURA BÍBLICA
Gênesis 12. 1-10
1 - Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, e da tua parentela, e da casa de
teu pai, para a terra que eu te mostrarei.
2 - E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome, e tu
serás uma bênção.
3 - E abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e
em ti serão benditas todas as famílias da terra.
4 - Assim, partiu Abrão, como o SENHOR lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão
da idade de setenta e cinco anos, quando saiu de Harã.
5 - E tomou Abrão a Sarai, sua mulher, e a Ló, filho de seu irmão, e toda a sua
fazenda, que haviam adquirido, e as almas que lhe acresceram em Harã; e saíram
para irem à terra de Canaã; e vieram à terra de Canaã.
6 - E passou Abrão por aquela terra até ao lugar de Siquém, até ao carvalho de
Moré; e estavam, então, os cananeus na terra.
7 - E apareceu o SENHOR a Abrão e disse: À tua semente darei esta terra. E edificou
ali um altar ao SENHOR, que lhe aparecera.
8 - E moveu-se dali para a montanha à banda do oriente de Betel e armou a sua
tenda, tendo Betel ao ocidente e Ai ao oriente; e edificou ali um altar ao SENHOR e
invocou o nome do SENHOR.
9 - Depois, caminhou Abrão dali, seguindo ainda para a banda do Sul.
10 - E havia fome naquela terra; e desceu Abrão ao Egito, para peregrinar ali,
porquanto a fome era grande na terra.
INTRODUÇÃO
INTRODUÇÃO
• Nesta lição estudaremos a respeito da chamada de
Abraão e a provisão em sua vida, alcançada por meio da
fé nas promessas de Deus.
• Ter fé não significa que não teremos obstáculos em nossa
marcha. Mas, sem fé não é possível transpor as
barreiras.
• Quem consegue transformar as crises em oportunidade
terá sua fé fortalecida e experiências cada vez maior com
o Deus de toda a provisão.
PONTO CENTRAL
A fé de Abraão fez com que ele
vencesse obstáculos.
I - PROVISÃO DIVINA
EM UM MUNDO
CAÓTICO
1. Um projeto divino
• Deus tinha um projeto para resgatar a humanidade em
pecado e Abraão fazia parte desse projeto.
• Abraão seria uma bênção para todas as nações da terra e
não somente para Israel (Gn 12.1-3).
• A fé de Abraão seria um modelo para a fé cristã (Gn 15.6;
Rm 4; Gl 3.8).
AP – Você sabe qual o projeto que Deus tem para sua vida?
2. O desafio de acreditar no projeto divino
• Abraão foi desafiado a crer e obedecer, embora não
conhecesse todo o projeto que Deus tinha para sua vida.
• Uma das maiores dificuldades humanas é acreditar
naquilo que não se vê.
• Abraão é um perfeito modelo de como ter fé nas
promessas de Deus, mesmo que humanamente não se
possa vislumbra-la.
• Segundo Lawrence Richards, "o exame à vida de Abraão
nos dá ideias que podem transformar a nossa própria
caminhada com Deus".
AP – Você tem confiado nas promessas de Deus?
SÍNTESE DO TÓPICO I
Deus escolheu e chamou Abraão
para um grande projeto.
II - A PROVISÃO DE
DEUS
1. Abraão sai da sua terra (Gn 12.4-8)
• Abraão saiu da sua terra, Ur dos Caldeus e foi para Harã,
acompanhando seu pai e levando consigo sua família e
seu sobrinho, Ló.
• Abraão não era perfeito, assim como nós, porém
confiava que Deus estaria com ele em sua caminhada.
• Deus reafirma suas promessas a Abraão algumas vezes.
• Nesta terra "de leite e mel" não lhe faltou oposição. As
promessas de Deus não são garantia de que não
enfrentaremos crises, dificuldades e oposição.
• Quando chega em Betel edifica um altar à Deus (Gn
12.8). Essa prática se torna comum na vida do patriarca.
AP – Você tem obedecido o ide de Deus?
2. Abraão enfrenta escassez em Canaã (Gn 12.9,10)
• Uma das provações de Abraão foi a fome enquanto
estava em Canaã, a terra prometida. Devido à fome,
Abraão foi para o Egito.
• No Egito, por pouco não perdeu sua esposa, pois, com
medo, mentiu dizendo que Sara era sua irmã.
• Em nossa jornada também somos passíveis de cometer
erros. Quando erramos só nos resta uma alternativa:
arrependimento e confissão do pecado (1 Jo 1.9).
• Deus não desistiu de seu plano para com Abraão.
AP – você pensa que Deus desistiu de você devido aos seus
erros? Deus não desistiu de você!
3. Abraão enfrenta a esterilidade de sua esposa
• Deus havia prometido que Abraão teria uma família
numerosa, porém ele já estava com quase 100 anos, e
não tinha herdeiros.
• Esperar o tempo de Deus nem sempre é fácil.
• As Escrituras Sagradas afirmam que a "esperança
demorada enfraquece o coração, mas o desejo chegado é
árvore de vida" (Pv 13.12).
• Quando todas as possibilidades humanas se esgotaram
na vida de Abraão e Sara, Deus operou um milagre. Para
Deus não existe impossível!
AP – Você crê no Deus do impossível?
SÍNTESE DO TÓPICO II
A provisão de Deus pode ser
vista em cada fase da vida de
Abraão.
III - AS PROMESSAS
DE DEUS NA VIDA DE
ABRAÃO
1. "Far-te-ei uma grande nação e abençoar-te-ei"
• Deus prometeu que a família de Abraão seria numerosa.
• A obediência e a confiança em Deus nos fazem vencer as
adversidades.
• Muitos querem as promessas do Pai, mas não querem
trilhar o caminho da obediência.
• A desobediência nos impede de receber as bênçãos
divinas.
• Abraão conhecia ao Senhor a ponto de ter sido chamado
amigo de Deus. Não há nada melhor do que uma vida de
comunhão e intimidade com Deus (maior riqueza de
Abraão).
AP – Você está caminhando no caminho da obediência?
2. "Engrandecerei o teu nome"
• O nome do patriarca Abraão é reverenciado no judaísmo,
cristianismo e islamismo. Dele descendem dois povos:
árabes e judeus.
• Vivemos em uma sociedade imediatista, onde as pessoas
acham que esperar é perder tempo.
• Mas na vida espiritual, tudo acontece no tempo de Deus.
• Abraão confiou, obedeceu e foi honrado pelo Senhor.
AP – Você tem aprendido esperar em Deus?
3. "Em ti serão benditas todas as famílias da terra"
• Jesus, o Salvador, nasceu em Belém e descendia de
Abraão, pai de todos os judeus.
• A vinda de Jesus fora predita nessa promessa feita a
Abraão.
• Em Jesus Cristo, todas as famílias da terra são benditas,
pois seu sacrifício na cruz é suficiente para salvar tanto
judeus como gentios.
AP – Você se considera uma pessoa abençoada em Cristo
jesus?
SÍNTESE DO TÓPICO III
As promessas de Deus na vida de
Abraão foram muitas e o Senhor
cumpriu todas elas
CONSIDERAÇÕES
FINAIS
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Nesta lição nós aprendemos que:
1. Por amor ao projeto de salvação da humanidade, Deus
fez cumprir o projeto na vida de Abraão.
2. Mesmo com as falhas de Abraão, Deus em sua
misericórdia cumpriu suas promessas em sua vida.
3. A sociedade atual é imediatista, mas o cristão deve
aprender esperar o tempo de Deus, a exemplo de
Abraão.
REFERÊNCIAS
ANDRADE, Claudionor Corrêa de. Dicionário Bíblico Teológico. 8ª ed. Rio de
Janeiro: CPAD, 1999.
AYRES, Antônio Tadeu. Reflexos da Globalização sobre a Igreja: Até que
ponto as últimas tendências mundiais afetam o Corpo de Cristo? Rio de
Janeiro: CPAD, 2001.
BÍBLIA DE ESTUDO APLICAÇÃO PESSOAL. Rio de Janeiro: CPAD, 2003.
CABRAL, Elienai. Abraão: As experiências de nosso pai na fé. Rio de Janeiro:
CPAD, 2002
COMENTÁRIO BÍBLICO BEACON. Vol 1. Rio de Janeiro: CPAD, 2005.
LIÇÕES BÍBLICAS ADULTOS - PROFESSOR. O Deus de toda provisão:
esperança e sabedoria divina para a igreja em tempos de crise. Comentarista
Elienai Cabral. 4º Trim. Rio de Janeiro: CPAD, 2016.
CABRAL, Elienai. O Deus de toda provisão: esperança e sabedoria divina
para a igreja em tempos de crise. Rio de Janeiro: CPAD, 2016.
RICHARDS, Lawrence O. Guia do Leitor da Bíblia: Uma análise de Gênesis a
Apocalipse capítulo por capítulo. 10ª ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2012
Pr. Natalino das Neves
www.natalinodasneves.blogspot.com.br
Facebook: www.facebook.com/natalino.neves
Contatos:
natalino6612@gmail.com
(41) 8409 8094 (TIM)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
Slides panorama do velho testamento 2
Slides   panorama do velho testamento 2Slides   panorama do velho testamento 2
Slides panorama do velho testamento 2
Rosana Eugenio Dos Santos
 
Lição 6 perseverança e fé em tempo de apostasia
Lição 6   perseverança e fé em tempo de apostasiaLição 6   perseverança e fé em tempo de apostasia
Lição 6 perseverança e fé em tempo de apostasia
Hamilton Souza
 
A Nova Aliança
A Nova AliançaA Nova Aliança
A Nova Aliança
Márcio Melânia
 
46 Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)
46   Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)46   Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)
46 Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)
Robson Tavares Fernandes
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
Josue Lima
 
Aula 1 - Gênesis
Aula 1 - GênesisAula 1 - Gênesis
Aula 1 - Gênesis
ibrdoamor
 
Estudo das alianças bíblicas
Estudo das alianças bíblicasEstudo das alianças bíblicas
Estudo das alianças bíblicas
Estudos Bíblicos
 
A Provisão de Deus no Monte do Sacrificio
A Provisão de Deus no Monte do SacrificioA Provisão de Deus no Monte do Sacrificio
A Provisão de Deus no Monte do Sacrificio
Márcio Martins
 
8. O Livro de Números
8. O Livro de Números8. O Livro de Números
8. O Livro de Números
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Estudo biblico 22
Estudo biblico 22Estudo biblico 22
Estudo biblico 22
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter RestauradoJacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Márcio Martins
 
Atlas Bíblico
Atlas BíblicoAtlas Bíblico
Atlas Bíblico
Fátima da História
 
LBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadas
LBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadasLBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadas
LBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadas
Natalino das Neves Neves
 
O livro de êxodo e o cativeiro de Israel no Egito
O livro de êxodo e o cativeiro de Israel no EgitoO livro de êxodo e o cativeiro de Israel no Egito
O livro de êxodo e o cativeiro de Israel no Egito
Moisés Sampaio
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
O espirito santo de deus
O  espirito  santo  de  deusO  espirito  santo  de  deus
O espirito santo de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Josue seminario 1
Josue seminario 1Josue seminario 1
Josue seminario 1
Elisa Schenk
 
Panorama do AT - Oseias
Panorama do AT - OseiasPanorama do AT - Oseias
Panorama do AT - Oseias
Respirando Deus
 
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 

Mais procurados (20)

Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.Ebd aula 3  4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
Ebd aula 3 4°trimestre 2016 Abraão,a esperança do Pai da fé.
 
Slides panorama do velho testamento 2
Slides   panorama do velho testamento 2Slides   panorama do velho testamento 2
Slides panorama do velho testamento 2
 
Lição 6 perseverança e fé em tempo de apostasia
Lição 6   perseverança e fé em tempo de apostasiaLição 6   perseverança e fé em tempo de apostasia
Lição 6 perseverança e fé em tempo de apostasia
 
A Nova Aliança
A Nova AliançaA Nova Aliança
A Nova Aliança
 
46 Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)
46   Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)46   Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)
46 Estudo Panorâmico da Bíblia (Rute)
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
 
Aula 1 - Gênesis
Aula 1 - GênesisAula 1 - Gênesis
Aula 1 - Gênesis
 
Estudo das alianças bíblicas
Estudo das alianças bíblicasEstudo das alianças bíblicas
Estudo das alianças bíblicas
 
A Provisão de Deus no Monte do Sacrificio
A Provisão de Deus no Monte do SacrificioA Provisão de Deus no Monte do Sacrificio
A Provisão de Deus no Monte do Sacrificio
 
8. O Livro de Números
8. O Livro de Números8. O Livro de Números
8. O Livro de Números
 
Estudo biblico 22
Estudo biblico 22Estudo biblico 22
Estudo biblico 22
 
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter RestauradoJacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
 
Atlas Bíblico
Atlas BíblicoAtlas Bíblico
Atlas Bíblico
 
LBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadas
LBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadasLBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadas
LBA LIÇÃO 5 - As consequências das escolhas precipitadas
 
O livro de êxodo e o cativeiro de Israel no Egito
O livro de êxodo e o cativeiro de Israel no EgitoO livro de êxodo e o cativeiro de Israel no Egito
O livro de êxodo e o cativeiro de Israel no Egito
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
 
O espirito santo de deus
O  espirito  santo  de  deusO  espirito  santo  de  deus
O espirito santo de deus
 
Josue seminario 1
Josue seminario 1Josue seminario 1
Josue seminario 1
 
Panorama do AT - Oseias
Panorama do AT - OseiasPanorama do AT - Oseias
Panorama do AT - Oseias
 
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.
EBD CPAD lições bíblicas 1°trimestre 2016 lição 7 As bodas do Cordeiro.
 

Destaque

LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉLIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
Polícia Militar do Estado do Tocantins
 
Abraão
AbraãoAbraão
A promessa de Deus a Abraão
A promessa de Deus a AbraãoA promessa de Deus a Abraão
A promessa de Deus a Abraão
Cabralrocha
 
Abraão, homem de fé
Abraão, homem de féAbraão, homem de fé
Abraão, homem de fé
Detetive Biblico
 
A Promessa de Deus a Abrao
A Promessa de Deus a AbraoA Promessa de Deus a Abrao
A Promessa de Deus a Abrao
Cabralrocha
 
Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé
Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé
Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé
Regio Davis
 
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma PromessaLiçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Ev.Antonio Vieira
 
O deus de abraão
O deus de abraãoO deus de abraão
O deus de abraão
Ivan Monteiro
 
HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...
HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...
HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...
leitemel
 
Ventos e tempestades da vida
Ventos e tempestades da vidaVentos e tempestades da vida
Ventos e tempestades da vida
Luiz Carlos Dias
 
O Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hoje
O Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hojeO Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hoje
O Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hoje
IMQ
 
A provisão de deus no monte do sacrifício
A provisão de deus no monte do sacrifícioA provisão de deus no monte do sacrifício
A provisão de deus no monte do sacrifício
Pastor Juscelino Freitas
 
A Bíblia em Resumo
A Bíblia em ResumoA Bíblia em Resumo
A Bíblia em Resumo
Abdias Barreto
 
Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015
Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015
Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015
Gerson G. Ramos
 
ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
Flavio Luz
 
Lição 12 apresentação
Lição 12 apresentaçãoLição 12 apresentação
Lição 12 apresentação
Elson Juvenal Pinto Loureiro
 
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificaçãoRomanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Cleide Corrêa
 
A esperanca
A esperancaA esperanca
A esperanca
Fer Nanda
 
A bíblia em esboços Haroldo
A bíblia em esboços HaroldoA bíblia em esboços Haroldo
A bíblia em esboços Haroldo
♥Marcinhatinelli♥
 
380 abraão e o se sacrifício
380   abraão e o se sacrifício380   abraão e o se sacrifício
380 abraão e o se sacrifício
SUSSURRO DE AMOR
 

Destaque (20)

LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉLIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
 
Abraão
AbraãoAbraão
Abraão
 
A promessa de Deus a Abraão
A promessa de Deus a AbraãoA promessa de Deus a Abraão
A promessa de Deus a Abraão
 
Abraão, homem de fé
Abraão, homem de féAbraão, homem de fé
Abraão, homem de fé
 
A Promessa de Deus a Abrao
A Promessa de Deus a AbraoA Promessa de Deus a Abrao
A Promessa de Deus a Abrao
 
Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé
Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé
Lição 03 - Abraão, a Esperança do Pai da Fé
 
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma PromessaLiçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
 
O deus de abraão
O deus de abraãoO deus de abraão
O deus de abraão
 
HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...
HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...
HISTÓRIAS BÍBLICAS PARA CRIANÇAS - O LIVRO DE GÊNESISDisponível em: www.porta...
 
Ventos e tempestades da vida
Ventos e tempestades da vidaVentos e tempestades da vida
Ventos e tempestades da vida
 
O Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hoje
O Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hojeO Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hoje
O Deus de Abraão, de Isaque e Jacó é o mesmo hoje
 
A provisão de deus no monte do sacrifício
A provisão de deus no monte do sacrifícioA provisão de deus no monte do sacrifício
A provisão de deus no monte do sacrifício
 
A Bíblia em Resumo
A Bíblia em ResumoA Bíblia em Resumo
A Bíblia em Resumo
 
Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015
Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015
Lição orig abraão: o primeiro missionário 232015
 
ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
 
Lição 12 apresentação
Lição 12 apresentaçãoLição 12 apresentação
Lição 12 apresentação
 
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificaçãoRomanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
Romanos lição 4 - Abraão - Alcançado pela justificação
 
A esperanca
A esperancaA esperanca
A esperanca
 
A bíblia em esboços Haroldo
A bíblia em esboços HaroldoA bíblia em esboços Haroldo
A bíblia em esboços Haroldo
 
380 abraão e o se sacrifício
380   abraão e o se sacrifício380   abraão e o se sacrifício
380 abraão e o se sacrifício
 

Semelhante a Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé

E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03
E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03
E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03
Joel Silva
 
2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx
Joel Silva
 
LIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉLIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
Andrew Guimarães
 
liçao 3 Abraão, a esperança do pai da fé
 liçao 3  Abraão, a esperança do pai da fé liçao 3  Abraão, a esperança do pai da fé
liçao 3 Abraão, a esperança do pai da fé
antonio vieira
 
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da féLição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Ailton da Silva
 
A fé de abraão
A fé de abraãoA fé de abraão
A fé de abraão
Pr Pedro
 
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelaçãoLição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Ailton da Silva
 
As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016
As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016
As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016
Pr. Andre Luiz
 
2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx
Joel Silva
 
E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05
Joel Silva
 
Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
História patriarcal
História patriarcalHistória patriarcal
História patriarcal
UEPB
 
Qual a promessa feita a Abraão
Qual a promessa feita a AbraãoQual a promessa feita a Abraão
Qual a promessa feita a Abraão
Juraci Rocha
 
LBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deus
LBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deusLBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deus
LBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deus
Natalino das Neves Neves
 
Evangelização versus confiança
Evangelização versus confiançaEvangelização versus confiança
Evangelização versus confiança
Quenia Damata
 
Caminhando com fé
Caminhando  com  féCaminhando  com  fé
Caminhando com fé
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Entre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptx
Entre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptxEntre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptx
Entre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptx
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Lbj lição 4 adoração como cumprimento da vontade de deus
Lbj lição 4    adoração como cumprimento da vontade de deusLbj lição 4    adoração como cumprimento da vontade de deus
Lbj lição 4 adoração como cumprimento da vontade de deus
boasnovassena
 
1ª Aula.pdf
1ª Aula.pdf1ª Aula.pdf
1ª Aula.pdf
lindalva da cruz
 

Semelhante a Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé (20)

E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03
E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03
E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 03
 
2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 03.pptx
 
LIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉLIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
LIÇÃO 3 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ
 
liçao 3 Abraão, a esperança do pai da fé
 liçao 3  Abraão, a esperança do pai da fé liçao 3  Abraão, a esperança do pai da fé
liçao 3 Abraão, a esperança do pai da fé
 
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
 
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da féLição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé
 
A fé de abraão
A fé de abraãoA fé de abraão
A fé de abraão
 
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelaçãoLição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
 
As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016
As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016
As Consequências das Escolhas Precipitadas - Lição 5 - 4º Trimestre 2016
 
2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx
2016 4º trimestre adultos lição 05.pptx
 
E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05E.b.d   adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d adultos 4ºtrimestre 2016 lição 05
 
Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 5 As consequências das escolhas precipitadas.
 
História patriarcal
História patriarcalHistória patriarcal
História patriarcal
 
Qual a promessa feita a Abraão
Qual a promessa feita a AbraãoQual a promessa feita a Abraão
Qual a promessa feita a Abraão
 
LBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deus
LBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deusLBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deus
LBJ LIÇÃO 4 - Adoração como cumprimento da vontade de deus
 
Evangelização versus confiança
Evangelização versus confiançaEvangelização versus confiança
Evangelização versus confiança
 
Caminhando com fé
Caminhando  com  féCaminhando  com  fé
Caminhando com fé
 
Entre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptx
Entre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptxEntre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptx
Entre a benção e a maldição. estudo 28. part1pptx
 
Lbj lição 4 adoração como cumprimento da vontade de deus
Lbj lição 4    adoração como cumprimento da vontade de deusLbj lição 4    adoração como cumprimento da vontade de deus
Lbj lição 4 adoração como cumprimento da vontade de deus
 
1ª Aula.pdf
1ª Aula.pdf1ª Aula.pdf
1ª Aula.pdf
 

Mais de Natalino das Neves Neves

LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTOLIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
Natalino das Neves Neves
 
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
Natalino das Neves Neves
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na IgrejaPROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
Natalino das Neves Neves
 
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na IgrejaPRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
Natalino das Neves Neves
 
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoPreleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Natalino das Neves Neves
 
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoProjeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Natalino das Neves Neves
 
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
Natalino das Neves Neves
 

Mais de Natalino das Neves Neves (20)

LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
LIÇÃO 13_A santa Ceia, o amor e a ressurreição (I Co 11-15)
 
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
LIÇÃO 12 - Da circuncisão e dos alimentos sacrificados aos ídolos (1 Co 7-8)
 
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
LIÇÃO 11 - Paulo responde questões a respeito do casamento (1 Co 7)
 
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTOLIÇÃO 10 -  SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
LIÇÃO 10 - SEU CORPO É MEMBRO DE CRISTO
 
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOSLIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
LIÇÃO 9 - PAULO CENSURA A CONTENDA ENTRE IRMÃOS
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 8 -  A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 8 - A IMPUREZA DA IGREJA DE CORINTO
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PROJEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTOPRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
PRELEÇÃO_LIÇÃO 7 – É DEUS QUE DÁ O CRESCIMENTO
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PRELEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
 
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOSPROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
PROJEÇÃO_LIÇÃO 6 - A IMATURIDADE ESPIRITUAL DOS CORÍNTIOS
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULOPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 5 - O CARÁTER DA PREGAÇÃO DE PAULO
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PROJEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_JOVENS_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na IgrejaPROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
PROJEÇÃO_JOVENS_LIção 3 - Divisões na Igreja
 
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na IgrejaPRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
PRELEÇÃO_JOVENS_Lição 3 - Divisões na Igreja
 
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoPreleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Preleção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de CorintoProjeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
Projeção_2021 2 tri_lbj_licao_2_Ação de Graças pela Igreja de Corinto
 
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
2021 2 tri_lbj_licao_1_prelecao
 

Último

Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Mary Alvarenga
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
ILDISONRAFAELBARBOSA
 
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
jbellas2
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
cmeioctaciliabetesch
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt
.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt
.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt
IslanderAndrade
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
DanielCastro80471
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 

Último (20)

Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
 
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
 
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdflivro ciclo da agua educação infantil.pdf
livro ciclo da agua educação infantil.pdf
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt
.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt
.Template .padrao .slides .TCC .2024 ppt
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdfEspecialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
Especialidade - Animais Ameaçados de Extinção(1).pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 

Lição 3 - Abraão, a esperança do pai da fé

  • 1.
  • 2.
  • 3. TEXTO AÚREO "Pela fé, Abraão, sendo chamado, obedeceu, indo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia." (Hb 11.8)
  • 4. VERDADE PRÁTICA A fé que Abraão tinha em Deus fez com que ele vencesse todos os obstáculos em sua caminhada.
  • 6. 1 - Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, e da tua parentela, e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. 2 - E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome, e tu serás uma bênção. 3 - E abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra. 4 - Assim, partiu Abrão, como o SENHOR lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de setenta e cinco anos, quando saiu de Harã. 5 - E tomou Abrão a Sarai, sua mulher, e a Ló, filho de seu irmão, e toda a sua fazenda, que haviam adquirido, e as almas que lhe acresceram em Harã; e saíram para irem à terra de Canaã; e vieram à terra de Canaã. 6 - E passou Abrão por aquela terra até ao lugar de Siquém, até ao carvalho de Moré; e estavam, então, os cananeus na terra. 7 - E apareceu o SENHOR a Abrão e disse: À tua semente darei esta terra. E edificou ali um altar ao SENHOR, que lhe aparecera. 8 - E moveu-se dali para a montanha à banda do oriente de Betel e armou a sua tenda, tendo Betel ao ocidente e Ai ao oriente; e edificou ali um altar ao SENHOR e invocou o nome do SENHOR. 9 - Depois, caminhou Abrão dali, seguindo ainda para a banda do Sul. 10 - E havia fome naquela terra; e desceu Abrão ao Egito, para peregrinar ali, porquanto a fome era grande na terra.
  • 8. INTRODUÇÃO • Nesta lição estudaremos a respeito da chamada de Abraão e a provisão em sua vida, alcançada por meio da fé nas promessas de Deus. • Ter fé não significa que não teremos obstáculos em nossa marcha. Mas, sem fé não é possível transpor as barreiras. • Quem consegue transformar as crises em oportunidade terá sua fé fortalecida e experiências cada vez maior com o Deus de toda a provisão.
  • 9. PONTO CENTRAL A fé de Abraão fez com que ele vencesse obstáculos.
  • 10. I - PROVISÃO DIVINA EM UM MUNDO CAÓTICO
  • 11. 1. Um projeto divino • Deus tinha um projeto para resgatar a humanidade em pecado e Abraão fazia parte desse projeto. • Abraão seria uma bênção para todas as nações da terra e não somente para Israel (Gn 12.1-3). • A fé de Abraão seria um modelo para a fé cristã (Gn 15.6; Rm 4; Gl 3.8). AP – Você sabe qual o projeto que Deus tem para sua vida?
  • 12. 2. O desafio de acreditar no projeto divino • Abraão foi desafiado a crer e obedecer, embora não conhecesse todo o projeto que Deus tinha para sua vida. • Uma das maiores dificuldades humanas é acreditar naquilo que não se vê. • Abraão é um perfeito modelo de como ter fé nas promessas de Deus, mesmo que humanamente não se possa vislumbra-la. • Segundo Lawrence Richards, "o exame à vida de Abraão nos dá ideias que podem transformar a nossa própria caminhada com Deus". AP – Você tem confiado nas promessas de Deus?
  • 13. SÍNTESE DO TÓPICO I Deus escolheu e chamou Abraão para um grande projeto.
  • 14.
  • 15. II - A PROVISÃO DE DEUS
  • 16. 1. Abraão sai da sua terra (Gn 12.4-8) • Abraão saiu da sua terra, Ur dos Caldeus e foi para Harã, acompanhando seu pai e levando consigo sua família e seu sobrinho, Ló. • Abraão não era perfeito, assim como nós, porém confiava que Deus estaria com ele em sua caminhada. • Deus reafirma suas promessas a Abraão algumas vezes. • Nesta terra "de leite e mel" não lhe faltou oposição. As promessas de Deus não são garantia de que não enfrentaremos crises, dificuldades e oposição. • Quando chega em Betel edifica um altar à Deus (Gn 12.8). Essa prática se torna comum na vida do patriarca. AP – Você tem obedecido o ide de Deus?
  • 17. 2. Abraão enfrenta escassez em Canaã (Gn 12.9,10) • Uma das provações de Abraão foi a fome enquanto estava em Canaã, a terra prometida. Devido à fome, Abraão foi para o Egito. • No Egito, por pouco não perdeu sua esposa, pois, com medo, mentiu dizendo que Sara era sua irmã. • Em nossa jornada também somos passíveis de cometer erros. Quando erramos só nos resta uma alternativa: arrependimento e confissão do pecado (1 Jo 1.9). • Deus não desistiu de seu plano para com Abraão. AP – você pensa que Deus desistiu de você devido aos seus erros? Deus não desistiu de você!
  • 18. 3. Abraão enfrenta a esterilidade de sua esposa • Deus havia prometido que Abraão teria uma família numerosa, porém ele já estava com quase 100 anos, e não tinha herdeiros. • Esperar o tempo de Deus nem sempre é fácil. • As Escrituras Sagradas afirmam que a "esperança demorada enfraquece o coração, mas o desejo chegado é árvore de vida" (Pv 13.12). • Quando todas as possibilidades humanas se esgotaram na vida de Abraão e Sara, Deus operou um milagre. Para Deus não existe impossível! AP – Você crê no Deus do impossível?
  • 19. SÍNTESE DO TÓPICO II A provisão de Deus pode ser vista em cada fase da vida de Abraão.
  • 20. III - AS PROMESSAS DE DEUS NA VIDA DE ABRAÃO
  • 21. 1. "Far-te-ei uma grande nação e abençoar-te-ei" • Deus prometeu que a família de Abraão seria numerosa. • A obediência e a confiança em Deus nos fazem vencer as adversidades. • Muitos querem as promessas do Pai, mas não querem trilhar o caminho da obediência. • A desobediência nos impede de receber as bênçãos divinas. • Abraão conhecia ao Senhor a ponto de ter sido chamado amigo de Deus. Não há nada melhor do que uma vida de comunhão e intimidade com Deus (maior riqueza de Abraão). AP – Você está caminhando no caminho da obediência?
  • 22. 2. "Engrandecerei o teu nome" • O nome do patriarca Abraão é reverenciado no judaísmo, cristianismo e islamismo. Dele descendem dois povos: árabes e judeus. • Vivemos em uma sociedade imediatista, onde as pessoas acham que esperar é perder tempo. • Mas na vida espiritual, tudo acontece no tempo de Deus. • Abraão confiou, obedeceu e foi honrado pelo Senhor. AP – Você tem aprendido esperar em Deus?
  • 23. 3. "Em ti serão benditas todas as famílias da terra" • Jesus, o Salvador, nasceu em Belém e descendia de Abraão, pai de todos os judeus. • A vinda de Jesus fora predita nessa promessa feita a Abraão. • Em Jesus Cristo, todas as famílias da terra são benditas, pois seu sacrifício na cruz é suficiente para salvar tanto judeus como gentios. AP – Você se considera uma pessoa abençoada em Cristo jesus?
  • 24. SÍNTESE DO TÓPICO III As promessas de Deus na vida de Abraão foram muitas e o Senhor cumpriu todas elas
  • 26. CONSIDERAÇÕES FINAIS Nesta lição nós aprendemos que: 1. Por amor ao projeto de salvação da humanidade, Deus fez cumprir o projeto na vida de Abraão. 2. Mesmo com as falhas de Abraão, Deus em sua misericórdia cumpriu suas promessas em sua vida. 3. A sociedade atual é imediatista, mas o cristão deve aprender esperar o tempo de Deus, a exemplo de Abraão.
  • 27. REFERÊNCIAS ANDRADE, Claudionor Corrêa de. Dicionário Bíblico Teológico. 8ª ed. Rio de Janeiro: CPAD, 1999. AYRES, Antônio Tadeu. Reflexos da Globalização sobre a Igreja: Até que ponto as últimas tendências mundiais afetam o Corpo de Cristo? Rio de Janeiro: CPAD, 2001. BÍBLIA DE ESTUDO APLICAÇÃO PESSOAL. Rio de Janeiro: CPAD, 2003. CABRAL, Elienai. Abraão: As experiências de nosso pai na fé. Rio de Janeiro: CPAD, 2002 COMENTÁRIO BÍBLICO BEACON. Vol 1. Rio de Janeiro: CPAD, 2005. LIÇÕES BÍBLICAS ADULTOS - PROFESSOR. O Deus de toda provisão: esperança e sabedoria divina para a igreja em tempos de crise. Comentarista Elienai Cabral. 4º Trim. Rio de Janeiro: CPAD, 2016. CABRAL, Elienai. O Deus de toda provisão: esperança e sabedoria divina para a igreja em tempos de crise. Rio de Janeiro: CPAD, 2016. RICHARDS, Lawrence O. Guia do Leitor da Bíblia: Uma análise de Gênesis a Apocalipse capítulo por capítulo. 10ª ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2012
  • 28. Pr. Natalino das Neves www.natalinodasneves.blogspot.com.br Facebook: www.facebook.com/natalino.neves Contatos: natalino6612@gmail.com (41) 8409 8094 (TIM)